Página 1 dos resultados de 512 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Avaliação da taxa de sucesso em reabilitação urbana

Rodrigues, Rui Calejo; Silva, Flora
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.66%
A cidade de Bragança foi pioneira na utilização e implementação dos recursos disponibilizados por alguns programas de reabilitação urbana, tendo concretizado uma intervenção significativa, alargada a edifícios particulares. Esta actividade teve início em 1999 e prolongou-se até Março de 2007. Constatando-se uma adesão generalizada da população a este tipo de intervenções que se tornaram apelativas quer pela renovada imagem urbana quer pela modernidade que em geral tinha associada, coloca-se a questão de avaliar outros parâmetros da eficácia destes programas. Procedeu-se assim à identificação de casos tipo resultado das intervenções realizadas, avaliando não só os recursos disponibilizados pelos programas mas também a eficácia da sua implementação. Em geral, das diversas evidências que se identificaram é possível observar-se uma profunda diferença entre a intervenção urbana elaborada por gestão pública e a intervenção privada, facto que faz ressaltar a imagem degradada do património construído (não intervencionado) face à inequívoca melhoria urbana. Conclui-se assim que seria necessária uma promoção pública centralizada para cooperar com os privados na reabilitação do património...

Avaliação da taxa de sucesso em reabilitação urbana

Rodrigues, Rui Calejo; Silva, Flora
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança Publicador: Instituto Politécnico de Bragança
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
66.66%
A cidade de Bragança foi pioneira na utilização e implementação dos recursos disponibilizados por alguns programas de reabilitação urbana, tendo concretizado uma intervenção significativa, alargada a edifícios particulares. Esta actividade teve início em 1999 e prolongou-se até Março de 2007. Constatando-se uma adesão generalizada da população a este tipo de intervenções que se tornaram apelativas quer pela renovada imagem urbana quer pela modernidade que em geral tinha associada, coloca-se a questão de avaliar outros parâmetros da eficácia destes programas. Procedeu-se assim à identificação de casos tipo resultado das intervenções realizadas, avaliando não só os recursos disponibilizados pelos programas mas também a eficácia da sua implementação. Em geral, das diversas evidências que se identificaram é possível observar-se uma profunda diferença entre a intervenção urbana elaborada por gestão pública e a intervenção privada, facto que faz ressaltar a imagem degradada do património construído (não intervencionado) face à inequívoca melhoria urbana. Conclui-se assim que seria necessária uma promoção pública centralizada para cooperar com os privados na reabilitação do património...

Reabilitação [revitalização] de áreas urbanas consolidadas : análise crítica das sociedades de reabilitação urbana

Fernandes, Diana Mafalda Nunes
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.83%
Sendo a cidade um organismo em constante evolução e construção, é natural que esta se transforme consoante a evolução da sociedade que a tem vindo a construir. No entanto, a cidade transformou-se através da construção de novos lugares e centralidades, o que levou ao esquecimento e abandono das suas áreas mais antigas. Com o passar do tempo a degradação e a desvitalização tomaram conta destas áreas da cidade, levando o Governo, central e local, a uma busca soluções para travar e inverter este processo. Assim através de programas, ações, intervenções, e mais recentemente, políticas, as nossas cidades foram cobertas de tentativas, mas no entanto o problema persistiu e o ciclo de declínio tem sido difícil de inverter. Esta situação deve-se à falta de avaliação de tais iniciativas, de forma a serem aperfeiçoadas, em vez de revogadas e substituídas por outras. Esta dissertação pretende fazer aquilo que raramente se tem feito em Portugal, que é analisar e refletir sobre os resultados da atual política de reabilitação urbana enquadrada pelo Regime Jurídico da Reabilitação Urbana, criado pelo Decreto-Lei n.º 307/2009 e alterado pela Lei n.º 32/2012, e mais propriamente sobre as entidades criadas por este regime para gerir os processos de reabilitação urbana...

Da reabilitação urbana à conquista do espaço público : uma proposta de intervenção no centro histórico de Viseu

Santos, Raul Cláudio Pereira dos
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.6%
A cidade actual enfrenta problemas urbanos de uma complexidade intensa. Os grandes desafios urbanos estão tanto nas áreas periféricas como nos centros urbanos “históricos” ou “fundadores”. A descentralização dos “centros históricos” aliada aos processos de periferização conduziram ao desenvolvimento de novas ideias de vivência, novos hábitos e por conseguinte, contribuíram para uma progressiva degeneração do espaço público. O conceito de “reabilitação urbana” tem-se ampliado no seu significado nas últimas décadas, sendo cada vez mais relevante no vocabulário da gestão e organização do território. As estratégias de reabilitação urbana são, cada vez mais, fundamentais nas transformações urbanas actuais pela sua capacidade de intervir cirurgicamente no espaço público colmatando situações de incoerência ou carecidas de uma revalorização. Incidindo no caso particular do “centro histórico” de Viseu, procurou-se reflectir sobre as temáticas apresentadas, na intenção de elaborar uma estratégia de intervenção sustentada para a requalificação do espaço público.; The contemporary city is facing urban problems of an intense complexity. The major urban challenges are both in the peripheral areas as in the "historical" or "original" urban centers. The decentralization of "historic centers" coupled with the periphery processes led to the development of new forms of living...

Estratégias e metodologias para intervenções de reabilitação urbana : avaliação da vulnerabilidade e do risco sísmico do edificado da baixa de Coimbra

Vicente, Romeu da Silva
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
66.71%
Esta dissertação aborda o tema da renovação e reabilitação urbana, para o qual o meio técnico e científico tem-se progressivamente consciencializado. O contributo deste trabalho começa pela reflexão e contextualização das actuais tendências das acções de reabilitação urbana pelo nosso País, no desenvolvimento de um modelo que permite a identificação de várias acções concorrentes. Uma vez identificados problemas, potencialidades, dificuldades e oportunidades, é possível a definição de uma estratégia com o objectivo de orientar as acções e processos de reabilitação de forma sustentável. No desenvolvimento de propostas e na definição de estratégias de reabilitação urbana, é fundamental a elaboração da inspecção e diagnóstico adequado à escala da área em análise. É proposto um modelo de procedimento, para o registo e diagnóstico do estado de conservação dos edifícios, testado e aplicado no processo de Renovação Urbana da Baixa de Coimbra, atendendo aos vários objectivos parciais. A acção de diagnóstico estruturado e credível para a caracterização construtiva dos edifícios de centros urbanos antigos, a análise das suas condições de degradação e principais anomalias, permitiu a criação de uma base de informação relevante sobre o edificado antigo desta área da cidade que disponibiliza...

Análise de estratégias para implementação da reabilitação urbana e salvaguarda do património vernacular; Strategies review for the implementation of Urban Interventions and Protection of Vernacular Architecture

Tavares, A.; Costa, A.; Varum, H.
Fonte: LNEC Publicador: LNEC
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
66.82%
A reabilitação urbana apresenta-se de variadas formas no contexto nacional e internacional, regendo-se muitas vezes por princípios semelhantes que constam de documentos de instituições de referência, como a UNESCO e o ICOMOS. No entanto, os resultados da prática da intervenção de reabilitação com frequência demonstram que não ficaram garantidos os níveis adequados de salvaguarda da identidade do lugar que está inerente ao seu edificado. O presente estudo procurou analisar casos portugueses de reabilitação urbana, os casos de Bath e Bristol em Inglaterra, o de Kyoto do Japão, o de Istambul na Turquia e o de Bagan em Myanmar. O objetivo principal foi verificar que níveis de autenticidade do lugar foram garantidos após as estratégias de reabilitação, que metodologias foram seguidas e se revelaram mais adequadas, que níveis de participação cívica e da investigação entraram nessas estratégias e de que forma os processos têm potencialidade de aplicação a outras áreas urbanas, nomeadamente portuguesas. Foi dado um especial destaque à vertente habitacional da reabilitação e ao edificado vernacular que ainda se pode considerar como a imagem de muitas das nossas cidades. Como problemas a destacar nos processos de reabilitação analisados encontramos: desvio aos princípios e orientações de Cartas internacionais; implementação de intervenções sem estudos prévios aprofundados sobre a caracterização do edificado e da sua envolvente/lugar; intervenções sem garantia da manutenção do valor cultural e tecnológico dos edifícios...

Estratégias de Reabilitação Urbana Caso de Estudo: Bairro dos Ferreiros

Aires, Bento Adriano de Machado Aires e
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.68%
Dissertação de mestrado em Engenharia Civil; A desertificação dos centros históricos tem vindo a ser assumida como um dos grandes problemas urbanísticos e de ordenamento do território das cidades contemporâneas. Este fenómeno deve-se à melhor oferta de qualidade de vida na periferia, habitações com melhor qualidade e custos mais competitivos, proximidade aos locais de trabalho e problemas de mobilidade, no entanto, os centros urbanos foram ficando despovoados, degradados, com problemas de salubridade, sociais e de segurança. Os processos de reabilitação urbana são processos lentos e complicados, dado o elevado número de factores que têm que ser considerados nas políticas de intervenção, dada a relevância do problema já foram implementados. Vários mecanismos de reabilitação urbana foram já implementados, uns com maiores índices de sucesso e outros com resultados mais insignificantes. A Cidade de Vila Real foi uma das cidades contempladas com o Programa Polis, onde um dos principais objectivos foi a reabilitação e recuperação do Bairro dos Ferreiros, sendo a linha de acção definida pelo Plano de Pormenor do Bairros dos Ferreiros. Passados 5 anos após o prazo previsto de conclusão importa avaliar os resultados da sua execução...

Análise do Comportamento dos Investidores Privados na Reabilitação Urbana da Cidade de Lisboa - Segmento Habitação

Pereira, Patrícia Ramos Clímaco
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.8%
Mestrado em Gestão e Avaliação Imobiliária; O financiamento das operações de reabilitação urbana e a atracção de investimento privado surgem como questões centrais do desenvolvimento de uma verdadeira política de reabilitação urbana. O objectivo desta dissertação consiste em analisar o comportamento do investidor privado na reabilitação urbana da cidade de Lisboa, segmento residencial, e identificar os factores críticos para incentivar o investimento privado em reabilitação. O núcleo do estudo consiste na análise dos resultados de entrevistas a dois grupos: um primeiro grupo constituído por investidores imobiliários e um segundo grupo composto por outros stakeholders do sector imobiliário. Os resultados das entrevistas confirmam os estudos efectuados por Adair et Al (1998) no Reino Unido, concluindo que os principais motivos para investir em projectos habitacionais de reabilitação urbana são factores de mercado relacionados com a rentabilidade e risco. Os factores críticos para aumentar o volume de investimento em reabilitação urbana consistem na existência de medidas de minimização do risco, nomeadamente celeridade e clareza do processo e das regras de licenciamento, alterações profundas no regime de arrendamento urbano...

Reabilitação Urbana para Lisboa : plano de negócios para três modelos jurídicos diferentes

Bento, João Manuel Pires
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.71%
Mestrado em Gestão e Avaliação Imobiliária; O presente trabalho final de mestrado tem como objectivo principal, conceber um plano de negócios para um modelo jurídico dedicado à reabilitação urbana, propondo soluções que permitam eliminar as barreiras decorrentes da posse do património e da descapitalização dos proprietários. O estudo que incide sobre a viabilidade no negócio procura determinar qual o modelo de personalidade jurídica que melhor se adapta a uma estratégia de reabilitação urbana, tendo em contra três possibilidades distintas: a gestão por uma sociedade comercial, por meio da constituição de fundos de investimento imobiliários tradicionais ou a fundos dedicados exclusivamente à Reabilitação Urbana. A abordagem ao trabalho tem em conta as políticas já implantadas, bem como as novas tendências e directivas que, neste campo, abrem novas perspectivas que se espera possam, a breve prazo, contribuir para a dinamização da reabilitação urbana. Em termos económicos, são abordadas as avaliações dos imóveis devolutos e a análise financeira, que incide sobre os três modelos jurídicos já referidos, numa escala de intervenções na reabilitação desenvolvida em três níveis (ligeira, intermédia e profunda)...

Avaliação processual em reabilitação urbana: conceitos e instrumentos

Costa, António Firmino da; Alves, João Emílio
Fonte: CIES-ISCTE / CELTA Publicador: CIES-ISCTE / CELTA
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/1996 POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
Desenvolve-se neste artigo um conjunto de propostas conceptuais e metodológicas para a avaliação de políticas, programas e projectos de reabilitação urbana. A nível geral, apresenta-se uma concepção de avaliação processual, entendida como perspectiva global e como componente sectorial dos dispositivos de avaliação. Num plano mais substantivo, inventaria-se um leque de dimensões analíticas fundamentais a contemplar na avaliação dos processos de reabilitação urbana. Do ponto de vista metodológico-técnico, são referidos alguns exemplos ilustrativos de uma série de instrumentos e procedimentos desenvolvidos para operacionalizar a avaliação processual, tendo como base um conjunto de experiências relativas à reabilitação urbana na cidade de Lisboa.; This article develops a series of conceptual ad methodological proposals for the evaluation of policies, programmes and projects for urban rehabilitation. A concept of process evaluation is presented on a general level, understood to be a global perspective and as a sectoral component of evaluation tools. On a more substantive level, a range of fundamental analytical dimensions would be created to be considered in the evaluation of urban rehabilitation procedures. From the methodologicaltechnical point of view...

A integração do princípio de coesão sócio-territorial no processo de reabilitação urbana: o caso da Baixa Pombalina

Gomes, Carla Patrícia Rocha
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Ordenamento do Território e Planeamento Ambiental na Perspectiva das Comunidades Europeias; Nos últimos anos, a reabilitação urbana e, simultaneamente, a coesão sócio-territorial têm-se revelado uma prioridade para as entidades responsáveis pelo ordenamento do território. De igual modo, reconhece-se que numa perspectiva integrada, a promoção da coesão sócio-territorial deve ser, a par da dinamização económica, valorização cultural e sustentabilidade ambiental, um dos pilares da reabilitação urbana. Neste contexto, urge conhecer as estratégias adoptadas pelas instituições para a promoção da coesão sócio-territorial num processo de reabilitação urbana, ou seja, compreender e avaliar quais os modelos, as estratégias, os métodos e os processos institucionais utilizados, de modo a concretizar este princípio. A presente dissertação, partindo do enquadramento conceptual, da análise das experiências já existentes, e centrando-se no caso de estudo da Baixa Pombalina, identifica a necessidade de se adoptar um novo modelo de intervenção num processo de reabilitação urbana. Nesta medida, propõe-se um modelo de intervenção integrada, baseado nos princípios de boa governância e na participação pública...

De elemento dissonante a elemento marcante, fachadas verdes na reabilitação urbana, Castelo Branco

Duarte, Hélder Filipe
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.59%
Esta dissertação tem como objectivo elaborar um projecto de reabilitação urbana, para o centro histórico da cidade de Castelo Branco, utilizando as fachadas verdes como meio de transformação de um elemento dissonante num elemento marcante. A escassez de espaços verdes numa malha urbana consolidada como as dos centros históricos, e a pouca área de terreno livre que se possa transformar em jardins vem abrir horizontes para novas soluções, de inserir os elementos vegetais, nestas zonas das cidades. A utilização das fachadas verdes é uma das mais recentes soluções para resolver este problema. Consequentemente permite dar resposta à falta de espaços verdes, e por outro lado com esta sofisticada técnica, que ainda não é muito utilizada na reabilitação urbana, implantam-se novos espaços verdes sem ser necessário utilizar espaço público. Refira-se ainda que nestas zonas da cidade, algumas construções que não se integram na linguagem arquitectónica da envolvente, às escalas da rua ou da praça, conferindo uma imagem negativa e desqualificada, podem ser disfarçadas ou tornarem-se elementos marcantes, pela aplicação de fachadas verdes. Esta utilização vem colmatar essas dissonâncias e transformar o que outra ora era um edifício dissonante num marco de identidade para o local...

De bairro novo a bairro sustentável: projecto de reabilitação urbana na Figueira da Foz

Silva, Maria Margarida Barradas da
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.6%
Cada vez mais os centros urbanos têm sofrido um abandono devido à degradação provocada por uma série de factores, e à melhoria das condições de vida nas periferias. Esse abandono, fruto de muitos dos problemas dos centros das cidades, prejudica tanto o seu desenvolvimento a nível económico, social e ambiental, como a salubridade do tecido edificado e a segurança ao nível da sua fruição, quer pelos residentes, quer pelos utentes. Assim torna-se importante a requalificação e reabilitação desses mesmos centros, sem deixar de pensar na vertente da sustentabilidade, de modo a atrair de novo a população, melhorando a qualidade e o nível de vida das cidades, de modo a tornar a zona mais auto-subsistente e mais qualificada do ponto de vista ambiental. Deste modo é fulcral manter o centro das cidades vivo, para que toda a cidade possa prosperar em segurança, atraindo a população para o seu centro. Neste trabalho pretende-se fazer uma pesquisa teórica, onde serão analisados os temas da reabilitação urbana e sustentabilidade, passando depois para uma análise do Bairro Novo da Figueira da Foz, com a finalidade de elaborar uma proposta de reabilitação urbana.

Projeto de reabilitação urbana-Eco Aldeia: Cabeço Monteiro, Idanha-a-Nova

Barros, Joana Martins de
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.58%
Pretende-se que este trabalho seja o reflexo de uma aprendizagem contínua do curso de arquitetura, bem como o culminar de todo esse processo. Como conclusão do mestrado integrado em arquitetura, propõe-se o desenvolvimento de uma dissertação baseada na reabilitação de aldeias abandonadas em Portugal, como base no conceito de eco aldeias, dando maior relevância à vertente arquitetónica e à sua prática. Como já foi referido, a partir da análise do conceito e dos casos já existentes de eco aldeias, pretende-se isolar os fundamentos que possam conduzir a uma arquitetura sustentável, pensada para o lugar e para as pessoas. Será alvo de um projeto de reabilitação o caso de estudo – uma aldeia que foi sendo deixada ao abandono – para se proceder à respetiva reabilitação. O objetivo máximo desta intervenção, que vai além do projeto de reabilitação urbana, é reverter a situação de abandono e proporcionar condições favoráveis para a fixação da população no local de intervenção – Cabeço Monteiro (Idanha-a-Nova).

Equipamentos culturais e regeneração urbana o caso do Plano de Pormenor e de Reabilitação Urbana da Colina do Castelo

Navarro, Iris Mariana Batista
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.64%
Cabe à Câmara Municipal de Lisboa promover um desenvolvimento equilibrado do seu município. Nesse âmbito, a implementação dos Instrumentos de Gestão Territorial (IGT) assumem particular importância. Neste trabalho específico incidiu-se sobre o Plano de Pormenor e de Reabilitação Urbana da Colina do Castelo, estruturado para: (1) incentivar a preservação e valorização do património cultural edificado e paisagístico; (2) promover a revitalização habitacional e funcional; (3) articular com a frente ribeirinha adjacente e promover a sustentabilidade ambiental. O plano permite, de igual modo, uma “nova” oportunidade de implementar no território específico da cidade (Colina do Castelo), novas estratégias de atuação, assente nos recursos endógenos do território e em dinâmicas de desenvolvimento (além da reabilitação urbana, importa a revitalização e valorização económica e social). Para o efeito integra-se também a cultura que assume hoje uma importância incontornável na vida das cidades, associada à identidade, ao património (material e imaterial) e às artes, funcionando como um eixo de revitalização para solucionar problemas territoriais. Com este trabalho procura-se avaliar o impacto de determinados equipamentos culturais localizados na área da Colina do Castelo...

Reabilitação urbana sustentável – modelo de intervenção para o espaço público

Romão, Ana Mafalda Sobral
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.73%
Com o acentuado ritmo de urbanização nos centros das cidades, surgiram problemas de ordem ambiental, social e económica, que se constituem, nos nossos dias, como um desafio para a descoberta de um futuro sustentável para as urbes. O conceito de “sustentabilidade” tem vindo a ganhar importância nas últimas décadas, nomeadamente no sector da construção. As intervenções de reabilitação urbana sobre o espaço público assumem-se como uma prioridade nacional e uma oportunidade para um Desenvolvimento Urbano Sustentável. Esta área, para além de contribuir para o equilíbrio social e a melhoria da qualidade de vida das populações, é também uma actividade determinante para a dinamização económica, a geração de emprego e a poupança de recursos naturais (Amado, et al., 2012). O planeamento urbano assume um papel determinante na implementação dos objectivos da reabilitação urbana. A preocupação com o desenvolvimento equilibrado das cidades tem motivado o desenvolvimento de diversos estudos com propostas de medidas para uma reabilitação urbana sustentável. A nível político têm sido implementados alguns programas como o JESSICA e o Lx-Europa 2020, bem como o surgimento das Sociedades de Reabilitação Urbanas. Diversos países...

Fiscalização de obras e vistorias técnicas no âmbito da reabilitação urbana no centro histórico do Porto

Neves, Stephanie Sophia Delgado Gonçalves
Fonte: Instituto Politécnico do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.66%
O presente trabalho enquadra-se no âmbito da unidade curricular Dissertação/Projeto/Estágio (DIPRE), do 2º ano do Mestrado em Engenharia Civil no ramo das Construções do Instituto Superior de Engenharia do Porto. O estágio foi realizado na empresa Porto Vivo, SRU- Sociedade de Reabilitação Urbana da Baixa Portuense, SA, com a duração de seis meses, com início a 24 de fevereiro de 2014 e término a 24 de agosto de 2014. O estágio obedeceu a uma carga horária de 40 horas semanais, de segunda a sexta-feira, no horário normal de expediente das 9h as 18h. Com a realização deste estágio curricular pretende-se que os alunos tenham contacto direto com a realidade de trabalho duma determinada Organização, e que após o período de estágio o aluno elabore um relatório final referente ao mesmo. Assim, o presente relatório descreve as atividades realizadas e observadas, os conhecimentos aplicados durante o estágio, bem como a apresentação e o funcionamento da empresa de acolhimento, e tratando-se de uma empresa cuja atividade profissional centra-se na reabilitação urbana será também abordada a temática da reabilitação Urbana no centro Histórico do Porto. Por último será desenvolvido um caso de estudo onde se apresenta uma metodologia possível de reabilitação proposta a um edifício.; This report falls within the ambit of the course Dissertation/Project/ Internship (DIPRE)...

De elemento dissonante a elemento marcante, fachadas verdes na reabilitação urbana, Castelo Branco

Duarte, Hélder Filipe
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.59%
Esta dissertação tem como objectivo elaborar um projecto de reabilitação urbana, para o centro histórico da cidade de Castelo Branco, utilizando as fachadas verdes como meio de transformação de um elemento dissonante num elemento marcante. A escassez de espaços verdes numa malha urbana consolidada como as dos centros históricos, e a pouca área de terreno livre que se possa transformar em jardins vem abrir horizontes para novas soluções, de inserir os elementos vegetais, nestas zonas das cidades. A utilização das fachadas verdes é uma das mais recentes soluções para resolver este problema. Consequentemente permite dar resposta à falta de espaços verdes, e por outro lado com esta sofisticada técnica, que ainda não é muito utilizada na reabilitação urbana, implantam-se novos espaços verdes sem ser necessário utilizar espaço público. Refira-se ainda que nestas zonas da cidade, algumas construções que não se integram na linguagem arquitectónica da envolvente, às escalas da rua ou da praça, conferindo uma imagem negativa e desqualificada, podem ser disfarçadas ou tornarem-se elementos marcantes, pela aplicação de fachadas verdes. Esta utilização vem colmatar essas dissonâncias e transformar o que outra ora era um edifício dissonante num marco de identidade para o local...

De bairro novo a bairro sustentável: projecto de reabilitação urbana na Figueira da Foz

Silva, Maria Margarida Barradas da
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.6%
Cada vez mais os centros urbanos têm sofrido um abandono devido à degradação provocada por uma série de factores, e à melhoria das condições de vida nas periferias. Esse abandono, fruto de muitos dos problemas dos centros das cidades, prejudica tanto o seu desenvolvimento a nível económico, social e ambiental, como a salubridade do tecido edificado e a segurança ao nível da sua fruição, quer pelos residentes, quer pelos utentes. Assim torna-se importante a requalificação e reabilitação desses mesmos centros, sem deixar de pensar na vertente da sustentabilidade, de modo a atrair de novo a população, melhorando a qualidade e o nível de vida das cidades, de modo a tornar a zona mais auto-subsistente e mais qualificada do ponto de vista ambiental. Deste modo é fulcral manter o centro das cidades vivo, para que toda a cidade possa prosperar em segurança, atraindo a população para o seu centro. Neste trabalho pretende-se fazer uma pesquisa teórica, onde serão analisados os temas da reabilitação urbana e sustentabilidade, passando depois para uma análise do Bairro Novo da Figueira da Foz, com a finalidade de elaborar uma proposta de reabilitação urbana.

Projeto de reabilitação urbana-Eco Aldeia: Cabeço Monteiro, Idanha-a-Nova

Barros, Joana Martins de
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.58%
Pretende-se que este trabalho seja o reflexo de uma aprendizagem contínua do curso de arquitetura, bem como o culminar de todo esse processo. Como conclusão do mestrado integrado em arquitetura, propõe-se o desenvolvimento de uma dissertação baseada na reabilitação de aldeias abandonadas em Portugal, como base no conceito de eco aldeias, dando maior relevância à vertente arquitetónica e à sua prática. Como já foi referido, a partir da análise do conceito e dos casos já existentes de eco aldeias, pretende-se isolar os fundamentos que possam conduzir a uma arquitetura sustentável, pensada para o lugar e para as pessoas. Será alvo de um projeto de reabilitação o caso de estudo – uma aldeia que foi sendo deixada ao abandono – para se proceder à respetiva reabilitação. O objetivo máximo desta intervenção, que vai além do projeto de reabilitação urbana, é reverter a situação de abandono e proporcionar condições favoráveis para a fixação da população no local de intervenção – Cabeço Monteiro (Idanha-a-Nova).