Página 1 dos resultados de 191 itens digitais encontrados em 0.001 segundos
Resultados filtrados por Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Modelagem Computacional de Conhecimento; Programa de Pós-Graduação em Modelagem Computacional de Conhecimento; UFAL

Modelagem da Programação não Linear para Televisão Digital Interativa.; Nonlinear Programming Modeling for Interactivity Digital Television

Azevedo, Fabiana Toledo Vanderlei de
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Modelagem Computacional de Conhecimento; Programa de Pós-Graduação em Modelagem Computacional de Conhecimento; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Modelagem Computacional de Conhecimento; Programa de Pós-Graduação em Modelagem Computacional de Conhecimento; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
17.39%
Since the beginning of the digital TV in Brazil that the expression interactivity is even more present in our lives. Understanding how the viewer behaves in front of the TV is the aim of many surveys in different areas. Therefore, thinking about the need to understand the interactive behavior of the viewer or the whole population in front of the TV, and also evaluating the evolution of the tools that allow the interactivity, this research suggests the map of the interactivity, registering all the reactions of the viewer in front of the TV and storing it in the set-top box. After gathering all this data we suggest an evaluation by modeling expressed in the underlying graph to the teoria de questionários written by Picard in sixties; Desde a implantação da Televisão Digital no Brasil que o termo interatividade ficou ainda mais presente. Entender como o telespectador comporta-se diante da televisão é objeto de estudo em diversas áreas. Assim, pensando na necessidade de entender o comportamento interativo do telespectador ou de uma população diante da televisão, e avaliando a evolução das ferramentas que proporcionam a interatividade, este trabalho propõe o mapeamento da interatividade, com o registro de todos os passos do telespectador diante da televisão e armazenado em seu set-top box. Com estes registros propõe-se uma avaliação dos dados por meio de uma modelagem expressa em forma de grafos subjacentes à teoria de questionários descrita por Picard nos anos sessenta