Página 1 dos resultados de 139 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

Sustainable silvopastoral systems: theory and a practical case

Cañon, Jorge Federico Useche
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
EN_US
Relevância na Pesquisa
27.15%
Muitas transformações são esperadas por causa das mudanças do clima, especialmente das atividades agrícolas realizadas nos trópicos. Esta tese centra-se em dois aspectos. O primeiro deles é o de reunir o conhecimento de sistemas silvipastoris; este ponto de vista estabelece a importância de solos tropicais e sua gestão adequada de acordo com as normas ambientais e sustentáveis. A segunda parte da tese é a aplicação desses princípios em um caso específico: a fazenda "El Paraíso". O objetivo central ou problema a resolver da segunda parte é propor um projeto para melhorar as atividades de produção de carne e, ao mesmo tempo, ajudar a preservar e melhorar o meio ambiente e especialmente os ecossistemas tropicais. A metodologia utilizada na tese foi buscar e analisar informações sobre o assunto. Depois disso, a investigação experimental e de campo foi realizada para levantar o projeto que combinaria as duas partes da obra. No final, com a informação recolhida uma proposta de projeto foi feita. O objetivo era propor a transformação dos processos de produção na fazenda selecionada. Logo de desenvolver e apresentar o projeto, foram analisadas as possibilidades de implementação do projeto. A conclusão do estudo foi o de apresentar e discutir três cenários possíveis após a implementação. Finalmente...

Sistemas silvipastoris em Imaruí-SC

Visbiski, Vivieny Nogueira
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xvi, 144 f.| il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
27.46%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas.; A principal preocupação que motivou este trabalho foi a necessidade que os agricultores participem como sujeitos da pesquisa e extensão rural. Trabalhos anteriores realizados pela UFSC em Imaruí-SC permitiram conhecer alguns aspectos da realidade do Município, onde as principais atividades econômicas desenvolvem-se no setor agropecuário, e permitiram conhecer também a expectativa de um grupo de agricultores em relação aos sistemas silvipastoris (SSPs). Diante deste contexto, delineou-se uma dissertação de mestrado onde o principal objetivo foi caracterizar a utilização da abordagem participativa, avaliando sua eficácia como uma ferramenta para a valorização do saber local e construindo, a partir da integração entre os saberes dos agricultores e da equipe da Universidade os sistemas silvipastoris (SSPs). Buscou-se também identificar que critérios orientariam os agricultores neste processo de construção. O trabalho, que utilizou como referencial metodológico a abordagem participativa, foi realizado com a Associação dos Agropecuaristas de Imaruí. As etapas do trabalho de campo foram: a identificação de grupos de interesse na área da pesquisa; a seleção de informações secundárias sobre os locais onde será realizada a pesquisa...

A construção participativa de arranjos silvipastoris em São Bonifácio - SC

Freitas, Luis Antonio dos Santos de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 115 f.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
27.65%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias. Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas; O presente estudo constitui-se em uma reflexão sobre o processo participativo para construção de arranjos silvipastoris, desenvolvido em São Bonifácio-SC e que teve por objetivo construir coletivamente, entre técnicos e agricultores produtores de leite do município e parceiros externos, arranjos silvipastoris possíveis de serem implantados. O objetivo desta dissertação é identificar e analisar o entendimento coletivo sobre participação entre os atores (técnicos e agricultores) de São Bonifácio-SC, envolvidos na pesquisa participativa sobre arranjos silvipastoris. Para tanto, busca-se evidenciar e discutir algumas das características deste processo na ótica desses atores, bem como apontar as potencialidades e os desafios de se utilizar abordagens participativas em ações de pesquisa-extensão rural. Trata-se de uma pesquisa qualitativa calcada em alguns instrumentos e procedimentos metodológicos, tais como: observação direta e entrevistas semi-estruturadas com atores-chave do processo. Os dados obtidos foram analisados e interpretados seguindo a metodologia de análise de discurso denominada "Discurso do Sujeito Coletivo" (DSC)...

Sistemas silvipastoris com palanques vivos: estudo comparativo sobre a adoção de SSP entre os produtores de leite da capital catarinense da agroecologia.

Pitton Filho, Darci
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 115 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.87%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias, Curso de Agronomia.; A busca por uma produção pecuária mais sustentável é de extrema importância para o estado de Santa Catarina, uma vez que esta atividade está presente em 70% das propriedades rurais e em grande parte praticada sob manejo convencional, o qual demanda grandes áreas de pastagens para a produção. A degradação do pasto é resultante deste sistema, ocasionando como efeito paralelo o aumento do desmatamento e degradação contínua dos ecossistemas da Mata Atlântica. Na região das Encostas da Serra Geral de Santa Catarina, onde está localizado o município de Santa Rosa de Lima, desde o início da década passada, o Pastoreio Racional Voisin começou a ser utilizado como uma tecnologia capaz de viabilizar a produção de leite a base de pasto, o que resultou no aumento da produtividade, da biodiversidade e melhoria da qualidade de vida dos agricultores. Entretanto, espera-se que este sistema combinado com sistemas silvipastoris possa melhorar estes resultados. Os sistemas silvipastoris tratam-se da utilização de técnicas de produção nas quais integram as árvores, as pastagens e os animais numa mesma área, buscando a interação de seus componentes e resultando em um manejo mais sustentável e ecológico capaz de gerar diversos serviços ecossistêmicos. A utilização de palanques vivos é uma estratégia para introduzir árvores na pastagem...

Variáveis fisiológicas de búfalas leiteiras criadas sob sombreamento em sistemas silvipastoris

Garcia,Alexandre Rossetto; Matos,Leonardo Brandão; Lourenço Júnior,José de Brito; Nahúm,Benjamim de Souza; Araújo,Cláudio Vieira de; Santos,Alessandra Ximenes
Fonte: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira Publicador: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
27.46%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o uso de sistemas silvipastoris como ferramenta de manejo para manter as características fisiológicas de búfalas leiteiras e promover mais altos níveis de conforto térmico. Foram avaliadas 56 fêmeas adultas (79±44,12 meses; 575±92,90 kg): 30 em sistema silvipastoril sem sombra útil e 26 em sistema silvipastoril com 19,9% de sombra útil. Foram mensuradas semanalmente: frequência cardíaca e respiratória, temperatura retal e índice de conforto animal. As médias foram comparadas por análise de variância e as variáveis meteorológicas e fisiológicas foram correlacionadas pelo método de Pearson. O sombreamento diminuiu significativamente a frequência cardíaca e a temperatura retal. Em 71,4% das observações, os animais mantidos em sistema silvipastoril com sombreamento apresentaram índices de conforto próximos ao ideal. O sombreamento mantém os parâmetros fisiológicos de búfalas leiteiras mais próximos da normalidade e melhora o índice de conforto animal. A adoção de sistemas silvipastoris na produção de bubalinos, na região tropical, pode evitar gastos energéticos com termólise.

Amostragem para inventário florestal em sistemas silvipastoris

Fick,Tiago Antonio
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
27.15%
O inventário florestal, segundo diversos processos de amostragem, fornece estimativas de produção para todo povoamento florestal. Neste trabalho, testaram-se diferentes processos de amostragem em um sistema silvipastoril com arranjo em faixas de Eucalyptus grandis, no Município de Umuarama, noroeste do Paraná. A distribuição das plantas de E. grandis foi explotada para mapa em escala da área, no qual aplicaram-se diferentes técnicas de amostragem: amostragem aleatória simples (com parcelas retangulares paralelas ALS-RPA, perpendiculares às faixas ALS-RPE, e parcelas circulares - ALS-AC) e amostragem sistemática (com 5%, 10% e 20% de intensidade, respectivamente, AS-5, AS-10 e AS-20). Para comparação dos processos de amostragem, foi considerado o erro de amostragem (E%), segundo o qual verificou-se a melhor metodologia. Os resultados observados, demonstraram que os maiores E% foram obtidos na amostragem aleatória simples: ALS-C (61,64%), ALS-RPA (47,30%) e ALS-RPE (31,19%). Para a amostragem sistemática, o E% observado foi baixo: AS-10 (6,05%), AS-20 (7,04%) e AS-5 (12,49%). Desta forma, a amostragem sistemática foi eficiente em inventário florestal de sistemas silvipastoris por seu baixo E%.

Avaliação da Brachiaria brizantha cv. marandu em sistemas silvipastoris

Moreira,G.R.; Saliba,E.O.S.; Maurício,R.M.; Sousa,L.F.; Figueiredo,M.P.; Gonçalves,L.C.; Rodriguez,N.M.
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
27.15%
Avaliou-se a degradabilidade in situ da matéria seca (MS) da Brachiaria brizantha cv. marandu colhida em dois sistemas silvipastoris compostos pelas arbóreas, ipê felpudo (Zeyheria tuberculosa) e aroeira (Myracrodruon urundeuva), localizados no bioma Cerrado, município de Lagoa Santa, MG. O período de coleta da forragem foi de dezembro de 2004 a abril de 2005. O delineamento utilizado foi em blocos ao acaso, segundo esquema de parcelas subdivididas, sendo as parcelas os tratamentos e as sub-parcelas os tempos de degradação. O sombreamento com as arbóreas não influenciou a degradabilidade in situ da matéria seca da forrageira.

Adaptação, produtividade e persistência de Arachis pintoi submetido a diferentes níveis de sombreamento

Andrade,Carlos Maurício Soares de; Valentim,Judson Ferreira
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1999 PT
Relevância na Pesquisa
27.46%
Este experimento foi realizado com o objetivo de determinar o potencial forrageiro da leguminosa Arachis pintoi, submetida a 0, 30, 50 e 70% de sombreamento, em sistemas silvipastoris e como cobertura do solo em sistemas agroflorestais. O delineamento experimental usado foi o inteiramente casualizado, com quatro repetições. Realizou-se uma avaliação no final do período chuvoso e outra no final do período seco, usando as características altura e vigor de plantas, cobertura do solo e biomassa aérea, subterrânea e total. Os resultados mostraram que A. pintoi apresentou boa adaptação e persistência nos níveis de sombreamento estudados. A produtividade, apesar de ter diminuído com o aumento dos níveis de sombreamento, foi considerada adequada mesmo nos níveis mais altos. Concluiu-se que é possível usar esta leguminosa como cobertura do solo em sistemas agroflorestais e como forrageira em sistemas silvipastoris.

Avaliação do desempenho de bovinos de corte criados em sistemas silvipastoris no estado do Pará.

GARCIA, A. R.; ALVAREZ, W. F. M.; COSTA, N. A. da.; NAHUM, B. de S.; QUINZEIRO NETO, T.; CASTRO, S. R. S. de.
Fonte: Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, PA, v. 4, n. 8, p. 51-62, jan./jun. 2009. Publicador: Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, PA, v. 4, n. 8, p. 51-62, jan./jun. 2009.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.65%
Este trabalho foi desenvolvido no município de Castanhal, estado do Pará, local de clima quente e úmido. O objetivo do trabalho foi avaliar o desempenho de bovinos de corte em sistemas silvipastoris, como alternativa tecnológica para intensificação da produção. O período experimental compreendeu de 8 de abril a 8 de julho, no qual se realizou o acompanhamento e coleta de dados de dois modelos de sistemas silvipastoris, com distintas gramíneas ( Brachiaria humidicula: quicuio-da-amazônia e Panicum maximum cv. Mombaça). Foram usados 50 animais de raça Nelore, com idade entre 30 e 36 meses, e peso médio inicial de 348,9±25,2 kg. Os animais foram pesados individualmente, sendo que a pesagem ocorreu no fim de cada ciclo de pastejo, a cada 30 dias. No momento, foi avaliado o escore corporal de cada animal. Em ambos os sistemas, coletou-se forragem à entrada e à saída dos animais de cada piquete. Foram efetuadas na forragem a determinação de matéria seca, matéria orgânica, fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), lignina, proteína bruta e matéria mineral. Os dados foram avaliados com uso do programa Bioestat 5.0, considerando o nível de significância de 5%. A matéria seca obtida no sistema silvipastoril de gramínea Brachiaria humidicula variou entre 19...

Efeito de sistemas silvipastoris no conforto térmico e nos índices zootécnicos de bezerros bubalinos criados na Amazônia Oriental.

MORAES JUNIOR, R. J.; GARCIA, A. R.; SANTOS, N. de F. A. dos; NAHUM, B. de S.; ARAUJO, C. V. de.
Fonte: Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, PA, v. 4, n. 8, p. 127-139, jan./jun. 2009. Publicador: Amazônia: Ciência & Desenvolvimento, Belém, PA, v. 4, n. 8, p. 127-139, jan./jun. 2009.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.46%
Sistemas silvipastoris são alternativas para promover o conforto animal e elevar os índices produtivos, principalmente em regiões de clima tropical, como a Amazônia, onde o estresse térmico é constante. O presente trabalho teve como objetivo propor uma metodologia para criação de bezerros bubalinos em sistema silvipastoril na Amazônia Oriental, a qual seja capaz de conferir conforto térmico aos animais e favorecer seu crescimento e desempenho ponderal. O experimento foi realizado na Embrapa Amazônia Oriental, em Belém?PA, região de tipo climático Afi, em dois períodos do ano: período menos chuvoso (abril a set./2007) e período mais chuvoso, (out./2007 a março/2008). Os bezerros foram inseridos no Sistema Silvipastoril 1 (SSP1; n=10), com área de sombreamento útil nas pastagens, ou no Sistema Silvipastoril 2 (SSP2; n=9), com pouco sombreamento e lago para banho. Foram aferidas as variáveis fisiológicas e os dados morfométricos, e calculados o índice de temperatura e umidade (ITU) e o índice de conforto de Benezra (ICB), para os dois SSPs nos dois períodos do ano, os quais foram comparados pelo Teste F (P<0,05). O ITU mostrou ?nível de alerta? durante os dois períodos experimentais (Período 1: 78,9±3,7 e Período 2: 77...

Avaliação de espaçamentos para eucalipto para sistemas silvipastoris no Mato Grosso do Sul.

NICODEMO, M. L. F.; LAURA, V. A.; MELOTTO, A. M.; BOCCHESE, R. A.; SCHUNKE, R. M.; BARBOSA, R. A.
Fonte: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 44., Jaboticabal, SP. Anais... Jaboticabal: SBZ: UNESP, 2007. Publicador: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 44., Jaboticabal, SP. Anais... Jaboticabal: SBZ: UNESP, 2007.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.46%
Sistemas silvipastoris possibilitam a conciliação da produção agropecuária com a proteção ambiental, criando condições favoráveis para geração de emprego e renda. Mato Grosso do Sul apresenta cerca de 1/3 de solos marginais (Neossolos quartzarênicos), para os quais é recomendada a utilização desses sistemas de produção. O Estado tem 70% de pastagens e 1/3 dos produtores rurais tem renda bruta negativa. A diversificação da base produtiva é fundamental para o desenvolvimento sustentável da região. Neste trabalho teve-se por objetivo estabelecer a densidade inicial adequada de Eucalyptus urograndis em consórcio com Brachiaria brizantha cv. Marandu, para subsidiar desenhos de sistemas silvipastoris nas condições regionais, bem como construir linha-de-base para desdobramentos de projetos futuros. As árvores foram plantadas em uma roda de competição, em arranjo com densidades de árvores variando de 46 a 803 plantas/ha. Foram avaliados: adaptação e crescimento inicial das árvores, produção e qualidade da forragem, e dinâmica de nutrientes do solo. Nos dezoito meses iniciais não foram observados efeitos das densidades em nenhuma das variáveis avaliadas.; 2007

Avaliação inicial de espaçamentos para o plantio de espécies arbóreas nativas para o fomento de sistemas silvipastoris no Mato Grosso do Sul.

NICODEMO, M. L. F.; LAURA, V. A.; MELOTTO, A. M.; BOCCHESE, R. A.; SCHUNKE, R. M.; BARBOSA, R. A.
Fonte: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 44., Jaboticabal, SP. Anais... Jaboticabal: SBZ: UNESP, 2007. Publicador: In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, 44., Jaboticabal, SP. Anais... Jaboticabal: SBZ: UNESP, 2007.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.46%
Sistemas silvipastoris possibilitam a conciliação da produção agropecuária com a proteção ambiental, criando condições favoráveis para geração de emprego e renda. Mato Grosso do Sul apresenta cerca de 1/3 de solos marginais (Neossolos quartzarênicos), para os quais é recomendada a utilização desses sistemas de produção. O Estado tem 70% de pastagens e 1/3 dos produtores rurais tem renda bruta negativa. A diversificação da base produtiva é fundamental para o desenvolvimento sustentável da região. Neste trabalho teve-se por objetivo estabelecer a densidade inicial adequada do plantio conjuntode árvores nativas (cumbaru, Dypterix alata, jatobá do cerrado, Hymenea stigonocarpa e gonçalo alves, Astronium fraxinifolium) em consórcio com Brachiaria brizantha cv. Marandu, para subsidiar desenhos de sistemas silvipastoris nas condições regionais, bem como construir linha-de-base para desdobramentos de projetos futuros. As árvores foram plantadas em uma roda de competição, em arranjo com densidades de árvores de 46 a 803 plantas/ha. Foram avaliados: adaptação e crescimento inicial das árvores, produção e qualidade da forragem, e dinâmica de nutrientes do solo. Nos dezoito meses iniciais não foram observados efeitos da densidade em nenhuma das variáveis avaliadas.; 2007

Variáveis fisiológicas de búfalas leiteiras criadas sob sombreamento em sistemas silvipastoris.

GARCIA, A. R.; MATOS, L. B.; LOURENÇO JUNIOR, J. de B.; NAHUM, B. de S.; ARAÚJO, C. V. de; SANTOS, A. X.
Fonte: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 46, n. 10, p. 1409-1414, out. 2011. Publicador: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 46, n. 10, p. 1409-1414, out. 2011.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.46%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o uso de sistemas silvipastoris como ferramenta de manejo para manter as características fisiológicas de búfalas leiteiras e promover mais altos níveis de conforto térmico. Foram avaliadas 56 fêmeas adultas (79±44,12 meses; 575±92,90 kg): 30 em sistema silvipastoril sem sombra útil e 26 em sistema silvipastoril com 19,9% de sombra útil. Foram mensuradas semanalmente: frequência cardíaca e respiratória, temperatura retal e índice de conforto animal. As médias foram comparadas por análise de variância e as variáveis meteorológicas e fisiológicas foram correlacionadas pelo método de Pearson. O sombreamento diminuiu significativamente a frequência cardíaca e a temperatura retal. Em 71,4% das observações, os animais mantidos em sistema silvipastoril com sombreamento apresentaram índices de conforto próximos ao ideal. O sombreamento mantém os parâmetros fisiológicos de búfalas leiteiras mais próximos da normalidade e melhora o índice de conforto animal. A adoção de sistemas silvipastoris na produção de bubalinos, na região tropical, pode evitar gastos energéticos com termólise; 2011

Variáveis fisiológicas de búfalas leiteiras criadas sob sombreamento em sistemas silvipastoris.

GARCIA, A. R.; MATOS, L. B.; LOURENÇO JÚNIOR, J. de B.; NAHUM, B. de S.; ARAÚJO, C. V. de; SANTOS, A. X.
Fonte: Pesquisa agropecuária Brasileira, Brasília, v.46, n.10, p.1409-1414, out. 2011 Publicador: Pesquisa agropecuária Brasileira, Brasília, v.46, n.10, p.1409-1414, out. 2011
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
27.46%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o uso de sistemas silvipastoris como ferramenta de manejo para manter as características fisiológicas de búfalas leiteiras e promover mais altos níveis de conforto térmico. Foram avaliadas 56 fêmeas adultas (79±44,12 meses; 575±92,90 kg): 30 em sistema silvipastoril sem sombra útil e 26 em sistema silvipastoril com 19,9% de sombra útil. Foram mensuradas semanalmente: frequência cardíaca e respiratória, temperatura retal e índice de conforto animal. As médias foram comparadas por análise de variância e as variáveis meteorológicas e fisiológicas foram correlacionadas pelo método de Pearson. O sombreamento diminuiu significativamente a frequência cardíaca e a temperatura retal. Em 71,4% das observações, os animais mantidos em sistema silvipastoril com sombreamento apresentaram índices de conforto próximos ao ideal. O sombreamento mantém os parâmetros fisiológicos de búfalas leiteiras mais próximos da normalidade e melhora o índice de conforto animal. A adoção de sistemas silvipastoris na produção de bubalinos, na região tropical, pode evitar gastos energéticos com termólise.; 2011

Comportamento de forrageiras nativas em sistemas silvipastoris com acácia-negra no Rio Grande do Sul.

MOCHIUTTI, S.; CAPORAL, F. J. M.; GUGLIERI, A.; HIGA, A. R.; BEHLING, M.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS, 7., 2009, Luziânia. Diálogo e integração de saberes em sistemas agroflorestais para sociedades sustentáveis: anais. [Luziânia]: Sociedade Brasileira de Sistemas Agroflorestais; [Brasília, DF]: EMATER-DF: Embrapa, 2009. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS, 7., 2009, Luziânia. Diálogo e integração de saberes em sistemas agroflorestais para sociedades sustentáveis: anais. [Luziânia]: Sociedade Brasileira de Sistemas Agroflorestais; [Brasília, DF]: EMATER-DF: Embrapa, 2009.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.46%
As plantações de acácia-negra do Rio Grande do Sul são tradicionalmente utilizadas em sistemas silvipastoris. O objetivo deste trabalho foi avaliar o comportamento das principais forrageiras das pastagens nativas sob o sombreamento desta plantação florestal. Foram avaliadas a cobertura das espécies herbáceas em plantações de acácia-negra com 1, 2 e 6 anos de idade e de um campo nativo sem a presença de árvores. As avaliações foram realizadas através da estimativa visual de cobertura das espécies, solo descoberto e material morto. As gramíneas apresentaram a maior cobertura, tanto nas áreas de plantações florestais como no campo aberto. As pastagens sob sombreamento apresentaram menor porcentagem de solo descoberto, indicando a adaptação da vegetação herbácea ao sombreamento. Observaram-se diferentes respostas das espécies nativas ao sombreamento. Paspalum notatum e Axonopus affinis, reduziram sua cobertura ou tenderam a desaparecer das áreas com plantações de acácia-negra. Por outro lado, Piptochaetium montevidense e Dichantelium sabulorum mantiveram ou aumentaram sua cobertura nas áreas com acácia-negra, indicando a tolerância destas espécies ao sombreamento. Observou-se também que gramíneas típicas de sub-bosques de fragmentos florestais nativos...

Custo da implantação de sistemas de produção silvipastoris em São Carlos, SP.

VINHOLIS, M. de M. B.; NICODEMO, M. L. F.; SANTOS, P. M.; COLA, G. G.
Fonte: In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 30., 2010, São Carlos, SP. Maturidade e desafios da engenharia de produção: competividade das empresas, condições de trabalho, meio ambiente - anais. São Carlos: ABEPRO, 2010. Publicador: In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, 30., 2010, São Carlos, SP. Maturidade e desafios da engenharia de produção: competividade das empresas, condições de trabalho, meio ambiente - anais. São Carlos: ABEPRO, 2010.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.65%
Produção pecuária tradicional gerou um grande passivo ambiental. As preocupações recentes com qualidade da carne, bem-estar animal e proteção ambiental estão perfeitamente sintonizadas com sistemas de produção de base ecológica, como sistemas agroflorestais, e neste caso, com uma de suas modalidades, sistemas silvipastoris. Este trabalho tem por objetivo avaliar o custo de implantação de sistemas silvipastoris com espécies florestais nativas. Uma área de 11,7 ha formada com pastagens degradadas foi plantada com sete espécies florestais nativas em renques com três linhas de árvores espaçados de 15 m. O sistema 1 consiste da produção animal nas entrelinhas (integração pecuária-floresta) e o sistema 2 inlcui o cultivo agrícola nas entrelinhas com o objetivo de alimentação animal na seca (integração lavoura-pecuária-floresta). O custo total de implantação do sistema1 foi de R$4.398,76/ha e o do sistema 2 foi de R$4.446,72/ha.; 2010

Sistemas silvipastoris como apoio ao desenvolvimento rural para a região sudoeste do Rio Grande do Sul

Ribaski, Sonia Aparecida Guetten
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
27.65%
Muito se tem escrito sobre a implantação de sistemas agroflorestais e silvipastoris como alternativas de produção rural. Entretanto, poucas iniciativas estabelecem avaliações econômicas dos sistemas de produção agrícolas vigentes e novas formas de produção. Este trabalho tem como objetivo avaliar economicamente a utilização de sistemas silvipastoris (SSP) como apoio a ação de desenvolvimento rural para a região sudoeste do Rio Grande do Sul. Foi realizada a análise da viabilidade econômica de diferentes sistemas de produção de madeira com eucalipto (Eucalyptus grandis Hill ex. Maiden) em uma propriedade rural, no município de Alegrete, RS. Nesta propriedade se pratica um sistema tradicional de pecuária, baseado na recria e terminação de bovinos utilizando exclusivamente pastagem nativa. A análise econômica considerou a comparação entre um sistema tradicional de pecuária da região e dois sistemas alternativos de conversão da área de pecuária para plantios homogêneos de eucalipto em duas densidades de plantio com 2.222 e 1.111 árvores/ha e dois sistemas silvipastoris com 1.000 e 500 árvores/ha. A análise foi realizada a partir da determinação da Taxa Interna de Retorno (TIR), sendo considerados todos os investimentos. Posteriormente...

Caracterizaçao e avaliaçao de sistemas silvipastoris da regiao noroeste do estado do Paraná

Nepomuceno, Aline Nikosheli
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
27.78%
Os sistemas silvipastoris são sistemas agroflorestais caracterizados pela associação de cultivos arbóreos, pastagens e animais, constituindo um meio eficiente de promover o uso sustentável da terra. A região noroeste do Paraná apresenta um desenvolvimento econômico baseado em atividades agropecuárias, acumulando assim, processos de degradação ambiental. A implantação dos sistemas silvipastoris é um meio de controlar processos erosivos freqüentes na região, além de otimizar o uso da terra. Considerando a escassez de informações sobre sistemas silvipastoris presente no noroeste do Paraná, se avaliou 43 propriedades espalhadas nos municípios das microrregiões de Umuarama e Cianorte com o objetivo de caracterizar e avaliar os SSPs utilizados na região, quantificar e caracterizar as áreas com SSPs nas propriedades e determinar a freqüência e a condição das espécies presentes nos sistemas de produção das propriedades. Para isso, utilizou-se, primeiramente de revisão e análise crítica da literatura existente e, posteriormente visitas às propriedades rurais, caracterizadas pela existência de SSP, para a realização de entrevistas com os proprietários, através de um questionário estruturado como roteiro e observações no campo. Com isso...

Efeito de sistemas silvipastoris no conforto t?rmico e nos ?ndices zoot?cnicos de bezerros bubalinos criados na Amaz?nia Oriental

MORAES JUNIOR, Raimundo Jos?
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
27.46%
Sistemas silvipastoris s?o alternativas para aliar conforto animal a ?ndices produtivos mais elevados, principalmente em regi?es de clima tropical, como a Amaz?nia, onde o estresse cal?rico ? constante. Este trabalho teve como objetivo propor uma metodologia para cria??o de bezerros bubalinos em sistema silvipastoril na Amaz?nia Oriental, capaz de conferir conforto t?rmico e maior capacidade de desenvolvimento aos animais. O experimento foi realizado na Embrapa Amaz?nia Oriental, em Bel?m?PA, regi?o de tipo clim?tico Afi, em dois per?odos do ano: Per?odo menos chuvoso (abril/2007 a setembro/2007) e Per?odo mais chuvoso, (outubro/2007 a mar?o/2008). Os bezerros foram inseridos no Sistema Silvipastoril 1 (SSP1; n=10), com ?rea de sombreamento ?til nas pastagens, ou no Sistema Silvipastoril 2 (SSP2; n=9), com pouco sombreamento e um lago para banho. Foram aferidas vari?veis fisiol?gicas, dados morfom?tricos, e calculados o ITU e o ICB, para os dois SSPs nos dois per?odos do ano, e comparados pelo Teste F (P<0,05). O ITU mostrou ?n?vel de alerta? durante os dois per?odos experimentais (Per?odo 1: 78,9?3,7 e Per?odo 2: 77,5?3,5). A FR ficou acima dos n?veis considerados normais, com amplitude de 32,2?9,2 a 56,5?19,0 mov/min. A TR (38...

Characterization of silvopastoral systems on the northwest region of Paraná State; CARACTERIZAÇÃO DE SISTEMAS SILVIPASTORIS DA REGIÃO NOROESTE DO ESTADO DO PARANÁ

Nepomuceno, Aline Nikosheli; Silva, Ivan Crespo; UFPR
Fonte: FUPEF DO PARANÁ Publicador: FUPEF DO PARANÁ
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 16/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
27.46%
The implantation of silvopastoral systems is a way to control the frequently erosive process in the region and also can optimize the use of the land. In this research, they were evaluated 43 properties spread in the counties of the microregion of Umuarama and Cianorte with the objective of characterizing and to evaluate the SPS in the region. For this, it was used revision and critical analysis of literature and visits to the farming to realize interviews with the owners and field observation. It was gotten data related to the areas having SPS in the properties evaluated. The spread out modalities of the region are plantation of trees in the contour line, forming simple or double rows, plantation in rows without orientation defined and the formation of bosquets, being that amongst spread out forest species are Grevillea robusta and species of the Eucalyptus genus. As conclusion the silvopastoral systems in the northwest region of Paraná still not accomplish all its potentialities because the lumber potential is not used economically.; A implantação de sistemas silvipastoris na região noroeste do Paraná é um meio de controlar processos de degradação do solo frequentes na região...