Página 1 dos resultados de 1127 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Iniciação nas modalidades esportivas coletivas de invasão: a possibilidade de uma prática transferível; Invasion games learning process: transfer practice possibilities

Silva, Thatiana Aguiar Freire
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.37%
As modalidades esportivas coletivas de invasão (MECi) despertam grande interesse aos envolvidos com esporte no Brasil, mas o olhar dado à formação não é o mesmo dado ao alto rendimento, muitas vezes desconsiderando-se as características desse grupo de modalidades no processo de iniciação. Com o fim de valorizar essas características, há disponível na literatura diversas propostas de iniciação nas MECi. Considerando essas propostas e modelos de formação esportiva em longo prazo, esse estudo objetivou verificar a possibilidade de uma prática transferível na iniciação nas MECi, avaliando se o desempenho de praticantes de uma MECi é semelhante em outra MECi. Foi realizada uma pesquisa descritiva observacional, com jovens atletas de handebol e de basquetebol do sexo masculino. Cada jogador foi avaliado ao realizar jogos das duas modalidades, através do Game Performance Assessment Instrument. A partir dessa avaliação, o desempenho que os jogadores tiveram nas duas modalidades foi comparado. Os resultados mostraram que o desempenho dos sujeitos em ambas as modalidades foi semelhante, ou seja, o desempenho que os jogadores tiveram na modalidade que não praticavam foi tão bom quanto na sua modalidade de origem. Esses resultados...

As regras da NFL à luz do ordenamento jurídico brasileiro : questões contratuais e direitos em transferências

Silveira, Jonas Bernardes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.41%
Este trabalho pretende estudar importantes aspectos do Direito Desportivo Brasileiro, especialmente no que se refere à sua relação com o Direito do Trabalho. O foco principal do estudo está nos atletas, seus direitos legalmente previstos e a peculiaridade da sua relação com as entidades de prática desportiva, desde o sistema de formação até uma eventual transferência. O principal método empregado é a pesquisa da crescente doutrina brasileira na área de Direito do Trabalho Desportivo, apresentando diversos casos recentes demonstrando o caráter essencial desse tema, bem como o estudo comparado de um modelo estrangeiro, aplicado pela National Football League na prática do futebol americano, em oposição ao principal desporto profissional praticado no Brasil, o futebol. As principais conclusões da pesquisa se referem, primeiramente, à necessidade de mais ampla regulamentação na área, seja pela negociação coletiva, ou pelo processo legislativo; e, em segundo lugar, ao essencial reconhecimento da especificidade da relação de trabalho desportivo, entre atleta e entidade de prática desportiva.; This work intends to study important aspects of Brazilian Sports Law, especially in regard to its relationship with Labor Law. The main focus of the study is on the athletes...

Use of Facial Protection to Prevent Reinjury During Sports Practice

Goiato, Marcelo Coelho; dos Santos, Daniela Micheline; Moreno, Amalia; Haddad, Marcela Filie; Pesqueira, Aldieris Alves; Leal Turcio, Karina Helga; de Carvalho Dekon, Stefan Fiuza; Bannwart, Lisiane Cristina
Fonte: Lippincott Williams & Wilkins Publicador: Lippincott Williams & Wilkins
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1201-1202
ENG
Relevância na Pesquisa
46.06%
The objective of the study was to report the prevention of facial reinjury of a volleyball player using a custom-made protective facial shield. A custom-made protective partial facial shield was fabricated using polymethylmethacrylate and was fitted with a soft lining material to provide additional comfort and protection to the injured area. Facial protection provides greater security against possible facial injuries and allows injured areas to recover during sports practice.

Prática desportiva e inteligência emocional : estudo da influência do desporto na aquisição de aptidões e competências de inteligência emocional

Kerkoski, Marcio José
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 22/05/2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Tese de doutoramento em Estudo da Criança (ramo de conhecimento em Educação Física, Lazer e Recreação); O fenômeno desportivo é um campo em que se entrelaçam emoções, inteligência, imaginação, criatividade, relações, o que o caracteriza como um campo privilegiado para o estudo de Inteligência Emocional. Os objetivos gerais do estudo foram: determinar qual a contribuição do Desporto para a formação das dimensões relacionadas com a Inteligência Emocional à luz da proposta de QE de Bar-On & Parker (2000) pelas comparações entre atletas do mesmo gênero e diferentes desportos, entre atletas de gêneros diferentes de um mesmo desporto e entre atletas e não-atletas; e Identificar qual a contribuição dos Desportos, suas representações e práticas para a formação de aptidões e competências da Inteligência Emocional a partir da perspectiva de treinadores, pais ou responsáveis e da própria criança. A metodologia utilizada teve características quantitativas e qualitativas. Na abordagem quantitativa foi aplicado o questionário EQ-i: YV (Bar-On Emotional Questionnaire Inventory: Young Version) de Bar-On & Parker (2000) com 221 praticantes de Voleibol, Basquetebol e Natação e com 233 não-praticantes de nenhum tipo de desporto. Os resultados quantitativos demonstraram que cada modalidade desportiva produz um efeito distinto nas dimensões da Inteligência Emocional...

Potencialidades e fragilidades na aplicação do modelo de educação desportiva, no contexto das práticas de ensino supervisionadas; Merits and weaknesses in applying the model of sports education, in the supervised teaching practice context

Rocha, André Manuel Vilaça da
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.35%
Relatório de estágio de mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário; O presente relatório surge no âmbito das Práticas de Ensino Supervisionadas, no Curso do 2º Ciclo de formação de Professores em Educação Física (EF). Trata-se da conclusão de um percurso de formação em contexto universitário e na escola cooperante, onde tivemos a oportunidade de prosseguir a profissionalização de modo a nos tornarmos professores de EF, numa caminhada em que foi muito importante alargar os conhecimentos, teóricos e práticos da profissão de professor. Neste percurso desenvolvemos e aprofundamos conhecimentos que abarcam as dimensões formação académica, prática letiva, não letiva e de investigação, todos estes centrais para a preparação profissional de base. Este relatório científico contempla as atividades de práticas de Ensino Supervisionadas realizadas na Escola Cooperante, de forma fundamentada com o relato de atividades e as suas implicações teóricopráticas, que envolveram o processo da prática pedagógica, a integração profissional, a investigação em contexto pedagógico e a mobilização dos conhecimentos teóricos desenvolvidos na componente curricular do curso. Este trabalho reflete...

Prática desportiva, imagem corporal e bem-estar

Fialho, Teresa
Fonte: Instituto Politécnico de Santarém Publicador: Instituto Politécnico de Santarém
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.38%
Dissertação apresentada para obtenção do grau de Mestre em Psicologia do Desporto e do Exercício; Resumo - Estudo Um O presente estudo teve como objetivo analisar a influência da prática desportiva na imagem corporal (IC), entre praticantes de ambos os sexos, em comparação com não praticantes. Trata-se de um estudo transversal, realizado com 500 indivíduos (N=500), de ambos os sexos, residentes em Rio Maior, Santarém e Benedita, com uma média de idades e um desvio padrão de 35,38 ± 11,34. Foram aferidos o peso e a altura para o cálculo do índice de massa corporal (IMC), sendo a avaliação da IC realizada através da Escala de Figuras de Silhuetas, desenvolvida por Kakeshita, Silva, Zanatta, e Almeida (2009), onde cada participante selecionou uma figura referente à imagem que tem do seu próprio corpo (IC atual), e uma figura que mais se aproximasse da silhueta que desejaria ter (IC desejada). Foi ainda solicitado, aos participantes, o número de sessões realizadas por semana de prática desportiva, assim como a duração de cada sessão, sendo posteriormente identificado como volume de prática semanal. Os resultados mostraram que o sexo feminino apresenta-se mais vulnerável que o sexo masculino, evidenciando uma maior insatisfação corporal...

French College Students’ Sports Practice and Its Relations with Stress, Coping Strategies and Academic Success

Décamps, Greg; Boujut, Emilie; Brisset, Camille
Fonte: Frontiers Research Foundation Publicador: Frontiers Research Foundation
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 11/04/2012 EN
Relevância na Pesquisa
46.34%
College students at university have to face several stress factors. Although sports practice has been considered as having beneficial effects upon stress and general health, few studies have documented its influence on this specific population. The aim of this comparative study was to determine whether the intensity of the college students’ sports practice (categorized into three groups: rare, regular, or intensive) would influence their levels of stress and self-efficacy, their coping strategies, and their academic success/failure. Three self-completion questionnaires were administered to 1071 French freshmen during their compulsory medical visit at the preventive medicine service of the university. Results indicated that students with intensive sport practice reported lower scores of general stress, academic stress, and emotion-focused coping strategies, and higher scores of self-efficacy than those with rare practice. However, the proportion of successful students did not differ significantly between the three groups of sports practice.

EVIDENCE – BASED MEDICINE/PRACTICE IN SPORTS PHYSICAL THERAPY

Manske, Robert C.; Lehecka, B.J.
Fonte: Sports Physical Therapy Section Publicador: Sports Physical Therapy Section
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /10/2012 EN
Relevância na Pesquisa
36.38%
A push for the use of evidence‐based medicine and evidence‐based practice patterns has permeated most health care disciplines. The use of evidence‐based practice in sports physical therapy may improve health care quality, reduce medical errors, help balance known benefits and risks, challenge views based on beliefs rather than evidence, and help to integrate patient preferences into decision‐making. In this era of health care utilization sports physical therapists are expected to integrate clinical experience with conscientious, explicit, and judicious use of research evidence in order to make clearly informed decisions in order to help maximize and optimize patient well‐being. One of the more common reasons for not using evidence in clinical practice is the perceived lack of skills and knowledge when searching for or appraising research. This clinical commentary was developed to educate the readership on what constitutes evidence‐based practice, and strategies used to seek evidence in the daily clinical practice of sports physical therapy.

Regular Extra Curricular Sports Practice Does Not Prevent Moderate Or Severe Variations in Self-Esteem Or Trait Anxiety in Early Adolescents

Binsinger, Caroline; Laure, Patrick; Ambard, Marie-France
Fonte: Asist Group Publicador: Asist Group
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 01/03/2006 EN
Relevância na Pesquisa
46.06%
Physical activity is often presented as an effective tool to improve self-esteem and/or to reduce anxiety. The aim of this study was to measure the influence of a regular extra curricular sports practice on self-esteem and anxiety. We conducted a prospective cohort study, which has included all of the pupils entering the first year of secondary school (sixth grade) in the Vosges Department (east France) during the school year 2001-2002 and followed during three years. Data were collected every six months by self-reported questionnaires. 1791 pupils were present at each of the six data collection sessions and completed all the questionnaires, representing 10,746 documents: 835 boys (46.6 %) and 956 girls (53.4 %), in November 2001, the average age was 11.1 ± 0.5 years (mean ± standard deviation). 722 pupils (40.3 %) reported that they had practiced an extra-school physical activity in a sporting association from November 2001 to May 2004 (ECS group), whereas, 195 (10.9 %) pupils had not practiced any extra-school physical activity at all (NECS group). The average global scores of self-esteem (Rosenberg’s Scale) and trait anxiety (Spielberger’s Scale) of the ECS pupils were, respectively, higher and lower than those of the NECS group. However...

Sports practice is related to parasympathetic activity in adolescents

Cayres,Suziane Ungari; Vanderlei,Luiz Carlos Marques; Rodrigues,Aristides Machado; Coelho e Silva,Manuel João; Codogno,Jamile Sanches; Barbosa,Maurício Fregonesi; Fernandes,Rômulo Araújo
Fonte: Sociedade de Pediatria de São Paulo Publicador: Sociedade de Pediatria de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 EN
Relevância na Pesquisa
66.4%
OBJECTIVE: To analyze the relationship among sports practice, physical education class, habitual physical activity and cardiovascular risk in adolescents. METHODS: Cross-sectional study with 120 schoolchildren (mean: 11.7±0.7 years old), with no regular use of medicines. Sports practice and physical education classes were assessed through face-to-face interview, while habitual physical activity was assessed by pedometers. Bodyweight, height and height-cephalic trunk were used to estimate maturation. The following variables were measured: body fatness, blood pressure, resting heart rate, blood flow velocity, intima-media thickness (carotid and femoral) and heart rate variability (mean between consecutive heartbeats and statistical index in the time domain that show the autonomic parasympathetic nervous system activity root-mean by the square of differences between adjacent normal R-R intervals in a time interval). Statistical treatment used Spearman correlation adjusted by sex, ethnicity, age, body fatness and maturation. RESULTS: Independently of potential confounders, sports practice was positively related to autonomic parasympathetic nervous system activity (β=0.039 [0.01; 0.76]). On the other hand, the relationship between sport practice and mean between consecutive heartbeats (β=0...

Measuring sports injuries on the pitch: a guide to use in practice

Hespanhol Junior,Luiz C.; Barboza,Saulo D.; van Mechelen,Willem; Verhagen,Evert
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Fisioterapia Publicador: Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Fisioterapia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2015 EN
Relevância na Pesquisa
36.4%
Sports participation is a major ally for the promotion of physical activity. However, sports injuries are important adverse effects of sports participation and should be monitored in sports populations. The purpose of this paper is to review the basic concepts of injury monitoring and discuss the implementation of these concepts in practice. The aspects discussed are: (1) sports injury definition; (2) classification of sports injuries; (3) population at risk, prevalence, and incidence; (4) severity measures; (5) economic costs; (6) systems developed to monitor sports injuries; and (7) online technology. Only with reliable monitoring systems applied in a continuous and long-term manner will it be possible to identify the burden of injuries, to identify the possible cases at an early stage, to implement early interventions, and to generate data for sports injury prevention. The implementation of sports injuries monitoring systems in practice is strongly recommended.

Pedagogia do esporte : organização, sistematização, aplicação e avaliação de conteúdos esportivos na educação não formal = Sport pedagogy : organization, systematization and application of sports content in non-formal education; Sport pedagogy : organization, systematization and application of sports content in non-formal education

Gisele Viola Machado
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.36%
O esporte está presente em diversos cenários da educação, sendo o foco deste estudo o cenário da educação não-formal, mais especificamente os projetos sócio-educativos inseridos no contexto das Políticas Públicas, que dentre seus objetivos buscam minimizar os problemas enfrentados por crianças e adolescentes em situações de risco social. Para tal, faz-se necessário que o esporte receba um tratamento pedagógico adequado, com uma organização sistematizada de seus conteúdos, a fim de potencializar seu significado educacional. Diante do exposto, o estudo conta com uma pesquisa que visa sustentar uma prática didático-pedagógica voltada à formação integral de crianças e adolescentes na iniciação esportiva participantes de projetos socais. Para tal, realizamos um estudo de caso no Programa Ensino Esporte e Juventude (PEEJ), uma Política Pública, mantida pelo Poder Público municipal da cidade de Taubaté, com a intenção de verificar o tratamento dado ao esporte enquanto conteúdo educacional, verificando (I) a prática pedagógica dos professores, (II) os conteúdos propostos no planejamento e (III) quais os conteúdos foram de fato aprendidos na perspectiva dos alunos. Para isto o processo metodológico passou por quatro etapas: (a) Análise documental do Planejamento esportivo; (b) Observação não participante das aulas esportivas de 10 professores; (c) entrevista semiestruturada com os professores; e (d) entrevista semiestruturada com 45 alunos entre 11 e 15 anos...

Participation in sports practice and motor competence in preschoolers

Queiroz,Daniel da Rocha; Ré,Alessandro Hervaldo Nicolai; Henrique,Rafael dos Santos; Moura,Mariana de Sousa; Cattuzzo,Maria Teresa
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 EN
Relevância na Pesquisa
56.3%
Recent theoretical model suggests that motor competence during early childhood is related to one's current and future health status and that practicing sports seems to be playing a special role in creating such competence. This study aimed to compare performance in gross motor skills among preschoolers participating in regular sports practice (SP) and those not participating (NSP), including comparisons by gender. The study uses secondary data from a population-based study of performance regarding the locomotor and object control skills of preschoolers (3 to 5 years old). Preschoolers were assigned to groups SP or NSP, paired by age and sex according to skills: locomotor (n = 54; 30 boys) or object control (n = 37; 17 boys). Analysis of variance showed that the SP group outperformed the NSP one, and there were gender differences only within SP group. Starting to practice sports during early childhood helps to build motor competence and benefits both genders.

Prevalence of physical activity through the practice of sports among adolescents from Portuguese speaking countries

Christofaro,Diego Giulliano Destro; Fernandes,Rômulo Araújo; Martins,Catarina; Ronque,Enio Ricardo Vaz; Coelho-e-Silva,Manuel João; Silva,Analiza Mônica; Sardinha,Luis Bettencourt; Cyrino,Edilson Serpeloni
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2015 EN
Relevância na Pesquisa
46.27%
This study evaluated the prevalence of physical activity through the practice of sports in adolescents from schools in two Brazilian cities and a Portuguese school, and its association with independent variables, such as gender and age. A cross-sectional study was conducted of schoolchildren from two cities in Brazil and one in Portugal. The total study sample was 3694 subjects (1622 males and 1872 females). Physical activity levels were assessed using Baecke's questionnaire. Body weight was measured on electronic scales and stature was measured with a portable wooden stadiometer. Numerical variables were expressed as mean, categorical variables were expressed as percentages and the chi-square test analyzed associations. The prevalence of no sport was high (39.7%), being higher in the Portuguese school than in the Brazilian schools (p < 0.001). Irrespective of being an adolescent in a Brazilian or Portuguese school, boys showed higher engagement in sports practice than girls (p < 0.001). In both, differences were identified between adolescents aged 13 to 15 (P = 0.001) and 16 to 17 (P = 0.001). The prevalence of physical inactivity among schoolchildren from two cities in Brazil and a school in Portugal was high, with the girls practicing less sport than the boys and with this imbalance likely to be higher in adolescents.

El dolor de espalda como lesión deportiva en jóvenes de 10-12 años

Vidal Conti, Josep; Borràs Rotger, Pere A.; Palou Sampol, Pere
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2014 SPA
Relevância na Pesquisa
46.3%
El objetivo de esta investigación es analizar la incidencia de dolor de espalda en jóvenes de entre 10 y 12 años en función de si practican o no algún deporte, cuál practican, con qué frecuencia, y las posibles diferencias entre género. El estudio se llevó a cabo en 2270 escolares (1214 niños y 1056 niñas) de 10-12 años de Mallorca. La muestra se obtuvo por conglomerados (centros escolares) por muestreo intencional. El cuestionario y la metodología de recogida de datos fueron previamente validados mediante el método test-retest. Los resultados obtenidos muestran que la existencia de dolor de espalda fue del 38.3% (34.5% en niños y 42.8% en niñas). Existe una relación significativa entre dolor de espalda y practicar deporte o no, en niños positiva y en niñas negativa, pudiendo ser explicado por las diferencias del tipo de deportes practicados según el género. Los mayores índices de incidencia de dolor de espalda aparecen entre los que practican voleibol, gimnasia deportiva y natación más de 4 horas semanales, y los que practican gimnasia rítmica. Este estudio sugiere, a partir de los resultados obtenidos, que el dolor de espalda es un mal que afecta de manera importante a la población juvenil, en especial al género femenino...

A prática esportiva como ferramenta educacional: trabalhando valores e a resiliência; Sports practice as an educational tool: working with values and resilience

Sanches, Simone Meyer; Rubio, Kátia
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.13%
A sociedade brasileira vislumbra, na atualidade, o desafio de organizar e realizar megaeventos esportivos de grande impacto social. Nesse contexto, a atividade esportiva pode ser considerada uma ferramenta eficaz de intervenção psicossocial, especialmente com crianças e jovens. A presente pesquisa teve por objetivo investigar situações e vivências de atletas de alto rendimento relacionadas ao aprendizado decorrente da inserção nesse contexto e aos valores ali preconizados. Foram realizadas entrevistas por meio do método de história de vida com quatro atletas de duas equipes de atletismo do interior do Estado de São Paulo. Os dados foram categorizados e o conteúdo foi analisado qualitativamente. Os resultados apontaram para diversas contribuições decorrentes da inserção no contexto esportivo, algumas atreladas às transformações externas, como a melhora da condição estética, financeira ou de inclusão social, e outras relacionadas aos aspectos internos e subjetivos, como o reforço e o desenvolvimento de valores de cooperação, amizade, solidariedade e a capacidade de compartilhar e de superar adversidades (resiliência). Conclui-se que a atividade esportiva, quando bem conduzida (por profissionais bem capacitados)...

Prática esportiva nas áreas comuns do campus USP da capital: conflitos e diagnóstico; Sports practice in common areas of campus USP capital - conflicts and diagnosis

Benetti, Marino Pereira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.46%
O objetivo desse estudo foi realizar o diagnóstico de aspectos da ocupação das áreas comuns do Campus da USP da Capital em relação à prática de atividade física, a fim de levantar elementos para a construção de um plano de gestão dessa atividade com base nas teorias e modelos da administração. Para isso, estudou-se os anos de 2013 e 2014, as características do território, ocupação das áreas comuns do Campus da USP pelas assessorias esportivas, as principais ocorrências relacionadas à prática esportiva registradas na Guarda Universitária, Ouvidoria da USP, Prefeitura do Campus e Sistema de Ambulância, os serviços oferecidos pelas assessorias esportivas, o comportamento do mercado destas assessorias presentes no Campus e o perfil do gestor de assessoria esportiva. Além disso, estudou-se a ocupação e o comportamento em termos de prática esportiva dos praticantes e a opinião destes sobre a prática de atividades físicas no Campus da USP. Foram analisados dados dos órgãos administrativos da USP relacionados à prática esportiva e aplicado questionário às assessorias e praticantes. Resultados: as principais ocorrências registradas na guarda universitária estavam relacionadas a furtos em veículos, seguidos de acidente pessoal e atropelamento...

Prevalência e fatores associados à prática de esportes individuais e coletivos em adolescentes pertencentes a uma coorte de nascimentos; Individual and collective sports practice and associated factors among adolescents belonging to a birth cohort study

Silva, Suele Manjourany; Knuth, Alan Goularte; Duca, Giovâni Firpo Del; Camargo, Maria Beatriz Junqueira de; Cruz, Suélen Henriques da; Castagno, Victor; Menezes, Ana Maria Baptista; Hallal, Pedro Curi
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2009 POR
Relevância na Pesquisa
56.53%
O presente estudo investigou a prática de esportes individuais e coletivos e fatores associados em jovens com idade média de 11 anos, pertencentes a uma coorte de nascimentos. Informações dos jovens e de suas mães foram coletadas por meio de questionários. O desfecho foi dividido em prática de esportes individuais e coletivos. Uma análise por meio de regressão de Poisson foi conduzida para estabelecer os fatores associados à prática esportiva, obedecendo a um modelo conceitual de análise com as variáveis independentes hierarquizadas. Um total de 4350 jovens foi estudado. A prática de esportes coletivos foi menor nas meninas - 68,1% (IC95% 66,2 - 70,0) em comparação aos meninos - 82,1% (IC95% 80,5 - 83,7). Nos esportes individuais, a prevalência foi de 12,9% (IC95% 11,6 - 14,4) e 18,9% (IC95% 17,3 - 20,6) em meninas e meninos, respectivamente. Entre as meninas, a prática de esportes individuais relacionou-se diretamente com nível econômico e inversamente com assistir televisão. Nos meninos este desfecho associou-se com estudar em escolas privadas e ter mães fisicamente ativas. Em esportes coletivos, a prática foi menor naqueles que despendem maior tempo assistindo TV. Em ambos os sexos houve uma relação direta entre o uso regular do vídeo-game e a prática de esportes. Políticas públicas devem considerar os diferentes aspectos relacionados à prática esportiva e atender a disparidades socioeconômicas no acesso a diferentes modalidades esportivas. Além disso...

Análise do desempenho motor em tarefas de "timing" antecipatório em idosos praticantes de esportes de interceptação; Análisis del desempeño motor en las tareas de "timing" de previsión en ancianos practicantes de deporte de interceptación; Analysis of motor performance in timing anticipatory tasks in elderly practioners of interception sports

Cantieri, Francys Paula; Marques, Inara
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2012 POR
Relevância na Pesquisa
46.09%
O objetivo do presente estudo foi analisar o efeito da prática de esporte de interceptação no desempenho em uma tarefa complexa de "timing" antecipatório em idosos. Participaram do estudo 73 indivíduos, distribuídos em três grupos: idosos atletas, idosos não atletas e adultos jovens. A tarefa consistiu na execução de uma sequência de toques em quatro sensores, realizados simultaneamente ao deslocamento do estímulo, de modo que o último toque coincidisse com o acendimento do último diodo. Foram utilizadas três velocidades de acendimento dos diodos (1 m/s, 1,5 m/s, 2,2 m/s), sendo realizadas 10 tentativas em cada velocidade. O desempenho foi analisado por meio do cálculo do erro constante, erro variável e erro absoluto. Os resultados indicaram efeito positivo da prática de esporte sobre o desempenho do "timing" antecipatório em idosos atletas. Houve também, efeito da variação da velocidade do estímulo, com os melhores desempenhos dos grupos na velocidade moderada.; Análisis del desempeño motor en las tareas de "timing" de previsión en ancianos practicantes de deporte de interceptación El objetivo de este estudio fue analizar el efecto de la practica de deportes de intercepción en el desempeño en una tarea compleja de "timing" de previsión en ancianos. Participaron de este estudio 73 pacientes divididos en tres grupos: ancianos deportistas...

Prevalence of physical activity through the practice of sports among adolescents from Portuguese speaking countries

Christofaro,Diego Giulliano Destro; Fernandes,Rômulo Araújo; Martins,Catarina; Ronque,Enio Ricardo Vaz; Coelho-e-Silva,Manuel João; Silva,Analiza Mônica; Sardinha,Luis Bettencourt; Cyrino,Edilson Serpeloni
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2015 EN
Relevância na Pesquisa
46.27%
This study evaluated the prevalence of physical activity through the practice of sports in adolescents from schools in two Brazilian cities and a Portuguese school, and its association with independent variables, such as gender and age. A cross-sectional study was conducted of schoolchildren from two cities in Brazil and one in Portugal. The total study sample was 3694 subjects (1622 males and 1872 females). Physical activity levels were assessed using Baecke's questionnaire. Body weight was measured on electronic scales and stature was measured with a portable wooden stadiometer. Numerical variables were expressed as mean, categorical variables were expressed as percentages and the chi-square test analyzed associations. The prevalence of no sport was high (39.7%), being higher in the Portuguese school than in the Brazilian schools (p < 0.001). Irrespective of being an adolescent in a Brazilian or Portuguese school, boys showed higher engagement in sports practice than girls (p < 0.001). In both, differences were identified between adolescents aged 13 to 15 (P = 0.001) and 16 to 17 (P = 0.001). The prevalence of physical inactivity among schoolchildren from two cities in Brazil and a school in Portugal was high, with the girls practicing less sport than the boys and with this imbalance likely to be higher in adolescents.