Página 1 dos resultados de 7 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

Cotidiano de cuidados à pessoa com depressão na pós-modernidade: uma cartografia; Routine care to the individual suffering from depression in postmodernity: cartography

Gonçales, Cintia Adriana Vieira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
16.99%
O ser humano vive uma época de transição nominada por alguns autores de pós-modernidade, com vários paradigmas convivendo concomitantemente. Neste panorama mundial, o campo da saúde mental vem passando por transformações e com ele o processo de trabalho em seu cotidiano também. O objetivo desta tese foi descrever e analisar o cotidiano de cuidados à pessoa com depressão. O cuidado dentro de seu aspecto molar, o instituído, está presente representado pelas políticas públicas. Mas e o cuidado como força instituinte tem se manifestado ou não? É uma pesquisa cartográfica que buscou com os trabalhadores de um CAPS do município de São José dos Campos mapear o cotidiano de cuidados de uma pessoa com depressão, incluindo o estudo de seu caso, análise documental, observação participante e entrevistas com o usuário, com os membros da equipe de saúde mental e com as demais pessoas que participaram ativamente de seu cotidiano. Como ferramenta de coleta e análise de dados, utilizou-se o fluxograma analisador do modelo de atenção de um serviço de saúde descrito por Merhy. A análise teve como norte a produção da autoanálise e da autogestão, os trabalhadores produzindo análises a respeito de seu trabalho, gerindo seus próprios processos e construindo suas respostas. Na perspectiva do cotidiano de cuidados...

Assentamentos rurais do MST: práticas espaciais, representações e conflitos; Rural settlements of MST: spatial practices, representations and conflicts

Nogueira, Amauri Tadeu Barbosa
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/07/2012 PT
Relevância na Pesquisa
16.99%
Esta análise tem como objetivo compreender os conflitos no interior das práticas sociais e estratégias de luta por meio das representações sociais que cada sujeito e/ou segmento social faz de si mesmo e dos outros, e seus rebatimentos em assentamentos rurais no período de 2000 até 2012. Definimos como área de pesquisa os Assentamentos Roseli Nunes no município de Piraí localizado no estado do Rio de Janeiro e Mário Lago localizado no município de Ribeirão Preto no estado de São Paulo. Como estratégia, realizamos entrevistas semiestruturadas junto a assentados, líderes assentados e agentes mediadores, uma vez que levamos em conta não só a desigualdade social entre os sujeitos, como também a existência de uma distinção dos seus projetos e aspirações. A partir dos resultados obtidos concluímos que, as representações que mediaram o processo sofreram territorializaçãoes, desterritorializaçãoes e reterritorializações, tanto na ordem organizativa, produtiva, quanto na luta pelo reconhecimento dos assentados e segmentos envolvidos, demonstrando que os sujeitos dos assentamentos podem viver e experienciar diferentes territorialidades contraditórias e desiguais sem deixar de ser eles mesmos. Ou seja, os acampados e assentados de forma dinâmica...

O ambiente virtual : uma investigação sobre a relação entre tecnica e semiotica

Marcelo Araujo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2003 PT
Relevância na Pesquisa
16.99%
o objetivo da tese foi investigar o surgimento e a concretização do ambiente virtual (AV). Este pode ser visto como a concretização de um novo tipo de ambiente advindo da fusão da técnica com a semiótica. O processo de virtualização nasce da articulação entre técnica e semiótica. O AV não é uma maquinaria puramente técnica. Nele a técnica se virtualiza e se atualiza como semiótica. Para defender esta tese, utilizamos conceitos estabelecidos por Gilles Deleuze e Felix Guattari, que consideramos os mais pertinentes para a análise proposta. Procuramos construir um plano de consistência conceitual para a problemática criada com o surgimento do AV. Este é mais que um conjunto de abstrações, ele estabelece novos espaços concretos, que abrem oportunidades para o campo educacional. Do AV emerge uma máquina abstrata que provoca desterritorializações e reterritorializações. E a partir dele podem surgir linhas de fuga criadoras mas também linhas de fuga que paralisam as oportunidades de transformação. A máquina abstrata ambiente virtual possui regimes semióticos que devemos mapear e programas que devemos conhecer, pois ela está sobrescrevendo outras máquinas abstratas, inclusive a educacional. É preciso saber distinguir o plano técnico do programa tecnocrático.; The main goal of this thesis was to investigate the appearance and consolidation of the virtual environment. The virtual environment can be seen as the consolidation of a new type of environment originating from the fusion of the technique with semiotics. The virtualization process is a result of the articulation between technique and semiotics. The virtual environment is not a purely tecnhical machine. In it the technique becomes virtual and updates itself into semiotics. To advocate this thesis...

Antigos e novos olhares sobre o Maciço do Morro da Cruz

Tomás, Elaine Dorighello
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 361 p.| il., grafs., mapas, tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
16.99%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Geografia, Florianópolis, 2012; Os elevados indicadores sociais de Florianópolis apontam para uma cidade com ótima qualidade de vida; aliado a essa concepção, está também o fato de Florianópolis possuir muitos atrativos naturais. O Maciço do Morro da Cruz (MMC), situado na porção central da Ilha de Santa Catarina, não integra este cenário amplamente divulgado na mídia. É um espaço quase invisível à percepção dos demais moradores e que apesar de integrar o distrito-sede da cidade de Florianópolis, não se inclui neste cenário "paradisíaco". Sua população, apesar de viver em uma área central do atual aglomerado urbano, é considerada periférica à cidade. Situada em área de assentamentos precários, não escapa a problemas urbanos de ordem social e ambiental comuns a tantas cidades brasileiras e a outros países periféricos. Composta por aproximadamente 18 comunidades, durante muito tempo sofreu pela completa ausência de investimentos públicos e pela falta de reconhecimento de seus direitos cidadãos, sob a alegação de que ocupavam "assentamentos irregulares". Como objetivo geral desta tese coloca-se a análise do histórico e da construção das diversas territorialidades constituídas ao longo do tempo no espaço do Maciço do Morro da Cruz...

A expansão da cana-de-açúcar na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba (MG): o discurso da modernidade e as des-(re)-territorializações nos Cerrados do município de Ibiá

Faria, Arley Haley
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
16.99%
Neste trabalho, procuramos analisar a instalação e expansão das lavouras de cana-de-açúcar na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, no Estado de Minas Gerais, Brasil. Damos especial atenção a um empreendimento instalado no município de Ibiá. Analisamos a chegada deste capital canavieiro e a reestruturação da base fundiária do município em novas territorialidades, além das transformações ocorridas nas cadeias produtivas com a substituição das culturas agrícolas tradicionais da região. A realização deste trabalho foi possível à custa de diversas incursões ao campo, ocorridas entre março de 2008 e abril de 2010, época em que nos deparamos com a contraposição entre os agentes evolvidos com o capital canavieiro de um lado, proprietários de terras e produtores rurais de outro, em ações de afirmação territorial a fim de manter seus interesses produtivos na região. Demonstramos como o capital agrícola que chega à região na década de 1960 e se intensifica nas duas décadas finais do século passado vêm sendo reestruturado, em uma substituição de agentes e em ciclos produtivos que se concatenam transfigurando a realidade agrária do município, reinventando e deixando resíduos, marcas e resistências no espaço estudado. Os antigos produtores rurais presentes na região em momento anterior à chegada do empreendimento sucroalcooleiro...

As tramas da des(re)territorialização camponesa: a reinvenção do território veredeiro no entorno do Parque Nacional Grande Sertão-Veredas, Norte de Minas Gerais

Martins, Geraldo Inácio
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
28.13%
A elaboração desta pesquisa parte da perspectiva de compreender o encontro entre as políticas de modernização da agricultura e de conservação ambiental sobre o território dos camponeses veredeiros, na região Norte de Minas Gerais, especificamente, o Projeto de Assentamento Dirigido a Serra das Araras e o Parque Nacional Grande Sertão Veredas. Buscamos essencialmente analisar em que termos este encontro conduziu a des-reterritorizalização, as implicações sobre o território e suas representações e a metamorfoses da relação homemnatureza. Como referência empírica, o ‘lócus’ de investigação é o Projeto de Assentamento São Francisco, localizado no município de Formoso, Minas Gerais. Originalmente, este assentamento foi criado para receber os moradores expropriados de seus territórios pelas políticas públicas. Para esta análise a pesquisa de campo, as fontes orais e os documentos históricos foram fundamentais, tanto no que se refere ao movimento da teoria, como para a compreensão das mudanças e rupturas vividas por estes veredeiros. O que ficou claro é que os processos de desterritorialização ao longo do tempo se sucederam. Primeiro, temos a desterritorialização pelo avanço da agricultura capitalista e pelo enclausuramento da Unidade de Conservação. Assim...

Des-reterritorializações: percursos possíveis do romance afro-brasileiro recente; De-reterritorializations: possible routes of recent African Brazilian novel

C. Thomaz, Paulo; Universidade de Brasília
Fonte: Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea; Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea; Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea Publicador: Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea; Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea; Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2015 POR
Relevância na Pesquisa
16.99%
Este estudo consiste em analisar, desde o conceito de multiterritorialidade, elaborado pelo geógrafo Rogério Haesbaert, alguns percursos diaspóricos das personagens do romance afro-brasileiro Um defeito de cor (2006), da escritora Ana Maria Gonçalves. Na narrativa, que se desenvolve na África e no Brasil do século XIX, daremos destaque à protagonista, Kehinde, em sua mobilidade material e simbólica pelos continentes africano e americano. Para Haesbaert, o aspecto imanente da multiterritorialização na vida dos indivíduos e dos diferentes grupos humanos tem sido desestimado pelo “mito” da desterritorialização. Em lugar de uma simplista desterritorialização desenraizadora, teríamos um permanente processo de reterritorialização, espacialmente descontínuo e sumamente complexo. Assim, é desde um mover-se como des-reterritorialização, por um lado, simbólica e cultural, e, por outro, política e econômica, que pensaremos esses percursos diaspóricos das personagens da obra.; This study analyzes, through the concept of multiterritoriality, by geographer Roger Haesbaert, the  diasporic journeys of the characters of Um defeito de cor (2006), an African-Brazilian novel written by Ana Maria Gonçalves. Considering the novel...