Página 1 dos resultados de 5714 itens digitais encontrados em 0.141 segundos

Integração das tecnologias da informação e comunicação na formação docente em Portugal (2005-2010)

Ramos, Natália; Sobral, Maria Neide
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
155.89%
Esse estudo teve como objetivo analisar, a partir das narrativas orais, os discursos de professores pesquisadores vinculados à Universidade Aberta de Portugal e à Universidade de Aveiro sobre a integração das Tecnologias da Informação e Comunicação à Educação no período de 2005 a 2010. O recorte temporal se deu em razão das mudanças provocadas pelo Processo de Bolonha no ensino superior, notadamente na formação docente inicial e continuada nas modalidades de ensino a distância e presencial – o e-learning e o b-learning. A motivação desse trabalho foi a de entender, no jogo de enunciações desses discursos, possíveis interconexões de imposição, trocas, negociações e consenso sobre o fazer/pensar pedagógico com a integração das Tecnologias da Comunicação e Informação (TIC) à educação. Com a compreensão do conceito de discurso de Michel Foucault, considerado como prática que efetivamente forma o objeto de que fala, analisou-se os enunciados em narrativas orais de professores pesquisadores das instituições referidas, destacando elementos significativos do discurso pedagógico em Portugal e da emergência de uma possível pedagogia online de natureza intercultural.

Influência das novas tecnologias da informação e comunicação no processo de ensino-aprendizagem no Brasil e Portugal

Formanski, Francieli Naspolini
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 74p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
165.88%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Campus Araranguá, Curso de Tecnologias da Informação e Comunicação.; O presente estudo apresenta a forma com que os professores utilizam as Novas Tecnologi-as da Informação e Comunicação (NTIC) no processo de ensino-aprendizagem e quais os recursos mais procurados pelos discentes disponibilizados num Ambiente Virtual de Apren-dizagem (AVA), que neste caso é o Moodle. Estes recursos mais acessados podem repre-sentar a melhor forma a adotar-se para que a utilização dessas ferramentas tecnológicas facilitem o aprendizado dos alunos. A pesquisa fundamentou-se no levantamento de aspec-tos referentes as NTIC no ambiente acadêmico como apoio à docentes e discentes. Como metodologia foi adotada a abordagem quantitativa e qualitativa, onde basicamente a pesqui-sa está inserida na metodologia do tipo descritiva. Foi aplicado questionários e realizado uma análise dos dados retirados do uso da plataforma AVA, o Moodle, com o intuito de indi-car de que forma a ferramenta tecnológica disponível é utilizada em instituições do Brasil e Portugal. A população deste estudo foi constituída efetivamente por 180 alunos do ISEP situado em Portugal. E Para finalizar este trabalho de conclusão de curso foi apresentada as respostas e resultados obtidos através do estudo. Onde se apontou que os alunos tendem a procurar recursos estáticos (material teórico) disponibilizados no Moodle ao invés de recur-sos dinâmicos...

Tecnologias da informação e comunicação na educação : reflexões acerca do “Gender Digital Divide”

Rocha, Maria Custódia Jorge da
Fonte: Associação Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação (AISTI) Publicador: Associação Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação (AISTI)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
165.86%
A igualdade de oportunidades/equidade de resultados entre os homens e as mulheres em contextos de trabalho tem constituído um alvo central das políticas comunitárias e de Portugal. Na última década, as políticas relativas à igualdade de género têm sido reforçadas para os contextos de educação e formação mas estas, sobretudo nos últimos tempos, apresentam-se como neutras do ponto de vista da problemática género/TIC, colocando-se a ênfase numa tentativa de avaliação do até agora efectuado, numa lógica de prestação de contas e não numa lógica do necessário reforço de políticas e de projectos em género/TIC que tenham efectivas repercussões na diluição dos estereótipos de género em relação às TIC, na participação das mulheres na dita sociedade da informação e na sua e-inclusão e, consequentemente, na consolidação das pretendidas tentativas políticas de pôr em prática as estratégias de mainstreaming e de empowerment das mulheres.; Associação Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação (AISTI)

A integração das tecnologias de informação e comunicação, nas perspetivas de professores do 1º ciclo do ensino básico

Cruz, Maria do Céu Silva da Rocha
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
155.96%
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Especialização em Comunicação e Tecnologias Educativas; A mudança do paradigma de ensino "formar para a vida" para "formar ao longo da vida" vem de encontro a uma necessidade constante de voltar à escola para uma atualização dos conhecimentos, para assim dar resposta aos novos desafios do mundo laboral. O presente trabalho decorre de uma investigação sobre a integração das Tecnologias de Investigação e Comunicação na perspetiva de professores do 1º Ciclo do Ensino Básico. As Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) têm vindo a assumir cada vez mais um papel importante na forma de ensinar e aprender, sendo a opinião generalizada que o uso de ferramentas baseadas em computador pode originar melhorias na performance do aluno, porque permite a reflexão e uma participação mais ativa no processo de construção do conhecimento. Partindo desta conceptualização, encetamos o estudo em torno da integração das TIC por parte dos Professores Titulares, a importância que atribuem, à formação e avaliação nesta área. Na componente teórica, começámos por abordar a relação entre Sociedade do Conhecimento, a Sociedade da Informação e a Escola, seguimos para uma breve análise da evolução das TIC na educação...

O ensino e a aprendizagem da química e da bioquímica no ensino superior apoiado nas novas tecnologias da informação e da comunicação

Belo, João Luís de Morais de Oliveira
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
155.89%
Actualmente com o desenvolvimento das novas Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) abriram-se novos caminhos para o ensino das Ciências, permitindo desenvolver novas técnicas de ensino bem como melhorar as antigas. Com vista a permitir um melhor ensino e aprendizagem da Química e da Bioquímica, pretende-se recorrer às novas TIC como suporte às aulas “tradicionais”. Com este trabalho pretende-se conseguir uma melhor transmissão de conhecimentos, bem como uma melhor avaliação dos mesmos, apoiando-nos nas tecnologias e aplicações emergente, tais como os “Campus Virtuais”, os programas de ensino e avaliação on-line (E-learning), os quadros interactivos, cuja utilização não fica restrita à sala de aula nem ao horário da unidade curricular. São apresentados e analisados alguns trabalhos realizados dentro desta temática, tentando-se no geral realizar um estudo globalizador desta realidade, envolvendo diferentes conhecimentos. Neste sentido, foram descritos os trabalhos, focando todas as etapas desde a concepção à execução de conteúdos multimédia para apoio à docência até à sua implementação dentro e fora da sala de aula por intermédio dos quadros interactivos e das plataformas de e-learning. No desenvolvimento destes recursos...

Tecnologias da informação e comunicação e formação de professores: sobre rede e escolas

Alonso,Katia Morosov
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2008 PT
Relevância na Pesquisa
165.83%
A temática das tecnologias da informação e comunicação (TIC), aliada à formação dos professores, suscita reflexões sobre a natureza do trabalho pedagógico, com base nas mediações técnicas e no desenvolvimento do processo formativo dos profissionais da educação nesse contexto. De fato, o uso de recursos tecnológicos sofisticados não tem assegurado transformações nas práticas pedagógicas nas escolas. O objetivo deste artigo se centra na análise desse fator, considerando que a lógica estabelecida pelas TIC implica trabalho em rede, lógica muito diferente do realizado nas e pelas escolas atualmente. É na fronteira dessas lógicas que são observados espaços que poderiam apoiar menos reducionismos no entendimento sobre TIC e formação docente.

Gestão da informação e do conhecimento.

PIEROZZI JUNIOR, I.; SOUZA, M. I. F.; TORRES, T. Z.; OLIVEIRA, L. H. M. de; QUEIROS, L. R.
Fonte: In: MASSRUHÁ, S. M. F. S.; LEITE, M. A. de A.; LUCHIARI JUNIOR, A.; ROMANI, L. A. S. (Ed.). Tecnologias da informação e comunicação e suas relações com a agricultura. Brasília, DF: Embrapa, 2014. Cap. 12. Publicador: In: MASSRUHÁ, S. M. F. S.; LEITE, M. A. de A.; LUCHIARI JUNIOR, A.; ROMANI, L. A. S. (Ed.). Tecnologias da informação e comunicação e suas relações com a agricultura. Brasília, DF: Embrapa, 2014. Cap. 12.
Tipo: Capítulo em livro técnico-científico (ALICE) Formato: p. 235-258.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
155.91%
O capítulo está dividido em seis seções, além desta introdução. Na segunda seção, é apresentado um embasamento conceitual que contextualiza a GI e a GC no âmbito das necessidades organizacionais da Embrapa, destacando como a Embrapa Informática Agropecuária contribui para atendê-las. Na seção três, discute-se como dados, informação e conhecimento são concebidos e como se alinham aos processos de GD, GI e GC da Embrapa. Nesta seção, ainda, argumenta-se sobre a necessidade de se pensar dados, informação e conhecimento a partir de uma abordagem sistêmica e holística, para além da visão dualista e reducionista, quase sempre predominante nos processos tecnológicos em curso na Empresa. Nas seções quatro e cinco, são apresentadas e discutidas as metodologias e tecnologias voltadas à interoperabilidade semântica, bem como para a criação e transformação de espaços digitais, adequando-os ao ambiente virtual de intensa mobilidade social e tecnológica, em curso na sociedade atual. Assim, nas seções quatro e cinco aborda-se um fenômeno atual de grande impacto sociocultural e econômico, além de tecnológico, cuja centralidade reside nas pessoas. Nessas seções, ainda, as tecnologias móveis, em especial...

As tecnologias da informação e comunicação no 1.º ciclo do Ensino Básico: possibilidades de integração

Gomes, Anabela Castanheira
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
165.93%
Tese de Doutoramento em Ciências da Educação; Os desafios da Sociedade do Conhecimento exigem a consciencialização da necessidade de preparar os indivíduos para uma sociedade dependente da tecnologia comprometendo também, os professores para uma mudança de práticas pedagógicas que, aproveitando o potencial das tecnologias, lhes permite o alcance das metas pretendidas para o final de ciclo, valorizando o desempenho do aluno na construção de aprendizagens significativas. Sendo que as novas tecnologias assumem um papel incontornável no contexto educativo atual e neste panorama emerge, a necessidade de uma renovação pedagógica capaz de melhorar o processo de ensino e aprendizagem, colocando a tónica na integração curricular das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), parece-nos importante perceber se efetivamente “as atividades com as tecnologias da informação e comunicação permitem atingir resultados de aprendizagem definidos para o 1.º Ciclo do Ensino Básico (1.º CEB)” e ver que práticas os professores do 1.º ciclo do ensino básico efetuam nesta procura de integração das TIC passíveis de permitir uma maior adaptação das orientações curriculares. Nesta perspetiva, foi num enquadramento paradigmático essencialmente explorativo e descritivo...

As tecnologias de informação e comunicação na promoção da leitura em bibliotecas escolares: uma revisão preliminar da literatura

Calixto, José António; Biblioteca Pública de Évora CIDEHUS-UÉ (Centro Interdisciplinar de História, Culturas e Sociedades da Universidade de Évora) FCSH-UNL (Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa); Carrão, Maria L
Fonte: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas Publicador: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; article Formato: application/pdf
Publicado em 18/10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
155.96%
Esta comunicação pretende apresentar o estudo, ainda em curso, que visa clarificar os conceitos de promoção de leitura e literacia e de tecnologias de informação e comunicação, conhecer os novos cenários e suportes de leitura e ver em que medida são conhecidos e utilizados na biblioteca escolar, a nível nacional. Pretende, também, dar a conhecer as ações desenvolvidas pela biblioteca escolar ao serviço da promoção da leitura, recorrendo às tecnologias de informação e comunicação; investigar a ligação da biblioteca escolar a programas e projetos curriculares de inovação pedagógica que façam uso das tecnologias de informação e comunicação e, finalmente, analisar o impacto das referidas tecnologias nas competências dos alunos, no âmbito da leitura e literacia.

A Importância das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) no Processo Educativo dos Alunos com Multideficiência; perceção dos professores

Rodrigues, Nomélia Maria Carreiro Sousa
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
155.89%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Educação: Educação Especial, área de especialização em Domínio Cognitivo e Motor; Em todos os domínios da sociedade atual, da Educação em geral e da Educação Especial em particular, as tecnologias da informação são aplicadas no sentido de melhorar a qualidade de vida e, neste contexto, de melhorar os processos de ensino e aprendizagem das crianças multideficientes, na medida que, as características destes alunos colocam grandes desafios às escolas e aos profissionais que com eles trabalham. O presente estudo incide sobre a perceção dos professores de Educação Especial, na Região Autónoma dos Açores (RAA), face à adoção das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) na prática pedagógica com alunos com multideficiência. Procura também compreender quais são as atitudes dos professores de Educação Especial face às TIC e o seu parecer na adoção das mesmas no processo educativo destes alunos. No decorrer da planificação da presente investigação, optou-se por um estudo descritivo de cariz quantitativo. A recolha de dados foi feita através de um inquérito por questionário ao qual responderam 97 professores. Conclui-se que a idade dos docentes não tem qualquer influência na utilização das TIC; os docentes com menos experiência profissional apresentam uma maior apetência pelo conhecimento e uso das TIC; os docentes com mestrado ou doutoramento usam mais aplicativos de exploração lúdica para alunos com multideficiência do que os docentes especializados; quanto mais elevada é a utilização das TIC e a formação contínua na área...

Educação para o desenvolvimento sustentável no ensino básico : contributos da integração das tecnologias da informação e comunicação e do envolvimento familiar nos primeiros anos de escolaridade

Tréz, Ticiana de Astrogildo e
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
165.93%
A necessidade de se educar para o desenvolvimento sustentável é um ponto assente nas atuais políticas educativas internacionais. Considera-se fulcral desenvolver nos alunos as competências necessárias para analisar criticamente e tomar de decisão frente às atuais problemáticas relacionadas com as dimensões ambiental, social e económica, sob uma perspetiva sistémica. No entanto, a literatura de referência aponta a escassez de recursos intencionalmente concebidos para apoiar práticas didático-pedagógicas dos professores mais coerentes com estas diretrizes. Assim, o presente estudo tem por finalidade desenvolver estratégias, conceber e explorar recursos didáticos multimédia para promover a Educação para o Desenvolvimento Sustentável (EDS), no contexto da Educação em Ciência com orientação Ciência-Tecnologia-Sociedade (CTS), através da integração das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) e do envolvimento familiar (EF) nos primeiros anos de escolaridade, assim como compreender os impactes dos mesmos na alteração das práticas dos professores tornando-as mais coerentes com as orientações EDS/CTS. Face a esta finalidade, adotámos uma metodologia de natureza qualitativa, nomeadamente o Estudo de Caso na vertente multicasos...

Formação do utilizador da biblioteca escolar: proposta de conteúdos para integrar no programa curricular da disciplina de tecnologias da informação e comunicação

Ferreira, Ana Cristina de Lemos
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
155.88%
É sabido que quando trabalhamos em conjunto para um mesmo objetivo, os resultados e o sucesso são sempre maiores do que se trabalharmos sozinhos. Assim, se os bibliotecários e os professores trabalharem em conjunto para um mesmo propósito, os alunos poderão atingir níveis mais elevados de aprendizagem e competências. O objetivo deste estudo consiste em demonstrar a importância das Bibliotecas Escolares e da Formação de Utilizadores, a partir das diretrizes estabelecidas pelo Manifesto da Unesco sobre Bibliotecas Escolares e propor um programa a integrar nos conteúdos curriculares da disciplina de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) nos estabelecimentos de ensino portugueses. Após o resultado da análise dos dados recolhidos num questionário efetuado a alunos do 9° e 10° anos de escolaridade (visto serem os únicos anos lécitos para os quais existe programa curricular para a disciplina TIC), das escolas do concelho de Esposende, pretende-se, não só, demonstrar o funcionamento das bibliotecas escolares do concelho, mas também identificar as dificuldades do aluno na pesquisa e tratamento de dados e justificar a necessidade constante da Formação do Utilizador da Biblioteca Escolar. Os objetivos do programa proposto é...

O ensino e a aprendizagem da química e da bioquímica no ensino superior apoiado nas novas tecnologias da informação e da comunicação

Belo, João Luís de Morais de Oliveira
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
155.89%
Actualmente com o desenvolvimento das novas Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) abriram-se novos caminhos para o ensino das Ciências, permitindo desenvolver novas técnicas de ensino bem como melhorar as antigas. Com vista a permitir um melhor ensino e aprendizagem da Química e da Bioquímica, pretende-se recorrer às novas TIC como suporte às aulas “tradicionais”. Com este trabalho pretende-se conseguir uma melhor transmissão de conhecimentos, bem como uma melhor avaliação dos mesmos, apoiando-nos nas tecnologias e aplicações emergente, tais como os “Campus Virtuais”, os programas de ensino e avaliação on-line (E-learning), os quadros interactivos, cuja utilização não fica restrita à sala de aula nem ao horário da unidade curricular. São apresentados e analisados alguns trabalhos realizados dentro desta temática, tentando-se no geral realizar um estudo globalizador desta realidade, envolvendo diferentes conhecimentos. Neste sentido, foram descritos os trabalhos, focando todas as etapas desde a concepção à execução de conteúdos multimédia para apoio à docência até à sua implementação dentro e fora da sala de aula por intermédio dos quadros interactivos e das plataformas de e-learning. No desenvolvimento destes recursos...

O comportamento no processo de busca da informação por meio das tecnologias da informação e comunicação: um estudo de caso sobre os discentes da Faculdade de Biblioteconomia no Estado do Pará

Costa,Elisângela Silva da; Pires,Erik André de Nazaré
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
175.9%
Aborda as relações entre o comportamento durante o procedimento de busca informacional e as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC's), tratadas numa perspectiva interdisciplinar no contexto da graduação em Biblioteconomia na Universidade Federal do Pará (UFPA). Objetiva-se investigar como os alunos da graduação em Biblioteconomia realizam as suas pesquisas acadêmicas, averiguando se há êxito nos resultados obtidos, focalizando, em especial, o acesso a textos acadêmicos, para a leitura e produção textual desses discentes, que se encontram em processo de formação profissional. A metodologia foi empregada da seguinte maneira: na primeira com a pesquisa bibliográfica, fundamentada em autores como Kuhlthau (1991; 1999; 2004 e 2005), Wilson (1997; 1999; 2000 e 2006) e abrangendo contribuições de outros pensadores sobre a temática abordada. Na segunda etapa, realizou-se um estudo exploratório e descritivo de abordagem quali-quantitativa, com aplicação de questionário contendo perguntas fechadas, abertas e híbridas. Os resultados alcançados mostram que os discentes de modo geral apresentam desempenho satisfatório no processo de busca informacional, pois, realizam o processo de recuperação da informação de modo proficiente.

Agenda de pesquisas e indicadores para estudos de difusão de tecnologias da informação e comunicação; Texto para Discussão (TD) 920: Agenda de pesquisas e indicadores para estudos de difusão de tecnologias da informação e comunicação; Agenda of surveys and indicators for studies in diffusion of information and communication technologies

Tigre, Paulo Bastos
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
155.95%
O estudo da difusão das Tecnologias da Informação e Comunicação (TI) vem ganhando crescente importância, devido aos impactos econômicos e sociais resultantes da utilização dessas tecnologias. Este texto visa a auxiliar a realização de novos estudos por meio da apresentação e discussão de modelos, metodologias e indicadores de difusão de TI. São revistos modelos de análise da “sociedade da informação”, apresentados os principais indicadores utilizados por organismos internacionais para monitorar e comparar o processo de difusão, e destacados indicadores de universalização e de uso empresarial e suas possíveis fontes de informação. Apesar da dificuldade de quantificar algumas questões, devido ao inerente caráter tácito e intangível, verificamos que existe um conjunto de indicadores que reflete uma práxis do grau ou potencial de difusão das novas tecnologias. O estudo argumenta que uma agenda regional de estudos de difusão deve levar em conta não só as características do processo de difusão em si, mas também as alternativas técnicas, reguladoras e econômicas mais adequadas para o desenvolvimento de cada país ou região.; 23 p. : il.

As tecnologias da informação e comunicação aplicadas ao Ensino da Química no Ensino Secundário - 10º Ano

Pimparel, Pedro Luís Teixeira
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
165.93%
O tema, "As Tecnologias da Informação e Comunicação aplicadas ao Ensino da Química no Ensino Secundário - 10º Ano", foi escolhido porque, neste trabalho, procurou-se reunir um conjunto de recursos digitais, disponíveis na Internet, relativos aos conteúdos programáticos do 10º Ano, que permitissem organizar um portfólio com actividades de reforço, principalmente, para a componente teórica, neste ano de escolaridade. Pretende-se fazer uso das Novas Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) de forma estimular a aprendizagem dos alunos, permitindo-lhes uma abordagem dos conteúdos mais diversificada e acessível para os alunos. Não foi esquecida a importância da componente experimental, obrigatória aliás, no ensino secundário. Alguns dos recursos desta investigação foram aplicados nas aulas, utilizando as TIC. Para estudar o impacto destes recursos aplicou-se um questionário aos principais intervenientes, os alunos do 10º Ano, sobre a importância da utilização dos mesmos, em contexto didáctico de forma aferir qualitativamente a sua eficácia.

A utilização das tecnologias de informação e comunicação em contextos educativos inclusivos: comportamentos e atitudes dos diversos intervenientes no processo de intervenção precoce

Santos, Ana Cristina da Fonte Oliveira
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
165.84%
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação; Numa sociedade cada vez mais tecnológica, na qual se verifica a utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) nos mais diversos domínios, importa referir que estas devem ser equacionadas no sentido de potenciar e melhorar a vida das crianças que de alguma forma manifestam dificuldades aos mais diversos níveis, particularizando crianças elegíveis em idade precoce. A aplicação destas ferramentas tecnológicas como promotoras de um ensino-aprendizagem mais individualizado, através das quais se promove a alternativa numa nova perspetiva de aprendizagem, ensino e formulação do pensamento. Na perspetiva de uma escola inclusiva, e atendendo ao facto destas crianças apresentarem caraterísticas individuais específicas resultantes da necessidade de um apoio especializado e personalizado surgem as TIC com o objetivo de fomentar e garantir o sucesso das suas aprendizagens e do seu desenvolvimento. Com este estudo pretendemos conhecer os comportamentos e atitudes de todos os intervenientes no processo de desenvolvimento das crianças elegíveis em idade precoce face à adoção das TIC nas suas práticas pedagógicas. A metodologia utilizada é quantitativa...

A identidade profissional docente e as tecnologias da informação e comunicação: estudo de boas práticas no 1º ciclo do ensino básico na região do Porto

Flores, Paula Maria Gonçalves Alves de Quadros
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
155.91%
Tese de Doutoramento em Educação, na Área de Tecnologia Educativa/Comunicação Educacional; Vivemos numa época em que a proliferação dos meios de comunicação mergulha os indivíduos em fluxos de informação e enfatiza o conhecimento como chave do desenvolvimento da humanidade. A inovação tecnológica tornou-se num instrumento de criação de riqueza e desenhou um paradigma informacional associado à cultura de eficiência, abertura ao mundo, colaboração e inteligência colectiva. Trata-se de uma visão que favorece a escola como espaço de criação e disseminação de conhecimento, mas que exige princípios éticos e uma atitude empreendedora rumo ao saber que os seus membros deverão desenvolver. Assim, a escola assume responsabilidades acrescidas na preparação dos futuros cidadãos da era digital. Neste contexto, pareceu-nos pertinente reflectir sobre “Identidade Profissional Docente e as Tecnologias da Informação e da Comunicação: Estudo de Boas Práticas no 1º Ciclo do Ensino Básico na Região do Porto” porque nos permite entender o modo como as escolas estão a responder à integração das TIC na educação, os efeitos dessa inclusão na identidade profissional docente e, ainda, contribuir par a disseminação de boas práticas como modelos criados pelos professores com recurso à tecnologia. Verificou-se que...

Utilização das tecnologias de informação e comunicação no apoio ao desenvolvimento da leitura e escrita funcionais em alunos com paralisia cerebral e deficiência mental do 2º ciclo

Veigas, Maria Fernanda Teixeira
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
155.91%
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Especialização em Comunicação e Tecnologia Educativas; A evolução das novas Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) veio revolucionar a nossa sociedade e, consequentemente, os hábitos de vida das novas gerações. Esta geração digital necessita de encontrar na escola um espaço de aprendizagem onde diferentes recursos, entre eles os digitais, motivem e estimulem cada vez mais a construção de conhecimento. Neste sentido, este projeto teve por objectivo principal observar os efeitos do uso das tecnologias da informação e comunicação em alunos com Deficiência Mental e Paralisia Cerebral no que se refere ao processo de aquisição da leitura e escrita funcionais. O estudo integrou, como amostra, dois alunos com 12 anos, matriculados no 2º. Ciclo do Ensino Básico duma escola EB 2/3. A metodologia mais adequada a esta investigação é o Estudo de Caso. O estudo centrou-se num tempo e num espaço limitado, tendo como principal instrumento de recolha de dados a observação participante, pois tornamo-nos professores investigadores no contexto de sala de aula durante o projeto. Além disso, foram utilizados entrevistas informais, avaliação pedagógica personalizada feita antes e após a nossa intervenção e os produtos do trabalho dos alunos para completar e aprofundar os dados necessários a uma análise mais precisa. Os resultados demonstraram uma motivação crescente manifestada na participação dos alunos ao longo de todo o projeto tendo o uso do software contribuído para aprendizagens mais motivadoras...

Uso das tecnologias da informação e comunicação como facilitadoras da aprendizagem significativa no ensino de ciência

Silva, Valéria Diniz da
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
165.85%
O conhecimento científico é fundamental quando se refere ao currículo sobre o ensino de Ciências, no entanto, torna-se imprescindível considerar o processo no qual um novo conhecimento se relaciona de maneira não arbitrária e substantiva à estrutura cognitiva do aprendiz; ou seja, permitir ao educando a construção de uma aprendizagem significativa. Parte daí a preocupação da escola a buscar novos meios para melhorar a qualidade do ensino-aprendizagem. O uso das Tecnologias da Informação e Comunicação como facilitadoras da aprendizagem significativa tem sido constante nos tempos atuais, podendo-se encontrar vários tipos de pesquisas nesta área. O objetivo deste trabalho é realizar uma análise sobre o uso das TIC como instrumento didático–pedagógico em duas instituições da rede pública de ensino envolvendo oito professores, dois coordenadores e dois gestores de escola. De acordo com os resultados da pesquisa é possível concebermos uma aprendizagem significativa vivenciada através do desenvolvimento da autonomia, da interação e da mediação. Destaca-se a relevância de novas investigações e aprofundamentos de políticas educacionais, visando contribuir para um ensino de qualidade, no qual as TIC sejam aliadas na efetiva construção de aprendizagens significativas. Esta investigação trata-se de uma descrição qualitativa...