Página 1 dos resultados de 69 itens digitais encontrados em 0.183 segundos

A Revista Atlântico (1985-1989): do suporte impresso ao digital - construção de uma base de dados bibliográfica

Santos, Cláudia Cristina Ponte
Fonte: Universidade da Madeira Publicador: Universidade da Madeira
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 04/04/2014 POR
Relevância na Pesquisa
85.79%
A presente dissertação centrar-se-á no objetivo de dar a conhecer, de forma genérica, alguns aspetos acerca da invenção da escrita e da evolução dos seus suportes até aos dias de hoje, tomando em conta algumas ideias acerca da criação da internet e do conceito de hipertexto, suas implicações e potenciais aplicações no modo como os leitores contactam e lidam com o texto. Atualmente, a informação disponível em rede está a crescer exponencialmente, pois todos os dias surgem novas páginas Web e através delas são disponibilizados novos ficheiros. De forma a administrar uma enorme quantidade de informação de teor muito diverso, houve a necessidade de se construir bases de dados. O tópico central desta dissertação é – no quadro da imprensa Madeirense publicada ao longo da década de 1980, em especial a imprensa cultural produzida na cidade do Funchal a – Atlântico – Revista de Temas Culturais, publicada entre os anos 1985-1989. O trabalho realizado consistiu, através da utilização da base de dados bibliográfica Bibus (disponível em rede para download), na criação de uma base de dados a partir da análise dos vinte números da revista Atlântico – Revista de Temas Culturais, da sua leitura...

O Percurso do Mito Inesiano da Literatura ao Cinema. Exercício de Transposição Didática de A Trança de Inês

Ferreira, Maria da Glória Marques
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
95.77%
O presente trabalho insere-se no contexto do doutoramento em Literatura Portuguesa (Investigação e Ensino) da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Assume o seu horizonte pedagógico-didático, voltado eminentemente para a vertente do Ensino da Literatura sem, porém, dispensar o travejamento teórico e analítico que a investigação literária oferece e do qual é subsidiária toda a proposta de transposição didática da obra A Trança de Inês, de Rosa Lobato de Faria, cuja análise apresentamos. Percorrer (desde a sua génese até ao momento presente) o tratamento do mito inesiano criado por historiadores e literatos e verificar as suas interpretações e recriações na arte cinematográfica – este último, um percurso inédito, reunindo num só trabalho a análise de toda a produção fílmica portuguesa – é a estratégia metodológica seguida, para desembocar na sala de aula, motivada pela inclusão do guião e da adaptação de obras literárias nos mais recentes programas de Português do Ministério da Educação. Elaborar materiais e exemplificar a sua exploração é o objetivo último deste trabalho que almeja, deste modo, prover sugestões para a utilização maximizada de diversos suportes em contexto escolar (audiovisuais...

Leitura e oralidade: as inscrições do desejo no percurso de formação do leitor.; Reading and orality: the inscriptions of desire in the reader's development process.

Lima, Sheila Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 27/11/2006 PT
Relevância na Pesquisa
106.02%
O percurso de formação do leitor, sobretudo na sua fase inicial, que coincide com a entrada da criança na escola, parece condicionado não apenas a uma ambiência de leitura bem constituída, estabelecida pelo contato freqüente com a cultura gráfica por meio de diversos suportes da escrita. Há, nesse processo de transição, caracterizado pela extrapolação de um domínio da língua por meio da fala para se efetivar a entrada na escrita, a relevância de uma ancoragem em um repertório de diversos gêneros da oralidade constituído ao longo da primeira infância, no ambiente parental. Buscando melhor compreender os fatores que condicionam a efetiva entrada da criança no universo da escrita gráfica e, desta forma, sua aprendizagem da leitura, esta pesquisa procura investigar três aspectos que parecem fundamentais: o conceito de língua, a concepção de leitura e a relação entre aquisição de língua, em suas diversas expressões e possibilidades subjetivas. Diante de tal quadro, apoiou-se a investigação em teorias oriundas da Lingüística, da Psicanálise e da Educação. Assim, num primeiro momento, procura-se explorar uma concepção de língua a partir do fato de que sua manifestação está referenciada ao desejo do sujeito que a põe no discurso...

A construção de sentido na leitura do hipertexto: o ato da leitura e suas implicações pedagógicas

Cavion, Elaine Pasquali
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.83%
O presente trabalho aborda a construção de sentido na leitura hipertextual, analisando aspectos que colaboram ou não para que o sentido possa emergir (surgir). A análise é centralizada na relação leitor/texto e busca trazer à tona os entremeios que influenciam esta imbricação. O ato de ler é especificado e vinculado às tecnologias da escrita, analisando-se a influência destas sobre as formas que os leitores percebem os textos em alguns contextos históricos relevantes a este tema. A partir deste exame discute-se a conceitualização do hipertexto e procura-se situá-lo não apenas no texto digitalizado, mas no texto em si, nos seus diversos suportes. A construção de sentido é focalizada na interação entre leitor e texto, sendo que ambos são constituídos de inúmeras vozes que dialogam entre si. E, o estudo de caso apresentado traz uma ambientação pedagógica e alguns indicativos de como o aluno/leitor tem interagido face ao hipertexto, e como a atuação mediadora do professor está inserida neste processo. Por fim, é relevante enfatizar que há um diálogo permanente no texto, tanto com os autores que pensaram e pensam a leitura, o texto e o hipertexto, como com o leitor que será convidado a refletir sobre a questão do sentido.; The purpose of this research is to show the construction of meaning in hypertext reading...

Práticas domésticas de letramento e de alfabetização das crianças do 1º ano do ensino fundamental de nove anos

Costa, Maria Luciane Briddi
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.92%
Este Trabalho de Conclusão de Curso objetiva compreender como, aos seis anos, os alunos interpretam a funcionalidade da língua escrita no ambiente extra-escolar, nos convidando a pensar sobre as relações entre a escola e a família. Analisa as práticas domésticas de leitura e de escrita vivenciadas pelos alunos que estão no primeiro ano do Ensino Fundamental de Nove Anos de uma escola da rede estadual de ensino no município de Alvorada, no estado do Rio Grande do Sul. Configura-se como uma pesquisa qualitativa, de cunho etnográfico, tendo como ferramentas metodológicas registros em desenho sobre tais práticas e entrevistas relacionadas à interpretação de tais produções. Permeiam este estudo os conceitos de alfabetização, letramento, práticas e eventos de letramento e de alfabetização. A análise dos dados produzidos deu-se em três partes: das práticas de leitura, das práticas de escrita e dos significados atribuídos a tais práticas. A realização das duas primeiras partes possibilitou, sobretudo, evidenciar que suportes e gêneros textuais são mais explorados na esfera doméstica e que usos recebem em outras esferas, como as do lazer, da educação, do trabalho e da religião. A última parte permitiu concluir o quanto o uso cotidiano das práticas de leitura e de escrita é necessário e importante em esferas diversas...

Práticas de leitura e escrita na contemporaneidade : jovens e fanfictions

Carvalho, Larissa Camacho
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
86.11%
O presente estudo, inspirado nos pressupostos da História Cultural, mais especificamente voltado à história das práticas de leitura e escrita, tem como objetivo examinar algumas das transformações operadas nas práticas de escrita e leitura deflagradas com o surgimento dos computadores e da internet. As tecnologias da informação e comunicação da atualidade são responsáveis por profundas mudanças em vários âmbitos da vida social e, quanto à leitura e à escrita, são responsáveis por uma verdadeira revolução quanto aos suportes dos textos, as figuras de autor e de leitor, bem como as próprias práticas, de tal monta que pode ser comparada à revolução ocorrida com a passagem do rolo (volumen) para o códex no século V. Como objeto privilegiado da análise, a investigação centra-se nas fanfictions, textos escritos por jovens fãs de livros, filmes, séries televisivas, histórias em quadrinhos (inclusive os mangás japoneses), desenhos animados (incluídos os animês japoneses), bandas musicais, entre outros. Os leitores/escritores das fanfictions inspiram-se nos personagens, nos cenários, nas tramas, nos conflitos das obras que são fãs, a partir dos quais dedicam-se a escrever suas próprias histórias. A pesquisa empírica se vale de documentos produzidos a partir de questionários estruturados...

Entre gestos e práticas: leituras de mães, professoras e meninas de um centro de referência down

Bortolanza, Ana Maria Esteves
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 150 f. : il. color.
POR
Relevância na Pesquisa
76.01%
Pós-graduação em Educação - FFC; Ce travail a pour objet la compréhension des pratiques de lecture de trois mères, trois professeurs et trois filles dans un Centre de Référence du syndrome de Down. Il s’agit d’une étude de cas à caractère ethnographique réalisée au moyen d’entrevues individuelles, d’observations formelles et informelles, d’analyse documentale et de registres photographiques, des procédures de recherche effectuées entre novembre 2007 et septembre 2008. Les catégories doubles utilisées dans les analyses ont été celles d’espace privé et espace public, de tactiques culturelles et stratégies institutionnelles, d’oralité et écriture. L’évaluation des modes et des intentions de lecture, des lieux, des objets de lecture, des supports et des genres textuels des mères et des professeurs ont montré la forte présence de la Bible dans leurs pratiques de lecture depuis leur enfance et du livre didactique Caminho Suave dans leurs pratiques scolaires et l’alphabétisation. Les données concernant les gestes de lecture des filles présentant le syndrome de Down ont révélé d’un côté, leur besoin d’inclusion pleine dans la culture écrite et leur potentialité pour le développement de pratiques de lecture et de l’autre...

O quadro interativo no ensino do português : dos recursos aos discursos

Fernandes, Jaime Manuel da Costa
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
85.71%
O trabalho que apresentamos, “O Quadro Interativo no ensino do Português: dos recursos aos discursos”, situa-se na área do Multimédia em Educação e, mais especificamente, no domínio da tecnologia e pedagogia em sala de aula. Partimos de um projeto de implementação de quadros interativos em agrupamentos/escolas do interior do país, associado a um Centro de Formação e procurámos evidenciar a forma como essa tecnologia levou à introdução de recursos digitais de aprendizagem na unidade curricular de Português. Nesse âmbito, fizemos uma análise sobre os tipos, funcionalidades e usos pelos professores e estudantes no processo de ensino e aprendizagem com os QIM. Analisámos também algumas estratégias de utilização no desenvolvimento de competências essenciais da língua e a interação que proporcionaram no ambiente educativo. Para percebermos as razões e fundamentos que estiveram na base da investigação, procurámos, na primeira parte do nosso trabalho, partir de três vertentes de uma conjuntura que fundamenta a aprendizagem no século XXI: a passagem de uma sociedade da informação para uma sociedade do conhecimento como um processo que radica numa comunicação em rede e na criação de conhecimento(s) através de recursos digitais; o desenvolvimento de competências adequadas e que conduz os indivíduos para ambientes de aprendizagem com as tecnologias; e numa Escola mais familiarizada com as tecnologias...

A Prisão: Um Espaço de Formação e um Percurso para a Promoção da Literacia

Afonso, Isilda Maria da Conceição Magalhães Lourenço
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
85.86%
No presente trabalho, focalizamos a problemática das prisões e de quem as ocupa, perspectivando situações educativas como a formação transdisciplinar, a educação para a cidadania, a comunicação, o recurso à leitura e à escrita (nos mais variados suportes). Pretende-se mostrar que o recurso à leitura/escrita é um caminho especial para a formação do indivíduo em reclusão, no sentido das exigências da Sociedade de Informação em que estamos inseridos, pretendendo-se, por essa via, levá-lo a reflectir, compreender, inferir, expressar-se, intervir, transformar-se. A esse nível, apresenta-se um estudo em prisões portuguesas, a partir de cujas conclusões se formulam propostas que possibilitem a formulação de currículos, a definição de actividades, a delineação de projectos, capazes de melhorar as condições dos reclusos de hoje e de quantos, no futuro, tiverem a infelicidade de o vir a ser iv /ABSTRACT - This work pretends to show the problem of prisons and prisoners on use of knowledge, having in mind educational situations such as multi subject training, education for citizenship, communication through reading and writing. The aim is to promote different level training among these special people so that they can get knowledge...

Prática de ensino supervisionada em pré-escolar e em 1º ciclo do ensino básico: as conceções da leitura e da escrita

Cardoso, Ana Marta Marchã
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.05%
O presente relatório da Prática de Ensino Supervisionada (PES) emerge da observação e participação no contexto da PES em pré-escolar, na Escola Básica e Jardim de Infância do Bacelo e em 1º Ciclo do Ensino Básico (CEB) na Escola Básica e Jardim de Infância dos Canaviais, ambas pertencentes ao Agrupamento nº 4 de Évora. O principal objetivo foi compreender que conhecimentos possuem as crianças sobre a funcionalidade da leitura e da escrita e sobre os seus suportes antes e após a entrada no ensino formal obrigatório. Para isso, importa contextualizar a ação com uma breve descrição e análise dos ambientes educativos e da conceção da ação educativa que norteou a prática. Este relatório encontra-se organizado em três itens basilares precedido por uma Introdução e finalizado por uma Conclusão reflexiva de todo o trabalho. A primeira parte refere-se ao quadro teórico que sustenta a investigação do tema - Conceções da leitura e da escrita - na prática. Segue-se a segunda parte que aborda a metodologia aplicada ao longo da PES no âmbito do educador/professor investigador, assim como na entrevista individual semiestruturada e os suportes de escrita que foram avaliados pela análise das respostas dadas ao serem apresentados diversos materiais. Por fim...

Construindo a linguagem escrita no jardim de infância: Estudo sobre as actividades pedogógicas e a evolução dos conhecimentos de um grupo de crianças em idade pré-escolar

Fernandes, Joana Ortigão
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2003 POR
Relevância na Pesquisa
76.11%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Educacional; Neste estudo, partimos do pressuposto que a educação pré-escolar poderá contribuir para a diminuição das taxas de insucesso escolar na área da leitura e da escrita no nosso país. Promover a emergência da alfabetização e, principalmente, da literacia, é um dos objectivos da educação pré-escolar, no qual o educador de infância e a sua prática pedagógica têm um papel determinante. Trata-se de um estudo descritivo com dois objectivos gerais: por um lado, descrever situações de leitura/escrita numa sala de jardim de infância com o fim de facilitar comportamentos emergentes da linguagem escrita; e, por outro, descrever qualitativamente os desempenhos de 15 crianças de 5 anos nas provas realizadas antes e depois das actividades desenvolvidas. As provas foram constituídas por uma prova de escrita, uma prova relativa ao projecto pessoal de leitor/escritor, uma prova de identificação de 18 suportes de escrita, seus conteúdos e funções, e uma prova de leitura e pseudo-leitura de excertos dos suportes de escrita usados na prova anterior. As situações pedagógicas, tendo como base teórica uma perspectiva socioconstrutivista, foram desenvolvidas de modo a valorizar e utilizar a leitura e escrita nas rotinas de sala de aula. Desta forma...

Descobrindo a linguagem escrita aos 3 anos evolução dos conhecimentos de um grupo de crianças ao longo de um ano

Míguez, Laura García
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2004 POR
Relevância na Pesquisa
76.22%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Educacional; Partindo do princípio que a Educação Pré-escolar pode, de facto, contribuir para o sucesso educativo na área da linguagem escrita, na medida em que um dos seus objectivos é promover a emergência da literacia e da alfabetização, consideramos que o papel do educador de infância é de uma enorme responsabilidade, podendo ser a qualidade da sua prática pedagógica determinante na prevenção do insucesso escolar. O presente estudo é descritivo e tem como objectivo geral: perceber de que forma um grupo de crianças de 3 anos evoluiu, do início para o final do ano lectivo, no que diz respeito à linguagem escrita e analisar, paralelamente, de que forma esta evolução se relaciona com as actividades desenvolvidas em torno da linguagem escrita. Como objectivos específicos, este estudo tem: a descrição do ambiente educativo em função da linguagem escrita; a descrição das actividades realizadas que facilitam experiências de aprendizagem no domínio da linguagem escrita e a análise dos desempenhos das crianças nas provas realizadas antes e depois das actividades de forma a reflectir sobre a evolução dos seus conhecimentos face à linguagem escrita. Relativamente ao desempenho das crianças nas provas realizadas tínhamos como hipóteses que existiria uma evolução significativa...

Práticas de ensino da leitura e da escrita no 1º ano de escolaridade

Gaitas, Sérgio Miguel Protásio; Martins, Margarida Alves
Fonte: ISPA - Instituto Universitário Publicador: ISPA - Instituto Universitário
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
75.98%
A investigação sobre o ensino da linguagem escrita tem descrito o debate e a controvérsia sobre a melhor forma de iniciar os alunos neste processo complexo. Este debate tem como principais intervenientes os defensores do método sintético, que defendem a importância do domínio do código da linguagem escrita – as letras têm sons que se combinam para formar palavras de forma mecânica e previsível, e os defensores do método global, que postulam a importância dos alunos perceberem a funcionalidade da linguagem escrita – experiências reais com verdadeiros suportes de leitura e escrita. Recentemente, ultrapassando esta dicotomia código/significado, diferentes trabalhos têm demonstrado a eficácia de uma abordagem que contemple elementos de ambas as perspetivas referidas anteriormente (e.g. Guthrie, Schafer, & Huang, 2001; Pressley, 2003). Neste contexto, o objetivo deste estudo foi o de analisar as práticas de ensino da leitura e da escrita no primeiro ano de escolaridade. Participaram neste estudo 880 professores portugueses a lecionar no primeiro ano de escolaridade. Para analisar as práticas dos professores foram utilizados dois instrumentos: um questionário, adaptado e validado a partir do questionário de Fijalkow e Fijalkow (1994; 2003) e construída uma grelha de observação de práticas de ensino da leitura e da escrita. Através de uma análise de clusters foram identificados três subgrupos de professores que se caracterizam genericamente da seguinte forma: um subgrupo com práticas mais centradas no código; outro com práticas mais centradas no significado; e um grupo misto. Foram ainda observados três professores de cada subgrupo.

Leitura e escrita via internet: formação de professores nas áreas de alfabetização e linguagem

Freire,Fernanda; Cavalcanti,Marilda; Kleiman,Angela; Possenti,Sírio
Fonte: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada Publicador: UNICAMP. Departamento de Linguística Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
75.97%
O artigo apresenta a metodologia dos cursos que o Centro de Formação Continuada do Instituto de Estudos da Linguagem (CEFIEL) oferece a professores do ensino básico de escolas públicas utilizando o ambiente de ensino à distância TelEduc como um espaço para o exercício de diferentes práticas com a leitura e a escrita, bem como de interação entre os professores em formação e os professores do Centro, visando a aprendizagem e a reflexão sobre a prática educacional na área de Alfabetização e Linguagem. Em meio a uma complexa rede de interação/aprendizagem discute-se - por meio da análise de extratos de um dos cursos - o que se faz nesse contexto em relação ao trabalho com e sobre a escrita considerando: as idéias pré-concebidas que os participantes têm de cursos de formação à distância; a forma como interpretam/usam os espaços de comunicação do ambiente e as relações que estabelecem entre gêneros textuais não digitais e gêneros que usam/aprendem em tais espaços; o modo como se envolvem na comunidade que se constitui durante o curso e as relações que sociais constroem entre si. Os resultados mostram que a metodologia de formação incide na relação cursista/leitura-escrita: nos cursos os professores em formação assumem - em meio às atividades propostas - o lugar de leitor/escrevente já que as interações se fazem quase exclusivamente por meio da escrita. Os extratos analisados mostram ainda que ler e escrever usando as ferramentas do ambiente requer uma compreensão/interpretação desses suportes/gêneros textuais...

Letramento, Gênero E Ensino: Uma Questão De Várias Relações

CÂNDIDO, Waléria Escher de Oliveira
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Letras e Linguística; Lingüística, Letras e Artes
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
95.83%
Esta investigación procura verificar si los profesores conocen la teoría de letramento si trabajan con géneros discursivos y, específicamente, analizar cuales son las prácticas pedagógicas en las salas de clase de los profesores investigados. Para proceder a la observación, nos servimos de los enunciados de profesores y alumnos de una institución pública de la enseñanza fundamental del 2º período del ayuntamiento de Aparecida de Goiânia, ciudad de Goiás. Por tratarse de una investigación cualitativa desarrollada mediante entrevistas, cuestionarios y anotaciones de campo, seleccionamos las cuestiones más pertinentes con el propósito de verificar las estrategias de los profesores antes mencionados. Nuestro estudio se basa en el concepto de letramento de Soares (2004, p. 47), quien define que letramento es el estado o condición de quien no solo sabe leer y escribir, sino también cultiva y ejerce las prácticas sociales utilizadas por la escrita . Por eso, tomamos como bases principales las autoras Magda Soares (1993, 2003, 2004, 2010) y Ângela Kleiman (2002, 2004a, 2004b, 2005a, 2005b, 2007a e 2007b), así como el principio baktiniano: La lengua penetra la vida a través de los enunciados concretos que la realizan y...

Oralidade, alfabetização e leitura: enfrentando diferenças e complexidades na escola pública; Orality, literacy and reading: dealing with differences and complexities in the public school

BELINTANE, Claudemir
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
75.96%
Apresenta-se o relato de uma pesquisa, na área de ensino da leitura e da escrita, realizada em duas séries de primeiros anos do ensino fundamental, em uma escola pública da cidade de São Paulo. A partir de diagnósticos baseados na cultura oral de alunos que apresentavam dificuldades de aprendizagem de leitura mesmo após três ou quatro anos de escolarização, procurou-se criar, ministrar e monitorar um programa de ensino baseado na transição entre cultura oral e cultura escrita. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa, cuja preocupação é lidar com a heterogeneidade da sala de aula em seu processo e em sua complexidade. O viés teórico é multidisciplinar, incluindo áreas de pesquisas sujeitas às influências da linguística, da psicanálise e da educação e, ainda, dos estudos de pesquisadores da área que se convencionou chamar "equação oralidade-escrita" (Havelock,1995). Os resultados trazem dados, relatos de intervenções e reflexões que podem subsidiar programas de ensino para a faixa etária estudada e questiona ainda o foco excessivo que as metodologias construtivistas põem sobre o ato de escrever ou sobre a própria escrita. Propõe uma nova perspectiva de enlaçamento entre a cultura oral dos alunos e letramento escolar...

Caracterização do conhecimento de literacia emergente em crianças de três anos de idade e a sua relação com as práticas de leitura de histórias

Saraiva, Filipa Alexandra
Fonte: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
85.86%
Tem-se verificado nos últimos anos, que o conhecimento de histórias infantis, por parte das crianças, poderá apresentar uma estrita relação com o conhecimento relativo às conceptualizações das crianças sobre a escrita, com o nível de vocabulário destas e com a percepção da funcionalidade da leitura e escrita. Neste sentido, procurámos caracterizar os conhecimentos de literacia emergente em crianças de 3 anos de idade e verificar a sua relação com o conhecimento de histórias infantis. Participaram neste estudo 78 crianças com idades compreendidas entre os 36 e os 49 meses a frequentar o ensino pré-escolar em três escolas diferentes. Os dados foram recolhidos através da aplicação de quatro provas: Prova de conhecimento de histórias infantis; Prova dos Suportes, Prova de Conceptualizações infantis sobre linguagem escrita e a Prova de vocabulário (EDEI). Os resultados evidenciaram uma clara associação entre o conhecimento de histórias e o nível de vocabulário das crianças, quanto maior o número de história que a criança reconhece maior o nível de vocabulário desta. Relativamente às conceptualizações não foi possível verificar uma relação com o conhecimento de histórias infantis...

The lesson and the exercise: some reflections about the history of reading and writing practicals; A lição e o exercício: algumas reflexões sobre a história das práticas escolares de leitura e escrita

Hébrard, Jean
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 04/11/2007 POR
Relevância na Pesquisa
85.99%
When we discuss the history of the lesson and the exercise, the article shows how to construct the great didactic models that they had structuralized and structuralize the different institutions of schooling in France. The antagonism between lesson and exercise - as between transmission to know and competence; primary, secondary and university education; to read and to write - it questions the borders between primary and secondary and elementary school and high school, in French education. The school practicals referred discuss “how” and “so that” the lessons and the exercises are applied, characterizing the different levels of education and enclosing the school culture of each one of these levels, in other words, the constitution of the school time, the space of the practical ones, the material supports and the referred methods. The analyzed period goes to between the end of century XIII, when they began the high schools in the great European cities, and century XX, when the didactic supports of the new technologies produce the new reading and writing school practicals.; Ao tratar da história da lição e do exercício, o artigo mostra como se constroem os grandes modelos didáticos que estruturaram e ainda estruturam as diferentes instituições de escolarização na França. O antagonismo entre lição e exercício – como entre transmissão de saberes e competências; ensino primário...

A Leitura e a Tela

Rocha, Sérgio Luiz Alves da
Fonte: Revista Observatório Publicador: Revista Observatório
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 06/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
85.94%
Este texto originou-se a partir de uma pesquisa de doutorado realizada em uma escola pública de ensino médio do Estado do Rio de Janeiro. O principal objetivo do trabalho era discutir - com professores e alunos - alguns temas relacionados às suas concepções e práticas de leitura, utilizando como recuroso metodológico imagens produzidas pelos sujeitos da pesquisa. Diferentes concepções sobre a leitura, a relação entre a leitura literária e outros tipos de leitura e dessas com as "novas tecnologias", o papel da escola, motivando ou não o acesso aos diferentes suportes e textos, foram alguns dos tópicos discutidos naquele estudo. Durante a realização da pesquisa abordei a leitura como prática cultural, nos termos propostos pela história cultural. Este texto privilegia um recorte desta discussão, abordando a relação entre a imagem, a leitura e a escola. Palavras-chave: Leitura; Jovens; Imagem; Escola; Televisão.   ABSTRACT This paper is a result of a doctoral research, in a public high school in Rio de Janeiro. The main objective of this work was to discuss - with teachers and students - some topics related to their conceptions and practices about reading, throughout pictures that were taken by them during the research. The different ideas about reading...

PERSPECTIVAS DE LEITURA PARA POÉTICAS-DIGITAIS; Perspectivas de leituras para poéticas digitais

Vieira, Flaviano Maciel; Universidade Federal da Paraíba.
Fonte: Núcleo de Pesquisa em Informática, Literatura e Linguística (NuPILL) Publicador: Núcleo de Pesquisa em Informática, Literatura e Linguística (NuPILL)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 09/07/2013 POR
Relevância na Pesquisa
75.86%
Novas formas de fazer poesia surgem em meio aos suportes computacionais. Esse novo fazer poético apresenta uma inovadora forma de escrita para os olhos, consequentemente categorias poéticas próprias do suporte computacional começam a se configurar nos sistemas criados nestes meios. Isso exige dos leitores novos olhares e interpretações, numa adequada forma de ver-ler-ouvir-traduzir a poesia. A proposta desse artigo é apresentar uma possível metodologia de abordagem de poéticas digitais, independente da tecnologia e programas disponíveis no momento histórico de suas composições. A base teórica que auxiliará na explicitação da abordagem será a semiótica triádica de Charles Sanders Peirce. A importância da semiótica peirciana está em dispor de um modelo teórico que abrange o estudo dos signos verbais e não-verbais. Para Décio Pignatari (2004), a semiótica peirceana destina-se a desempenhar um papel de relevo, tanto na crítica literária quanto na teoria. Espera-se, neste sentido, contribuir com o percurso conceitual-teórico geral já existente sobre poesia em meios computacionais, algo que vem sendo tão bem desenvolvido por autores como Julio Plaza, Antônio Risério, Philadelpho Menezes, José Augusto Mourão...