Página 1 dos resultados de 97 itens digitais encontrados em 0.009 segundos

Modulation of GABAA Receptors in Cerebral Ischemia: alterations in receptor trafficking coupled to neuronal death after oxygen/glucose deprivation

Miranda, Mele
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
76.01%
A isquémia cerebral resulta de um fornecimento insuficiente de sangue ao cérebro, levando a uma desregulação no equilíbrio entre a neurotransmissão excitatória/inibitória e consequente morte celular por excitotoxicidade. A actividade das redes neuronais no sistema nervoso central (SNC) é determinada maioritariamente pelo balanço entre a neurotransmissão glutamatérgica e GABAérgica, que se encontra aumentada e reduzida, respectivamente, nas lesões isquémicas. O papel desempenhado pelo glutamato nos danos isquémicos está largamente documentado, ao contrário das alterações na neurotransmissão inibitória que permanecem pouco estudadas. Estudos in vivo e in vitro mostraram uma desregulação da neurotransmissão GABAérgica em cérebro isquémicos, ao nível pré- e pós-sináptico. A incubação de fatias de hipocampo na ausência de oxigénio e glucose (OGD) induz uma libertação rápida de GABA por exocitose, seguida de uma fase tardia em que ocorre a libertação do neurotransmissor mediada por reversão do transportador da membrana plasmática. A diminuição dos transportadores vesiculares do GABA na sinapse e a perda de ATP são dois mecanimos que podem estar na origem da redução da libertação excitotóxica de GABA. Os receptores de GABA do tipo GABAA (GABAAR) são os principais intervenientes na inibição sináptica rápida no SNC e a diminuição da sua expressão superficial foi demonstrada em modelos de isquémia in vivo e in vitro. A estabilização da expressão superficial dos GABAAR foi recentemente correlacionada com a protecção de neurónios do hipocampo e do córtex cerebral sujeitos a OGD...

Alteration of GABAAR trafficking during cerebral ischemia: the role of Huntingtin-associated protein 1

Aspromonte, Maria Cristina
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
75.82%
A isquémia cerebral resulta de um fornecimento insuficiente de sangue ao cérebro, levando a uma desregulação no equilíbrio entre a neurotransmissão excitatória/inibitória e consequente morte celular por excitotoxicidade. No sistema nervoso central (SNC) a regulação deste equilíbrio é determinada principalmente pelo balanço entre a neurotransmissão glutamatérgica e GABAérgica e diversos estudos têm mostrado que a neurotransmissão glutamatérgica e GABAérgica está aumentada e reduzida, respectivamente, nas lesões isquémicas. Ao contrário das alterações na neurotransmissão glutamatérgica na isquémia cerebral que têm sido amplamente investigadas, poucos estudos têm abordado os mecanismos moleculares que contribuem para as alterações na neurotransmissão GABAérgica. Resultados recentes do nosso laboratório, obtidos utilizando o modelo de isquémia cerebral baseado na privação de oxigénio e glicose (OGD), mostraram que o insulto isquémico induz a desfosforilação e consequente internalização dos receptores de GABA do tipo A (GABAAR), contribuindo para a morte neuronal. Após a internalização os GABAAR são rapidamente reciclados e voltam para a membrana plasmática ou são encaminhados para os lisossomas a fim de serem degradados. O rumo que os GABAAR endocitados tomam depende da interacção das subunidades β1-3 com a proteína associada à huntingtina 1 (HAP1). Estudos anteriores do nosso laboratório mostraram que a OGD transitória também reduz a reciclagem e o regresso para a membrana plasmática dos GABAAR...

Estudo do gene da subunidade alfa-1 do receptor tipo A do ácido gama-aminobutírico (GABRA1) e avaliação eletroencefalográfica em meninas com puberdade precoce dependente de gonadotrofinas; Study of the gamma-aminobutyric acid type A receptor alpha-1 subunit gene (GABRA1) and electroencephalographic analysis in girls with gonadotropin-dependent precocious puberty

Brito, Vinicius Nahime de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/04/2005 PT
Relevância na Pesquisa
105.86%
O ácido gama-aminobutírico (GABA), principal neurotransmissor inibitório, está envolvido no mecanismo intrínseco do início da puberdade. Os efeitos inibitórios do GABA sobre a secreção de GnRH (hormônio hipotalâmico estimulador da secreção das gonadotrofinas) são mediados pelo receptor tipo A (GABAA) que é composto por diferentes subunidades organizadas de forma heteropentamérica. A subunidade a1, codificada pelo gene GABRA1 localizado no locus 5q34-35, é a mais implicada na atividade inibitória do GABA. A puberdade precoce dependente de gonadotrofinas (PPDG) predomina no sexo feminino, sendo na maioria dos casos idiopática. Recentemente, defeitos moleculares das subunidades dos receptores de GABA têm sido identificados em pacientes com anormalidades eletroencefalográficas específicas. Neste estudo, investigamos a presença de mutações funcionais ou polimorfismos do GABRA1 em meninas com a forma idiopática de PPDG e avaliamos as anormalidades EEG neste grupo. Trinta e uma meninas com diagnóstico clínico e hormonal da forma idiopática da PPDG, sendo 6 casos familiais (19,4%) e 25 casos esporádicos (80,6%), e 73 controles não relacionados foram selecionados. Todas as pacientes com PPDG apresentaram ressonância magnética de sistema nervoso central normal. Vinte e três meninas foram submetidas a estudo eletroencefalográfico (EEG). O DNA genômico foi extraído do sangue periférico de todas as pacientes e controles. A região codificadora do GABRA1 foi amplificada utilizando-se oligonucleotídeos intrônicos específicos...

Interferência da moxidectina na motivação sexual e ereção peniana de ratos: envolvimento de neurotransmissores hipotalâmicos e estriatais; Moxidectin interference on sexual motivation and penile erection: involvement of hypothalamic and striatal neurotransmitters

Alves, Patricia de Sa e Benevides Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
75.85%
A moxidectina (MOX) é um antiparasitário utilizado na clínica veterinária. Em mamíferos seu mecanismo de ação envolve o ácido ?-aminobutírico (GABA), um neurotransmissor que tem papel relevante na regulação dos comportamentos sexual e motor. Dados anteriores por nós obtidos mostraram que a MOX prejudicou o comportamento sexual e a coordenação motora de ratos machos avaliados na trave elevada. Assim, dando continuidade a esse estudo, o objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da administração da dose terapêutica de MOX (0,2 mg/kg) na motivação sexual e ereção peniana de ratos machos, bem como estudar seu envolvimento em diferentes sistemas de neurotransmissão central. Em todos os experimentos os ratos do grupo experimental receberam a MOX por via subcutânea (SC); e os ratos do grupo controle receberam 1 ml/kg de óleo de amêndoas pela mesma via, e foram avaliados após 72 h. A motivação sexual foi avaliada em um aparelho constituído de uma arena e dois compartimentos separados desta por tela de arame; num compartimento foi colocado um rato macho experiente e no outro uma fêmea sexualmente receptiva. Neste aparelho foi medido o tempo que o rato permaneceu nas proximidades de cada compartimento. Os resultados obtidos neste experimento não mostraram diferenças significantes entre os grupos. A ereção peniana foi induzida pela administração SC de 80 ?g/kg de apomorfina...

Efeitos neurocomportamentais da exposição prolongada de ratos ao fibronil; Neurobehavioral effects of fipronil long term exposure in rats

Silva, Andréa de Souza
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
75.76%
Fipronil é um inseticida fenilpirazol de amplo espectro, desenvolvido para inibir seletivamente receptores GABA associados a canais de cloreto de insetos; tanto em Medicina Veterinária, como em Agricultura tem sido utilizado para o controle de pragas. Embora vários estudos procurem compreender os mecanismos da toxicidade neuronal dos praguicidas em mamíferos, há poucos relacionados aos efeitos neurocomportamentais. Assim, o presente estudo investigou os efeitos da exposição prolongada de ratos ao fipronil, observando-se alguns comportamentos ligados ao sistema GABAérgico, como atividade no campo aberto, no labirinto em cruz elevado (LCE), bem como na convulsão induzida por picrotoxina e pentilenotetrazol; avaliou-se ainda os níveis cerebrais de alguns neurotransmissores, como GABA, dopamina, noradrenalina, serotonina e seus respectivos metabólitos. Além disso, foram realizadas análises anátomo-histopatológicas em fígado, cérebro e rins dos animais. Ratos Wistar receberam, por via intragástrica (gavage), durante 28 dias um dos seguintes tratamentos: fipronil (0,1; 1,0 ou 10,0 mg/Kg/dia) ou água destilada 1 mL/Kg/dia. Após uma hora da última administração do fipronil ou água destilada, os ratos tiveram seu comportamento avaliado no campo aberto e no LCE com auxílio do sistema computadorizado EthoVision®. Observou-se no campo aberto apenas redução significante do nº de levantamentos nos animais tratados com 10...

Estudo da interferência de fármacos, que atuam via receptores e/ou transportadores de GABA e Glutamato, no ciclo de vida do Trypanosoma cruzi.; Study of interference of drugs that act via receptors and/or transport of GABA and glutamate in the life cycle of Trypanosoma cruzi.

Damasceno, Flávia Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/05/2013 PT
Relevância na Pesquisa
75.89%
A doença de Chagas, também conhecida como tripanossomíase americana é causada pelo protozoário flagelado Trypanosoma cruzi e afeta aproximadamente 10 milhões de pessoas em áreas endêmicas do México, America central e do Sul. A quimioterapia disponível atualmente limita-se a dois compostos: Nifurtimox e o Benzonidazol. Ambos os fármacos reduzem os sintomas da doença e a mortalidade das pessoas infectadas, quando utilizadas na fase aguda, mas sua eficácia na fase crônica é controversa. Além do mais apresentam vários efeitos colaterais. O T. cruzi é capaz de utilizar carboidratos e aminoácidos como fonte de energia e carbono. O nosso grupo tem estudado o envolvimento do glutamato na resistência do parasita ao estresse térmico, oxidativo e metabólico como também a importância do aminoácido GABA no metabolismo do T. cruzi, visto que este também é transportado pelo parasita. Nesse contexto, o objetivo desse trabalho foi avaliar a interferência de fármacos, que atuam via receptores ou transportadores de GABA e glutamato, no ciclo de vida do T. cruzi. Os fármacos selecionados foram: Vigabatrina, Pregabalina, MK-801, MTEP e Memantina. Os resultados demonstram que apenas Memantina apresentou um melhor efeito tripanocida. Inibiu a proliferação de formas epimastigotas...

Efeitos da progesterona sobre o comportamento tipo depressivo e sobre a expressão das subunidades do receptor GABA A de ratos Wistar machos e fêmeas

Goveia, Susie de Andrade
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
95.7%
A depressão é um transtorno que possui maior prevalência nas mulheres do que nos homens. A progesterona pode estar envolvida nos mecanismos que geram estas diferenças. Este hormônio é utilizado clinicamente para mulheres em diversos eventos reprodutivos, e seu efeito na depressão não está bem estabelecido. Estudos em modelos animais mostraram que existe uma influência da progesterona no comportamento tipo-depressivo em roedores, mas estes estudos são inconclusivos. Autores têm demonstrado que as mudanças comportamentais em roedores ocasionadas pela progesterona estão associadas à alterações nas subunidades do receptor GABAA. O ácido Y-aminobutírico (GABA) é o principal neurotransmissor inibitório do sistema nervoso central. O receptor GABAérgico é composto de uma combinação de 5 subunidades que formam um poro iônico. A composição de subunidades mais comum é a composta de 2a1, 2b2 e 1g2. A modulação da atividade GABAérgica pela progesterona é específica à estrutura encefálica utilizada. O estriado é a estação de entrada para os núcleos da base, uma estrutura envolvida em respostas comportamentais. O córtex préfrontal é uma estrutura de grande importância no circuito límbico envolvida no controle de situações estressantes. Estudos têm mostrado uma assimetria funcional nesta estrutura relacionada ao gênero em respostas adaptativas ao estresse e no processamento emocional em humanos. Há também evidências relacionadas à depressão...

Respostas cardiovasculares e na ingestão de água e NaCl hipertônico em ratos com doença periodontal tratados com agonista GABAA no núcleo parabraquial lateral

Silva, Talita de Melo e
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 86 f. : il. + 1 CD-ROM
POR
Relevância na Pesquisa
85.72%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Ciências Fisiológicas - FOA; Injeções no núcleo parabraquial lateral (NPBL) de muscimol, agonista de receptores GABAA, promove aumento de pressão arterial e induz ingestão de NaCl 0.3 M e água em ratos normovolêmicos, saciados e depletados de sódio. A doença periodontal é uma condição inflamatória que promove a liberação de citocinas próinflamatórias, tais como IL-6 e TNF-α e a destruição das estruturas de suporte do dente. As citocinas pró-inflamatórias podem modular a neurotransmissão GABAérgica e ativar neurônios do NPBL. Neste estudo, investigamos o efeito da ativação GABAérgica no NPBL com muscimol na ingestão de NaCl hipertônico e água e parâmetros cardiovasculares em ratos normovolêmicos, saciados e depletados pelo modelo FURO+CAP com doença periodontal. Foram utilizados ratos Wistar divididos em dois grupos: com doença periodontal induzida por ligadura (DP) e sem doença periodontal (grupo controle). Quinze (15) dias após a indução da doença periodontal em ambos os grupos foram implantadas cânulas bilaterais no NPBL. Ratos saciados controles que receberam injeções bilaterais no NPBL de muscimol tiveram aumento na ingestão...; GABAA receptor activation with muscimol in the lateral parabrachial nucleus (LPBN) induces water and hypertonic sodium chloride (NaCl) intake in rats. The purpose of this study was to investigate whether local inflammatory event...

Polyfunctionalized carbohydrate-derived scaffolds for the production of libraries of bioactive compounds

Silva, Ana Catarina de Araújo, 1979-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2010 ENG
Relevância na Pesquisa
85.79%
Tese de doutoramento, Química (Química Orgânica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2010.; Inspired by the role of carbohydrates as natural scaffolds, we exploited the sugar skeleton to generate new libraries of polyfunctionalized compounds as GABAA receptor ligands. Hybrids of benzodiazepines, γ-butyrolactone and -lactam derivatives, and a GABA analogue were developed. The incorporated sugar moiety offered the possibility of diverse and controlled functionalization, modulating physicochemical and structural properties, namely solubility and rigidity, and consequently biological activity of the synthesized scaffolds. 1,4-Benzodiazepine-2,5-dione scaffolds (i and iv) derived from spiro bicyclic D- or Lproline analogues (ii and v), containing a D- or a L-fructose moiety were synthesized in the present work. The D-proline analogue ii was prepared in a sixteen-step synthesis in 24% overall yield, adopting a methodology which used D-fructose as starting material and 3-C-(3,4,6-tri-O-benzyl-α-D-fructofuranos-2-yl)propene iii as key intermediate. Instead, the L-fructose moiety, required for the preparation of the corresponding L-proline analogue v, was obtained using a new synthetic pathway. The key intermediate of this synthesis...

Setting GABA levels: GABA transporters modulation by adenosine receptors

Ferreira, Ana Sofia Cristóvão,1983-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2012 ENG
Relevância na Pesquisa
76.11%
Gamma-aminobutyric acid is the main inhibitory neurotransmitter in central nervous system. To assure a controlled GABAergic transmission GABA must be quickly removed from synapse, which occurs through specific transporters expressed both in pre-synaptic terminal (GAT-1) and surrounding astrocytes (GAT-1 and GAT-3). Adenosine, which is a well-known neuromodulator, promotes GABA release in the hippocampus (Cunha and Ribeiro, 2000). The main goal of this thesis was to identify a possible role of adenosine upon GABA uptake into pre-synaptic terminals and into astrocytes. In pre-synaptic terminals, the removal of endogenous adenosine by ADA inhibited GABA uptake, an effect that was mimicked by the blockade of A2A receptors. Thus, endogenous adenosine, through the activation of A2A receptors, promotes GABA uptake into pre-synaptic terminals. Experiments with activators and inhibitors of transduction pathways revealed that AC/cAMP/PKA is the transduction pathway associated with this effect. In fact, the activation of PKA restrains an inhibitory tonic influence mediated by PKC, resulting in an increase of GABA uptake. The increase of transport rate occurs through the enhancement of the expression of GAT-1 at the surface membrane. In astrocytes...

Utilização de benzodiazepínicos e estratégias farmacêuticas em saúde mental

Correia,Gabriela de Almeida Ricarte; Gondim,Ana Paula Soares
Fonte: Centro Brasileiro de Estudos de Saúde Publicador: Centro Brasileiro de Estudos de Saúde
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
85.53%
O artigo enfoca a heterogeneidade no uso de benzodiazepínicos, sob o enfoque farmacêutico, observada nos Centros de Atenção Psicossocial e Unidades Básicas de Saúde da Família. Os benzodiazepínicos estão incluídos entre os medicamentos mais prescritos para tratar distúrbios de ansiedade. Os avanços da reforma psiquiátrica, a criação dos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) e o redirecionamento das atividades de saúde primária tornam imperiosa a adequação da prática farmacêutica através de atividades de orientação e acolhimento ao usuário de benzodiazepínicos.

Avaliação da implantação de Valeriana officinalis L. e sua utilização em ex-usuários de benzodiazepínicos do Distrito Sanitário II, em Recife-PE

Costa, Evandro Medeiros; Lima, José Gildo de (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
95.53%
INTRODUÇÃO: O consumo excessivo de medicamentos pela população é considerado um problema de saúde pública. Entre esses medicamentos destacam-se os benzodiazepínicos que são comumente utilizados para o tratamento da insônia. Diante dos inúmeros problemas trazidos pelo uso indiscriminado desses insumos a Secretaria Municipal de Saúde do Recife buscou uma alternativa ao seu uso, introduzindo assim o medicamento fitoterápico à base de Valeriana Officinalis L. Esse estudo tem como OBJETIVO avaliar a implantação e utilização do medicamento fitoterápico em ex-usuários de benzodiazepínicos das unidades de Saúde da Família do Distrito Sanitário II. MATERIAIS E MÉTODOS: Avaliou-se através de questionários a qualidade do sono dos usuários do novo medicamento, seu conhecimento sobre a fitoterapia fazendo um paralelo comparativo ao uso dos benzodiazepínicos e entrevistou-se também os prescritotes, através de questionários padronizados, sobre questões relacionadas à fitoterapia com destaque para Valeriana Officinalis L. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Participaram do estudo 101 pessoas (93 usuários se 8 médicos). Os usuários relataram conhecer as atividades de vinte e seis espécies diferentes de plantas, utilizadas isoladamente para diversos fins medicinais...

Alteration of GABA AR trafficking in epilepsy

Vieira, Ricardo da Costa Barbedo
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
ENG
Relevância na Pesquisa
75.78%
A epilepsia é uma patologia crónica caracterizada por ataques epiléticos espontâneos. Esta patologia afeta cerca de 65 milhões de pessoas no mundo inteiro, de todas as idades e ambos os géneros. Pensa-se que a génese e/ou propagação dos ataques epiléticos tem origem na hiperexcitabilidade neuronal. No sistema nervoso central, o balanço entre a atividade excitatória e inibitória é maioritariamente mediada pelo glutamato, um neurotransmissor excitatório, e pelo ácido gama-aminobutírico (GABA), um neurotransmissor inibitório. O GABA atua, em parte, através da ativação de recetores de GABA do tipo A (GABAAR), os quais são, na sua grande parte, constituídos por duas subunidades α, duas β e uma subunidade γ2. Os GABAARs apresentam uma grande mobilidade na membrana, podendo deslocar-se entre as regiões sinápticas e extra-sinápticas. A acumulação dos GABAARs nas sinapses inibitórias é regulada pela proteína scaffold gefirina, a qual desempenha um papel importante no controlo da neurotransmissão GABAérgica rápida. A expressão superficial dos recetores GABAA é também influenciada pela taxa de internalização, a qual ocorre em regiões extra-sinápticas, assim como por mecanismos de regulação intracelular que determinam a taxa de reciclagem. Ataques epiléticos simples ou recorrentes provocam uma desregulação das sinapses GABAérgicas a diferentes níveis. Porém...

Modulación por óxido nítrico de receptores ionotrópicos de GABA; Nitric oxide modulation of ionotropic GABA Receptors

Gasulla, Javier
Fonte: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires Publicador: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires
Tipo: info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; tesis doctoral; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2014 SPA
Relevância na Pesquisa
76%
El NO es una molécula altamente difusible y reactiva producida en el sistema nervioso que actúa como mensajero neuronal y participa en procesos fisiológicos y patológicos. El NO modula la actividad de numerosos receptores de neurotransmisores y canales iónicos. En particular, los GABAARs pueden ser modulados por agentes rédox y por NO, aunque los efectos y mecanismos de este último no están claros. En esta tesis, caracterizamos los efectos del NO sobre GABAρ1Rs expresados de forma heteróloga y estudiamos la actividad de los GABAARs fásicos y tónicos de células piramidales en rebanadas de hipocampo con distintos niveles de NO. Los receptores homoméricos GABAρ1 se expresaron en ovocitos de Xenopus laevis, y las respuestas evocadas por GABA se registraron electrofisiológicamente, en presencia y ausencia de donantes de NO. Las respuestas se potenciaron significativamente por el NO de forma rápida, reversible y dosis-dependiente. El bloqueo químico de las cisteínas mediante reactivos selectivos para sulfhidrilos previno la potenciación por NO, indicando que las cisteínas participan de la modulación. Cada subunidad ρ1 tiene solo tres cisteínas, las dos extracelulares que forman el cys-loop (C177 y C191) y una intracelular (C364). El reemplazo por alanina de la C364 no modificó los efectos del NO sobre el receptor...

Regulación del receptor GABA A inducida por su activación en corteza cerebral de rata; Activity-dependent regulation of GABA A receptor in rat cerebral cortex

Gutiérrez, María Laura
Fonte: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires Publicador: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires
Tipo: Tesis Doctoral Formato: text; pdf
Publicado em //2013 03 22 ESPAñOL
Relevância na Pesquisa
75.87%
La activación del receptor GABAA durante un breve período de tiempo (5-10 minutos) por GABA, en neuronas de corteza cerebral de rata, induce horas más tarde una reducción en la interacción entre los sitios de unión de GABA y benzodiacepinas, llamada desacoplamiento, en ausencia de cambios en el número de receptores. El objetivo del presente trabajo fue estudiar el mecanismo molecular del desacoplamiento inducido por GABA. Nuestros resultados sugieren que el desacoplamiento inducido por GABA está asociado a una reducción en el porcentaje de receptores GABAA conteniendo la subunidad α3. Por otro lado, los resultados de nuestros experimentos indicarían que el desacoplamiento está también mediado por un aumento en el grado de fosforilación de la subunidad γ2 del receptor. Por lo tanto, el desacoplamiento sería el resultado de al menos dos mecanismos regulatorios que actuando en forma conjunta producen una alteración adaptativa en la función del receptor GABAA. Si bien no se conocen las vías de señalización intracelulares activadas, es posible que un aumento en la internalización del receptor GABAA inducido por GABA represente la señal que desencadenaría los procesos responsables del desacoplamiento.

Modulación por óxido nítrico de receptores ionotrópicos de GABA; Nitric oxide modulation of ionotropic GABA Receptors

Gasulla, Javier
Fonte: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires Publicador: Facultad de Ciencias Exactas y Naturales. Universidad de Buenos Aires
Tipo: Tesis Doctoral Formato: text; pdf
Publicado em //2014 ESPAñOL
Relevância na Pesquisa
75.99%
El NO es una molécula altamente difusible y reactiva producida en el sistema nervioso que actúa como mensajero neuronal y participa en procesos fisiológicos y patológicos. El NO modula la actividad de numerosos receptores de neurotransmisores y canales iónicos. En particular, los GABAARs pueden ser modulados por agentes rédox y por NO, aunque los efectos y mecanismos de este último no están claros. En esta tesis, caracterizamos los efectos del NO sobre GABAρ1Rs expresados de forma heteróloga y estudiamos la actividad de los GABAARs fásicos y tónicos de células piramidales en rebanadas de hipocampo con distintos niveles de NO. Los receptores homoméricos GABAρ1 se expresaron en ovocitos de Xenopus laevis, y las respuestas evocadas por GABA se registraron electrofisiológicamente, en presencia y ausencia de donantes de NO. Las respuestas se potenciaron significativamente por el NO de forma rápida, reversible y dosis-dependiente. El bloqueo químico de las cisteínas mediante reactivos selectivos para sulfhidrilos previno la potenciación por NO, indicando que las cisteínas participan de la modulación. Cada subunidad ρ1 tiene solo tres cisteínas, las dos extracelulares que forman el cys-loop (C177 y C191) y una intracelular (C364). El reemplazo por alanina de la C364 no modificó los efectos del NO sobre el receptor...

PATHOGENESIS OF HEPATIC ENCEPHALOPATHY - A ROLE FOR THE BENZODIAZEPINE RECEPTOR ?; PATOGÊNESE DA ENCEFALOPATIA HEPÁTICA - UM PAPEL PARA OS RECEPTORES DE BENZODIAZEPÍNICOS ?

Quevedo, João; Amaral, Olavo B.; Walz, Roger; Kapczinski, Flávio
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 30/03/1999 ENG
Relevância na Pesquisa
85.77%
Hepatic encephalopathy (HE) is a multifactorial syndrome in which the function of the central nervous system is impaired due to the metabolic consequences of liver disease. The two main components of liver pathology which lead to HE are the decrease in the number of functioning hepatocytes and the vascular rearrangement causing blood from the portal vein to bypass the liver. The symptoms of HE range from mild cognitive impairment to deep coma. Some degree of neuronal loss may be found in HE patients as a consequence of chronic cirrhosis and, in advanced HE, of brain edema; however, most of the HE syndrome is reversible with compensation of the liver disease. The pathogenesis of HE is not fully understood and  is likely to be multifactorial. The initial theories implicated accumulation of neurotoxins leading to an impairment of neuronal function. With better understanding of the physiology of neuroreceptors, abnormalities in several neurotransmission systems have been put forward as potential causes of HE, such as a reported increase in GABAergic neurotransmission. There is evidence that this enhancement is related to an increase in the potentiation of GABAergic action by ligands to the benzodiazepine receptor (BZR), which are known to be increased in liver disease. With this evidence in mind...

Consumo de benzodiazepinas por trabalhadores de uma empresa privada; Consumo de benzodiazepinas en trabajadores de una empresa privada; Benzodiazepine use among employees of a private company

Molina, Alide Salazar; Miasso, Adriana Inocenti
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/08/2008 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
75.77%
O propósito deste estudo foi avaliar as variáveis associadas ao consumo de benzodiazepínicos em população trabalhadora de uma instituição privada da VIII Região, Chile. Este é um estudo quantitativo, transversal e correlacional. Participaram do estudo 40 trabalhadores de uma empresa privada da VIII Região, Chile. Para coleta dos dados utilizou-se um questionário com informações relacionadas às variáveis sócio-demográficas e Questionário de benzodiazepínicos. Não foi identificado consumo de benzodiazepínicos no momento do estudo. Constatou-se que 20% dos entrevistados tinham antecedentes de consumo de benzodiazepínicos e, destes, a metade (10%), no último ano. A análise bivariada do consumo de benzodiazepínicos no último ano com variáveis relacionadas ao trabalho mostrou uma relação pouco significativa (p= 0,073) com jornada de trabalho. Não foi identificada associação entre o consumo de benzodiazepínicos e as variáveis sócio-demográficas entre os participantes deste estudo.; El propósito de este estudio fue identificar las variables asociadas al consumo de benzodiazepinas en población trabajadora de una institución privada de la VIII Región, Chile. Diseño cuantitativo, transversal y correlacional. Población del estudio: 40 trabajadores de una empresa privada de la VIII Región...

Consumo de benzodiazepinos sem prescrição médica entre estudantes do primeiro ano da escola de enfermagem da Universidade de Guayaquil, Equador; Consumo de benzodiacepinas sin prescripción médica en los/as estudiantes de primer año de la escuela de enfermería de la Universidad de Guayaquil, Ecuador; Consumption of benzodiazepines without prescription among first-year nursing students at the University of Guayaquil, school of nursing, Ecuador

Paredes, Nivia Pinos; Miasso, Adriana Inocenti; Tirapelli, Carlos Renato
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/08/2008 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
75.77%
O objetivo deste estudo foi determinar o consumo de benzodiazepinos sem prescrição em estudantes do primeiro ano de enfermagem de uma universidade pública do Equador. Trata-se de um estudo transversal, descritivo e exploratório, com abordagem quantitativa. Um questionário foi usado para coleta dos dados. A população estudada foi composta por 181 estudantes. Os resultados mostram que 10,5% dos estudantes consumiram benzodiazepinos sem prescrição médica alguma vez na vida. Do total, 6,1% consumiram no último ano e 3,9% usam atualmente. O Diazepan foi a BZD mais usada sem prescrição médica, sendo a farmácia, o local de maior acesso. Entre os principais motivos para o consumo de benzodiazepinos encontram-se: insônia, ansiedade, estresse, depressão e problemas familiares ou econômicos. O uso de benzodiazepinos com propósitos não-medicinais está relacionado a problemas de perda da memória, síndrome de abstinência e sedação. Quando são combinados com álcool ou outras drogas, podem levar ao coma e à morte. Este estudo mostra as graves conseqüências que os benzodiazepinos podem ocasionar quando utilizados por estudantes de enfermagem no Equador.; La finalidad de este estudio fue determinar el consumo de benzodiacepinas sin prescripción en estudiantes del primer año de enfermería de una universidad pública de Ecuador. Se trata de un estudio transversal...

Efecto de la alopregnanolona sobre la ansiedad en ratas con separación materna durante la lactancia

Riveros-Barrera,Irene; Dueñas,Zulma
Fonte: Revista de la Facultad de Medicina Publicador: Revista de la Facultad de Medicina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2014 ES
Relevância na Pesquisa
85.74%
Antecedentes. La relación madre-hijo y el cuidado parental al recién nacido son fundamentales en el desarrollo fisiológico y emocional de los individuos. Evidencias asocian el estrés temprano con el desarrollo de enfermedades mentales. El modelo de separación materna durante la lactancia (SMDL) se ha utilizado para inducir estrés temprano en ratas y estudiar efectos a largo plazo. Diversos estudios han encontrado que, en ratas separadas de sus madres, disminuyen los niveles del receptor GABA-A y esos bajos niveles están asociados a comportamientos ansiosos. Objetivo. Evaluar el efecto de la alopregnanolona, un neuroesteroide agonista del receptor GABA-A, sobre la ansiedad inducida por SMDL. Materiales y métodos. Se utilizaron 30 ratas Wistar dividas en dos grupos, uno control y uno experimental (SMDL). La SMDL se realizó desde el día postnatal 1 hasta el día postnatal 21, durante 180 minutos en la mañana y 180 minutos en la tarde. Desde el día 22 los sujetos se alojaron en cajas por sexo y tratamiento y continuaron su desarrollo normal hasta el día 60, en el que se hizo la inyección con alopregnanolona y la prueba comportamental en el laberinto en cruz elevado. Resultados. El estrés crónico causado por la SMDL afecta el comportamiento de los individuos...