Página 1 dos resultados de 1228 itens digitais encontrados em 0.063 segundos

Agroecologia, campesinidade e os espaços femininos na unidade familiar de produção; Agroecology, rural communities and feminine epaces inside family production units

Biase, Laura De
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
95.75%
O objetivo desta pesquisa foi refletir sobre a dimensão feminina na campesinidade e a importância de sua valorização para a incorporação dos aspectos sócio-culturais na prática agroecológica. A agroecologia pode ser definida como um campo de estudos de caráter multidisciplinar, que tem como objetivo articular o saber-fazer científico ao saber-fazer das comunidades rurais, como forma de potencializar práticas sustentáveis de agricultura. Como movimento de oposição ao processo de modernização da agricultura, busca recuperar as condições socioambientais perturbadas por este e viabilizar a construção de uma realidade sustentável. Contudo, tem-se constatado atualmente que a prática agroecológica brasileira tem sido realizada de maneira restrita, limitando-se principalmente a aspectos técnicos, insuficiente à realização da transformação pretendida teoricamente. Neste trabalho analisou-se, portanto, as possibilidades da campesinidade, e particularmente a valorização da sua dimensão feminina, contribuir para efetivar o projeto agroecológico de construção da sustentabilidade. Para tanto, realizou-se: (1) um estudo sobre as diferentes concepções teóricas da agroecologia e suas possibilidades de articulação para construção de uma proposta de agroecologia plena; (2) uma análise teórica sobre o campesinato e as características da campesinidade...

Filogenia de Leiinae (Diptera, Mycetophilidae) com uma nova proposta de classificação para a subfamília; Phylogeny of Leiinae (Diptera, Mycetophilidae) with a revised classification for the subfamily

Oliveira, Sarah Siqueira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
75.98%
A família Mycetophilidae é a segunda mais especiosa da subordem Bibionomorpha (Diptera), abrangendo 233 gêneros e cerca de 4.500 espécies descritas de todas as regiões biogeográficas. A monofilia de Bibionomorpha e de Mycetophilidae é bem corroborada na literatura. A família de modo geral tem sido dividida nas subfamílias Sciophilinae, Gnoristinae, Mycomyiinae, Leiinae, Manotinae, Allactoneurinae, Mycetophilinae. Atualmente, uma das subfamílias que tem recebido menos atenção na literatura é Leiinae e o entendimento das relações entre seus gêneros é ainda incipiente. Essa subfamília compreende um grupo de gêneros caracterizados principalmente por um deslocamento da base do setor radial (Rs) em direção ao ápice da asa, resultando em uma R1 curta, mas há inúmeras exceções que levantam questionamentos sobre o monofiletismos do grupo e resultam em diferentes hipóteses sobre a inclusão ou não de determinados gêneros em Leiinae, como é o caso de Docosia Winnertz, Tetragoneura Winnertz, Ectepesthoneura Enderlein, Novakia Strobl, Sticholeia Søli, Aphrastomyia Coher & Lane, entre outros. O objetivo deste trabalho foi estudar, com base em morfologia, as relações filogenéticas entre os gêneros de Leiinae, propondo limites genéricos para a subfamília. Para tanto...

Jornal Correio Paulistano - constituição e mudança do gênero anúncio de emprego (1854 a 1900) sob a perspectiva crítico-discursiva; Newspaper Correio Paulistano - Constitution and change in Job Advertisements genre (from 1854 to 1900) under a critical-discursive perspective

Oliveira, Kelly Cristina de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 27/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
65.88%
A presente tese visa a apresentar uma análise diacrônica do gênero discursivo anúncios de emprego, publicados no jornal Correio Paulistano, de 1854 a 1900. Sob a perspectiva de Mikhail Bakhtin, enfatizaremos os seus elementos constituintes, a sua relativa estabilidade, pois os gêneros resultam da tensão dialógica de duas forças: centrífuga (mutação) e centrípeta (estabilidade), e o seu papel social estabelecido e consolidado na sociedade oitocentista. Justifica essa escolha a possibilidade de observar os costumes e hábitos de uma época, devido ao caráter documental desses anúncios. O gênero discursivo, constituído por três elementos essenciais: conteúdo temático, estilo e construção composicional, materializa-se nas relações sociais, dialógicas por natureza; como é forma de ação social, circula nas esferas sociais, concretizando-se sempre em contextos dessa natureza dos quais sofre coerções e alterações, em razão da sua plasticidade. Nesse sentido, buscamos na Análise Crítica do Discurso, desenvolvida por Fairclough, suporte teórico-metodológico para estudar o contexto da cultura/ contexto da situação em que o gênero está inserido. Essa perspectiva compreende o discurso como qualquer evento discursivo dentro de um modelo tríade: texto...

Relações de gêneros e liderança nas organizações : rumo a um estilo andrógino de gestão; Relations of gender and leadership in organizations : towards an androgynous style of management

Santos, Jean Carlo Silva dos; Antunes, Elaine di Diego
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.87%
Trata-se de um ensaio teórico, realizado com base em pesquisa bibliográfi ca, com o objetivo analisar e descrever como os estereótipos, as diferenças e as desigualdades de gênero constroem barreiras para a ascensão de mulheres a cargos de liderança nas organizações. O ensaio discute também as implicações da gestão andrógina (KARK, 2004)como alternativa de igualdade de oportunidades para homens e mulheres ascenderem como líderes. Por meio da teoria da identidade do papel sexual,são demonstrados os estereótipos socialmente construídos sobre o papel masculino e feminino, os quais estabelecem barreiras para a ascensão da mulher a cargos de prestígio e poder nas organizações, mesmo com a inserção maciça de mulheres no mercado de trabalho. Conclui-se que o estilo andrógino de gestão constitui uma alternativa para o estabelecimento de relações de igualdade de condições e de oportunidades entre homens e mulheres, ao mesmo tempo em que transpõe a polarização existente entre os gêneros e promove sua integração. Enfi m, o estilo andrógino de gestão pode ser considerado uma atitude de mudança cultural e comportamental no que diz respeito ao papel social do gênero. O avanço nas pesquisas sobre a liderança andrógina suscita novos caminhos e possibilidades de análise sobre como os indivíduos andróginos percebem e exercem sua liderança e proporciona novas perspectivas para o entendimento dos constructos sociais do papel de gênero e das barreiras que impedem a ascensão profi ssional das mulheres.; This is a theoretical essay based on bibliographical research whose objective is to analyze and describe how gender stereotypes...

Cenas de meninas e meninos no cotidiano institucional da educação infantil

Costa, Arlete de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 155 f.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
75.82%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.; Esta pesquisa foi realizada em um Centro de Educação Infantil da AFASC, conveniado à Rede Municipal de Educação de Criciúma, e atende 270 crianças de 0 a 6 anos em período integral. O tema central deste trabalho é investigar como as meninas e meninos deste CEI expressam as relações de gênero no cotidiano institucional. A partir da análise de cenas do cotidiano das crianças, busco compreender como esses pequenos atores sociais expressam, interpretam, reproduzem ou ressignificam os comportamentos e regras sociais no que tange a construção dos gêneros. A seleção de cenas para análise implicou na ampliação da discussão dos gêneros incluindo também as expressões de sexualidade, descoberta do corpo e disputas de poder. Os procedimentos metodológicos utilizados foram as observações e registros em diário de campo, fotografias e filmagens focalizando as crianças e também entrevistas com as professoras e questionários com as famílias.

Mulheres no mercado de trabalho: observação do gênero feminino nas organizações

Mello, Gabriela de Assis
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Relevância na Pesquisa
75.74%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Administração.; Muitos estudiosos dizem que tudo se iniciou com a I e a II Guerras Mundiais, esse foi o período em que as mulheres começaram a se inserir no mercado de trabalho, pelo fato de faltar homens para trabalhar, já que muitos estavam na guerra. Desde então a mulher conquista cada vez mais o mercado de trabalho. Apesar dessas muitas conquistas, a partir de dados estatísticos, constata-se que ainda há uma grande diferença no mercado de trabalho quando se compara os gêneros, como diferenças salariais, dificuldades maiores para promoções dentro da empresa, a dupla jornada feminina, entre outros. Outra dificuldade encontrada é o modelo de liderança enraizado da nossa cultura patriarcal, o que muitas vezes leva a ocorrer a não valorização das características relacionadas ao feminino, o que prejudica as mulheres pois essa encontra barreiras para assumir cargos de alto escalão, e prejudica também as organizações pois é muito bom obter o equilíbrio entre as características do feminino e do masculino juntos, como se verá ao longo desse trabalho. Sendo assim, o questionamento do trabalho é: como se observa a relação de gêneros no trabalho nas indústrias de grande porte...

O conhecimento sociocultural nos manuais de português língua estrangeira :as relações entre géneros

Miguel, Cristina Alexandra Mata Martins
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
75.87%
Tese de mestrado, Língua e Cultura Portuguesa (Língua Estrangeira/Língua Segunda), Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2012; Actualmente a sociedade é marcada pelo fenómeno da globalização, a que estão subjacentes os encontros entre pessoas de distintas línguas e culturas. Para que a interacção possa ser eficaz, emerge desta situação a necessidade de aprender línguas estrangeiras, o que pressupõe o desenvolvimento da competência comunicativa em língua. Esta competência engloba não só o conhecimento da língua como sistema formal, mas também do contexto social e cultural. Neste trabalho traçamos a importância da competência sociocultural e o papel da cultura na história das metodologias do ensino-aprendizagem das línguas estrangeiras. Partindo da premissa de que este processo envolve a utilização frequente dos manuais escolares, que veiculam valores culturais da sociedade da língua-alvo, e de que a igualdade de género é um dos Oito Objectivos de Desenvolvimento do Milénio, procedemos à análise das relações de género nos manuais de português como língua estrangeira. Para esse fim centramo-nos nas actividades domésticas, nas actividades profissionais e nas actividades de lazer realizadas por homens e mulheres...

Handebol e gênero: as relações de poder na dinâmica dos treinos aos jogos no Estado do Pará

Reis, Ivan Gonçalves
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
75.81%
Tese de Doutoramento em Ciências do Desporto; O presente trabalho tem como objetivo estudar as relações das práticas do esporte Handebol e Gênero na perspectiva das Relações de Poder. A pesquisa fundamenta-se na dinâmica dos treinos aos jogos e procura compreendê-la na definição dos sentidos, significados e lugares onde circulam. Diante desta prática busca-se refletir como os atores sociais assimilam a circularidade do poder e seus mecanismos, na fase dos treinamentos e nos jogos de competições. Para consolidar os conhecimentos, utiliza-se da pesquisa qualitativa – quantitativa, referendada pelas análises metodológicas do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC), para entender e compreender como na prática estas relações de poder entre atletas, técnicos/comissão técnica nos clubes são traçadas e compreendidas sob a ótica das relações de gênero. Para tanto, definiu-se uma amostra significativa de 76 atletas num universo de 550 cadastrados na Federação de Handebol do Estado do Pará (FHEP), sendo deste total, 42 masculinos e 34 femininos, que correspondem a 20% da somatória de cada sexo das 08 equipes selecionadas de um total de 15 clubes que disputaram os campeonatos no período 2007/2010 contendo os dois gêneros. A dinâmica metodológica compreende a associação dos métodos - qualitativo e quantitativo - e as técnicas de entrevistas que construíram a Análise do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC) que apontam como resultados os elos sociais – teias...

Participação masculina no uso de métodos contraceptivos

Duarte,Graciana Alves; Alvarenga,Augusta Thereza de; Osis,Maria José Duarte; Faúndes,Aníbal; Sousa,Maria Helena de
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2003 PT
Relevância na Pesquisa
75.71%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o uso de métodos contraceptivos com participação masculina numa amostra de homens unidos e identificar variáveis que pudessem estar associadas a esta conduta. Trata-se de uma análise de dados secundários cujo tamanho amostral foi calculado em 174 homens que usavam métodos de participação masculina. Utilizou-se o teste qui-quadrado, para avaliar as associações das variáveis dependentes com as independentes, e a análise múltipla por regressão logística. Cerca de 38% dos entrevistados usavam algum contraceptivo de participação masculina. O maior grau de escolaridade relacionou-se ao uso de algum método de participação masculina, de preservativo (condom)e vasectomia. Levando-se em conta as características da amostra, considerou-se a possibilidade de concretizarem-se, na sociedade brasileira, mudanças importantes na perspectiva masculina quanto à contracepção. Para viabilizar tais mudanças, evidenciou-se a necessidade de investir na educação de homens e mulheres, uma vez que esta se apresentou como um divisor de águas no equilíbrio das relações de gênero.

O currículo e suas implicações nas relações sociais de gênero entre estudantes do ensino fundamental da rede municipal de ensino do Recife-PE

de Carvalho Freire, Eleta; Batista Neto, José (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
76.02%
O objeto de estudo dessa pesquisa é o currículo e suas implicações nas relações sociais de gênero entre estudantes do ensino fundamental da rede municipal de ensino do Recife PE. A pesquisa teve como objetivo compreender as implicações do currículo escolar na construção das relações de gênero entre estudantes do ensino fundamental. Para isso, buscou-se, especificamente, identificar e analisar no currículo prescrito elementos implicados na construção das relações sociais de gênero entre os e as estudantes e identificar e analisar nas práticas curriculares elementos que contribuam para compreensão dos processos históricos e culturais envolvidos na construção das relações sociais entre os gêneros. A investigação se insere no campo dos Estudos Culturais em função da centralidade que a cultura assume nestes, dos nexos que estabelecem com os estudos curriculares e de gênero e de sua afinidade com as metodologias adotadas nas pesquisas em educação. Está ancorada nos pressupostos pós-estruturalistas e na teorização póscrítica do currículo que possibilitam analisar e compreender o trato dado às diferenças culturais de gênero no currículo escolar. A Rede Municipal de Ensino do Recife (RMER) constituiu-se como campo empírico da investigação do qual foram analisados os documentos e as práticas curriculares vivenciadas no dia a dia da escola. Os resultados encontrados apontam que os textos curriculares colocam as situações de desigualdades socioeconômicas no centro do debate...

Gêneros visuais multimodais em livros didáticos: tipos e usos

Karine de Queiroz, Anne; Paiva Dionisio, Angela (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.93%
Devido a toda essa imersão tecnológica que estamos inseridos, recursos pictoriais têm sido utilizado, consideravelmente, no âmbito educacional, uma vez que a escola é mediadora entre a sociedade e o aprendiz. Para tal mediação a escola faz uso de vários recursos midiáticos, como a televisão, e o computador, porém além de tais recursos tem-se o velho instrumento utilizado para abordagem de conhecimento: o Livro Didático (LD), que apesar de tantas inovações tecnológicas disponíveis na escola, é o recurso mais freqüente para o auxílio da construção do conhecimento. Nesse sentido traçamos como objetivos investigar variedades de gêneros visuais nos livros didáticos e observar como esses gêneros visuais multimodais (GVMs) estão a serviço da construção do conhecimento. Para investigar essa variedade de gêneros visuais multimodais constituímos como corpus da pesquisa livros didáticos de ensino médio das disciplinas de português, matemática e biologia. Esta dissertação se constitui de quatro capítulos. O capítulo I - Percorrendo a história da escrita - traça um percurso histórico da escrita, observando seu processo evolutivo e sua propagação. O capítulo II - Percorrendo a história da imagem - discute a noção de imagem...

Relações de gênero em famílias heterossexuais de classe média da Cidade do Recife : sobre discursos e posicionamentos

Botelho Cursino, Rafaella; de Araújo Menezes-Santos, Jaileila (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
85.82%
Esta pesquisa teve como objetivo investigar, nas práticas discursivas de homens e mulheres de classe média da cidade do Recife, que vivem em união estável, com pelo menos um filho da anterior e/ou atual relação, os discursos e posicionamentos referentes à vida conjugal, à divisão das tarefas domésticas e ao cuidado com os filhos. Localiza-se no campo de estudos de gênero e família e apresenta como abordagem teórico-metodológica norteadora a Análise Crítica do Discurso, que tem como influências as ideias pós-estruturalistas. Ela privilegia o papel do Discurso em processos sociais mais amplos de legitimação e poder, objetivando identificar padrões de linguagem com práticas sociais com eles relacionadas. A revisão da literatura traz para o debate que a sociedade brasileira, especialmente as classes médias urbanas, tem vivenciado, nos últimos anos, um acelerado processo de transformações socioeconômicas e culturais. Dentre os variados fatores, destacam-se a modernização econômica do país, a sofisticação do mercado de consumo, da comunicação de massa, a influência do movimento feminista, a redução da família, o ideal individualista e igualitário, a ampliação da educação superior, entre outros. Esses fenômenos têm proporcionado mudanças nos padrões culturais e sociais de homens e mulheres...

A escrita ensaística da Escola do Recife: uma releitura do movimento sob a perspectiva sociorretórica de gêneros textuais

Mendonça, Helena Maria Ramos de
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
75.83%
Este trabalho possui a pretensão de agrupar três áreas do saber: o direito, a linguagem e a história. Esta última traz para a discussão a Escola do Recife, movimento intelectual surgido em Pernambuco na segunda metade do Século XIX, reunindo o pensamento de Tobias Barreto, Sílvio Romero, Artur Orlando, Martins Júnior e Clóvis Beviláqua; enquanto o direito e a linguagem revelam o propósito de examinar os gêneros textuais produzidos pela doutrina jurídica do período, dedicando atenção especial ao gênero ensaístico, escrita privilegiada pelo grupo do Recife. A fragmentariedade atribuída aos textos produzidos pelos autores vinculados ao movimento – e algumas vezes utilizada como fator de desprestígio de suas teorias – é uma característica da prática intelectual do grupo tão significativa quanto o conteúdo de suas ideias. A escolha por determinados veículos de divulgação de ideias indica estratégias de comunicação que revelam sutis, mas importantes relações entre os propósitos comunicativos dos autores, os domínios discursivos explorados e a receptividade do público. Partindo da perspectiva sociorretórica de análise de gêneros textuais, fundamentada nos argumentos dos autores Charles Bazerman...

Relações conjugais de parceiros HIV soropositivos concordantes: uma visão masculina; Conjugal relations of HIV serum-positive concordant partners: a masculine's point of view; Relaciones conyugales en compañeros VIH seropositivos concordantes: una visión masculina

FIGUEIREDO, Marco Antonio de Castro; TERENZI, Natália Maria
Fonte: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá Publicador: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
75.9%
Tomando como ponto de partida a vulnerabilidade feminina à infecção por HIV e a conseqüente feminilização da epidemia de aids, este estudo buscou identificar algumas representações de relações conjugais tendo como referência homens que transmitiram o HIV à companheira. Entrevistas semi-estruturadas com dez homens HIV-soropositivos que contaminaram a parceira permitiram a identificação de conteúdos relacionados com algumas categorias temáticas: a) provedor masculino, que relega o trabalho da mulher à condição de um complemento no orçamento doméstico; b) dialética passivo-ativa, que contrapõe o caráter contemplativo dos papéis femininos à iniciativa, característica do masculino; c) naturalização da infidelidade masculina, com conteúdos sobre assimetria de gêneros relacionada à liberdade do homem nas questões sexuais; d) feminilização do cuidado, que destaca o caráter continente do feminino, naturalizado pelas atribuições domésticas da mulher. Estes resultados poderão oferecer subsídios importantes para a concepção de programas de orientação sobre relações conjugais e questões de gênero, dentro do contexto da feminilização do HIV/aids.; Since females are more vulnerable to HIV infection and since more women have been AIDS-infected...

Soldadinhos-de-chumbo e bonecas: representações sociais do masculino e feminino em jornais de empresas

Corrêa,Alessandra Morgado Horta; Gontijo,Maria Cecília Lemos; Assis,Lílian Bambirra de; Carrieri,Alexandre de Pádua; Melo,Marlene Catarina de Oliveira Lopes
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
75.75%
Por meio deste trabalho, buscou-se retratar aspectos das representações de gênero socialmente construídas nos jornais de circulação interna de duas empresas localizadas em Minas Gerais, sendo uma com o setor operacional predominantemente masculino e a outra, com maioria feminina. Para tanto, (re)visitaram-se os conceitos teóricos das representações sociais, da mídia nas representações sociais e da reprodução dos papéis sociais e culturais do homem e da mulher. Compreende-se que as representações sociais são um complemento importante para os estudos organizacionais, ao possibilitar uma análise das interações dos atores, que influenciam a dinâmica e os resultados da organização. Essas relações foram entendidas por meio da linha editorial, diagramação e linguagem dos jornais internos, que, juntamente com a utilização de elementos da Análise do Discurso, permitiram levantar os seguintes temas: 'assuntos femininos', 'assuntos masculinos', 'relações de poder' e 'competitividade', que se relacionam às representações sociais de gêneros. Verificou-se que os jornais internos analisados auxiliaram na disseminação do discurso da alta gerência.

Mulheres em cargos de chefia : um estudo sobre vivências de empoderamento numa instituição de ensino e tecnologia

Oliveira, Karoline Brasil de
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
PT_BR
Relevância na Pesquisa
75.78%
Monografia apresentada para obtenção do grau de Bacharel no Curso de Administração com Linha de Formação Específica em Comércio Exterior da Universidade do Extremo Sul Catarinense, UNESC.; A grande inserção da mulher no mercado de trabalho, acarretam mudanças nas relações de gêneros nas instituições. Acredita-se que um fator relevante para este fato, estejam diretamente ligado com empoderamento da mulher. Deste modo, este estudo teve como objetivo conhecer como as mulheres que ocupam cargos de chefia lidam com o empoderamento no exercício profissional em uma instituição de ensino e tecnologia de Criciúma, SC. Para isto foi abordado questões como bem-estar e sucesso profissional, reconhecimento familiar, processo de ascensão, reconhecimento profissional e a participação nos processos decisórios. A metodologia utilizada foi investigação de caráter exploratório e como meio de investigação foi realizado um estudo de caso com 10 mulheres em cargos de liderança, em diferentes setores da instituição. Os resultados obtidos na pesquisa revelaram que as entrevistadas demonstraram expressões de empoderamento em seus cotidianos e mostra a mulher mais confiante e preparada para participar das tomadas de decisões em níveis ainda maiores e também interferir no próprio meio...

Gêneros inteligíveis em cena: o cinema e a produção de verdades sobre os corpos

Galvão-Viana, Luciene; Santos Carvalho, Isalena
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
65.94%
Neste artigo, discutimos como a linguagem cinematográfica produz verdades, a partir das contribuições dos filósofos Michel Foucault, sobre sexualidade e relações de poder, e Judith Butler, sobre gêneros inteligíveis. Ao longo do texto, a discussão é ilustrada através de filmes que trazem emblemáticas noções de masculinidades e feminilidades. Dentre as verdades neles produzidas, destacamos: o culto ao amor romântico; a repetição de regras que sustentam identidades de gênero tidas como hegemônicas; a relação entre masculinidade e violência; e a não inscrição das práticas homoafetivas na concepção binária de masculino e feminino. Os enredos dos filmes nos mostram que tais verdades são constantemente negociadas e indicam ainda que as normas sobre sexo, desejo, prazer, masculinidades e feminilidades não são somente reproduzidas pois seus efeitos sobre os enredos particulares não terminam com o fim dos filmes.; En este artículo, se discute cómo el lenguaje cinematográfico produce verdades, a partir de las aportaciones de los filósofos Michel Foucault, sobre la sexualidad y las relaciones de poder, y Judith Butler sobre géneros inteligibles. A lo largo del texto, se ilustrada la discusión mediante películas que aportan nociones emblemáticos de la masculinidades y feminidades. De entre las verdades producidas en ellas...

Perceptions about gender relations and sexual division of labor for people with disabilities; Percepciones acerca de las relaciones de género y de la división sexual del trabajo para personas con deficiencia; Percepções acerca das relações de gênero e da divisão sexual do trabalho para pessoas com deficiênciadoi:10.5007/1807-1384.2011v8n1p158

Moreira, Lilian Barros; Universidade Federal de Lavras; Soares Onuma, Fernanda Mitsue; Universidade Federal de Lavras; Naves Mafra, Flávia Luciana; Universidade Federal de Lavras; Alves Cappelle, Mônica Carvalho; Universidade Federal de Lavras; Souza Ol
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa Empírica de Campo; ; Formato: application/pdf
Publicado em 11/07/2011 POR
Relevância na Pesquisa
85.82%
Contemporary society has discussed the idea of “diversity”, and among its possibilities, the insertion of people with disabilities (PWDs) in organizations has been often discussed in organizational studies. Although disability appears to be no longer an uncomfortable subject to be discussed, it is still a very delicate issue to be talked about. In addition to it, gender relations and sexual division of   labor are not solved issues when work is involved. This work was carried out with the objective of understanding the perceptions of PWDs about gender relations and sexual division of  labor. We argue that both this perception and its origin are connected to the subjectivity. The research was conducted in a hospital, where five people were interviewed. The interviews were analyzed through the method of content analysis. They did not show explicitly the interviewees’ perception of unequal gender relations, but this was noticed through the method of observation. The interviewees’ view of gender relations was found to be full of social stereotypes. Finally, questions were asked that intended to lead the reader to a deeper reflection about sexual division of labor, disability and prejudice in the organizational environment.; Frente a las diversas posibilidades que abarcan el tema de la diversidad...

Relações de Gêneros nas Organizações: a construção de estereótipos de liderança masculina e feminina no judiciário de Rondônia

Jean Carlo Silva dos Santos; UFRGS; Elaine Di Diego Antunes; Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS
Fonte: Revista de Administração e Negócios da Amazônia Publicador: Revista de Administração e Negócios da Amazônia
Tipo: Artigo Avaliado por Pares; Formato: application/pdf
Publicado em 24/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
75.71%
Este artigo tem como objetivo identificar e descrever os estereótipos de liderança nomeados pelos gestores do Tribunal de Justiça de Rondônia e a influência desses estereótipos em seus comportamentos como líderes. Consiste em uma pesquisa qualitativa com gestores e gestoras vinculados à organização judiciária em comento, cujo os dados foram coletados por meio de entrevistas semi-estruturadas nas quais se buscou identificar e descrever, sob a perspectiva dos gestores: (i) percepções sobre conceito de liderança e papel do líder; (ii) Estereótipos de liderança do próprio gênero;  e (iii) estereótipos de liderança dos gestores do sexo oposto. Os dados coletados foram organizados e sistematizados por meio do método de análise de conteúdo. O marco teórico de referência deste artigo envolve a teoria do papel social (EAGLY e KARAU, 1991) que postula o fato de que cada indivíduo tem um papel socialmente aceito, definidos por comportamentos estereotipados para homens e para mulheres. Como resultado deste estudo, concluiu-se que não há diferenciações quanto ao papel de líder entre homens e mulheres (com algumas exceções de opiniões). Também foram constatadas algumas inversões de estereótipos que na percepção dos gestores não soam negativamente e que faz se perceber o desenvolvimento de uma liderança andrógina. Esta asserção é constatada nas falas de vários dos entrevistados e constitui a maior contribuição deste artigo.

Participação masculina no uso de métodos contraceptivos

Duarte,Graciana Alves; Alvarenga,Augusta Thereza de; Osis,Maria José Duarte; Faúndes,Aníbal; Sousa,Maria Helena de
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2003 PT
Relevância na Pesquisa
75.71%
O objetivo deste trabalho foi avaliar o uso de métodos contraceptivos com participação masculina numa amostra de homens unidos e identificar variáveis que pudessem estar associadas a esta conduta. Trata-se de uma análise de dados secundários cujo tamanho amostral foi calculado em 174 homens que usavam métodos de participação masculina. Utilizou-se o teste qui-quadrado, para avaliar as associações das variáveis dependentes com as independentes, e a análise múltipla por regressão logística. Cerca de 38% dos entrevistados usavam algum contraceptivo de participação masculina. O maior grau de escolaridade relacionou-se ao uso de algum método de participação masculina, de preservativo (condom)e vasectomia. Levando-se em conta as características da amostra, considerou-se a possibilidade de concretizarem-se, na sociedade brasileira, mudanças importantes na perspectiva masculina quanto à contracepção. Para viabilizar tais mudanças, evidenciou-se a necessidade de investir na educação de homens e mulheres, uma vez que esta se apresentou como um divisor de águas no equilíbrio das relações de gênero.