Página 1 dos resultados de 2232 itens digitais encontrados em 0.011 segundos

O que jovens alunos de classes populares têm a dizer sobre a experiência escolar na adolescência; What poor class young people have to say about their school experience during adolescence

Checchia, Ana Karina Amorim
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
56.25%
Esta pesquisa tem como objetivo investigar a versão de jovens alunos de classes populares sobre a experiência escolar na adolescência, com base em uma abordagem crítica em Psicologia Escolar. O procedimento da pesquisa envolveu a realização de seis encontros em grupo, inspirada na proposta de “Grupos Focais”, e entrevistas individuais com oito estudantes da oitava série do Ensino Fundamental de uma escola estadual em São Paulo, pertencentes a classes populares. Diante disso, atentou-se para o discurso dos jovens sobre: a) a condição de alunos adolescentes, b) a relação entre os participantes do processo educacional, c) a vivência do dia-a-dia escolar e d) a qualidade do ensino. Nesta pesquisa, os adolescentes enfatizam a necessidade de romper com a imagem pejorativa que lhes é socialmente atribuída e valorizam o debate sobre educação e política. Preocupam-se com a qualidade do ensino nas escolas públicas e ressaltam a relevância em se propiciar a comunicação entre os participantes do contexto escolar; apresentam como propostas para melhoria do quadro educacional o efetivo incentivo do Governo à Educação e o investimento na infra-estrutura das escolas e na formação de professores. Revelam uma experiência escolar predominantemente atravessada pela não-escuta...

Cadernos e outros registros escolares da primeira etapa do ensino fundamental : um olhar da psicologia escolar crítica; Notebooks and other school records in the first stage of elementary school : a perspective from critical school psychology.

Santos, Anabela Almeida Costa e
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.32%
Esta tese tem como objeto os cadernos escolares e demais registros elaborados prioritariamente pelos alunos no contexto escolar. Apesar de os registros serem componentes fundamentais das rotinas escolares, são elementos pouco estudados. Os trabalhos em psicologia que se dedicaram ao tema privilegiaram compreender essas produções escolares com base na psicometria e/ou como expressões da personalidade e de estados afetivo-emocionais dos alunos. Tal forma de compreender os registros produzidos na escola se revela inadequada, pois considera-os apenas produções discentes, ignorando o contexto institucional e relacional em meio ao qual são realizadas as atividades escolares. Diante da necessidade de construir referenciais para a compreensão psicológica dos registros escolares que abrangessem os processos escolares que constituem os bastidores da realização dos registros, foi conduzida a pesquisa apresentada nesta tese. A investigação, conduzida com base em parâmetros teórico-metodológicos da psicologia escolar crítica e da etnografia educacional, compôs-se de três etapas. A primeira foi realizada em uma sala de aula de primeira série do ensino fundamental de escola pública do interior paulista; a segunda, efetuada na mesma escola...

Psicologia e adolescência encarcerada: a dimensão educativa de uma atuação em meio à barbárie; Psychology and incarcerated adolescence: educational dimension of a practice among barbarism

Roman, Marcelo Domingues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/07/2007 PT
Relevância na Pesquisa
56.17%
Esta pesquisa tem como objeto a atuação de psicólogos no interior de instituições educativas. Seu objetivo é salientar a primazia do caráter material da práxis sobre seu caráter representacional como elemento fundamental a uma atuação crítica em psicologia aplicada à educação. Para isso, toma como campos de análise e atuação a adolescência em conflito com a lei e o tratamento a ela dispensado pelo Estado brasileiro, especialmente pela FEBEM/SP, utilizando-se de parte da atuação de uma ONG, a Associação Fique Vivo, no interior do funcionamento escolar em unidades de internação. A partir de parâmetros metodológicos advindos da etnografia crítica, a pesquisa de campo compreende a participação do pesquisador em atividades educativas desenvolvidas durante um semestre letivo em determinada unidade de internação. Além disso, foram realizadas entrevistas com três adolescentes internos, três professores e quatro profissionais que participaram da equipe de atuação. Tendo como categoria analítica central o conceito materialista histórico de fetichismo, são analisadas as motivações que levam adolescentes a cometerem atos infracionais e a lógica que preside o sistema de atendimento a eles destinado. A atuação empreendida parte de construções teórico-metodológicas elaboradas pelas abordagens materialistas históricas em psicologia educacional / escolar...

Fundamentos filosóficos e políticos da inclusão escolar: um estudo sobre a subjetividade docente; Philosophical and Political Fundamentals of school inclusion: a study on teaching staff subjectivity

Barros, Carlos César
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.25%
Este trabalho busca investigar as bases psicológicas da inclusão escolar. Baseia-se em estudo teórico e numa descrição empírica da subjetividade de professores de alunos com necessidades educacionais especiais. A partir do estudo de documentos e da literatura especializada, depara-se com a fundamentação axiológica da educação inclusiva. Passa, então, a refletir sobre as contradições de sustentar o discurso educacional em valores humanitários universais enquanto a contemporaneidade se desumaniza e considera tais valores ultrapassados ou ilusórios. Tomando como referencial a teoria crítica da sociedade, a Escola de Frankfurt, a pesquisa busca encontrar nas contradições fatores que estimulam e transformam: os próprios valores, que não são ilusórios já que derivados das condições materiais da existência, mas são passíveis de serem ultrapassados no tempo se negados e esquecidos. Ainda que decadentes devido à massificação na sociedade administrada eliminadora de diferenças, as forças sociais libertadoras e transformadoras fazem um retiro na esfera individual. Se o reconhecimento dos valores se dá nas esferas social, jurídica e afetiva, frente à crise das duas primeiras esferas, cabe perguntar como ele subsiste na terceira...

Psicanálise: uma inspira-ação para a psicologia escolar?; Psychoanalysis: an inspire-action to the school psychology?

Santos, Leandro Alves Rodrigues dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2003 PT
Relevância na Pesquisa
56.25%
Investiga a possibilidade de uma inspiração pelo referencial psicanalítico na prática do psicólogo escolar. Parte da narrativa e problematização de uma intervenção realizada entre os anos de 1996 e 1997, junto a um grupo de 10 professores de primeiro grau em uma escola pública. Em 2002, retorna a essa unidade escolar e efetua pesquisa com os professores que participaram da experiência, fazendo uso de entrevistas abertas. Por meio desses testemunhos, analisa as conseqüências desse modelo de intervenção, a viabilidade dessa inspiração pelo referencial psicanalítico e a amplitude da possibilidade da extensão dos conceitos psicanalíticos na Cultura. Conclui, com base nos dados obtidos, articulando-os com a sustentação teórica dos pesquisadores do campo da intersecção entre psicanálise e educação, que a experiência possibilitou desvelar aspectos que devem ser tomados como objeto de reflexão: a formação do psicólogo para além da repetição de técnicas; a possível relação do psicólogo com a psicanálise, as implicações da transmissão dessa teoria na graduação de psicologia e as questões subjetivas de cada psicólogo que podem estar ligadas às suas escolhas. Por fim, sugere alterações na forma de transmissão de saber que ocorre nos cursos de psicologia.; It investigates the possibility of an inspiration by the psychoanalitical reference at the practice of the school psychologist. Part of the narrative and problems involved which took place between 1996 and 1997...

Recuperação escolar: discurso oficial e contidiano educacional - um estudo a partir da psicologia escolar; Summer school: official speech and educational quotidian - a study based on School Psychology

Caldas, Roseli Fernandes Lins
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.32%
O estudo propõe-se a discutir a recuperação escolar enquanto estratégia pedagógica de apoio e auxílio aos alunos que não aprendem, tomando como referencial teórico a Psicologia Histórico-Cultural. Como principais objetivos desta pesquisa destacam-se: a) estabelecer uma análise crítica, a partir dos conceitos da psicologia escolar, sobre a trajetória histórica da implantação de programas de recuperação na rede pública paulista e concepções de aprendizagem subjacentes, b) compreender repercussões dessa prática por meio dos sentidos pessoais atribuídos à recuperação escolar por educadores, pais e alunos. De cunho qualitativo, essa pesquisa, em moldes etnográficos, utilizou-se dos seguintes procedimentos: análise de documentos oficiais do estado de São Paulo e das Leis de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (1961; 1971; 1996); observações participantes em duas salas de recuperação; entrevistas individuais com professoras, coordenadora, diretora e mães de alunos; entrevistas coletivas com dois grupos de alunos e análise de seus desenhos sobre a classe de recuperação, sendo todos os participantes vinculados regularmente a uma escola da rede estadual situada na zona sul da cidade de São Paulo. O levantamento documental realizado com o objetivo de compilar publicações oficiais revelou que inúmeros planos de recuperação escolar vêm sendo apontados como "remédios" aos problemas educacionais ao longo da história...

Itinerários da psicologia na educação especial: uma leitura histórico-crítica em psicologia escolar; The itineraries of psychology in special education: a historical-critical interpretation in school psychology

Cotrin, Jane Teresinha Domingues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 03/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
56.35%
Esta tese tem como objeto de estudo as relações iniciais entre Psicologia e Educação Especial, na área específica da deficiência mental. As primeiras escolas de Educação Especial na área de deficiência mental nasceram, no Brasil, no final do século XIX, anexas aos hospitais psiquiátricos, por iniciativa de médicos que atuavam nesses hospitais. No início do século XX, com as reformas educacionais vinculadas ao avanço da Psicologia como campo de conhecimento científico, as práticas em Educação e Educação Especial, no que tange à deficiência mental, passaram a ser embasadas nessa Psicologia nascente. Com uma abordagem funcionalista, as diferentes teorias psicológicas foram utilizadas para instrumentalizar os professores na prática pedagógica e esses conhecimentos assumiram a primazia do saber educacional especializado. Os testes psicológicos tornaram-se os instrumentos mais utilizados para o reconhecimento da deficiência. Impulsionada pelo movimento escolanovista e da higiene mental, a Psicologia desponta como área de conhecimento necessária à compreensão do educando e ao estabelecimento de critérios de normalidade-patologia-deficiência. O objetivo do presente trabalho é compreender como se deu a inserção da Psicologia como área de estudo e atuação profissional na educação da criança com deficiência mental no Brasil...

Estudos para uma história da psicologia educacional e escolar no Brasil; Studies for a history of educational and school psychology in Brazil

Barbosa, Deborah Rosaria
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.44%
Embora a história da Psicologia atualmente seja um fértil campo de produção, ainda são poucos os trabalhos com registros de personagens que viveram esta história e que podem, a partir de seus testemunhos, contribuir para a escrita da mesma. Neste sentido, esta investigação, conduzida com base nos pressupostos da Nova História, teve como objetivo contribuir para a reconstrução da história da constituição do campo de estudo e atuação em Psicologia Educacional e Escolar no Brasil, por meio de depoimentos orais e outras fontes historiográficas. Investigou-se como este campo de conhecimento e prática foi se construindo em nosso solo, especialmente a partir dos anos 1930. Como objetivos específicos, procurou-se identificar as transformações do papel do psicólogo no campo educativo e compreender como ocorreu a inserção desse profissional nos contextos educacionais. Para tanto, a pesquisa construiu um corpus documental composto por fontes historiográficas sobre o tema e depoimentos orais. Foram depoentes cinco personagens pioneiros ou protagonistas da área de Psicologia Educacional e Escolar no Brasil. Definiu-se como pioneiros os primeiros a contribuir para um determinado campo de atuação e como protagonistas, aqueles que colaboraram como personagens ativos num determinado momento histórico da área. Os depoentes também foram escolhidos por terem: a) realizado publicações expressivas na área; b) atuado na área; c) sido docentes e/ou c) participado de órgãos/instituições da área. Os depoentes foram: Samuel Pfromm Netto...

O caminho se faz ao caminhar: propostas de formação para uma atuação crítica em psicologia escolar e educacional

Lima, Cárita Portilho de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.45%
Esse trabalho circunscreve-se nas discussões referentes à formação de psicólogos/as para atuarem no campo da Psicologia Escolar e Educacional, em uma perspectiva crítica. Para tanto, toma como locus privilegiado as práticas formativas, mais especificamente, aquelas exercidas nos estágios e supervisões e oferecidas nos serviços-escola dos cursos de graduação em Psicologia. O objetivo da pesquisa é conhecer a constituição de propostas de formação de psicólogos/as para o atendimento às demandas escolares e educacionais, desenvolvidas nos serviçosescola, com base em referenciais críticos de Psicologia Escolar e Educacional. Para consecução desse estudo, realizamos entrevistas com seis psicólogas que atuam em serviços-escola de Psicologia inseridos em Instituições de Ensino Superior públicas, referências na construção de propostas de intervenção no campo da Psicologia Escolar e Educacional. A partir do trabalho de análise dos dados foram propostos três eixos sob os quais buscamos abarcar as questões tratadas nas entrevistas, são eles: os serviços-escola de Psicologia; a formação em Psicologia Escolar e Educacional e a atuação profissional frente às questões educacionais. No primeiro eixo analisamos a finalidade dos serviços-escola de Psicologia...

Projeto intensivo no ciclo I: um estudo de caso etnográfico a partir da Psicologia Escolar; Projeto Intensivo no Ciclo I: an ethnographic case study from School Psychology

Yamamoto, Kátia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.25%
Na rede pública estadual paulista, a partir de 1990, Políticas Públicas, Programas e Projetos, têm sido gerados com intuito de enfrentar fenômenos referente ao não acesso à Educação, altas taxas de evasão e repetência, frutos de sistema de exclusão escolar. Deste modo, por meio de políticas de universalização do acesso em âmbito nacional, as questões da qualidade do ensino passaram a ser avaliadas por sistemas mais sofisticados. Um dos índices utilizados no estado de São Paulo é o Sistema de Avaliação de Resultados do Estado de São Paulo SARESP em que se evidencia que um número significativo de crianças não estava se beneficiando da escola, frequentando séries avançadas do Ensino Fundamental, muitas vezes sem saber ler e escrever, ou sabendo muito pouco; ou seja, o fracasso escolar foi tomando outra vestimenta, mais sutil, menos perceptível. Tais constatações geraram programas de enfrentamento, dentre eles, o Programa Ler e Escrever, tendo como um de seus desdobramentos as classes de Projeto Intensivo no Ciclo PIC. Neste sentido, estudar esta instância possibilita compreender aspectos de constituição dessa proposta política no estado de São Paulo. Assim sendo, o presente estudo visa analisar aspectos que constituem o Projeto Intensivo no Ciclo PIC...

Psicólogos na rede particular de ensino: possibilidades, limites e superações na atuação; Psychologists in private school: possibilities, limits and overcoming in acting

Bray, Cristiane Toller
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
56.4%
Esta pesquisa apresenta como objeto de estudo a prática profissional de psicólogos no Ensino Fundamental desenvolvida na rede privada de educação. Para tanto, teve por objetivo analisar modos de inserção de psicólogos que atuam em escolas particulares, tomando o materialismo histórico-dialético enquanto base interpretativa de análise. Compreendemos a prática profissional de psicólogos produzida em um sistema educacional que, ao se constituir na rede privada de ensino, expressa um conjunto de contradições, desafios e impasses para uma atuação ético-política da profissão, no campo da Educação Básica. Algumas questões orientaram a pesquisa: quais práticas psicológicas podem ser desenvolvidas em uma rede de ensino que vive as contradições do mercado para sua manutenção? Como as proposições da área de Psicologia Escolar, centradas em referenciais críticos e institucionais, comparecem nessas organizações de ensino? Quais desafios e entraves se defrontam psicólogos em sua prática profissional ao atuarem em escolas de educação privada? Assim, buscamos conhecer e analisar: a) condições de trabalho em que a atuação de psicólogos se desenvolve; b) modalidades de atuação/intervenção e teorias que embasam suas práticas; c) expectativas daqueles que contratam psicólogos no que tange ao trabalho a ser desenvolvido em escolas da rede privada de ensino; d) desafios e estratégias construídas para a superação das contradições apontadas em sua prática profissional. O campo de investigação contou com depoimentos de dez psicólogos...

Referenciais teórico-críticos em psicologia escolar: uma análise a partir da Teoria Crítica da Sociedade; Theoretical and critical frameworks in school psychology: an analysis based on the Critical Theory of Society

Brasil, Ricardo Taveiros
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.34%
Este trabalho tem por objetivo verificar como se apresenta e se discute a temática dos referenciais teórico-críticos em psicologia escolar no conjunto da produção acadêmica que reúne as pesquisas defendidas em programas de pós-graduação stricto-sensu (psicologia/educação) de universidades das regiões sul e sudeste do Brasil, entre os anos de 1984 e 2013. Para tanto, foram consultadas as bibliotecas virtuais da Universidade de São Paulo (USP) e da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Obteve-se acesso ao número de 1.109 resumos, cuja leitura permitiu que se chegasse a 27 estudos (dissertações de mestrado, teses de doutorado e uma tese de livre-docência) que, por sua vez, trouxeram elementos em relação aos quais foi possível empreender uma análise orientada pelo referencial da Teoria Crítica da Sociedade (sobretudo pelas elaborações teóricas de Theodor W. Adorno, Max Horkheimer e Herbert Marcuse). A partir da leitura desses 27 resumos, foram criadas seis categorias que balizaram o trabalho de análise dos dados. São elas: Movimento contraditório da razão na ciência / Concepção de ideologia que se apresenta / Papel exercido pela tecnologia na educação / A pseudoformação e a inibição do pensamento / Concepções acerca das relações teoria-práxis / Tensões nas relações indivíduo-sociedade. Os dados numéricos a respeito de referenciais teóricos adotados nos trabalhos selecionados conduzem aos seguintes indicadores: maior quantidade de estudos orientados por referenciais teóricos da Psicologia Histórico-Cultural e da Psicologia Institucional. Quanto ao delineamento metodológico dessas pesquisas...

Contribuições da psicologia escolar para formação de professores: um estudo sobre a disciplina psicologia da educação nas licenciaturas; Contributions of school psychology for teachers education: a study of school psychology for getting a graduate degree in teaching

Checchia, Ana Karina Amorim
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.46%
Nesta pesquisa, embasada teoricamente em uma perspectiva crítica em Psicologia Escolar, fundamentada no pensamento marxista, visamos investigar contribuições da Psicologia Escolar para a formação inicial de professores, tendo a disciplina Psicologia da Educação como expressão de discussões relativas ao processo de escolarização, proferidas neste campo do conhecimento. Nesse sentido, indagamos: que contribuições a Psicologia Escolar oferece atualmente para a formação de professores? De que modo reflexões realizadas no campo da Psicologia Escolar, que apresentam como foco de análise o processo de escolarização, estão presentes em discussões realizadas na disciplina Psicologia da Educação? O trabalho de campo envolveu a realização de: a) entrevistas individuais com docentes de duas disciplinas de Psicologia da Educação, ministradas em cursos de Licenciatura em Pedagogia e demais Licenciaturas, oferecidas na Faculdade de Educação em uma universidade pública no Estado de São Paulo, e com os coordenadores destes cursos; b) entrevistas em grupo com estudantes de tais disciplinas; c) observação às aulas destas disciplinas, durante um semestre letivo. Foi possível identificar que as disciplinas investigadas expressam discussões realizadas ao longo do movimento crítico no campo da Psicologia Escolar...

School psychology in Portugal : practitioners’ characteristics and practices

Mendes, Sofia A.; Lima, Isabel Abreu; Almeida, Leandro S.; Simeonsson, Rune J.
Fonte: Taylor & Francis Publicador: Taylor & Francis
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 ENG
Relevância na Pesquisa
66.29%
Little empirical evidence is available on the professional characteristics and practices of school psychologists in Portugal. This study surveyed a total of 477 Portuguese school psychologists employed in public (80%) and private schools (20%). Portuguese school psychologists are described with regard to demographic, professional, and educational backgrounds, school settings, roles performed, and main target populations served. Evaluating and counseling regular education students, vocational guidance, and special education-related activities emerged as the most time-consuming professional practices. A professional practice primarily focused on students, mainly from the highest education levels, was also observed. Results are compared with findings of previous surveys and reviewed in the context of the current literature on the school psychologist’s role. Implications for the field are also provided.; Department of Educational Psychology and Special Education, University of Minho, Braga, Portugal; School Psychology Program, School of Education, University of North Carolina, Chapel Hill, North Carolina, USA

School psychologists and school reform: challenges and opportunities

Furman,Anton
Fonte: Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE) Publicador: Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1999 EN
Relevância na Pesquisa
56.23%
School Psychology is a system of psychological services for schools and a distinctive discipline within psychological sciences. Slovak and Czech Republics educational context are used in order to understand school Psychology within a system of education. Change of the political and economic system present reflections in the status of the school ofthe preparation of school psychologists in order to solve educational needs and problems.

O processo de ensinar-aprender uma perspectiva crítica em psicologia escolar e educacional: histórias compartilhadas por uma supervisora e uma estagiária; The process of teaching-learning educational and school psychology in a critical perpective: stories shared by a supervisor and an intern

Barbosa, Fabiana Marques
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.33%
Em vista das discussões realizadas, desde a década de 1980, acerca de uma concepção crítica em Psicologia Escolar e Educacional, esta investigação pretendeu compreender o processo de apropriação desta concepção por uma supervisora de estágio e uma estagiária em Psicologia de uma Instituição de Ensino Superior de Minas Gerais. Respaldada pelas contribuições da Psicologia histórico-cultural, a escolha metodológica orientou-se por conhecer a trajetória de formação das participantes da pesquisa, mediante a modalidade investigativa da história oral temática. As participantes concederam seus depoimentos em sessões de entrevista, totalizando quatro sessões com cada uma, com duração de quarenta minutos, em média. A análise deste material possibilitou a construção de cinco categorias, a saber: a mediação do outro como processo inerente às escolhas profissionais e à aprendizagem teórico-prática; os desafios e contradições como parte fundamental do processo de apropriação de uma perspectiva crítica, sugerindo que a aprendizagem é desenvolvida dialeticamente; a atividade prática e os estudos teóricos como componentes indispensáveis para a apropriação conceitual, sendo indicada pelas análises a necessidade de compreender teoria e prática como uma unidade dialeticamente relacionada no processo de aprendizagem; o estágio supervisionado como atividade essencial para o aprendizado do futuro psicólogo escolar...

What is military psychology? Symposium Proceedings

Arima, James K., ed
Fonte: Monterey, California. Naval Postgraduate School Publicador: Monterey, California. Naval Postgraduate School
Tipo: Relatório
ENG
Relevância na Pesquisa
56.29%
Symposium proceedings: papers presented in a symposium entitled "What is Military Psychology", held on 3 September 1979 at the 87th Annual Convention of the American Psychological Association in New York City; Five papers representing different frames of reference examine the question 'What is Military Psychology?' Their objective is to ferret out the unique aspects of psychology as its is practiced in the military environment that differentiate it from research in, and applications of, psychology in other settings. The purpose in doing this is to sharpen the focus and improve the products of military psychology. Areas examined cover (1) human-machine systems, (2) military personnel, training, and organizational effectives; (3) psychological operations/warfare and the area of 'hearts and minds'; (4) community mental health, consultation to command, and the psychologist in uniform; and (5) stress, fitness, and the relationships of military psychology with its neighboring disciplines in the biomedical sciences. Constraints and ethical considerations in the use of psychology in the military environment and in the pursuit of military objectives are considered. (Author); Prepared for: Naval Postgraduate School Monterey, California; http://archive.org/details/whatismilitaryps00arim

An expert system in school psychology for PMHP

Joslyn, Jacqueline K.
Fonte: Rochester Instituto de Tecnologia Publicador: Rochester Instituto de Tecnologia
Tipo: Tese de Doutorado
EN_US
Relevância na Pesquisa
56.2%
Primary Mental Health Project (PMHP) is a program for early detection and prevention of problems with school adjustment. PMHP identifies young children that have the potential for school problems early in their school careers, and uses trained paraprof essionals as child associates to work preventively with these children. To implement this program, several evaluation forms must be filled out for each student, to determine which children should, or should not, be referred to the program. Unfortunately, a limited number of PMHP professionals are available to evaluate students. Due to this limitation, it was the desire of the author to create an expert system that would take as input the PMHP evaluation forms and produce two forms of output: a profile on each student, giving ratings on various categories and making suggested referrals to the PMHP program when appropriate, and for students referred to PMHP, objectives or goals to be reached within some given timeframe.

(Des)Enlaces de la psicología escolar en la red pública de enseñanza; (Of) Unions of the school psychology in the public education; (Des) Liens de la psychologie scolaire dans le réseau publique d'enseignement; (Des) Enlaces da psicologia escolar na rede pública de ensino

Giongo, Carmem; Oliveira-Menegotto, Lisiane Machado de
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.35%
La Psicología Escolar se preocupa con todos los elementos que influencian el desarrollo del educando, considerando los aspectos cognitivos, motores, sociales, emocionales, escolares, entre otros. A partir de eso, el psicólogo escolar ha sido convocado a profundizar sus conocimientos en términos teóricos y prácticos, con el objetivo de atender a esta demanda de actuación sistémica e interdisciplinaria. De este modo, este estudio objetiva analizar las expectativas y opiniones de profesores sobre la inserción y el rol de la Psicología en la escuela, posibilitando entender cuáles son las demandas para el trabajo del psicólogo escolar y cómo se puede atender a estas demandas. Participaron de este estudio 44 maestros de cuatro escuelas municipales ubicadas en la región metropolitana de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. Los resultados revelaron equivocaciones en la concepción del rol del psicólogo escolar, sobre todo respecto a las posibilidades de intervenciones de la Psicología en el contexto escolar. Ellos también posibilitaron una discusión sobre las implicaciones de esas equivocaciones, especialmente en la inserción de la Psicología en la escuela.; A Psicologia Escolar preocupa-se com todos os elementos que influenciam o desenvolvimento do educando...

School psychologists' views on challenges in facilitating school development through intersectoral collaboration

Moolla,Nadeen; Lazarus,Sandy
Fonte: South African Journal of Education Publicador: South African Journal of Education
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2014 EN
Relevância na Pesquisa
56.17%
The role of school psychologists has been debated and contested nationally and internationally for many decades, with an emphasis on the need for a paradigm shift in professional roles. Psychologists may be employed in the private sector, in nongovernmental organisations, in higher education institutions, and by the state. Those employed by the state within the Department of Basic Education are referred to as school psychologists, and are tasked with providing psychological services to public schools. In the Western Cape, the context of this study, school psychologists are assigned to circuit teams, where they are expected to work collaboratively with other professionals to provide support to schools. This paper is focused on school psychologists' perceptions of the challenges that emerge when working with other sectors to facilitate school development. Eight focus group discussions were conducted with 47 school psychologists. The data collected resulted in the generation of five categories of challenges facing school psychologists when they collaborate with other sectors to facilitate school development. These were: diverse discourses and worldviews; roles and boundaries; personal and interpersonal factors; training needs; and organisational challenges. This research contributes towards the deepening of school psychology practice...