Página 1 dos resultados de 2258 itens digitais encontrados em 0.019 segundos

Problemas respiratórios em crianças menores de dois anos e a reprodução social das famílias (estudo populacional no município de Itupeva SP); Respiratory problems in children under two years old and social reproduction of families (population study in Itupeva city, SP, Brazil)

Minagawa, Aurea Tamami
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
56.2%
A estreita relação entre saúde da criança e fatores sociais e econômicos é reconhecida há muito tempo, mas ainda a grande maioria das crianças pobres que adoece morre mais. Portanto, é necessário ampliar o conhecimento a respeito da rede de determinantes (distais, intermediários e proximais) dos problemas de saúde mais prevalentes nas crianças. As doenças respiratórias constituem uma das principais causas de morbidade e mortalidade infantil no Brasil e no mundo Justifica-se, pois, reconhecer os processos determinantes dos problemas respiratórios, considerando a determinação social do processo saúde-doença. Assim, os objetivos deste trabalho foram estimar a prevalência dos problemas respiratórios nos diferentes grupos sociais homogêneos; caracterizar como esses problemas se relacionam às formas de reprodução social das famílias e avaliar os determinantes proximais, intermediários e distais associados à sua ocorrência. Este estudo populacional transversal foi realizado no município de Itupeva (SP), numa amostra representativa de 261 crianças menores de dois anos. A partir de um modelo teórico hierarquizado, centrado na categoria da reprodução social, foram compostos os perfis de reprodução social...

Reprodução social & aleitamento materno (estudo populacional no Município de Itupeva, SP); Social reproduction & breastfeeding (population study in Itupeva city, SP, Brazil)

Toriyama, Aurea Tamami Minagawa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/08/2002 PT
Relevância na Pesquisa
56.27%
Apesar do movimento em prol do aleitamento natural e dos esforços para deter o desmame precoce, a freqüência e a duração do aleitamento materno no Brasil permanecem inferiores às recomendações da Organização Mundial de Saúde. Os poucos estudos com base populacional sobre a situação da amamentação no Brasil, em sua maioria tem se baseado no referencial teórico da multicausalidade como explicativo do desmame precoce e dos fatores que favorecem ou dificultam a amamentação. Enquanto sub-projeto de uma investigação mais ampla, este estudo transversal de base populacional pretendeu verificar como são associados o perfil de reprodução social das famílias - formas de trabalhar e de viver - e a situação de aleitamento materno. Foi realizado numa amostra significativa de 261 crianças menores de 2 anos, residentes na área urbana da cidade de Itupeva (SP). A partir de um modelo teórico hierarquizado, centrado na categoria da reprodução social, foram compostos os perfis de reprodução social, utilizando-se uma base teórico-metodológica-operacional que pré-definiu três grupos sociais homogêneos (GSHs). Para avaliar os padrões de aleitamento materno foram utilizados os indicadores recomendados pela OPS/OMS, sendo a freqüência e a duração mediana calculadas a partir da técnica da tábua de vida. Verificou-se a associação entre as variáveis estudadas através de análise bivariada (teste X2; P<0...

Modernização capitalista e reprodução social da classe trabalhadora na periferia de Salvador/BA: o Pero Vaz e as formas e práticas derivadas da escravidão; Capitalist modernization and social reproduction of the working class on the outskirts of Salvador, Bahia: Pero Vaz and the forms and practices derived from slavery

Araújo, James Amorim
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/10/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.24%
Esta tese se propôs a pesquisar a reprodução social da classe trabalhadora na periferia da metrópole soteropolitana. O objetivo era compreender, no bojo do processo de modernização capitalista, o relacionamento entre as formas sociais de reprodução com as práticas da classe trabalhadora a partir de duas dimensões específicas: a do habitar e a do trabalho. Para tanto, buscamos dialogar com duas abordagens teóricas: a marxista de Henri Léfèbvre e a da resistência de Michel de Certeau. Este trabalho se compõe de cinco capítulos, além da introdução e considerações finais. No primeiro apresentamos nosso referencial teórico-metodológico. No segundo e terceiro capítulos são descritas as formas e práticas de reprodução da classe trabalhadora, respectivamente, nos níveis espaciais da cidade e do bairro. O quarto capítulo é o dedicado à análise formal do objeto. Enquanto no quinto a análise é de caráter dialético. Concluímos que parte significativa da reprodução da classe trabalhadora na periferia ocorre através de formas e práticas derivadas da escravidão, porque é uma condição necessária e contraditória da modernização capitalista típica em nossa formação social.; This thesis set out to investigate the social reproduction of working class in the outskirts of the city of Salvador. The goal was to understand in the middle of the process of capitalist modernization...

De leprosário a bairro: reprodução social em espaços de segregação na Colônia Antonio Aleixo (Manaus-AM); From leprosarium to neighborhood: social reproduction in areas of segregation in the Colony Antonio Aleixo

Ribeiro, Maria de Nazaré de Souza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.25%
Desde a antiguidade, as características epidemiológicas da hanseníase favoreceram sua propagação, principalmente diante de condições de adensamento populacional, deficiência de cuidados de higiene e baixa imunidade. As deformidades provocadas pela doença sempre degradaram a imagem do indivíduo, favorecendo a sua estigmatização. A intensificação do esforço em segregar os doentes com hanseníase no Brasil foi resultado de escolhas e formas de intervir na sociedade. A situação econômica do século XIX e XX, justificada pelo aumento dos casos de hanseníase e da necessidade de proteger a sociedade, levou as autoridades amazonenses, espelhadas nas condutas praticadas na Europa séculos atrás, a buscarem formas de criar locais para segregação e controle dos pacientes. Foi com este fim que surgiu o Leprosário Colônia Antonio Aleixo, no município de Manaus, em 1942. Nossa pesquisa tem como objetivo analisar a reprodução social (relação trabalho e vida) de moradores do bairro Colônia Antonio Aleixo em Manaus (AM), ex-colônia de hansenianos desde sua instalação até a atualidade, na transição de leprosário a bairro. Trata-se de uma pesquisa quali-quantitativa, de natureza transversal descritivo-analítico, com abordagem baseada na concepção materialista e dialética da história...

Operacionalização do conceito de classes sociais em epidemiologia crítica: uma proposta de aproximação a partir da categoria reprodução social; The measurement of social class in critical epidemiology: a proposal of approximation from the category of social reproduction

Trapé, Carla Andrea
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
56.32%
O presente trabalho toma por objeto a operacionalização do conceito de classes por meio da definição de variáveis para classificação da população em grupos sociais. O estudo apóia-se no arcabouço teórico-metodológico da Epidemiologia Crítica que fundamenta-se numa compreensão de saúde e doença que coloca no centro da explicação dos determinantes da saúde, o trabalho - a produção capitalista e, a ele subordinado, a vida - o consumo sob o comando do processo de acumulação capitalista. Esta investigação pretende averiguar a capacidade das variáveis de trabalho e vida - reprodução social de mostrar as diferenças de reprodução social das famílias e apoiar a operacionalização do conceito de classe na contemporaneidade. Tem por objetivos específicos: a) levantar por meio de inquérito domiciliar variáveis de reprodução social de famílias que vivem em diferentes espaços sociais de uma cidade da Região Metropolitana de São Paulo; b) analisar o comportamento dessas variáveis de reprodução social quanto à sua capacidade para formar grupos com semelhantes formas de trabalhar e de viver; c) construir um índice de reprodução social capaz de mostrar as diferenças de reprodução social entre as famílias no micro espaço. Partiu-se de arcabouço proposto na literatura...

Análise das estratégias de reprodução social dos pescadores de Rio Grande/RS numa perspectiva do cotidiano, geracional e de gênero

Porto, Gabriela de Donati
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.11%
O objetivo principal desse trabalho é analisar como se dá a reprodução social da categoria dos pescadores e quais as alternativas por eles buscadas fora da atividade para que seja possível atender às suas necessidades de sobrevivência cotidiana. É também objetivo do trabalho verificar como se dão as divisões do trabalho entre os membros da categoria por sexo e idade e ainda examinar os destinos dados aos financiamentos obtidos por políticas de crédito como o Pronaf. A fundamentação teórica realizada se deu com base na literatura acerca de reprodução social dos agricultores familiares, visto que os pescadores são assim categorizados pelas políticas públicas. A pesquisa foi realizada no município de Rio Grande, que possui cerca de três mil famílias de pescadores. Para a realização do trabalho, foram feitas entrevistas com pescadores e representantes institucionais, tais como secretarias municipais, colônia de pescadores, sindicatos, Banco do Brasil e Emater. Constatou-se que há uma divisão tradicional do trabalho por sexo e também por idade e que há uma busca pelos membros da família por empregos temporários ou fixos, tanto dentro quanto fora da atividade pesqueira, para auxiliar na renda familiar. Concluiu-se também que há...

A rede sociotécnica do babaçu no Bico do Papagaio (TO) : dinâmicas da relação sociedade-natureza e estratégias de reprodução social agroextrativista

Rocha, Maria Regina Teixeira da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.19%
A tese tem como foco central a configuração que assume a rede sociotécnica do babaçu no Bico do Papagaio – TO, construída pela associação de seres humanos e não humanos e a interface que estes estabelecem com as estratégias de reprodução social e as relações sociedade-natureza. O que se busca destacar na pesquisa são as formas de reprodução social do agroextrativismo do babaçu como produto dessa rede sociotécnica e as dinâmicas atuais das relações sociedade-natureza decorrentes dessas estratégias. Como ponto de partida foram formuladas três questões de pesquisa: a primeira, direcionada à identificação e análise dos elementos (sociais, políticos e naturais) convergentes e/ou divergentes que têm afetado o extrativismo do babaçu; a segunda, no entendimento da interação dos diferentes atores na formação dessa rede; e a terceira, na busca dos desdobramentos dessa interação na reprodução social das famílias agroextrativistas do babaçu e nas dinâmicas das relações sociedade-natureza. A pesquisa de campo foi realizada no segundo semestre de 2009 e no primeiro semestre de 2010, na qual se adotou como referencial teórico-metodológico a Teoria do Ator-Rede (ANT), que parte do pressuposto epistemológico da necessidade de rompimento da dicotomia sociedade-natureza. Após análise dos dados primários levantados por meio de uma pesquisa etnográfica concluiu-se que as mudanças e permanências sofridas no contexto da região do Bico do Papagaio...

Reprodução social e práticas socioprodutivas de agricultores familiares na microrregião de Altamira, Pará, Brasil

Rocha, Carla Giovana Souza
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.15%
Este estudo objetiva compreender as possibilidades de mudanças nas práticas socioprodutivas e nas percepções ambientais dos agricultores familiares na microrregião de Altamira frente às restrições e oportunidades advindas da problemática ambiental. A pesquisa de campo consistiu de entrevistas semiestruturadas com 60 famílias de três localidades rurais desta microrregião paraense, tomadas como ilustrativas da realidade regional em seus aspectos de diversidade social e heterogeneidade do meio biofísico. Foram realizadas observações no campo por meio de percurso nos estabelecimentos agrícolas e entrevistadas com os mediadores técnicos e dos movimentos sociais. A abordagem teórico-metodológica escolhida teve dois aportes principais, a discussão epistemológica de Claude Raynaut sobre as interfaces das relações do meio natural e social e sobre as lógicas de reprodução social enfatizando os aspectos demográficos, sociais e materiais. E o aporte teórico de François Dubet que compreende a experiência social como a combinação de várias lógicas de ação humana, a lógica da integração ou socialização, a lógica estratégica e a da subjetivação. Foram identificadas oito lógicas de reprodução social dos agricultores da região que combinam as condições materiais para assegurar as necessidades básicas...

Produção familiar e as estratégias de reprodução social no espaço rural do município de Indiana (SP)

Menegati, Regiane Aparecida
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 197 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
56.19%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Geografia - FCT; Este trabalho tem como objetivo analisar a dinâmica da produção familiar no Município de Indiana, por meio da organização social, econômica e cultural das unidades produtivas familiares. O estudo pretende enfocar o período que se estende entre a década de 1970 até o início do século XXI (2005). Além disso, buscou-se: identificar o perfil dos produtores familiares, compreender a organização interna e o estabelecimento de relações externas às unidades produtivas, analisar a importância das diferentes fontes de renda e caracterizar o desenvolvimento de estratégias de reprodução social dos produtores familiares. Desse modo, o trabalho encontra-se estruturado em quatro capítulos. No primeiro capítulo apresenta-se a fundamentação teórica e metodológica sobre a produção familiar e as estratégias de reprodução social. Também é enfocada a pluriatividade, na qual se privilegia a tentativa de definição da noção e os significados para a produção familiar do conjunto de atividades agrícolas ou não, realizadas dentro e fora da unidade produtiva...

Jovens no mercado de trabalho: o caso de um bairro social

Silva, Alexandre
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
56.06%
Mestrado em Planeamento e Avaliação de Processos de Desenvolvimento; Os percursos dos jovens em transição para a vida adulta envolvem vários processos sociais em diferentes combinações. A escola, a família e o mercado trabalho são algumas dimensões em que essa transição é construída. Neste trabalho estudámos o caso dos jovens residentes num bairro social e procurámos identificar os processos através dos quais se integram no mercado de trabalho. Para este efeito comparámos a sua situação com a dos jovens portugueses em geral e com os adultos do mesmo bairro e reconstituímos os percursos de um conjunto de entrevistados. Os resultados mostram combinações de factores que, na maioria dos casos, reforçam a reprodução social das desigualdades, pela transmissão intergeracional das condições de vulnerabilidade ou que, ao contrário, agem no sentido da mobilidade social.; Young people’s transition paths to adulthood imply several social processes that can combine in different ways. School, family and work are some of the dimensions that shape transitions. In this work we studied the case of young people living in a social housing neighbourhood and sought to identify the processes by which they integrate the labour market. We compared their situations with Portuguese young people in general and adults from the same neighbourhood and we reconstructed the life courses of a set of interviewees. The results show combinations of factors that can...

Famílias na periferia de Maputo: estratégias de sobrevivência e reprodução social

Costa, Ana Bénard da
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2002 POR
Relevância na Pesquisa
56.28%
Doutoramento em Estudos Africanos; Baseando-se em investigações que decorreram no âmbito de dois projectos realizados entre os anos de 1998 e 2002 nos bairros de Mafalala, Polana Caniço A e Hulene B na periferia de Maputo, esta tese procura compreender a forma como as famílias se organizam e como desenvolvem todo um conjunto de práticas e estratégias que lhes permitem, simultaneamente, manter-se enquanto unidades sociais e fazer face a uma situação económica adversa. Após uma introdução onde apresenta em breves palavras o contexto onde decorreu a investigação, as principais questões que conduziram a análise e a metodologia utilizada, o tese inicia-se com uma descrição dos bairros periféricos onde residem as famílias estudadas descrevem-se seguidamente as transformações políticas e económicas ocorridas em Moçambique desde a independência até ao presente, destacando o seu impacte na cidade de Maputo. Segue-se um capítulo onde se abordam questões de “urbanidade” e de “ruralidade”, problematizando-se sinteticamente a forma como as relações entre estes contextos têm sido tratadas nas teorias de desenvolvimento e como esta perspectiva tem marcado a análise das dinâmicas sociais, nomeadamente ao nível das famílias. Seguidamente referem-se as diferentes naturalidades dos actores e das suas famílias...

Survival and Social Reproduction Strategies in Angolan Cities

Rodrigues, Cristina Udelsmann
Fonte: Indiana University Press Publicador: Indiana University Press
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2007 ENG
Relevância na Pesquisa
66.04%
To survive and ensure social reproduction, families in urban Angola have developed strategies to meet the demands of daily life. The fundamental principles of these strategies are to concentrate and share resources among family members and their solidarity networks and, simultaneously, to disperse the sources and methods of generating and/or collecting these resources. Urban Angolans have proven that their efforts produce results beyond simple subsistence. The analysis of empirical data collected in Angolan cities has allowed a characterization of family strategies and an understanding of the wider motivations behind individuals’ and families’ efforts.

Social reproduction and anemia in infancy

Fujimori,Elizabeth; Duarte,Luciane Simões; Minagawa,Áurea Tamami; Laurenti,Daniela; Montero,Rosali Maria Juliano Marcondes
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2008 EN
Relevância na Pesquisa
56.17%
This study assessed the relationship between anemia in infancy and the social reproduction profile of the families. It was conducted with a representative sample of 254 children of the city of Itupeva, SP. Hemoglobin < 11g/dL, determined by portable hemoglobin analyzer, was used to define anemia. Profiles of social reproduction had been built by 2 groups of indicators: working and living conditions. Three social homogeneous groups had been defined: upper, intermediate, lower. Anemia was prevalent in 41.7%, and more frequent in lower social groups (13.2%; 40.6%; 46.2%), but with no significant difference (p>0.05). However, profile of social reproduction of anemic families showed significant difference (p<0.05). Occurrence of anemia was related to poor working conditions in lower social groups and consequently inappropriate living conditions.

Família e subjetividade: tendências e particularidades das classes trabalhadoras no capitalismo contemporâneo

Santos, Maria Elina Carvalho Medeiros dos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.14%
This work problematizes the inflections of the offensive of the capital on the work, having as a social-historical context the relation between the productive restructuring and the social reproduction of the working families classes. Part of the presupposition that the reproduction of the capital, to raise deep transformations in the productions, organization of the work and in the social relationships, it also produces determinations in the life and work conditions, in the affectionate relationships and in the family coexistence expressing, so, a subjective way. Thereby, the conditions of reproductions of the work in the scenery aimed by the contemporary capitalism have been demonstrating the crescent impoverishment of the workers, the alimentary insecurity, the shortage of the work, the weakness of the political organization and the regression of the State in the conduction of public policy that characterize the daily violation of human and social rights. In this approach, we seek to contemplate the several configurations of affectionate-sexual coexistence expressed by the family, articulating it to the contemporary work division, pondering about the forms of satisfaction of the needs engendered by the group for preservation of their bonds...

"The Messy Work": Parenting, Social Reproduction, and Neoliberal Restructuring in Jamaica

Gentles, AMALIA
Fonte: Quens University Publicador: Quens University
Tipo: Tese de Doutorado
EN; EN
Relevância na Pesquisa
66.26%
Examining the emergence and growing popularity of parenting programmes among states and international development agencies, this thesis explores the effectiveness of parenting interventions as a solution to high levels of social disorder, poverty, and violence that influence how poor families survive and carry out the “messy” work of social reproduction. Drawing on a case study of Jamaican parenting programmes and poor young women and men who participate in them, this thesis seeks to explore the relationship between these programmes and the neoliberal development strategies that the country has pursued for the last thirty years. Focusing specifically on the effects of liberalization on everyday practices of social reproduction among the urban poor, I argue that parenting programmes represent an institutional strategy aimed at shaping the behaviour of the poor, rather than addressing the structural causes that contribute to an ongoing crisis of social reproduction. Furthermore, I argue that parenting interventions reproduce racial and gender discourses and practices that target and pathologize poor, black Jamaicans as deficient and dysfunctional. Drawing on a critical policy approach, I contend that parenting cannot solve the larger anxieties created by the limited support given to spaces of social reproduction...

Os senhores da terra e da guerra no Rio Grande do Sul : um estudo sobre as práticas de reprodução social do patronato rural estancieiro; The lords of the land and war in Rio Grande do Sul : a study of the practices of social reproduction by rural ranch employers

Marcos Botton Piccin
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/11/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56.08%
Esta tese analisa as estratégias de reprodução social dos grandes proprietários fundiários criadores de gado do Rio Grande do Sul a partir do estabelecimento da República, cujos domínios se convencionou chamar de estâncias e de estancieiros seus senhores. Por estratégias se entende o conjunto das práticas pelos quais os indivíduos ou grupos de indivíduos procuram manter ou melhorar sua posição na estrutura social. Trata-se de desvendar as práticas através das quais este setor social busca conservar ou ampliar seus diferenciais de poder em relação aos demais agentes do espaço social, assim como o feixe de condições sociais em que elas ocorrem. A história de ocupação contemporânea do território deste estado, marcada por grandes propriedades de criar nas suas áreas de campos e pela instalação de colônias de imigrantes europeus em áreas de florestas, sobretudo de alemães e italianos, determinou influências mútuas quanto à dinâmica dos poderes exercidos nestes espaços sociais. No espaço estancieiro houve um duplo bloqueio aos setores subordinados relativo ao impedimento de migrar para as áreas de matas, devido à instalação das colônias, e à impossibilidade de migrações coletivas ao trabalho industrial devido à preferência do braço imigrante...

El Qasgiq, un espai cerimonial. Una perspectiva Etnoarqueomusicològica de la reproducció social

Salius i Gumà, Jesús
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2012 CAT
Relevância na Pesquisa
56.05%
Moltes societats antigues es regien per algun tipus de cicle de celebracions col·lectives que els van permetre mantenir un seguit d'estratègies socials adreçades a la seva supervivència. Discriminar i trobar indicis que evidenciïn arqueològicament aquest tipus d'activitats no sempre és fàcil o possible. Per això en aquest article proposem una visió etnoarqueomusicològica, mitjançant la qual focalitzem el nostre interès en les estratègies utilitzades per controlar la reproducció social de les antigues societats Caçadores Recol·lectores i Pescadores Yup'ik d'Alaska. Aquestes societats s'organitzaven, en general, en poblacions de petits habitatges familiars situats al voltant d'una construcció diferenciada, el qasgiq, també anomenada “la casa dels homes”. Gràcies a les diverses fonts escrites antigues, que descriuen aquestes societats etnogràfiques, podrem plantejar una arqueologia social crítica. Pensem que conèixer com es duien a terme les celebracions col·lectives en aquests tipus d'edifici, revisant críticament les fonts escrites, ens permetrà obtenir un conjunt de dades. Aquestes dades s'hauran de poder transformar en hipòtesis de treball que possibilitin una anàlisi arqueològica més completa de l'organització social d'altres societats Caçadores Recol·lectores i Pescadores més pretèrites.; Many ancient societies were governed by some type of cycle of collective celebration which allowed them to maintain a system of social strategies contributing to their survival...

Reprodução social de famílias de crianças menores de 7 anos; Reprodución social de familias de niños menores de 7 años; Social reproduction of families with children under the age of 7

Ortega Saldaña, Luisa Dolores; Oliveira, Ida Maria Vianna de; Fujimori, Elizabeth; Biagolini, Rosângela E. M.; Minagawa, Áurea Tamami
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2005 SPA
Relevância na Pesquisa
56.22%
Por meio de amostragem casual-estratificada-proporcional, este estudo caracterizou as formas de reprodução social de 80 famílias com crianças menores de 7 anos, residentes na área de abrangência do HU-USP. Os perfis de reprodução social foram construídos utilizando-se uma base teórico-metodológica-operacional que pré-definiu três grupos sociais homogêneos. Da amostra total, 36,1% foram mais excluídas, tanto no momento da produção como do consumo, 48,2% pareciam lutar pela integração na vida social e 15,7% apresentaram inserção qualificada na produção, mostrando-se protegidas da precarização do trabalho, com um padrão diferenciado de consumo e de representação coletiva e com maior possibilidade de uso do espaço geossocial. Os resultados demonstraram que a metodologia utilizada é adequada para caracterizar os perfis de reprodução social, evidenciando que os grupos sociais que compõem uma mesma sociedade, apresentam condições de trabalho e de vida distintas e que cada grupo social está exposto a determinados padrões de fortalecimento e de desgaste.; Por medio de muestreo casual-estratificado-proporcional, en este estudio se caracterizaron las formas de reproducción social de 80 familias con niños menores de 7 años...

Reprodução social e anemia infantil; Reproducción social y anemia infantil; Social reproduction and anemia in infancy

Fujimori, Elizabeth; Duarte, Luciane Simões; Minagawa, Áurea Tamami; Laurenti, Daniela; Montero, Rosali Maria Juliano Marcondes
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2008 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
56.2%
Este estudo avaliou como a anemia infantil se relaciona com as formas de reprodução social das famílias. Foi desenvolvido em amostra representativa de 254 crianças. residentes em Itupeva, SP. Hemoglobina ;0,05). O perfil de reprodução social das famílias dos anêmicos mostrou diferença significativa (p; Se evaluó como la anemia infantil se relaciona con las formas de reproducción social. El estudio fue desarrollado en una muestra representativa de 254 niños que vivían en Itupeva, SP. Para definir la anemia se usó el nivel de Hemoglobina;0,05). El perfil de reproducción social en las familias de pacientes anémicos, mostró diferencia significativa (p; This study assessed the relationship between anemia in infancy and the social reproduction profile of the families. It was conducted with a representative sample of 254 children of the city of Itupeva, SP. Hemoglobin < 11g/dL, determined by portable hemoglobin analyzer, was used to define anemia. Profiles of social reproduction had been built by 2 groups of indicators: working and living conditions. Three social homogeneous groups had been defined: upper, intermediate, lower. Anemia was prevalent in 41.7%, and more frequent in lower social groups (13.2%; 40.6%; 46.2%), but with no significant difference (p>;0.05). However...

Agroindustrialization as a strategy of social reproduction of the family farm

Pelegrini,Gelson; Gazolla,Marcio
Fonte: Estudos Sociedade e Agricultura Publicador: Estudos Sociedade e Agricultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 EN
Relevância na Pesquisa
66.04%
The article discusses the process of agroindustrialization of the family agroindustry production in northern gaucho with focus on Medium High Uruguay territory in Rio Grande do Sul (RS). The aim is to discuss the so-called family farm in this place from its historical process of emergence and establishment, potentialities and current problems such as legislation, production of raw material, income generation, produced products etc. The study concludes that the family agroindustry constitutes an important strategy of social reproduction and rural development as it is responsible for the settlement of families in the field, the diversification of productive activities in rural properties, families' income generation among other roles.