Página 1 dos resultados de 1372 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Entre a origem e a maquina estrutural : o sujeito constitutivo e inventivo nos caminhos de Mikhail Bakhtin e de Michael de Certeaul

Maria Celeste Said Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/07/2001 PT
Relevância na Pesquisa
46.26%
Esta tese é uma investigação sobre o trabalho inventivo do sujeito. A autora analisa panfletos políticos produzidos pelas duas principais frentes político-ideológicas, que disputaram as eleições no Brasil em 1998, centrando o enfoque no processo discursivo para verificar o trabalho realizado pelo sujeito panfleteiro. Sem voltar a velha hipótese do sujeito produtor e considerando o princípio dialógico bakhtiniano e a concepção de inventividade como desenvolvida por Michel de Certeau, a pesquisa busca mostrar que o panfleto é um gênero e um lugar onde o sujeito "trabalha". Esta tese destaca as táticas discursivas do sujeito que são demonstradas a partir da grande diversidade e particularidades na construção do panfleto. Contrariamente à Escola de Análise do Discurso francesa (AD) que diz que o sujeito é assujeitado pela formação ideológica que impõe o que pensar, pela formação discursiva que determina o que deve dizer, as manipulações e subversões apresentadas são resultados do trabalho de um sujeito constitutivo e inventivo como previstos por Bakhtin e por De Certeau. Em suma, a tese mostra que o sujeito é constituído por outros discursos, ou seja, pela ideologia, pelo inconsciente, pela história, mas que não é assujeitado por eles. Com efeito...

O consentimento livre e esclarecido para o sujeito de pesquisa

Maria Fernanda Ribeiro Bittar
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/07/2004 PT
Relevância na Pesquisa
46.22%
A obtenção do Consentimento Livre e Esclarecido (CLE) tem como objetivo principal proteger e promover a autonomia do indivíduo, oferecendo conhecimento e orientação ao sujeito de pesquisa. Deve ser um processo que envolva troca de informação, compreensão, relacionamento e confiança entre sujeito de pesquisa e pesquisador. Apesar de observarmos um aumento significativo na utilização do termo de CLE em pesquisas envolvendo seres humanos, existe a necessidade de investigação e aprimoramento em sua utilização. Este trabalho trata de uma pesquisa clínico-qualitativa, com o objetivo de conhecer melhor o sujeito de pesquisa e o processo de obtenção do CLE em nosso meio, conhecer qual a percepção do sujeito de pesquisa sobre o termo CLE e buscar identificar e compreender as dificuldades e os obstáculos na sua aplicabilidade. o principal instrumento de coleta de dados foi um questionário por nós elaborado, composto por 48 questões que buscam informações demo gráficas sobre o sujeito de pesquisa, assim como investigam a opinião e a percepção do entrevistado em relação à pesquisa para o qual foi recrutado, ao processo de obtenção do CLE e ao próprio termo de CLE utilizado. Instrumentos auxiliares que geraram dados de comparação foram o Teste de ROSS...

Acontecimento, verdade e sujeito: a política como condição da Filosofia em Alain Badiou

Dias, Bruno Manuel Figueiredo Peixe
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.48%
Tese de mestrado, Filosofia, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2011; Na dissertação que agora apresentamos, desenvolvemos um trabalho de investigação subordinado à articulação entre as categorias de acontecimento, verdade e sujeito, de um ponto de vista simultaneamente ontológico e político. Na realidade, nesta simultaneidade de planos reside justamente a injunção segundo a qual ganha em inteligibilidade o estatuto da política como condição da filosofia. A configuração desse estatuto, nos seus elementos constituintes, bem como no próprio processo de pensamento ao longo do qual se foi elaborando, é uma das ocupações centrais desta mesma dissertação. De modo resumido, até 1985 todo o trabalho teórico de Badiou se encontra subordinado à política, e só se deixa entender à luz daquela que foi a militância maoísta do autor. Em detrimento de uma crítica da economia política assente em bases objetivas, na variante de marxismo praticada por Badiou neste período, as teorias da subjetividade e do antagonismo político ocupam o lugar central. A partir de meados dos anos 80, Badiou refunda a sua filosofia propondo uma metafísica que assenta, por um lado, numa identidade entre a ontologia e a matemática e...

O pensamento de Emmanuel Lévinas: uma filosofia aberta ao feminino

Menezes,Magali Mendes de
Fonte: Centro de Filosofia e Ciências Humanas e Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Centro de Filosofia e Ciências Humanas e Centro de Comunicação e Expressão da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.22%
O presente texto tem como objetivo percorrer três importantes obras do filósofo Emmanuel Lévinas - Da existência ao existente, O tempo e o outro, Totalidade e infinito - no intuito de compreender de que forma o conceito de feminino vai surgindo em suas reflexões e que significação assume diante do sujeito (compreendido por Lévinas como masculino), da subjetividade e do pensamento sobre a ética, considerada aqui como filosofia primeira.

O sujeito é de sangue e carne: a sensibilidade como paradigma ético em Emmanuel Levinas

Santos, Luciano Costa
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.32%
Numa leitura itinerante do pensamento de Emmanuel Levinas, que refaz e articula seus principais momentos, intentamos aprofundar o sentido ético da subjetividade enquanto responsabilidade pelo Outro ou um-para-o-Outro, mostrando que o humano se abre com a possibilidade extraordinária de que a alteridade do Outro venha a contar para o sujeito antes que a sua própria identidade para si mesmo. O ponto agudo deste projeto é sustentar que o sentido ético da subjetividade não emerge de modo suficiente sem uma exaustiva referência à sua dimensão sensível e encarnada. Esta articulação nodal entre ética e encarnação, ou responsabilidade e sensibilidade, torna-se patente à medida em que se descreve o arco de constituição da subjetividade, quer como ser para-si, no gozo sensível e na apropriação econômica das coisas do mundo, quer como um-para-o-Outro, na suscetibilidade a ser afetado pela alteridade de outrem e responder por ela com o dom dos próprios recursos ou, em última instância, com o dom de si mesmo, uma vez que o sujeito primariamente se constitui a partir do que ele frui e tem. Esta afetabilidade responsiva inscrita na sensibilidade humana, que a torna não-indiferente à diferença do Outro antes de seu próprio poder de decisão...

A reconfiguração do sujeito através de sua representação Online: as características e os processos no Facebook

Mazzocato, Sandra Bordini
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.26%
O objetivo desta pesquisa é a investigação dos processos de interação do sujeito com seus contatos através dos conteúdos compartilhados no Facebook, que leva a novas formas de interpretação do contexto social e das identidades dentro do universo da cultura digital. A hipótese é de que neste processo ocorre uma reconfiguração do sujeito nas maneiras de interagir com seus contatos e conteúdos com os quais possua afinidade. Considera-se que há uma recursividade entre os indivíduos em seu meio social e a relação que se estabelece com os dispositivos digitais. A relação do sujeito com a tecnologia se altera, e por consequência o próprio sujeito é alterado. Questiona-se, portanto, como a relação que o sujeito estabelece com seus contatos, e a formação de sua representação online agem de forma a reconfigurá-lo?Busca-se, inicialmente, uma pesquisa bibliográfica para que se compreenda conceitos da formação da identidade do sujeito no contexto cultural em que ele interage. Neste capítulo, relaciona-se as influências da tecnologia e seus avanços no processo de formação de identidades culturais, sobretudo as tecnologias voltadas para a comunicação. Sabe-se que existe uma relação entre sujeito e sociedade e que este processo influencia a formação de identidade...

Materialismo evolutivo: natureza, dialética e sujeito

Marques, Victor Ximenes
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.34%
O materialismo evolutivo é uma proposta de metafísica naturalista que busca combinar a teleologia imanente da dialética hegeliana com a historicidade não-teleológica da evolução darwiniana. Inspirando-se mais na biologia do que na física para desenvolver uma ontologia geral, descarta os postulados atomistas do materialismo clássico para produzir uma nova imagem da natureza, uma que seja compatível com a existência objetiva da normatividade e da intencionalidade, facilitando a articulação entre imagem manifesta e imagem científica. O materialismo evolutivo se propõe a compreender a subjetividade como realidade natural, e como é possível que ela tenha evoluído ao longo do tempo a partir do mundo físico não-mental. Procura-se compreender a inteligência e a racionalidade como resultados, não como princípios – como produtos tardios e contingentes de uma história natural. Para tanto, são mobilizados os instrumentos teóricos da filosofia dialética e da biologia contemporânea para montar um quadro conceitual rico o suficiente para permitir a naturalização da agência. Nossos objetivos aqui são: 1) defender que não é mais possível progredir em algumas questões clássicas da filosofia sem um engajamento sério com as ciências naturais...

Cuidado de si e hermenêutica do sujeito em Michael Foucault

Oliveira, Gilberto Benedito de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Filosofia; Metafísica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Filosofia; Metafísica
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.35%
The work, here present, has as its objective to present in a clear and distinct manner the object of study of Michel Foucault in his last years of teaching at the College de France, namely, the care of the self. We present the care of the self in its birth, in its origin, from the character Socrates and its development until the beginning of the Christian age. With a keen eye, we present Foucault with a work of return and rescue of the care of the self to the personal and academic discussions; we propose, from the self care, to the contemporary subject a problematization of their life so that from this questioning he creates for herself ways of life that are coherence, knowledge and care with which he has of must particular, his himself. Passing by the sources that served as the source of study for Foucault to sketch the birth of care of the self, we design the form with which Foucault has dealt with the documents that speak of the care of self. We present Socrates as one who by excellence ensures that the other will give birth to the forms of knowledge and care of the self or, in other words, we present the care of the self socratic-foucauldian as a constant worry of the other to pay attention to ways in which he conducts her life...

Sujeito e liberdade no pensamento de Michel Foucault

Santos, Maria Fernanda Cardoso
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Filosofia; Metafísica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Filosofia; Metafísica
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.25%
The leitmotif of this dissertation research is on the relationship between two fields of questioning in the Foucauldian works that may be considered, at a first glance, irreconcilable: the understanding of subject as the result of determinations, on the one hand, and its ethical stance of seeking the creation of liberty, on the other. Since, despite this apparent inconsistency, both ideas are present with much emphasis on the work of the French thinker, to understand the way Foucault articulated these two ideas was necessary to elucidate and interrelate the way in which he thought about the concepts of subject, power and liberty. Traveling with the author his intellectual itinerary, it was revealed that his conception of subject and liberty can be reconciled (although maintaining its problematic nature) and, also, both are inextricably linked each one as a result of the other. Tracing, with the author, his intellectual itinerary, it was also possible to identify and describe the fruitful conceptual tools for thinking about our own determinations and about the possibilities we have of creating new subjectivities and liberating experiences; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; O fio condutor dessa dissertação foi a pesquisa acerca da relação entre dois campos de problematização na obra de Michel Foucault que podem ser considerados...

Reflexões filosóficas em torno da constituição do sujeito religioso-moral no pensamento de Freud

Silva, Eudes Henrique da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Filosofia; Metafísica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Filosofia; Metafísica
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.47%
The present research deals with a philosophical reflection about the constitution of the subject religious and moral in the thought of Freud, starting from of question of religion while one of the various spaces concretion of the individual morality. Our hypothesis is that religion presents itself as a space of revival of the primary relationship with the mother of the subject and as a moral agency. That primary relationship corresponds to the period before the Oedipus complex. The cut caused in the Oedipus complex sake in the an emptiness the subject, leading him to a situation of helplessness. In trying to fill the emptiness and consequently out of the situation of displeasure occasioned by the helplessness, the individual seeks diverses means, between which, the religion. The religion, that sense, quest for one part, that support be filling of the existential emptiness, triggered in the Oedipus complex, and on the other, works as a staunch ally of the Superego, which for turn is direct heir of the Oedipus complex and whose function is to require of the subject to moral living, as is established by the social body, where the individual is inserted. Therefore, we seek to draw this subject starting from general ideas of the philosophy...

Heidegger e o problema das noções de sujeito e mundo em confronto com o pro-blema da realidade em ser e tempo; degger and the problem of the notions of subject and the world in confronting the problem of reality in time and be

CASTRO, Paula Roberta de
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Filosofia; Ciências Humanas Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Filosofia; Ciências Humanas
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.29%
Firstly, our propose is to explain why Heidegger urges the question of being and what s the meaning of his fundamental ontology project in Being and Time. As first reference we ve got the metaphysical question what is the being? to know how, for Heidegger, this question was not well strived or just forgotten on philosophical tradition. The problems that Heidegger finds in tradition are about the absence of questioning the being and lack of ontological difference, also from application and distortion of concepts considered truths but not well inquired. According to that, some ideas from Descartes were exploited here under Heidegger s view, mostly concerning to the thoughtless heritage of substance concept to base what he appoint as res cogitans and res extensa. Our main propose is to show how Heidegger understands where Descartes mistakes in that, and what he offers to us as alternative to that way of thinking central concepts, like subject and world, to modern philosophy. In order to do that, we explain some of Heidegger s concepts, like being-in-the-world, worldliness, to make clear in which sense Heidegger argues that it s wrong considerer subject and world just as simply given beings. In discussions to objections we treat the issue of nature and history...

O poder e o sujeito em Michel Foucault: da sociedade disciplinar à sociedade de controle

Santana, Marival Baldoino de
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.39%
Esta dissertação trata do problema do poder e da sujeição do sujeito. Procuramos compreender como Michel Foucault entende o poder e suas relações com o saber, que através de seus mecanismos atua como uma força coagindo, disciplinando e controlando os indivíduos. Para Foucault, na modernidade, à medida que foram mudando as relações sociais, políticas e econômicas, também foram sendo produzidas novas relações de poder, mais adequadas a cada época, em cada sociedade. O poder se exerce em rede e faz com que os indivíduos se submetam, sejam sujeitados. Concomitantemente, o poder, segundo Foucault, apresenta-se também de forma positiva, produtiva. Na medida em que os indivíduos transformam-se em uma espécie de correia de transmissão e de reprodução, surge o biopoder. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT; This thesis addresses the problem of power and subjection of the subject. We seek to understand how Foucault understands power and its relationship with knowledge, which through its mechanisms acts as a force coercing, disciplining and controlling individuals. For Foucault, in modernity, as they were changing the social, political and economic relations, were also being produced new relations of power...

Processos de sujeição e dessujeição: a constituição do sujeito em Michel Foucault; Procèdès d'assujetissement et de desassujettissement: la constitution du sujet chez Michel Foucault

Castanheira, Marcela Alves de Araújo França
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Filosofia (FAFIL); Faculdade de Filosofia - FAFIL (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Filosofia (FAFIL); Faculdade de Filosofia - FAFIL (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.36%
Cette étude a pour but de problématiser la question du sujet dans la pensée de Michel Foucault. Le sujet y est pensé dans sa trame historique, constitué selon un ensemble de pratiques culturelles. Le champ historique de constitution des sujets est analysé par le biais d'une généalogie qui interroge tout d'abord les procédés et techniques d'assujettissement qui incident sur le comportement des individus, isolément ou collectivement, pour ensuite s'intéresser aux stratégies et tactiques possibles pour écarter du processus de formation des sujets des formes indésirables de pouvoir. Le sujet se retrouve ainsi modulé par des relations de force qui circonscrivent le champ de possibilité de ses actions, tout en étant sur l'axe d'une ontologie critique du présent, visant le dépassement possible des limites imposées, grâce à des stratégies capables de désarticuler les formes d'assujettissement. En ce point, les pratiques anciennes seront envisagées comme mode, éthique et politique, de constitution active des sujets.; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES; O presente trabalho tem por objetivo discutir a temática do sujeito no pensamento de Michel Foucault. O sujeito é pensado em sua trama histórica...

Por uma clínica das psicoses : considerações sobre a noção de sujeito em Lacan; For the psychosis clinic : considerations about the notion of subject in Lacan

Suely Aires Pontes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.25%
Neste trabalho propomos apresentar uma hipótese simples, mas que julgamos desconsiderada no campo da filosofia. Acreditamos poder defender que os questionamentos lacanianos em torno da noção de sujeito são derivados da clínica, mais especificamente da clínica das psicoses. Para defender e sustentar nossa hipótese, escolhemos percorrer um caminho delimitado, qual seja, (1) trabalhar a tese de Lacan, datada de 1932, de modo a enfatizar a interlocução com autores da psiquiatria de seu tempo e suas proposições clínicas e teóricas; (2) percorrer o período intermediário da produção lacaniana compreendido entre 1936 e 1953, isolando as diferenças e buscando as inversões dos parâmetros e problemas que esse autor vem construindo desde o período da Tese e (3) situar em 1955-1956 a formalização teórica construída para sustentar uma clínica com pacientes psicóticos. Desse modo, buscamos demonstrar a necessária articulação entre os movimentos conceituais lacanianos sobre o sujeito e a intervenção clínica em casos de psicose; In this research, we propose a simple hypothesis, but we judge disconsidered the philosophy field. We believe in the defense that the lacanian questions surrounding the notion of the subject are derived from clinical...

Crítica em Kant e Michel Foucault : semântica transcendental e semântica transcendental-histórica (sobre produção de Filosofia); Critique in the Foucault's and Kant works : transcendental semantics and transcendental-historical semantics (about the production the Philosophy)

Suze de Oliveira Piza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.41%
Esse texto se insere no debate contemporâneo sobre as aproximações entre Kant e Foucault. A relação entre essas duas Filosofias é, ao mesmo tempo, de ruptura e continuidade. Por um lado, o método arqueologia-genealogia levará a resultados que se opõem a muitas teses de Kant sobre o ser humano, o conhecimento e a história. Por outro lado, Foucault não abandona em nenhum momento as fôrmas kantianas de fazer Filosofia e seu método está mergulhado no modelo kantiano e na atitude crítica. Foucault nega o a priori formal, mas afirma um a priori histórico; nega o sujeito transcendental e, consequentemente o idealismo transcendental, mas afirma analogamente um transcendental histórico; inverte categorias kantianas fundamentais e produz algumas de suas principais teses acerca do sujeito moderno. Foucault inverte categorias kantianas, assim como ao longo da história da Filosofia, grandes pensadores subverteram seus mestres criativamente. Foucault assume a atitude crítica, adota o modelo da Filosofia transcendental, usando, portanto, as fôrmas de Kant, contudo, troca o seu conteúdo. Nossa tese caracteriza o que o próprio Michel Foucault indicou como sendo sua filiação kantiana; isto é, se este se inscreve de alguma forma na tradição filosófica...

Pronomes nulos na posição de sujeito no português de Angola - um estudo preliminar; Título em inglês

Oliveira, Márcia Santos Duarte de; Santos, Eduardo Ferreira dos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 02/06/2007 POR
Relevância na Pesquisa
46.22%
In this article we present a preliminary study of pronouns in subject position in the Portuguese of Angola (PA), based on data obtained in Chavagne (2005). The focus of our analysis is the presence/absence of pronouns in this variant of African Portuguese, aiming at an initial comparison with data of Brazilian Portuguese (BP) and of European Portuguese (EP). It has been pointed out in the literature that BP shows a reduction in the occurrence of null pronouns in subject position, differing in this respect from EP. The analysis of the PA data concerning the Null  Subject Parameter includes this variant of Portuguese as a null subject language, olike EP. However, like BP but unlike Ep, Portuguese fills the first person singular and plural in the subject position more than in the other persons. In Brazilian Portuguese, this phenomenon was describe in Cyrino, Duarte & Kato (2000).; Neste artigo, apresentamos um estudo preliminar – centrado em dados obtidos em Chavagne (2005) – de pronomes na posição de sujeito no português falado de Angola (PA).Enfocam-se a presença/ausência de pronomes na posição de sujeito nessa variante do português africano, visando a uma comparação inicial com dados do português brasileiro (PB) e do europeu (PE). A literatura aponta que o português brasileiro moderno vem atestando uma redução deocorrência de sujeitos pronominais nulos...

Título em inglês; Estudo do preenchimento do sujeito de terceira pessoa em falantes nativos e não-nativos de Português do Brasi

Gutz, Karin
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 02/08/2001 POR
Relevância na Pesquisa
46.22%
This paper investigates the pronominal filling of third paper subjects in Brazilian Portuguese in oral and written narratives produced by primary and secondary scholl students. It also compares the production of native speakers to that of non-native ones (Germans with Portuguese as their second language). For this study, 14 informants (7 native and 7 non-native speakers of Portuguese) were shown a video tape and were asked to tell orally and to write down the story of the film. The analysis of the data shows the pronominal filling is the variant most frequently chosen for sentence subjects by all informants: non native writing (100%) > non-native oral telling (83%) > native oral telling (81%) > native writing (59%). The results of non-native speakers in the analysis of the data match the initial hypothesis that pronominal filling is the most frequently used variant, especially in written discourse. The obrigatoriness of filled subjects in German, the native language of the informants, seems to influence the use of overt subjects in Portuguese as foreign language. In the native speaker data, the high rates of overt subjects in oral discourse as well as the significant rates in written discourse seem to confirm the hypothesis formulated by Duarte (1993...

Diacronic and null subject in brazilian portuguese: comparative study; Diacronia e sujeito nulo no português brasileiro: um estudo comparativo

Gravina, Aline Peixoto
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 03/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.27%
Our goal in this work is to diachronically examine and describe the subject in Brazilian Portuguese (BP), through a comparative study with data from European Portuguese (EP). In order to do so, we have assembled a corpus of Brazilian newspapers – O Recreador Mineiro (1845-1848); O Jornal Mineiro (1897-1900) e Tribuna de Ouro Preto (1945-1948) – and Portuguese newspapers Illustração luzo-brasileira (1856-1858); O Manuelinho de Évora (1890-1898) e Notícias de Évora (1945-1948). More than 14,000 sentences were analyzed to describe the studied phenomena. The quantitative results showed that BP grammar underwent a change with regard to the use of null subjects: it lost the features typical of a consistent null subject language and acquired properties typical of a partial null subject language. We have found out that anaphorical lexical subjects are one of the strategies to realize the subject position in the BP database. A change in the grammar of null subjects in the BP data is observed from their respective numbers when compared to those of EP, which have remained constant, with a high frequency during all periods analyzed according to their syntactic environments. In addition, the EP showed no need to use strategies to fill as was attested in BP. The realization of the null subject with first person presented a different behavior of the null subject of the third person in the BP data...

Heidegger e a questão do sujeito: indícios para um filosofar sem imagens

Silva, Alexandre Rubenich
Fonte: Universidade Federal da Paraíba -UFPB Publicador: Universidade Federal da Paraíba -UFPB
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; estudos hermenêuticos Formato: application/pdf
Publicado em 17/11/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.27%
O artigo procura elucidar a crítica do sujeito sustentada por Heidegger em diferentes momentos de sua produção intelectual. Nesses termos, é sua pretensão aprofundar o debate em torno daquilo que nos acomete em nosso social atual, reconhecendo os impasses que uma filosofia afeita ao domínio irrestrito da representação foi capaz de produzir. Em suma, o artigo vislumbra, a partir da leitura radical que Heidegger realizara em torno dessa questão, uma saída possível para o mal-estar hodierno, na medida em que aponta para a possibilidade de um filosofar sem imagens. O distanciamento da lógica binária que esse pensamento se propõe a partir do uso operativo do constructo ser-no-mundo, viabilizaria, pois, a conquista de um horizonte hermenêutico solícito ao detalhe de nossa condição humana, marcado que é pelo traço da diferença ontológica.

A questão do sujeito na filosofia de Emmanuel Lévinas: uma abordagem crítica sob a ótica derridiana

Dardeau, Denise
Fonte: Filosofia e Educação Publicador: Filosofia e Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; ARTIGO; ENSAIO Formato: application/pdf
Publicado em 24/05/2015 POR
Relevância na Pesquisa
56.31%
O objetivo do presente trabalho consiste em problematizar, em linhas gerais, o pensamento de Emmanuel Lévinas a partir da interferência crítica do pensamento derridiano. A questão de fundo diz respeito à crítica levinasiana à concepção moderna de sujeito e à postura filosófica de neutralidade e universalidade do pensamento ocidental, de forma geral, propondo então que se pense a subjetividade atrelada à alteridade e a alteridade como o verdadeiro “eixo” do pensamento. O nosso intuito é o de fazer ver os limites dessa proposta, ainda vinculada, segundo uma perspectiva derridiana, a uma certa tradição do cartesianismo. Palavras-chave: Emmanuel Lévinas; Jacques Derrida; subjetividade.