Página 1 dos resultados de 441 itens digitais encontrados em 0.020 segundos

A opção por não se vincular amorosamente de maneira compromissada entre as condições de existência contemporâneas e a herança psíquica geracional; The option for not have a loving link in a committed way between the conditions of contemporary existences and the generational psychic inheritance

Zanetti, Sandra Aparecida Serra
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2013 PT
Relevância na Pesquisa
55.79%
A contemporaneidade contempla condições socioculturais e econômicas de existência que representam um cenário competitivo, com valores instáveis e efêmeros, em que a individualidade toma um lugar central e promove sujeitos mais autônomos e, ao mesmo tempo, mais fragilizados. Diante dessas condições, o que podemos observar, em decorrência, é uma fragilização em torno da construção e manutenção dos vínculos intersubjetivos. Assim, nasceu um interesse em investigar a falta de compromisso com que são formados os vínculos amorosos atualmente, situando-os em meio às condições de existências atuais. No entanto, como partíamos do viés psicanalítico vincular para compreender a formação do sujeito, também supúnhamos o efeito considerável da herança psíquica geracional, na composição do fenômeno. Dessa forma, este estudo teve como objetivo compreender a construção subjetiva de adultos que optam por não se vincular amorosamente de maneira compromissada, em meio às condições contemporâneas de existência e à herança psíquica familiar. Com base na metodologia de pesquisa clínico-qualitativa, foram realizadas entrevistas semidirigidas com seis participantes, de ambos os sexos, com idade entre 25 e 35 anos...

Um estudo sobre o processo de transmissão cultural; An study about the cultural transmission process

Freitas, Djalma Francisco Costa Lisboa de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.26%
Buscamos discutir e identificar os efeitos de três mecanismos de transmissão cultural utilizados pelos participantes em 4 arranjos experimentais: Arranjo Experimental I: a) contato com os materiais produzidos pelas gerações prévias; b) contato com a geração prévia na coparticipação e; c) contato com as gerações prévias através da observação Arranjo Experimental II: contato com os materiais produzidos pelas gerações prévias; Arranjo Experimental III: ) contato com as gerações prévias através da observação e; Arranjo Experimental IV: contato com a geração prévia na coparticipação. Os participantes tiveram de desenhar um Barco em três situações distintas. Cada situação foi identificada como: Fase A, B e C. Desenvolvemos entrevistas curtas nos intervalos de cada fase com vistas a identificar construções de significados de cada participante frente ao que os tocaram nas tarefas. Nosso estudo partiu de uma reorganização do projeto desenvolvido por Caldwell e Millen (2008) onde as autoras buscaram, desde um olhar evolucionista da cultura, identificar a perpetuação de produtos das atividades ao longo das gerações de participantes. Diferentemente de Caldwell e Millen, partimos de uma proposta teórico-metodológica advinda da disciplina nomeada como Psicologia Cultural onde se pretende estudar...

O efeito intergeracional no peso ao nascer e suas relações com as condições maternas, em crianças nascidas a termo no Hospital Universitário da USP; The intergenerational effect on birth weight and its relations to maternal conditions in term infants born in the "Hospital Universitário" from the University of São Paulo

Costa e Silva, Leide Irislayne Macena da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
56.17%
JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Vários estudos têm mostrado o peso ao nascer de ambos os pais como preditor do peso de nascimento do descendente, com correlação mais fortemente transmitida através da linhagem materna, sugerindo que exposições desfavoráveis à mãe desde a sua própria vida intrauterina até os períodos de pré-concepção e gestacional, além dos genes herdados, influenciam o tamanho ao nascimento da prole. A preocupação atual se relaciona ao ciclo intergeracional do baixo peso ao nascer ou do peso ao nascer elevado entre gerações, com todos os agravos imediatos e a longo prazo que estão implicados em nascer pequeno para a idade gestacional e/ou baixo peso ou grande para a idade gestacional e/ou macrossômico. O presente trabalho tem o objetivo de estudar a correlação entre o peso ao nascer da criança com o peso ao nascer da mãe, com as condições maternas, em crianças nascidas a termo no Hospital Universitário da USP (HU-USP). MÉTODOS: Foram identificados 773 binômios mães-crianças, 773 crianças nascidas de 558 mães, com a informação documentada do peso ao nascer tanto do bebê quanto da mãe. As informações referentes aos antecedentes maternos, pré-natal e parto, e as medidas antropométricas de nascimento da criança e da mãe foram obtidas através do registro em prontuários...

Construindo relações intergeracionais na formação de novos professores: processos de aproximação e de parceria entre professores e estagiários

Bueno, Michelle Cristina
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 99 f.
POR
Relevância na Pesquisa
56.25%
Esta pesquisa pretende contribuir para a compreensão das relações estabelecidas entre estagiários de cursos de licenciatura e professores da Educação Básica, que os recebem em suas salas de aula. Mais especificamente, tem-se o objetivo de investigar os processos de aprendizagem que ocorrem no encontro entre duas gerações profissionais docentes. Nesse sentido, questiona-se: de que maneira são estruturadas as relações estabelecidas entre professor titular e estagiário na escola, como ocorrem os primeiros contatos entre as duas partes, que vínculos são então estabelecidos e que relações formativas se desenvolvem no cotidiano do estágio. Tais percepções foram propiciadas pelas entrevistas e observações realizadas e analisadas sob ótica das “relações intergeracionais na docência” (SARTI, 2009), que pressupõem atenção especial a algumas categorias, tais como: geração (MANNHEIN, 1982), identidade e ciclo de vida profissional docente (HUMBERMAN, 1992; TARDIF, 2010). A pesquisa possibilitou análises que sugerem que o fator geração profissional deva ser sempre balizado com informações sobre a história de vida profissional dos sujeitos, já que, de acordo com os dados reunidos,tais experiências pessoais exercem influências em suas relações com as novas gerações profissionais. A partir desta investigação...

Programas intergeracionais : um estudo sobre as atividades que aproximam as diversas gerações; Intergerational programs: a study about activities that brig generations together

Cristina Rodrigues Lima
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.3%
Este estudo investiga quais recursos, além daqueles dentro do âmbito familiar, promovem melhor interação entre as gerações. Foram observadas, na condução das atividades intergeracionais, quatro atividades diferentes com o objetivo de descrever o processo de interação e de cooperação nas relações entre as diferentes gerações e de analisar a sua importância e implicações no contexto sócio-cultural, na perspectiva dos conhecimentos gerontológicos, que permeiam o envelhecimento ativo. Tendo-se em conta os dados que apontam para uma expectativa de vida cada vez mais alta, os estudos sobre a intergeracionalidade ganham proeminência na literatura e se constituem em um material efetivo para fomentar um envelhecimento ativo e com boa qualidade. Nas relações familiares saudáveis e em algumas situações sociais positivas, os velhos ensinam o conhecimento do envelhecer, transmitem a memória cultural e valores éticos fundamentais do seu grupo, e as outras gerações lhes ensinam os conhecimentos tecnológicos e os colocam em contato com as transformações sociais em curso, o que enfatiza o papel do diálogo entre as gerações como fundamental na prevenção da dependência do idoso e do preconceito etário. Realizamos uma investigação qualitativa...

Encontro de tempos na escola : um estudo sobre gerações de estudantes no meio rural baiano

Silva, Catarina Malheiros da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
56.08%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2014.; O rural não é construído apenas a partir da utilização do espaço, mas através da vida que é gestada cotidianamente no coletivo. É na família e no grupo de vizinhança que os/as jovens vivenciam as rotinas da vida rural, trocando e partilhando experiências, conflitos e projetos. Além dos grupos comunitários e familiares, a escola figura como espaço formativo relevante para a população rural, em virtude do histórico de negação do acesso à educação pública. O estudo tem como objetivo compreender e analisar as relações intergeracionais construídas no meio rural, considerando as mudanças relacionadas a elevação do nível de escolaridade da população jovem e adulta, bem como o impacto dos processos migratórios. No que concerne ao percurso metodológico do presente estudo, realizou-se uma pesquisa qualitativa de cunho etnográfico, no distrito rural Espraiado localizado no município de Palmas de Monte Alto-BA, entre os meses de outubro a dezembro de 2011. A observação participante, os registros visuais, os grupos de discussão e a entrevista narrativa constituíram-se nos principais instrumentos de coleta de dados...

Envelhecimento ativo e encontro entre gerações: OficinaRias, um projeto de intervenção na comunidade

Rodrigues, Inês Tavares
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.13%
O cenário das alterações demográficas e sociais, a comemoração do Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da solidariedade entre gerações em 2012 e a vontade de implementar um projeto no local de residência foram as principais motivações que me levaram a desenvolver este projeto. O Projeto OficinaRias surgiu com a finalidade de compreender se era ou não possível contribuir para a promoção do envelhecimento ativo e, simultaneamente, para o encontro entre gerações, através da valorização dos conhecimentos e da troca de experiências de algumas das tradições do concelho da Murtosa. A investigação envolveu 131 (cento e trinta e um) participantes, que se inscreveram voluntariamente em diversas atividades/OficinaRias, atraídos não só pela descoberta das tradições murtoseiras, mas também pelo enriquecedor encontro de gerações. Este estudo realizou-se pelo método de Investigação-Ação Participativa, através da realização de 16 (dezasseis) entrevistas e aplicação de 131 (cento e trinta e um) questionários de avaliação, que privilegiaram as opiniões dos participantes e revelaram os seus interesses e opiniões. Para complementar estas técnicas e enriquecer o projeto, recorreu-se também à observação participante...

Desafios do "preconceito etário" no Brasil

Goldani,Ana Maria
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
55.98%
Os fluxos de recursos materiais e simbólicos e as obrigações entre gerações marcam de forma importante os membros da família e a sociedade em geral. As possibilidades de trocas intergeracionais aumentam com a longevidade humana e hoje ganham destaque nas agendas acadêmicas e de políticas públicas. Concorrentemente, o preconceito etário e a discriminação por idade emergiram como assuntos importantes. Este artigo busca, principalmente, chamar a atenção para essas questões e sua relação com o debate político atual sobre a alocação de recursos por grupos etários. Argumentamos que o preconceito etário e a prática da discriminação por idade no Brasil deveriam ser vistos como parte das múltiplas formas de discriminação experimentadas pelos indivíduos. Entendemos, também, que noticiar a idade de alguém não seria inerentemente ofensivo, mas agir a partir de estereótipos baseados na idade funciona claramente contra o indivíduo. Este trabalho documenta o impacto do preconceito etário e das relações intergeracionais na vida das pessoas e aponta para sua importância na formulação de políticas públicas.

Cultura e Co-Educação de Gerações

Oliveira,Paulo de Salles
Fonte: Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo Publicador: Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1998 PT
Relevância na Pesquisa
55.98%
Este artigo trata da construção cultural na vida cotidiana, através das relações entre avós e netos pertencentes às classes populares. Baseado em longas entrevistas e observações, cuida de mostrar como os sujeitos se modificam nessa convivência diária, influenciando-se reciprocamente. Generalizou-se a crença de que os velhos não mudam mais; entretanto, dados obtidos nos levam a pensar que esta concepção necessitaria ser revista. O desafio de tomar conta de crianças devolveu a estas pessoas idosas um sentimento esquecido e aparentemente sepultado de esperança. No bojo das mudanças vivenciadas, ocorrem modificações simultâneas nos modos de ser e de pensar. Detendo-se em cada pequeno aspecto de suas vidas diárias - conversas, histórias, brinquedos, brincadeiras, assistência a programas de televisão, relacionamentos com os animais e com a natureza - é possível divisar novos horizontes, fundados em relações solidárias.

Resgatando e atualizando os sentidos da autoridade: um percurso histórico

Torres,Maria Carmen Euler; Castro,Lucia Rabello de
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
55.89%
Parte-se da constatação de que crianças e adultos carecem de referências nas formas de lidarem uns com os outros, crise que vem sendo justamente denunciada pela juventude por meio de atitudes de enfrentamento aos adultos. Ao retomar-se o percurso histórico da autoridade, percebe-se que ela não se liga a apenas um significado, mas toma contornos diferenciados. Este artigo objetiva discutir relações entre autoridade e hierarquia, autoridade e poder, autoridade e fundação, que ajudam a compreender que aquilo que se mostrava como "verdade" não dá conta das vicissitudes das relações humanas atuais, apontando para outras construções possíveis do sentido da autoridade.

"Escute, pai": diálogos entre filhos(as) e pais em canções populares brasileiras

Penna,Maura
Fonte: Escola de Música da UFMG Publicador: Escola de Música da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
55.95%
As relações entre pais e filhos(as) configuram um tipo particular de relação entre gerações, na medida em que ocorrem no seio da família, instituição social marcada por vínculos de dependência e responsabilidade e por laços emocionais. Diversas canções que têm essas relações como tema são reunidas no CD Como nossos pais (2008), que exemplifica a tendência, também presente na indústria fonográfica, de preservação da produção musical, na medida em que apresenta diversas gravações com datas entre 1966 e 1988. Deste CD, selecionamos três canções que claramente configuram uma fala filial dirigida ao pai como interlocutor: Papai me empresta o carro (de Roberto de Carvalho e Rita Lee); Já fui (de Marina Lima e Antônio Cícero); Pai (de Fábio Jr.). Numa análise que articula contribuições da sociologia e da psicologia, mostramos como essas canções revelam diferentes momentos do processo de conquista da maturidade e da autonomia pelos jovens, com suas contradições, refletindo também as transformações sociais na configuração da família e no comportamento sexual. Discutimos, ainda, com base na tipologia proposta por TATIT, como essas canções tratam diferentemente a relação entre letra e melodia.

Caminhos cruzados, trajetórias entrelaçadas : vida social de jovens entre o campo e a cidade do Sertão de Pernambuco

Antunes Tavares, Mauricio; de Nazareth Baudel Wanderley, Maria (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.29%
Este é um estudo sobre a vida de jovens que moram em Ibimirim, um pequeno município do Sertão de Pernambuco, e versa sobre as relações entre as trajetórias individuais no caminho para a vida adulta, e os campos de possibilidades existentes em cada configuração social, considerando as formas como as mudanças sociais deslocam a relação cidade-campo. Os jovens que moram em pequenos municípios estariam na interseção de dois códigos de relações sociais, daí ocupam uma posição privilegiada para o estudo das mudanças sociais no mundo rural. Por um lado, experimentam uma sociabilidade ainda marcada pelas relações sociais de interconhecimento e proximidade com a natureza, que caracterizam o modo de vida rural. Por outro lado, como cada geração vivencia experiências singulares, esses jovens experimentam mais fortemente a mobilidade entre o campo e a cidade, devido à escolarização, que, associada às tecnologias de comunicação, propiciam experiências de trocas subjetivas que extrapolam as relações sociais locais, levando ao reconhecimento de outros modos de pensamento e de comportamento social. Como a difusão cultural dos gostos, estilos e comportamentos não se limita aos espaços sociais onde elas se originam...

Da velhice da praça a velhice da roça : revisitando mitos e certezas sobre velhos e familias na cidade e no rural; The age of the age the square country : revisiting certainties on myths and old families in the city and country

Adriana de Oliveira Alcantara
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
PT
Relevância na Pesquisa
66.08%
A questão central desta pesquisa foi saber como as trocas intergeracionais de apoio familiar se configuravam em unidades domésticas, compostas de, pelo menos, três gerações, no meio rural e urbano, levando em conta a oposição cunhada por Camarano entre "família de idosos", em que o chefe da unidade doméstica é o idoso, e "família com idosos", em que o idoso é parente do chefe. Com base em etnografias realizadas em Fortaleza (CE) e no Distrito de Jordão (Sobral-CE), o trabalho aponta as singularidades do processo de envelhecimento nesses dois contextos. A descrição do cotidiano de tais famílias, dos significados atribuídos às relações entre gerações e do impacto das transformações acarretadas pelo direito à aposentadoria exige uma revisão de determinadas convenções, pois as experiências aqui trazidas revelam-se de tal modo heterogêneas, que bloqueiam a tentativa de padronizar seja a família, seja a velhice; The central question of this research was how the Intergeneration relations of family support is configured in households composed of at least three generations in country and urban areas, taking into account the opposition coined by Camarano and "family nursing" in which the head of household is elderly and "elderly family" in which the elderly is related to the head. Based on ethnographic studies conducted in Fortaleza (CE) and the District of Jordan (Sobral-CE)...

A trajetoria das gerações brasileiras nascidas entre 1926 e 1975 : um perfil sociodemografico

Livia Diana Rocha Magalhães
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em //1999 PT
Relevância na Pesquisa
56.1%
Neste trabalho, traçamos o que poderíamos denominar "radiografia" das características básicas que definem os sujeitos sociais de cinco gerações brasileiras. Acompanhamos, ao longo do tempo, um conjunto de características sociodemográficas, apresentadas por estas gerações nascidas entre 1926 e 1975, a partir de sua sociedade de referência quando jovens, e aquelas características acumuladas conforme envelhecem, ocasionando determinados "tipos sociais" e integrando várias gerações. Utilizamos os dados censitários recolhidos junto ao ffiGE, abrangendo um período de 50 anos, e seguimos a trajetória das gerações nascidas entre 1926-75, considerando as variáveis: atividade econômica; alfabetização e instrução; estado civil; mulheres com filhos; número médio de filhos; e religião. Revisamos esses dados ao situar os jovens de 1991 em suas especificidades regionais, ressaltando alguns aspectos dos 'tipos sociais" de adultos e fazendo algumas reflexões em torno da questão de gênero que resultou de cada geração, e suas referências para os jovens. Por fim algumas coniderações finais vinculando o tema à relação escola/educação/socialização dos jovens; In this paper, we traced what we could denominate "the radioghrapy" of the basic characteristics' which describes the social subjects during five Brazilian generations. We attended...

A atualidade do conceito de gerações de Karl Mannheim

Weller, Wivian
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
56.01%
O conceito de gerações vem sendo retomado nas análises sociológicas que apontam não somente para as diferenças de classe, mas também para as desigualdades de gênero, étnico-raciais, culturais e geracionais. No entanto, "gerações" aparece como uma espécie de conceito guarda-chuva ou como categoria pouco teorizada. Embora o conceito de gerações de Mannheim represente, para muitos autores, a mais completa tentativa de explicação do tema, o mesmo tem sido, muitas vezes, citado por se tratar de um "clássico": as potencialidades de análise do conceito proposto pelo autor ainda são muitas. O presente artigo apresenta, por um lado, uma reconstrução deste "famoso" ensaio que até hoje não chegou a ser integralmente traduzido e publicado no Brasil e, por outro, discute a atualidade e pertinência do artigo escrito por Mannheim em 1928 para os estudos contemporâneos sobre gerações e suas interfaces com outros campos. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT; The concept of generations has been incorporated into sociological analysis, which points class differences but also gender, ethnic, racial, cultural and generational inequalities. However "generations" seems to be a kind of umbrella concept or category that have been little theorized. Though the concept of generations of Mannheim represent...

A produção de sentidos intergeracional de homens sobre o planejamento familiar; The production of men's intergenerational meaning about family planning

Santos, Júlio César dos
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
56.08%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Processos de Desenvolvimento Humano e Saúde, 2015.; Este estudo teve por objetivo analisar a produção de sentidos individual e intergeracional de homens com relação ao planejamento familiar, relacionado a: compreensão dos sentidos da herança cultural entre gerações; projetos de vida que incluem planos futuros sobre formação familiar, relação amorosa, reprodução; graus de apropriação das práticas culturais familiares. Interessam-nos os sentidos na interpretação e nos posicionamentos dos homens em diferentes gerações de uma mesma família, que norteiam as escolhas relacionadas à constituição de suas famílias; e a identificação das dinâmicas polifônicas em entrevistas intergeracionais. Supomos que enfocar dinâmicas de construção de explicações de si nas narrativas masculinas possibilitaria identificar mudanças de posicionamentos, relacionando crenças e valores dos antepassados sobre o planejamento familiar às gerações seguintes, e que nas novas gerações haveria marcas das políticas públicas. Optamos por uma metodologia qualitativa, em contexto de comunidade negra rural, com a participação de nove homens, de três gerações, de três famílias da cidade de Santo Antônio de Jesus...

As diferenças nos perfis de liderança considerando os conceitos das gerações em uma empresa do setor carbonífero da cidade de Criciúma – SC

Matos, Jonas da Silva
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.01%
Trabalho de Conclusão de Curso apresentado para a obtenção do grau de Bacharel, no Curso de Administração de Empresas da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC.; As organizações estão inseridas num ambiente caracterizado por fortes turbulências e constantes mudanças. Desta forma, como um dos principais agentes de mudanças pode se destacar as diversas gerações, que se encontram inseridas nas organizações dos dias de hoje. O objetivo geral desta pesquisa consiste em analisar as implicações das diferenças ou similaridades geracionais dos líderes de uma empresa carbonífera da cidade de Criciúma – SC, buscando identificar qual seu perfil de liderança dentro da empresa em estudo verificando também qual o estilo de liderança dos líderes de cada geração. Para isso foi aplicado uma pesquisa com questões fechadas de caráter quantitativo, com todos os líderes da empresa em estudo, onde foram adotados, em sequência, dois momentos de análise. No primeiro momento, foi identificado o perfil dos líderes e no segundo momento foi feito a relação de líderes e liderados a fim de identificar suas características. Verificou-se que a maioria dos líderes da empresa em estudo é do sexo masculino com escolaridade predominante...

Recovering and updating senses of authority: a historical trajectory; Resgatando e atualizando os sentidos da autoridade: um percurso histórico; Rescatando y actualizando los sentidos de autoridad: un recorrido histórico

Torres, Maria Carmen Euler; Castro, Lucia Rabello de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2009 POR
Relevância na Pesquisa
55.93%
Parte-se da constatação de que crianças e adultos carecem de referências nas formas de lidarem uns com os outros, crise que vem sendo justamente denunciada pela juventude por meio de atitudes de enfrentamento aos adultos. Ao retomar-se o percurso histórico da autoridade, percebe-se que ela não se liga a apenas um significado, mas toma contornos diferenciados. Este artigo objetiva discutir relações entre autoridade e hierarquia, autoridade e poder, autoridade e fundação, que ajudam a compreender que aquilo que se mostrava como "verdade" não dá conta das vicissitudes das relações humanas atuais, apontando para outras construções possíveis do sentido da autoridade.; Es la conclusión de que del presupuesto de que niños y adultos carecen de referencias en las formas de lidiar unos con los otros, esta crisis es denunciada por la juventud a través de actitudes de enfrentamiento a los adultos. Al hacer el recorrido histórico de la autoridad se percibe que ella no se pega a solamente a un significado, más adquirí contornos diferenciados. Este artículo objetiva discutir las relaciones entre el sentido de autoridad y jerarquía, autoridad y poder, autoridad y fundación, que ayudan a comprender que lo que se mostraba como "verdad" ya no más da cuenta ni siquiera abarca las vicisitudes de las relaciones humanas de los días actuales...

Culture and Coeducation between Generations; Cultura e Co-Educação de Gerações

Oliveira, Paulo de Salles
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/1998 POR
Relevância na Pesquisa
55.93%
Este artigo trata da construção cultural na vida cotidiana, através das relações entre avós e netos pertencentes às classes populares. Baseado em longas entrevistas e observações, cuida de mostrar como os sujeitos se modificam nessa convivência diária, influenciando-se reciprocamente. Generalizou-se a crença de que os velhos não mudam mais; entretanto, dados obtidos nos levam a pensar que esta concepção necessitaria ser revista. O desafio de tomar conta de crianças devolveu a estas pessoas idosas um sentimento esquecido e aparentemente sepultado de esperança. No bojo das mudanças vivenciadas, ocorrem modificações simultâneas nos modos de ser e de pensar. Detendo-se em cada pequeno aspecto de suas vidas diárias - conversas, histórias, brinquedos, brincadeiras, assistência a program as de televisão, relacionamentos com os animais e com a natureza - é possível divisar novos horizontes, fundados em rela­ ções solidárias.; This article discusses the peculiar meanings of the development of a popular culture within daily life, originating from the relationship between grandparents and grandchildren in popular classes. Based on long interviews and observations, this essay intends to portray how in this daily relationship both subjects change due to reciprocate influences. It is often believed that elderly people cease to change...

Integração entre gerações na promoção da saúde: estudo qualitativo no Brasil; Intergenerational interaction in health promotion: a qualitative study in Brazil

Souza, Elza Maria de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2003 ENG
Relevância na Pesquisa
66.18%
OBJETIVO: Em 1994 foi iniciado um projeto de integração entre gerações em Taguatinga, Distrito Federal, com a finalidade de promover o bem estar dos idosos e adolescentes, usando-se o processo de reminiscências como meio de integração. O objetivo do estudo é avaliar o projeto de acordo com a opinião dos participantes e enfatizar a contribuição desses grupos etários na construção de capital social. MÉTODOS: De novembro de 1999 a abril de 2000 foi conduzida uma pesquisa qualitativa usando-se a técnica dos grupos focais. Seguindo-se um roteiro, nove grupos de estudantes, de 13 a 19 anos de idade, e três grupos de idosos, de 60 anos ou mais foram entrevistados para obtenção de dados relativos às relações intergeracionais, antes e após atividades envolvendo jovens e idosos. RESULTADOS: Os resultados sugerem mudança de atitude dos jovens em relação aos idosos e à velhice. Os idosos relataram melhora no estado de saúde. Para os dois grupos etários os achados sugerem aprimoramento da convivência entre gerações. CONCLUSÕES: Os achados parecem indicar que atividades de integração entre gerações usando-se o processo de reminiscências contribuem para fortalecer a confiança mútua e normas de reciprocidade...