Página 1 dos resultados de 2192 itens digitais encontrados em 0.021 segundos

Possibilidades e limites de uma intervenção no ambiente de trabalho de servidores públicos na área da saúde: práticas corporais como estratégia de promoção da saúde; Possibilities and limits of an environment intervation for public servant from the health area: body practices as a health promotion strategy

Almeida, Vanessa de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
55.82%
O conceito de práticas corporais ainda se encontra em construção e muitas vezes é utilizado apenas como sinônimo de movimento do corpo, principalmente no ambiente de trabalho. O corpo pode ser uma das formas de aprendizado de novas habilidades pessoais no ambiente de trabalho quando se reconhece e respeita o repertório de cada pessoa. A proposta desse estudo foi de elaborar, analisar e sistematizar uma intervenção de promoção da saúde que utilizou as práticas corporais como estratégia. O público priorizado constituiu-se de funcionários de uma instituição pública estadual da saúde. Optamos pela pesquisa-intervenção, numa abordagem humanista e qualitativa. O estudo foi realizado durante quatro meses no ano de 2009 e as atividades foram desenvolvidas no próprio ambiente de trabalho dos servidores. Entre 6 a 8 meses após o término da intervenção entrevistas em profundidade foram realizadas com cada participante. Mesmo considerando a determinação hegemônica causada pela relação capital-trabalho, algumas brechas puderam ser construídas na intervenção realizada no ambiente de trabalho dos servidores públicos. Os princípios fundamentais da intervenção foram o trabalho em equipe multidisciplinar, os pressupostos participativos...

Mulher e negociação coletiva : uma investigação da presença feminina nas convenções coletivas de trabalho no município de Porto Alegre no ano de 2005

Conforto, Ecléia
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.82%
As negociações coletivas são vistas como um instrumento capaz de minimizar o conflito inerente na relação capital trabalho. Ao negociar os termos do contrato de trabalho, seus resultados são capazes de influenciar a sociedade como um todo. Além disso, esse instrumento tem a capacidade de reduzir as desigualdades presentes na sociedade. Esse é o caso da inserção da mulher no mercado de trabalho. Muitas vezes sobre carregada da dupla jornada de trabalho, casa e trabalho, os resultados das negociações coletivas abrem espaço para incorporar temas que auxiliem a mulher trabalhadora a cumprir suas diversas funções. Mas o que determina a inserção dessas cláusulas nos contratos coletivos de trabalho? Quais são o escopo temático e a freqüência dessas cláusulas.? Há diferença entre setores econômicos, e categoria profissionais? Esta tese busca responder a essas perguntas. Para isso são analisado as convenções coletivas do setor privado no município de Porto Alegre acordadas no ano de 2005. O foco da analise são as cláusulas de interesse das mulheres. Para investigar a determinante das da inserção dessas cláusulas nos contratos coletivos de trabalho foram selecionadas um conjunto de variáveis: grau de instrução...

Um estudo sobre o processo de trabalho na indústria automática de vidro

Souza, Henrique Pavan Beiro de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 104 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
55.96%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Economia - FCLAR; A organização do trabalho na indústria automática de vidro é diretamente influenciada pela tecnologia inserida no processo produtivo. Neste ramo, uma cadeia integrada de autômatas realiza as operações físico-químicas que dão corpo ao produto final. Assim, o trabalhador não se envolve diretamente na fabricação e/ou montagem, ficando apenas como supervisor do processo. Isto implica uma série de características importantes à indústria automática vidreira: não só o processo de trabalho em si é marcado por tal nuance tecnológica como também – e conjuntamente com aquele – os processos de gestão e organização da empresa como um todo. Ao tratar da relação entre tecnologia e processo produtivo, não podemos deixar de analisar a própria relação capital/trabalho em sua dinâmica histórica. Por isso, o presente estudo se volta para uma análise crítica, com viés marxista, das principais formas de gerência do trabalho surgidas ao longo da história do capitalismo. Primeiramente, destacamos as vicissitudes da divisão do trabalho na manufatura, considerando o processo de subsunção formal à subsunção real do trabalho ao capital...

Processo produtivo e relação capital / trabalho: um estudo sobre a indústria farmacêutica paulista no período recente

Teixeira, Adir Gomes
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 144 f. : il. color.
POR
Relevância na Pesquisa
76.02%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Economia - FCLAR; O objetivo central desse trabalho é buscar as vinculações entre o processo produtivo e a relação capital / trabalho na indústria farmacêutica paulista nos últimos anos. O primeiro capítulo procura analisar, de maneira geral, o surgimento, o desenvolvimento e a consolidação da indústria farmacêutica no Brasil. No segundo capítulo é realizado um estudo do processo produtivo na indústria farmacêutica e da natureza do trabalho nesse ramo. O terceiro capítulo busca analisar a relação capital / trabalho nessa indústria no Estado de São Paulo nos anos recentes, enfatizando as negociações coletivas realizadas em 2007. A pesquisa fundamentou-se em observações empíricas realizadas no processo de manipulação de medicamento nos setores de líquidos e sólidos em três empresas farmacêuticas: uma pequena e uma média, ambas de capital nacional, e uma multinacional de grande porte. No que diz respeito às relações entre empresários e trabalhadores, foram efetuadas entrevistas com os representantes de cada categoria nas negociações coletivas, especialmente naquela que ocorreu em março de 2007.; The central focus of this study is to search for the connections established in recent years between the productive process and the labor-capital relation within the pharmaceutical industry in the State of São Paulo. The first chapter intends to analyze the beginning...

Trabalho em equipe como forma da subsunção real

Cipolla,Francisco Paulo
Fonte: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE Publicador: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2005 PT
Relevância na Pesquisa
55.91%
Este artigo procura mostrar que com base nos conceitos de antagonismo, alienação e controle, implícitos na relação capital-trabalho, é possível compreender a implantação do trabalho em equipe como meio de simultaneamente aumentar o controle sobre o trabalho e reduzir os custos associados às atividades de supervisão da força de trabalho. Argumenta-se que a diminuição do estoque de capital circulante, tanto constante quanto variável, torna o circuito do capital mais vulnerável e, portanto, requer um aumento correspondente do exercício de controle capitalista. Esse aumento do controle capitalista, em consonância com a necessidade de redução de custos relacionada à redução do estoque de capital circulante, se efetiva pela interiorização do controle efetuada pela interação dos próprios trabalhadores organizados em equipe. A redução do valor das mercadorias que advém dessas formas de consumo da força de trabalho permite classificá-las como formas da subsunção real do trabalho ao capital.

SUBSERVIÊNCIA DO TRABALHADOR DO CORTE DA CANA NO AGRONEGÓCIO CANAVIEIRO

Shimada,Shiziele de Oliveira
Fonte: Universidade Federal do Ceará Publicador: Universidade Federal do Ceará
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
55.87%
A nova configuração do espaço agrário brasileiro é fortalecida com crescente processo de expansão e obtenção do lucro a partir do agronegócio, em específico o da cana-de-açúcar. O modelo agroindustrial da cana se fortalece num processo concentracionista tanto da posse quanto da propriedade da terra, mostrando, em termos estruturais, a noção do sistema capitalista com as suas contradições. Sendo assim, a relação capital-trabalho se estabelece de forma contraditória nas amarras do capital gerando a precarização e/ou temporalidade do trabalho. As mazelas estabelecidas no território da cana têm a condição da lógica desigual e combinada do capital, em que a parte que perde nessa condição é a do trabalhador que para sobreviver fica subserviente assumindo trabalhos precarizados ou mesmo subumanos, gerando as formas de travestimento do trabalho “escravo”.

Distribuição e acumulação de capital

Freitas, Antônio Albano de
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
55.89%
Resumo: Esta dissertação tem por objetivo geral fazer uma avaliação crítica da economia brasileira em suas últimas duas décadas, isto é, entre 1990 e 2010, com particular atenção à relação capital-trabalho. Como pressuposto metodológico, assume-se que a economia brasileira é parte integrante do sistema produtivo mundial, que influi de forma importante e desigual sobre ela. E por conta disso, são expostas as principais características e manifestações do capitalismo contemporâneo, expresso em políticas, seja de cunho pragmático ou ideológico, neoliberais. Ao se estabelecer esta dialética entre as partes e o todo, analisa-se, em adição, a vulnerabilidade externa do Brasil, até mesmo porque esta restrição, característica de economias periféricas, interfere no próprio processo de acumulação de capital e, consequentemente, no mercado de trabalho e em sua distribuição. Como arcabouço teórico, fez-se a opção pela literatura Marxiana e Kaleckiana por diversas razões. Dentre algumas, pode-se citar a constatação explícita, de ambos os autores, do caráter cíclico e instável de economias capitalistas, bem como a incapacidade , via de regra ou como fato estilizado (a depender do autor), de uma economia capitalista agregar...

O Entrelaçamento entre assistência social e trabalho informal: verdades e equívocos em tempos de crise do capital

Souto, Jeane Medeiros de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Serviço Social; Serviço Social, Formação Profissional, Trabalho e Proteção Social; Serviço Social, Cultura e Relaçõe
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.92%
The thesis presented here is of interest management to analyze the performance of the State, through the materialization of the professional courses, the process of integration of users CRAS-Pajuçara informal. Therefore, we assume that poverty and inequality reach a significant portion of the world population, in a context where the working class family is seen as an alternative to face the multiple expressions of social issues. Thus, before the changes of Productive Restructuring, marked by flexibility, outsourcing and casualization of labor relations in the world, the working class family must find ways to ensure their survival. In this direction, we discuss the advances, limitations and challenges posed to the Social Assistance Policy in contemporary, situating this context, the role of the state. Furthermore, we discussed the functionality of informality to the capitalist system, showing how capital appropriates of informal work, placing it in its logic, and thus makes the capital-labor ratio increasingly predatory, inhuman and unequal. The methodological procedures for the preparation of this study constitute a literature and documentary, beyond 10 semi-structured interviews directed to users of CRAS-Pajuçara, participants of training courses for the period 2010-2011. In light of the critical-dialectical rationality...

Expansão da escola básica e a relação capital, trabalho e educação no Brasil dos anos 1970; Expansion of basic school and the relationship between capital, labor and education in Brazil in the year 1970

FERREIRA, João Roberto Resende
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Doutorado em Educação; Ciências Humanas Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Doutorado em Educação; Ciências Humanas
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.02%
FERREIRA, João Roberto Resende. Expansion of basic education and the relationship capital, labor and education on the 70 s in Brazil. 2011. 125 pages. Thesis (Graduate Education Program) Faculdade de Educação, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2011. This study is a bibliographical research which belongs to the research field of Education, Labor and Social Movements. It sets out to understand the expansion of basic education in Brazil in the context of its close relationship with capital, labor and education. The study tries to understand the logic underlying the action of capital, workers and State in relation to the school and the principles and values which inspired educational reform in the late twentieth century. It is based on the Gramscian theoretical framework in what refers to Americanism and Fordism, according to which all historical particularities require people to acquire specific formation and it is up to the different schools and intellectuals to exercise this formative function in a society of classes. In Brazil, the process of industrial expansion and unplanned urbanization generated urban contradictions and put access to education at center stage in popular struggles.; FERREIRA, João Roberto Resende. Expansão da escola básica e a relação capital...

À sombra do capital: as dimensões da reprodução metabólica da economia solidária

Nemirovsky, Gabriel Gualhanone
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
55.91%
A presente pesquisa teve a intenção de levantar reflexões sobre o universo de experiências alternativas de trabalho e renda inscritas naquilo que se denomina Economia Solidária. Essas reflexões foram fundamentadas em uma perspectiva marxiana da qual emerge a dialética da estrutura e da história, balizada por categorias como totalidade e centralidade do trabalho. Para o desenvolvimento da pesquisa tornou-se necessário, portanto, a discussão sobre o modo de produção dominante, o capitalismo, sendo ele a representação do ordenamento global das determinações históricas e estruturais do metabolismo do capital. A partir dessa discussão inicial foi possível identificar os distintos processos interdependentes que caracterizam o estágio atual desse sistema, sendo o pilar fundamental de todos eles a crise estrutural que tem assolado a relação Capital-Trabalho-Estado. Em sequência, articulou-se uma descrição das formas de crítica a essa ordem dominante do capital e como essas se desenvolveram a fim de que se entendesse o estágio atual das alternativas sociais. Com base, nesse contexto procurou-se levantar dados qualitativos e quantitativos sobre a Ecosol, de modo que fosse possível estabelecer as correlações necessárias para se compreender a realidade concreta dessa alternativa social que emerge das contradições da totalidade de relações de produção capitalistas. Com efeito...

O setor sucroenergético e a relação capital e trabalho: reflexos da dinâmica espacial no município de Goiatuba (GO) entre 2004 e 2013; Capital / labor relation: the spatial dunamic and theinsertion reflections of the sugar energy sector in Goiatuba (GO) between 2044 and 2013

Costa, Robson Lopes
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (RC); Regional de Catalão (RC) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (RC); Regional de Catalão (RC)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
76.05%
The sugarcane is among the crops introduced in the country, the oldest Brazilian economic activity. Inserted in Pernambuco state as a strategy for territorial occupation against possible occupation by the Dutch, the sugarcane became one of the most important economic activities of the Brazilian colonial period. Started in the sixteenth century, the sugarcane is in the XXI century one of the crops that has most increased its planted area in Brazil.Centered in the capital / labor relation, the sugarcane was keeping for centuries and new frontiers of expansion were opened. It is in this context that the municipality of Goiatuba (GO) has been recently one of the territorialization's locus of sugarcane in the Goiás state. Based on the above, the present study aimed to understand the unfolding of the sugarcane insertion in the Goiatuba's municipality (GO) understanding the capital / labor relation as a foundational element of the sugar energy industry's territorialization process. To this end, companies Goiatuba Alcohol Ltda (Goiasa), the power plant Bom Sucesso (BS) and other companies operating in the city, had their actions investigated as a mechanism to propitiate an understanding about the morphology of sector actions which, in various forms ...

Uma nova (des) ordem nas cidades: o movimento dos sujeitos não desejados na ocupação dos espaços urbanos das capitais do cerrado - Goiânia, Brasília e Palmas; A new (dis) order in the cities: the movement of not welcomed subject occupation of urban spaces in the capital of the cerrado - Goiânia, Brasília and Palmas

Pelá, Márcia Cristina Hizim
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.03%
The main objective of this thesis is to analyze the spatialization process of not welcomed subjects in the planned capitals of Brazilian Cerrado. Goiânia, Brasília and Palmas. The proposition is that the dialectical relationship between the norm and the life, through work and social-cultural practices, promotes landslidings of meaning both in form and content of the urban spaces, thus, provoking a new (Dis)order in these cities. The term “not welcomed subjects” was coined by the author of this paper on her master’s degree dis sertation as a way of referring to the capital Goiânia builders, once that, despite these workers represented a bigger contingent on the city building process, there wasn’t even a reserved space for them on the original planning. This fact allowed the relationship assessment of what was once imputed to the workers, the time elapsed on the city building wasn’t counted as well as the right to live over the edifications they crafted. This phenomenon, that has also happened in the city building of Brasília and Palmas, goes on until today, revealing that the not welcomed subjects on cities planned spaces are not only the builders. Another huge contingent of workers is added to the “not welcomed” group forced out of their homes for numerous reasons like...

As forças do trabalho no setor têxtil e vestuário

Fronza, Claudia Sombrio
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
55.92%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Politica.; Esta dissertação consiste num estudo sociológico sobre as mudanças na relação capital-trabalho no setor têxtil e vestuário blumenauense e a constituição da Fino Toque Têxtil Cooperativa. Desde 1990, os reflexos da crise do capital ampliam o desemprego e favorecem o desmonte do trabalho coletivo, a intensificação da jornada de trabalho e o processo de informalização do trabalho. As cooperativas têxteis e vestuaristas emergem no cenário citadino, como uma possibilidade de resolver essas crises, mas também como alternativa aos trabalhadores de gerar trabalho e renda, de forma não assalariada. A Fino Toque foi fundada nesta perspectiva e num momento de expressivo aumento das experiências autogestionárias. Para compreendê-la analisou-se a expansão da industrialização no setor têxtil e vestuário em Blumenau e as estratégias de acumulação de capital, assim como, o seu contrário, os conflitos de classe e a constituição das forças do trabalho. Na viabilização deste estudo utilizou-se o método qualitativo associado às técnicas de estudo de caso e análise de trajetórias ocupacionais. A pesquisa viabilizou-se por meio das contribuições dos cooperados e ex-cooperados da Fino Toque...

Paradoxos do processo de formação da agenda de trabalho decente no Brasil : (2003-2012)

Monteiro, Ana Lúcia de Oliveira
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
56%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Serviço Social, Programa de Pós-Graduação em Política Social, 2013.; Esta tese tem por objetivo apresentar uma análise dos diferentes processos que compuseram a articulação política da formação da agenda governamental e a construção das bases para uma política pública sobre o Trabalho Decente no Brasil, processo contemporâneo inserido na construção de políticas públicas na área de trabalho e emprego. A análise em curso buscou identificar as contradições, correlações de forças e resistências, no sentido de mapear as intervenções e os confrontos presentes durante as negociações na medida em que a emergência de idéias e interesses vai modelando o comportamento dos atores em um processo de formulação de políticas. O marco teórico utilizado engloba a relação Estado e Sociedade Civil na formulação de políticas públicas, o modelo de correntes múltiplas de Kingdon (1995), sobre a importância dos processos de formação de agenda, acrescidos do referencial de Hall (2002) que trata sobre a relevância da incorporação das idéias, interesses e instituições na análise de políticas públicas. Os pressupostos da pesquisa partem do princípio de que...

Políticas sociais, incentivos fiscais e os movimentos do capital e do trabalho no caso Grendene

Gouveia, Robert Paula
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
56.07%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Serviço Social, Programa de Pós-Graduação em Política Social, 2015.; Esta tese trata da questão das políticas públicas sociais, especificamente aquelas voltadas à área do trabalho, tendo como pano de fundo a relação entre essas políticas públicas de trabalho e os movimentos do capital, dentro do sistema capitalista de produção e troca. Busca-se analisar a postura do Estado enquanto poder público, a partir da formatação (ou não) de políticas públicas sociais, correspondentes às compensações oriundas das consequências sociais dessa relação. Nesse sentido, é uma análise sociológica, histórica e econômica, a partir de uma visão crítica, buscando sua compreensão e observando possibilidades de posicionamento para os agentes envolvidos nesse processo - especialmente para a classe trabalhadora -, num contraponto diante da postura capitalista na relação capital-trabalho. Este estudo tem, ao mesmo tempo, uma abrangência global, baseada na literatura existente acerca do tema, naquilo que denomina de mudança do capitalismo em escala planetária; e outra local, centrada numa realidade brasileira específica, a partir do seu setor produtor calçadista...

Expansão da agroindústria canavieira no Mato Grosso do Sul: relação capital x trabalho e reconfiguração espacial

Azevedo, José Roberto Nunes de
Fonte: Universidade Federal da Grande Dourados Publicador: Universidade Federal da Grande Dourados
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.02%
RESUMO - A presente dissertação versa sobre a expansão canavieira no Estado do Mato Grosso do Sul ou, mais precisamente, sobre as transformações econômicas, sociais e espaciais resultantes desse processo, que tem por característica o fato de mascarar a natureza contraditória da implantação de usinas e destilarias. Notadamente, verifica-se a ampliação do número de empresas agroindustriaiscanavieiras e sua conseqüente territorialização, nos últimos anos, com destaque para o Centro-Sul do Estado. Nesse contexto, apregoa-se a ideologia do agronegócio como principal responsável pela diferenciação social, na medida em que passa a valer a crença no rápido desenvolvimento estadual e na prosperidade da classe trabalhadora, a partir de um novo padrão de vida, sem notar que, apesar da geração de empregos para os trabalhadores, se mantém e se agudiza ainda mais a exploração do trabalho, atrelada, pois, à elevação da produtividade. Destarte, as relações de trabalho via de regra expressam condições degradantes de trabalho, moldadas ao processo de reprodução do capital, o que repercute diretamente no acirramento do conflito capital x trabalho, com reflexo nas ações contra-hegemônicas da sociedade, ao mesmo tempo em que se verifica um perfil sindical predominantemente corporativo e imobilista...

Relação capital/produto incremental : estimativas para o período 1948/1987

Pinheiro, Armando Castelar; Matesco, Virene
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Pesquisa e Planejamento Econômico (PPE) - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
65.9%
Neste trabalho estimam-se os valores da relação capital/produto incremental no período 1948/87, levando-se em conta mudanças na utilização da capacidade instalada. Observa-se que esta relação cresceu significativamente durante o período, possivelmente em função de: a) aumentos no preço relativo dos bens de investimento; b) crescente importância do capital como fonte de expansão do produto potencial; c) alterações ocorridas na composição do investimento; e realocação setorial dos investimentos e da produção.; p. 597-612

Relação capital-produto incremental: estimativas para o período 1948/87; Textos para Discussão Interna (TD) 163: Relação capital-produto incremental: estimativas para o período 1948/87; Incremental capital-output ratio: estimates for the period 1948/87

Castelar, Armando; Matesco, Virene
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
56.02%
Neste trabalho é utilizado um novo método para calcular a relação capital-produto incremental, abrangendo o período 1948/87. A metodologia leva em consideração, entre outras variáveis, o grau de utilização da capacidade instalada da economia brasileira. O trabalho observa uma queda na qualidade do investimento agregado, devido à crescente participação do item construção civil, em detrimento do de máquinas e equipamentos, no total do investimento. Isto deve explicar, em parte, o crescimento acentuado da relação capital-produto, que passa de menos de 2.0 até o início dos anos 70, para um valor próximo a 3.9 nos anos 80. Discute-se, a partir do conhecimento da relação capital-produto histórica da economia brasileira, cenários alternativos para o nível requerido de investimento agregado, que deverá prevalecer nos anos à frente. Observa-se, ainda, que a queda na acumulação real de capital se deve não apenas à redução da poupança interna mas também ao fato de os preços dos bens de investimento terem tido um crescimento mais acentuado em relação ao deflator implícito do PIB.; 40 p. : il.

Trabalho em equipe como forma da subsunção real

Cipolla, Francisco Paulo
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2005 POR
Relevância na Pesquisa
55.94%
This paper argues that the concepts of alienation and antagonism allow us to understand the introduction of teamwork as a way of increasing control over labor and at the same time decrease costs of control and supervision. It is also argued that lean production has made the capital circuit more prone to disruptions thereby calling for increasing supervision and control over the labor process. However, as a way to constantly decrease costs, lean production had to resort to methods of control which were compatible with cost reductions. Teamwork, it is argued, allows for cost reduction because it makes control to stem from workers themselves. Finally, in as much as teamwork is tied up with decreasing costs of both constant and variable capital it is characterized as a form of real subsumption of labor.; Este artigo procura mostrar que com base nos conceitos de antagonismo, alienação e controle, implícitos na relação capital-trabalho, é possível compreender a implantação do trabalho em equipe como meio de simultaneamente aumentar o controle sobre o trabalho e reduzir os custos associados às atividades de supervisão da força de trabalho. Argumenta-se que a diminuição do estoque de capital circulante, tanto constante quanto variável...

O (RE)ORDENAMENTO TERRITORIAL DO CAPITAL E DO TRABALHO NA AGROINDÚSTRIA CANAVIEIRA NA MICRORREGIÃO GEOGRÁFICA DE PRESIDENTE PRUDENTE – SP

Santos, Joelma Cristina dos
Fonte: OKARA: Geografia em debate Publicador: OKARA: Geografia em debate
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 04/04/2014 POR
Relevância na Pesquisa
55.88%
A Microrregião Geográfica de Presidente Prudente, tradicionalmente ocupada pela pecuária vem passando por várias alterações a partir da expansão das lavouras de cana-de-açúcar e da reestruturação produtiva das empresas sucroalcooleiras existentes na região, além da vinda de novas empresas. Cabe mencionar que as primeiras empresas do setor sucroalcooleiro foram implantadas nessa região em meados dos anos 1970, e novas empresas estão sendo instaladas aí a partir dos primeiros anos do século XXI. A reestruturação produtiva provoca vários impactos no mundo do trabalho, que se encontra cada vez mais precarizado, seja por via da terceirização, fragmentação, além da subcontratação da mão-de-obra. Dessa forma, pensar na territorialização das usinas de cana-de-açúcar, nos obriga a compreender os novos mecanismos impostos pelo capital e seus desdobramentos para o trabalho. A partir das tramas que envolvem a relação capital x trabalho é possível desvendar novos elementos que interagem no processo de produção/reprodução do espaço.