Página 1 dos resultados de 13982 itens digitais encontrados em 0.054 segundos

"Perfil dos idosos em uma área de abrangência da estratégia de saúde da família" ; Perfil de ancianos en un área de alcance de la Estrategia de Salud de la Familia.

Farinasso, Adriano Luiz da Costa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/02/2005 PT
Relevância na Pesquisa
116.03%
O envelhecimento saudável, com vistas à manutenção da capacidade funcional, deve ser o foco das políticas sociais e de saúde para os idosos. Neste contexto, a instrumentalização das equipes de saúde da família para atender esta emergente parcela populacional deve ser vista como primordial para a consolidação do sistema formal de apoio ao idoso. Assim, este estudo objetivou caracterizar um grupo de idosos velhos (75 anos e mais de idade), residentes na área de abrangência da Estratégia de Saúde da Família (ESF) do município de Jandaia do Sul-PR, quanto ao perfil sócio-demográfico e de saúde. A amostra estudada foi obtida pelo sorteio aleatório de 20% da população de idosos com 75 anos e mais de idade, residentes na zona urbana de abrangência da ESF. A coleta foi realizada no domicílio dos idosos utilizando uma adaptação do Older Americans Resources and Services (OARS). Foram estudados 86 idosos com média de idade de 82,02 anos; 51,2% eram do sexo feminino; a média de filhos foi de 5,71; 39,5% eram analfabetos e 39,4% trabalhavam em atividades relacionadas à agricultura. Em relação à saúde, 77,9% eram independentes; 83,7% auto-avaliaram a saúde entre “regular” e “boa”; 76,7% apresentavam co-morbidades e...

Saúde da família: sentidos produzidos em grupo com agentes comunitárias de saúde acerca do HIV/Aids; Family Health: meanings produced in group therapy with communitarian health agents in relation to HIV/AIDS

Silva, Nara Helena Lopes Pereira da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2006 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
As transformações da epidemia do HIV/Aids, principalmente em relação aos avanços na qualidade de vida de pessoas soropositivas, têm gerado novas ações frente à doença. A Estratégia de Saúde da Família (ESF) se configura como uma política pública de atenção primária, que tem como proposta central a reorientação do sistema de saúde, com ênfase na produção do cuidado integral. O Agente Comunitário de Saúde (ACS) emerge, neste contexto, como um ator importante na interface entre a comunidade e o serviço de saúde. O presente estudo tem como objetivo descrever os sentidos produzidos em grupo com agentes comunitárias de saúde acerca do HIV/Aids. Para tal, foram realizadas três entrevistas grupais de sessão única, com três equipes de agentes comunitários de saúde de três Núcleos de Saúde da Família da cidade de Ribeirão Preto, SP, Brasil. Os grupos foram áudio-gravados e transcritos na íntegra. Foi efetuada a escolha de uma sessão de entrevista em grupo para a análise em profundidade. Esta sessão foi analisada à luz do construcionismo social, que considera que as realidades e sentidos são construídos através da relação entre as pessoas, sendo a linguagem entendida em seu caráter performático...

Avaliação da saúde, condições socioeconômicas e utilização da Estratégia Saúde da Família; Evaluation of health, socioeconomic context and participation in Family Health Strategy.

Silva, Carolina Brunelli Alvares da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2008 PT
Relevância na Pesquisa
126.02%
Atualmente a atenção básica no sistema de saúde pública brasileiro, tem sido reorganizada pela Estratégia Saúde da Família (ESF). Este estudo tem como objetivo principal conhecer as características das famílias que se cadastram na ESF em relação àquelas que numa mesma área não se cadastram, para que, desta forma, possamos avaliar se as famílias cadastradas são realmente as mais necessitadas economicamente e em termos de atenção à saúde. Foi realizado um inquérito populacional na área de abrangência de um dos núcleos de saúde da família (NSF) no bairro Sumarezinho da cidade de Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil. Participaram do sorteio da amostra a ser estudada todos os domicílios situados em sua a área de abrangência, independente de serem cadastrados ou não na ESF. A amostra foi estratificada pelas cinco microáreas pertencentes à área da unidade. Em cada microárea 15% das famílias cadastradas (C) na ESF e 60% das não cadastradas (NC) foram sorteadas. A coleta de informações foi realizada por meio de um questionário (completo) previamente elaborado, estruturado e pré-testado, aplicado a um membro da família. Foram coletadas informações de 209 famílias, relacionadas: à saúde geral e bucal...

Trajetória profissional na estratégia saúde da família: em foco a contribuição dos cursos de especialização; Professional trajectories in the family health strategy: focusing the contribution of the specialization courses

Silva, Tatiane Aparecida Moreira da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
116%
A formação de profissionais para atuar na Estratégia Saúde da Família (ESF) é um problema importante para a qualificação da Atenção Básica (AB) no Brasil. O objetivo desta pesquisa foi analisar a trajetória profissional dos egressos dos Cursos de Especialização em Saúde da Família, oferecidos pelo Pólo de Formação, Capacitação e Educação Permanente em Saúde da Família da Região Metropolitana de São Paulo. Trata-se de um estudo de caso, de natureza descritiva e exploratória, com abordagem qualitativa. Foram sujeitos deste estudo 11 egressos dos cursos de especialização ocorridos no período de 2002 a 2004. Os resultados mostraram que os casos estudados representam principalmente a trajetória de mulheres, com mais de 40 anos de idade, nascidas no Estado de São Paulo e graduadas em medicina e enfermagem em escolas privadas há mais de 20 anos. A análise das trajetórias mostrou que seis profissionais não trabalham mais na mesma unidade de saúde na qual trabalhavam no início do curso e que todos possuem experiência em AB. Com relação à capacitação prévia, todos haviam feito o curso introdutório; entretanto, três não fizeram capacitação clínica para os ciclos de vida. A maioria dos sujeitos desta pesquisa relatou baixa identidade com a ESF...

Abordagem do idoso em programas de saúde da família

Silvestre,Jorge Alexandre; Costa Neto,Milton Menezes da
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2003 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
Discorre-se sobre a Política Nacional de Saúde do Idoso cujo propósito basilar reside na promoção do envelhecimento saudável, na manutenção e melhoria, ao máximo, da capacidade funcional dos idosos, na prevenção de doenças, na recuperação da saúde dos que adoecem e na reabilitação daqueles que venham a ter a sua capacidade funcional restringida, de modo a garantir-lhes permanência no meio em que vivem, exercendo de forma independente suas funções na sociedade. O cuidado do idoso deve basear-se, fundamentalmente, na família com o apoio das Unidades Básicas de Saúde sob a Estratégia de Saúde da Família, as quais devem representar para o idoso, o vínculo com o sistema de saúde. Após, são listados alguns dos problemas de saúde do idoso em que os programas de saúde da família podem causar um impacto importante. Se analisa a Estratégia de Saúde da Família no Brasil em relação à atenção ao idoso, além das competências, habilidades e atribuições necessárias da equipe.

Avaliação da descentralização da vigilância epidemiológica para a Equipe de Saúde da Família

Santos,Silvone Santa Bárbara da Silva; Melo,Cristina Maria Meira de
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
115.98%
Este estudo avalia a implantação da descentralização das ações de vigilância epidemiológica para a equipe do Programa de Saúde da Família em um município da Bahia. Trata-se de uma pesquisa avaliativa através de um estudo de caso, com uso de técnicas adaptadas de análise temática e avaliativa, e adoção do modelo político da análise de implantação. Os dados primários foram obtidos através de entrevista semi-estruturada com os gestores da Secretaria Municipal da Saúde e trabalhadores do Programa de Saúde da Família e os dados secundários, através da análise de documentos. A pesquisa demonstrou que a vigilância epidemiológica é compreendida como uma prática voltada para o poder de polícia médica; como uma vigilância voltada para o controle das doenças transmissíveis e como vigilância de riscos e danos. Quanto à capacidade de intervenção, confirma-se um desempenho positivo da equipe no Programa de Saúde da Família, ainda que relacionada à detecção da doença e adoção de medidas de controle. Conclui-se que é possível descentralizar a vigilância epidemiológica para a equipe do Programa de Saúde da Família, muito embora esta ainda não tenha ocorrido efetivamente, se caracterizando muito mais como uma desconcentração de atividades...

Compreensão das mudanças comportamentais do usuário no Programa Saúde da Família por meio da participação habilitadora

Machado,Maria de Fátima Antero Sousa; Vieira,Neiva Francenely Cunha; Silva,Raimunda Magalhães da
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.98%
Este estudo objetivou compreender como ocorrem os processos decisórios da participação dos usuários no Programa Saúde da Família (PSF), relacionados à saúde-doença, identificando neste movimento o nível de mudança do usuário a partir do modelo de estágio de mudança, de Prochaska e DiClemente. Estudo qualitativo, desenvolvido com usuários do PSF e profissionais das Equipes Saúde da Família, do município do Crato, Ceará, Brasil. Os dados foram coletados por meio da entrevista semiestruturada, grupo focal e observação, no período de maio a setembro de 2005, organizados mediante análise de conteúdo e analisados à luz do referencial teórico. As mudanças do usuário no PSF estão assim configuradas: na fase de pré-contemplação, a ênfase é na doença, no cuidado de si. Na de contemplação, o cuidado é na família, centrado na cura e tratamento da doença. Na fase de determinação, há avanço no sentido da prevenção na família, com registros de olhar no entorno. Na de ação, já se registra um comportamento do usuário para alcançar sua autonomia e emancipação. Estes resultados parecem indicar ascendência na aprendizagem de participação do usuário no PSF em direção à promoção da saúde.

Perfil do cirurgião-dentista inserido na Estratégia de Saúde da Família em municípios do estado de Pernambuco, Brasil

Martelli,Petrônio José de Lima; Macedo,Cícera Lissandra Sá Vieira; Medeiros,Kátia Rejane de; Silva,Shirley Florêncio da; Cabral,Amanda Priscila de Santana; Pimentel,Fernando Castim; Monteiro,Ive da Silva
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
Este artigo aborda a incorporação da saúde bucal à Estratégia de Saúde da Família, o que propiciou a inclusão de novos atores no âmbito da atenção básica: os profissionais de odontologia. Tendo em vista que a odontologia vem norteando o seu trabalho numa prática historicamente curativa com ênfase em atividades restauradoras, questiona-se a implantação desse novo modelo de atenção à saúde em relação aos responsáveis pela execução dessa política - os recursos humanos. O objetivo deste artigo consiste, pois, em caracterizar o perfil dos cirurgiões-dentistas (CD) inseridos na Estratégia de Saúde da Família em municípios do estado de Pernambuco, relacionando-os com as especificidades do programa. Para tal, foi utilizado o banco de dados da pesquisa Modelo de Atenção em Saúde Bucal e Formação do Cirurgião-Dentista Inserido na Estratégia de Saúde da Família no Estado de Pernambuco. Os resultados mostraram que 70,4% dos CD são do sexo feminino, com predominância da faixa etária de 31 a 49 anos de idade, sendo que 65,2% desses são admitidos sob a forma de contrato. Em relação à formação, 67,8% possuem formação com foco na Estratégia de Saúde da Família; 92,3% destes a consideraram pertinente; e 89...

Análise de redes do cotidiano a partir do encontro entre usuários e profissionais da estratégia saúde da família

Melo, Ricardo Henrique Vieira de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família no Nordeste; Saúde da Família Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família no Nordeste; Saúde da Família
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
136.01%
O presente estudo discute a formação de Redes Sociais no cotidiano da Estratégia Saúde da Família, a partir de aportes da teoria sociológica sobre redes, interações, dádiva e reconhecimento. O objetivo geral é analisar as redes sociais locais em saúde a partir da interação de usuários e profissionais da Estratégia Saúde da Família na Unidade de Saúde de Ligéia, em Natal, RN. Seus objetivos específicos são: Mapear as redes sociais locais em saúde existentes no território adscrito; Identificar os tipos de interações cotidianas entre os sujeitos; Compreender a percepção dos sujeitos sobre o processo de formação de redes sociais a partir das interações. Caracteriza-se enquanto pesquisa qualitativa exploratória cujos sujeitos foram profissionais e usuários vinculados à referida unidade de saúde. Para a coleta de dados foram utilizadas entrevistas individuais semiestruturadas e debates em grupos focais, estimulados pela Metodologia de Análise de Redes do Cotidiano (MARES), pertinente para abordar a complexidade das relações sociais e mapear os diferentes conteúdos expressos e as formas de mobilização coletiva. A análise dos dados foi realizada através da Técnica de Análise Temática de Conteúdo...

Limites e possibilidades da educação em saúde na estratégia de saúde da família de Pau dos Ferros/RN

Pereira, Andrezza Karine Araújo de Medeiros
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família no Nordeste; Saúde da Família Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família no Nordeste; Saúde da Família
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
126.01%
A Estratégia Saúde da Família (ESF) apresenta-se como um espaço privilegiado para a efetivação de práticas de educação em saúde orientadas pelo diálogo entre o saber científico e o saber popular, uma vez que é nesse espaço de saúde que profissionais e indivíduos/família se interrelacionam, criam vínculos, dialogam e constroem soluções para o enfrentamento dos problemas de saúde da população. O objetivo geral deste estudo foi analisar os limites e as possibilidades de efetivação da educação em saúde voltada para a coletividade na ESF de Pau dos Ferros/RN. Nesse sentido, buscou-se conhecer as concepções de educação em saúde dos profissionais de nível universitário da ESF; observar onde as práticas de educação eram desenvolvidas; conhecer os conteúdos e metodologias utilizadas para a efetivação das práticas de educação em saúde e caracterizar os espaços onde tais práticas eram desenvolvidas. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, de caráter descritivo-exploratório realizada junto a nove equipes localizadas na zona urbana do município. Foram investigados 28 profissionais que atuam nessas equipes, dentre os quais elencamos: quatro médicos, oito enfermeiros e dezesseis cirurgiões dentistas. Fez-se uso da entrevista semiestruturada e da observação baseada em princípios etnográficos. Os dados foram analisados com base na técnica de análise de conteúdo de Bardin. O estudo obedeceu aos aspectos éticos contidos na Resolução 196/96 que regulamenta as Pesquisas Envolvendo Seres Humanos. Os resultados apontam que as concepções e práticas de educação em saúde dos profissionais da ESF são orientadas por uma educação bancária ...

A humanização da saúde no cotidiano de usuários da estrategia saúde da família

Cunha, Andrea Taborda Ribas da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família no Nordeste; Saúde da Família Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família no Nordeste; Saúde da Família
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
136.01%
This research assumes that for changes in health practices directed to an integral care, is crucial humanization, participation and autonomy of service users. In this sense, the research had investigated the issue of humanization involving users of the Family Health Strategy (FHS) in city of Mossoró, having as objectives: to analyze the perceptions of users on humanization in the production of health care in daily of Family Health Strategy, from these perceptions, identify elements featuring humanized and non-humanized in everyday practices related to production of health care; relate perceptions of users about humanization with the notions of extended clinic and social participation present in the National Humanization Policy (NHP); identify difficulties and potentialities in the production of health care from the perspective of humanization. It was a qualitative approach to data collection and it was used the methodology of Network Analysis of Everyday Life (NAEL), which allowed the questioning of health practices through an interactive discussion involving participants subjected. The analysis of data through the technique of content thematic analysis was performed and the results were interpreted related the Extended Clinic references and the users participation...

Formação acadêmica e atuação profissional de nutricionistas de núcleos de apoio à saúde da família de Goiás; Academic performance and professional of the nutritionists from centers of support for family health of Goiás

Aguiar, Camilla Botêga
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ensino na Saúde (FM); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ensino na Saúde (FM); Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
116.04%
The current model of Health Care in Brazil prioritizes health promotion, prevention, control and treatment of health problems of individuals and families with integrity and continues. These actions are directly or indirectly related to food , requiring the insertion of a nutritionist in Primary Health The aim of this study was to analyze the academic performance and nutritionists professionals of the Centers of Support for Family Health of the State of Goiás, from the perspective of the researched, with a descriptive, exploratory, cross-sectional. For data collection we used a self-administered questionnaire with open and closed questions to characterize and study the academic and professional performance of the nutritionists. The data was tabulated in Excel and made a descriptive analysis of variables. The participants were 22 nutritionists , female , representing 88 % of the nutritionists from Centers of Support for Family Health of the State of Goiás. From these , 59.1 % had less than three years of graduation; 13.6 % had made a specialization in Health Family , 27.3 % felt qualified to work professionally with reflection on the socioeconomic , political and cultural territory. Regarding performance, 80 % are hired temporarily...

Análise da atenção básica à saúde do idoso na estratégia saúde da família; Analysis of primary care health of elderly in family health strategy

ARAÚJO, Maria Aparecida da Silva
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde - Medicina Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde - Medicina
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
116.04%
The study focused on the health care of the elderly, more specifically in Family health strategy as a way of thinking about alternatives that allow the reorganization of elderly care to adscritas areas. Processorsthe General was discussing the basic attention actions offered to the elderly in context family health strategy. Search descriptive exploratory in nature,- qualitative basic performed with professionals that comprise health team family doctors, nurses, technicians, nurses and community agents health in the municipality of Aparecida de Goiânia, goaiz. For data collection were the focal group technique and the data were analysed in categories as Bardin. The results suggest that prospects strengthen the professional aspects in family health care to the elderly, while showing some limitations of the elderly in the team. The team's contribution family health was significant health care of the elderly be reconsidered by professionals and managers for the operationalization of education These professional standing. It was concluded that the multidisciplinary actions are present in health promotion, both in the basic unit in address through talks, walks, assistance activities Prevention and control of diseases, although realize difficulties operacionalizá them. The insertion of the elderly in some family health teams occurs through attractive activities forming your social network participation activities outside of the health unit...

Percepções discentes sobre a Estratégia de Saúde da Família e a escolha pela especialidade de Medicina de Família e Comunidade; Students' perceptions of the Family Health Strategy and Choose the Specialty of Family Medicine and Community

Issa, Afonso Henrique Teixeira Magalhaes
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ensino na Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ensino na Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.98%
Objective: To analyze the perceptions of undergraduates in medicine in relation to the work of the Family Health Strategy (FHS) and the influencing factors in choosing the specialty of Family Medicine and Community (FM). Materials and Methods: An exploratory and qualitative study of a cross-sectional nature involving undergraduates in the 11th period of the medical school of the University Center of Anápolis (UniEVANGÉLICA) which is located in the Central-West region of Brazil. The study involved the examination of data collected from the body of students involved in a course of study who have been selected after approval by the Ethics and Research Committee. In the research, two instruments for collecting data and information were used: Firstly a questionnaire and secondly a roadmap for semi-structured interviews. This approach was taken in order to Identify Socioeconomic Characterization along with the Identification of Occupational Aspirations and analysis of factors that influence their choice of FM by using the technique of content analysis. Results and Discussion: None of the interviewed graduates opted to specialize in FM. The low social status, low wages, lack of labor rights, the experience of little contact with medical specialists during the course...

Associação entre risco social familiar e risco à cárie dentária e doença periodontal em adultos na Estratégia de saúde da família (ESF); Association between family social risk and risk to dental caries and periodontal disease in adults at family health strategy (FHS)

Leila Aparecida Cheachire
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/07/2011 PT
Relevância na Pesquisa
116.03%
Criado em 1994, o Programa de Saúde da Família tem sido considerado uma estratégia eficaz na reorganização da atenção básica por ter como pressupostos o foco na família, a adscrição da clientela, a prática clínica segundo a lógica da epidemiologia social e o vínculo entre os profissionais e a população. Entretanto, para que haja uma reorganização da demanda a partir do princípio da equidade, há a necessidade da equipe identificar qual o perfil da população assistida pelas Unidades de Saúde da Família, priorizando os indivíduos e grupos segundo seu risco biológico e social. O presente estudo teve como objetivo avaliar a existência de associação entre os escores de um instrumento elaborado para mensurar risco social familiar e condições bucais em adultos, em especial, a atividade de cárie e a doença periodontal. A amostra foi constituída por 253 famílias e 324 indivíduos na faixa etária de 20 a 59 anos cadastrados na unidade de saúde da família Jardim Santo Alberto, município de Santo André, SP, correspondendo respectivamente a 16,4% do total de famílias. Através da ficha A do Sistema de Informação da Atenção Básica se fez a coleta dos dados das famílias e os mesmos foram transferidos para o instrumento Escore de pontuação de risco familiar - Santo André...

Avaliação do conhecimento e práticas em saúde bucal de agentes comunitários de saúde vinculados à estratégia saúde da família com e sem equipe de saúde bucal

Giovana Renata Gouvêa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
Em 2013, mais de 250 mil Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e mais de 22 mil Equipes de Saúde Bucal (ESB) estavam atuando no Brasil com a finalidade de colaborar nas ações de promoção da saúde, na prevenção das doenças e de contribuir para fortalecer a capacidade da população no enfrentamento dos problemas de saúde. A proposição do presente estudo do tipo transversal foi: comparar o processo de trabalho e o conhecimento em saúde bucal de ACS que atuam com e sem Equipe de Saúde Bucal. No total, 162 sujeitos participaram do estudo, sendo 81 ACS vinculados a Unidade de Saúde da Família com Equipe de Saúde Bucal e 81 ACS vinculados a Unidade de Saúde da Família sem Equipe de Saúde Bucal. Foi utilizado um formulário contendo dados de renda, escolaridade e tempo de serviço como ACS, 7 itens sobre processo de trabalho, comportamentos, autopercepção em saúde bucal e acesso das famílias ao serviço odontológico, além de 12 questões validadas sobre conhecimentos do processo saúde-doença. Foi aplicado o teste Mann-Whitney para verificar diferenças entre os grupos de ACS com relação ao conhecimento em saúde-doença bucal. Os testes Qui-Quadrado e Exato de Fischer foram utilizados para verificar diferenças entre os grupos de ACS sobre o processo de trabalho...

Nursing during the Low-risk PrenatalPeriod as Part of a Family HealthStrategy; Enfermería en el periodo prenatal de bajo riesgo en la estrategia Salud de la Familia; Enfermagem no pré-natal de baixo risco na estratégia Saúde da Família

Brittes-Feliciano, Neusa; Enfermeira. Especializanda em Saúde Coletiva: Ênfase na Saúde da Família - URI/Campus Santiago-RS, Brasil.; Pradebon, Vania Marta; Enfermeira. Mestre em Enfermagem. Docente, Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e d
Fonte: Aquichan Publicador: Aquichan
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR; SPA
Relevância na Pesquisa
125.99%
Objective: The purpose of the study is to describe the experience of pregnant women residing in a city of Rio Grande do Sul (Brazil)who received low-risk prenatal care as part of a nursing initiative to deploy a family health strategy based on interaction and strengtheningthe bond between pregnant women and the service. Method: It is a qualitative initiative designed to develop activities involving homevisits to pregnant women, health education on the gestational period, newborn care, and the organization of a pregnant women’s group.Results: This experiment demonstrates that including a health service in a community is accomplished only by forming bonds in which theconnection with people strengthens not only the autonomy of the beneficiaries, but also the entire health team. Conclusion: The experienceswith the team and the population expanded the view on the importance of nurses in managing health care services and in promotingeducational and health-care actions for women in the pregnancy-puerperium cycle.; Objetivo: describir la experiencia de las mujeres embarazadas en la atención prenatal y de bajo riesgo, en la consulta de enfermería,residentes en el área de cobertura de la estrategia de Salud de la Familia, en una ciudad de Rio Grande do Sul...

Atenção primária à saúde e da estratégia de saúde da família no contexto da organização dos sistemas de saúde e no SUS : Disciplina 1

Anderson, Maria Inez Padula; Souza, Maria Isabel Castro de; Jorge, Renata Rocha; Maia, Katlin Darlen; Heringer, Ariádina; Marins, Shirley Soares da Silva; Favoreto, César; Pereira, Layne do Amaral; Amaral, Mateus; João Júnior, Mario
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Curso em formato de backup Moodle com 1 objeto educacional simples, 5 tópicos, 3 fóruns e 5 questionários.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
116%
Aborda os princípios que norteiam o Sistema Único de Saúde e a importância da Atenção Primária à Saúde na sua consolidação e qualificação. Retrata aspectos relacionados ao processo de trabalho das equipes, como: cobertura de área, atendimento da população adscrita, resolutividade, referência e contra-referência, apoio matricial, intersetorialidade, entre outros. Apresenta partir de situações concretas, casos comuns ao cotidiano das equipes de Saúde da Família, como o da Vila Santo Antônio. Contextualiza e discute aspectos importantes para o conhecimento dos profissionais que atuam na Saúde da Família, como o histórico, as experiências, a conceituação e os princípios da APS e da Estratégia Saúde da Família (SF) no Brasil e no mundo.; Versão 1.0; Ministério da Saúde; Organização Panamericana de Saúde - OPAS

Abordagem do idoso em programas de saúde da família

Silvestre,Jorge Alexandre; Costa Neto,Milton Menezes da
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2003 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
Discorre-se sobre a Política Nacional de Saúde do Idoso cujo propósito basilar reside na promoção do envelhecimento saudável, na manutenção e melhoria, ao máximo, da capacidade funcional dos idosos, na prevenção de doenças, na recuperação da saúde dos que adoecem e na reabilitação daqueles que venham a ter a sua capacidade funcional restringida, de modo a garantir-lhes permanência no meio em que vivem, exercendo de forma independente suas funções na sociedade. O cuidado do idoso deve basear-se, fundamentalmente, na família com o apoio das Unidades Básicas de Saúde sob a Estratégia de Saúde da Família, as quais devem representar para o idoso, o vínculo com o sistema de saúde. Após, são listados alguns dos problemas de saúde do idoso em que os programas de saúde da família podem causar um impacto importante. Se analisa a Estratégia de Saúde da Família no Brasil em relação à atenção ao idoso, além das competências, habilidades e atribuições necessárias da equipe.

Perfil do cirurgião-dentista inserido na Estratégia de Saúde da Família em municípios do estado de Pernambuco, Brasil

Martelli,Petrônio José de Lima; Macedo,Cícera Lissandra Sá Vieira; Medeiros,Kátia Rejane de; Silva,Shirley Florêncio da; Cabral,Amanda Priscila de Santana; Pimentel,Fernando Castim; Monteiro,Ive da Silva
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
Este artigo aborda a incorporação da saúde bucal à Estratégia de Saúde da Família, o que propiciou a inclusão de novos atores no âmbito da atenção básica: os profissionais de odontologia. Tendo em vista que a odontologia vem norteando o seu trabalho numa prática historicamente curativa com ênfase em atividades restauradoras, questiona-se a implantação desse novo modelo de atenção à saúde em relação aos responsáveis pela execução dessa política - os recursos humanos. O objetivo deste artigo consiste, pois, em caracterizar o perfil dos cirurgiões-dentistas (CD) inseridos na Estratégia de Saúde da Família em municípios do estado de Pernambuco, relacionando-os com as especificidades do programa. Para tal, foi utilizado o banco de dados da pesquisa Modelo de Atenção em Saúde Bucal e Formação do Cirurgião-Dentista Inserido na Estratégia de Saúde da Família no Estado de Pernambuco. Os resultados mostraram que 70,4% dos CD são do sexo feminino, com predominância da faixa etária de 31 a 49 anos de idade, sendo que 65,2% desses são admitidos sob a forma de contrato. Em relação à formação, 67,8% possuem formação com foco na Estratégia de Saúde da Família; 92,3% destes a consideraram pertinente; e 89...