Página 1 dos resultados de 8525 itens digitais encontrados em 0.015 segundos

A simbolização nas imagens poéticas de Cecília Meireles e Sophia de Mello Breyner Andresen: tempo e espaço; Cecília Meireles and Sofia de Mello Breyner: philosophical reflections about the time and their relations with the space

Rezende, Jussara Neves
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/04/2006 PT
Relevância na Pesquisa
46.2%
Numa mesma época marcada por reflexões filosóficas sobre o tempo e suas relações com o espaço, Cecília Meireles e Sophia de Mello Breyner Andresen entregaram ao mundo os seus primeiros escritos poéticos, nos quais revelam que essas mesmas reflexões não se distanciam da poesia. Ao contrário, num espaçotempo caracterizado pela transitoriedade das coisas, a poesia se apresenta como forma de equilíbrio em meio à passagem, evitando a total dispersão do ser. Assim sendo, nossa análise procura focalizar as formas que espaço e tempo assumem na poesia de ambas as escritoras, investigando a possibilidade desses "cronotopos" servirem à revelação da experiência humana no tempo e no espaço.; In a same age marked by philosophical reflections about the time and their relations with the space, Cecília Meireles and Sofia de Mello Breyner Andresen handed over to the world their first poetic pieces of writing, in which they reveal that those same reflections is not far from poetry. The other way round, in a space-time characterized by the transiency of things, the poetry shows itself as a way of balance in the middle of the passage, avoiding the total being's dispersion. This being the case, our analysis tries to focus the forms that space and time take on the poetry of both writers...

Tempo, espaço e autoconsciência: a construção da identidade em Ensaio sobre a cegueira; Time, space and selfconsciousness: the identity construction in ' Ensaio sobre a cegueira'

Silva, Angela Ignatti
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.24%
No capítulo denominado "Formas de tempo e de cronotopo no romance (Ensaios de poética histórica)", de sua obra Questões de Literatura e de Estética (A Teoria do Romance), Mikhail Bakhtin utiliza-se do termo cronotopo para referir-se à indissolubilidade de espaço e de tempo na literatura, uma vez que considera este como a quarta dimensão daquele. O presente trabalho tem como objetivo o exame dos cronotopos no romance Ensaio sobre a Cegueira, de José Saramago, desenvolvido mediante o estudo do manicômio, das ruas, das casas, entre outros. Os cronotopos nesta obra subvertem a relação tradicional entre tempo e espaço, constituindo um mundo invertido em sua totalidade. Por meio dos cronotopos poderemos adentrar o campo da autoconsciência das personagens, o qual revela a ampliação do âmbito de visão delas sobre si mesmas e sobre os outros. Tal ampliação implica o dialogismo e a equiparação das vozes dos protagonistas que empreenderão uma jornada rumo à comunhão e à solidariedade. A autoconsciência desemboca na questão da construção da identidade que descortina a imagem do homem contemporâneo, cindido, em conflito com seu tempo e seu espaço.; In the chapter named "Formas de tempo e de cronotopo no romance (Ensaios de poética histórica)"...

Jorge Andrade: um dramaturgo no espaço-tempo; Jorge Andrade: a dramatist in the spacetime

Rahal, Carlos Antonio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.27%
Um modelo de análise dramatúrgica baseado no conceito físico do espaçotempo, como formulado por Hermann Minkowski é aqui apresentado. O objetivo é encontrar esse modelo, de modo a compreender como certas dramaturgias contemporâneas rompem as convenções de tempo e espaço e emulam a imprecisão da memória. Secundariamente, deseja-se verificar sua aplicabilidade na encenação das peças. O ponto de partida teórico foi a Teoria da Relatividade Restrita de Albert Einstein, que contempla a idéia de espaço-tempo - que, também, foi explorado neste estudo sob o necessário ponto de vista filosófico de Henri Bergson. Foram analisados os textos das dez peças que compõem o ciclo Marta, a Árvore e o Relógio, de Jorge Andrade. Incluíram-se também observações de montagens de peças do ciclo Marta, todas realizadas em São Paulo. Conclui-se que o conceito de espaço-tempo encontra utilidade especialmente na exegese de peças que se estruturam em planos narrativos cujos acontecimentos se sucedem de forma simultânea e/ou não cronológica, e em espaços que se interpenetram. Porém, não foi possível verificar a aplicação intencional do espaço-tempo em encenações. No máximo, pode-se afirmar que as indicações (rubricas) que Jorge Andrade incluiu nos textos...

Epistemologia e cultura no ensino de física: desvelando os conceitos de tempo e espaço; EPISTEMOLOGY AND CULTURE IN PHYSICS TEACHING: UNVEILING THE CONCEPTS OF TIME AND SPACE

Souza, Paulo Henrique de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.15%
Este trabalho tem por objetivo principal investigar a relação entre epistemologia e cultura no ensino de física. Para isso, estudamos dois conceitos de base, tempo e espaço, nos seus aspectos multiconceituais e culturais. Como referência para esse estudo, utilizamos as noções de perfil e obstáculo epistemológico propostas pelo epistemólogo francês Gaston Bachelard. Em sua obra A filosofia do Não, ao propor e analisar seu perfil epistemológico do conceito de massa, Bachelard utiliza, nas explicações das diferentes escolas filosóficas que o formam, elementos próprios da sua cultura como, por exemplo, a conduta da balança, identificada com o seu trabalho nos correios e no laboratório de química. No entanto, não se aprofunda nem define a noção de cultura que utiliza. Sendo assim, adotamos a ação cultural freireana como o nosso referencial cultural, pois entendemos que a cultura como criação humana nos possibilita uma análise do perfil epistemológico mais ajustada com a proposta bachelardiana. Além disso, os níveis de consciência apresentados por Freire são referência para a nossa análise da presença da física na cultura, algo que também está em nosso objetivo. O estudo empírico, que tem na construção do instrumento de coleta de dados um dos nossos desafios...

Da escola do hardware para a escola do software : o processo educativo sob a lógica da compressão do tempo e do espaço

Conforto, Débora
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.31%
A presente pesquisa aborda os movimentos desencadeados na instituição escolar com a chegada dos ambientes informatizados nas escolas da rede municipal de Porto Alegre, tendo como interface de investigação as categorias de tempo e de espaço. Problematizo a relação escolarizaçãotecnologia no contexto de um cenário social que emerge na hegemonia tecnológica digital das redes de informação e comunicação, para que se tornem evidentes as configurações de tempo e de espaço forjadas no palco de uma proposta de organização da escola pública municipal que, ao reorganizar tempo e espaço escolares, marca a saída do modelo da escola seriada e a entrada da escola por ciclos de formação e autoriza uma forma de escolarização que coloca de forma oficial a materialidade e os saberes da informática educativa na rede de ensino municipal de Porto Alegre. Sob a lógica de uma perspectiva de investigação histórica e cultural, desnaturaliza-se a inserção da informática no tempo e no espaço ao considerá-la como não-imune aos efeitos do contemporâneo fenômeno de compressão do tempo e do espaço. Percorrendo as diferentes experiências espaço-temporais e as configurações assumidas pela sociedade ocidental, ganham visibilidade formas de escolarização que...

Tempos e espaços vividos : a produtividade das configurações espaço-temporais a partir do cotidiano de um laboratório de pesquisa; Time and space lived: the productivity of space-time configurations from the routine of a research laboratory

Susin, Loredana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.36%
Nesta Tese de Doutorado, procuro conhecer e entender o funcionamento das configurações espaço-temporais exercidas em um laboratório de pesquisa em bioquímica, visando mostrar seus possíveis efeitos nos processos que constituem as subjetividades. O entendimento de tempo e espaço como categorias socialmente construídas levou-me a buscar compreender os processos sócio-históricos relacionados à sua construção. Inicialmente, apresento o olhar histórico que empreendi com a finalidade de mostrar a emergência das categorias tempo e espaço, entendidas como noções constitutivas de modos de pensar o mundo e a si mesmo. Com esse olhar, busco compreender as implicações dessas categorias na vida das pessoas em diferentes épocas. Para tanto, revisito alguns momentos históricos, desde a Antigüidade até a contemporaneidade, mostrando as compreensões, as necessidades e as estratégias relacionadas ao tempo e ao espaço, marcando continuidades e descontinuidades nesses períodos. A partir dessas reflexões, procuro tornar visíveis o caráter construído dessas noções e o funcionamento das configurações espaço-temporais, assim como chamar a atenção para possíveis efeitos na vida das pessoas. No segundo momento, trago as discussões e as análises do percurso investigativo desta Tese...

Cultura organizacional, lugar e memória : representações de espaço e tempo em dois restaurantes em Porto Alegre

Fantinel, Letícia Dias
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.23%
Este estudo busca desvendar aspectos da cultura organizacional de dois restaurantes pertencentes à mesma rede, compreendendo sua dimensão simbólica através de representações de espaço e tempo, e desenvolvendo comparações acerca de suas semelhanças e diferenças. Em virtude da complexidade do tema, foram utilizados aportes teóricos da Antropologia e outras ciências humanas. Partese do pressuposto de que a compreensão das representações sociais pode servir de fundamento para a interpretação do universo simbólico organizacional. Sob essa ótica, a adaptação dos modelos de gestão à cultura organizacional é uma maneira de gerarem-se ações administrativas que respondam às necessidades organizacionais. Uma das organizações localiza-se no centro histórico da capital gaúcha (Chalé da Praça XV, um espaço antigo, anteriormente valorizado e hoje um tanto degradado sob vários aspectos), e a outra, em um shopping center (Bistrô do shopping, relativamente distante do centro, área privada, mais valorizada pela população). O método etnográfico foi utilizado na identificação das representações que circulam nos dois espaços. As visitas foram realizadas em iguais períodos de tempo em ambos os restaurantes...

Tempo e espaço na contemporaneidade : uma análise a partir de uma revista popular de negócios

Frezza, Marcia; Grisci, Carmem Ligia Iochins; Kessler, Cristiano Keller
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.2%
A humanidade vive contínuas transformações no que diz respeito às formas de experimentar o tempo – cada vez mais acelerado – e o espaço – cada vez mais flexibilizado. Esse artigo é resultado de uma pesquisa exploratória de enfoque qualitativo que buscou apontar como a compressão espaciotemporal se efetiva a partir de indicadores dos modos de trabalhar e de viver contemporâneos, veiculados numa revista popular de negócios, no período de julho de 2005 a junho de 2006. Conceitos desenvolvidos por Bauman, Harvey e Virilio, em especial, mostraramse profícuos à análise do objeto de estudo. Dentre os resultados observados, destaca-se o uso intenso de tecnologias da informação, que contribui para a percepção de se estar ininterruptamente conectado, de não haver barreiras ou distâncias intransponíveis. A relação funcionário-empresa se transforma em relações pessoais e com elas se confunde. A distinção entre tempo e espaço de trabalho e tempo e espaço de família/lazer se mostra fragilizada. Os modos de trabalhar na contemporaneidade impõem padrões de autogestão para lidar com os fluxos acelerados. A era da compressão espaciotemporal mostra-se um contexto que gera diferentes impressões, sofrimentos e incertezas.; Humanity has undergone constant changes that relate to the ways people experience time – more and more accelerated – and space – more and more flexible. This article is a result of an exploratory study with a qualitative focus that seeks to comprehend how the time-space compression operates. For the analysis...

Teorias de espaço-tempo e leis de conservação

Quintino Augusto Gomes de Souza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/07/1987 PT
Relevância na Pesquisa
46.22%
O objetivo deste trabalho é o estudo das leis de conservação nas teorias de espaço-tempo clássicas, que essencialmente constituem-se da física de Galileu e Newton e da física de Lorentz e Einstein. No decorrer do primeiro capítulo é desenvolvido o formalismo matemático com o qual os problemas da lei de conservação é tratado nos capítulos subsequente. Muito provavelmente o material aí contido seja excessivo se comparado ao que efetivamente utilizamos posteriormente. Entretanto, tem-se nele uma síntese de quase tudo que foi estudado de matemática durante o curso de mestrado e julgamos ser de interesse deixar isto registrado aqui. Dedicamo-nos no segundo capítulo a estabelecer a estrutura do universo segundo a teoria de Newton e Einstein, mas mais voltados para a física newtoniana cujo a formulação como uma teoria do espaço-tempo é menos conhecida. Aliás, gostaríamos de ter discutido ainda mais profundamente a física newtoniana, principalmente no que concerne a recuperação do formalismo original de Newton e Leibniz (a física newtoniana no triespaço) e à formalização da dinâmica lagrangeana. Isto infelizmente não foi possível, (estranhamente...) devido à falta de tempo e espaço e mesmo porque isto nos desviaria da nossa meta. Assim...

Tempo e espaço entre os Tupiniquim

Sandro Jose da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2000 PT
Relevância na Pesquisa
56.15%
Tempo e Espaço entre os Tupiniquim apresenta os resultados de uma pesquisa antropológica feita entre os índios Tupiniquim do litoral Norte do Estado do Espírito Santo, Brasil, entre os anos de 1998 e 1999. Seu objetivo principal é o de apresentar uma trama social e histórica que levou os Tupiniquim a constituir uma Área Indígena a partir da sua organização social e da concepção espacial e territorial. O trabalho se desenvolve a partir do estabelecimento de um conjunto de atores sociais no tempo e no espaço, índios e não índios, que tomam a deftnição de um território específico - fruto de extensas negociações, interpretações e disputas políticas -, busca interpretar o sentimento de pertença e identidade dos Tupiniquim a um território específico e aponta o sentido em que a temporalidade é construída enquanto categoria social; Time and space among Tupiniquim presents the results of an anthropologícal research done among the lndians Tupiniquim of the coast North of Espírito Santo State, Brazil, among the years of 1998 and 1999.Your main objective is it of presenting a social and historical plot that took Tupiniquim to constitute an lndigenous Area starting from your social organization and of the space and territorial conception. The work grows starting fram the establishment of a group of social actors in the time and in the space...

Espaço para o tempo livre : considerações sobre lazer e apropriação do espaço urbano no Parque do Ibirapuera; Space for free time : considerations about leisure and appropriation of urban space in the Ibirapuera Park

Paulo Cezar Nunes Junior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
46.18%
Este estudo apresenta as discussões sobre lazer e apropriação do espaço travadas a partir das trinta e oito visitas feitas ao Parque do Ibirapuera, na cidade de São Paulo, durante o ano de 2008. Por meio do método de pesquisa qualitativo, procurei entender os usos de alguns espaços deste parque pelos sujeitos (especialmente na marquise e na pista central) com foco nas suas práticas de lazer. Esta relação permitiu a discussão de conceitos como lazer e tempo livre, espaço liso e apropriado, aceleração da sociedade e encurtamento do espaço, oásis e subversão. Como avanço para o tema tratado nesta pesquisa, proponho a expressão "espaço para o tempo livre", entendendo-o como canal que conduz o sujeito à liberdade; This study presents the discussion about leisure and appropriation of space made from thirtyeight visits to the Ibirapuera Park during 2008. Through the method of qualitative research, I tried to understand the uses of certain areas of this park by individuals (especially in the marquise and the central lane) with special interest on their practice of leisure. This relationship allowed the discussion of concepts such as leisure and free time, smooth space and appropriate space, society acceleration and shortening of the space...

Propostas para modelagem computacional de series temporais e de sistemas multivariaveis variantes no tempo no espaço de estado; Proposals for computer modelling of multivariable non-stationary time series and systems in the state space

Johanna Belen Tobar Quevedo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
56.15%
O objetivo principal deste trabalho é propor algoritmos para identificação de series temporais e de sistemas lineares multivariáveis estocásticos variantes no tempo no espaço de estado. Para isto primeiramente investigamos fundamentos teóricos, apresentando alguns conceitos básicos de series temporais, sistemas, elementos de identificação, modelos no espaço de estado e identificação variante no tempo. Dois algoritmos são propostos, analisados e implementados, o que chamamos MOESP-AOKIVAR baseado no MOESP (Multivariable Output-Error State space) e o que chamamos AOKI-VAR baseado no algoritmo proposto por Masanao Aoki. Os algoritmos são avaliados sobre "benchmarks". Finalmente exemplos são apresentados bem como discussões sobre validação, previsão e modelagem de séries temporais e a modelagem de sistemas multivariáveis estocásticos variantes no tempo, esperando contribuir no estudo deste tipo de sinais e sistemas.; The main objective of this work is to propose algorithms for identifying non-stationary time series and multivariable time-varying linear stochastic systems in the state space. In order first to do this we investigate theoretical foundations, presenting some basic concepts of time series, systems, identification elements...

O uso do tempo e do espaço pelos idosos da Ameixoeira

Paiva, Daniel
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.24%
Num contexto em que o envelhecimento populacional é uma realidade efetiva nas cidades europeias, importa estudar os quotidianos da população idosa de modo a perceber como podemos preparar a cidade do Século XXI para os desafios que esta mudança social apresenta. Nesse sentido, este estudo teve como objetivo central detalhar o uso do espaço e do tempo dos idosos da Ameixoeira e identificar os principais constrangimentos que estão a impedir a qualidade de vida na idade idosa. Para tal, tomou-se como caso de estudo a freguesia da Ameixoeira, em Lisboa. Esta carateriza-se por ser um espaço dual e fragmentado na periferia do município, sendo um caso paradigmático da organização espacial da cidade contemporânea. Realizaram-se 25 diários semanais com idosos e 8 entrevistas em profundidade sobre o uso do tempo e do espaço, as atividades conduzidas e a ligação aos lugares da Ameixoeira. Realizou-se também observação direta por um período prolongado, durante o qual se empreenderam vários levantamentos sobre o espaço urbano e se procedeu ao registo fotográfico. Os resultados do estudo ilustram como os idosos da Ameixoeira organizam o seu quotidiano, que atividades realizam, que espaços usam e em que alturas. Foi também possível identificar um conjunto de constrangimentos tempo-espaço que afetam a qualidade de vida dos idosos da Ameixoeira. As conclusões da investigação permitem compreender como os idosos gerem as suas espacialidades e temporalidades particulares num contexto sócio geográfico marcado pela fragmentação e hipermobilidade.; Abstract: In a context where population aging is an effective reality in the European cities...

Tempo e espaço na contemporaneidade: uma análise a partir de uma revista popular de negócios

Frezza,Marcia; Grisci,Carmem Ligia Iochins; Kessler,Cristiano Keller
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.2%
A humanidade vive contínuas transformações no que diz respeito às formas de experimentar o tempo - cada vez mais acelerado - e o espaço - cada vez mais flexibilizado. Esse artigo é resultado de uma pesquisa exploratória de enfoque qualitativo que buscou apontar como a compressão espaciotemporal se efetiva a partir de indicadores dos modos de trabalhar e de viver contemporâneos, veiculados numa revista popular de negócios, no período de julho de 2005 a junho de 2006. Conceitos desenvolvidos por Bauman, Harvey e Virilio, em especial, mostraram-se profícuos à análise do objeto de estudo. Dentre os resultados observados, destaca-se o uso intenso de tecnologias da informação, que contribui para a percepção de se estar ininterruptamente conectado, de não haver barreiras ou distâncias intransponíveis. A relação funcionário-empresa se transforma em relações pessoais e com elas se confunde. A distinção entre tempo e espaço de trabalho e tempo e espaço de família/lazer se mostra fragilizada. Os modos de trabalhar na contemporaneidade impõem padrões de autogestão para lidar com os fluxos acelerados. A era da compressão espaciotemporal mostra-se um contexto que gera diferentes impressões, sofrimentos e incertezas.

O tempo-espaço: ficção, teoria e sociedade

Vieira,Euripedes Falcão
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
46.3%
Este artigo apresenta reflexões sobre o tempo-espaço em três atos: a ficção, a teoria e a sociedade. No primeiro ato narra-se uma reunião que acontece na Estação Espacial Y-7 sobre o fenômeno da vida, contextualizado em duas teorias: a vida como fator do universo e a vida como fenômeno posterior. No segundo ato descreve-se o tempo e o espaço como uma unidade - tempo-espaço - e se oferece alguns elementos para sua compreensão. No terceiro ato analisa-se a relação do tempo-espaço com os fenômenos sociais e organizacionais e argumenta-se que na ruptura paradigmática na concepção de tempo e espaço ocorrida no campo da física e que se refletiu na ordem social, abriu novas perspectivas à organização da sociedade, aos comportamentos individuais e coletivos e aos novos parâmetros culturais. Talvez o que melhor definirá o processo de transformação da sociedade nas próximas décadas será uma permanente evolução, sem transição, uma sucessão contínua de tecnologias, comportamentos e modos de vida, numa palavra, de tempo-espaço sempre novo.

A construção de um quadro analítico sobre as significações de espaço no contexto das mudanças organizacionais

Silva,José Roberto Gomes da; Wetzel,Ursula
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.21%
Tempo e espaço são conceitos que estão na essência da construção da vida em sociedade e da própria constituição do ser. Na visão de autores como Giddens (1984) e Lefebvre (1991), a tradição sociológica tem, no entanto, dedicado maior atenção aos aspectos temporais da realidade social, relegando o espaço a um papel secundário. Este artigo se propõe a analisar como a noção de espaço e a dinâmica de sua produção influenciam a maneira como os indivíduos percebem as mudanças organizacionais, partindo da premissa de que as significações espaciais afetam a construção de suas identidades e suas possibilidades de subjetivação. O estudo faz parte de uma linha de pesquisa interinstitucional cujo objetivo é compreender a influência de tempo e espaço na produção da realidade organizacional e nos sentidos do trabalho. Os resultados, baseados nas experiências de 133 indivíduos em oito diferentes organizações, revelam que as mudanças são por eles percebidas e sentidas em termos das transformações que provocam nas práticas espaciais, nas representações de espaço e no espaço representacional, categorias apontadas por Lefebvre (1991) como fundamentais para que se compreenda a produção do espaço social. Nas conclusões...

Representações de tempo e de espaço escolar da música na rede pública de ensino

Teixeira, Walmir Marcelino
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.25%
Resumo: A presente pesquisa propõe-se a estudar a educação musical na perspectiva inclusiva, no contexto de políticas públicas globais que influenciam a definição do tempo e do espaço escolar da educação musical em práticas de ensino e aprendizado regionais e locais. O ponto de partida foi a relação entre as políticas públicas em nível nacional e regional que tratam da educação, educação musical e educação na perspectiva inclusiva fundamentadas na legislação, e as orientações e instruções dos órgãos oficiais da administração pública federal e estadual da educação. A educação musical deve contribuir para a função social da escola de ensino básico que é oferecer acesso aos conceitos científicos fundamentais para o desenvolvimento do sujeito visando a sua formação integral e o pleno exercício da cidadania. Para atingir ao propósito deste trabalho, considerou-se o estudo de casos múltiplos (multicaso) o mais adequado. Assim, esta pesquisa multicaso englobou três situações de pesquisa que estudaram o tempo e espaço escolar da educação musical na rede pública de ensino. A pesquisa multicaso vincula-se à pesquisa de estudo de caso como caminho de investigação empírica cujo foco principal está no tópico do esclarecimento de decisão ou conjunto de decisões: o motivo...

Terra e mar, do viver e do trabalhar na pesca marítima : tempo, espaço e ambiente junto a pescadores de São José do Norte-RS

Adomilli, Gianpaolo Knoller
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.07%
Este estudo antropológico trata do universo cultural do trabalho na pesca marítima, em águas salgadas, através de uma experiência etnográfica junto a pescadores de São José do Norte, município situado no sul do Brasil, entre a Lagoa dos Patos e o Oceano Atlântico. A pesquisa de campo foi pautada pela procura em dar sentido às ações e narrativas dos pescadores, sobretudo no que se refere às dimensões de tempo e espaço que orientam o viver entre a terra e o mar. Tais narrativas revelam a problemática acerca da dinamicidade do modo de vida, da questão ambiental e da condição de vulnerabilidade dos pescadores enquanto categoria social, analisadas sob o enfoque da memória e do imaginário em relação a configuração local.; This anthropological study deals with cultural meaning of maritime fishing, in salty waters; through an ethnographic experience with the fishermen of São José do Norte, town situated in South of Brazil between the Lagoon (Lagoa dos Patos) and the Atlantic Ocean. The field research was conduced aiming at attribute meaning to the fishermen's narratives and actions, especially focuses on their spatial-temporal dimension that guide life between land and sea. Such narratives revealed the problematic of fishermen's life-style dynamics...

Espaço para o tempo livre. Considerações sobre lazer e apropriação do espaço urbano no Parque do Ibirapuera

Nunes Junior, Paulo Cezar
Fonte: LICERE - Revista do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer Publicador: LICERE - Revista do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 20/03/2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.18%
Este estudo apresenta as discussões sobre lazer e apropriação do espaço travadas a partir das trinta e oito visitas feitas ao Parque do Ibirapuera, na cidade de São Paulo, durante o ano de 2008. Por meio do método de pesquisa antropológico, procurei entender os usos de alguns espaços deste parque pelos sujeitos (especialmente na marquise e na pista central) com foco nas suas práticas de lazer. Esta relação permitiu a discussão de conceitos como lazer e tempo livre, espaço liso e apropriado, aceleração da sociedade e encurtamento do espaço, oásis e subversão. Como avanço para o tema tratado nesta pesquisa, proponho a expressão “espaço para o tempo livre”, entendendo-o como canal que conduz o sujeito à liberdade.

Time and space of physical education in schools city network; O tempo e o espaço da educação física em escolas da rede municipal de Guarani das Missões/RS

Araújo, Samuel Nascimento de; Prefeitura Municipal de Guarani das Missões (RS) E. M. E. F. SÃO JOSÉ E. M. E. F. CLEMENTE SOLTIS TEMPO INTEGRAL GIEF - GRUPO INTERDISCIPLINAR EM EDUCAÇÃO FÍSICA
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 05/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
56.1%
This study aims to identify and analyze the possibilities of demonstrations, their time,space and didactic-pedagogic available in school physical education classes, as well asthe activities developed in the opposite shift to school, for both were made systematicobservations of lessons and extracurricular sports activities. The schools are chosen withthe municipal very distinct realities. We believe our findings after being in a reality thatconstitutes a significant importance on the role of the Physical Education curriculumcomponent in school and their contributions to the formation of a human being that willplay in your life the most varied representations of body culture purposes maintenanceof their quality of life.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-8042.2012v24n39p25Este estudo tem como finalidade verificar e analisar as possibilidades de manifestações, seu tempo, espaço e materiais didático-pedagógicos disponíveis nas aulas de Educação Física escolar, bem como das atividades desenvolvidas no turno inverso ao escolar, para tanto foram realizadas observações sistemáticas das aulas e das atividades esportivas extracurriculares. As escolas escolhidas são da rede municipal com realidades bastante distintas. Acreditamos após nossos achados estar em uma realidade que configura uma significativa importância quanto ao papel do componente curricular Educação Física na escola e de suas contribuições para a formação de um ser humano que venha a reproduzir em sua vida as mais variadas representações da cultura corporal com fins de manutenção de sua qualidade de vida.