Página 1 dos resultados de 3553 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Sig arqueologia: aplicação em pesquisa arqueológica ; GIS Archaeology: application in archaeological research

Nazareno, Nilton Ricetti Xavier de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/03/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.11%
A Arqueologia investiga os diferentes processos de constituição, funcionamento e transformação ocorridos nos sistemas sócio-culturais de populações humanas, desde os períodos mais recuados até os dias atuais. A investigação arqueológica é feita por meio de procedimentos técnicos e metodológicos já consagrados, utilizando-se da prática interdisciplinar e do aproveitamento, cada vez mais crescente, de recursos tecnológicos de domínio científico. A introdução dos sistemas de informação geográfica (SIG) como uma ferramenta de análise no âmbito da arqueologia brasileira é algo recente. A literatura mostra que em outros países o uso de tecnologia é parte da rotina, envolvendo aspectos locais, regionais e de gerenciamento do patrimônio. Neste trabalho é proposto o uso do SIG como um instrumento de devolução do conhecimento arqueológico, de modo a funcionar como um fator de inclusão social. Para isso é feito um estudo sobre os conceitos envolvidos na tecnologia de SIG e uma análise da problemática na construção de SIGs preditivos em função da precariedade da cartografia nacional. A partir deste estudo é concebido um sistema SIG/Multimídia denominado SIG Arqueologia, onde os dados do Projeto de Salvamento Arqueológico da UHE Corumbá IV (PA-SALV-C/IV) são utilizados para comprovar a eficiência da proposta.; Archeology examines different proceedings of constitution...

Uma aplicação do SIG para a localização e alocação de terminais logísticos em áreas urbanas congestionadas; An application of the SIG for the location and allocation of logistics terminals in congested urban areas

Carrara, Camilla Miguel
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.02%
O presente trabalho a partir da caracterização da problemática dos transportes na área central de Uberlândia (MG), e com a utilização das ferramentas do software TransCAD (SIG-T), como problema de localização de instalações e roteirização de veículos, buscou-se propor uma alternativa que contribuísse para a distribuição urbana de cargas, principalmente nas áreas centrais urbanas, com foco na minimização dos custos de transporte e considerando a realidade brasileira e as atuais discussões sobre alternativas de inovações operacionais e tecnológicas. O método escolhido para o estudo de caso baseou-se nos dados georeferenciados da rede viária urbana e de movimentação de cargas na área central da cidade, de forma a orientar estratégias modernas e mais eficazes para distribuição física de produtos e proporcionar melhores condições no fluxo nestas áreas. O método ainda apoiou-se na definição e caracterização do conceito de logística urbana e de terminais logísticos, e a influência que exerceriam na distribuição urbana de cargas, principalmente nas áreas centrais, da cidade de Uberlândia. O software mostrou-se uma ferramenta de apoio a decisões no planejamento urbano. Pode-se validar o uso do software TransCAD na busca por soluções ótimas para os terminais logísticos e na roteirização dos veículos que compõem a frota dos terminais...

Mapeamento do potencial de instabilização de taludes rodoviários usando SIG e seções geológico-geotécnicas de campo com aplicação na rodovia SP-310; Mapping of the potential of instabilization of road slopes using Sig and geological-geotecnical sections of field with application in highway SP-310

Lopes, Ana Paula Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/09/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.87%
O presente estudo desenvolveu uma metodologia para mapeamento de potencial de instabilização de taludes rodoviários. Utilizou-se, para tanto, SIG (Sistema de Informações Geográficas) e seções geológico-geotécnicas de detalhe obtidas em levantamentos de superfície. Esta metodologia foi utilizada em trecho da Rodovia Washington Luís (SP-310), sob duas condições distintas. Inicialmente, foi aplicada à totalidade da área estudada a ponderação dos atributos de percentual de declividade, materiais inconsolidados, curvatura de encostas e direção de vertentes, obtendo-se o mapa de potencial de instabilização. Na faixa da ADA (área diretamente afetada da rodovia - com 50 m de largura), esta metodologia deu especial ênfase às seções geológico-geotécnicas, que permitiram uma melhor compreensão da geometria dos taludes de corte e aterro e disposição dos materiais inconsolidados e foram utilizadas como critérios para a compartimentação destes taludes resultando no mapa de potencial de acidente. Outros produtos cartográficos deste estudo são os mapas hipsométrico, de declividade, de curvatura de encostas, de direção de vertentes e de materiais inconsolidados que serviram de base para a realização dos mapas de potencial de instabilização e de acidente...

Expandindo um SIG 3D para aplicação em conforto ambiental em nível urbano

Souza, Léa Cristina Lucas; Rodrigues, Daniel Souto; Mendes, José F. G.
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /11/2003 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Estabelecendo uma integração entre um SIG-3D e ferramentas ambientais de avaliação térmica urbana, a pesquisa apresentada neste artigo propõe uma sub-rotina de cálculo para visualização e quantificação do fator de visão do céu (FVC) e da relação entre a altura e a largura das vias urbanas (H/W). Estes fatores representam parâmetros geométricos urbanos diretamente relacionados às condições térmicas de um determinado local, pois influem nas trocas de calor na malha intra-urbana. Um ambiente SIG-3D é apropriado para este tipo de integração, uma vez que possibilita o armazenamento, tratamento e análise de dados tridimensionais do espaço urbano e, associado a uma rotina de cálculo nele implantada, pode otimizar a determinação daqueles fatores, reduzindo o seu tempo de cálculo e representação gráfica. Desta forma, procedimentos de manipulação de dados espaciais para cálculo de H/W e FVC são propostos para incorporação ao software ArcView, explorando-se assim as potencialidades deste SIG-3D. No caso específico do FVC, uma extensão denominada 3DSkyView é desenvolvida, permitindo obter de forma automatizada o delineamento e a determinação de fatores de visão do céu.

Sistema integrado de informação, em ambiente SIG, aplicado à erosão de solos na sequência de incêndios florestais

Vieira, António A. B.; Gonçalves, António Bento; Martins, Carla Oliveira; Loureiro, Eurico
Fonte: Universidade do Minho. Núcleo de Investigação em Geografia e Planeamento (NIGP) Publicador: Universidade do Minho. Núcleo de Investigação em Geografia e Planeamento (NIGP)
Tipo: Trabalho em Andamento
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
O aumento da frequência, da dimensão e da severidade dos incêndios florestais tem promovido o desencadeamento de severos impactes ao nível da fertilidade e estrutura dos solos, resultando numa crescente erosão da camada superior dos solos e consequente perda de nutrientes. A velocidade a que a perda de cada nutriente ocorre e a extensão dos incêndios florestais é uma condicionante em termos de custos e baliza as soluções que se podem implementar para a redução da degradação do solo e da água. O projecto RECOVER testará um conjunto de soluções praticáveis de forma a reduzir os impactes da erosão em áreas ardidas. Este projecto apresenta uma abordagem inovadora baseada em levantamentos de campo das propriedades do solo e da vegetação após a ocorrência de incêndios florestais, cujos resultados serão usados para a construção de uma base de dados em ambiente SIG, que servirá para identificar os locais mais críticos. A implementação de um sistema de informação integrado (conjugando uma base de dados espacial, um servidor de mapas e software SIG) permitir-nos-á armazenar os dados recolhidos no campo bem como a informação produzida através da análise espacial desenvolvida. Esta informação estará disponível através de um portal Web-SIG...

Uso de DesktopMap para manipulação de informações biogeográficas em SIG

Pereira, Miguel
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1063292 bytes; application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
37.02%
Com este artigo pretende-se apresentar a arquitectura e os processos de construção de um projecto em Sistemas de Informação Geográfica (SIG), desenvolvido para dar resposta à gestão e análise de informação biogeográfica. Pretendia-se que a arquitectura do SIG se moldasse aos diferentes grupos de dados de campo (inventariação de insectos, aves, vegetação e inquéritos de maneio agrícola), ser fonte de geração e gestão de dados existentes em vários tipos de suportes e com diferentes origens. Foi dado especial ênfase às questões de processamento e arquitectura em DesktopMap. A construção e desenvolvimento do SIG assumiu-se assim, como instrumento essencial na resposta aos objectivos esperados. O trabalho realizado na construção deste projecto SIG permitiu centralizar os dados, aceder a informação de uma forma expedita, e contribuir para a difusão dos resultados.

Desenvolvimento de uma plataforma SIG para apoio ao controlo da segurança das grandes barragens portuguesas

Almeida, Carlos Alexandre Leça
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.14%
Os Sistemas de Informação Geográfica (SIG), cada vez mais presentes na nossa sociedade, como auxílio ao processamento, recolha e organização de dados, encontramse em constante desenvolvimento. Com o presente trabalho pretende-se criar uma plataforma SIG com vista a apoiar o controlo da segurança das Grandes Barragens Portuguesas, do ponto de vista da segurança estrutural, hidráulico-operacional e ambiental do conjunto barragem-fundação-albufeira. Foi recolhida informação sobre as Grandes Barragens Portuguesas e as principais características de cada uma foram introduzidas num modelo SIG georreferenciado para apoio ao controlo da segurança. O modelo desenvolvido foi utilizado conjuntamente com outros modelos SIG já construídos, nomeadamente com informação sobre a sismicidade em Portugal com ligações a programas de análise estrutural de barragens em observação. Numa fase final foi criada uma aplicação Web, acessível a qualquer utilizador da internet, com toda a informação trabalhada. Desenvolveu-se ainda um modelo SIG da barragem do Cabril, considerando a geometria da obra em 3D, com o intuito de mostrar as potencialidades dos sistemas SIG no apoio ao controlo da segurança de barragens...

Desenvolvimento de uma plataforma SIG para apoio ao estudo da sismicidade em Portugal

Gonçalves, Marco Feliciano Guerreiro
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Com esta dissertação pretende-se mostrar o interesse dos SIG (Sistemas de Informação Geográfica) no estudo da sismicidade em Portugal Continental salientando-se de que forma este tipo de ferramentas permite obter informação com interesse para a caracterização dos fenómenos sísmicos na perspectiva da Engenharia Civil. Descrevem-se os princípios básicos envolvidos no estudo dos fenómenos sísmicos, referindo-se, em particular, os conceitos de magnitude, intensidade e zonamento sísmico; bem como a localização das principais falhas que existentes no território nacional. Apresentam-se os princípios de funcionamento dos sistemas de informação geográfica, onde se descrevem as cinco etapas principais para a construção destes sistemas: a pesquisa de dados, a criação de base de dados, a criação dos modelos SIG, a identificação do software a utilizar na exploração e a escolha da melhor solução para o problema. Introduzem-se também alguns conceitos de Dinâmica de Estruturas, fundamentais para o cálculo de espectro de respostas e para a realização de uma análise dinâmica numa estrutura. Para uma melhor interpretação dos objetos de estudo é exemplificado o funcionamento da plataforma SIG criada...

Desenvolvimento de uma aplicação SIG no apoio à gestão da rega: o caso de estudo do Alentejo (Portugal)

Mendes, Pedro Godinho
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Trabalho de projecto de mestrado em Sistemas de Informação Geográfica, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2013; Para elaborar estudos sobre os impactos das alterações climáticas nas necessidades hídricas das culturas é necessário usar cenários de alterações climáticas produzidos por modelos climáticos regionais, que estão distribuídos no espaço e tem uma longa série de dados (e.g. 30 anos) relativamente a diversas variáveis climáticas. É também necessário ter em conta dados meteorológicos observados obtidos em redes de estações meteorológicas, para caracterizar o cenário de base e corrigir os dados dos modelos climáticos. Assim, tem-se que controlar grandes quantidades de dados espacialmente distribuídos sendo necessário a criação de um SIG para gestão dos mesmos. Com este objectivo, foi desenvolvida uma aplicação SIG, usando o software ArcGIS, contendo dados georreferenciados relativamente aos solos, culturas e clima (dados climáticos observados de estações meteorológicas e cenários de alterações climáticas). Os modelos climáticos regionais considerados foram: HadRM3P (cenários A2 e B2) com uma resolução espacial de 50km, HIRHAMh (cenário A2) com uma resolução espacial de 25km e HIRHAMhh (cenário A2) com uma resolução espacial de 12km. Os dados dos modelos climáticos são relativos ao período de 2071-2100 e foram obtidos através do projecto PRUDENCE. Foi considerada a rede de estações meteorológicas SAGRA situadas no região do Alentejo...

Os SIG aplicados à análise do risco de inundação progressiva do Rio Tejo, entre Belver e Vila Nova da Barquinha, Região do Médio Tejo

Belo, João Pedro Rodrigues
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Dissertação de Mestrado em Sistemas de Informação Geográfica; Os fenómenos de cheia e inundação do rio Tejo, mesmo com o controlo antrópico do leito das barragens, ocorrem de tempos a tempos. Por vezes a sua severidade mostra-se nefasta para as pessoas, para os seus bens e para as atividades socioeconómicas estabelecidas no território, pelo que se torna importante conhecer o risco provável que provocam. Os SIG, especialmente na última década, têm-se evidenciado como um sistema capaz de dar resposta a problemas de análise espacial, através da aplicação de diversas ferramentas informáticas, na análise conjunta dos vários fatores intervenientes, como por exemplo o estudo dos riscos naturais e antrópicos. Neste contexto, o desenvolvimento deste estudo, pretende desenvolver uma metodologia simples que permita a análise quantitativa da suscetibilidade ao risco de inundação progressiva no Médio Tejo, no troço entre Belver (a montante) e Vila Nova da Barquinha (a jusante). A inacessibilidade a alguns dados, fulcrais para a análise quantitativa do risco de inundação, e.g. do edificado e do valor económico de bens e serviços intervenientes, limitaram o resultado deste trabalho a uma análise qualitativa. No entanto o resultado qualitativo é relevante como contributo metodológico para o conhecimento...

Modelação de aplicações SIG com aspectos

Oliveira, Ana Isabel Durão Mata de
Fonte: FCT- UNL Publicador: FCT- UNL
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
37.17%
Dissertação apresentada na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia Informática; O aparecimento da internet desempenha um papel muito importante no significativo desenvolvimento que os Sistemas de Informação Geográfica (SIG) têm tido ao longo dos últimos anos. Os SIG tornaram-se sistemas mais acessíveis e fáceis de usar, e existem actualmente várias aplicações de SIG na Web que são acedidas por milhares de utilizadores, quer para resolução de problemas de cariz geográfico ou apenas para conhecer melhor o mundo. As aplicações SIG na Web, como qualquer outro sistema de software, têm de lidar com um vasto número de concerns (funcionais e não funcionais), para além dos concerns que são comuns nos SIG (concerns espaciais), como por exemplo, análise espacial ou escala. A forma mais eficiente de tratar estes concerns que são intrinsecamente transversais (do inglês crosscutting) é através da identificação e modularização dos mesmos, utilizando as técnicas de desenvolvimento orientado a aspectos. Isto permite que uma possível evolução do sistema tenha um impacto mais localizado, facilitando a evolução do sistema como um todo. Embora a modelação comportamental de um sistema de software seja essencial para se obter um programa bem estruturado...

Constru????o do sistema de informa????es geogr??ficas da margem esquerda do canal do Rio Grande / SJN (SIG-MECR/SJN) com base em imagens digitais de pequeno formato

Noguez, Cristiane Teixeira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Disserta????o(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Oceanografia F??sica, Qu??mica e Geol??gica, Instituto de Oceanografia, 2005.; Este estudo apresenta um mapeamento detalhado do uso do solo da margem esquerda do Canal do Rio Grande, no munic??pio de S??o Jos?? do Norte, realizado atrav??s da fotointerpreta????o de imagens digitais, 35 mm, no modo vis??vel, adquiridas com o sensor aerotransportado ADAR 1000 e de verifica????es de campo. As imagens foram inseridas no programa MegaGIS, criando um Sistema de Informa????es Geogr??ficas (SIGs), denominado SIG-MECRG/SJN. A alta resolu????o das fotografias a??reas (0,5m por pixel) permitiu a visualiza????o e identifica????o dos diferentes alvos. Atrav??s do uso de produtos de sensoriamento remoto e do uso das tecnologias de geoprocessamento, ?? poss??vel mapear e identificar as fei????es observadas. O uso das fotografias a??reas ?? adequado para o mapeamento de ??reas urbanas, devido ?? sua alta resolu????o espacial. Al??m das informa????es digitais, foram obtidas informa????es sobre as resid??ncias da ??rea atrav??s de entrevistas com os moradores. Para a elabora????o do SIG, foram utilizados programas para georreferenciar, exportar e manipular as fotografias a??reas. O emprego destas fotografias foi satisfat??rio para o reconhecimento e identifica????o das fei????es estudadas. As principais fei????es mapeadas na ??rea de estudo foram as resid??ncias...

Interoperabilidade de SIG Através de Serviços WEB

Bezerra de Melo Junior, Jonas; Lucia Bezerra Candeias, Ana (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Até meados da década de 90, os Sistemas de Informações Geográficas (SIG) eram ilhas de informação. Eles eram desenvolvidos de forma autônoma e utilizavam tecnologias proprietárias. Não havia a preocupação com o intercâmbio de dados nem com a comunicação entre as aplicações. Nos últimos anos a comunidade científica vem propondo tecnologias que possibilitem as instituições compartilharem seus acervos cartográficos e recursos computacionais. Recentemente uma tecnologia denominada de Serviços Web foi apontada como um paradigma que facilitará a construção de SIG interoperáveis. Estes serviços são independentes de plataformas e linguagens de programação. Tendo-se em vista as vantagens e potencialidades desta tecnologia para as instituições que lidam com informações geográficas, foi desenvolvido neste trabalho um aplicativo para verificar uso prático dos Serviços Web em interoperabilidade de SIG

Novas ferramentas para monitoramento ambiental usando SIG Web

Cabral, Igor Pinheiro de Sales
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica; Automação e Sistemas; Engenharia de Computação; Telecomunicações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica; Automação e Sistemas; Engenharia de Computação; Telecomunicações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
The use of Geographic Information Systems (GIS) has becoming very important in fields where detailed and precise study of earth surface features is required. Applications in environmental protection are such an example that requires the use of GIS tools for analysis and decision by managers and enrolled community of protected areas. In this specific field, a challenge that remains is to build a GIS that can be dynamically fed with data, allowing researchers and other agents to recover actual and up to date information. In some cases, data is acquired in several ways and come from different sources. To solve this problem, some tools were implemented that includes a model for spatial data treatment on the Web. The research issues involved start with the feeding and processing of environmental control data collected in-loco as biotic and geological variables and finishes with the presentation of all information on theWeb. For this dynamic processing, it was developed some tools that make MapServer more flexible and dynamic, allowing data uploading by the proper users. Furthermore, it was also developed a module that uses interpolation to aiming spatial data analysis. A complex application that has validated this research is to feed the system with data coming from coral reef regions located in northeast of Brazil. The system was implemented using the best interactivity concept provided by the AJAX model and resulted in a substantial contribution for efficiently accessing information...

Caracterización de los riesgos ambientales para la salud : puesta a punto de un SIG en dos distritos del sureste de Madrid

Gómez Delgado, Montserrat; Díaz Castillo, Concepción; Escobar Martínez, Francisco J.; Rodríguez Espinosa, Víctor Manuel; Salado García, María Jesús
Fonte: Universidad de Alcalá. Servicio de Publicaciones Publicador: Universidad de Alcalá. Servicio de Publicaciones
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 818060 bytes; application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
36.96%
El presente artículo recoge los resultados obtenidos en el proyecto de Investigación "Análisis espacial de riesgos ambientales para la salud. Proyecto piloto de aplicación de herramientas SIG en salud pública. (Desarrollo en el área sanitaria 1, para apoyo al Plan de Vallecas)", financiado por el Instituto de Salud Pública (ISP) de la Comunidad de Madrid y llevado a cabo por personal del Departamento de Geografía de la Universidad de Alcalá (UAH) en colaboración con el mencionado Instituto. El principal objetivo del proyecto consistió en explorar las posibilidades de los Sistemas de Información Geográfica (SIG) como herramienta para el diagnóstico y seguimiento de las condiciones ambientales que afectan a la salud de la población. En la metodología adoptada primó el carácter multidisciplinar y la participación activa tanto de los miembros del equipo del ISP como del Departamento de Geografía de la UAH. La definición de criterios (en relación a datos necesarios, fuentes, estándares, estimaciones, etc.), como las labores de búsqueda y recogida de información se realizaron de forma conjunta. Los datos recopilados fueron depurados por el equipo del Departamento de Geografía y posteriormente georreferenciados e integrados en el programa ArcView 8. Una vez montada la base de datos...

Toma de decisiones apoyada por bases de datos globales y SIG: oportunidades y limitaciones

Escobar Martínez, Francisco Javier; Santana Rodríguez, Luis Marino
Fonte: Universidade de Alcalá Publicador: Universidade de Alcalá
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
37.07%
Los desastres naturales y sus consecuencias para el medio y sobre todo para la población son objeto de estudio por parte de organismos internacionales como Naciones Unidas (United Nations Department of Humanitarian Affairs -UN-DHA-), Unión Europea (European Union Humanitarian Office -ECHO-), Cruz Roja y Media Luna Roja entre otros. El acceso a bases de datos fiables y a herramientas capaces de manejar y analizar los mismos con eficacia se ha visto, desde los años 70, como una necesidad acuciante para el apoyo a las labores de prevención y alivio en casos de desastre. En este sentido, la Universidad Católica de Lovaina, específicamente el CRED (Center for Research on the Epidemiology of Disasters), está realizando notables esfuerzos para obtener y difundir datos relevantes de los desastres y sus efectos para cada país. Aunque estos no fueron recogidos originariamente para su integración en un SIG, el hecho de estar referidos a países permite una fácil geocodificación e integración a otras bases de datos, posibilitando así análisis más integrales desde una perspectiva espacial. El objetivo del presente artículo es, por un lado, mostrar las oportunidades que ofrecen los SIG en las tareas relativas a la toma de decisiones ante eventos de desastres naturales...

Diseño metodológico para el análisis locacional de asentamientos a través de un SIG de base ´rastrer´

Fábrega-Álvarez, Pastor
Fonte: Universidad de Alicante Publicador: Universidad de Alicante
Tipo: Comunicación de congreso Formato: 1232199 bytes; application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
36.96%
[ES] Se presenta el diseño de un proyecto de investigación desarrollado desde los planteamientos de la Arqueología del Paisaje, en el cual el recurso a herramientas SIG es una parte relevante. La intención del trabajo es, en todo caso, relativizar la importancia del SIG en una investigación de carácter ampliamente territorial, mostrando cómo su mayor o menor utilidad se deriva no tanto de su potencial analítico como de su inserción en un esquema metodológico general que lo hace significativo. El proyecto presentado concibe el empleo de los SIG como herramientas analíticas en las que, a partir de un proceso de representación de la realidad, es más sencillo construir conocimiento arqueológico a partir de un análisis comparativo que proponer una reconstrucción positiva de las condiciones prehistóricas. En concreto el proyecto se centra en el análisis de las formas de poblamiento durante la Edad de Hierro en el noroeste de la península Ibérica.; [EN]The paper shows the design of a research project developed from a Landscape Archaeology approach, in which the use of GIS tools plays a relevant part. However, the aim is to relativize the importance of GIS in a process of research with a strong territorial basis, showing how its usefulness is based prior on the development of a broader methodological scheme that gives it a significant role. The project conceives the use of GIS as analytical tools which...

APLICAÇÃO DE SIG NA GERAÇÃO DE CARTAS DE FRAGILIDADE; APLICAÇÃO DE SIG NA GERAÇÃO DE CARTAS DE FRAGILIDADE

Rosa, Marcos Reis; Ross, Jurandyr Luciano
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 31/10/2011 POR
Relevância na Pesquisa
37.02%
Este trabalho objetiva discutir os vários aspectos relacionados aos Sistemas de Informações Geográficas (SIGs) sob o foco de sua utilização para as disciplinas ligadas às Geociências, mais especificamente para a Geografia. Com isso, pretende-se orientar sobre quando esta tecnologia se torna interessante e ressaltar quais preocupações deve nortear seu processo de implementação. Em um primeiro momento, propõem-se uma classificação desta tecnologia em etapas distintas e, através da descrição e análise de cada uma delas, pretende-se esclarecer e solidificar uma série de incertezas e conceitos que existem nesta área. A intenção é não se aprofundar nos processos computacionais, mas, em alguns casos, isso é necessário para possibilitar a discussão. Num segundo momento, procura-se demonstrar a utilização do SIG através da elaboração de uma Carta de Fragilidade do Relevo-Solo para exemplificar a aplicação das definições e metodologias descritas no início do trabalho. Os dados utilizados na aplicação prática têm como fonte a Carta de Bauxi –MT, folha SD.21ZCI da Diretoria de Serviço Geográfico (DSG) do Ministério do Exército, na escala 1:100.000 – 1975, Imagem de Radar da mesma região na escala 1: 100.000 e Carta de Solos do projeto Radam-Brasil na escala 1:1.000.000.; Este trabalho objetiva discutir os vários aspectos relacionados aos Sistemas de Informações Geográficas (SIGs) sob o foco de sua utilização para as disciplinas ligadas às Geociências...

USO DE SISTEMAS DE INFORMACIÓN GEOGRÁFICA (SIG) PARA LA DETERMINACIÓN DE PARÁMETROS UTILIZADOS EN LA CONSTRUCCIÓN DE MAPAS DE VULNERABILIDAD DE ACUÍFEROS

M. V., Esteller; Universidad Autónoma del Estado de México.; E., Quentin; C., Díaz-Delgado
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 09/12/2005 POR
Relevância na Pesquisa
37.07%
La validez y fiabilidad de los mapas de vulnerabilidad de acuíferos a la contaminación depende en gran medida de la disponibilidad de una cantidad importante de datos de gran calidad y de su posterior tratamiento. Integrar esta información en un Sistema de Información Geográfica (SIG) sirve para asegurar su representatividad, disponibilidad oportuna y manejo de la misma. Ante esta situación se ha diseñado un SIG para el estudio del acuífero del Valle de Toluca (Altiplano mexicano) que ha permitido concentrar la información existente en diversos organismos públicos y privados así como homogeneizar y tratar dicha información con objeto de abordar diversos tipos de estudios de carácter hidrogeológico. Uno de estos estudios es la elaboración del mapa de vulnerabilidad del acuífero mediante la aplicación de la metodología DRASTIC. Un primer paso fue establecer el mapa de profundidad del nivel piezométrico con base en diversos métodos de interpolación, de esta forma se pudo comprobar que el método Kriging lineal es el que ofrecía mejores y más consistentes resultados, además de ser el más sencillo de aplicar. Igualmente, se comprobó la ventaja del uso de SIG ya que facilitó el almacenamiento y tratamiento de la información...

Sistemas de Informação Geográficos (SIG) em Arqueologia

Infantini, Leandro
Fonte: Revista Arqueologia Pública Publicador: Revista Arqueologia Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Formato: application/pdf
Publicado em 23/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Os sistemas de Informações Geográficas (SIG ou GIS - Geographic Information System, em inglês) são sistemas de informação espacial, procedimentos computacionais e recursos humanos que permitem a análise, gestão ou representação do espaço e dos fenômenos que nele ocorrem. Na arqueologia, vem sendo utilizado desde a década de 60 do século XX, em campos tais como a criação de modelos preditivos de terreno, análises geomorfológicas e hidrológicas de sítios e reconstruções paleoambientais, alcançando resultados amplos na interpretação dos contextos investigados. Nesse sentido, a oficina apresentada na II Semana de Arqueologia da Unicamp, vinculando-se ao eixo temático Diálogos teórico-metodológicos contemporâneos, buscou demonstrar o uso dos chamados Sistemas de Informação Geográfica (SIG) na Arqueologia, tanto na detecção de áreas com potencial arqueológico, como na interpretação de sítios e suas relações ambientais. O curso foi dividido em duas partes, sendo a primeira introdutória, dedicada à exploração dos diversos usos dos SIG na Arqueologia e da utilização de software livre e fontes livres de informação, e a segunda avançada, dedicada à análise de estudos de caso e à discussão das possibilidades de uso de tais ferramentas.