Página 1 dos resultados de 2013 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Remuneração dos administradores nas sociedades cotadas : determinantes e enquadramento legal

Machado, Daniela Filipa Zamora
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
Este trabalho revisita um tópico que tem sido central nas discussões económico/políticas nos anos posteriores ao deflagrar da crise em 2006: a remuneração dos administradores das sociedades cotadas. O estudo da literatura pré-existente, em relação ao nosso estudo, levou-nos a questionar quais seriam os determinantes da remuneração e também a indagar acerca do enquadramento legal deste tema. Analisamos, assim, a legislação comunitária e nacional que regia esta temática (de 2010 a 2012). De acordo com as recomendações da CMVM as sociedades cotadas devem revelar os detalhes da remuneração auferida individualmente pelos seus administradores. Foi a partir da análise dos relatórios e contas, entre 2010 e 2012, de 39 sociedades cotadas, que nos foi possível construir uma base de dados para analisar os determinantes da remuneração. Através de uma revisão da literatura existente chegamos à conclusão que o desempenho da sociedade era considerado, por muita desta literatura, como um mecanismo a utilizar na minimização dos problemas de agência. Decidimos assim tentar apurar qual o efeito do desempenho da sociedade, e da sua dimensão, na remuneração dos administradores. Encontramos evidências de que o desempenho da sociedade não influencia a remuneração dos administradores...

Relação entre a remuneração do conselho de administração, o desempenho financeiro das empresas e a responsabilidade social na Península Ibérica

Ferreira, Diana Catarina Lourenço
Fonte: Instituto Politécnico de Leiria Publicador: Instituto Politécnico de Leiria
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 29/10/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Dissertação de Mestrado em Finanças Empresariais apresentada à ESTG - Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Leiria.; Num mercado cada vez mais competitivo, surgem questões que se tornam essenciais à sobrevivência de uma empresa. Este trabalho visa estudar a remuneração dos membros do conselho de administração, pois uma adoção errada da política de remuneração pode comprometer a eficácia da gestão e originar uma situação grave, que pode mesmo destruir a empresa. Especificamente, este trabalho visa estudar as variáveis que influenciam a remuneração dos membros do conselho de administração. Deste modo, analisa-se a influência do desempenho financeiro e da responsabilidade social das empresas (RSE), na remuneração total, remuneração fixa e remuneração variável. Para estudar esta relação é utilizada uma amostra de 122 empresas cotadas em Portugal e Espanha e toma-se como referência o ano de 2010. Através da utilização de modelos OLS, foram testadas as hipóteses, concluindo-se que a rendibilidade de mercado influência negativamente a remuneração total e a remuneração fixa. Verifica-se, também, uma influência positiva da rendibilidade dos ativos na remuneração variável...

Fatores contingenciais à estratégia de remuneração da força de vendas; Contingencial factors to sales force compensation strategy

Plothow, Célia Bueno de André
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.37%
A força de vendas ocupa papel importante no desempenho das organizações, e em especial naquelas do mercado industrial. As decisões que envolvem a gestão da força de vendas, principalmente as referentes à remuneração, revestem-se de importância, dado seu potencial impacto no desempenho desses profissionais. Esta dissertação, embasada na teoria da contingência, pressupõe que não há um sistema de remuneração ?ótimo ou ideal? e, sim, aquele que melhor se ajusta ao contexto e objetivos organizacionais. Deste modo, a efetividade da estratégia de remuneração depende da existência de ajuste a certos fatores contingenciais aos quais a organização está sujeita com potencial de afetar o sistema. O construto de estratégia de remuneração foi operacionalizado através do repertório de escolhas a disposição dos gestores que têm impacto no desempenho da organização e no uso efetivo de seus recursos humanos. Especificamente quanto à estratégia de remuneração de vendas, a composição da remuneração é uma das escolhas relevantes, por se tratar de escolha na qual reside grande variabilidade entre as empresas, eventualmente de mesmo setor, o que sugere ser fortemente influenciada por fatores contingenciais. Esta dissertação objetiva então...

Expectativa de remuneração como atributo de atratividade da profissão de auditoria independente no Brasil; Expected compensation as an attribute of attractiveness for the independent auditor profession in Brazil

Marques, Claudio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.35%
A proposta central do estudo foi investigar se o valor da remuneração pode influenciar na preferência ou atratividade da auditoria independente como uma alternativa de ocupação profissional no ambiente brasileiro. Teve como foco os alunos do curso de ciências contábeis que são os prováveis candidatos a optar por essa atividade profissional. Para alcançar tal objetivo, foi definido como estratégia de pesquisa o desenho quase-experimental, conduzido com 240 alunos pertencentes às instituições públicas estaduais e federais no Brasil, em que os sujeitos participantes foram direcionados aleatoriamente ao grupo de controle ou ao grupo experimental. Cada grupo recebeu algumas ofertas de trabalho nas três atividades profissionais definidas para a pesquisa, cuja tarefa dos integrantes era dizer se aceitava ou não a vaga ofertada. A diferença entre o grupo de controle e o experimental foi o estímulo da remuneração apresentada para o grupo de experimento. A metodologia aplicada nas mensurações compreendeu basicamente análises de frequência dos grupos e testes não paramétricos para verificar a existência ou não de diferenças de média entre os grupos. Os resultados indicaram o aceite da primeira hipótese de que a preferência pela atividade de auditoria é influenciada pela percepção do valor da remuneração e...

Efeito tributário na configuração do sistema de remuneração gerencial; Tax effects on the configuration of compensation systems

Zaro, Cláudio Soerger
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.3%
O presente trabalho busca verificar qual a influência da tributação sobre os incentivos dos sistemas de remuneração e se o efeito da tributação e de incentivos diferencia-se entre níveis hierárquicos. A literatura de teoria de agência sugere que maior ênfase nos propósitos de incentivo da remuneração culminará em maior proporção de pagamentos via bônus anuais. A consulta da legislação tributária, por sua vez, cria a expectativa de que a priorização de propósitos tributários na determinação das formas de remuneração refletirá em maior proporção de participação nos lucros. Essa ordenação diferenciada é adequada a perspectiva da teoria do trade-off, que argumenta que a ênfase em um fator gera um efeito inverso em outro, e que diante disso, as organizações procuram equilibrar as dimensões consideradas. Além disso, é esperado que, em função de mais níveis de monitoramento e também em função da menor precisão de opções de ações para níveis hierárquicos mais baixos, apresente-se ênfase em propósitos de incentivo na remuneração executiva enquanto se priorize propósitos tributários na remuneração de média gerência. Para a análise empírica destas relações, os dados foram coletados por meio de questionário enviado para as empresas que publicaram balanços no ano de 2012 e participaram da base da Revista Exame...

Remuneração variável de executivos em empresas familiares brasileiras; Variable remuneration of executives in Brazilian family businesses

Silva, Julio Orestes da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37.42%
Esta tese teve por objetivo verificar o impacto da influência familiar na discricionariedade da determinação da remuneração dos executivos em empresas brasileiras. Assume-se que a visão tradicional da relação principal x agente é fundamentalmente distinta nas empresas familiares, nas quais a propriedade e a gestão se confundem, se não totalmente, pelo menos em parte. Nesse caso, questionam-se o uso e função da remuneração por incentivo como mecanismo de alinhamento de interesses. Existem evidências de que as empresas familiares tendem a estruturar planos de incentivo com menor uso de remuneração variável, parte pelo controle natural e implícito da presença familiar na empresa, parte, por não ser compatível com preservação da riqueza socioemocional. Essas evidências influenciam nas relações esperadas: (a) quanto maior a influência familiar menor a tendência para fornecer remuneração variável aos executivos; (b) quanto maior a influência familiar maior a propensão para uso de flexibilidade na avaliação de desempenho para a determinação da remuneração variável dos executivos; (c) quanto maior a propensão para uso de flexibilidade na avaliação de desempenho menor a tendência para fornecer remuneração variável aos executivos. Para analisar essas relações...

Pressupostos e proposta de modelo para a remuneração do trabalho do médico cirurgião nas operadoras de planos de saúde

Soares, Adriano Leite
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.4%
Os prestadores de serviços de saúde e, para este estudo, principalmente o médico, cuja atuação interfere diretamente tanto nos resultados da terapêutica instituída, como também na determinação dos custos dos diversos sistemas de saúde, têm a remuneração profissional como prioridade na agenda dos diversos participantes do setor, quer seja no Sistema Único de Saúde, quer principalmente no setor de saúde suplementar. Devido ao ritmo inflacionário do setor e às exigências estabelecidas pela regulamentação dos planos de saúde, os valores de remuneração dos prestadores de serviços têm crescimento menor que os índices inflacionários gerais. Os modelos de remuneração existentes, de forma isolada, não suprem as expectativas de todos os recursos credenciados, e, mesmo em um único sistema de saúde, os diferentes mecanismos de pagamento podem combinar-se, não sendo obrigatória a existência de somente um método de remuneração para cada sistema, pois mesmo na remuneração do médico, por esta remuneração não atender às expectativas das diversas especialidades, poderá levar a um desequilíbrio entre oferta e demanda de profissionais de certas áreas da Medicina. O objetivo deste trabalho é elencar, dentre os diversos modelos de pagamento...

Remuneração variável : visão crítica da customização da gestão

Moreira, Vera Susana Lassance
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.35%
O trabalho propõe a análise da remuneração variável a partir da perspectiva da contemporaneidade ou pós-modernidade e seus efeitos na subjetividade dos indivíduos. A partir da desnaturalização da remuneração variável, tratada como caso pensamento, este trabalho estuda os efeitos desta prática no sujeito da contemporaneidade. São problematizadas diversas dobras que compõe a subjetividade e que constituem o sujeito que trabalha. Para este estudo foi utilizada a análise genealógica característica do pensamento de Foucault, tratando a remuneração variável como um acontecimento e, portanto, essencialmente construído. Na forma de acontecimento a remuneração variável, se caracteriza como ruptura das evidências e da hegemonia da forma de relação de trabalho assalariado. Na especificidade deste trabalho o método visa devolver a prática social da RV à sua origem, questionar a unicidade que cerca o conceito e sua utilização prática. A análise parte da apresentação de personagens conceituais conforme conceito de Deleuze e Guatarri (1992) o forneiro, o vendedor, o orientador agrícola, o professor e o gerente e que trazem à tona alguns conceitos, como trabalho imaterial, poder, psicodinâmica do trabalho e uma abordagem dos efeitos da modernidade líquida no indivíduo Esta forma de remuneração traz em si algumas premissas de individualização e mensuração que estão distantes das formas burocráticas das organizações entrando em conflito direto com a estrutura. O conceito de trabalho imaterial confronta as organizações com a ambigüidade entre a equiparação característica da burocracia tradicional e a diferenciação como uma demanda da modernidade líquida. Do ponto de vista do poder o trabalho visa analisar as propostas de remuneração variável à luz da perspectiva do biopoder...

A remuneração estratégica : estudo de caso da empresa Micropoint Informática Ltda.

Santos, Raquel Alvira dos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Muito se fala sobre a globalização com seus pontos positivos e negativos. Contudo, entre os vários prós e contras do mundo globalizado, encontram-se as mudanças no universo corporativo. A busca por fatias importantes do mercado demonstra que as relações entre empregadores e empregados estão cada vez mais afinadas ao mesmo objetivo, o crescimento. Nesse contexto, a remuneração estratégica vem se destacando como um diferencial na conquista de resultados tanto para as empresas quanto para os colaboradores. Se por um lado ela é um facilitador dos empresários para manter ou conquistar talentos, por outro ela pode ser a motivação do empregado em melhorar seu desempenho e conquistar seus objetivos pessoais como melhores salários, cargos, carreira e, consequentemente, uma vida melhor. Resta saber se a remuneração estratégica pode servir como elemento de motivação para essas conquistas. Se ela eleva o grau de comprometimento e desempenho dos colaboradores, bem como se desperta o interesse dos empreendedores em mudar sua visão empresarial. Essa pesquisa buscou possibilitar o entendimento e a relação entre remuneração estratégica e motivação, através de um estudo de caso, com a equipe de vendas da empresa Micropoint Informática Ltda. Procurou-se investigar e analisar a efetividade da remuneração estratégica como fonte de motivação dos funcionários...

Sistemas de remuneração no setor metal-mecânico de Caxias do Sul

Copelli, Flávio Luiz
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.3%
O objetivo deste estudo é identificar as formas de remuneração adotadas pelas empresas do setor metal-mecânico de Caxias do Sul, o nível de satisfação com a aplicação destes sistemas e a possibilidade de adoção de novos modelos. Diante deste estudo, pretende-se, também, apresentar uma proposta de remuneração por habilidades para uma empresa do setor, com o intuito de desencadear uma reflexão sobre o sistema proposto. Espera-se, com isso, reunir informações que sirvam de subsídios para o aperfeiçoamento dos sistemas de remuneração das empresas do setor e suas relações de trabalho. Para cumprir com tais objetivos, foram realizadas duas pesquisas. A primeira, de caráter exploratório, procurou conhecer as práticas de remuneração de 20 empresas representativas do setor; a segunda, pesquisa-ação, descreveu os passos necessários à construção de um sistema de remuneração por habilidades em uma empresa do setor. Os resultados da pesquisa exploratória apontam que as empresas estão vivendo um momento de questionamento sobre a forma como remuneram seus funcionários. Algumas estão inovando e adotando sistemas considerados na literatura mais adequados aos novos modelos de gestão como, por exemplo, a participação nos lucros...

Estrutura de propriedade e remuneração executiva : efeitos diretos e indiretos da regulamentação

Victor, Fernanda Gomes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
A divulgação obrigatória de informações sobre a remuneração executiva, ao aumentar a capacidade de monitoramento pelos acionistas externos, torna mais difícil camuflar tanto o nível da remuneração dos executivos quanto sua fraca ou inexistente sensibilidade ao desempenho da empresa. Presume-se que essa maior capacidade de monitoramento poderia acarretar em melhoria da sensibilidade da remuneração executiva ao desempenho da empresa. Entretanto, presumir que tal melhoria seja uniforme entre as empresas significa ignorar o potencial conflito de interesses entre acionistas controladores e minoritários, que prevalece em muitas companhias abertas brasileiras. Por essa razão, no presente estudo investiga-se se a aprovação da Instrução Normativa 480/2009, vigente a partir de 2010, da Comissão de Valores Mobiliários, conduziu à adoção de estruturas mais eficientes de remuneração, com base no valor da remuneração média dos executivos das companhias abertas listadas na BM&FBovespa. Assim, buscou-se identificar o impacto da introdução da divulgação compulsória de informações relativas à remuneração executiva sobre a relação payperformance- sensitivity dessa remuneração, levando em conta os mecanismos internos de governança corporativa da empresa...

Análise das características da remuneração variável nas 100 maiores empresas de Santa Catarina

Marquart, André
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 134 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Contabilidade, Florianópolis, 2009.; As organizações buscam, entre outros fatores, resultados econômicos e financeiros positivos, para que possam aumentar seus investimentos, obter créditos, valorizar suas ações, remunerar seus acionistas, recompensar seus colaboradores e por fim garantir a estabilidade da organização. Para que a organização obtenha estes resultados, deve planejar constantemente suas ações, de modo a estabelecer objetivos e metas a serem alcançados nos próximos períodos. É a partir destas definições que a estratégia organizacional começa a ser colocada em prática, fazendo com que cada setor ou unidade da empresa determine suas metas especificas a partir das definições dos objetivos do planejamento. Desta forma, a busca destes resultados faz com que toda a organização seja envolvida no processo. A remuneração tem um papel fundamental neste processo, representando não só a troca dos serviços do colaborador por incentivos monetários e não monetários, mas também transmitir a expectativa do desempenho individual, do grupo ou equipe de trabalho e da organização em determinado período. Têm-se atualmente dois sistemas de remuneração...

Determinantes das políticas de remuneração nas empresas portuguesas

Duarte, Carlos Manuel Coelho
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 13/11/2007 POR
Relevância na Pesquisa
37.35%
JEL: G35, J33; Este trabalho analisa os factores determinantes do pagamento de remuneração variável aos colaboradores das empresas portuguesas, através de uma amostra que se mostrou representativa da realidade empresarial portuguesa, relativa aos anos de 2002 e 2003, abrangendo cerca de 28.600 colaboradores. O estudo faz a distinção sob duas vertentes: a decisão de pagar ou não remuneração variável, e o montante da remuneração variável. O trabalho baseia-se na teoria da agência e na teoria do mercado interno de trabalho. Os resultados apurados confirmam que estas duas realidades se suportam em distintos modelos. As hipóteses em estudo são testadas recorrendo a diferentes modelos com variável dependente discreta ou, apesar de contínua, limitada no seu domínio, com vista a identificar o conjunto de características das empresas e dos colaboradores que explicam o montante e a probabilidade de auferir remuneração variável e quais os determinantes das diversas forma de remuneração e as possíveis interacções entre elas. Os resultados mostram que o potencial de promoção e carreira constitui uma alternativa à utilização de remuneração variável e que a remuneração variável é mais utilizada para os níveis hierárquicos mais elevados...

Remuneração em opções de ações: o SFAS 123 revisado

Galdi,Fernando Caio; Carvalho,L Nelson
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.33%
Diferentes mecanismos de remuneração têm sido desenvolvidos com o intuito de estimular os empregados a agir com foco na maximização do valor da firma. Uma das maneiras utilizadas pelas empresas na busca desse objetivo é a remuneração vinculada à entrega de ações ou opções de ações da empresa para os empregados (chamada genericamente de remuneração baseada em ações) em troca de seus serviços. Contudo, a utilização desse instrumento acarreta algumas questões controversas para a Contabilidade. Esse tipo de remuneração deve ser reconhecido como despesa? Opções de compra lançadas pela empresa para a remuneração de seus funcionários representam um passivo ou um item do patrimônio líquido? Por qual valor deve ser mensurado esse tipo de remuneração? E qual o período que deve ser considerado para a contabilização? No intuito de regulamentar o assunto, o FASB emitiu o SFAS 123 revisado. Este trabalho aborda os temas relacionados com a remuneração baseada em ações, concentrando-se na remuneração com opções de ações, e objetiva expor e analisar o arcabouço conceitual do SFAS 123 revisado. Para isso apresenta a evolução histórica da controversa normatização do tema, discorre sobre os principais conceitos emanados do SFAS 123 revisado e aborda a argumentação utilizada pelo FASB para o embasamento teórico da norma.

Comprometimento organizacional e regime de remuneração: estudo em uma carreira pública de auditoria fiscal

Oliveira,Maria Joselice Lopes de; Cabral,Augusto Cézar de Aquino; Santos,Sandra Maria dos; Pessoa,Maria Naiula Monteiro; Roldan,Vivianne Pereira Salas
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.4%
No contexto da carreira de auditoria da Receita Federal, utilizou-se, por cerca de nove anos, o regime de remuneração variável, vinculado à avaliação do desempenho individual e ao alcance de metas de arrecadação. A partir de 2008, esse sistema remuneratório foi substituído pela modalidade de retribuição pecuniária por subsídio, fixado em parcela única, sem gratificações ou recompensas. O novo modelo marca o fim das metas de desempenho individual e institucional para fins remuneratórios. Dada essa realidade, a pesquisa pretende responder à seguinte questão: Que efeito a mudança do modelo de remuneração variável para remuneração por subsídio causa no comprometimento organizacional no âmbito da carreira de auditoria do fisco federal? O objetivo geral é investigar a relação do comprometimento organizacional com os modelos de remuneração variável e por subsídio. Para isso, são considerados dois momentos distintos de forma de remuneração: sob o regime de pagamento variável, vinculado ao desempenho individual e ao alcance de metas da organização, e no segundo momento sob a forma de remuneração por subsídio, sem qualquer vínculo com as metas organizacionais ou desempenho individual. A pesquisa é de natureza quantitativa e descritiva quanto aos fins...

O Fundef e o Fundeb como política de financiamento para a valorização do magistério: efeitos na carreira e na remuneração dos professores da rede pública estadual de ensino do RN

Ferreira, Maria Aparecida dos Santos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.37%
Le présent étude analyse les effets de la politique de financement de l éducation de base, par les Fonds contables, Fundef et Fundeb, et sa proposition de valorisation de l enseignement, en considerant les dimensions de la carrière et de la rémunération des professeurs de l éducation publique de l état du Rio Grande do Norte, entre les années de 1996 et 2000. Pour comprendre les contraintes de l évaluation des politiques publiques, en cherchant aussi les contribution en Marx (1996) selon qui « le concret est concret » et que la dialétique du concret peut appuyer pour la tentative de capter le fenomène étudié. On a utilisé encore le référentiel bibliographique relatif au financement de l éducation et la valorisation de l enseignement à partir de la littérature reférente aux dimensions de l objet (Fundef et Fundeb) et (carrière et rémuneration). Dans la recherche documental, au-delà des législations, directrices nationales et locales pertinentes, se sont utilisés des donnés référents aux ressources, disponibles à la Finbra, Trésor National, SIOPE/RN, INEP/MEC, des informations du résumé de la feuille et feuille de payement du Secrétariat d État, de l Éducation et de la Culture (SEEC) et 289 bulletins de salaire de 21 professeurs. On a réalisé interview semi structurée avec une quantité de 9 professeurs...

Avaliação de desempenho e remuneração de executivos nas melhores empresas para se trabalhar no Brasil

Santos, Vânia Arcelino dos
Fonte: Universidade Federal de Goiás; brasil; UFG; Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Economia (RG); Ciências Contábeis (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; brasil; UFG; Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Economia (RG); Ciências Contábeis (RG)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
37.43%
As transformações que as empresas vivenciaram ao longo dos anos exigem, dentre outras políticas, a criação e implantação de novos sistemas de remuneração para mediação dos conflitos de agência, que surgem com o distanciamento do detentor do capital (proprietário) e dos executivos que são contratados para gerenciar essas organizações. Um mecanismo utilizado para mediar estes conflitos é a remuneração, a qual normalmente é proposta com base na avaliação de desempenho destes gestores. Neste sentido, este trabalho tem como objetivo verificar a relação entre a avaliação de desempenho e a remuneração de executivos nas melhores empresas para se trabalhar no Brasil. Ao escolher as “Melhores empresas para você trabalhar” no Brasil, tem-se como pressuposto que essas organizações possuem uma relação de destaque com seus empregados, sendo uma boa fonte de pesquisa. O estudo foi desenvolvido a partir das empresas listadas no ranking “Melhores empresas para você trabalhar” no Brasil, publicadas pela revistas Exame e Você S/A das edições de 2009 a 2013. Trata-se de uma pesquisa descritiva, bibliográfica e quantitativa. Para desenvolvimento do trabalho e responder a questão de pesquisa, criou-se três modelos de regressão múltipla para verificar a relação da avaliação de desempenho (individual...

Relação entre a remuneração de executivos e o desempenho financeiro dos bancos brasileiros de capital aberto

Castilho, Zhara Helou Ribeiro de
Fonte: Universidade Federal de Goiás; brasil; UFG; Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Economia (RG); Ciências Contábeis (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; brasil; UFG; Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Economia (RG); Ciências Contábeis (RG)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
37.38%
O setor financeiro é um dos setores que mais remuneram seus executivos, neste sentido, sob a ótica da Teoria da Agência, espera-se um alinhamento entre os incentivos fornecidos aos executivos e o desempenho financeiro dos bancos. O objetivo geral da pesquisa foi verificar a relação entre a remuneração da diretoria estatutária e o desempenho financeiro dos bancos brasileiros. Para o desenvolvimento da pesquisa utilizou-se regressão múltipla estimada pelo modelo dos mínimos quadrados ordinários para testar uma amostra de 26 bancos de capital aberto entre os anos de 2009 a 2013. De acordo com os resultados obtidos, apenas o retorno sobre ativos demonstrou relação positiva com a remuneração dos executivos. Entretanto, a variável lucro por ação se relacionou negativamente com a remuneração executiva, ou seja, quanto maior for o lucro por ação, menor é a remuneração dos executivos. O retorno sobre o patrimônio líquido não demonstrou relação com a remuneração dos executivos. Em relação ao tamanho dos bancos e número de executivos, ambos possuem relação com a remuneração, verificando que há aumento da remuneração dos executivos quando há aumento dos Ativos Totais dos bancos, e que as maiores remunerações vão para os cargos hierarquicamente mais altos. Por fim...

Remuneração em opções de ações: o SFAS 123 revisado; Share option awards: SFAS 123 revised

Galdi, Fernando Caio; Carvalho, L Nelson
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2006 POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Diferentes mecanismos de remuneração têm sido desenvolvidos com o intuito de estimular os empregados a agir com foco na maximização do valor da firma. Uma das maneiras utilizadas pelas empresas na busca desse objetivo é a remuneração vinculada à entrega de ações ou opções de ações da empresa para os empregados (chamada genericamente de remuneração baseada em ações) em troca de seus serviços. Contudo, a utilização desse instrumento acarreta algumas questões controversas para a Contabilidade. Esse tipo de remuneração deve ser reconhecido como despesa? Opções de compra lançadas pela empresa para a remuneração de seus funcionários representam um passivo ou um item do patrimônio líquido? Por qual valor deve ser mensurado esse tipo de remuneração? E qual o período que deve ser considerado para a contabilização? No intuito de regulamentar o assunto, o FASB emitiu o SFAS 123 revisado. Este trabalho aborda os temas relacionados com a remuneração baseada em ações, concentrando-se na remuneração com opções de ações, e objetiva expor e analisar o arcabouço conceitual do SFAS 123 revisado. Para isso apresenta a evolução histórica da controversa normatização do tema, discorre sobre os principais conceitos emanados do SFAS 123 revisado e aborda a argumentação utilizada pelo FASB para o embasamento teórico da norma.; Different kinds of awards have been developed to stimulate employers to focus on the maximization of the fi rm value. To reach this target...

Influências da remuneração de executivos na congruência de metas; The influence of the executive remuneration in the congruence of the goals

Oyadomari, José Carlos Tiomatsu; Universidade Presbisteriana Mackenzie - São Paulo - SP; Cesar, Ana Maria Roux Valentini Coelho; UPM - São Paulo - SP; Souza, Eliane Ferreira de; UPM - São Paulo - SP; Oliveira, Magda Aline de; UPM - São Paulo - SP
Fonte: UFSC Publicador: UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/02/2010 POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-8069.2009v6n12p53Na busca por desempenho econômico superior as pessoas são vistas como fonte de vantagem competitiva e, como tal, geradoras de valor para o negócio à medida que cumprem as metas necessárias para o bom desempenho da organização. Ocorre que, muitas vezes, as metas pessoais não estão em consonância com as metas organizacionais, provocando a não congruência de metas, a qual se agrava quando há uma política de remuneração variável que estimule essa não congruência. Como esta questão tem sido pouco estudada no Brasil, este estudo tem o objetivo de identificar quais são as práticas de remuneração variável adotadas pelas empresas e como as metas de remuneração estão atreladas às metas oriundas do Sistema de Controle Gerencial e, também, se há congruência entre as metas individuais e organizacionais. O estudo foi desenvolvido junto a 21 empresas de grande porte, a maioria pertencente ao ranking dos 200 maiores grupos econômicos do Brasil, feito pelo Valor Econômico. Os resultados obtidos sugerem que: 1) a remuneração variável, com metas individuais, está associada ao alcance das metas organizacionais; 2) as práticas adotadas pelo mercado para a remuneração variável têm peso diferenciado em termos de influência sobre o comportamento do gestor; 3) o conflito de agência pode se apresentar se as metas individuais não foram associadas às metas globais da organização; 4) o sistema de remuneração variável tem um efeito motivador na busca por desempenho. Uma questão crítica reside na fixação das metas...