Página 1 dos resultados de 3013 itens digitais encontrados em 0.014 segundos

O papel do diretor escolar na implantação de uma cultura educacional inclusiva a partir de um enfoque sócio-histórico; The school principal´s role into the achievement of an inclusive educational culture : a study from a social and historical perspective

Silva, Claudia Lopes da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
56.24%
Este trabalho investiga o papel do diretor escolar na formação de uma cultura escolar inclusiva tendo como base teórica a psicologia sócio-histórica de Vigotski. Investigaram-se os conceitos de cultura escolar, educação inclusiva e ambiente inclusivo, de forma a estabelecer a importância do contexto da escola na inclusão escolar de alunos com deficiência, bem como o conceito de gestão escolar, com foco na atuação do diretor. Como hipótese de pesquisa, considerou-se que a opinião pessoal, aspirações, atitudes, concepção de educação, compromisso ético-profissional, enfim, os aspectos idiossincráticos do diretor influenciam de maneira decisiva a forma como se constitui a cultura escolar e facilitam ou dificultam a implantação da inclusão escolar de alunos com necessidades educacionais especiais. Propõe-se que isso se deva em grande parte à liderança e autoridades conectadas ao papel central que o diretor exerce na instituição escolar, bem como se relaciona com as dificuldades que a democratização dos processos de gestão escolar encontra para uma atuação efetiva. O papel do diretor enquanto um articulador do projeto pedagógico sobre o qual deve estar apoiado o projeto da escola tornar-se inclusiva seria então fundamental. A pesquisa busca estabelecer uma relação entre a democratização da escola e a implantação de uma cultura escolar inclusiva...

Fundamentos filosóficos e políticos da inclusão escolar: um estudo sobre a subjetividade docente; Philosophical and Political Fundamentals of school inclusion: a study on teaching staff subjectivity

Barros, Carlos César
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.3%
Este trabalho busca investigar as bases psicológicas da inclusão escolar. Baseia-se em estudo teórico e numa descrição empírica da subjetividade de professores de alunos com necessidades educacionais especiais. A partir do estudo de documentos e da literatura especializada, depara-se com a fundamentação axiológica da educação inclusiva. Passa, então, a refletir sobre as contradições de sustentar o discurso educacional em valores humanitários universais enquanto a contemporaneidade se desumaniza e considera tais valores ultrapassados ou ilusórios. Tomando como referencial a teoria crítica da sociedade, a Escola de Frankfurt, a pesquisa busca encontrar nas contradições fatores que estimulam e transformam: os próprios valores, que não são ilusórios já que derivados das condições materiais da existência, mas são passíveis de serem ultrapassados no tempo se negados e esquecidos. Ainda que decadentes devido à massificação na sociedade administrada eliminadora de diferenças, as forças sociais libertadoras e transformadoras fazem um retiro na esfera individual. Se o reconhecimento dos valores se dá nas esferas social, jurídica e afetiva, frente à crise das duas primeiras esferas, cabe perguntar como ele subsiste na terceira...

O processo de interação social na inclusão escolar de crianças com Síndrome de Down em educação infantil; The interaction process in school inclusion of children with Down syndrome at child education

Anhão, Patricia Pafaro Gomes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.22%
ANHÃO, P. P. G. - O processo de interação social na inclusão escolar de crianças com Síndrome de Down em educação infantil. 2009. 88p. Dissertação de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Saude na Comunidade, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009. A atualidade do tema inclusão escolar na rede pública de ensino traz à tona uma série de discussões pertinentes e constituintes deste novo paradigma social, principalmente para as crianças com Síndrome de Down, as quais têm seu processo de desenvolvimento cada vez mais estudado. Pesquisas têm demonstrado as consequências do processo de inclusão junto a esta população. O objetivo geral desta Dissertação é verificar e analisar qualiquantitativamente como se dá o processo de interação social de crianças com Síndrome de Down e crianças com desenvolvimento típico, na rede regular de educação infantil do município de Ribeirão Preto. Os participantes foram crianças com Síndrome de Down, na faixa etária de três a seis anos, que já frequentaram o setor de estimulação precoce da Apae de Ribeirão Preto, e crianças com desenvolvimento típico que frequentavam as mesmas salas dos pares com Síndrome de Down...

Inclusão escolar e formação continuada: o programa Educação Inclusiva: direito à diversidade; School inclusion and continuing teacher education: the Inclusive Education programme: the right to diversity.

Leodoro, Juliana Pires
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.08%
O presente trabalho tem como objetivo analisar o programa Educação Inclusiva: direito à diversidade, realizado em âmbito nacional pela Secretaria de Educação Especial do Ministério da Educação a partir de 2003. Para essa análise foram selecionados materiais de formação, pertencentes ao programa, publicados em 2004 e 2007. Foi aplicada a técnica da análise de discurso crítica, de forma a associar o conteúdo desses materiais com o contexto político de sua elaboração. Nossa investigação envolve fundamentação teórica sobre a reforma neoliberal do Estado brasileiro na década de 1990, inclusão escolar, formação continuada de professores e política educacional. Os resultados da análise permitiram identificar evolução na política de formação continuada e afastamento em relação à perspectiva neoliberal. Concluiu-se que o programa, ao proporcionar subsídios teóricos e materiais para a formação docente para a educação inclusiva e para a organização de serviços de atendimento especializado nos estados e municípios brasileiros, contribuiu para o crescimento das matrículas de alunos com necessidades educacionais especiais em classes e escolas comuns do ensino regular.; The present work aims to analyze the Including Education program: the right to the diversity...

As instituições especializadas e o movimento da inclusão escolar: intenções e práticas; The specialized institutions and the school inclusion movement: intentions and practices.

Neres, Celi Corrêa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.36%
Esta Tese elegeu como tema de investigação as intenções e práticas das instituições especializadas frente ao movimento de inclusão escolar. Assim, a presente pesquisa dedicouse a examinar as práticas educacionais que visam proporcionar a inclusão escolar dos alunos com deficiência na escola comum, por meio da análise do Programa de Apoio à Inclusão, desenvolvido por uma instituição especializada, identificando: a) o lugar que ocupam no interior do movimento de inclusão; b) a efetivação das práticas desenvolvidas pelo Programa para a inclusão escolar dos alunos com deficiência. O termo inclusão escolar foi adotado para referir-se a um grande movimento que surge no bojo das reformas educacionais da década de 1990 como uma proposição política de incorporação dos alunos que, historicamente, têm sido excluídos da escola. A inclusão dos alunos ditos excluídos passa a ser considerada como via de inclusão social, reafirmando o ideário da escola como instrumento de equalização social. Na educação especial, a inclusão em escolas comuns de alunos com deficiência é defendida como via de superação das condições de segregação e de exclusão social às quais foram historicamente submetidos. Para apreensão do objeto de estudo...

Redes de apoio e a política de inclusão escolar no município de São Paulo; Support networks and the school inclusion policy in São Paulo municipality

Bendinelli, Rosanna Claudia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.09%
Nos últimos anos temos lido e ouvido com certa frequência que redes de apoio são importantes aos usuários de drogas, às mulheres grávidas de baixa renda, aos profissionais que trabalham com pacientes idosos, ao público-alvo da educação especial. Contudo, no âmbito da educação, pouco se sabe sobre o que são e como se efetivam redes de apoio, uma vez que essa discussão é ainda escassa em nosso país, principalmente na área da educação especial. Após revisão de literatura formalizamos, para fins deste trabalho, um sentido de redes de apoio compreendendo-o como a articulação de diversas instâncias públicas e privadas, que possuem interface com a educação especial, por meio da institucionalização de trabalho intersecretarial para planejamento, implantação e avaliação de políticas públicas em prol da inclusão escolar de alunos com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação. Uma vez compreendido esse conceito, procedemos aos objetivos deste estudo que foram investigar as formas com que o município de São Paulo, por meio de suas diferentes secretarias, organiza atendimentos a esse públicoalvo e averiguar se tais ações se constituíram como redes de apoio, segundo o sentido dado em nossa análise. Para tanto...

Indicadores de sucesso na inclusão escolar: um estudo exploratório; Indicators of success in school inclusion: an exploratory study

Arantes, Fernanda Ferrari
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.28%
Esta dissertação é um estudo exploratório que parte de uma proposta de tomar elementos discursivos de entrevistas realizadas com educadoras que trabalham em escolas de educação infantil da cidade de São Paulo, para constituí-los como indicadores de sucesso da educação inclusiva. Parte-se de uma revisão de literatura a respeito das incidências da inclusão escolar e constata-se que, embora noções de sucesso não tenham sido mencionadas nos trabalhos analisados, há uma preocupação latente quanto ao sucesso e ao fracasso dos processos de inclusão escolar. Tomando este cenário como ponto de partida, buscamos abordar a maneira pela qual a educação inclusiva é entendida na atualidade, tecendo problematizações entre algumas das diferentes perspectivas que embasam esse tema, dentre as quais a psicanalítica mostrou-se uma significativa ferramenta para discutir a natureza das diferentes ocorrências da inclusão escolar, entre elas, os indicadores de sucesso. Procuramos situar indicador quanto ao seu conceito e realizamos uma breve apresentação da origem da utilização de indicadores nas pesquisas psicanalíticas. Esse material nos permitiu realizar uma analogia na elaboração dos indicadores de sucesso da inclusão escolar...

Competência social, inclusão escolar e autismo : revisão crítica da literatura; Social Competence, school inclusion and autism: critical literature review

Camargo, Síglia Pimentel Höher; Bosa, Cleonice Alves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.18%
O autismo se caracteriza pela presença de um desenvolvimento acentuadamente atípico na interação social e comunicação, assim como pelo repertório marcadamente restrito de atividades e interesses. Estas características podem levar a um isolamento contínuo da criança e sua família. Entretanto, acredita-se que a inclusão escolar pode proporcionar a essas crianças oportunidades de convivência com outras da mesma faixa etária, constituindo-se num espaço de aprendizagem e de desenvolvimento da competência social. O objetivo deste estudo foi revisar criticamente a literatura a respeito do conceito de competência social e dos estudos atualmente existentes na área de autismo e inclusão escolar. Identificaram-se poucos estudos sobre este tema, os quais apresentam limitações metodológicas. Este panorama aponta para a necessidade de investigações que demonstrem as potencialidades interativas de crianças com autismo e a possibilidade de sua inclusão no ensino comum, desde a educação infantil.; Autism is a condition characterized by an atypical development in the social interaction and communication, and by a remarkably restricted repertoire of activities and interests. These characteristics can lead the child and her family to a continuous isolation. However...

Investigações matematicas na recuperação de ciclo II e o desafio da inclusao escolar; Mathematics investigation in the recovery of cycle and the challenge of the school inclusion

Eliane Matesco Cristovão
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.17%
O objetivo deste estudo foi analisar e compreender as possibilidades e contribuições de práticas exploratório-investigativas, mediadas pela participação colaborativa de um grupo de professoras, para o processo de ensino e aprendizagem da matemática de alunos de classes de Recuperação de Ciclo II, destacando, sobretudo, evidências de inclusão escolar dos mesmos. O trabalho de campo desta pesquisa qualitativa, caracterizada como pesquisa-ação de primeira ordem, foi realizado com duas classes desse projeto da Rede Pública Oficial de Ensino do Estado de São Paulo, cujas professoras de matemática participavam de um grupo colaborativo de estudos, coordenado pela pesquisadora. O material de análise foi constituído principalmente por gravações em áudio e vídeo, portfólios, questionários, narrativas das professoras parceiras e diário de campo da pesquisadora. A análise qualitativa e interpretativa de parte da pesquisa de campo foi considerada como uma pesquisa-ação de segunda ordem e tomou como eixos: a produção matemática dos alunos; a mobilização e (re)significação de seus saberes adquiridos; suas mudanças de atitudes e de posturas; o protagonismo e a participação ativa dos alunos; e as resistências e negatricidades por eles apresentadas. Os resultados evidenciaram que as atividades e a abordagem desenvolvidas podem favorecer a participação e a inclusão escolar desses alunos...

Formação do professor e docência em Química em rede social: estudos sobre inclusão escolar e o pensar comunicativo; Teacher training and teaching in Chemistry in social network: studies on school inclusion and thinking communicative

BENITE, Claudio Roberto Machado
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Doutorado em Quimica; Ciencias Exatas e da Terra Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Doutorado em Quimica; Ciencias Exatas e da Terra
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.16%
This study investigated the use of collaborative social network as a training environment for critical reflection. The research intends to contribute to the understanding of the use of research networks as spaces to provide critical reflection, the understanding of the use of research networks as spaces to develop interventions in educational action and the study of training teachers of science/chemistry focusing school inclusion. The theoretical foundation of the study is centered on the Theory of Communicative Action by Habermas, suitable for analyzing the movement of action and on Vigotski the reference needed to reflect the production of speech. Participated in this study the components of the Rede Goiana Interdisciplinar de Pesquisa em Educação Especial/Inclusiva RPEI , five trainer teachers, eight graduate students, thirteen undergraduate students and twelve teachers of basic education, besides students of the licentiate course in chemistry from four higher education institutions, all from Goiás State. Reflecting about the relationship between research and teaching activities, this research was configured as an action-research, divided into three spiral cycles: the first featured by discussions on face-to-face environment in RPEI...

O processo de inclusão escolar do aluno com deficiência mental: a atuação do terapeuta ocupacional ; The process of school inclusion of the mental handicapped student: the occupational therapist performance

Jurdi, Andréa Perosa Saigh
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/03/2004 PT
Relevância na Pesquisa
66.24%
Este estudo de cunho empírico e qualitativo, parte do princípio que, apesar da legislação existente em relação à inclusão escolar de alunos com deficiência mental, ainda ocorre a exclusão dos mesmos nas relações cotidianas que se estabelecem na escola. O objetivo destge trabalho é compreender como a atividade proposta pela terapia ocupacional pode interferir e modificar as relações estabelecidas em relação aos alunos com deficiência mental no ambiente escolar. Através do relato de uma experiência de intervenção realizada por estagiários de terapia ocupacional no horário do recreio de uma escola estadual de ensino fundamental da cidade de São Paulo, procuro verificar como a atividade proposta, a atividade lúdica, provoca possibilidades de encontro entre os alunos da classe especial e os outros alunos, propondo mudanças no processo de inserção escolar dos alunos com deficiência mental. Usando a teoria winnicottiana, proponho um determinado olhar para o ambiente escolar e a atividade como fazer criativo do individuo.A análise qualitativa da intervenção realizada vem apontar as dificuldades que o ambiente escolar apresenta ao estabelecer relações cotidianas de qualidade com o aluno com deficiência mental. Permeada por preconceitos e desconhecimento...

Competência social, inclusão escolar e autismo : um estudo de caso comparativo; Social competence, school inclusion and autism : a comparative case study

Camargo, Síglia Pimentel Höher
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.22%
A literatura atualmente existente sobre o autismo é farta de evidências sobre os prejuízos inerentes às características da síndrome. Em decorrência disso, surgem diversos questionamentos relativos à possibilidade de inclusão dessas crianças no ensino comum. Entretanto, acredita-se que proporcionar a estas crianças oportunidades de conviver com outras da mesma faixa etária, possibilita o desenvolvimento da competência social. Diante disso, o presente trabalho apresenta dois estudos. No primeiro é apresentada uma revisão crítica da literatura a respeito do conceito de competência social e dos estudos atualmente existentes na área de autismo e inclusão escolar. Identificou-se poucos estudos sobre este tema, indicando a necessidade de novas investigações que demonstrem as potencialidades interativas de crianças com autismo e a possibilidade de sua inclusão no ensino comum, desde a educação infantil. Com este propósito, o segundo estudo trata-se de uma pesquisa exploratória que investigou o perfil de competência social de uma criança pré-escolar com autismo comparado ao de uma criança com desenvolvimento típico, da mesma idade e sexo. Além disso, foi investigada a influência do contexto escolar (pátio e sala de aula) no perfil de competência social de ambas as crianças. Para tanto...

Qual é o lugar do aluno com deficiência? O imaginário coletivo de professores sobre a inclusão escolar; ¿Cual es el lugar del estudiante con deficiencia? El imaginario colectivo de los profesores sobre inclusión escolar; Which is the place of the student with deficiency? The collective imaginary of teachers regarding school inclusion

Ávila, Camila Ferreira de; Tachibana, Miriam; Vaisberg, Tânia Maria José Aiello
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
66.27%
Este trabalho objetivou a investigação psicanalítica do imaginário coletivo de professores de ensino superior sobre inclusão escolar. Foi realizada uma entrevista grupal para abordagem da pessoalidade coletiva, com 12 docentes dos cursos de Letras e de Pedagogia. Para tal, utilizou-se o Procedimento Desenhos-Estórias com Tema como recurso mediador-dialógico, cabendo a cada professor produzir, individualmente, desenhos e histórias sobre o tema "aluno de inclusão". A partir deste material, analisado à luz do método psicanalítico, foram captados quatro campos psicológicos não conscientes: "o menino de sua mãe", "(in)capacidades", "onde está Wally?" e "a dor e a delícia". Em seu conjunto, tais campos revelaram a angústia despertada pelo processo de inclusão escolar nos professores que, em seu imaginário, concebem que o aluno com deficiência deve ser cuidado por sua mãe. Desse modo, compreende-se que o processo de inclusão demanda, além de informações técnicas, um espaço de cuidado emocional a estes profissionais.; Este trabajo intentó la investigación psicoanalítica del imaginario colectivo de profesores de universidad sobre la inclusión escolar. Realizamos una entrevista grupal para abordaje de la personalidad colectiva...

Inclusão escolar e educação especial: considerações sobre a política educacional brasileira; School inclusion and special education: considerations on brazilian educational policy

Mazzotta, Marcos José da Silveira; Sousa, Sandra M. Zákia L.
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2000 POR
Relevância na Pesquisa
55.99%
Tendo como eixo o direito à educação para todos, explora-se particularmente neste texto como tal direito vem se concretizando para parcela de alunos deficientes físicos, sensoriais ou mentais que, para seu desenvolvimento, muitas vezes demandam condições não usualmente disponíveis nos sistemas de ensino. Procura-se evidenciar o potencial de exclusão que decorre dos princípios que vêm norteando, na atualidade, as políticas educacionais, no contexto de reforma do Estado, evidenciando sua contradição com o discurso da inclusão escolar.; The authors explore how the riaght to "Education for all" is becoming a reality for part of physical, sensorial, and mental handicapped students. These students demand unusual conditions which are not available in the learning systems. The authors try to show the potential oi exclusion that comes from principles which direct the educational policies. These principles contradict the school inclusion discourse.

O lugar do analista na extensão da psicanáliseà inclusão escolar; El lugar del analista en la extensión del psicoanálisis a la inclusion escolar; The position of the analyst in the extent from psychoanalysis to school inclusion

Ribeiro, Jeanne Marie de Leers Costa; Bastos, Angélica
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2007 POR
Relevância na Pesquisa
66.15%
O trabalho aborda a extensão da psicanálise sob a forma de interlocução entre as equipes das instituições de saúde mental e de ensino em torno da inclusão escolar. Trata-se de pesquisa realizada com crianças em tratamento no SAIIJ do Instituto Philippe Pinel com o objetivo de acompanhar casos de crianças autistas e psicóticas incluídas na rede regular de ensino público do Rio de Janeiro. A psicanalista se fez presente na condução de reuniões com profissionais do serviço clínico e equipe pedagógica das escolas. São apresentados dois casos acompanhados e discutidos os efeitos de segregação e criação de laços sociais; El trabajo trata de la extensión del psicoanálisis sobre la forma de interlocución entre los equipos de instituciones de salud mental y de enseñanza respeto a la inclusión en la escuela. Es una investigación hecha con niños en tratamiento en el SAIJJ del Instituto Philippe Pinel con el objetivo de seguir (acompañar) los casos de niños autistas y psicóticos incluyídos en la red regular de enseñanza pública de Rio de Janeiro. La psicoanalista estuvo presente en la dirección de juntas con profesionales del servicio clínico y el equipo pedagógico de las escuelas. Son presentados dos casos seguidos (acompañados) y se discutieron los efectos de segregación y creación de lazos sociales.; This paper approaches the psychoanalysis extent under the interlocution form between the mental health and teaching institution groups concerning school inclusion. The research was performed with children under treatment at SAIIJ in Philippe Pinel Institute with the purpose of observing autistic and psychotic children included in the regular network of public schools in Rio de Janeiro. The psychoanalyst attended and conducted the meetings with the practical medical service professionals together with the pedagogy group of the schools. Two closely followed cases are presented and there is a discussion about the segregation effects and creation of social bonds

Psicanálise e inclusão escolar: direito ou sintoma?; Psychoanalysis and school inclusion: rigths or symptom?

Voltolini, Rinaldo
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2004 POR
Relevância na Pesquisa
55.99%
A psicanálise na questão da inclusão escolar põe em primeiro plano as condições subjetivas, enquanto o discurso jurídico tenta delimitar as condições objetivas para incluir. Como articular estas duas dimensões?; Psychoanalysis in the question of school inclusion puts subjective conditions first, while the juridical discourse tries to delimit the objective conditions to include. How can these two dimensions be articulated?

Facilitators and barriers in the process of school inclusion of children with special educational needs: the perception of the educators; Facilitadores e barreiras no processo de inclusão escolar de crianças com necessidades educativas especiais: a percepção das educadoras

Oliveira, Paola de Mattos Ribeiro de; Dutra, Letícia Rocha; Melo, Poliana Pires Torres; Rezende, Márcia Bastos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 04/09/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.29%
The educational inclusion gained strength after the Salamanca Statement (1994). In this context, every child, regardless of their condition, became entitled to attend regular schools. Considering that it is the occupational therapist’s responsibility to contribute to the process of inclusion, the objective of this study was to know the teachers’ perception of the facilitators and barriers that are related to the process of school inclusion of children with special educational needs. The qualitative study was conducted between February and December 2011, in a childhood education public school of Belo Horizonte, with 10 educators who taught disabled children. The sample was selected by convenience, the participants responded to an open interview, and the data was subjected to content analysis. Three analytical categories were defined: “The inclusion in different views”, “It’s not because of me that the school inclusion does not happen”, and “I do my part”. The speech of the educators expose a diversity of concepts about school inclusion, about facts that act as hinderers, and about the strategies they use to contribute to this process. It was concluded that for there to be a transformation of the school and social reality...

The childhood meanings: a study on the subjective processes at school; Os sentidos da infância: um estudo sobre processos subjetivos na instituição escolar

Pan, Miriam Aparecida Graciano de Souza; Faraco, Carlos Alberto
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; avaliado por pares; Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2006 POR
Relevância na Pesquisa
56.14%
Este estudo teórico investiga os sentidos atribuídos ao desenvolvimento da criança ao longo do processo de escolarização na modernidade, relacionando-os às formas de inclusão/exclusão geradas ao longo do letramento. Analisa, por meio da teoria crítica da cultura e da análise do discurso, os fundamentos do processo de teorização da infância em sua relação com o iluminismo, e seus efeitos de sentido sobre a trajetória escolar da criança. Relaciona estes sentidos à prática institucional homogeneizadora, acenando a possibilidade de pensarmos que a teorização da infância em seus modelos mais avançados constitui dispositivos de normalização que fortalecem a barra entre o normal e o patológico na escola. Identifica nas práticas discursivas pedagógicas as formas possíveis de melhor preparar a criança para o amanhã, representando um verdadeiro mito da evolução, no qual consolida-se uma forte crença em uma subjetividade nuclear, centrada e presente a si mesma, que se desenvolve independente das práticas pedagógicas. Conclui afirmando que os efeitos dos discursos pedagógicos são constitutivos dos modos de subjetivação infantil...

Conception of teachers on school inclusion of students with neuromotor disorders; Concepciones de profesores sobre la inclusión escolar de alumnos con disfunciones neuromotoras; Concepções de professores sobre a inclusão escolar de alunos com distúrbios neuromotores

Santos, Paulo; Barbato, Silviane
Fonte: Linhas Críticas; Critical Lines Publicador: Linhas Críticas; Critical Lines
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.21%
The identification and analysis of the conceptions of teachers on school inclusion of students with neu- romotor disorders was attempted in this article. Twelve teachers from regular schools participated in the semi-structured interviews conducted individually by a hospital professor on the learning process of stu- dents with neuromotor disorders. The data were taped, transcribed and then submitted to a thematic dia- logical analysis, thus allowing for a comprehension of the enunciates. The conceptions of the teachers focused on the themes: a) diagnostic; b) treatment; c) development and learning. Significances denoting the colli- sion between old and new models of development and learning of students with special needs were enun- ciated. The results indicated that, according to the participants, the relation of cooperation established between regular and hospital teachers collaborated to the comprehension of school inclusion of their students as well as the clarification of doubts and questions about diagnostics, treatment and mediations. ; Se buscó en este trabajo identificar y analizar las concepciones de profesores sobre la inclusión de alumnos con disfunciones neuromotoras. Doce profesores de escuelas públicas participaron de entrevistas semiestructuradas inidivduales conducidas por un profesor hospitalar acerca del proceso enseñanza-aprendizaje de alumnos con disfunciones neuromotoras. Los datos...

Narrativas de profissionais que lidam com crianças surdas na inclusão escolar; Narratives of professionals who work with deaf children in school inclusion

Kelman, Celeste Azulay; Universidade Federal do Rio de Janeiro
Fonte: Linhas Críticas; Critical Lines Publicador: Linhas Críticas; Critical Lines
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 02/09/2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.16%
A Política Nacional na Perspectiva da Educação Inclusiva (MEC, 2008) propõe a inclusão escolar para alunos com deficiências, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação. No entanto, a inclusão escolar de surdos com bons resultados na aprendizagem tem sido um grande desafio. Este artigo é um recorte de uma pesquisa em que se utilizou a estratégia da pedagogia visual no ensino para alunos surdos. Foram entrevistados as professoras, uma intérprete e um profissional da limpeza urbana que atuava na escola e se comunicava em língua de sinais com os alunos. As narrativas aqui analisadas revelaram ambiguidades e tensões vividas pelos profissionais que lidam com a inclusão em seu cotidiano.; The National Policy for inclusive education (MEC, 2008) proposes school inclusion for students with disabilities, global development disorders and high skills/giftedness. However, the inclusion of the deaf in school, with good results in learning, has been a great challenge. This article is a clipping from a survey where the strategy of visual pedagogy in education for deaf students was used. The teachers, an interpreter and a professional in urban cleaning, who worked at school and communicated in sign language with the students...