Página 1 dos resultados de 581 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Osseointegração de implantes em defeitos circunferenciais utilizando proteínas angiogênicas purificadas do látex, osso autógeno e regeneração óssea guiada. Estudo comparativo em mandíbulas de cães; Implant osseointegration in circumferential bone defects using latexderived proteins, autogenous bone graft and guided bone regeneration. A comparative study in the dog mandible

Arnez, Maya Fernanda Manfrin
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.96%
Diversas pesquisas têm direcionado esforços na busca de biomateriais que fossem capazes de melhorar a osseointegração e a estabilidade de implantes dentais em regiões anatômicas desfavoráveis. Entretanto, muitas das opções de terapias regenerativas, largamente empregadas em cirurgias orais reconstrutivas, estão associadas à algumas desvantagens clínicas como um grande período de recuperação, alto risco de morbidade, risco de parestesia nos pacientes, além de apresentarem alto custo. Biomateriais obtidos a partir do látex natural extraído da Hevea brasilienses (seringueira) demonstraram apresentar propriedades angiogênicas e significante aumento no reparo ósseo de alvéolos dentais e em defeitos de calota de ratos. Considerando os benefícios da angiogênese no processo de reparação óssea, o objetivo deste trabalho foi avaliar a capacidade osteogênica proporcionado pelas proteínas angiogênicas do látex na otimização do processo de osseointegração e na estabilidade de implantes de titânio instalados em defeitos ósseos cicunferenciais. Dez cães foram submetidos às cirurgias de instalação de implantes no centro de defeitos ósseos, após a exodontia dos pré-molares. Os defeitos ósseos em cada animal foram preenchidos com coágulo...

Avaliação do uso da matriz dérmica acelular como barreira na regeneração óssea guiada. Estudo clínico, radiográfico e histomorfométrico em cães; Acellular dermal matrix as a barrier in guide bone regeneration: A clinical, radiographic and histomorphometric study in dogs

Borges, Germana Jayme
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.87%
Objetivo: O presente estudo avaliou, clinica e histomorfometricamente, a matriz dérmica acelular (MDA) como barreira física na regeneração óssea guiada. Materiais e Métodos: Inicialmente foram extraídos, em seis cães, os quatro prémolares mandibulares bilateralmente. Após um período de seis semanas, foram analisadas a quantidade e qualidade de mucosa ceratinizada (Exame Clínico 1). Duas semanas depois, os animais foram submetidos a um segundo procedimento cirúrgico (Confecção do defeito e Regeneração Óssea Guiada ROG), no qual foi criado um defeito ósseo padronizado em cada lado da mandíbula. Sobre o defeito de um hemiarco, escolhido aleatoriamente, foi posicionada e fixada a membrana absorvível de copolímeros de ácido polilático e poliglicólico e carbonato trimetileno (Grupo Controle - GC) e no defeito do hemiarco oposto, a matriz dérmica acelular - MDA (Grupo Teste - GT). Imediatamente após a sutura, foram feitas tomadas radiográficas padronizadas através de raio-X digital, as quais foram novamente realizadas 8 e 16 semanas após a cirurgia de colocação das membranas. Após quatorze semanas de cicatrização, a quantidade e qualidade da mucosa ceratinizada foram novamente avaliadas (Exame Clínico 2). Dezesseis semanas depois da ROG os animais foram sacrificados e foi então realizado o preparo histológico das peças. A análise histomorfométrica...

Avaliação da regeneração óssea, sob a influência do laser de baixa intensidade, na região da sutura palatina de ratos após expansão da maxila; Evaluation of osseous regeneration, using the low-power laserterapy in the midpalatal suture in rats after maxillary expansion

Simões, Francisco Xavier Paranhos Coêlho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.89%
Uma das condutas terapêuticas mais adotadas na prática ortodôntica para a correção da mordida cruzada posterior é a expansão rápida da maxila. A recidiva pós-disjunção demonstra a necessidade do uso de contenção para garantir o sucesso da terapia. A sutura neoformada e as maxilas devem se manter em sua nova posição por um período mínimo para adquirir estabilidade. Seria um benefício acelerar a neoformação óssea na sutura palatina após a expansão com o objetivo de reduzir o tempo do período de contenção. O uso do laser na regeneração óssea é justificada pela possibilidade de diminuir o tempo de contenção garantindo assim maior estabilidade pós-tratamento. O presente estudo teve como objetivo verificar o efeito do laser de baixa intensidade com diferentes potências na regeneração óssea na região da sutura palatina. Foram utilizados 20 ratos (Wistar), com 45 (quarenta e cinco) dias de idade, divididos em 5 (cinco) grupos, sendo 4 (quatro) ratos cada um, assim descritos: Grupo 1 Não irradiados nem submetidos a disjunção e Grupo 2 Não irradiados, mas submetidos a disjunção. Os Grupos experimentais serão assim distribuídos: Grupo 3 submetidos a disjunção e irradiados com dose única de 4J/cm2; Grupo 4 submetidos a disjunção e irradiados com dose única de 8 J/cm2 e Grupo 5 - submetidos a disjunção e a irradiação com 2 doses de 4 J/cm2. Os grupos irradiados receberam as doses no momento 0 (zero início do estudo) e dois dias após a primeira dose...

Adição de complexo vitamínico em duas bioceramicas e seu efeito na regeneração óssea; BONE REGENERATION EFFECT AFTER THE ADDITION OF A VITAMIN COMPLEX IN TWO BIOCERAMICS

Beolchi, Rafael da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.84%
Um dos objetivos da pesquisa em Biomateriais é o desenvolvimento de dispositivos que auxiliem a regeneração óssea. Duas cerâmicas sintéticas têm sido largamente utilizadas: a hidroxiapatita (HAp) e o beta fosfato tricálcico (b- TCP). Em muitas situações é desejável que a velocidade de absorção desses materiais pelo organismo seja compatível com a velocidade de crescimento ósseo, e nesses casos, o emprego da mistura dessas duas fases mostra-se vantajoso. A absorção e o crescimento ósseo são processos fisiológicos complexos, afetados, entre outras coisas, pela resposta inflamatória da região cirúrgica. Assim, uma resposta inflamatória exacerbada é potencialmente danosa, já que pode induzir a um aumento no estresse oxidativo devido à produção de radicais livres. O ataque dos radicais livres causa, entre outros efeitos danosos, a degeneração da membrana celular, que pode acarretar necrose e/ou apoptose das células da região cirúrgica. Neste trabalho, duas cerâmicas foram implantadas em fêmures de ratos: b-TCP ou a mistura bifásica 60:40% em massa de HAp:b-TCP. O crescimento ósseo foi avaliado por microscopia ótica e de fluorescência, utilizando marcadores ósseos fluorescentes. Além disso, avaliou-se o efeito da presença de um complexo vitamínico...

Avaliação cintilográfica da regeneração óssea pós-cirurgia em coelhos; Scintigraphic evaluation of bone healing postoperative in rabbits

Pretti, Vinicius
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/11/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.94%
A regeneração óssea é um importante processo fisiológico e bioquímico que acontece no tecido ósseo em resposta a diferentes tipos de agressões. Sejam elas o trauma, infecções, excessos de demanda de carga, lesões expansivas, malformações vasculares e alterações metabólicas sistêmicas, em quaisquer destas situações a remodelação e regeneração óssea assumem grande importância dada a relevância do esqueleto para a saúde humana. Neste sentido, faz-se importante desenvolver técnicas de pesquisa que permita-nos estudar in vivo as alterações metabólicas que acontecem no tecido ósseo em diferentes condições. Neste sentido, nosso objetivo foi o de utilizar a técnica de cintilografia óssea para avaliar a osteogênese secundaria à osteotomia em um modelo animal de coelho da raça New Zealand. Para tanto desenvolvemos um estudo longitudinal, prospectivo, caso-controle, no qual as variáveis cintilográficas foram mensuradas tanto na pata operada (pata anterior direita) quanto na pata controle (pata anterior esquerda). A amostra foi constituída por um grupo de 10 coelhos, inicialmente, os quais foram submetidos à osteotomia, seguindo-se um período de avaliação de 12 semanas pós-operatórias, divididas em três etapas de imageamento...

Estudo da regeneração óssea guiada em mandíbula de ratos idosos; Advanced age impairs guided bone regeneration: a study in rat jaw model

Casadio, Celey Aparecida Eugenio Silveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.93%
Atualmente há um número crescente de idosos necessitando reabilitação com enxerto ósseo, no entanto pouco se sabe sobre o efeito do envelhecimento fisiológico sobre este processo. Este estudo teve como objetivo comparar a regeneração óssea guiada na mandíbula de ratos adultos e velhos. Ratos Wistar machos, com 9 meses (adultos) e 20 meses (velhos) de idade, foram avaliados 0, 7, 28 e 120 dias após a cirurgia. O protocolo cirúrgico incluiu a remoção de osso autógeno da calvária e sua fixação com implante de titânio na mandíbula. A formação óssea foi avaliada através da densidade mineral óssea (DMO), microtomografia computadorizada (?CT), análise histomorfométrica e taxa de aposição mineral. Cento e vinte dias após a cirurgia, os animais velhos apresentaram uma redução da variação da DMO na tíbia quando comparada com adultos (-0,022±0,007 vs. 0,011±0,004 g/cm2, respectivamente, p=0,004) e no fêmur (-0,036±0,01 vs. 0,024±0,007 g/cm2, respectivamente, p=0,000). A análise de ?CT revelou uma redução no percentual de volume ósseo nos ratos velhos quando comparados aos adultos (52,34±1,98 vs. 61,46±2,0 %, respectivamente, p=0,032). A análise histomorfométrica confirmou estes dados, tanto no percentual de área óssea (44...

Produção de suportes poliméricos para o crescimento de células-tronco mesenquimais e sua aplicação em regeneração óssea; Polymer scaffolds production for stem cell growing and their application in bone regeneration

Bentini, Ricardo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.73%
Um novo método de modificação da superfície de nanopartículas de hidroxiapatita (HAP) por reação com cloreto de lauroíla foi desenvolvido, gerando a nanopartícula funcionalizada por laurato (HAP-CL). A superfície modificada da HAP foi confirmada por infravermelho, termogravimetria, ressonância magnética nuclear e análise elementar. Provamos por testes mecânicos a capacidade de criar compósitos com alto teor de HAP-CL em matrizes poliméricas de poli(L-acido láctico) (PLLA) e poli(succinato de isosorbídeo-b-L-lactídeo) (PLLA-co-PIS) sem perda significativa de propriedades mecânicas. Diferentes quantidades de HAP-CL, HAP enxertado com PLLA (PLLA-g-HAP) e HAP puro foram dispersadas em soluções de PLLA para formar fibras eletrofiadas. Para comparar a dispersão destas nanopartículas nas fibras e a sua morfologia, análise de microscopia eletrônica de varredura e de transmissão foram empregadas. A HAP-CL exibiu melhor dispersão na matriz polimérica do que o PLLA-g-HAP e HAP, e permitiu a produção de fibras com grande quantidade de HAP-CL (até 30% massa da fase mineral em relação à massa do polímero(mm/mp)), tanto para o PLLA como para o PLLA-co-PIS. Células tronco mesenquimais derivadas de polpa de dente foram cultivadas em fibras de PLLA com alto teor de HAP-CL...

Avaliação radiográfica e histológica comparativa entre uma nova membrana eletrofiada de PCL/poli(rotaxona) e uma membrana de colágeno suíno na regeneração óssea guiada de defeito crítico em calvária de ratos Wistar; Radiographic and histological evaluation between a new electrospinning PCL/polyrotaxane membrane and a porcine collagen membranes in a guided bone regeneration model in Wistar rat's critical sized calvaria defects

Sendyk, Daniel Isaac
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.92%
Dentre as diversas possibilidades de reconstrução de tecidos ósseos atróficos, a regeneração óssea guiada é uma das mais promissoras. Neste contexto, muitas membranas reabsorvíveis tem sido desenvolvidas e precisam ser testadas como parte de sua caracterização. O objetivo do presente estudo foi avaliar radiográfica e histologicamente em um estudo in vivo, se uma nova membrana polimérica eletrofiada de PCL/poli(rotaxona) demonstra comportamento semelhante a uma membrana de colágeno, comercialmente consagrada, quanto à promoção de regeneração óssea guiada. Foi realizado defeito crítico de 8mm de diâmetro na calvária de 60 ratos Wistar machos. Em dois grupos iguais (n=20) os defeitos foram recobertos aleatoriamente por uma membrana de colágeno suíno ou por uma membrana polimérica mista de policaprolactona (PCL) e poli(rotaxona). Em um terceiro grupo (n=20) os defeitos não foram recobertos e permaneceram apenas com o coágulo. Os animais sofreram eutanásia em 7, 14, 21 e 42 dias pós operatórios. Espécimes da região foram radiografadas e preparadas para análise histológica. Radiograficamente, os defeitos recobertos pela membrana de colágeno suíno apresentaram diminuição mais significativa da área radiográfica dos defeitos de acordo com a progressão dos períodos pós-operatórios do que nos outros grupos. A histomorfologia do reparo mostrou agrupamentos mais expressivos de células gigantes no grupo PCL/poli(rotaxona) sugerindo resposta à corpo estranho. Na histomorfometria...

Avaliação histológica da regeneração óssea do rádio e ulna em cães submetidos ao alongamento com o fixador de Ilizarov

RAHAL, Sheila Canevese; VOLPI, Reinaldo dos Santos; IAMAGUTI, Paulo; UEDA, Anete
Fonte: Universidade de São Paulo (USP), Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) Publicador: Universidade de São Paulo (USP), Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 122-126
POR
Relevância na Pesquisa
66.87%
O objetivo do estudo foi analisar histologicamente a qualidade, tipo e orientação dos tecidos formados na área de regeneração óssea produzida durante alongamento simultâneo do rádio e da ulna, com fixador externo de Ilizarov, a partir de osteotomia subperiosteal diafisária distal, com dois incrementos diários de 0,5 mm. A montagem foi composta de dois anéis e quatro hastes telescópicas, sendo a distração óssea iniciada no sexto dia de pós-operatório. Utilizaram-se 15 cães, sem raça definida, adultos, com peso corpóreo entre 17 e 30 kg, divididos por sorteio em subgrupos (A, B, C, D e E) compostos por três animais, que foram submetidos a eutanásia após os seguintes procedimentos: A- oito dias de alongamento, B- 15 dias de alongamento, C- 22 dias de alongamento, D- 28 dias de alongamento e oito dias de fase neutra com o fixador, E- 28 dias de alongamento, 60 dias de fase neutra com fixador e 45 dias sem fixador. Os resultados obtidos mostram que o tipo e localização da osteotomia, bem como o ritmo de distração utilizado, não interferiram sobremaneira na regeneração óssea. A reparação óssea foi eficiente, notadamente intramembranosa, contudo nos subgrupos B e C foi observada a presença de cartilagem.; The aim of this study was to evaluate...

Desenvolvimento de biocerâmicas porosas de hidroxiapatita para utilização como scaffolds para regeneração óssea

Fook, A.C.B.M.; Aparecida, A.H.; Fook, M.V.L.
Fonte: Rede Latino-Americana de Materiais Publicador: Rede Latino-Americana de Materiais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 392-399
POR
Relevância na Pesquisa
66.8%
Biocerâmicas porosas tem aplicações biomédicas importantes como preenchimento de defeitos ósseos e scaffolds na engenharia de tecidos. A hidroxiapatita (HA, Ca10(PO4)6(OH)2) que apresenta semelhança química e estrutural com a fase mineral dos ossos e dos dentes, é biocompatível e osteocondutiva, e tem excelente afinidade química e biológica com os tecidos ósseos. Este trabalho teve como objetivo desenvolver biocerâmicas porosas HA para utilização como scaffold para regeneração óssea empregando-se a técnica de réplica da esponja polimérica. A pasta biocerâmica de HA foi obtida por via úmida utilizando hidróxido de cálcio [Ca(OH)2] e ácido fosfórico (H3PO4) e impregnada em esponjas de poliuretano com diferentes densidades. Tratamento térmico a 600°C por 1h foi realizado para eliminação da esponja seguido da sinterização a 1100°C por 2 horas. Os scaffolds apresentaram a HA como fase majoritária, elevada porosidade (> 70%) e poros com tamanhos variando na ordem de macro (>100μm) e microporosidade (1-20μm), sendo estes fatores adequados para a aplicação como scaffolds para regeneração óssea.; Porous bioceramics have important biomedical applications such as bone defect fillers and tissue engineering scaffolds. The hydroxyapatite (HA...

Influência da calcitonina na regeneração óssea em mandíbulas de ratas ovariectomizadas

Arisawa, Emilia Angela Loschiavo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 109 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
66.83%
In This work we studied the action of calcitonin on bone regeneration in the jaws of normal and ovariectomized rats with and without administration of calcitonin. One hundred rats aged approximately sixty days were used for this study. Of these fifty were ovariectomizedOv forming group and one month after the surgery, animals in all a hundred surgical bone defect was made in the angle of the mandible, creating a bone lesion of approximately 4 mm, covered with a PTFE barrier. OvThe animals were divided into two equal groups: Ov (ovaricctomizados) and LMO (ovariectomized with calcitonin). The other fifty animals, only with the bone lesion were also divided into two groups: control (C) and CM (control with calcitonin). Treated groups received the first dose of the substance immediately after surgery, the dose of 2 IU / kg IM three times per week. The animals were sacrificed after three, seven, 14, 21 and 28 days, with their jaws removed and sent for histological preparation. Densitometric analyzes were performed histological and histomorphometric verifying that it was observed that the Ov animals showed decreased bone density and a much slower regenerative process, when compared with control animals. Calcitonin proved effective in both ovariectomized animals and in those with only bone injury.; Neste trabalho estudou-se a ação da calcitonina no processo de regeneração óssea em mandíbulas de ratas normais e ovariectomizadas...

Aplicação da membrana de látex natural (NRL) como suporte para cultura das células osteogênicas MC3T3-E1 para regeneração óssea guiada (GBR)

Borges, Felipe Azevedo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 80 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
66.73%
Pós-graduação em Biotecnologia - IQ; The natural rubber latex (NRL) extracted from the rubber tree Hevea brasiliensis is a colloidal system composed of cis-14-polyisoprene polymer. The centrifugation separates the proteins related to allergic reactions, preserving the proteins related to angiogenic activity presented by this material. Their biological applications have grown due to the angiogenic activity and due to its low cost and easy handling. Among its applications, one can mention the release of active compounds (drugs, extracts, nanoparticles, etc.), use as a wound dressing (accelerating the healing of chronic ulcers), vascular prosthesis, etc. It has also been used as a mechanical barrier in guided bone regeneration (GBR), being efficient and accelerating bone healing. Thus, this work aimed a cytotoxicity test of natural rubber latex membrane; producing membranes with different porosities; and assess the adherence of pre-osteoblasts; a mineralization test in the membrane with higher porosity. Cytotoxicity was tested according to the standard ISO 10993-5; the membranes were produced by thermally induced phase separation (TIPS) to provide porosity in the membranes and characterized by scanning electron microscopy with energy dispersive X-ray (SEM-EDS)...

Papel das Células-Tronco na Regeneração Óssea

Martins, Priscila
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 26 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
67.09%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências da Saúde. Odontologia.; A perda dos elementos dentais leva à reabsorção do rebordo alveolar, com posterior alteração do terço inferior da face e do padrão estético do paciente. As técnicas de reconstrução com enxerto de osso autógeno apresentam resultados positivos, com ganho adequado de osso, mas têm como grande desvantagem a necessidade de um segundo sítio cirúrgico para a doação do tecido ósseo. Algumas opções para substituir ou repor o tecido ósseo perdido vêm sendo estudadas. Neste contexto aparecem as células-tronco (CT), que apresentam a capacidade de auto-renovação e de gerar células diferenciadas de diferentes tipos de tecidos, e, por isso, demonstram potencial para reparar tecidos lesados ou perdidos. A Engenharia de Tecidos é uma nova disciplina que abrange os princípios e métodos da biologia e da engenharia, para desenvolver substitutos para o reparo e a regeneração de tecidos lesados ou perdidos, e envolve a tríade células, arcabouço (scaffold) e indutores biológicos. No campo da Odontologia, essa nova abordagem traz a esperança de regeneração de tecido ósseo e dentário, ligamento periodontal, polpa e esmalte e...

Chitosan based scaffolds for bone regeneration; Suportes à base de quitosano para regeneração óssea

Marbelia, Lisendra
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
ENG
Relevância na Pesquisa
66.78%
Tissue engineering research attempts to satisfy the needs of support, reinforcement and in some cases organization of the regenerating tissue with a controlled supply of bioactive substances that might positively influence the behaviour of incorporated or ingrowing cells. As demonstrated by the recent advances on biomaterials, the ideal scaffold for tissue regeneration should offer a 3D interconnected porous structure behaving as a template to promote cells adhesion and proliferation and vascularisation as well thus stimulating the new tissue ingrowth. A special interest has been focused on chitosan (CH - the partially deacetylated derivative of chitin) scaffolds for bone regeneration due to its biological and physical properties, in spite of some drawbacks regarding its lack of mechanical strength and bioactivity. The incorporation of bioactive calcium phosphates materials in the polymer matrix is expected to reinforce chitosan scaffolds improving their mechanical performance and osteoconductivity. In the present work, chitosan based scaffolds were produced by freeze-drying CH solutions containing calcium phosphate (CaP) particles, either as fibers of hydroxyapatite (HA), platelets of monetite or a mixture of both. CaP particles were prepared by a wet precipitation method. The calcium phosphate precipitation was monitored by taking a number of samples during 3-days. Evolution of the morphology and crystal phase composition of the precipitated particles were followed by scanning electron microscopy (SEM)...

Alkali-free bioactive glasses for bone regeneration; Vidros bioactivos isentos de alcalinos para regeneração óssea

Kapoor, Saurabh
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
66.8%
Bioactive glasses and glass-ceramics are a class of third generation biomaterials which elicit a special response on their surface when in contact with biological fluids, leading to strong bonding to living tissues. The purpose of the present study was to develop diopside based alkali-free bioactive glasses in order to achieve good sintering behaviour, high bioactivity, and a dissolution/ degradation rates compatible with the target applications in bone regeneration and tissue engineering. Another aim was to understand the structure-property relationships in the investigated bioactive glasses. In this quest, various glass compositions within the Diopside (CaMgSi2O6) – Fluorapatite (Ca5(PO4)3F) – Tricalcium phosphate (3CaO•P2O5) system have been investigated. All the glasses were prepared by melt-quenching technique and characterized by a wide array of complementary characterization techniques. The glass-ceramics were produced by sintering of glass powders compacts followed by a suitable heat treatment to promote the nucleation and crystallization phenomena. Furthermore, selected parent glass compositions were doped with several functional ions and an attempt to understand their effects on the glass structure, sintering ability and on the in vitro bio-degradation and biomineralization behaviours of the glasses was made. The effects of the same variables on the devitrification (nucleation and crystallization) behaviour of glasses to form bioactive glass-ceramics were also investigated. Some of the glasses exhibited high bio-mineralization rates...

Análise de parâmetros séricos para a caracterização da resposta sistémica à regeneração óssea local num modelo experimental de osteoporose

Cerdeira, Tânia Alexandra Cardoso
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.91%
Dissertação de Mestrado em Biologia Clínica Laboratorial; A osteoporose é uma doença óssea metabólica caracterizada pela diminuição de densidade mineral óssea e deterioração da microarquitetura do tecido ósseo. Trata-se de uma patologia que atinge milhões de pessoas de todas as idades, e afeta ambos os sexos, mas sobretudo mulheres na fase de pós-menopausa. Este estudo tem como principal objetivo a análise de parâmetros séricos para a caracterização da resposta sistémica à regeneração óssea local num modelo de osteoporose experimental. Neste estudo foram utilizados 64 ratos fêmeas da estirpe Wistar, dos quais 32 foram submetidos a uma ovariectomia bilateral (OVX) e os restantes sujeitos a uma cirurgia simulada (Sham). Dois meses após o primeiro procedimento cirúrgico, criou-se em todos os animais um defeito circular de 4 mm de diâmetro e espessura total, localizado no ramo da hemi-mandíbula direita. Em metade dos grupos aplicou-se sobre o defeito uma membrana de colagénio (Evolution Std, OsteoBiol®, Tecnoss, Italy), e nos restantes grupos utilizou-se a mesma membrana em conjunto com uma pasta óssea de preenchimento (Putty, OsteoBiol®, Tecnoss, Italy). Os animais foram sacrificados aos três ou seis meses...

Regeneração óssea em condições diabéticas

Loureiro, Talita da Silva
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
67.12%
Dissertação de Mestrado em Biotecnologia para as Ciências da Saúde; A diabetes mellitus é uma patologia heterogénea, caracterizada por alterações endócrino-metabólicas da homeostasia da glicose plasmática. A associação entre esta doença metabólica e a afeção do metabolismo do tecido ósseo tem sido alvo de estudo aprofundado na literatura científica. Apesar das evidências obtidas em diversos estudos experimentais e clínicos, o conhecimento da influência desta condição no processo de regeneração óssea é ainda escasso. Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência da diabetes mellitus experimental, induzida pela estreptozotocina, no processo de regeneração de defeitos ósseos subcríticos, na tíbia de rato. Simultaneamente avaliou-se o efeito da implantação de uma membrana de colagénio tipo I, reabsorvível, no processo de regeneração óssea guiada. Foram utilizados 34 Rattus norvegicus, os quais foram divididos em quatro grupos: Diabetes 2 semanas (D2S), Controlo 2 semanas (C2S), Diabetes 6 semanas (D6S) e Controlo 6 semanas (C6S), de acordo com o tempo de regeneração do defeito criado cirurgicamente. A condição diabética foi induzida pela administração intraperitonial de estreptozotocina (STZ)...

Avaliação histológica da regeneração óssea do rádio e ulna em cães submetidos ao alongamento com o fixador de Ilizarov

RAHAL,Sheila Canevese; VOLPI,Reinaldo dos Santos; IAMAGUTI,Paulo; UEDA,Anete
Fonte: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2001 PT
Relevância na Pesquisa
66.87%
O objetivo do estudo foi analisar histologicamente a qualidade, tipo e orientação dos tecidos formados na área de regeneração óssea produzida durante alongamento simultâneo do rádio e da ulna, com fixador externo de Ilizarov, a partir de osteotomia subperiosteal diafisária distal, com dois incrementos diários de 0,5 mm. A montagem foi composta de dois anéis e quatro hastes telescópicas, sendo a distração óssea iniciada no sexto dia de pós-operatório. Utilizaram-se 15 cães, sem raça definida, adultos, com peso corpóreo entre 17 e 30 kg, divididos por sorteio em subgrupos (A, B, C, D e E) compostos por três animais, que foram submetidos a eutanásia após os seguintes procedimentos: A- oito dias de alongamento, B- 15 dias de alongamento, C- 22 dias de alongamento, D- 28 dias de alongamento e oito dias de fase neutra com o fixador, E- 28 dias de alongamento, 60 dias de fase neutra com fixador e 45 dias sem fixador. Os resultados obtidos mostram que o tipo e localização da osteotomia, bem como o ritmo de distração utilizado, não interferiram sobremaneira na regeneração óssea. A reparação óssea foi eficiente, notadamente intramembranosa, contudo nos subgrupos B e C foi observada a presença de cartilagem.

Desenvolvimento de biocerâmicas porosas de hidroxiapatita para utilização como scaffolds para regeneração óssea

Fook,A.C.B.M.; Aparecida,A.H.; Fook,M.V.L.
Fonte: Rede Latino-Americana de Materiais Publicador: Rede Latino-Americana de Materiais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.8%
Biocerâmicas porosas tem aplicações biomédicas importantes como preenchimento de defeitos ósseos e scaffolds na engenharia de tecidos. A hidroxiapatita (HA, Ca10(PO4)6(OH)2) que apresenta semelhança química e estrutural com a fase mineral dos ossos e dos dentes, é biocompatível e osteocondutiva, e tem excelente afinidade química e biológica com os tecidos ósseos. Este trabalho teve como objetivo desenvolver biocerâmicas porosas HA para utilização como scaffold para regeneração óssea empregando-se a técnica de réplica da esponja polimérica. A pasta biocerâmica de HA foi obtida por via úmida utilizando hidróxido de cálcio [Ca(OH)2] e ácido fosfórico (H3PO4) e impregnada em esponjas de poliuretano com diferentes densidades. Tratamento térmico a 600°C por 1h foi realizado para eliminação da esponja seguido da sinterização a 1100°C por 2 horas. Os scaffolds apresentaram a HA como fase majoritária, elevada porosidade (> 70%) e poros com tamanhos variando na ordem de macro (>100μm) e microporosidade (1-20μm), sendo estes fatores adequados para a aplicação como scaffolds para regeneração óssea.

Avaliação histológica da regeneração óssea do rádio e ulna em cães submetidos ao alongamento com o fixador de Ilizarov; Microscopic evaluation of bone regenerate of radius and ulna in dogs submitted to the lengthening using the Ilizarov external ring fixator

Rahal, Sheila Canevese; Volpi, Reinaldo dos Santos; Iamaguti, Paulo; Ueda, Anete
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2001 POR
Relevância na Pesquisa
66.87%
O objetivo do estudo foi analisar histologicamente a qualidade, tipo e orientação dos tecidos formados na área de regeneração óssea produzida durante alongamento simultâneo do rádio e da ulna, com fixador externo de Ilizarov, a partir de osteotomia subperiosteal diafisária distal, com dois incrementos diários de 0,5 mm. A montagem foi composta de dois anéis e quatro hastes telescópicas, sendo a distração óssea iniciada no sexto dia de pós-operatório. Utilizaram-se 15 cães, sem raça definida, adultos, com peso corpóreo entre 17 e 30 kg, divididos por sorteio em subgrupos (A, B, C, D e E) compostos por três animais, que foram submetidos a eutanásia após os seguintes procedimentos: A- oito dias de alongamento, B- 15 dias de alongamento, C- 22 dias de alongamento, D- 28 dias de alongamento e oito dias de fase neutra com o fixador, E- 28 dias de alongamento, 60 dias de fase neutra com fixador e 45 dias sem fixador. Os resultados obtidos mostram que o tipo e localização da osteotomia, bem como o ritmo de distração utilizado, não interferiram sobremaneira na regeneração óssea. A reparação óssea foi eficiente, notadamente intramembranosa, contudo nos subgrupos B e C foi observada a presença de cartilagem.; The aim of this study was to evaluate...