Página 1 dos resultados de 580 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Desempenho de sistemas de condicionamento de ar com utilização de energia solar em edifícios de escritórios.; Performance of solar air conditioning systems in office buildings.

Ara, Paulo José Schiavon
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.66%
A preocupação energética tem impulsionado a humanidade a buscar alternativas sustentáveis de energia. Neste contexto, os edifícios de escritórios têm um papel importante, em especial, devido ao elevado consumo de energia dos sistemas de condicionamento de ar. Para esses sistemas, a possibilidade de utilização de energia solar é uma alternativa tecnicamente possível e interessante de ser considerada, principalmente porque, quando a carga térmica do edifício é mais elevada, a radiação solar também é mais elevada. Dentre os sistemas de condicionamento de ar solar, o sistema térmico - que associa coletores solares térmicos com chiller de absorção - é o mais disseminado, na atualidade. Entretanto, dependendo do caso, outras tecnologias podem ser vantajosas. Uma opção, por exemplo, no caso de edifícios de escritórios, é o sistema elétrico - que associa painéis fotovoltaicos ao chiller convencional de compressão de vapor. Neste trabalho, para um edifício de escritórios de 20 pavimentos e 1000 m2 por pavimento, na cidade de São Paulo, no Brasil, duas alternativas de ar condicionado solar tiveram seus desempenhos energéticos analisados: o sistema térmico - com coletores solares térmicos somente na cobertura e o sistema elétrico - com painéis FV somente nas superfícies opacas das fachadas. Para isso...

Avaliação de ciclo de vida de sistemas solares térmicos em edifícios; Life cycle assessment of solar hot water systems in buildings

Fernandes, Verónica Marisa Martins
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.57%
Dissertação de mestrado integrado em Engenharia Civil; A presente dissertação aborda fundamentalmente conceitos de cariz ambiental e económico aplicados ao ciclo de vida de sistemas solares térmicos para águas quentes sanitárias. Com este trabalho pretende-se alertar os projetistas para a problemática atual das alterações climáticas, de forma a privilegiar o uso de energias renováveis, mais concretamente de energia solar. Para tal serão apresentados e discutidos conceitos e noções sobre a legislação e o mercado dos sistemas solares térmicos, assim como os principais componentes que constituem esses sistemas. No fim do estudo apresenta-se uma metodologia de avaliação de ciclo de vida de sistemas solares térmicos com base numa análise LCA e LCC, que desencadeou o desenvolvimento de um programa informático que tem como objetivo a integração mais rápida do sistema solar térmico na construção e, portanto, promover a sua sustentabilidade. O programa permite o cálculo dos potenciais impactes ambientais tais como aquecimento global, acidificação, eutrofização, destruição da camada de ozono, energia incorporada, etc., decorrentes do ciclo de vida do sistema solar térmico, os impactes desse sistema ao longo do tempo de vida do edifício e a sua viabilidade económica. Posteriormente...

Energia solar térmica: uma contribuição para a melhoria do RCCTE

Martins, Guilherme Veiga e Vasconcelos Vieira
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2009 POR
Relevância na Pesquisa
56.3%
O presente estudo pretende avaliar o desempenho energético dos vários sistemas de preparação de águas quentes sanitárias (AQS) em edifícios de habitação. Segundo o RCCTE, decreto de lei nº 80/2006 de 4 de Abril, o recurso a sistemas de colectores solares térmicos é obrigatório sempre que haja uma exposição solar adequada. O RCCTE indica parâmetros de referência para o dimensionamento e cálculo do desempenho do sistema solar térmico. Indica nomeadamente um consumo de AQS a 60º C médio de referência de 40 l por pessoa e exige uma área mínima de captação na base de lm2 de colector padrão por ocupante convencional previsto. Existe no mercado a tendência para dimensionar o sistema para o mínimo exigido pela lei. Este relatório mostra que os parâmetros de referência do RCCTE estão desajustados à realidade portuguesa. Segundo este estudo, o consumo médio diário é o dobro do referido, resultando na redução muito significativa do desempenho energético do sistema solar, dado que existe um subdimensionamento da área de captação. Nestas condições, conclui-se que um sistema tradicional de esquentador a gás é mais eficiente que um sistema de colectores solares térmicos com apoio por efeito de Joule. Em Portugal...

Estudo comparativo de sistemas em aquecimento

Castro, Inês Marques Costa Borges de
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.47%
O presente estudo pretende avaliar o desempenho energético e rentabilidade do uso de equipamento de climatização para o aquecimento ambiente de uma casa sénior, através de sistemas tradicionais de produção de água aquecida, como a caldeira e a tradicional bomba de calor, e um sistema apoiado num equipamento de produção solar térmico. Perante uma determinada arquitectura, foram calculados os caudais de ar novo, de forma a garantir a qualidade do ar interior, cumprindo os requisitos da actual legislação - RSECE. Com recurso ao programa de cálculo e simulação HAP – Hourly Analysis Program – foram determinadas as necessidades térmicas para conforto de cada espaço em análise, e traçou-se o perfil de consumo energético anual do edifício. Com os valores obtidos das cargas térmicas a colmatar em cada hora do mês, ao longo de um ano, e com o auxílio de um programa de análise de desempenho de sistemas solares térmicos – SolTerm – foi optimizado um sistema solar para o caso de estudo. Analisando o rendimento e desempenho de cada tipo de equipamento e sistema, bem como os custos de instalação e de exploração, foram determinadas as poupanças energéticas na factura e o período de retorno de investimento...

Desempenho energético no âmbito do aquecimento solar térmico para as condições de utilização recomendadas pelo RSECE/RCCTE

Antunes, Sónia Cristina Martins
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.36%
A presente dissertação consistiu no estudo do desempenho energético de dois sistemas solares – termossifão e circulação forçada – utilizados no Refeitório do ISEL no âmbito do aquecimento solar térmico para as condições de utilização recomendadas pelo RSECE. Realizou-se uma campanha de medições durante o período de doze meses, tendo este sido iniciado em Abril de 2013 e terminado em Março de 2014. Esta campanha permitiu determinar o desempenho energético de ambos os sistemas em estudo. As condições recomendadas pelo RSECE (60 °C) serviram como referência para os resultados experimentais obtidos, para serem comparados com dados registados anteriormente na mesma instalação, mas com uma condição de funcionamento de 50 °C, verificando-se um incremento de carga e, consequentemente, um aumento de energia por parte dos sistemas de apoio, o que se traduziu numa diminuição da fracção solar em ambos os sistemas. Para estudar estes dois sistemas solares, realizaram-se várias simulações com o softwareSolterm, tendo em conta diversos factores, como por exemplo, a temperatura de água da rede assumida pelo programa e a evolvente geográfica. Os resultados obti dos foram comparados com os experimentais...

Autoconstrução solar térmica em Portugal: avaliação técnico-económica para a cantina universitária da Universidade de Lisboa

Glória, João Pedro Seabra Leiria de Matos
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
56.37%
Tese de mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2011; In the last years, the renewable energy market felt a great growth. Despite the hardships felt in later years due to the economic and financial crisis that established over Europe and almost the entire World, it is expected that the renewable energy market will continue to grow again in the coming years. Due to the fact that societies today base their development and progress on fossil fuels, and being aware of the fact that fossil fuels are expected to come to depletion soon and the environmental impact that they have, investment in alternative solutions must be made. Solar energy is one of those alternatives. Because Portugal has conditions, of solar resource, greater than most European countries, and also because it is a necessity that each and every person is involved in the change of the today’s energy paradigm, autoconstruction may take a leading role in the near future. A collector was built to prove that the execution and building are relatively easy, and that most people have the necessary skills to do it. A case study was built around dimensioning a solar thermal system for the University of Lisbon canteen and comparing an autoconstruction system and a conventional one. The results show that either option is viable concluding that investments should be made in solar thermal energy. However...

Estudo da evolução de características dos colectores solar térmicos no mercado nacional

Lima, Ana Catarina de Carvalho
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
56.46%
Tese de mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2011; In the last two decades, an important increase of the domestic solar thermal market has been observed. In the last few years, legislation and support programmes for solar thermal power applications have been launched. However, it is not clear whether the increase of the installed area of collectors and the number of brands and models available corresponds or not to an increase in the performance and in the general quality of the collectors. In order to bring light to these questions, this work examines the evolution of many of the main characteristics of the solar thermal collectors that got into the Portuguese market from 1990 to 2010. Namely, their optical and thermal characteristics and also of the energy performance of the collectors. These characteristics are analyzed according to the typology and the country of origin. Additionally, using the software and the extensive database created for this study, it is intended to assist the revision of the Portuguese Building Certification System, in particular the regulations for thermal performance of buildings. A proposal is presented for a new "reference collector" to be used for the calculation of the performance of solar thermal systems...

Aplicação de um sistema solar térmico a uma unidade de climatização em Portugal

Reis, André Miguel Ventura
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.54%
Tese de mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2012; Face aos padrões actuais de vida, em que despendemos cerca de 90% do nosso tempo no interior de edifícios, com um nível de conforto que não queremos abdicar, urge o desenvolvimento de tecnologias de climatização sustentáveis. Em Portugal, à semelhança de todos os outros países mediterrânicos, em que o verão é quente e seco, a aposta nos sistemas de ar condicionado ditos convencionais tem sido elevada. Como estes têm um impacto considerável na sector eléctrico nacional, é urgente o desenvolvimento e aplicação de sistemas eficientes e sustentáveis, que consigam explorar os recursos energéticos endógenos. Como é do conhecimento geral, o recurso solar é mais abundante no verão, motivo pelo qual as necessidades térmicas para arrefecimento também aumentam nesta época. Assim, faz todo o sentido explorar o recurso solar existente no verão, aproveitando-o para arrefecimento. Esta aplicação é chamada de arrefecimento solar, e já está disponível no mercado actual, ainda que apenas para grandes aplicações. Como os sectores residencial e dos serviços têm consumos consideráveis em climatização...

Optimização de um sistema de arrefecimento solar térmico para um edifício de serviços no sul da Europa

Figueiredo, Rui Miguel Metelo de
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.53%
Tese de mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2013; The building of BRISA Operation Control Center combines high indoor climate control performance standards with low environmental impact. The building skin has solar thermal energy collecting surfaces installed in the façade, taking advantage of the local climate’s high solar availability. These surfaces perform several tasks: thermal energy collection for the cooling and heating system, shading of the building external skin and improvement of the thermal and acoustic insulation. As expected for a building with high internal loads in a mild climate, cooling is the main requirement. This building has a single cycle absorption cooling system to use the cooling potential of the solar collecting surfaces. This work presents the main aspects of the design process and resultant indoor climate control system, including software simulation results and details of the most innovative parts of the building ventilation and energy exchange systems. The main road traffic control room, and a set of connected offices, uses displacement ventilation in a raised floor configuration with inflow in the room perimeter. The building and climate control system design relied on software thermal simulation (EnergyPlus...

Sistemas solares térmicos por medida: avaliação de comportamento térmico a longo prazo

Caldeira, João Pedro Brazão
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.53%
Tese de mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2014; Existem atualmente diversos estudos que caracterizam sistemas solares térmicos de acordo com as normas EN12975 e EN12976, no entanto existem ainda poucos estudos em que são caracterizados sistemas solares térmicos de acordo com a EN12977:2012, mais concretamente sistemas solares térmicos por medida. Estes são sistemas onde o depósito de armazenamento e o coletor solar podem ser escolhidos em separado e avaliados como um todo num único sistema, não ficando dependentes de configurações fixas como nas anteriores normas. Foi com esse intuito de caracterizar e avaliar o comportamento térmico de um sistema solar térmico por medida que se procedeu à realização deste trabalho. Neste trabalho procedeu-se numa primeira fase à realização e acompanhamento de diversos ensaios no Laboratório de Energia Solar (LES) do Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG) com vista à caracterização térmica de um depósito de armazenamento de energia. Para tal foi utilizada uma bancada de ensaios existente no laboratório e que foi construída para suprir as condições requeridas pela norma EN19277:2012. Após a realização de todos os ensaios pretendidos foram determinados e validados os parâmetros característicos do depósito utilizando o software TRNSYS e recorrendo ao método iterativo de Hooke-Jeeves. Numa segunda parte do trabalho...

Desempenho energético de bombas de calor e sistemas solares térmicos considerando perfis de extração normalizados

David, João Pedro Gonçalves
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.6%
Tese de mestrado em Engenharia da Energia e do Ambiente, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2014; Este trabalho tem como objetivo comparar o desempenho de sistemas solares térmicos e de bombas de calor para preparação de água quente sanitária, considerando os mesmos perfis de extração. Para o estudo dos sistemas solares efetuaram-se simulações numéricas em ambiente TRNSYS, enquanto para a análise da bomba de calor foi utilizado o método BIN modificado, presente no artigo “New test methodologies to analyse direct expansion solar assisted heat pumps for domestic hot water”. A comparação foi feita para trinta cidades diferentes, escolhidas a partir da Nomenclatura das Unidades Territoriais para Fins Estatísticos (NUTS III). O desempenho foi avaliado através de parâmetros como a fração solar, o fator de desempenho sazonal da bomba de calor, o consumo de energia primária e os gastos com os sistemas utilizados ao fim de dez anos. No que diz respeito à fração solar, os valores variam entre os 53.31% em Faro e os 41.28% no Funchal, sendo a região sul a que apresenta os melhores resultados. O fator de desempenho sazonal varia entre 2.03 em Ponta Delgada e 1.78 em Bragança. Quanto ao consumo de energia primária o sistema que apresenta um menor consumo é o sistema solar térmico com sistema de apoio a gás...

A contribuição de um sistema solar térmico no desempenho energético do edifício solar XXI

Pereira, Andreia Alexandra Salgueiro da Silva de Castro
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
56.46%
Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa Para a obtenção do Grau de Mestre em Energia e Bioenergia; A Directiva 2010/31/UE obriga todos os edifícios novos a serem NZEB até Dezembro de 2020.Um NZEB é aquele que ao longo de um ano produz tanta energia quanto a que consome. O Solar XXI é um edifício de elevado desempenho energético sendo necessário em 2007 apenas 11,5kWh/m2.ano para satisfazer todas as necessidades energéticas. O objectivo deste estudo é avaliar a contribuição de um sistema solar térmico na redução das necessidades energéticas de aquecimento do Solar XXI. Estabeleceram-se dois cenários, representando o cenário (A) as necessidades de aquecimento para uma utilização onde todas as salas e gabinetes utilizam o sistema de aquecimento na sua potência máxima, e um cenário (B) representativo de uma suposta utilização mais próxima da realidade, com menores necessidades energéticas. O sistema solar térmico deste edifício produz no cenário (A) 2,1kWh/m2.ano e no cenário (B)4,0kWh/m2.ano. Esta contribuição não é suficiente para que o Solar XXI alcance o estatuto NZEB. Contudo, os novos módulos PV instalados no Solar XXI irão produzir 35kWh/m2.ano fazendo com que o balanço energético anual do edifício seja positivo. Os resultados obtidos por simulação no programa Solterm 5.1.3. deverão ser aferidos com os dados provenientes da monitorização que se espera realizar ao sistema.

Metodologia de implementação e avaliação de sistemas solar térmico e fotovoltaico: estudo de caso

Andrade, Edgar Emanuel Raimundo
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.33%
Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Mestrado de Energias Renováveis - Conservação e Utilização Sustentáveis; Uma crescente consciencialização ambiental a nível mundial começou a influenciar as vidas das pessoas bem como os mercados económicos, verificando-se que empresas que adoptam estratégias ambientais, estão a receber reconhecimento publico pelos seu esforços. Com o amadurecimento de tecnologias limpas, quer seja a produção de energia de base renovável com maior eficiência ou o design ecológico que visa ao desenvolvimento de produtos, sistemas ou serviços que minimizem o seu impacto ambiental, e os crescentes benefícios económicos associados a estas, o número de empresas a investir nestas tecnológicas continua a aumentar. O presente documento contém o estudo técnico e económico relativo à implementação de uma mini central fotovoltaica e um sistema solar térmico de aquecimento de águas sanitárias, na cobertura da empresa Mota-Engil. Foram analisadas diversas soluções para as duas tecnologias, incluindo a conjugação de ambas, de forma a determinar a melhor escolha possível para a empresa, que proporcione os melhores benefícios técnicos, económicos e ambientais.

Biomassa e solar térmico nos alojamentos: análise de incentivos

Lopes, Emanuel Gomes
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.46%
A sustentabilidade e a eficiência energética constituem obrigações cada vez mais importantes encontrando-se o sector energético numa fase de grande reestruturação. A esse nível destacam-se as estratégias e as políticas que incidem sobre os Sistemas de Incentivos Financeiros (SIF) para utilização das energias renováveis nos alojamentos. Em Portugal a produção de AQS e aquecimento de espaço são responsáveis por cerca de 45 % do consumo de energia final nos alojamentos residenciais. Através do incentivo denominado por Medida Solar Térmico, em 2009 e 2010, o Governo Português privilegiou a utilização de sistemas solares térmicos para produção de AQS no segmento habitacional. Face à natureza do incentivo utilizado em Portugal, analisaram-se nesta dissertação os efeitos energéticos, ambientais e económico-sociais associados à utilização das caldeiras a biomassa para produção de AQS e aquecimento relativamente aos sistemas solares térmicos utilizados para produção de AQS nos alojamentos residenciais. Os resultados obtidos no âmbito do presente trabalho demonstraram que um incentivo na ordem de 95 Milhões de euros utilizados no fomento da utilização da biomassa permite subsidiar cerca de 25,3 mil utilizadores e permite produzir anualmente cerca de 184 GWh de energia final. A redução de Gases de Efeito de Estufa (GEE) associada ronda 32.025 tCO2eq/ano. Em termos económicosociais a utilização da biomassa permite gerar cerca de 3.571 postos de trabalho com um benefício económico para utilizadores que pode atingir 10.000 € durante a vida do sistema. Recorrendo aos índices alcançados no âmbito da Medida Solar Térmico 2009...

Avaliação do envelhecimento de componentes elastoméricos de EPDM de um colector solar térmico plano

Rosado, Ana Rita Infante Guerra
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.42%
Tese de mestrado em Química Tecnológica, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2015; Neste trabalho procedeu-se à avaliação do envelhecimento de componentes elastoméricos de EPDM de um colector solar térmico plano – passa-tubos e vedante -, no âmbito do Projecto DURASOL – “Durabilidade de Colectores Solares Térmicos” (RECI/EMS-ENE/0170/2012)”. Foram identificados os principais factores ambientais susceptíveis de causar o envelhecimento dos componentes em estudo, e respectivos mecanismos de degradação associados, nomeadamente: radiação solar, temperaturas elevadas, oscilações de temperatura, exposição ao ozono e acção mecânica de agentes biológicos ou de factores meteorológicos. Com base no estudo efectuado e nas normas existentes aplicáveis a estes componentes, efectuaram-se ensaios de envelhecimento acelerado por aquecimento com exposição ao ar numa estufa com circulação forçada de ar e por exposição a fontes de luz artificiais (lâmpada fluorescente de ultravioleta e lâmpada de arco de xénon) em câmaras de envelhecimento acelerado. Seleccionaram-se também vários métodos de caracterização adequados ao estudo do envelhecimento dos componentes. As amostras de passa-tubos e vedante sujeitas a envelhecimento acelerado por aquecimento com exposição ao ar foram caracterizadas relativamente à perda de voláteis. No caso das amostras de passa-tubos e vedante antes e após exposição à lâmpada fluorescente de ultravioleta e à lâmpada de arco de xénon foram aplicados os seguintes métodos de caracterização: variação de cor...

Avances en la elaboracion de un calefón solar de muy bajo costo con circulacion forzada intermitente

Di Lalla, Nicolas; Juanico, Luis Eduardo
Fonte: Asociación Argentina de Energía Solar Publicador: Asociación Argentina de Energía Solar
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:ar-repo/semantics/artículo; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
56.12%
se presenta la idea de un calefón solar con recirculación forzada e intermitente mediante una automatización de muy bajo costo. Consta de un colector de absorbedor de manguera de polietileno en forma de espìral, un tanque plástico de acumulación, y una pequeña bomba de recirculación conmutada por un termostato. Con el fin de lograr un sistema íntegralmente muy económico, se evaluó la aplicación de films de polietileno alveolar para la elaboración de la cubierta transparente del colector y para el aislamiento del tanque acumulador. Con este material se obtuvo más calentamiento en el absorbedor que con los habituales policarbonatos alveolares, a un precio 30 veces menor. Se elaboró un prototipo de pequeña escala (1 m2, 60 litros) a un costo aproximado de 450 $. Las primeras mediciones realizadas en época templada, indican que puede fácilmente acumularse por cada m2 de colector 60 litros de agua a 50 °C.; Fil: Di Lalla, Nicolas. Comisión Nacional de Energía Atómica; Argentina;; Fil: Juanico, Luis Eduardo. Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas. Centro Científico Tecnológico - Conicet - Patagonia Norte; Argentina;

Energía Solar Protozeus

Energia Solar de Goyeneche Eirl; Universidad de Santiago de Chile; PAMELARIVEROS PINTONE
Fonte: Corporação de Fomento da Produção Publicador: Corporação de Fomento da Produção
Tipo: proyecto
Publicado em 28/11/2012
Relevância na Pesquisa
56.19%
La Tecnología Solar Protozeus Es una Tecnología Solar Térmica que Presenta un Nuevo Método Integrado para el Transporte y la Acumulación de la Energía Térmica del Sol para su Uso en Calefacción Agua Caliente y Sistemas Térmicos Industriales. La Tecnología Usa al Aire Como Transporte del Calor del Sol y Usa al Concreto Como Acumulador de Ese Calor (ver Imagen). La Tecnología ha Sido Probada por Más de 6 Meses Entregando 50% de Eficiencia de Transferencia Térmica entre la Radiación del Sol y la Energía Térmica Entregada al Aire y un 32% de Eficiencia entre el Calor Acumulado en el Concreto y la Radiación del Sol. Desarrollada en Chile Certificada por Laboratorios Sical Está en Proceso de Patente (inapi Nª201202076) y se Encuentra Funcionando. La Primera Aplicación de la Tecnología Es un Sistema Integrado de Calefacción y Agua Caliente para el Hogar que Está Funcionando y Operando. el Sistema Hace lo Mismo que un Panel Solar Térmico con Estanque de Agua la Diferencia Radica Es que al Ser Aire este Puede Ser Usado Directamente en Calefacción (50% Eficiencia) o Guardar Ese Calor para su Uso Posterior en Concreto. La Batería Termosolar Remplaza al Estanque de Agua Convencional y Está Hecho de Concreto y Dentro del Concreto Va un Serpentín que Transfiere al Calor al Agua lo que lo Hace Prácticamente Eterna y Económica. El Concreto se Calienta con Aire que Es Inocuo y No Tiene Problemas con la Corrosión Ni Congelamiento. los Materiales de Construcción Son Naturales para la Industria de la Vivienda lo que Permite que la Industria Empiece a Aceptar este Tipo de Tecnología en la Vivienda desde un Principio. Actualmente se Tiene un Producto Terminado con Pruebas Certificadas por la Superintendencia de Electricidad y Combustible. El Modelo de Negocio en Chile se Estima se Basará en una Modalidad de Outsourcing para Producción y por Otra Parte los Canales Comerciales Son: Arquitectos Inmobiliarias y Publico en General para que el Comprador de la Vivienda Pida Inco la Tecnología. La Expansión Internacional se Realizará mediante la Cesión de Licencias Manteniendo la Empresa la Propiedad de la Tecnología y la Producción/distribución de los Equipos de Control. El Equipo de Control Consiste en un Micro Computador Central que Controla y Administra Todo el Funcionamiento de la Máquina. La Tecnología se Divide En:a)la Planta de Energía Termosolar Transforma la Luz del Sol en Aire Recalentado Alcanzando Temperaturas de hasta 120ºc. El Colector Solar el cual Va sobre el Techo o Forma Parte del Techo. Este Puede Ser Usado en Forma Independiente para Calentar el Aire de una Habitación (estufa Solar) Y/o en Forma Integrada con una Batería Termosolar para Calentar el Agua. B)la Batería Termosolar: Remplaza al Estanque de Agua de los Sistemas Tradicionales. En la Tecnología No Existe Estanque de Agua. el Mismo Concreto que se Calienta Puede Alcanzar hasta los 50ºc y de este Modo Transfiere el Calor al Agua. El Agua Entra por Ejemplo a 12ºc y Sale a 35ºc. el Concreto Opera Como un Acumulador / Intercambiador de Calor. (figura N°2)el Mercado Objetivo Son Todas las Construcciones Nuevas que Requieran Calefacción o Agua Caliente. En Chile Usa y Latinoamérica. En Chile Según Datos del Minvu la Edificación de Viviendas Aprobadas el Año 2011 Fue de 137. 926 Viviendas. en Eeuu la Construcción de Viviendas desde el 2008 al 2011 Fue de 600 Mil Unidades Multifamiliar Anuales. Los Usuarios Finales del Producto Son los Propietarios de Viviendas Nuevas. Los Principales Clientes Son las Empresas Inmobiliarias que Pueden Recuperar el Costo Adicional Mediante. I)subsidio al Uso de Energía Solar Pagado por el Estado (100% para Viviendas hasta 2. 000 Uf)ii)un Valor Adicional en el Precio de la Vivienda Pagado Íntegramente por el Comprador. Iii)una Combinación de las Anteriores (para Viviendas sobre 2. 000 Uf y hasta 4. 500 Uf). En el Segundo Año de Operación se Pretende Explorar Fondos de Inversiones que Estén Interesados en Invertir para el Crecimiento Global. Se Usarán los Beneficios Tributarios Implementados en los Países de la Odce. Van a 10 Años: $524 Millones con Escenario Conservador y Tasa de Descuento de 15% Tir del 667%. La Fundación Desafío Levantemos Chile Facilitó un Hogar en Donde se Instalará la Tecnología. El Día 24 de Julio del 2012 se Presentó la Solicitud de Patente Tipo Pct. Se Cuenta con Interesados en la Tecnología hay Cotizaciones por Aproximado $ 1. 600. 000. -se Están Haciendo las Gestiones para Certificar la Tecnología ante el Ministerio de Vivienda para Acceder al Subsidio para la Construcción con Sistemas Termosolares. Luego se Debe Conseguir la Certificación para que la Tecnología Sea Homologada y Elegible para este Subsidio. Se Tienen Reportajes de la Tecnología en Medios Especializados y en Revistas de Interés Como Portal se Construye y Revista Poder & Negocios.; Realizar la Validación Comercial y Últimos Desarrollos Técnicos para Luego Poner en Marcha Esta Empresa Dedicada a Desarrollar y Producir la Tecnología Solar Protozeus Tecnología Solar Térmica que Presenta un Nuevo Método Integrado para el Transporte y la Acumulación de la Energía Térmica del Sol para su Uso en Calefacción Agua Caliente y Sistemas Térmicos Industriales. A Través de un Captador de Energía Solar a Través de Aire y Acumulación en un Acumulador de Concreto. Internacionalizar la Empresa.; Corporación de Fomento de la Producción

Evaluación de la rentabilidad en un sistema solar térmico : caso de estudio en un edificio residencial de la Comuna de Vitacura, Santiago

Schnaidt Hagedorn, Mauricio
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
56.56%
Memoria para optar al título de Ingeniero en Recursos Naturales Renovables; El consumo de energía en el mundo se incrementará en un 57% entre 2004 y 2030. Para enfrentar este crecimiento Chile tiene como objetivos centrales en materia energética diversificar la matriz, establecer precios competitivos de la energía y que ésta sea sustentable con el medio ambiente. En este escenario, las ERNC permitirían cumplir tales objetivos en una gran medida. Dentro de las ERNC, la energía solar térmica ha mostrado un crecimiento a nivel mundial en los últimos años, incluido en Chile, que presenta altos niveles de radiación solar para su desarrollo. Con el propósito de exponer las ventajas de la energía solar térmica, se propuso evaluar la rentabilidad de un sistema solar térmico para producir agua caliente sanitaria en un edificio residencial, ubicado en la Región Metropolitana, a través de una evaluación técnicoeconómica. El edificio utilizado como caso de estudio presenta una demanda media diaria anual de 15.839 litros de agua caliente sanitaria y utiliza calderas a gas natural para cubrirla. A través de la evaluación técnica se determinó que la superficie óptima de colectores solares, para satisfacer el 62...

Simulación y Análisis del Sistema Solar Térmico de una Vivienda Energéticamente Eficiente

Hinojosa Espinosa, Juan Francisco
Fonte: Universidad de Chile; CyberDocs Publicador: Universidad de Chile; CyberDocs
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
56.27%
El presente trabajo de título tiene como objetivo general estudiar, por medio de la experimentación y simulación, el circuito primario del Sistema Solar Térmico (SST) instalado en una vivienda energéticamente eficiente. Para realizar el estudio experimental se registran variables relevantes del SST que permiten, en base a cálculos energéticos, caracterizar su funcionamiento. Luego, realizando un análisis detallado de los equipos y registros, se utiliza el software TRNSYS para generar un modelo computacional que se ajuste al comportamiento real del sistema. Los objetivos de este modelo son conocer cómo se desenvuelve el sistema durante el año y explorar cambios no invasivos que permitan mejorar su rendimiento. Los cálculos realizados con la información del registro de datos indican que el sistema presenta un rendimiento del 26%, aportando 123,08 [kWh] durante la semana de medición. De esta misma forma, la situación simulada corresponde a un rendimiento del 24%, aportando un total de 111,3 [kWh] semanales. Esto indica que el modelo posee un error relativo menor al 10% en la aproximación del comportamiento de la vivienda. Por otro lado, al proceder con la simulación anual del sistema se obtiene un rendimiento de un 42%...

Energia solar térmica como fonte de calor no processo de digestão anaeróbia

Tavares, Rosana Sofia Gomes
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.47%
Dissertação de Mestrado em Engenharia Mecânica; A gestão de resíduos encontra-se cada vez mais sob restrições crescentes, em especial no que toca aos resíduos orgânicos. O tratamento biológico da fração orgânica dos resíduos sólidos urbanos (RSU) constitui uma solução necessária a ter em conta na gestão de resíduos, ao promover a redução da matéria orgânica, através dos processos de estabilização e de recuperação de nutrientes. A digestão anaeróbia assume particular destaque por utilizar ainda o conteúdo energético dos resíduos, convertendo‐o numa fonte de energia - o biogás. Para manter a produção de biogás é necessário que o processo de digestão anaeróbio ocorra a uma temperatura constante e tradicionalmente este aquecimento é feito com parte do biogás produzido. Se outro tipo de energia renovável for utilizada como fonte de calor, a reação torna-se muito mais eficiente e a quantidade de biogás produzida disponível para valorização aumenta substancialmente. É neste contexto, que a energia solar e a energia geotérmica surgem como uma solução bastante promissora. Pois são ambas fontes de energia renovável com grande potencial em Portugal. Este trabalho tem como principal objetivo avaliar a viabilidade de um sistema solar térmico e de um sistema geotérmico como fonte de calor alterativa durante o processo de digestão anaeróbia...