Página 1 dos resultados de 1269 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Características de sistemas integrados de gestão empresarial desenvolvidos sob o modelo de software livre: informações para suporte à fase de seleção e viabilidade de instalação em pequenas empresas ; Characteristics of Management Information Systems developed based on Free Software model: information to support in the phase of selection and viability of installation in small businesses

Campos, Ronaldo Ribeiro de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/05/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.53%
Este trabalho realizou uma investigação descritiva nos sistemas integrados de gestão empresarial desenvolvidos sob o modelo de software livre. O objetivo foi obter um levantamento de informações que pudessem auxiliar na fase de seleção de um sistema de informação. O trabalho apresenta conceitos de software livre, sistemas de informação e informações sobre tecnologia em pequenas empresas sob os aspectos de equipamentos, pessoas e utilização de software. Foram abordados três aspectos na descrição dos sistemas: viabilidade de instalação, funcionalidades e usabilidade. O estudo foi realizado dentro de um referencial teórico qualitativo-positivista, com objetivo metodológico descritivo, utilizando como delineamento o levantamento. A base de dados para extração das amostras foi o site SourceForge, um repositório de software livre. A seleção de amostras foi feita em fases múltiplas e possibilitou uma análise sobre as características dos aplicativos de forma geral e depois uma análise mais detalhada dos programas selecionados. Os resultados apontam para a escassez de pessoal capacitado tanto para uso da tecnologia na pequena empresa quanto com experiência no desenvolvimento de software livre, mas revelam a viabilidade de instalação do software livre na pequena empresa...

Desenvolvimento de software livre no Brasil: estudo sobre a percepção dos envolvidos em relação às motivações ideológicas e de negócios; Development of free software in Brazil: study on the perception of those involved for ideological reasons and business

Vicentin, Ivan Carlos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/04/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.57%
O conceito de software livre é tão antigo quanto a própria história da indústria de software. Entender a dinâmica da formação, composição, organização, interesses e limites de uma comunidade de software livre não é uma tarefa fácil. Pelo contrário, é um cenário confuso e complexo que, aparentemente, passa uma idéia de "caos organizacional." A importância das comunidades de software livre cresce a cada ano, seja pela adoção do uso de desse tipo de software pelas esferas governamentais ou pela sua utilização cada vez mais, pelas corporações privadas. Isso aponta para possíveis mudanças na dinâmica do desenvolvimento de software livre no Brasil. O presente trabalho tem como objetivo constatar, sob a ótica de participantes nas comunidades de software livre, em que medida o modelo de desenvolvimento de software livre no Brasil está deixando de ser motivado por ideologia, passando a ser feito em função de oportunidades de negócios. Para tal, discutem-se aspectos relacionados às comunidades de software livre e sua inter-relação com o mercado de tecnologia da informação.; The concept of free software is almost as old as the software industry. Understanding the dynamics of formation, composition, organization...

Sistemas de informática e informação da atenção básica do Sistema Único de Saúde e o software livre: possibilidades e perspectivas; The Brazilian Unified National Health System (SUS) Primary Health, its informatics and information systems and the free software: perspectives and possibilities

Cortizo, Carlos Tato
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.55%
Introdução: A Atenção Básica do Sistema Único de Saúde SUS é definida pelo Ministério da Saúde como um conjunto de ações e serviços de saúde no âmbito individual e coletivo, desenvolvidos com práticas gerenciais, sanitárias e sociais participativas, através de ações complexas nos cuidados e atenção à saúde da população do seu território e fundamentada nos princípios da universalidade, integralidade e da eqüidade. Os sistemas de informática em saúde da atenção básica são tecnologias estratégicas na gestão e governança sobre a situação de saúde da população em cada nível de responsabilidade sanitária. O cerne de funcionamento dos sistemas de informática é o software. A literatura pesquisada relata que os softwares dos sistemas de informática em saúde apresentam vários aspectos: inflexibilidade para mudanças, altos custos, baixa eficácia, são frágeis em relação à segurança e a privacidade, não adotam padrões tecnológicos e de saúde, apresentam dificuldades na escalabilidade, são refratários a adaptações às culturas e línguas locais e induzem ao aprisionamento tecnológico dos sistemas de informação em saúde. Neste contexto, o objetivo deste estudo foi o de identificar e analisar quais são as contribuições e limitações do software livre para os sistemas de informática e informação na atenção básica do SUS. Metodologia: Estudo de caso exploratório e qualitativo...

Entre vilões e mocinhos: o software livre no contexto das Américas; Between good guys and villains: the free software in the context of the Americas

Ronzani, Rafael Yamin
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.55%
O presente trabalho faz uma análise do movimento do software livre, um importante movimento de conotação mundial criado para superar as barreiras impostas ao fluxo do conhecimento pela propriedade privada das idéias. O nosso foco não é a luta entre as duas formas de tecnologia de software, livre e proprietária, mas compreender melhor a dinâmica do movimento que foi criado por Richard Stallman. Assim, o objetivo é mostrar que apesar de sua globalidade, o software livre não é recebido e desenvolvido da mesma forma, ao contrário, em cada país ele é recriado a partir das práticas e concepções políticas acerca do papel da tecnologia para o desenvolvimento social e econômico. Para justificar nossa hipótese, escolhemos analisar a América Latina, um continente que enxergou no software quando livre, através de seus governantes, a ferramenta capaz de proporcionar o desenvolvimento e até a independência nacional frente aos países desenvolvidos. Como contraponto de análise, discorremos também sobre o impacto da tecnologia livre, ou melhor, de código aberto, no país ícone da sociedade informacional, os Estados Unidos, onde as empresas privadas (em especial Apple e Google) e as universidades impulsionam a criação e a inovação tecnológica. No confronto analítico entre o poder de criação estatal x privado ou livre x aberto...

Aplicação de práticas de usabilidade ágil em software livre; Application of agile usability practices in free and open source software

Santos, Ana Paula Oliveira dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.59%
Esta dissertação de mestrado fez parte do projeto Qualipso (Quality Platform for Open Source Software) que teve como principal objetivo melhorar a confiabilidade de sistemas de software livre. Nesse contexto, o enfoque desta pesquisa é um dos atributos de qualidade de software: usabilidade. As práticas de usabilidade no desenvolvimento de software livre, são aplicadas na maioria das vezes, em projetos patrocinados por grandes empresas ou que possuam especialistas em usabilidade como membros da equipe. Mas, em projetos menores da comunidade, compostos geralmente por desenvolvedores, raramente ela é considerada. Porém, a usabilidade é um atributo fundamental para a qualidade durante o uso de um sistema. Com base em valores compartilhados entre as comunidades de métodos ágeis e de software livre, esta dissertação propõe a adaptação de práticas de usabilidade no contexto de métodos ágeis para o contexto de comunidades de software livre. Por meio de pesquisa bibliográfica, levantamos as principais práticas de usabilidade tanto no âmbito de métodos ágeis, quanto no âmbito de software livre, e as classificamos de acordo com as fases do Design Centrado em Usuário, descrevendo cada uma com o formato nome-contexto-problema-solução-exemplos. As práticas foram exploradas em projetos de software livre...

Monitoramento de métricas de código-fonte em projetos de software livre; Source code metrics tracking on free and open source projects

Meirelles, Paulo Roberto Miranda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.53%
Nesta tese de doutorado, apresentamos uma abordagem para a observação das métricas de código-fonte, estudando-as através de suas distribuições e associações, além de discutir as relações de causalidade e implicações práticas-gerenciais para monitoramento das mesmas. Em nossos estudos avaliamos a distribuição e correlações dos valores das métricas de 38 projetos de software livre, dentre os com mais contribuidores ativos em seus repositórios. Para tal, coletamos e analisamos os valores para cada métrica em mais de 344.872 classes e módulos dos projetos avaliados. Complementarmente, para mostrarmos a utilidade do monitoramento de métricas, descrevemos uma extensão e adaptação do modelo de causalidade do conceito de atratividade de projetos de software livre, que indica uma relação estatística entre os valores das métricas de código-fonte e a quantidade de downloads, contribuidores e atualizações (commits) nos repositórios dos projetos. Para isso, realizamos estudos empíricos com milhares de projetos de software livre. Do ponto de vista prático, também contribuímos com um conjunto de ferramentas inovador para a automação da avaliação de projetos de software livre, com ênfase nos estudos e na seleção de métricas...

Caracterização de um processo de software para projetos de software livre; Characterizing a software process for Free Software projects.

Reis, Christian Robottom
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/04/2003 PT
Relevância na Pesquisa
66.59%
Software Livre é software fornecido com código fonte, e que pode ser livremente usado, modificado e redistribuído. Projetos de Software Livre são organizações virtuais formadas por indivíduos que trabalham juntos no desenvolvimento de um software livre específico. Estes indivíduos trabalham geograficamente dispersos, utilizando ferramentas simples para coordenar e comunicar seu trabalho através da Internet. Este trabalho analisa esses projetos do ponto de vista de seu processo de software; em outras palavras, analisa as atividades que realizam para produzir, gerenciar e garantir a qualidade do seu software. Na parte inicial do trabalho é feita uma extensa revisão bibliográfica, comentando os principais trabalhos na área, e são detalhadas as características principais dos projetos de software livre. O conteúdo principal deste trabalho resulta de dois anos de participação ativa na comunidade, e de um levantamento realizado através de questionário, detalhando mais de quinhentos projetos diferentes. São apresentadas treze hipóteses experimentais, e os resultados do questionário são discutidos no contexto destas hipóteses. Dos projetos avaliados nesse levantamento, algumas características comuns foram avaliadas. As equipes da grande maioria dos projetos são pequenas...

O software livre e o acesso à informação : alternativas para a socialização do conhecimento

Santin, Dirce Maria
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.53%
Este estudo busca verificar as contribuições do software livre para a socialização do conhecimento, conhecendo os agentes responsáveis pelo desenvolvimento do modelo e os principais beneficiários. Apresenta o software livre a partir da análise do Projeto GNU e da Free Software Foundation, das licenças reguladoras, das vantagens e dos modos de organização e produção de software livre em comunidades abertas. Analisa a apropriação privada do conhecimento pelas empresas de software proprietário, viabilizada por mecanismos de copyright e apresenta novos conceitos de estrutura e de livre acesso. Apresenta as políticas públicas e incentivos dos governos para o desenvolvimento do software livre e aponta alternativas de uso do software aberto para minimizar a exclusão social e digital.; The study hereby aims to verify the contributions of free software to the knowledge socialization, indicating the responsible agents for the pattern development and their main beneficiaries. It also presents the free software based on the GNU Project and on the Free Software Foundation approaches for the regulatory licenses, for the advantages and the ways of organization and production of free software in open communities. The study analyzes the private knowledge appropriation by owner companies...

Software livre e inovação tecnologica : uma analise sob a perspectiva da propriedade intelectual

Cassia Isabel Costa Mendes
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.52%
Esta dissertação tem por objetivo discutir o potencial do software livre para fomentar a inovação tecnológica, por intermédio do seu regime protetivo à propriedade intelectual, em países em desenvolvimento, tendo o Brasil como referência. O referencial teórico neo-schumpeteriano é utilizado para estudar se as características do processo inovativo - oportunidade tecnológica, cumulatividade do progresso técnico e apropriação privada -podem facilitar a inovação no âmbito do software livre. O trabalho apresenta um panorama do tema, sob as dimensões econômica e jurídica, e relata a experiência da Embrapa Informática Agropecuária no desenvolvimento e na difusão de software livre. A metodologia utilizada é constituída por duas etapas. A primeira corresponde à revisão de literatura do referencial teórico e do marco regulatório aplicáveis ao software livre. E a segunda consiste na aplicação de entrevista semiestruturada com especialistas e com técnicos e gerentes da Embrapa, para levantamento das potencialidades e restrições para desenvolvimento e difusão de software livre nesta empresa; This dissertation intends to discuss the potential of free software to foment the technological innovation, by means of its intellectual property-protective regime in developing countries...

Software livre e Movimento Softwrare Livre

Teixeira, Viviani Corrêa
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 121 f.| grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
66.51%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política; Na sociedade contemporânea e tecnológica, a luta dos grupos excluídos torna-se cada vez mais evidente. O avanço técnico gerou certas disparidades no campo da informática. Algumas empresas aprisionaram o conhecimento através de copyrights, o que induziu a sociedade civil a ficar refém de um processo de exploração comercial e criou uma divisão entre a comunidade de técnicos ligados à computação. Esse contexto de disputa e luta por novas alternativas para o campo da informática dá origem a um movimento em prol da criação, uso e difusão de softwares alternativos e cooperativos. Esse movimento, conhecido como #Movimento Software Livre", pode ser citado como exemplo de um novo agente de transformação que visa romper com o sistema econômico vigente utilizando-se do potencial das redes, principalmente da Internet. O movimento alcançou vários segmentos da sociedade civil e se encontra entre os movimentos mais representativos da atualidade. Além da luta em que a comunidade tecnológica se empenha pela liberdade de escolha na confecção dos softwares, há a tentativa de conscientizar os usuários de que a migração para um software de código fonte aberto...

Avaliação para expansão do uso de software livre no Superior Tribunal de Justiça - STJ

Castro, Victor Marcus de Oliveira; Cavalcanti, Dorval Pacheco
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.51%
Trabalho apresentado em cumprimento às exigências acadêmicas parciais do curso de pós-graduação lato sensu em GERENCIAMENTO DE PROJETOS / PMBOK para a obtenção do grau de Especialista. Orientador: Shirley Pontes.; Nessa apresentação procura-se abordar um processo de avaliação para adoção de software livre numa instituição pública de renome nacional, desde o estabelecimento de uma equipe formal por meio de uma portaria até a elaboração final de um documento estabelecendo diretrizes ao uso de Software Livre no Superior Tribunal de Justiça. A experiência contou também com o apoio de colaboradores de outros entes públicos e empresas privadas, demonstrando que o conceito por trás do software livre redunda fortemente no compartilhamento de soluções. O Software Livre faz parte de uma das maiores transformações tecnológicas no serviço público, contando com o apoio integral do Governo Federal e de tantos outros Governos Estaduais. Os próprios Estados, vários Municípios, Tribunais, Ministérios e diversas outras instituições públicas estão avançando na utilização de software livre e conseguindo vantagens muito além da simples economia financeira que esse modelo de desenvolvimento de software tem proporcionado. O STJ iniciou sua jornada já há algum tempo e agora está registrando-se o trabalho feito para o avanço do uso de software livre através da avaliação de novas ferramentas...

Software livre para implementação de repositórios digitais e provedores de serviços: experiência da Embrapa Informática Agropecuária.

VACARI, I.; VISOLI, M. C.; LEITE, F. C. L.; PONTES, S. D. de C. L. D.; OKAWACHI, M. F.; SIMAO, V. P. M.; GONZALES, L. E.; PRAXEDES, M. G. G.
Fonte: In: JORNADAS DE SOFTWARE LIBRE, 39., 2010, Buenos Aires. Anales... Buenos Aires: Sociedad Argentina de Informática, 2010. Publicador: In: JORNADAS DE SOFTWARE LIBRE, 39., 2010, Buenos Aires. Anales... Buenos Aires: Sociedad Argentina de Informática, 2010.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: p. 2345-2360.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
76.39%
O trabalho apresenta a experiência técnica da Embrapa Informática Agropecuária (CNPTIA), instituição de pesquisa em tecnologia da informação para agricultura, no contexto de software livre para implementação de repositórios digitais e provedores de serviços. Mais especificamente, serão relatados os estudos e as soluções de software livre escolhidas para viabilizar a inserção da Embrapa no modelo alternativo de comunicação científica denominado Acesso Aberto (Open Access Initiative) [1], que visa promover o acesso livre e irrestrito à produção científica desenvolvida pelos pesquisadores e instituições, e que tem na implantação de repositórios digitais, sejam eles institucionais ou temáticos, uma de suas estratégias principais.; 2010; JAIIO - JSL 2010.

Software livre: proposta de boas práticas para um modelo híbrido de migração 

dos Santos Ramos Filho, Saint-Clair; Paula Cabral Seixas Costa, Ana (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.52%
O Software Livre deixou de ser exclusividade do meio acadêmico, apresentandose como uma opção real para a solução de problemas de mercado.  Prova disso é o uso cada vez mais freqüente no desenvolvimento de soluções customizadas e robustas em organizações públicas e rivadas. Mais do que simples redução de custos com licenças de utilização, a adoção de Software Livre possibilita desenvolvimento tecnológico, diferenciação de produtos ou serviços, independência de fornecedor único e maior segurança na execução de processos. Outro fator relevante, referese à socialização do conhecimento,  favorecido pela publicação e distribuição de códigofonte dos programas.  Essas vantagens aplicadas a Organizações Públicas servem para promover aprimoramento das ações de governo com conseqüente melhria no atendimento às demandas sociais. Esta dissertação baseada em pesquisa bibliográfica e internet,  questionário e experiência profissional   apresenta boas práticas para um modelo de migração híbrida: Software proprietário para Software Livre. A pesquisa teve um caráter exploratório...

Aprendizagem mediada por tecnologias digitais baseadas em software livre no âmbito do programa um computador por aluno - PROUCA

Andrade, Wilkens Lenon Silva de; Carvalho, Ana Beatriz Gomes de (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
66.52%
Esta dissertação é fruto de um trabalho de pesquisa que teve por motivação a reflexão sobre as características libertadoras do software livre na educação, no contexto do Programa Um Computador Por Aluno em uma escola da rede municipal de ensino na cidade de Campina Grande, PB. O presente trabalho tem como objetivo geral a análise do software livre como fundamento para construção de um ambiente de aprendizagem e inclusão sociodigital em rede, seja em modo online ou offline. O trabalho discute o tema da Inclusão Digital nas escolas numa perspectiva sociocultural trazendo para o centro da reflexão as temáticas da liberdade de acesso e uso livre do conhecimento na cultura escolar bem como da apropriação tecnológica a partir da dimensão do compartilhamento de saberes entre sujeitos. Nessa perspectiva, trabalhamos a hipótese de que o software livre potencializa o processo da aprendizagem quando compreendido e apropriado, na escola, a partir de sua origem fundante que é a inteligência coletiva, fruto do compartilhamento do conhecimento entre desenvolvedores e usuários, associada à filosofia que orienta o seu desenvolvimento, aplicação e evolução. Como referencial teórico para analisar a dimensão sociocultural da Inclusão digital no campo da educação nos valemos de Vygotsky (2001) e Lévy (2004); buscando analisar a cultura escolar como cenário de formação e conformação de sujeitos nos apoiamos em Julia (2001)...

Estudo sobre os fatores que influenciam a decisão pela adoção do software livre em instituições públicas

Oliveira, Klaus Felinto de
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
66.53%
A crescente demanda pelos serviços estatais faz com que seja cada vez mais exigido das entidades governamentais o bom uso do dinheiro público, para que as necessidades dos cidadãos sejam atendidas de modo mais eficiente e eficaz. Some-se a isso um contexto mundial de ajuste fiscal, no qual os governos têm buscado reduzir gastos de modo a evitar a ocorrência de déficits orçamentários, dado os seus indesejáveis efeitos nas economias nacionais, como inflação e redução do nível de atividade econômica. Nesse cenário, tomam vulto iniciativas que possam prover alternativas para o aumento da eficiência da máquina pública, bem como para a redução de gastos, com a aquisição de bens e serviços de qualidade no menor valor disponível no mercado. Assim como nas demais organizações, os gastos de entidades públicas com a aquisição e uso de tecnologia da informação vem crescendo expressivamente nos últimos anos. Paralelamente observa-se, tanto no país quanto no exterior, o crescimento do uso de sistemas de software livre por entidades governamentais, que têm confiado na qualidade dessa solução de tecnologia, considerando-a como uma alternativa viável e eficaz para a consecução de seus objetivos. O surgimento do software livre...

Gerência de projetos de software livre no framework SAFE

Arakaki, Alexandre Aguena
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
O tema Software Livre tem se tornado uma importante área de estudo e pesquisa para Engenharia de Software, ganhando espaço como uma ramificação da Engenharia de Software Tradicional, definida como Engenharia de Software Livre (OSSE - Open Source Software Engineering). Várias comunidades vêm obtendo sucesso no desenvolvimento de soluções baseadas em Software Livre, tais como: Mozilla, Apache e Linux. O sucesso, a alta popularidade e a confiabilidade obtida pelas comunidades de projetos de Software Livre motivam novas pesquisas, principalmente na busca de respostas para elucidar os fatores que garantem a qualidade do software produzido. Neste contexto, neste trabalho é investigado o conhecimento acerca da gerência de projetos em comunidades de projetos de Software Livre, por meio de uma metodologia de representação baseada em gerências e diretrizes. Foram definidas e caracterizadas oito gerências: requisitos, lançamento de versões, evolução orientada a bugs, qualidade, código-fonte, coordenação da comunidade, comunicação e gerência de documentação. Para validar a proposta das gerências na prática, foi especificado e implementado módulos no projeto do framework SAFE (FINEP/USPSão Carlos/DCT-UFMS/Async), uma solução que integra diferentes softwares livres para auxiliar o processo de desenvolvimento de Projetos de Software Livre.; The open source software theme has become an important area of Software Engineering study and research...

Acessibilidade no Desenvolvimento de Software Livre

Alves, Daniel Domingos
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.58%
A concepção e o desenvolvimento de software livre acessível ao maior número possível de usuários, incluindo pessoas com deficiência, são de grande importância para a eliminação de barreiras e apoio à inclusão digital. Este estudo procura contribuir no trabalho que, nos últimos anos, vem sendo feito para a criação de conteúdos para a Internet acessíveis às pessoas com deficiência, ampliando estas preocupações para o contexto de software livre. No presente trabalho foi realizado um estudo sobre acessibilidade no desenvolvimento de software livre com o intuito de identificar como os projetos de software livre no Brasil estão lidando com a acessibilidade. Para isso, foi realizado um levantamento, com a coleta de dados por meio de questionário on-line, aplicado aos administradores e desenvolvedores de projetos de software livre. A partir da análise dos resultados dos questionários e da revisão bibliográfica, foram identificados alguns problemas, dificuldades e motivos pelos quais a maioria dos projetos não está desenvolvendo software acessível. Diante destas informações, foi idealizada e é apresentada a proposta de adaptação de um modelo de processo de software livre com recomendações de acessibilidade...

Terra incognita : liberdade, espoliação: o software livre entre técnicas de apropriação e estratégias de liberdade; Here be dragons : freedom, spoliation: free software between techniques of appropriation and strategies of freedom

Francisco Antunes Caminati
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.57%
Esta Tese apresenta os resultados de uma pesquisa de Sociologia da Tecnologia que aborda as inovações tecnológicas, as implicações geopolíticas e as possibilidades ecológicas do Software Livre. A pesquisa explorou o papel operatório das ideias e das práticas de liberdade e de abertura associadas, respectivamente, aos conceitos de Free Software e de Open Source. O objetivo foi analisar a ambivalência da relação que, ao longo de sua evolução histórica, o Software Livre estabeleceu com o Mercado: num primeiro momento, confrontou-o para garantir a possibilidade de liberdade, posteriormente, aliou-se para fortalecer e expandir essa liberdade. O objetivo era investigar até que ponto a liberdade pode se expandir através dessa aliança com o mercado, e quais as consequências para expansão ou retração do meio técnico e informacional compartilhado através dela. Com o intuito de demarcar conflitos e limites precipitados pela conciliação do Software Livre com tecnologias que restringem liberdades e com regimes de apropriação que remetem a relações de espoliação, e de proporcionar o entendimento da característica que está por trás da aparente convergência sinergética entre uma nova forma de liberdade inaugurada pelo SL e uma nova forma de apropriação praticada por um capitalismo open source...

Motivações para o compartilhamento do conhecimento em comunidades de software livre

Balle, Andrea Raymundo
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
66.54%
Compartilhamento do conhecimento é considerado um fator essencial para as comunidades de prática. As comunidades de software livre são consideradas comunidades de prática, pois agregam pessoas interessadas em compartilhar conhecimento sobre software livre. Uma das características das comunidades de software livre é ter membros muito diversos, quanto à idade, formação, cultura, entre outros aspectos, o que pode ser um desafio para que os líderes as mantenham ativas e energizadas. Os processos de compartilhamento do conhecimento são influenciados por diferentes motivações, dependendo do contexto. O objetivo desse estudo é identificar as motivações para o comportamento do compartilhamento do conhecimento em comunidades de software livre, que podem ser influenciadas pela ação dos líderes. Para isso, a pesquisa foi desenvolvida em três etapas. Primeiramente, foi realizada uma etapa qualitativa, onde vinte entrevistas semiestruturadas foram conduzidas com membros de uma comunidade. Essa etapa sugeriu dezesseis motivações para o comportamento de compartilhamento do conhecimento: oito influenciam doação e tem foco no conhecimento, quatro influenciam coleta e possuem foco no indivíduo, quatro influenciam ambos processos e são focadas nos relacionamentos entre indivíduos.Com base nos resultados da etapa anterior...

Supporting newcomers to overcome the barriers to contribute to open source software projects; Apoiando novatos a superarem barreiras para contribuir a projetos de software livre

Steinmacher, Igor Fábio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2015 EN
Relevância na Pesquisa
66.57%
Community-based Open Source Software (OSS) projects are generally self-organized and dynamic, receiving contributions from volunteers spread across the globe. These communities survival, long-term success, and continuity demand a constant influx of newcomers. However, newcomers face many barriers when making their first contribution to an OSS project, leading in many cases to dropouts. Therefore, a major challenge for OSS projects is to provide ways to support newcomers during their first contribution. In this thesis, our goal was to identify and understand the barriers newcomers face and provide appropriate strategies to lower these barriers. Toward this end, we conducted multiple studies, using multiple research methods. To identify the barriers, we used data collected from: semi-structured interviews with 35 developers from 13 different projects; 24 answers to an open questionnaire conducted with OSS developers; feedback from 9 graduate and undergraduate students after they tried to join OSS projects; and 20 primary studies gathered via a systematic literature review. The data was analyzed using Grounded Theory procedures: namely, open and axial coding. Subsequently, the analysis resulted in a preliminary conceptual model composed of 58 barriers grouped into six categories: cultural differences...