Página 1 dos resultados de 178 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

WINE GRAPE QUALITY OF GRAPEVINES GROWN IN THE CERRADO ECOREGION OF BRAZIL

MOTA, Renata Vieira da; FAVERO, Ana Carolina; SILVA, Camila Pinheiro Carvalho; PURGATTO, Eduardo; SHIGA, Tania Misuzu; REGINA, Murillo de Albuquerque
Fonte: VIGNE ET VIN PUBLICATIONS INT Publicador: VIGNE ET VIN PUBLICATIONS INT
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
27.59%
Aims: Geographical indication plays an important role in the improvement of wine quality. In this context, the search for new grape growing areas has been constant. The Sao Francisco River Valley in the cerrado of Minas Gerais State (Brazil) has been pointed out in the Geoviticulture Multicriteria Climatic Classification System (MCC System) as a potentially winegrowing region, especially considering the autumn-winter period when night temperatures are favorable to grape ripening. In this work, we studied the maturation curves and fruit composition of four wine grape varieties (Syrah, Merlot, Cabernet-Sauvignon and Cabernet Franc) in two growing seasons in order to validate the state of Minas Gerais as a new winegrowing region in Brazil. Methods and results: Quality parameters (berry weight, pH, titratable acidity and total soluble solids) were measured weekly from veraison to harvest, and sugar, organic acid, anthocyanin and phenolic concentrations were determined in must and berry skins and seeds at harvest. Syrah berries showed the highest weight throughout maturation which contributed to higher yield (8.92 ton ha(-1)), followed closely by Merlot (8.07 ton ha(-1)). Bern, sugar concentrations were higher and malic acid levels were lower than the values usually observed in wine grapes harvested during summer in traditional winegrowing regions in Brazil. Cabernet Franc showed lower levels of anthocyanins and skin phenolics per kg berries and the highest values of seed phenolics...

Caracterização fitoquímica e biológica de extratos obtidos de bagaço de uva (Vitis Vinifera) das variedades Merlot e Syrah

Oliveira, Daniela Alves de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 210 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
27.59%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos, Florianópolis, 2010; Este trabalho alia dois interesses distintos da sociedade atual que se refletem nos esforços empregados pelas indústrias alimetícias e farmacêuticas: reaproveitamento de resíduos industriais através de tecnologias que sejam ambientalmente seguras e que garantam a qualidade dos produtos; e o consumo de produtos compostos por ingredientes naturais que ofereçam benefícios para a saúde humana. A extração supercrítica (ESC) é uma tecnologia que vem se destacando dentre os demais métodos de extração por sua seletividade, por empregar baixas temperaturas e por produzir um extrato livre de resíduos de solventes, garantindo assim extratos de alta qualidade em compostos de interesse, além de a técnica ser considerada segura para o meio ambiente. Diante disso, o objetivo deste trabalho foi a aplicação desse método de extração na obtenção de extratos de bagaço de uva das variedades Merlot e Syrah em diferentes temperaturas e pressões de operação e avaliar rendimento, composição, atividade antioxidante e antimicrobiana. Os resultados obtidos com o CO2 supercrítico puro e adicionando co-solvente a ele foram comparados com os resultados de técnicas de extração à baixa pressão...

Monda de cachos: efeito da época e intensidade na cv. Syrah

Alonso, Joana Maria Castelo Branco e Costa
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa Publicador: Universidade Técnica de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
37.59%
Mestrado em Viticultura e Enologia - Instituto Superior de Agronomia; Neste trabalho estudou-se o efeito da época e da intensidade de monda no rendimento e qualidade da casta Syrah. No ciclo vegetativo de 2008/2009 foi instalado um ensaio na Quinta do Monte D’Oiro, em Alenquer. Esse ensaio repetiu-se em dois talhões (talhão 1 e 8). Compararam-se duas épocas de monda - um mês após a floração (ou ao Bago de Chumbo) e ao Pintor - e duas intensidades de monda : de 30% e 60% - associando ainda uma testemunha sem monda. Na produção e rendimento verificou-se uma diminuição não igual à intensidade de monda. A realização de monda a 30% e 60% correspondeu, respectivamente, a reduções médias no rendimento de 15,6% e 31,4%. Os resultados obtidos mostraram que alguns compostos se encontram em concentrações diferentes nas modalidades mondadas e não mondadas, contudo as diferenças não são estatisticamente significativas. Assim, quanto ao Grau Brix, ao teor de antocianinas, às proantocianidinas, % de galatos e de epigalhocatequina não se verificou efeito significativo, quer da época de monda, quer da intensidade de monda. Alguns parâmetros contudo variaram reagindo à monda: ocorreu um aumento da acidez total e dos fenóis na monda ao Pintor; os aromas aumentaram quando a monda se realizou a 60% e ao Pintor.------------------------------This work intended to study the effect of cluster thinning in cv. Syrah and its influence on yield and analytical quality. In this trial non thinned control was compared with two intensities of thinning (M30...

Comportamento agronómico e enológico das castas Touriga Nacional e Syrah em seis regiões portuguesas

Fernandes, Paula Alexandra de Carvalho
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa Publicador: Universidade Técnica de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
37.81%
Mestrado em Viticultura e Enologia - Instituto Superior de Agronomia / Faculdade de Ciências da Universidade do Porto; The main objective of this study was to compare the agronomic and oenological performance of two varieties, Touriga Nacional and Syrah, in six regions of the country: Vinhos Verdes (Lousada), Dão (Carregal do Sal), Lisboa (Lisboa and Leiria) and Alentejo (Cabeção and Vidigueira) during the growing season of 2008. In each vineyard, phenologic stages monitoring were done throughout the growing season and after the veraison, weekly berry data samples were collected for ripening characterization. It was defined that the harvest should take place, when the Probable Alcoholic Content (PAC) reached around 13/13,5º. The yield parameters and the quality parameters for both grapes varieties are different from region to region. In the case of Touriga Nacional the highest values were recorded on the north regions of Tejo river. The Syrah behavior was different, registering the highest values south of Vinhos Verdes region. After malolactic fermentation and tartaric stabilization, wines phenolic composition was analyzed and sensory analysis performed to all the wines. There were significant differences in the various wine regions...

Avaliação ecofisiológica de clones de videira cv. Syrah

Regina,Murillo de Albuquerque; Audeguin,Laurent
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.4%
Avaliou-se o comportamento agronômico e ecofisiológico de três clones de videira da cultivar Syrah. Foram empregadas plantas adultas, enxertadas sobre SO4 e cultivadas em solo arenoso com lençol freático superficial. O clone 470 mostrou-se ao mesmo tempo mais precoce, mais vigoroso e menos produtivo, confirmando o seu potencial de clone qualitativo. Por outro lado, não foram verificadas diferenças de comportamento entre clones, para a assimilação do carbono e condutância estomática em condições não limitantes à fotossíntese.

Potencial hídrico e atividades de invertases em videiras submetidas a diferentes manejos de irrigação e porta-enxertos

SILVA, F. F. S. da; RIBEIRO, P. R. de A.; LÚCIO, A. A.; PEREIRA, M. S.; LOPES, A. P.; VIANA, L. H.; LIMA FILHO, J. M. P.; SOUZA, C. R. de; DANTAS, B. F.; BASSOI, L. H.
Fonte: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA SEMI-ÁRIDO, 1., 2006, Petrolina. Anais... Petrolina: Embrapa Semi-Árido, 2006. p. 115-120. Publicador: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA SEMI-ÁRIDO, 1., 2006, Petrolina. Anais... Petrolina: Embrapa Semi-Árido, 2006. p. 115-120.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.59%
Objetivando avaliar o efeito de diferentes manejos de irrigação e porta-enxertos no potencial hídrico e atividade de invertases em videiras Moscato Canelli e Syrah, este trabalho foi conduzido no Campo Experimental do Bebedouro e no Laboratório de Sementes/ Fisiologia Vegetal da Embrapa Semi-Árido, Petrolina-PE, de setembro a dezembro de 2005. A aplicação de água no PRD partial rootzone drying e no RDI ?regulated déficit drying? foi feita por meio da irrigação por gotejamento, com emissores espaçados 2.5 e 0.5 m, respectivamente. Os efeitos dos dois sistemas de irrigação foram avaliados nas variedades Moscato Canelli e Syrah enxertadas sobre dois porta-enxertos (IAC 572 e 1103 Paulsen), plantados em setembro de 2002. O PRD foi aplicado logo após o pegamento dos frutos, e o RDI após o início da maturação. Para cada variedade estudada, o experimento foi montado em esquema fatorial 2x2 (irrigação x porta-enxertos) e o delineamento experimental utilizado foi DBC, com cinco blocos. As videiras Moscato Canelli e Syrah se apresentaram menos estressadas quando submetidas ao manejo de irrigação com PRD e ao portaenxerto IAC 572, apresentando também menores atividades de invertase.; 2006

Exigência térmica e caracterização fenológica da videira Syrah no Vale do Rio São Francisco.

MOURA, M. S. B.; BRANDÃO, E. O.; SOARES, J. M.; DONOSO, C. D. S.; SOUSA, L. S. B.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE AGROMETEOROLOGIA, 15., 2007, Aracaju. Efeito das mudanças climáticas na agricultura: anais. Aracaju: Sociedade Brasileira de Agrometeorologia: Embrapa Tabuleiros Costeiros, 2007. 1 CD-ROM. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE AGROMETEOROLOGIA, 15., 2007, Aracaju. Efeito das mudanças climáticas na agricultura: anais. Aracaju: Sociedade Brasileira de Agrometeorologia: Embrapa Tabuleiros Costeiros, 2007. 1 CD-ROM.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.71%
O objetivo deste trabalho foi caracterizar o comportamento fenológico da videira Syrah produzida no Submédio São Francisco, bem como caracterizar sua exigência térmica em grausdia. A área experimental foi instalada em um parreiral comercial pertencente à Fazenda Ouro Verde, Casa Nova, BA. As avaliações tiveram início a partir da poda de produção, realizada no primeiro e segundo semestres dos anos de 2005 e 2006. A fenologia das plantas foi avaliada quanto à duração em dias de cada um dos seguintes subperíodos: da poda à brotação, da poda à plena floração, da poda ao pintor (início da maturação das uvas) e da poda à colheita. A exigência térmica da videira Syrah foi calculada pelo somatório dos graus dia da poda até a colheita para os quatro ciclos de produção, bem como para cada um dos subperíodos fenológicos, considerando a temperatura base de 10°C. Os resultados mostraram que a duração do ciclo da poda à colheita da variedade de videira Syrah no Vale do Rio São Francisco é de 118 dias e sua exigência térmica é de 1.939,3 graus dia.; 2007

Construção e calibração de lisímetros de pesagem para determinação da evapotranspiração e coeficiente de cultivo em videira de vinho cv. Syrah.

NASCIMENTO, E. F. do; CAMPECHE, L. F. de S.; BASSOI, L. H.; SILVA, J. A.; LIMA, A. C. M.; PEREIRA, F. A. de C.
Fonte: Irriga, Botucatu, v. 16, n. 3, p. 271-287, 2011. Publicador: Irriga, Botucatu, v. 16, n. 3, p. 271-287, 2011.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.4%
O método direto mais comum utilizado na estimativa da evapotranspiração de uma cultura é o método lisimétrico. Assim, o objetivo deste trabalho foi construir, instalar e analisar o desempenho de três lisímetros de pesagem para estudo da demanda hídrica da cultura da videira Syrah (Vitis vinífera L.). Os lisímetros, com dimensões 1,2m x 2,0m de base e 1,0m de altura, foram instalados no Campo Experimental de Bebedouro da Embrapa Semiárido, em Petrolina-PE (09° 09? latitude sul, 40° 29? longitude oeste), e foram construídos com chapas de aço galvanizado e instalados sobre uma estrutura metálica montada sobre barras transversais, a fim de concentrar a massa do conjunto sobre uma célula de carga localizada no centro do sistema. Após a escavação de trincheiras no solo e colocação dos lisímetros, procedeu-se ao preenchimento com uma camada de brita, manta poliéster e nove camadas de solo de 0,1m, mantendo a disposição original das mesmas no perfil. Foram utilizados sacos com brita com massa conhecida, para estabelecer a relação entre a saída de sinal das células de carga e a massa dos equipamentos. A equação de calibração apresentou um alto coeficiente de determinação. Os lisímetros apresentaram excelente sensibilidade e resolução...

Brotação e fertilidade de gemas de videira Syrah submetida a desponte e desfolha de ramos no Vale do São Francisco.

SANTOS, J. Y. B. dos; SILVA, S. F. da; SOARES, E. B.; LEAO, P. C. de S.
Fonte: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA SEMIÁRIDO, 7.; JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACEPE/UNIVASF, 1., 2012, Petrolina. Anais... Petrolina: Embrapa Semiárido, 2012. Publicador: In: JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA EMBRAPA SEMIÁRIDO, 7.; JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACEPE/UNIVASF, 1., 2012, Petrolina. Anais... Petrolina: Embrapa Semiárido, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; p. 201-205.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.4%
Este trabalho teve como objetivo avaliar a percentagem de brotação e a fertilidade de gemas de videira da cultivar Syrah, submetida a diferentes tratamentos de desfolha e desponte de ramos, no Vale do São Francisco. Foram realizados dois ciclos de produção ? 2010 e 2011 ?, sendo os tratamentos representados por uma testemunha que correspondeu ao manejo adotado pelo produtor e sete combinações de uma desfolha realizada no início da compactação do cacho associada ou não a um ou dois despontes de ramos nas fases de início de crescimento da baga e de compactação do cacho. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso com quatro repetições. Foram avaliadas as percentagens de brotação e fertilidade de gemas durante a fase de crescimento inicial dos brotos e os dados foram submetidos à análise de variância e comparação de médias pelo teste de Duncan. Não houve influência dos tratamentos sobre a brotação, entretanto, no segundo ciclo de produção, o tratamento com desfolha e dois despontes aumentou significativamente a fertilidade de gemas em relação ao tratamento sem desfolha e com dois despontes, demonstrando a importância da desfolha para a exposição das gemas à luz, o que favoreceu a diferenciação floral.; 2012

Avaliação ecofisiológica de clones de videira cv. Syrah

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
PT
Relevância na Pesquisa
37.4%
Avaliou-se o comportamento agronômico e ecofisiológico de três clones de videira da cultivar Syrah. Foram empregadas plantas adultas, enxertadas sobre SO4 e cultivadas em solo arenoso com lençol freático superficial. O clone 470 mostrou-se ao mesmo tempo mais precoce, mais vigoroso e menos produtivo, confirmando o seu potencial de clone qualitativo. Por outro lado, não foram verificadas diferenças de comportamento entre clones, para a assimilação do carbono e condutância estomática em condições não limitantes à fotossíntese.

Proantocianidinas de uvas y vinos de las variedades Monastrell,Cabernet Sauvignon y Syrah.

Busse Valverde, Naiara
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
27.71%
En esta Tesis doctoral se han estudiado las proantocianidinas de pieles y semillas de uvas de las variedades Monastrell, Cabernet Sauvignon y Syrah, así como la transferencia de las mismas al vino y el efecto de algunas técnicas enológicas en la modulación de su extracción. Los resultados obtenidos muestran que la concentración de estos compuestos es máxima al inicio de la maduración, disminuyendo conforme se acerca el momento de la vendimia. La cantidad de proantocianidinas en los vinos depende tanto de la variedad como de la técnica enológica aplicada. Tiempos de maceración largos y técnicas como la maceración prefermentativa en frío o el uso de enzimas de maceración promueven una mayor extracción de proantocianidinas, aunque las de las uvas de la variedad Syrah son mucho más fácilmente extraíbles que las de Monastrell, en igualdad de condiciones. Palabras clave: proantocianidinas, uva, vino, técnicas enológicas SUMMARY In this thesis, skin and seed proanthocyanidins of Monastrell, Cabernet Sauvignon and Syrah grape varieties have been studied, as well as their transfer from grapes to wine and the effect of some oenological techniques in modulating their extraction. The results show that the concentration of these compounds was maximum at the beginning of ripening...

Técnicas enológicas de frío y enzimáticas aplicadas a la extractabilidad de Syrah, Cabernet Sauvignon y Monastrell.

Moreno Pérez, Ana Adoración
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
27.87%
El objetivo de este estudio fue aplicar diferentes técnicas enológicas para optimizar la extractabilidad de compuestos fenólicos y aromáticos, evaluando su influencia sobre la calidad de vinos tintos jóvenes. Objetivos parciales:  Aplicar técnicas prefermentativas a baja temperatura (maceración en frío, congelación del mosto con nieve carbónica y congelación de las uvas) y técnicas de maceración con enzimas (enzima comercial y enzima natural β-galactosidasa) en la vinificación de Syrah, Cabernet Sauvignon y Monastrell, comparando los resultados con los de una vinificación tradicional.  Evaluar la influencia de las técnicas sobre las características cromáticas, fenólicas, aromáticas y sensoriales de los vinos al final de la fermentación alcohólica, en el momento del embotellado y seis meses después del embotellado.  Aplicar las técnicas de maceración en frío y enzimáticas en la vinificación de uvas de Monastrell de distintas zonas de la D.O. Jumilla y D.O. Bullas, evaluando su influencia sobre la calidad de los vinos obtenidos. Metodología: El estudio se realizó durante tres campañas. En los años 2007 y 2009, uvas Vitis Vinifera L. cvs Cabernet Sauvignon, Syrah y Monastrell se vendimiaron en una parcela comercial de Jumilla. En el 2008...

Equilíbrio vegetativo e produtivo na qualidade da uva das variedades Merlot e Syrah em São Joaquim - SC

Cesconeto, Juliano Frederico da Rosa
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 84 p.| grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
27.97%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Recursos Genéticos Vegetais, Florianópolis, 2012; Uma questão central no manejo do vinhedo é a relação produtividade x qualidade. Em geral ela é uma função da produção de uvas (kg) pela área foliar (m2) e fornece uma medida da capacidade da planta de completar a maturação das uvas. O objetivo desse trabalho foi avaliar diferentes relações área foliar x produtividade na qualidade das uvas produzidas pelas cultivares Syrah e Merlot em São Joaquim - SC. O trabalho foi realizado na cidade de São Joaquim, nos vinhedos da Estação Experimental de São Joaquim - EPAGRI (28°16'30,08"S, 49°56'09,34"O, altitude 1.400m) e as avaliações ocorreram no ciclo 2010/2011. A cultivar Syrah foi submetida a quatro diferentes níveis de carga, 0,5; 1,0; 1,5; e 2,0 kg de uva por m2 de área foliar. A cultivar Merlot foi submetida a três diferentes níveis de carga, 0,5; 1,0 e 1,5 kg de uva por m2 de área foliar. No momento da colheita foram determinados os componentes da maturação tecnológica (sólidos solúveis totais, pH e acidez total titulável) e os componentes da maturação fenólica (polifenóis totais e antocianinas). Os resultados demonstraram que as diferentes relações área foliar x produtividade não interferiram na maturação tecnológica das cultivares Merlot e Syrah. As menores produtividades obtidas com a relação de 0...

Influence of the vintage, clone and rootstock on the chemical characteristics of Syrah tropical wines from Brazil.

OLIVEIRA, J. B.; SILVA, G. G.; ARAÚJO, A. J. de B.; LIMA, L. L. de A.; ONO, E. O.; CASTRO, R. de; CRUZ, A.; SANTOS, J.; PEREIRA, G. E.
Fonte: In: CONGRES DES TERROIRS VITIVINICOLES, 9., 2012, Bourgogne. Actes... Bourgogne: Université de Bourgogne, 2012. Publicador: In: CONGRES DES TERROIRS VITIVINICOLES, 9., 2012, Bourgogne. Actes... Bourgogne: Université de Bourgogne, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: p. 17-20.
EN
Relevância na Pesquisa
37.59%
In the Northeast of Brazil, vines can produce twice a year, because annual average temperature is 26ºC, with high solar radiation and water availability for irrigation. Many cultivars have been tested according to their adaptation to the climate and soil, and the main variety used for red wines is Syrah. This work aimed to evaluate five clones of Syrah, grafted on two rootstocks, in two harvests of the second semester of 2009 and 2010, according to the chemical analyses of the wines.The clones evaluated were 100, 174, 300, 470 and 525, the rootstocks were Paulsen 1103 and IAC 313 (Golia x Vitis caribeae). Grapes were harvested in November 2009 and 2010 and the yield was evaluated. Climate characteristics of each harvest was determined and correlated to the results. Wines were elaborated in glass tanks of 20 L, with alcoholic fermentation at 25ºC for seven days, then wines were pressed and malolactic fermentation was carried out at 18ºC for 20 days. The following parameters were analyzed: alcohol content, dry extract, total anthocyanins, total phenolic index. High performance liquid chromatography was used to determine tartaric, malic, lactic and citric organic acids. Results showed that wines presented different concentrations of classical analyses...

Characterization of grapes and wines of Syrah growing during the autumn-winter season in different viticultural zones of the Brazilian Southeast.

MOTA, R. V. da; SOUZA, C. R. de; PEREIRA, G. E.; DAL'OSTO, M. C.; CORREA, L. C.; DIAS, F. A. N.; PIMENTEL, R. M. de A.; TAVARES, M. C.; REGINA, M. de A.
Fonte: In: CONGRES DES TERROIRS VITIVINICOLES, 9., 2012, Bourgogne. Actes... Bourgogne: Université de Bourgogne, 2012. Publicador: In: CONGRES DES TERROIRS VITIVINICOLES, 9., 2012, Bourgogne. Actes... Bourgogne: Université de Bourgogne, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: p. 45-48.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.81%
Double pruning management has allowed harvesting good quality wine grapes during the winter season in the Brazilian southeast. Syrah cultivar showed the best response to the modification of grapevine cycle with good maturation and acceptable productivity indices. As a new winegrowing region, little is known about the terroir effects on the composition of Syrah berries and wines. This study was carried out with Syrah vines grafted on 1103P grown in commercial vineyards established in four southeast zones of Brazil: Espirito Santo do Pinhal at 871 m height, Itobi at 811 m, Três Corações at 993 m and Caldas at 1150 m. The vines were trained on vertical shoot position and pruned in January to harvest grapes in the winter season. The highest yield was obtained in Três Corações (9,780 kg.ha-1), followed by Caldas, Pinhal and Itobi. High bud fertility and berries? weight and size contributed to highest yield at Três Corações and Caldas. Grapes grown in Pinhal at 21.5°C of average berry temperature and thermal amplitude of 16.8°C showed higher total soluble solids (23.2°Brix) than the berries harvested in the other viticultural zones (20°Brix). These vines also showed the highest photosynthetic and transpiration rates. Berries harvested at Caldas showed the greatest must acidity probably due to lowest average temperature of the berries (19.2°C) which impairs acid degradation. Berries harvested at Itobi and Três Corações showed higher phenolic compounds and anthocyanins content. The wine from Pinhal showed an alcoholic grade of 15° GL while wine from Caldas had the lowest grade (11°GL). Wines from Três Corações and Pinhal showed the highest polymerized pigments index and color intensity after 16 months aging. Wine tipicity was also evaluated by sensorial analyses in which wines from Caldas showed the lowest scores in hedonic scale. These data showed that it was possible to identify different Syrah winemaking zones in Brazilian southeast.; 2012

Aromatic stability of Syrah and Petit Verdot tropical wines from Brazil.

ARAÚJO, A. J. de B.; VANDERLINDE, R.; OLIVEIRA, J. B. de; OLIVEIRA, G. G. de; BIASOTO, A. C. T.; PEREIRA, G. E.
Fonte: In: CONGRES DES TERROIRS VITIVINICOLES, 9., 2012, Bourgogne. Actés... Bourgogne: Université de Bourgogne, 2012. Publicador: In: CONGRES DES TERROIRS VITIVINICOLES, 9., 2012, Bourgogne. Actés... Bourgogne: Université de Bourgogne, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: p. 6-9.
EN
Relevância na Pesquisa
37.59%
The production of fine wines in the Sub-middle of the São Francisco River Valley, Northeast of Brazil, is relatively recent, about twenty-five years ago. This region presents different characteristics, with a tropical semiarid climate, in a flat landscape. Presenting high annual average temperature, solar radiation and water in abundance for irrigation, it?s possible the scaling the grape harvests for winemaking throughout the year, allowing to obtain until two harvests per year. Several factors may affect the aromatic compounds in wines, such as viticulture practices, climatic conditions, cultivars and winemaking process. This study aimed to evaluate the aromatic stability of Syrah and Petit Verdot tropical wines elaborated in two different periods in the year. The grapes were harvested in the first and second semesters of 2009, in June and November. The wines were elaborated and then, they were bottled and analyzed in triplicate, thirty days and one year after bottling, by gas chromatography with ionization detector flame (GC-FID), to evaluate the profile and the stability of the aroma compounds. Principal component analysis was applied to discriminate between wine samples and to find the compounds responsible by the variability. The results showed that Syrah and Petit Verdot tropical wines presented different responses...

Comportamento das cultivares Cabernet Sauvignon e Syrah em diferentes porta-enxertos

Orlando,Tânia das Graças Silva; Pedro Júnior,Mário José; Santos,Antônio Odair; Hernades,José Luiz
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
27.81%
As cultivares Cabernet Sauvignon e Syrah são destinadas à elaboração de vinhos tintos jovens ou de guarda bastante difundidas em diversas zonas vitivinícolas de todo o mundo. No Brasil, são utilizadas principalmente no Rio Grande do Sul e Vale do Rio São Francisco. Atualmente, produtores da região de Jundiaí, SP, têm demonstrado interesse na utilização de tais cultivares com intuito de obter vinhos de qualidade superior aos originários de cultivares americanas. Por isso, realizou-se o estudo do comportamento das cultivares Cabernet Sauvignon e Syrah em diferentes porta-enxertos, na região de Jundiaí, SP (23º06' S; 46º55' W, 715 m). Não houve influência dos diferentes porta-enxertos sobre o comportamento da cultivar Cabernet Sauvignon. O porta-enxerto IAC 571-6 'Jundiaí' tendeu a conferir colheita tardia na cultivar Syrah. Os porta-enxertos IAC 572 'Jales' e IAC 571-6 'Jundiaí' conferiram maior produção a cultivar Syrah. A cultivar Syrah apresentou-se como boa opção de plantio para obtenção de vinho de qualidade na região.

Desenvolvimento e análise de funcionamento de Lisímetros de pesagem para determinação da evapotranspiração em videira de vinho cv Syrah (Vitis vinífera L).

Nascimento, Eliel Ferreira do
Fonte: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia Publicador: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Relevância na Pesquisa
27.71%
Este trabalho teve como objetivos a instalação, calibração e avaliação de desempenho de três lisímetros de pesagem com célula de carga, para o monitoramento da demanda hídrica na cultura da uva; e a medida da evapotranspiração e determinação do coeficiente de cultivo no estadio inicial de desenvolvimento da videira de vinho cv. Syrah (Vitis vinífera L.), em Petrolina-PE. Foram construídos e calibrados 3 lisímetros de pesagem, com área superficial de 2,4 m2 (dimensões 1,20 m de largura, 2 m de comprimento e 1,0 m de profundidade), após a implantação de um parreiral da cv. Syrah enxertado em Paulsen 1103, no espaçamento 3 X 1 m, irrigado por gotejamento, com 2 emissores de 2,5 litros por hora. A evapotranspiração de referência foi estimada pelos métodos de Penman-Monteith FAO e Tanque Classe A. Verificou-se que os lisímetros instalados apresentaram bom desempenho, uma alta linearidade para os sinais entre a célula de carga e a massa do equipamento, excelente coeficiente de determinação (r2=0,99) e baixa histerese. Os lisímetros apresentaram sensibilidade suficiente para detecção de mudança de massa correspondente a lamina de 0,11 mm, com valores de exatidão de 0,4, 0,6 e 1 mm para os lisímetros 1...

Desempenho da videira ´Syrah´ sobre diferentes porta-enxertos em ciclo de inverno no Sul de Minas Gerais

Dias, Frederico Alcântara Novelli
Fonte: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAG - Departamento de Agricultura; UFLA; BRASIL Publicador: UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS; DAG - Departamento de Agricultura; UFLA; BRASIL
Tipo: Dissertação
Publicado em 03/10/2014 PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.81%
A ´Syrah´ é uma cultivar tinta promissora para a produção de vinhos finos de qualidade no sudeste do Brasil. A qualidade do fruto depende do balanço entre o crescimento vegetativo e reprodutivo que ocorre simultaneamente na planta. Além da escolha da cultivar no momento da instalação do vinhedo, a escolha do adequado porta-enxerto é muito importante devido sua influência na fisiologia das plantas, na produção e na qualidade da uva. Para os vinhedos de altitude no clima quente de Minas Gerais ainda não existem dados sobre a influência dos diferentes porta-enxertos sobre a cultivar Syrah. Desta forma, este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a influência de três porta-enxertos (´1103 Paulsen´, ´110 Richter´ e o ´SO4´) sobre as trocas gasosas, potencial hídrico da planta, produção e composição das uvas da ´Syrah´ em vinhedo comercial não irrigado, no sul de Minas Gerais. As avaliações foram realizadas nas safras de 2007, 2008 e 2009; as videiras foram conduzidas em espaldeira e podadas em duplo cordão esporonado. Foi utilizado o manejo de dupla poda para coincidir o final da maturação e a colheita com os meses mais secos e de temperaturas mais amenas do ano (junho/julho). Os porta-enxertos não exerceram influência sobre o potencial hídrico de base. Os valores foram maiores do que -0...

Berry size variation of Vitis vinifera L. cv. Syrah: Morphological dimensions, berry composition and wine quality

Melo,M.S.; Schultz,H.R.; Volschenk,C.G.; Hunter,J.J.
Fonte: South African Journal of Enology and Viticulture Publicador: South African Journal of Enology and Viticulture
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2015 EN
Relevância na Pesquisa
37.4%
Berry size has always been a quality factor in wine production. In this study, Syrah grapes from a single vineyard were classified into different size groups according to diameter: small (< 13 mm), medium (13 < diameter < 14 mm) and large (> 14 mm). Smaller berries were present in the highest and larger berries in the lowest numbers. Size distributions were similar in both seasons (2010/2011 and 2011/2012). Berry physical characteristics (mass, volume and skin area) increased with size, showing the same tendency in both years. Positive correlations between berry mass, volume and skin area were found, whereas these variables were negatively related with berry number/kg grapes. Berry volume was negatively correlated with dry skin weight. Skin surface area/berry volume seems to be an indicator of the "dilution" effect associated with increasing size, as larger berries presented the lowest values. In 2012 the grapes were harvested at a higher soluble solid level than in the previous year; large-sized berries presented the lowest levels in both years. The whole-berry analysis of total anthocyanins showed a decrease in concentration and increase in content per berry, from smaller to larger berries. Small berries and the control (naturally occurring berry size mixture) showed a higher extractability of anthocyanins and phenolic compounds than the medium and large berries. Sensorially...