Página 1 dos resultados de 140 itens digitais encontrados em 0.025 segundos

Avalia????o do uso de agrot??xicos e a qualidade dos recursos h??dricos nos assentamentos de reforma agr??ria Bernardo Marin II e Mundo Novo, munic??pio de Russas (CE): estudo de caso

Castro, Maria Goretti Gurgel Mota de
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Dissertação
Relevância na Pesquisa
66.31%
A op????o pela realiza????o deste estudo em dois assentamentos de reforma agr??ria seguiu a diretriz de avaliar aspectos da utiliza????o dos agrot??xicos e da qualidade dos recursos h??dricos, em comunidades que, at?? recentemente, se caracterizavam pelo desenvolvimento desistemas agr??colas com pouca ou nenhuma aplica????o destes produtos. Para cumprir os objetivos propostos foi realizado um estudo descritivo desenvolvido em duas etapas. Naprimeira etapa foi efetuado um estudo transversal com o objetivo de caracterizar o uso de agrot??xicos na ??rea de pesquisa e registrar a ocorr??ncia de sinais e sintomas auto-referidos relacionados ?? exposi????o a estes produtos. Na segunda etapa avaliou-se a qualidade dos recursos h??dricos utilizados nos assentamentos pesquisados e o potencial de contamina????o das fontes de abastecimento. Os resultados revelaram que, dos 81 agricultores entrevistados nos dois assentamentos pesquisados, 30 (37,0 por cento) utilizavam seis tipos de produtos qu??micos; os agrot??xicos mais citados foram os organofosforados Folisuper 600 BR e Azodrin 400,aplicados principalmente em lavouras de feij??o e milho por 22 dos 30 usu??rios; 15 recebiam algum tipo de orienta????o do t??cnico agr??cola ou do vendedor; apenas 11 informaram seguir oreceitu??rio agron??mico; nenhum dos 30 usu??rios utilizava EPI completo; destes 7 declararam j?? terem se intoxicado e todos eram do sexo masculino. Entre os sinais e sintomas autoreferidos a maioria relatou vertigens/tonturas...

Gest??o de recursos h??dricos em bacias hidrogr??ficas: representa????es computacionais do ciclo hidrol??gico em sistemas de informa????es geogr??ficas

Ruhoff, Anderson Luis; Pereira, Rudiney Soares
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.51%
O presente artigo teve como objetivo implementar e realizar uma simula????o computacional num??rica do escoamento superficial da ??gua, transformando um SIG em uma representa????o realista dos processos espa??o-temporais. Este estudo insere-se nas atividades previstas pelo Fundo Setorial de Recursos H??dricos, atrav??s do gerenciamento de recursos h??dricos em bacias na Regi??o Sul do Brasil. Uma das ??reas priorit??rias estabelecidas pelo CT Hidro ?? a de Uso e Conserva????o dos Solos e Sistemas H??dricos, em que os principais problemas s??o a eros??o e compacta????o do solo, perda de cobertura natural e reflorestamentos inadequados. O programa visa subsidiar a preserva????o dos recursos h??dricos das bacias hidrogr??ficas. Entre os principais resultados, destaca-se o grande volume de ??gua escoada superficialmente, em que aproximadamente 46,32% do total precipitado na Bacia do Arroio Grande ?? perdido, o que representa mais de 90.500.000 m?? de ??gua.; The paper had the objective to implement a numeric computer simulation of the superficial flow of, transforming a GIS into a realistic system of the time-space. This study fits in the activities predicted by the Fundo Setorial de Recursos H??dricos, through the managing of the hydric resources in South Brazil. One area establish by CT Hidro is the land use and cover changing and soil conservation at water systems where the main problems are the soil erosion and soil compaction...

Gerenciamento de recursos h??dricos na bacia do Arroio Grande, RS: zoneamento ambiental atrav??s de infer??ncia geogr??fica Fuzzy

Ruhoff, Anderson Luis
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
66.41%
A Bacia Hidrogr??fica do Arroio Grande localiza-se na regi??o central do Estado do Rio Grande do Sul. Como objetivo buscou-se elaborar uma proposta de zoneamento ambiental, a partir de um processo de regionaliza????o de vari??veis ambientais, com t??cnicas de Infer??ncia Fuzzy. Com o estabelecimento dos fatores de import??ncia (declividades, tipos de solos, forma????s geol??gicas e uso e cobertura da terra), gerou-se uma grade num??rica em um espa??o cont??nuo, que varia entre 0 a 100%, representando a vulnerabilidade ambiental. Dentro desta perspectiva, classificou-se a bacia hidrogr??fica em 5 ??reas de risco, variando desde ??reas com baixa suscetibilidade, suscetibilidade moderada at?? ??reas com alta suscetibilidade, atrav??s das quais se pode estabelecer algumas medidas de prote????o ambiental e implementa????o estudos de gerenciamento de recursos h??dricos em bacias na regi??o sul do Brasil, como previsto pelo Fundo Setorial de Recursos H??dricos.; Arroio Grande Watershed is located in Rio Grande do Sul and the objective from this paper was to elaborate a proposal of environmental zonning, from a process of environmental variables regionalization, with techniques of Fuzzy Sets. With the establishment of the importance factors (geology...

Percep????o ambiental e sensibiliza????o de alunos de col??gio estadual sobre a preserva????o de nascente de um rio.

Oliveira, Everton Mario de; Santos, Walquiria Menna Brusamolin; Morais, Josmaria Lopes de; Bassetti, F??tima de Jesus; Bergamasco, Rosangela
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.31%
O estudo da percep????o ambiental aliado a atividades de sensibiliza????o podem favorecer a preserva????o e o uso mais sustent??vel dos recursos ambientais. O presente estudo qualitativo de car??ter explorat??rio investigou as percep????es ambientais referentes aos recursos h??dricos, revelados por alunos de um col??gio p??blico no munic??pio de Mandirituba/PR. Como formas de sensibiliza????o foram realizadas atividades pr??ticas por meio de visita ?? nascente de um rio; entrevista com uma propriet??ria rural, e din??mica de grupo. Ap??s as atividades realizadas, houve melhora na percep????o sobre a proveni??ncia da ??gua das torneiras; aumentou-se o n??mero de alunos que relacionaram a agricultura ??s interfer??ncias nos corpos h??dricos, por meio dos agrot??xicos e assoreamento dos mesmos. O estudo de como o aluno percebe o meio ambiente e a mobiliza????o em prol de uma experi??ncia pr??tica de sensibiliza????o podem interferir positivamente no modo de se relacionar com a natureza, com o lugar habitado e pode desencadear o comprometimento dos alunos e ajud??-los a ter uma vis??o mais cr??tica.; The study of environmental perception coupled with awareness activities can promote the preservation and more sustainable use of environmental resources. This exploratory qualitative study investigated the environmental perceptions related to water resources...

Marcos jur??dicos da gest??o integrada das bacias hidrogr??ficas e da zona costeira a partir da Constitui????o Federal de 1988

Silva, Helen Neves da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.36%
Disserta????o(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Gerenciamento Costeiro, Instituto de Oceanografia, 2012.; O equil??brio ecol??gico ?? reconhecido pela Constitui????o Federal como elemento indispens??vel para a manuten????o das caracter??sticas dos ecossistemas, para a qualidade de vida e para o desenvolvimento sustent??vel. Logo, a defesa do meio ambiente exige estrat??gias multitem??ticas, que considerem e incorporem a unicidade do meio ambiente. Neste contexto, est?? inserida a gest??o integrada da zona costeira e das bacias hidrogr??ficas, que leva em considera????o, al??m das intera????es ecol??gicas, as intera????es sociais e econ??micas de ambos os ecossistemas. No entanto, a gest??o de bacias hidrogr??ficas que cont??m trechos de zona costeira est?? focada apenas na conserva????o dos recursos h??dricos, operando de modo dissociado da gest??o costeira, que visa o gerenciamento de m??ltiplos recursos por meio do planejamento e ordenamento do uso do solo e das ??guas dentro da costa. A concentra????o demogr??fica na regi??o costeira do Brasil e as atividades nela desenvolvidas causam intensa press??o antr??pica sobre as bacias hidrogr??ficas, assim como as atividades realizadas no ??mbito das bacias impactam direta ou indiretamente a zona costeira...

Gest?o integrada de recursos h?dricos - o caso da bacia hidrogr?fica do Rio Doce

Domingues, Lilian M?rcia
Fonte: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.59%
O desenvolvimento econ?mico e a ampla utiliza??o da ?gua como parte imprescind?vel dos processos produtivos acarretaram na degrada??o acelerada dos mananciais e escassez em muitas regi?es no mundo, raz?o pela qual o tema ?Gest?o Integrada de Recursos H?dricos (GIRH)? tem ganhado mais for?a e import?ncia nos ?ltimos anos. No Brasil, na bacia do rio Doce ? bacia de dom?nio da Uni?o, com cerca de 86% de sua ?rea pertencente ao Estado de Minas Gerais e 14% ao Esp?rito Santo, o processo de GIRH vem sendo implementado. A partir da necessidade comum destes Estados e da Uni?o em preparar seus Planos de Recursos H?dricos, foram reunidos esfor?os com outros atores sociais da bacia para a elabora??o do Plano Integrado de Recursos H?dricos ? PIRH - e dos Planos de A??es para as bacias afluentes ? PARHs, culminando na celebra??o de um Conv?nio de Integra??o - ?Pacto das ?guas? - para uma gest?o compartilhada. A avalia??o do processo de integra??o na gest?o dos recursos h?dricos desta importante bacia hidrogr?fica brasileira baseou-se nas treze fundamentais ?reas de mudan?a em GIRH e sua caixa de ferramentas, defendidas pela Parceria Mundial da ?gua (GWP) como um importante caminho para a gest?o mais coordenada dos recursos h?dricos. O PIRH-Doce...

Gest?o participativa dos recursos h?dricos: uma an?lise da forma??o, da consolida??o e do funcionamento do subcomit? da bacia hidrogr?fica do Ribeir?o da Mata.

Guedes, Bruna de F?tima Pedrosa
Fonte: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
76.62%
Este trabalho ? o resultado do interesse em conhecer e analisar o novo modelo de erenciamento dos recursos h?dricos no Brasil, proposto pela Pol?tica Nacional de Recursos H?dricos, em 1997, em substitui??o ao antigo C?digo das ?guas, de 1934. Com foco na gest?o descentralizada e participativa dos recursos h?dricos, em que colaboram o Poder P?blico, os usu?rios e a sociedade civil, a Lei Federal n? 9.433/97 estabelece que a bacia hidrogr?fica ? a unidade territorial fundamental para a implementa??o da Pol?tica Nacional de Recursos H?dricos, bem como para a atua??o do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos H?dricos, com vistas ? promo??o de uma pol?tica p?blica que respeite as diverg?ncias e singularidades dos cen?rios sociais, econ?micos e ambientais que comp?em a bacia. O trabalho n?o aborda apenas alegisla??o pertinente e as diretrizes estabelecidas no plano federal e no Estado de Minas Gerais, mas tamb?m cont?m um estudo de caso sobre a bacia hidrogr?fica do Ribeir?o da Mata, localizada na vertente norte da Regi?o Metropolitana de Belo Horizonte, destacando o trabalho e a atua??o do Comit? da Bacia Hidrogr?fica do Rio das Velhas, do Subcomit? da Bacia Hidrogr?fica do Ribeir?o da Mata e do Projeto Manuelz?o. __________________________________________________________________________________________; ABSTRACT: This research is the result of an interest in knowing and analyzing the new Brazilian hydro resources management...

Modelo cognitivo informacional de suporte a decis?o aplicado ? gest?o de bacias urbanas

BAGANHA J?NIOR, Luiz Gonzaga
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Relevância na Pesquisa
66.19%
A pesquisa foi realizada a partir da escolha da ?rea correspondente ? bacia do igarap? Tucunduba, na zona urbana de Bel?m, capital do Estado do Par?, e ? voltada para o desenvolvimento de uma estrutura cognitiva causal computacional capaz de identificar e qualificar os potenciais processos indicadores de conflitos gerados pelos usos m?ltiplos da ?gua nesta bacia hidrogr?fica urbana, e com isto viabilizar decis?es no ?mbito das medidas estruturais e n?o estruturais. A utiliza??o de um modelo qualitativo, utilizando metodologias informacionais, como o software Decision Explorer, na ?rea de recursos h?dricos, visa entender n?o somente os aspectos hidrol?gicos, mas tamb?m os aspectos sociais, indispens?veis na tomada de decis?o diante de um cen?rio de conflitualidade quanto ao uso desses recursos. Este software ? uma ferramenta para o desenvolvimento do mapeamento cognitivo, atrav?s do qual ser?o agrupados os conceitos unindo causas e efeitos representativos por meio de visualiza??o codificada dos mesmos. A identifica??o e qualifica??o dos conflitos decorrentes dos usos m?ltiplos da ?gua foram realizadas a partir de entrevistas com especialistas na ?rea de gest?o e saneamento, sendo posteriormente gerados os mapas cognitivos possibilitando assim a descri??o do sistema escolhido e a identifica??o das poss?veis solu??es mediadoras para os conflitos ali identificados. O resultado obtido a partir das entrevistas foi agregado em um ?nico mapa com o intuito de comprovar a hip?tese formulada na pesquisa...

Aplica??o da metodologia neocl?ssica da demanda tudo ou nada como subs?dio ? cobran?a pelo uso dos recursos h?dricos

CAMPOS, Catharina Ramos dos Prazeres
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Relevância na Pesquisa
96.53%
O problema mundial da escassez de ?gua tem induzido muitos pa?ses a adotar, al?m de outras medidas, instrumentos econ?micos para reverter essa situa??o. Um exemplo de instrumento desse tipo ? a cobran?a pelo uso dos recursos h?dricos. Sugere-se a implementa??o desse instrumento no Estado do Par?, onde ainda h? abund?ncia de recursos h?dricos. Com base em pesquisa bibliogr?fica sobre as experi?ncias nacionais e internacionais de ado??o desse instrumento de gest?o e em m?todos econ?micos de cobran?a pelo uso dos recursos h?dricos aplicados no Brasil, ? realizada a aplica??o da metodologia da demanda ?tudo ou nada? no objeto de estudo ? a bacia hidrogr?fica dos lagos ?gua Preta e Bolonha, no munic?pio de Bel?m. Alguns pa?ses como a Fran?a e a Alemanha, s?o exemplos bem-sucedidos desse processo. No Brasil, os Estados de S?o Paulo e Cear?, devido ? grande escassez, foram os primeiros a incluir a cobran?a como prioridade em seus sistemas de gest?o de recursos h?dricos. Por?m, essa pr?tica de resolu??o dos problemas, implementada somente nos momentos cr?ticos, tem onerado de forma significativa as economias envolvidas. Para a aplica??o da metodologia nos lagos ?gua Preta e Bolonha, tomou-se como base um trabalho semelhante realizado na bacia do rio Pirapama...

Estudo dos potenciais impactos das mudan?as clim?ticas e de altera??es na cobertura vegetal nos recursos h?dricos na Regi?o Central da Amaz?nia

SILVA, Fl?rida Seixas Moreno da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.16%
Este trabalho busca avaliar e quantificar os impactos na disponibilidade h?drica local na regi?o da Amaz?nia Central, decorrentes de poss?veis mudan?as clim?ticas e modifica??es na cobertura vegetal, por meio de um experimento de simula??o num?rica com o modelo de biosfera Common Land Model (CLM), no modo ?off line?. Os resultados de 9 modelos clim?ticos acoplados Oceano-Atmosfera para tr?s cen?rios de altera??es clim?ticas do Painel Intergovernamental sobre Mudan?as Clim?ticas (IPCC-AR4) foram utilizados para compor a base das for?antes clim?ticas do modelo de biosfera CLM. Em rela??o ao uso da terra, foram utilizados cen?rios de din?mica de desmatamento para a regi?o no caso ?business as usual? previstos para cada ano do per?odo de 2001 a 2050. A ?rea de estudo compreende o dom?nio da drenagem da Bacia do Rio Cuieiras na Amaz?nia Central. A partir dos resultados dos modelos analisaram-se, para cada conjunto de simula??es, as incertezas das proje??es em rela??o ? precipita??o e a temperatura e o impacto no ciclo hidrol?gico terrestre, considerando a variabilidade entre os modelos e os cen?rios de emiss?es de CO2; bem como as altera??es nas componentes do balan?o de ?gua e energia a superf?cie associada a varia??es progressivas na cobertura de floresta e sua substitui??o por pastagem. Os resultados indicam que diante de um cen?rio de mudan?as clim?ticas que resultem em uma diminui??o (aumento) persistente na precipita??o m?dia anual...

Rela??es entre os sistemas de produ??o agropecu?rios adotados e a qualidade da ?gua em igarap?s amaz?nicos de duas bacias hidrogr?ficas na regi?o de Paragominas (PA)

GON?ALVES, Sabrina Forte e Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.54%
A Amaz?nia Brasileira encontra-se em uma posi??o privilegiada no cen?rio de escassez da ?gua, pois a bacia Amaz?nica apresenta alto ?ndice de pluviosidade e det?m a maior rede hidrogr?fica do planeta (6.925.000 km2), da qual cerca de 63% est? localizada no Brasil. Todavia, a qualidade dos recursos h?dricos encontra-se amea?ada, uma vez que, desde a constru??o da BR-010, a rodovia Bel?m- Bras?lia, em 1958, iniciou-se um processo de ocupa??o acelerada da Amaz?nia Oriental, que tem promovido profundas mudan?as na paisagem por meio do intenso desmatamento relacionado ?s atividades madeireiras e agropecu?rias. Desse modo, considerando as significativas diferen?as no uso dos recursos h?dricos e os impactos ambientais sobre os mesmos, por diferentes agentes sociais, especialmente os atores envolvidos nos setores da pecu?ria e da agricultura de gr?os na Amaz?nia Oriental. Pretendeu-se identificar e avaliar os fatores condicionantes que influenciam no comportamento de produtores rurais atuantes nas bacias dos igarap?s Cinq?enta e Quatro e Sete, em Paragominas (PA). Nesse contexto, procurou-se verificar se esses atores utilizam t?cnicas agropecu?rias apropriadas nos sistemas de produ??o adotados, incluindo o manejo do solo, e se possuem alguma preocupa??o pr?-ativa na conserva??o dos igarap?s amaz?nicos que drenam suas propriedades...

Modelo de processo participativo de enquadramento aplicado a bacias hidrogr?ficas urbanas: bacia do Tucunduba - PA

SANTOS, Ver?nica Jussara Costa
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.32%
O enquadramento de corpos d??gua ? um instrumento legal do arcabou?o da legisla??o ambiental brasileira contemplado na Pol?tica Nacional de Recursos H?dricos, por meio da Lei 9.433/97. A presente disserta??o apresenta um modelo de enquadramento participativo aplicado a bacias urbanas, com aplica??o na Bacia Hidrogr?fica do Igarap? Tucunduba, em Bel?m/PA. A metodologia desenvolvida baseou-se em cinco etapas, que tiveram como base: a pesquisa bibliogr?fica em fontes diversas; o resgate dos trabalhos j? desenvolvidos na bacia que empregaram metodologias informacionais de suporte ? decis?o; a elabora??o do diagn?stico do uso e da ocupa??o do solo e dos recursos h?dricos na bacia hidrogr?fica; a realiza??o das oficinas de enquadramento com os atores locais; a aplica??o do sofware Decision Explore como um Sistema de Suporte a Decis?o (SSD), utilizado para organizar os dados gerados nas oficinas; o resgate dos trabalhos sobre qualidade da ?gua realizados na bacia do Tucunduba, e por fim a defini??o da proposta de enquadramento participativo, com base na a classifica??o atual do corpo h?drico e nos usos futuros para a bacia do Tucunduba. Com base no reconhecimento de campo, nas discuss?es sobre os usos atuais e sobre as expectativas dos atores locais em rela??o ao futuro da qualidade ambiental da bacia e na avalia??o dos dados de qualidade de ?gua na bacia obtidos...

Conflitos por m?ltiplos usos da ?gua no reservat?rio da UHE de Tucuru?

LOUZADA, Aline Furtado
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.53%
Os conflitos por m?ltiplos usos da ?gua, no reservat?rio da UHE Tucuru?, surgem com o an?ncio da constru??o da mega hidrel?trica na regi?o, e os conflitos socioambientais subseq?entes. Aliada a eleva??o do n?vel de percep??o social em rela??o aos problemas ambientais cresce tamb?m a busca por eficientes processos de gest?o e gerenciamento de recursos h?dricos. Este estudo objetiva analisar e tipificar os conflitos por m?ltiplos usos da ?gua no reservat?rio da UHE Tucuru?, utilizando-se como ferramenta de apoio ? decis?o o software de modelagem qualitativa NVivo 8, e dessa forma verificar as melhores alternativas a serem adotadas para a concilia??o dos usos m?ltiplos no reservat?rio. As tipifica??es realizadas basearam-se na an?lise dos conflitos, seus componentes, elementos e aspectos, tipo, natureza e origem. Sendo assim, identificaram-se tr?s principais tipos de conflitos no reservat?rio da UHE Tucuru?: conflitos entre distintos grupos de usu?rios da ?gua, conflitos por obras hidr?ulicas e conflitos decorrentes de polui??o ambiental. Para este estudo adotou - se uma abordagem qualitativa, atrav?s do m?todo de mapeamento cognitivo. Este tipo de mapeamento possibilitou a constru??o de um modelo cognitivo para a gest?o dos conflitos no reservat?rio de Tucuru?. Sendo assim...

Condi??es s?cio-ambientais da bacia hidrogr?fica do rio Caet? (Par?, Brasil)

GUIMAR?ES, Danielly de Oliveira
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
66.21%
A aus?ncia de gerenciamento em bacias hidrogr?ficas, na regi?o Amaz?nica, tem afetado seus recursos h?dricos nos ?ltimos anos. Por esta raz?o, esta tese visa estudar os aspectos sociais e ambientais de dezoito comunidades rurais ao longo da Bacia Hidrogr?fica do Caet?, bem como o efeito da descarga de ?gua residual lan?ada no estu?rio do Caet? e no rio Cereja, na cidade de Bragan?a. A metodologia adotada para o levantamento do perfil socioecon?mico e das condi??es de vida e moradia foi baseada na aplica??o de question?rios estruturados e semi-estruturados. Em algumas comunidades, a produ??o dom?stica de lixo foi estimada e catalogada, em 20% das resid?ncias. Quanto ? qualidade da ?gua subterr?nea, an?lises das vari?veis f?sicoqu?micas e microbiol?gicas (turbidez, cor real, cor aparente, pH, temperatura, ferro dissolvido, nutrientes dissolvidos, coliformes termotolerantes e coliformes totais) foram realizadas nos principais po?os que abastecem as comunidades rurais estudadas. Coletas oceanogr?ficas (com medidas de vari?veis hidrol?gicas e hidrodin?micas) como tamb?m an?lises microbiol?gicas foram realizadas nas ?reas mais urbanizadas do estu?rio do Caet? e do rio Cereja, para caracterizar a qualidade das ?guas nos setores estudados. Os principais impactos ambientais foram identificados...

Subs?dios a constru??o do plano de manejo da bacia hidrog?fica do Rio Irituia no munic?pio de Irituia-Par?

CARMO, Sheyla Renata da Silva do
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.21%
A utiliza??o dos recursos naturais de forma irracional tem causado uma preocupa??o crescente em todas as regi?es do planeta. Sugerir estrat?gias que compatibilize o desenvolvimento com preserva??o desses recursos torna se o principal desafio da gest?o ambiental. Os recursos h?dricos por serem amplamente utilizados e essenciais ? vida necessitam de gerenciamento para garantir sua manuten??o. No munic?pio de Irituia, localizado no nordeste paraense, a a??o antr?pica na paisagem natural, inclusive na mata ciliar (?rea de Preserva??o Permanente), para produ??o agr?cola, pastagem ou extra??o madeireira, tem ocasionado s?rios problemas ambientais e socioecon?micos, como o assoreamento de rios, isolamento nas comunidades, preju?zo causados com as constantes enchentes dos rios, entre outros. A popula??o local, juntamente com o poder publico municipal, reconhecem o dano ambiental e social causado nas diversas comunidades do munic?pio com anos de desmatamento, desta forma esta pesquisa fornece subs?dios para elabora??o do plano de gerenciamento da bacia hidrogr?fica no rio Irituia fornecendo instrumentos e a??es s?cio educacionais para reverter o quadro de degrada??o e propor a recupera??o deste importante ecossistema.; ABSTRACT: The use of natural resources irrationally has caused a growing concern in all regions of the planet. It suggests strategies that reconcile development with preservation of these resources makes up the main challenge of environmental management. Water resources to be widely used and essential life management need to ensure its maintenance. In the municipality of Irituia...

Sistema de or??amenta????o de projetos e obras

Brasil. Minist??rio do Meio Ambiente, Recursos H??dricos e da Amaz??nia Legal (MMA). Companhia de Desenvolvimento do Vale do S??o Francisco (CODEVASF)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: Relato de Experi??ncia
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
96.43%
Companhia de Desenvolvimento do Vale do S??o Francisco (Codevasf) tem como fun????o executar a compet??ncia federal na gest??o compartilhada do uso sustent??vel dos recursos h??dricos da Bacia do Rio S??o Francisco, bem como promover o aproveitamento hidroagr??cola desses recursos. Para cumprir suas atribui????es, a Codevasf desenvolve uma s??rie de projetos. Freq??entemente os or??amentos dos projetos t??m-se revelado falhos quando da etapa das obras de implanta????o, devido ?? forma heterog??nea e pouco cuidadosa com que as empresas de projetos e consultoria calculam os custos. A solu????o do problema foi o desenvolvimento e implanta????o de um sistema informatizado ??? o Sistema de Or??amenta????o de Projetos e Obras (SPO) ??? que articula as a????es da Codevasf, projetistas e concorrentes, no que se refere ao custo de implanta????o dos projetos, atrav??s de dois m??dulos. A iniciativa possibilitou a padroniza????o de uma estrutura de or??amento de projetos de engenharia, especialmente de irriga????o e drenagem, a defini????o precisa do conjunto de servi??os utilizados pela Codevasf na implanta????o dos seus projetos, maior confiabilidade dos or??amentos, com facilidade de revis??es e simula????es de pre??os e de comparabilidade...

La gesti??n del agua en una subregi??n semi??rida: importancia del agua como bien econ??mico, desarrollo hidr??ulico y territorial en Almer??a, ??hacia un uso sostenible del los recursos h??dricos?

Gozalo Mesa, Jorge David
Fonte: Universidade de Granada Publicador: Universidade de Granada
Tipo: Dissertação de Mestrado
SPA
Relevância na Pesquisa
96.6%
Diploma de Estudios Avanzados; Ante los nuevos requerimientos establecidos por la pol??tica comunitaria en materia de gesti??n de aguas, y en especial tras la aprobaci??n e implementaci??n de la DMA, los objetivos que se plantean en el presente trabajo de investigaci??n son los siguientes: 1??? Identificar y analizar los factores que han hecho posible que la subregi??n m??s ??rida de Europa, y por tanto con una gran escasez de recursos h??dricos, se haya convertido en la mayor productora de productos hortofrut??colas de Espa??a: clima, pol??tica agraria, aguas subterr??neas, innovaci??n tecnol??gica en la agricultura??? 2??? Identificar y analizar las causas principales que han derivado en la grave situaci??n de insostenibilidad h??drica existente en la provincia de Almer??a: excesiva presi??n sobre los recursos h??dricos existentes debido a las crecientes demandas agr??colas, falta de control desde la administraci??n p??blica del agua de los aprovechamientos irregulares; infrautilizaci??n de infraestructuras hidr??ulicas debido a las limitaciones f??sicas del territorio, pol??tica de ordenaci??n territorial de consolidaci??n y fomento del sector agrario que conduce a un modelo territorial insostenible con los recursos h??dricos... 3??? Analizar la influencia que ha tenido el modelo de desarrollo econ??mico de Almer??a...

NCG50/15: Modificaci??n del plan de estudio del M??ster universitario en geolog??a aplicada a la obra civil y los recursos h??dricos

Universidad de Granada
Fonte: Universidade de Granada Publicador: Universidade de Granada
Tipo: Outros
SPA
Relevância na Pesquisa
96.31%
Aprobaci??n de Modificaci??n del plan de estudio del M??ster universitario en geolog??a aplicada a la obra civil y los recursos h??dricos, aprobado en sesi??n ordinaria del Consejo de Gobierno de la Universidad de Granada celebrada el 1 de diciembre de 2011.

Futuro de los recursos h??dricos en la cuenca del r??o Guadalfeo bajo supuesto de cambio clim??tico

Moreno Aranda, Isabel Mar??a; Millares Valenzuela, Agust??n; Herrero Lantar??n, Javier; Polo G??mez, Mar??a Jos??; Losada Rodr??guez, Miguel ??ngel
Fonte: Universidade de Granada Publicador: Universidade de Granada
Tipo: Artigo de Revista Científica
SPA
Relevância na Pesquisa
76.19%
La gesti??n integral del agua en las cuencas mediterr??neas resulta muy compleja por dos motivos fundamentales: 1) las precipitaciones son bastante escasas y su distribuci??n espacial y temporal es muy irregular. Se alternan periodos prolongados de sequ??a con a??os de precipitaciones moderadas siendo frecuentes los episodios puntuales torrenciales; 2) el desarrollo socioecon??mico est?? dominado por actividades que requieren importantes cantidades de agua en las ??pocas del a??o donde no se producen precipitaciones. Esta situaci??n est?? previsto que se agrave con el paso de los a??os, cuando el cambio clim??tico que se pronostica para estas regiones se haga efectivo. En este art??culo se utiliza el modelo matem??tico WiM-Med para evaluar los cambios que se producir??an en los distintos almacenamientos y flujos de agua de la cuenca del r??o Guadalfeo suponiendo que la temperatura suba 2??C y la precipitaci??n se reduzca en un 15% tal y como propone la Agencia Europea del Medio Ambiente. La precipitaci??n de nieve disminuye considerablemente modificando el r??gimen de caudales durante la primavera. Esto supondr?? tener que buscar nuevas medidas de gesti??n o nuevos usos del territorio que impliquen menores consumos de agua, de tal forma que se encuentre un consenso entre demandas y recursos.; Water management in semiarid basins flowing into the Mediterranean Sea is rather complex because: 1)rainfall is scarce in these regions and it is irregularly distributed in space and time and 2) the socio-economic development of these regions is based on activities demanding high amounts of water (tourism...

O desafio das ?guas numa metr?pole amaz?nida: uma reflex?o das pol?ticas de prote??o dos mananciais da regi?o metropolitana de Bel?m-PA (1984 ? 2004)

BORDALO, Carlos Alexandre Le?o
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
66.34%
Falar sobre as interrup??es constantes no abastecimento de ?gua ? popula??o dos munic?pios que comp?em a Regi?o Metropolitana de Bel?m, no Estado do Par?, que ?, sem d?vida, agraciado por uma rica rede de grandes bacias hidrogr?ficas (Bacia Amaz?nica, Bacia do Tocantins-Araguaia e Costeira do Nordeste Ocidental), parece ser uma grande contradi??o. Se o problema n?o est? na baixa disponibilidade h?drica como ocorre em algumas regi?es metropolitanas do pa?s (S?o Paulo, Recife e Rio de Janeiro), por que as demandas urbanas da popula??o residente na ?rea de expans?o da metr?pole n?o est?o sendo atendidas satisfatoriamente? Que fatores estariam comprometendo a qualidade do sistema de abastecimento de ?gua da RMB? E como o Governo do Estado do Par? e a Prefeitura Municipal de Bel?m implementaram pol?ticas voltadas para a prote??o dos mananciais do Utinga, principal respons?vel pelo abastecimento dessa popula??o? Essas quest?es, ora levantadas, refletem o ponto central desta tese que ? entendermos como numa metr?pole amazonida, localizada numa regi?o rica em disponibilidade h?drica superficial e subterr?nea, o sistema p?blico de abastecimento de ?gua pot?vel dos mananciais do Utinga tem desafiado a cidade para sobreviver. Para tanto, foi preciso avaliar a import?ncia de seus recursos h?dricos...