Página 1 dos resultados de 1661 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Sindicatos bancários independentes, um sindicalismo emergente

Mota, Maria Antónia Gaspar da
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.4%
Nesta, dissertação intitulada Sindicatos bancários independentes, um sindicalismo emergente, desenvolve-se um exercício reflexivo sobre o perfil do sindicalismo independente (moderno e emergente), face ao sindicalismo tradicional (estagnado, burocrático e envelhecido), num processo de transposição de sindicatos focados na contestação e na luta sindical, para outros que enaltecem a negociação e o consenso. Partindo da contextualização do tema do sindicalismo, onde se abordam conceitos, tipologias e modelos, passa-se para um espaço em que se confere destaque a alguns elementos caraterizadores do modelo de sindicalismo independente no setor bancário. Os traços deste são apreendidos através de várias dimensões, nomeadamente: da interpretação da relação entre sindicatos e partidos políticos, recolhendo indicadores sobre a influência na ou da política sobre o sindicalismo; do reconhecimento das especificidades do sindicalismo prestador de serviços, focando o caso particular do papel dos sindicatos bancários na gestão dos Serviços de Assistência Médico-Social; a problematização da concretização de um verdadeiro sindicalismo independente. Através das várias estratégias de observação é possível perceber que o sindicalismo independente baseia a sua ação numa reconfiguração das funções tradicionais dos sindicatos...

A relação entre o Estado e os sindicatos sob uma perspectiva territorial; The relantionship between the State and the unions through a territorial analysis

Paula, Amir El Hakim de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/09/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.35%
A tese refletiu sobre a relação entre o Estado e os sindicatos no Brasil por meio de uma análise geográfica. Para tal êxito, nos pautamos em apreender como eram as territorialidades dos sindicatos-revolucionários sob a vigência de um Estado Liberal que, por meio de uma legislação sindical menos coercitiva, possibilitava uma organização dos trabalhadores sem restrição territorial, embora, em contrapartida, agisse de forma violenta, ao prender os principais militantes operários, fechar os jornais e as sedes dos sindicatos. Procuramos também compreender o que significou, principalmente na vigência do Estado Liberal, a presença de um sindicalismo mais combativo, o sindicalismo-revolucionário, que tinha entre suas premissas a autogestão, o federalismo e a ação direta, propiciando várias formas de territorialidades seja, entre os sindicatos de uma mesma categoria ou quando várias entidades de diversas categorias se uniam na organização daquilo que à época eram conhecidas pelos operários como "greves de solidariedade". Posteriormente, nossa análise volta-se a compreensão dessa relação entre o Estado e os sindicatos quando da formação de um Estado Corporativo no Brasil, com o predomínio de uma legislação sindical mais limitante...

A organização e a atuação coletivas dos trabalhadores informais: sindicatos, cooperativas e associações; Lorganisation et lactuation collective des travailleurs informels: les syndicats, les coopératives et les associations

Kalil, Renan Bernardi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/05/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.15%
O trabalho passou por grandes transformações nos últimos quarenta anos, especialmente a partir do processo de reestruturação produtiva, que marcou a crise do taylorismo-fordismo e a disseminação do toyotismo, além de introduzir diversas mudanças na organização do trabalho. Esses acontecimentos atingiram intensamente os sindicatos, que vivenciaram uma crise com as mencionadas modificações que ocorriam no trabalho. Dentre os diversos desafios que se colocaram às entidades sindicais, mostrou-se relevante a necessidade de ampliação de suas bases de representação. Um dos possíveis caminhos apontados foi a organização dos trabalhadores informais. Nesse contexto, esta pesquisa examinou a atuação e a organização coletivas dos trabalhadores informais para a partir do estudo da crise dos sindicatos e dos conceitos de trabalhador informal analisar suas condições de viabilidade em face do ordenamento jurídico brasileiro. Considerando-se que as três principais formas para esse intento são os sindicatos, as cooperativas e as associações, foi realizado um exame das peculiaridades e das possibilidades jurídicas de cada uma dessas organizações associativas. Ainda, estudaram-se modos de interação dessas entidades...

Respostas estratégicas dos sindicatos patronais do comércio de bens, serviços e turismo do Brasil às pressões institucionais

Lopez, Daniel Mansur
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.32%
O foco deste trabalho é identificar as respostas estratégicas que os sindicatos patronais do comércio de bens, serviços e turismo apresentam quando submetidos às pressões institucionais a que estão sujeitos. Foi utilizada a tipologia proposta por Oliver (1991), que considera cinco tipos de respostas, de concordância passiva a manipulação ativa. Foram pesquisados 75 sindicatos por meio da aplicação de um questionário que avaliou quais as pressões a que estão sujeitos esses sindicatos, quais as principais instituições fontes das pressões e quais as respostas apresentadas. Por meio de mapas de associação foram relacionadas as respostas apresentadas com a tipologia proposta por Oliver (1991). Os resultados indicam que os sindicatos patronais pesquisados não têm grande poder de barganha, apresentando, como principal resposta, a conciliação associada à tática de balanceamento. Outro fator importante identificado, mesmo que em menor escala, é o uso de resposta de manipulação com a tática de influência, forma de atuação bem mais ativa que, se incentivada, pode gerar maior força e representatividade para os sindicatos patronais. As implicações deste trabalho voltam-se para os programas de fortalecimento das entidades sindicais empreendidos pela Confederação Nacional do Comércio de Bens...

A reestruturação das telecomunicações e os sindicatos; Telecommunications reframing and the unions; La restructuration des télécommunications et les syndicats

Larangeira, Sônia Maria Guimarães
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.22%
Este artigo examina os desafios impostos aos sindicatos de telecomunicações – cuja influência marcou mundialmente as condições de emprego e de trabalho no setor – após as mudanças ocorridas com a quebra dos monopólios e a liberação dos mercados. O estudo detém-se nos casos do Brasil e dos Estados Unidos, com referências aos casos britânico e alemão. O objetivo é responder à questão: quais as conseqüências das mudanças recentes para os sindicatos de telecomunicações, crise ou renovação? A autora apresenta dados que evidenciam as estratégias desenvolvidas pelos sindicatos ante as dificuldades presentes, concluindo que, apesar de negativamente afetados pelas mudanças, eles reagem criando novas estratégias de ação. Embora isso não lhes restitua a antiga influência, torna a crise prevista mais distante. Ademais, a autora discute as diferenças, provenientes de arranjos institucionais próprios, na forma como os sindicatos são afetados.; The article discusses the challenges faced by the telecommunication unions – which had an important role worldwide in influencing the industry’s work and employment conditions – after market liberalization. The analysis focuses on Brazil and the United States, and brief references are made to both the German and the British cases. The objective is answering the question: which have been the consequences for telecommunication unions since the recent changes in the industry – crisis or renovation? Evidence shows that unions are developing new strategies to cope with current difficulties. The conclusion is that despite being negatively affected...

A situação do mercado de trabalho e o futuro dos sindicatos numa economia globalizada : o caso da Tanzânia; Labour market situation and the future of trade unions in a globalized world economy : the case of Tanzania

Shikunzi John Msanganzila
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.15%
Esta tese analisa a situação do mercado de trabalho e do funcionamento dos Sindicatos do Comércio da Tanzânia nesta era da economia mundial globalizada. Ela começa discutindo a respeito do debate da globalização, antes de traçar a trajetória histórica da economia da Tanzânia e vinculá-la à natureza do movimento trabalhista que existia no curso duo. Então, a tese analisa o funcionamento da economia na Tanzânia durante a era de reformas econômicas e examina a relação entre o desempenho econômico, o desenvolvimento social, a situação do mercado de trabalho e o funcionamento dos sindicatos na Tanzânia. Finalmente, a tese traz algumas recomendações sobre como os sindicatos do Comércio da Tanzânia podem agir nesta época de globalização; This thesis analyses the labour market situation and the functioning of Tanzanian Trade Unions in this era of globalized world economy. It starts by discussing the debate on globalization before tracing the historical background of Tanzanian economy and link it with the nature of Labour movement that existed in the duo course. Then the thesis analyses the functioning of Tanzanian economy during the era of economic reform and examine the relationship between economic performance...

Climate Change and its effect on agricultural employment in Ghana : the role of trade unions = Mudança climática e seus efeitos sobre o trabalho agrícola em Gana: o papel dos sindicatos; Mudança climática e seus efeitos sobre o trabalho agrícola em Gana : o papel dos sindicatos

Hans Awude
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
Sindicatos poderiam desempenhar um papel chave na minimização dos efeitos de mudanças climáticas para os pequenos proprietários de terra no setor informal, cuja maioria é analfabeta e carece de proteção legal, segurança trabalhista e acesso ao sistema de saúde, caso fosse dada a essas instituições a chance e se elas aceitassem tal papel. Mudanças climáticas tornam o emprego agrícola cada vez mais precário e, portanto, acrescentam uma nova dimensão às atividades e riscos contra os quais os sindicatos devem buscar proteger seus membros. Isso se torna mais evidente no contexto dos países em desenvolvimento que contribuíram menos para o problema das crescentes alterações nos padrões climáticos e sofrerão seus maiores impactos. A agricultura em particular será afetada, com implicações potencialmente sérias para a segurança alimentar, pobreza e emprego. Isso provavelmente abrirá espaço e relevância para a atuação dos sindicatos, mas o modo como irão enfrentar os novos desafios e oportunidades ainda não está claro. Mudanças climáticas sazonais afetarão os sistemas produtivos e recursos e ferramentas necessários para uma colheita bem sucedida. Mudanças no clima podem afetar também as necessidades por água e energia...

Sindicatos rurais

Barros, Marcia Ester Zorzo
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 141f.| il., tabs
POR
Relevância na Pesquisa
37.15%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro tecnologico; A presente dissertação tem como objetivo reconstituir a história do sindicalismo rural no estado e Santa Catarina enfocando a participação das trabalhadoras nos organismos de classe. Primeiramente, preocupamo-nos com a tarefa de buscar as origens do sindicalismo e a história das organizações sindicais em nosso país. Com esse fim, sistematizamos os principais decretos, leis e dispositivos constitucionais que se destacaram no cenário das transformações do último século em nosso país. Num segundo momento, analisamos a evolução da legislação social e previdenciária surgidas no país antes da promulgação da Lei 4.214/63 - O Estatuto do Trabalhador Rural, bem como da legislação que passou a garantir os direitos mínimos ao homem do campo. Em seguida, traçamos o desenvolvimento dos sindicatos rurais no Estado de Santa Catarina. Para tanto, fazemos considerações em torno da estrutura fundiária e da sua influência na composição social dos sindicatos rurais. Num quarto momento, realizamos uma análise histórica dos movimentos femininos, suas principais reivindicações e conquistas alcançadas. Evidenciamos, também, o desenvolvimento da legislação de proteção ao trabalho da mulher. E...

Sindicatos das trabalhadoras domésticas no Brasil : teorias da descolonização e saberes subalternos

Bernardino-Costa, Joaze
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.15%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, 2007.; A tese analisa a narrativa produzida pelos sindicatos das trabalhadoras domésticas no Brasil. Para tanto realizamos entrevistas com integrantes dos principais sindicatos do país e pesquisa documental, onde procuramos recuperar a história dos Congressos Nacionais da categoria. Ao focalizar a análise nos sindicatos, nosso objetivo foi entender como os atores que foram e são silenciados e ignorados pela narrativa hegemônica da nação – estruturada pelo mito da democracia racial e pelo mito do bom senhor ou boa senhora - percebem as relações sociais, especialmente as relações raciais. De acordo com as contribuições das teorias da descolonização (principalmente Dussel, Quijano e Mignolo), partimos do pressuposto de que o conhecimento não é produzido de uma posição neutra e universal, senão de diferentes posicionamentos dos atores e atoras num padrão hierárquico de poder, que nomeamos de colonialidade do poder. Assim, propomo-nos a escutar a enunciação das trabalhadoras domésticas sindicalizadas como uma enunciação subalterna. Concluímos que o ativismo político das trabalhadoras domésticas produz um saber que articula classe...

Os sítios na internet dos sindicatos portugueses: navegação à vista?

Rego, Raquel; Alves, Paulo Marques; Silva, Jorge; Naumann, Reinhard
Fonte: Mundos Sociais/CIES-IUL Publicador: Mundos Sociais/CIES-IUL
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /09/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.15%
Em Portugal, os estudos de relações industriais têm dado pouca atenção ao papel das novas tecnologias de informação e comunicação. Procurando contribuir para colmatar esta lacuna, este artigo apresenta uma caracterização do uso da internet pelos sindicatos portugueses através de uma tipologia dos seus sítios, e verifica se existem associações estatisticamente significativas entre a tipologia e a filiação nas principais confederações nacionais. Partimos, com efeito, do princípio de que a fragmentação sindical resulta em estratégias de comunicação diversas. No final esboçamos algumas hipóteses explicativas para os resultados encontrados.; Studies on industrial relations in Portugal have not paid much attention to the role of the latest information and communication technologies. In seeking to help fill this gap, this article characterises the use of the Internet by Portuguese trade unions, by presenting a typology of their websites and determining whether there are statistically significant associations between that typology and each union’s membership of the main national confederations. The authors base themselves on the principle that the fragmented nature of the trade union structure in Portugal leads to different communication strategies. The conclusion sets out a number of hypotheses that may help explain the results of the present study.; Au Portugal...

A reestruturação das telecomunicações e os sindicatos

Larangeira,Sônia M. Guimarães
Fonte: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS Publicador: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.22%
Este artigo examina os desafios impostos aos sindicatos de telecomunicações ­ cuja influência marcou mundialmente as condições de emprego e de trabalho no setor ­ após as mudanças ocorridas com a quebra dos monopólios e a liberação dos mercados. O estudo detém-se nos casos do Brasil e dos Estados Unidos, com referências aos casos britânico e alemão. O objetivo é responder à questão: quais as conseqüências das mudanças recentes para os sindicatos de telecomunicações, crise ou renovação? A autora apresenta dados que evidenciam as estratégias desenvolvidas pelos sindicatos ante as dificuldades presentes, concluindo que, apesar de negativamente afetados pelas mudanças, eles reagem criando novas estratégias de ação. Embora isso não lhes restitua a antiga influência, torna a crise prevista mais distante. Ademais, a autora discute as diferenças, provenientes de arranjos institucionais próprios, na forma como os sindicatos são afetados.

Sindicatos e justiça: mecanismos judiciais e exercício de direitos

Artur,Karen
Fonte: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS Publicador: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.15%
Este artigo adota uma perspectiva que reconhece o protagonismo dos trabalhadores na defesa de seus interesses coletivos e aborda a luta pelo reconhecimento dos sindicatos como atores legítimos no exercício de direitos. Primeiramente, apresenta a busca, por parte dos sindicatos, do direito de participarem como substitutos processuais, representando os empregados em ações coletivas. Em seguida, trata de suas estratégias para promover mudanças em restrições jurídicas ao exercício do direito de greve, especialmente os interditos proibitórios, que são usados para manter os grevistas longe das empresas e bancos. Por fim, aborda outra importante iniciativa dos sindicatos no Judiciário, que é o uso da Convenção n. 158 da OIT e de princípios constitucionais em dissídios coletivos de natureza jurídica, com o objetivo de conquistar o direito de negociação coletiva antes de demissões coletivas.

Utilização da demonstração do valor adicionado como ferramenta estratégica de avaliação: um estudo exploratório nos sindicatos brasileiros

Graziella Oliveira de Almeida Santos do Nascimento, Suênia; Cravo Teixeira Lagioia, Umbelina (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.27%
Esta pesquisa buscou investigar até que ponto os sindicatos utilizam como parâmetro as informações contábeis, notadamente a Demonstração do Valor Adicionado (DVA), para avaliar a distribuição da riqueza das empresas, as quais seus filiados são empregados, e assim ter um instrumento estratégico no momento da convenção ou do acordo coletivo. Para tanto, foram enviados questionários para 167 sindicatos e entidades de sindicais e obteve-se 53 questionários válidos. Assim, a amostra foi composta por respondentes localizados nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina, Bahia, Amazonas, Rio Grande do Norte, Pernambuco e Rio de Janeiro. Os dados foram coletados por meio entrevistas, no Estado de Pernambuco, e pela aplicação de questionários semi-estruturados, enviados via correspondência para os demais Estados. A análise foi realizada com base na análise de conteúdo das entrevistas e na análise estatística. O tratamento estatístico que foi utilizado refere-se à análise descritiva e inferencial dos dados, com uso do Teste Qui-Quadradro, Teste Exato de Fisher e Teste de Hipóteses. Utilizou-se ainda a análise multivariada dos dados, com auxílio da Análise de Correspondência Múltipla (ACM). Os achados revelam que a maioria dos respondentes possui conhecimento...

Sindicatos: evolução histórica, caracterização e funcionalidade de sua legitimação para agir

Cunha, Marcelo Garcia da
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
37.15%
As associações sindicais, pela importância que assumem na consecução de interesses individuais e coletivos, devem ter sua funcionalidade acolhida pela ordem estatal. Um longo espaço histórico foi percorrido até se chegar a este estágio. As características dos sindicatos demonstram que se constituem como organismo de personificação da categoria, apto a protagonizar suas ações no contexto social, inclusive demandas judiciais. Diversamente do processo do trabalho, no qual as entidades sindicais tradicionalmente instrumentalizam suas pretensões, o processo civil reclama maior sistematização para o trato das questões conexas à legitimidade para agir dos sindicatos. Sempre tendo em vista a norma prevista no art. 8º, inciso III, da Constituição Federal, a atuação dessa espécie associativa, na esfera civilista, deve ser estudada a partir da forma como a pretensão é levada ao processo direcionado à consecução de direitos institucionais, direitos da categoria, direitos individuais homogêneos e direitos individuais heterogêneos, o que permitirá a conclusão de que é incorreto considerar-se que os sindicatos agem invariavelmente pela via da legitimação extraordinária. O estudo da legitimação para agir, sob essa perspectiva...

Evangelizar e politizar :O sentido da atuação da Igreja Católica com os sindicatos dos trabalhadores rurais no Seridó potiguar (1964-1979)

Silva, Maria Auxiliadora Oliveira da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.22%
The purpose of this work is to analyze the influence of the Catholic Church on rural worker s union in the Seridó potiguar region between 1964 to 1979. To the work developed by the Church is connected the beginning of worker s union in the Seridó region. In this way, this research tries to understand what is also the politic direction of the labor s union by means of the Cathólic Church that througt a process of creating Leagues have been looking for reinforcing and protecting catholicism as a way of maintaining its believers and distancing them from others movements such as Peasant League and the influence of Brazilian Communist Party. We use as sources oral narratives and newspaper A Folha , wich was published by the Parish Church of Caicó (RN) between 1954 to 1967. Some wrintten documents produced by worker s union from the Seridó region were also used; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; O objetivo deste trabalho é analisar o sentido da atuação da Igreja Católica junto aos sindicatos de trabalhadores rurais na Região do Seridó potiguar, no período compreendido entre os anos de 1964 e 1979. O surgimento dos sindicatos no Seridó está ligado ao trabalho desenvolvido pela Igreja Católica. Neste sentido...

O parto dos caminhos: Formação dos Sindicatos Rurais no Rio Grande do Norte (1960 - 1964)

Rocha Filho, Ruy Alkmim
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.15%
The present work treats the movements dedicated to reinvidication per land and social rights for the field works, among 1960 and 1964. Trying to understand this question in the Rio Grande do Norte it is necessary to consider the connection between the catholic church and the rural syndicates besides the influence of the Brazilian communist party, and still other social movements and the state. The structures politics local, national and international, had considerable importance to the organization rural potiguares workers. The rural potiguares syndicate appear in 1961 - after a hard organization work starting of the Service of Rural Assistance - and expand itself through state until the middle of 1962. Soon the first big conflicts an important manifestation are perceive, indirectly referring to a increasing movement's performance. The Favoring Progresses chains co quested a biggest influence in the politics destiny of the Rio Grande do Norte, in front of integration among syndicates, educational projects, and favoring progress's politics. But the military coup hired that the hope overflow the field; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior; O presente trabalho procura abordar os movimentos dedicados à reivindicação por terra e direitos sociais para os trabalhadores do campo...

Coagidos ou subornados : trabalhadores, sindicatos, Estado e as leis do trabalho nos anos 1930; Coerced or bribed : workers, trade unions, State and labour laws during 1930´s

Samuel Fernando de Souza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.15%
O tema desta tese é a regulamentação das relações de trabalho durante os anos 1930. Ao longo das últimas décadas, a legislação trabalhista tem freqüentado as pautas da historiografia do trabalho. O Estado era visto como formulador e executor das leis, durante o período de 1930 a 1945, e esta regulação teria consolidado a submissão de trabalhadores e entidades sindicais ao império burocrático trabalhista. Em oposição a estas perspectivas uma nova historiografia do trabalho questionou o poder "demiurgo" do Estado. Na medida em que os estudos atentaram para as relações entre sindicatos, Estado, trabalhadores e patrões, uma série de novas questões veio à tona. Os sindicatos não eram tão atrelados, os trabalhadores mantinham estratégias de organização e mobilização e a lei era um campo de disputas. Esta tese parte desta perspectiva. O estudo da regulamentação tem como eixo a judicialização das relações de trabalho, iniciada nos anos 1920 e incrementada durante os anos 1930. A judicialização, resultado da legislação sobre o trabalho, foi observada a partir dos serviços de fiscalização das leis e pelos órgãos de justiça do trabalho. Os encontros entre trabalhadores, sindicato e patrões no âmbito do Estado revelaram a fragilidade do Estado para aplicar as leis...

Discurso e prática dos sindicatos metalúrgicos do Estado de São Paulo; Speech and practice of São Paulo's metalsmith unions

Marcela Medeiros Moura
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.32%
O presente trabalho se propõe, a partir de uma análise comparativa entre o Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo (SMSP), o Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo e Diadema (SMABC) e o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos (SMSJC), a analisar as transformações ocorridas no movimento sindical brasileiro durante os dois governos Lula (2003-2010). Partimos do pressuposto de que existe uma relação estreita entre os sindicatos analisados e as centrais sindicais às quais estão filiados, e entre os sindicatos e a estrutura sindical estabelecida pelo Estado. Temos por objetivo estudar o posicionamento político-ideológico dos sindicatos e relacioná-lo às convenções coletivas com fins de testar duas hipóteses. Uma primária: se existe uma relação de influência entre as centrais sindicais e os sindicatos aqui analisados, bem como entre os sindicatos e o posicionamento das centrais, ou seja, se há uma co-relação de influência que proporciona um direcionamento da política sindical tanto para os sindicatos como para as centrais. Uma hipótese secundária, que a pesquisa pretende ajudar a esclarecer: se a política governamental influi diretamente na organização das centrais sindicais brasileiras e no perfil político-ideológico que estas assumem; This thesis aims to analyze the changes in the brazilian labor movement during Luis Inácio Lula da Silva's two administrations by comparing three metalsmith unions: Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo (SMSP - São Paulo State's Metalsmiths Union)...

Sindicatos no Brasil hoje : dilemas apresentados pela sindicalização

Campos, André Gambier
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Mercado de trabalho: conjuntura e análise - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
37.15%
Este texto tem por foco a organização coletiva do trabalho, que ocorre por meio da associação de trabalhadores a sindicatos. O que poderia estar por trás desse descompasso entre as dinâmicas laboral e sindical nos anos 2000? O que poderia explicar a rarefação das bases, apesar de sua ampliação concomitante? A fim de esboçar algumas respostas a estes questionamentos este texto levanta algumas hipóteses, situadas em três campos de discussão. O primeiro é o da economia, em que a atuação dos sindicatos encontra ressonância limitada. O segundo é o da demografia/sociedade. Por fim, o terceiro é o da política, no qual os sindicatos têm mais possibilidades de atuação, e de encontrar ressonância efetiva.; p. 29-37 : il.

Dilemas do trabalho: sindicatos no Brasil hoje; Texto para Discussão (TD) 1959: Dilemas do trabalho: sindicatos no Brasil hoje; Labor dilemmas: unions in Brazil today

Campos, André Gambier
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
37.22%
Nos anos 1990, por conta dos eventos ocorridos na economia brasileira, a associação de trabalhadores a sindicatos enfrentou uma crise expressiva. As bases sindicais contraíram-se e, ao mesmo tempo, tornaram-se mais rarefeitas. Contudo, nos 2000, apesar de a economia ter colaborado bastante, ao menos em seu âmbito macro, a associação dos trabalhadores aos sindicatos não avançou – ao menos, não como poderia ter avançado. Com efeito, os anos 2000 registraram um descolamento entre as dinâmicas laboral e sindical. Por um lado, a primeira avançou por meio da criação de milhões de novos empregos, na esteira dos eventos ocorridos na economia. Por outro lado, a segunda não avançou – ou, ao menos, não tanto quanto –, pois os sindicatos alcançaram apenas uma fração dos ocupantes destes novos empregos. Ou seja, as bases sindicais se ampliaram, mas raramente se adensaram. O que poderia estar por trás deste descompasso entre as dinâmicas laboral e sindical nos anos 2000? O que poderia explicar a rarefação das bases, apesar de sua ampliação concomitante? Neste texto, pretende-se levantar algumas hipóteses, situadas em três campos de discussão – o da economia, o da demografia/sociedade e o da política.; 37 p. : il.