Página 1 dos resultados de 5101 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

Histologia e ultraestrutura do rim e rim cefálico do pacu; Histology and ultrastructure of kidney and cephalic kidney in Pacu

Costa, Gerlane M.; Lima, Ana R.; Lima, Mendelson G. de; Kfoury Junior, José Roberto
Fonte: REVISTA PESQUISA VETERINARIA BRASILEIRA; RIO JANEIRO Publicador: REVISTA PESQUISA VETERINARIA BRASILEIRA; RIO JANEIRO
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.12%
O pacu, Piaractus mesopotamicus, é um teleósteo da Família Characidae, intensivamente cultivado no Brasil devido sua rusticidade, crescimento rápido e fácil adaptação. O conhecimento morfológico dos sistemas corpóreos, incluído órgãos linfóide, se faz necessário, para uma melhor produção no cultivo de peixes, fornecendo subsídios na manutenção dos estoques. O objetivo deste estudo foi descrever morfologicamente o rim e rim cefálico de Piaractus mesopotamicus, analisando os perfis celulares de cada órgão com o uso de microscopia de luz e microscopia eletrônica de transmissão. O resultado da análise macroscópica mostrou que a localização do rim e rim cefálico são as mesmas encontradas na maioria dos teleósteos. O rim apresentou uma forma em "H", onde a região média se expandia sobre a bexiga natatória. O rim cefálico se apresentou como uma dilatação na região cranial do rim, mostrando-se bem visível. Na microscopia eletrônica de transmissão também foram observadas similaridades ultraestruturais com outros teleósteos. Observando nossos resultados concluímos que histologicamente e ultraestruturalmente, os órgãos linfóides rim e rim cefálico de Piaractus mesopotamicus são similares aos de outros teleósteos.; The Pacu...

Análise do efeito do resfriamento da via excretora durante termoablação com radiofreqüência em rim de porco; Analysis of the cooling effect in the urinary system during renal radiofrequency thermoablation in pigs

Santos, André Meirelles dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2005 PT
Relevância na Pesquisa
36.86%
A ablação de tumores renais com radiofreqüência tem se tornado uma alternativa cada vez mais atraente dentro do arsenal de procedimentos minimamente invasivos. Uma das raras complicações desta forma de tratamento é a lesão térmica do urotélio, desencadeando fístulas urinárias, hidronefrose, estenose ureteral e estenose de junção ureteropiélica, em alguns casos, com necessidade de nefrectomia do órgão acometido. Em lesões hepáticas, ablação tumoral muito perto da via biliar pode evoluir com estenose, a menos que haja um resfriamento dos dutos biliares concomitante à aplicação da radiofreqüência. Desta forma, o objetivo deste estudo foi o de propor um processo semelhante no trato urinário, comparando ablações renais próximas ao urotélio, com e sem irrigação do sistema coletor, com soro fisiológico a 2°C, analisando a integridade da via excretora e a eficácia da ablação. Métodos: Oito suínos do sexo feminino foram submetidos à laparotomia, com abertura da bexiga e cateterização de um dos meatos ureterais com cateter de duplo-lúmen, conforme sorteio realizado antes do início do procedimento. Foi realizada aplicação de radiofreqüência com um ciclo de oito minutos, regulada para atingir uma temperatura média de 100°C e aplicada com uma agulha deflagrada com um centímetro de exposição...

Estudo morfológico do rim correlacionado com alguns parâmetros da carcaça em bovinos Nelore (Bos indicus); Morphologic study of kidney correlated with some parameters of the carcass in bovine Nelore

Mesquita, José Ricardo de Carvalho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/05/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.01%
Foram realizadas mensurações dos rins direito e esquerdo, bem como, de carcaças de bovinos Nelore, inteiros e castrados. As médias gerais dos grupos e os respectivos desvio padrão para as mensurações renais foram: comprimento do rim direito 16,85 ± 1,10 cm; comprimento do rim esquerdo 16,20 ± 1,15 cm. As larguras dos rins direito e esquerdo apresentaram médias e desvio padrão iguais a 9,20 ± 0,80 cm e 9,35 ± 0,90 cm, respectivamente. Para a variável peso dos rins direito e esquerdo, as médias e desvio padrão foram, respectivamente, de 347,90 Kg ± 32,55 Kg e 343,25 Kg ± 32,20 Kg. O número de lobos observados nos rins direito e esquerdo obtiveram médias e desvio padrão de 16,30 ± 4,50 e 15,90 ± 3,90, respectivamente. Para as variáveis de carcaça dos grupos envolvidos as médias e respectivos desvios padrão foram: para peso das hemicarcaças direita e esquerda 137,00 ± 8,00 e 141,10 ± 8,00 Kg; peso total da carcaça 278,10 ± 15,90 Kg; rendimento de carcaça 55,80 ± 1,30%; espessura de gordura 6,30 ± 2,6 cm; comprimento de carcaça 1,28 ± 0,03 m. Para comparação das diferentes mensurações, os animais foram divididos em dois grupos (inteiros e castrados). Diferenças significativas (P < 0...

Papel da nefrectomia do rim atrófico nos portadores de hipertensão renovascular; Effect of the nephrectomy of atrophic kidney in renovascular hypertension patents

Thomaz, Myrian José
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.93%
Objetivo: Avaliar o efeito benéfico da nefrectomia do rim atrófico em pacientes portadores de hipertensão renovascular no controle da pressão arterial e da função renal. Casuística e Método: estudo retrospectivo e observacional de 51 pacientes com hipertensão refratária, portadores de um rim atrófico por estenose significativa ou oclusão total da artéria renal, submetidos à nefrectomia no período janeiro 1989 a janeiro 2007. A idade média foi 47,1± 15 anos (13 a 77 anos), a mediana da creatinina sérica pré nefrectomia de 1,3 mg/dl (0,8 a 4,5), a mediana do clearence de creatinina de 54 ml/min (15 a 100ml/min.), a PA sistólica (PAS) média pré de 149,6 ± 22,5 mm Hg, a PA diastólica (PAD) média pré de 90,8 ± 17 mm Hg e a média do número de hipotensores foi de 2,8 ± 1 hipotensores (1 a 5) por paciente por dia. A pressão arterial e creatinina sérica foram analisadas periodicamente de 12 a 60 meses após a nefrectomia. Resultados: a mortalidade operatória foi de 2%, houve melhora significativa da PAS média nos períodos de 12 a 36 meses (p<= 0,028) e para PAD média de 12 a 48 meses após a nefrectomia (p <= 0,045), acompanhada pela diminuição significativa do uso de hipotensores de 12 a 48 meses (p< 0...

Análise proteômica em urina e rim de ratos submetidos a tratamento crônico com flúor; Proteomic analysis of urine kidney in fluoride-treated rat

Kobayashi, Cláudia Ayumi Nakai
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 08/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.86%
Metodologia proteômica baseada em eletroforese bi-dimensional (2D-PAGE) foi usada para auxiliar no entendimento dos mecanismos moleculares envolvidos na injúria renal induzida pelo flúor (F) e definir biomarcadores potenciais para fluorose. Três grupos de ratos Wistar machos recém-desmamados (21 dias de vida) foram tratados com água de beber contendo 0 (controle), 5 ou 50 ppm F, por 60 dias (n=6/grupo). Durante o período experimental, os animais foram mantidos individualmente me gaiolas metabólicas, a fim de que o consumo de água e ração fosse avaliado, bem como as excreções urinária e fecal de F. Os animais foram mortos e o rim esquerdo e o soro foram coletados para análises histopatológica e de F, respectivamente. Para análise proteômica foram coletados o rim direito e a urina (no dia anterior ao sacrifício, num coquetel contendo inibidores de protease em gelo). Após o isolamento das proteínas, os perfis proteômicos renal e urinário foram examinados usando 2D-PAGE e coloração com azul de Coomassie brilhante. Foi possível detectar uma doseresposta em relação à ingestão e excreção de F, bem como em relação aos níveis de F presentes no soro e nos rins dos animais. As análises histológicas não revelaram danos aos rins induzidos pelo F...

O diabetes altera a expressão do RNAm do GLUT2 em fígado e rim: participação dos fatores transcricionais Hepatic Nuclear Factor - (HNF-) 1a, 3b e 4a.; The diabetes alters the mRNA expression of GLUT2 in liver and kidney: involvement of transcription factors Hepatic Nuclear Factor-(HNF)-1a, 3b, and 4a.

Silva, Aline David
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/07/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.86%
A homeostasia glicêmica requer uma estreita regulação quantitativa e temporal do fluxo de glicose em diferentes órgãos. O fluxo de glicose no fígado e no rim depende de um transportador específico, o GLUT2. Neste estudo demonstramos que em rim, o GLUT2 está aumentado no diabetes e que os fatores transcricionais HNF-1a, HNF-3b e HNF-4a são importantes reguladores do GLUT2, uma vez que apresentaram aumento de expressão e da atividade de ligação no promotor do SLC2A2 (gene do GLUT2). Esses efeitos foram revertidos pelo tratamento com insulina durante 6 dias. No fígado, o diabetes induziu aumento da expressão do GLUT2, HNF-1a, 3b e 4a, assim como aumento na atividade de ligação destes fatores transcricionais no promotor do SLC2A2. Estes resultados evidenciam os HNF- 1a, 3b e 4a como reguladores da expressão do GLUT2 também em fígado de animais diabéticos. No fígado, a insulina reverteu estas alterações aos 4 e 6 dias de tratamento. Os fatores transcricionais SREBP-1c e C/EBP-b não foram alterados em fígado e rim de ratos diabéticos...

Diagnósticos e cuidados de enfermagem implementados na prática clínica para pacientes receptores de transplante de rim

Ferreira, Stephani Amanda Lukasewicz
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.93%
Estudo transversal que teve como objetivo identificar os diagnósticos e cuidados de enfermagem implementados na prática clínica para pacientes receptores de transplante de rim em um hospital universitário no período de janeiro de 2007 a janeiro de 2009. Esta é uma subanálise de um estudo intitulado “Fatores de risco para a ocorrência de complicações em pacientes submetidos ao transplante renal”. A população do estudo foi constituída pelos pacientes que realizaram o transplante de rim no período delimitado pelo estudo. Os dados referentes às características sociodemográficas foram obtidos por meio de um banco de dados pré-existente elaborado quando do desenvolvimento do projeto supracitado. Os dados referentes aos diagnósticos e cuidados de enfermagem foram coletados por meio de uma query solicitada junto aos dados informatizados da instituição. Os dados foram analisados pela estatística descritiva com auxílio do SPSS versão 18.0. O projeto foi aprovado pelo CEP da Instituição e pela Comissão de Pesquisa da Escola de Enfermagem da UFRGS. Participaram do estudo 165 pacientes receptores de transplante de rim, dos quais 106 (64,2%) eram homens, com idade média de 43 (± 13,2) anos, 89 (53,9%) casados, 124 (80...

Tratamento conservador do rim displásico multicístico: curso clínico e ultra-sonográfico

Rabelo,Eli Armando S.; Oliveira,Eduardo A.; Silva,José Maria Penido; Bouzada,Maria Cândida F.; Sousa,Bárbara C.; Almeida,Mirela N.; Tatsuo,Edson Samesima
Fonte: Sociedade Brasileira de Pediatria Publicador: Sociedade Brasileira de Pediatria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.1%
OBJETIVO: Descrever o curso clínico e a evolução ultra-sonográfica de pacientes com rim displásico multicístico tratados conservadoramente. MÉTODOS: Foram incluídas no estudo 53 crianças com rim displásico multicístico unilateral diagnosticado pela ultra-sonografia fetal entre 1989 e 2004. Todos os pacientes foram submetidos a protocolo sistemático, incluindo tratamento conservador e exames clínicos, laboratoriais e ultra-sonográficos periódicos. Os exames foram realizados com periodicidade de 6 meses, nos 2 primeiros anos, e anualmente, após esse período. No curso clínico, foram avaliados: pressão arterial, infecção do trato urinário, função renal e crescimento dos pacientes. Na evolução ecográfica, foram avaliados a involução do rim displásico multicístico e o crescimento do rim contralateral. RESULTADOS: O tempo médio de seguimento foi de 68 meses. Dois pacientes apresentaram hipertensão arterial no seguimento. Cinco tiveram infecção urinária (apenas um com episódios repetidos). Não houve degeneração maligna do rim displásico multicístico. Foram realizados 334 exames ultra-sonográficos seriados. Houve involução do rim displásico multicístico em 90% dos casos, sendo que nove (17%) desapareceram. O ritmo de involução foi maior nos 30 primeiros meses de vida. Houve progressiva hipertrofia compensatória do rim contralateral...

Atividade da catalase no pulmão, rim e intestino delgado não isquemiado de ratos após reperfusão intestinal

Ferro,Camila de Oliveira; Chagas,Vera Lucia Antunes; Oliveira,Marcus Fernandes de; Oliveira,Pedro Lagerblad de; Schanaider,Alberto
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.86%
OBJETIVO: Avaliar a atividade catalase, após lesão por isquemia e reperfusão intestinal e estudar as alterações deste antioxidante em órgãos situados à distância do insulto inicial. MÉTODOS: Utilizaram-se 18 ratos do tipo Wistar, aleatoriamente distribuídos em três grupos. 1-Controle, 2-Simulação e 3-Isquemia/Reperfusão. Neste último, realizou-se isquemia no íleo, por 60 minutos, seguida de reperfusão por 30 minutos. No grupo 2 efetuou-se apenas uma laparotomia. Foram retirados, de todos os animais, segmentos do intestino com e sem reperfusão, além do pulmão e rim direitos para exame com microscopia óptica. A atividade da catalase foi aferida em espectrofotômetro ajustado para 240 nm. Utilizaram-se os testes estatísticos Mann e Whitney e Kruskal Wallis. RESULTADOS: Observou-se aumento significante (p < 0.05), da atividade da catalase nas porções do intestino isquemiado e não isquemiado, além do pulmão. Houve redução da atividade enzimática no rim. No grupo com reperfusão observaram-se alteração nas vilosidades, infiltrado inflamatório em todas as vísceras, além de áreas de atelectasia pulmonar. CONCLUSÃO: O estresse oxidativo intestinal, em ratos, causa alterações bioquímicas à distância com mobilização dos mecanismos de defesa antioxidante pulmonar...

Histologia e ultraestrutura do rim e rim cefálico do pacu

Costa,Gerlane M.; Lima,Ana R.; Lima,Mendelson G. de; Kfoury Jr,José R
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.12%
O pacu, Piaractus mesopotamicus, é um teleósteo da Família Characidae, intensivamente cultivado no Brasil devido sua rusticidade, crescimento rápido e fácil adaptação. O conhecimento morfológico dos sistemas corpóreos, incluído órgãos linfóide, se faz necessário, para uma melhor produção no cultivo de peixes, fornecendo subsídios na manutenção dos estoques. O objetivo deste estudo foi descrever morfologicamente o rim e rim cefálico de Piaractus mesopotamicus, analisando os perfis celulares de cada órgão com o uso de microscopia de luz e microscopia eletrônica de transmissão. O resultado da análise macroscópica mostrou que a localização do rim e rim cefálico são as mesmas encontradas na maioria dos teleósteos. O rim apresentou uma forma em "H", onde a região média se expandia sobre a bexiga natatória. O rim cefálico se apresentou como uma dilatação na região cranial do rim, mostrando-se bem visível. Na microscopia eletrônica de transmissão também foram observadas similaridades ultraestruturais com outros teleósteos. Observando nossos resultados concluímos que histologicamente e ultraestruturalmente, os órgãos linfóides rim e rim cefálico de Piaractus mesopotamicus são similares aos de outros teleósteos.

Avaliação lectino-histoquímica de fígado e rim de ovinos com fotossensibilização causada por Brachiaria decumbens

Costa,Samay Z.R.; Nespoli,Pedro B.; Bezerra Júnior,Pedro S.; Nogueira,Vivian A.; Driemeier,David; Boabaid,Fabiana M.; Peixoto,Paulo V.; Armién,Aníbal M.; França,Ticiana N.
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.93%
Embora sejam as forrageiras mais importantes para a pecuária de corte (bovinocultura de corte) no Brasil, em certas épocas ou condições, Brachiaria spp. podem ser tóxicas e causar surtos de fotossensibilização hepatógena que determinam significativas perdas econômicas. Animais que se alimentam em pastos de Brachiaria spp. comumente apresentam macrófagos espumosos isolados ou agrupados, além de cristais no interior de ductos biliares. Saponinas esteroidais têm sido identificadas nestes cristais e são responsabilizadas por lesar o fígado levando ao acúmulo de filoeritrina. Por vezes, imagens negativas desses cristais podem estar presentes no citoplasma de macrófagos espumosos. A patogênese de formação e o tipo de material armazenado nas células espumosas ainda são desconhecidos. A técnica de lectino-histoquímica visa auxiliar na detecção desses macrófagos e, consequentemente, no diagnóstico, além de identificar quais os resíduos de açúcares específicos que estão presentes no citoplasma das células espumosas. Assim, este trabalho teve por objetivo identificar quais lectinas são mais indicadas na detecção de saponinas esteroidais no fígado e rim de ovinos com fotossensibilização causada por Brachiaria decumbens. Fragmentos de fígado e rim de quinze ovinos...

Impacto da função retardada do enxerto pancreático no transplante simultâneo pâncreas-rim

Baitello,Marina; Galante,Nelson Zocoler; Coutinho,Luciano de Souza; Rangel,Erika Bevilaqua; Melaragno,Cláudio Santiago; Gonzalez,Adriano Miziara; Medina-Pestana,José O.
Fonte: Sociedade Brasileira de Nefrologia Publicador: Sociedade Brasileira de Nefrologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.97%
OBJETIVO: O transplante pâncreas-rim é efetivo para pacientes com doença renal crônica terminal e diabetes mellitus insulino-dependente. A função retardada do enxerto pancreático é condição frequente exercendo impacto significativo nos resultados em curto prazo dos transplantes pâncreas-rim. O objetivo foi analisar o impacto da função retardada do enxerto pancreático no transplante pâncreas-rim. MÉTODOS: Análise retrospectiva de 180 receptores de transplante pâncreas-rim, incluindo dados demográficos dos doadores e dos receptores, a reatividade contra painel, a incidência de rejeição aguda e as sobrevidas do paciente e dos enxertos pancreático e renal. RESULTADOS: A incidência de função retardada do enxerto pancreático foi 11%. A idade do receptor superior a 45 anos apresentou associação com o risco de desenvolvimento de função retardada do enxerto pancreático (Razão de chances 2,26; p < 0,05). Os pacientes com função retardada do enxerto pancreático apresentaram maior incidência de rejeição aguda renal (47 versus 24%; p < 0,05), glicemia de jejum alterada (25 versus 5%; p < 0,05) e média de hemoglobina glicada (5,8 versus 5,4%; p < 0,05) ao final do primeiro ano de acompanhamento em relação aos pacientes sem função retardada do enxerto pancreático. Não houve diferenças estatisticamente significativas entre os grupos de pacientes com e sem função retardada do enxerto pancreático quanto à sobrevida do paciente (95 versus 88...

Manejo cirúrgico de doença oclusiva aorto-ilíaca na presença de rim em ferradura: relato de um caso

Tezval,Hossein; Mirzaie,Masoud; Schmitto,Jan; Schöndube,Friedrich
Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular Publicador: Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2005 PT
Relevância na Pesquisa
36.86%
Neste trabalho é apresentado um caso de coexistência de aterosclerose aorto-ilíaca com rim em ferradura, em um homem com 57 anos de idade. O diagnóstico desta combinação rara foi feito pouco antes da cirurgia, com a angio-ressonância magnética constituindo o método diagnóstico pré-operatório mais importante para o planejamento cirúrgico. A abordagem transabdominal proporciona uma exposição excelente da aorta abdominal em pacientes com rim em ferradura, sem risco de lesão das artérias renais acessórias ou de ureter em posição anômala. A reconstrução foi feita com a implantação de uma prótese de Dacron em Y em posição aorto-bifemoral e, por causa da lesão aterosclerótica difusa e na presença do rim em ferradura, foi optado por anastomose proximal término-lateral.

The importance of rim removal in deep lateral orbital wall decompression

Kakizaki, H.; Takahashi, Y.; Ichinose, A.; Iwaki, M.; Selva-Nayagam, D.; Leibovitch, I.
Fonte: Dove Medical Press Ltd Publicador: Dove Medical Press Ltd
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2011 EN
Relevância na Pesquisa
37.17%
Purpose: To evaluate the surgical outcome of deep lateral orbital decompression with or without rim removal. Design: Retrospective case series. Methods: Thirty-two patients (47 orbits) with Graves’ orbitopathy who underwent simple deep lateral decompression or balanced lateral plus medial decompression. Of the 14 patients (24 orbits) who underwent simple deep lateral decompression, 8 (13 orbits) had temporary rim removal and in 6 (11 orbits) the rim was left intact. Of the 18 patients (23 orbits) who underwent a balanced decompression, 7 (9 orbits) had temporary rim removal and in 11 (14 orbits) the rim was left intact. The amount of postoperative reduction in proptosis was compared among these four groups. Results: The average reduction in proptosis in the simple deep lateral decompression group was 5.73 mm (range: 4.0–8.0 mm) in the rim removal group and 4.09 mm (range: 2.5–6.0 mm) in the intact rim group (P = 0.005). The average reduction in proptosis in the balanced decompression group was 6.39 mm (range: 5.0–8.5 mm) in the rim removal group and 5.07 mm (range: 3.0–8.0 mm) in the intact rim group (P = 0.039). There was no statistically significant difference in proptosis reduction between the simple deep lateral decompression with rim removal group and the balanced decompression with an intact rim group (P = 0.220). Conclusion: The rim removal approach allows a more effective decompression than the intact rim approach. Simple deep lateral decompression with rim removal approach has a similar effect to balanced decompression through an intact rim.; Kakizaki H...

Vivência da família no processo de transplante de rim de doador vivo

Cruz,Maria Goreti da Silva; Daspett,Celina; Roza,Bartira de Aguiar; Ohara,Conceição Vieira da Silva; Horta,Ana Lucia de Moraes
Fonte: Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo Publicador: Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.97%
Resumo Objetivo: Compreender a vivência da família no processo de transplante de rim de doador vivo. Métodos: Estudo qualitativo realizado com quatro famílias de pacientes submetidos a transplante de rim intervivos. O instrumento de pesquisa foi a entrevista semi-estruturada realizada nos domicílios das famílias e gravada em áudio. As entrevistas foram transcritas na íntegra e a partir da saturação dos dados as categorias emergiram. Resultados: Observaram-se as seguintes categorias: impacto da doença renal crônica e do tratamento dialítico na família; experiência da família frente às diferentes fases do transplante de rim de doador vivo; interação da família com a equipe de saúde, ressignificando o sistema familiar no processo da doença renal crônica e transplante de rim; e apoio da rede social e da espiritualidade como estratégia de enfrentamento. Conclusão: O transplante de rim de doador vivo envolve aspectos de cuidado físico e emocionais de todos os envolvidos durante o processo, considerando as potencialidades e adaptações vivenciadas onde a espiritualidade é um fator coadjuvante.

Clínica e Evolução do Rim Multiquístico: Que Dilemas?

Gomes, Clara; Timas, Regina; Correia, A. Jorge
Fonte: Sociedade Portuguesa de Pediatria Publicador: Sociedade Portuguesa de Pediatria
Formato: application/pdf
Publicado em 21/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.93%
O rim multiquístico (RM) consiste numa forma de displasia renal extrema em que o parênquima renal é substituído por múltiplos quistos, duetos e glomérulos primitivos sem qualquer função.Com o objectivo de avaliar se ocorreram modificações nos últimos anos na forma de diagnosticar, investigar e tratar as crianças com RM, efectuámos a análise retrospectiva dos 38 casos de RM seguidos no Hospital Pediátrico de Coimbra de 1989 a Fevereiro de 2000.Em 92% o diagnóstico foi efectuado na sequência de alteração detectada na ecografia pré-natal. Todas as crianças efectuaram investigação do rim contralateral com ecografia renal, cistografia miccional e cintigrama renal com isótopos. Foi detectada malformação no rim contralateral em 29% das crianças sendo o refluxo vesico-ureteral e a hidronefrose as mais frequentes. Quatorze (37%) crianças fizeram nefro-ureterectomia do RM. Dos 26 RM não operados ab initio, 7 reduziram de dimensões, 6 sofreram involução completa e 2 aumentaram de dimensões num período de tempo médio de 4,2 anos.Sete crianças tiveram pelo menos um episódio de infecção urinária.Em nenhuma se constatou hipertensão arterial ou degenerescência maligna do RM. Na última avaliação, com idade média de 4...

Rim Displásico Multiquístico de Diagnóstico Pré-Natal

Teixeira, Paulo; Madalena, Célia; Matos, Paula
Fonte: Sociedade Portuguesa de Pediatria Publicador: Sociedade Portuguesa de Pediatria
Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.06%
A história natural do rim displásico multiquístico unilateral não está ainda totalmente definida.Com o objectivo de avaliar a evolução clínica das crianças com esta patologia, a função, crescimento e anomalias do rim contralateral, os autores procederam à revisão dos processos clínicos das crianças enviadas à consulta de Nefrologia Pediátrica do HGSA, entre Janeiro de 1992 e Setembro de 1998, com o diagnóstico pré-natal de rim displásico multiquístico unilateral.O diagnóstico foi confirmado nas 16 crianças (8 raparigas; 8 rapazes) por cintilograma renal com DMSA.Foram encontradas anomalias do rim contralateral em 4 doentes (25%): RVU (1), Síndrome de Junção (1), dilatação pélvica sem obstrução (1), duplicação pielocalicial (1). Em nenhuma criança foi realizada nefrectomia do rim displásico.Em 7 crianças (43,8%) houve desaparecimento ecográfico do rim multiquístico.A hipertrofia do rim contralateral ocorreu em 14 casos (87,5%).Em 2 casos foi feita exérse do rim multiquístico, nos restantes optou-se por tratamento conservador, não se tendo verificado até à data ocorrência de complicações.Apesar da evolução aparentemente benigna desta patologia parece-nos necessária uma vigilância destas crianças a longo prazo.

Modélisation couplée multi-physique d’une hydrolienne RIM-DRIVEN; A multi physical approach for the design of RIM-DRIVEN Tidal Turbines

DROUEN, Laurent; CHARPENTIER, Jean-Frederic; HAUVILLE, Frédéric; ASTOLFI, Jacques Andre; SEMAIL, Eric; CLENET, Stéphane
Fonte: SHF Publicador: SHF
FR
Relevância na Pesquisa
37.01%
Le travail présenté concerne le développement d’une méthodologie de conception de systèmes hydroliens innovants de type RIM-DRIVEN pour la récupération de l’énergie des courants de marée. L’originalité d’un système RIM-DRIVEN réside dans la structure même de l’hydrolienne, inspirée directement des nouveaux systèmes de propulsion navale, où le rotor et le stator sont placés en périphérie de l’hélice et protégés par une tuyère, l’entrefer étant immergé. Au sein d’une structure de type RIM-DRIVEN les phénomènes électromécaniques, thermiques et hydrodynamique sont intimement couplés. Du fait du très fort couplage des phénomènes physiques au sein du système, cette méthodologie associe au sein d’un même environnement d’optimisation des modèles électromagnétiques et thermiques spécifiques de la génératrice avec des modèles hydrodynamique des performances de l’hélice et de l’écoulement dans l’entrefer. L’approche proposée est illustrée par une étude de cas qui concerne une machine de 10m de diamètre destinée à être implantée dans le Raz de Sein. Les modèles ont été validés par des résultats issus d’une campagne expérimentale sur un démonstrateur dédié.; This paper deals with the study of an unconventional design of marine tidal turbine where the electrical generator is located in the periphery of the blades and where the magnetic gap is underwater. This kind of solution called “RIM DRIVEN” structure allows increasing the compactness and the robustness of the system. Due to the strong interaction of the multi physical phenomena...

Lipocalina associada com gelatinase de neutrófilos humanos (ngal) para o diagnóstico da injúria renal aguda após transplante de rim

Lobato, Gisele Rodrigues
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.93%
Introdução: Na Nefrologia, e em particular nos transplantes renais, houve uma substancial evolução nos últimos anos. Atualmente a Lipocalina Associada à Gelatinase dos Neutrófilos Humanos (NGAL) é considerado um biomarcador precoce de injúria renal nos pacientes transplantados de rim. Metodologia: A revisão sistemática com enfoque diagnóstico – NGAL urinário e sérico versus creatinina para injúria renal aguda em rim transplantado pela AKIN (Acute Kidney Injury Network), foram realizadas nos seguintes bancos de dados: MEDLINE (Pubmed and OVID interface), Cochrane Central de registros de Estudos Controlados (CENTRAL), EMBASE, LILACS, SCOPUS, Web of Science, BIOSIS, GOOGLE ACADÊMICO, entre janeiro de 2000 até 20/07/2010. Foram procuradas também publicações através de busca manual, em periódicos médicos relevantes até maio de 2010 e listas de referência de artigos bem como resumos de conferências médicas em Congressos. Estudos comparando NGAL urinário e sérico e creatinina no diagnóstico da injúria renal aguda em rim transplantado, começaram a ser realizadas a partir de 2000. Os dados foram extraídos de forma independente por dois revisores que aferiam a qualidade do estudo e a qualidade dos dados extraídos. A extração dos dados inclui avaliar as características clínicas de cada estudo...

Segmentos anátomo-cirúrgicos arteriais do rim de ovinos da raça Santa Inês.; .

Carvalho, Maria Acelina Martins de; Departamento de Morfofisiologia Veterinária, Centro de Ciências Agrárias Universidade Federal do Piauí; Vale, Elizângela Falcão; Departamento de Morfofisiologia Veterinária, Centro de Ciências Agrárias Universi
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2007 POR
Relevância na Pesquisa
36.97%
O objetivo deste trabalho foi estudar a distribuição da artéria renal no parênquima renal e a área proporcional dos territórios vasculares do rim de ovinos da raça Santa Inês, visando determinar os segmentos passíveis de remoção cirúrgica. A vascularização arterial do rim de ovinos da raça Santa Inês foi analisada em quinze pares do órgão de animais machos, adultos, após obtenção de moldes vasculares, através das técnicas de repleção e corrosão, e de arteriografias. A artéria renal apresentou-se sempre única e, antes de alcançar o hilo do rim bifurcava-se nas artérias setoriais, dorsal e ventral, as quais originavam as artérias segmentares, variando de 6 a 10 no rim direito e 7 a 11 no rim esquerdo. Estes vasos vascularizavam áreas independentes em cada setor renal, os segmentos arteriais renais, separados por planos avasculares. A simetria bilateral da segmentação arterial foi encontrada em 13,33% dos casos. A caracterização arterial e distribuição dos segmentos arteriais nos setores dos rins de ovinos da raça Santa Inês permitem a realização da setoriectomia e da segmentectomia.; Anatomical surgical arterial segments of the kidneys of Santa Inês ovines. The main goal of the study was describe the distribution of the renal arteries of the renal parenchyma and the proportional area of the arterial vascular system. The renal arterial vascularization in Santa Ines ovines was analyzed in fifteen pairs of organs of male adult animal...