Página 1 dos resultados de 1080 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Visita domiciliária de enfermagem no puerpério

Claro, Marisa Fernandes
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Projeto de Graduação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Enfermagem; O puerpério é considerado por muitos como um momento de adaptação física, psicológica e social. O período pós-parto demonstra-se ser uma fase onde a puérpera se depara com bastantes dificuldades e dúvidas quanto à sua condição. É momento cheio de peculiaridade e de vulnerabilidade na vida da mulher, em que a mesma precisa ser orientada quanto às mudanças e às adaptações que esse período impõe. A visita domiciliária tem-se demonstrado ao longo do tempo, uma estratégia adotada pelos enfermeiros para um melhor acompanhamento da puérpera e da família nesta fase. Esta permite aos profissionais de saúde, guiar, apoiar e aconselhar os pais a adquirir atitudes atitudes e comportamentos que lhe permite vivenciar este período sem complicações. Face a estas constatações surgiu a inquietação de conhecer a perceção das mulheres quanto à visita domiciliária de enfermagem no puerpério, assim como a relação desta com a idade, as habilitações literárias, a vigilância pré-natal e a frequência do curso de preparação para o parto/parentalidade. De forma a dar resposta a estas questões...

Influência da gestação e do puerpério no lipidograma de bovinos da raça Holandesa; Influence of gestation and puerperium on the lipid profile of Holstein cattle

POGLIANI, Fabio Celidonio; AZEDO, Milton Ricardo; SOUZA, R. M; RAIMONDO, Raquel Fraga e Silva; BIRGEL JÚNIOR, Eduardo Harry
Fonte: Belo Horizonte Publicador: Belo Horizonte
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Avaliou-se a influência da gestação e do puerpério no lipidograma de bovinos da raça Holandesa por meio da determinação de colesterol, triglicérides, ácidos graxos não esterificados (AGNE), β-hidroxibutirato (β-HBO) e glicose em 80 amostras de soro e plasma sangüíneo. Os animais foram distribuídos em cinco grupos (G) experimentais: G1 - constituído por 16 fêmeas não prenhes; G2 -18 fêmeas na fase inicial da gestação (com até três meses); G3 - 15 fêmeas prenhes, entre três e seis meses de gestação; G4 - 15 fêmeas na fase final da gestação (entre seis e nove meses); G5 - 16 fêmeas recém-paridas, com até 30 dias de puerpério. Houve influência da gestação sobre o lipidograma, pois os teores séricos de AGNE foram mais altos no terço final da gestação, enquanto os teores séricos de β - HBO foram mais elevados durante o terço inicial de gestação. O puerpério influenciou os constituintes do lipidograma, pois, nos primeiros 30 dias após a parição, os teores séricos de AGNE e β - HBO foram mais altos, enquanto os de triglicérides foram mais baixos nos animais no puerpério em relação aos que estavam em gestação; In order to establish the influence of gestation and puerperium on the lipid profile of Holstein cattle...

Influência do puerpério e da fase pós-puerperal na função hepática de vacas da raça Holandesa criadas no estado de São Paulo; Influence of puerperium and post-puerperal phase on the hepatic function of health holstein cows

SOUZA, Regiane Machado de; GARCIA, Nury Aymé Collona Rodrigues; BIRGEL, Daniela Becker; BIRGEL JÚNIOR, Eduardo Harry
Fonte: Goiânia Publicador: Goiânia
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.39%
Com o objetivo de avaliar a influência do puerpério fisiológico e da fase pós-puerperal na função hepática de vacas sadias foram colhidas 104 amostras de sangue por punção da veia coccígea de fêmeas da raça Holandesa criadas no Estado de São Paulo. A função hepática foi avaliada por meio da determinação dos teores séricos de proteína total, albumina, alfa-, beta- e gama-globulinas; da atividade enzimática sérica da aspartato-aminotransferase (AST), gama-glutamiltransferase (GGT) e determinação dos níveis séricos das bilirrubinas indireta, direta e total. Observou-se que a função hepática de fêmeas bovinas sadias da raça Holandesa sofreu influência do puerpério, pois no puerpério recente em animais com até 10 dias após o parto - os teores séricos de proteína total, de albumina e das globulinas, bem como das frações beta- e gama-globulinas foram significativamente menores do que os observados no puerpério tardio e fase pós puerperal enquanto a relação albumina/globulinas e a atividade enzimática sérica da aspartato-aminotransferase foram significativamente maiores do que os observados no puerpério tardio e fase pós puerperal

Influência do puerpério e da retenção dos anexos fetais no proteinograma de fêmeas bovinas da raça Holandesa, criadas no Estado de São Paulo; Influence of puerperium and retained fetal membranes on the proteinogram of Holstein cows raised in the State of São Paulo

Saut, João Paulo Elsen
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.39%
Com o objetivo de avaliar a influência do puerpério e da retenção dos anexos fetais no proteinograma de fêmeas bovinas da raça Holandesa, foram colhidas 291 amostras de sangue de vacas nos primeiros 90 dias após o parto. Para estudo do puerpério fisiológico, foram colhidas amostras de sangue de 162 fêmeas bovinas clinicamente sadias, divididas em 9 grupos experimentais, 0 -| 1º dia; 1º -| 2º dia; 2º -| 4º dia; 4º -| 6º dia; 6º -| 8º dia; 8º -| 15º dia; 15º -| 30º dia; 30º -| 60º dia; e, 60º -| 90º dia pós-parto. Para avaliar a influência da retenção dos anexos fetais, foram colhidas 129 amostras de soro sanguíneo de vacas da raça Holandesa que retiveram os anexos fetais, divididas em 8 grupos experimentais, 1º -| 2º dia; 2º -| 4º dia; 4º -| 6º dia; 6º -| 8º dia; 8º -| 15º dia; 15º -| 30º dia; 30º -| 60º dia; e, 60º -| 90º dia pós-parto. Os teores séricos de proteínas totais foram determinados pela técnica de Biureto e o fracionamento das proteínas foi realizado por eletroforese em fita de acetato de celulose e eletroforese em gel de poliacrilamida contendo dodecil sulfato de sódio (SDS-PAGE). Os resultados permitem concluir que ocorreu um aumento significativo das proteínas de fase aguda tanto nos animais com puerpério fisiológico quanto nos animais com retenção dos anexos fetais. As proteínas haptoglobina...

Influência da gestação, da parição e do puerpério sobre o hemograma de caprinos (Capra hircus) da raça Saanen, criados no Estado de São Paulo; Influence of pregnancy, parturition and puerperium in the hemogram of Saanen goats (Capra hircus), bred in the State of São Paulo

Viana, Rinaldo Batista
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/11/2001 PT
Relevância na Pesquisa
37.47%
Com o objetivo de avaliar a influência da gestação, da parição e do puerpério sobre o quadro hemático de caprinos (Capra hircus) da raça Saanen foram colhidas amostras de sangue de animais criados em sistema intensivo, de acordo com o manejo tradicional empregado nas propriedades produtoras de leite do Estado de São Paulo. Nas amostras de sangue, colhidas em frascos contendo EDTA como anticoagulante, foram realizadas as seguintes provas: contagem do numero de hemácias, em câmara de Neubauer modificada, utilizando-se líquido de Gower como diluidor; determinação do volume globular, pelo método do microematócrito; dosagem de hemoglobina, pelo método da cianometaemoglobina; cálculo dos índices hematimétricos (VCM volume corpuscular médio; HCM hemoglobina corpuscular média; CHCM concentração de hemoglobina corpuscular média), contagem do número total de leucócitos, em câmara de Neubauer modificada, utilizando-se o líquido de Thoma como diluidor; e a contagem diferencial de leucócitos, efetuada em esfregaços sanguíneos, corados pelo método de Rosenfeld. No primeiro experimento, delineado para avaliar a influência da gestação e do puerpério foram colhidas amostras de sangue de 150 cabras...

Efeitos clínicos e metabólicos do implante liberador de etonogestrel sobre o puerpério de mulheres sadias; Clinical and metabolic effects ofthe etonogestrel-releasing implant on the puerperium of healthy women Master's paper

Brito, Milena Bastos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.43%
Os contraceptivos de progestagênios isolados, como o implante de etonogestrel, representam uma opção para uso no puerpério. Classicamente, recomenda-se seu uso, a partir da sexta semana após o parto, mas sabe-se que para um grupo de pacientes de risco para curtos intervalos intergestacionais (com baixa adesão ou pouco acesso às orientações contraceptivas neste período), os mesmos podem ser prescritos no puerpério imediato. Porém, mais estudos são necessários para avaliar a segurança materna e neonatal/infantil do implante de etonogestrel (ETG), quando inserido no puerpério imediato. O objetivo do presente estudo foi avaliar dados de segurança materna (clínicos e metabólicos) e neonatal (clínicos) do uso do implante de ETG no puerpério imediato, durante as primeiras 12 semanas após o parto. Foram randomizadas 40 pacientes, entre 18-35 anos, no Ambulatório de Pré-Natal de Baixo Risco do HCFMRP-USP, para dois grupos: 20 para uso doimplante liberador de etonogestrel (ETG), inserido 24-48 horas após o parto; e 20 para uso de 150 mg de acetato de medroxiprogesterona de depósito (AMP-D), a partir da 6ª semana de puerpério (grupo de controle). Os parâmetros clínicos avaliados foram: pressão arterial (PA)...

Puerpério na atenção básica

Mendes, Margarete Fernandes
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 127 f.| il., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
37.43%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública.; Nesta dissertação busca-se identificar as interações existentes entre os cuidados institucionais de saúde e as práticas culturais de cuidados no puerpério, a partir das percepções das próprias mulheres que vivenciam esse período. Trata-se de uma pesquisa exploratória com abordagem qualitativa, fundamentada em referenciais teóricos da saúde no contexto sócio-cultural, seus mitos e seus tabus no puerpério, e das políticas públicas de assistência à mulher. Foram entrevistadas l8 mulheres que vivenciavam o puerpério, entre o trigésimo e o quadragésimo dia, e que estavam sendo assistidas por uma equipe de uma unidade básica de saúde, composta por profissionais médicos, enfermeiras, dentistas, técnicos e auxiliares de enfermagem, agentes comunitários de saúde e profissionais administrativos. Os resultados da pesquisa foram analisados, seguindo a metodologia da análise do conteúdo, focando nos dados referentes ao puerpério, os quais foram agrupados em dois eixos temáticos, sendo: Cuidados Institucionais no Puerpério, com as categorias Cuidados Percebidos Pelas Mulheres e Cuidados Realizados Pelos Profissionais ; o segundo eixo temático...

Puerpério em ambiente prisional

Bez Birolo, Ioná Vieira
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.39%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2010; Trata-se de um estudo com abordagem qualitativa, do tipo exploratório descritivo que teve como objetivo: Compreender como as detentas vivenciam o puerpério em ambiente prisional. O referencial teórico foi pautado nos ensinamentos de Florence Nightingale e na utilização de conceitos de Carraro e Radünz, entre outros estudiosos da área. A pesquisa foi desenvolvida na ala feminina de uma unidade prisional de Santa Catarina, com a participação de dez detentas com idade entre 21 e 35 anos que vivenciaram, pelo menos, duas semanas de puerpério na prisão. Para coletar os dados, utilizaram-se observação e entrevista semiestruturada. Para adentrar no presídio, solicitou-se autorização e apresentou-se o projeto para os responsáveis. Durante todo o período de desenvolvimento da pesquisa, respeitaram-se os princípios éticos com fundamento na resolução do Conselho Nacional de Saúde nº. 196 de 1996. Os dados foram analisados utilizando a técnica de análise de conteúdo de Bardin e apresentados textualmente. Emergiram duas categorias de análise: Encarceramento Feminino e...

Puerpério de alto risco e cuidado de enfermagem

Frello, Ariane Thaise
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 177 p.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
37.5%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2013.; O objetivo desta tese foi compreender como as mulheres percebem a vivência do puerpério de alto risco. Trata-se de um estudo narrativo com abordagem qualitativa que pesquisou junto de puérperas que estavam com seus bebês na unidade neonatal, configurando esta fase como puerpério de alto risco. A revisão de literatura consistiu no artigo 1, uma revisão integrativa com o objetivo de delinear a relação entre a equipe de enfermagem as mães com bebês internados em unidade neonatal, apresentada em artigos entre 2005 e 2010. O referencial teórico de Florence Nightingale embasou teoricamente o estudo assim como a construção do marco conceitual composto pelos conceitos: ser humano, puerpério de alto risco, poder vital, processo restaurador, ambiente de cuidado e cuidados de enfermagem. A fim de aprofundar conhecimentos sobre a teórica desenvolveu-se uma revisão integrativa no artigo 2 cujo objetivo foi identificar a contribuição de Florence Nightingale nos artigos publicados entre os anos de 2004 e 2011 na percepção de seus autores. Metodologicamente, a entrevista narrativa de Schütze (1977) foi utilizada no tratamento e análise dos dados. A coleta de dados foi realizada em uma instituição pública da região sul do Brasil...

Pressão arterial e freqüência cardíaca avaliadas pela MAPA em primigestas durante o trabalho de parto e puerpério imediato

Marchioli,Milton; Abbade,Joélcio Francisco; Peraçoli,José Carlos
Fonte: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia Publicador: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2004 PT
Relevância na Pesquisa
37.43%
OBJETIVO: analisar os valores da pressão arterial e da freqüência cardíaca durante o trabalho de parto e puerpério imediato de primigestas normais. MÉTODOS: foram incluídas no estudo 60 parturientes, às quais foi aplicada a monitorização ambulatorial da pressão arterial (MAPA) com uso do aparelho modelo SpaceLabs 90207, durante o trabalho de parto e nas primeiras 12 horas após o mesmo. A pressão arterial e a freqüência cardíaca foram registradas a cada 15 minutos durante o trabalho de parto e na primeira hora após o parto, e a cada 30 minutos até a 12ª hora após o parto. Esses parâmetros foram avaliados em três momentos do trabalho de parto (com dilatação cervical até 7 cm, entre 8 cm e dilatação total e durante o período expulsivo) e em dois momentos do puerpério (na primeira e décima segunda hora). Primeiramente os resultados foram analisados sem levar em consideração o tipo de procedimento anestésico, e depois, dividindo-os em grupos conforme o tipo de procedimento realizado: anestesia local, analgesia peridural lombar e anestesia subaracnóidea. Para comparação dentro de cada grupo foram realizados análise de variância (ANOVA) e teste t de Student pareado e, entre os grupos, o teste t não-pareado. Foi considerado o limite de significância estatística de 5%. RESULTADOS: quando os resultados foram avaliados sem levar em consideração o procedimento anestésico...

Influência da gestação e do puerpério sobre o leucograma de caprinos da raça Saanen, criados no Estado de São Paulo

Viana,Rinaldo Batista; Birgel Junior,Eduardo Harry; Ayres,Maria Consuelo Caribé; Biojoni,Fernanda de Souza Meirelles; Souza,Maria do Carmo Custódio de; Birgel,Eduardo Harry
Fonte: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2002 PT
Relevância na Pesquisa
37.33%
Para avaliar a influência da gestação e do puerpério sobre os constituintes do leucograma de caprinos da raça Saanen foram colhidas 150 amostras de sangue, distribuídas em 5 grupos com 30 animais cada: cabras não prenhes; fase inicial da gestação (30 -| 60 dias de prenhez); fase média da gestação (60 -| 120 dias de prenhez); fase final da gestação (> 120 dias de prenhez); e recém-paridas (< 30 dias de puerpério). Nas amostras de sangue, colhidas em frascos contendo EDTA, foi realizada a contagem do número total de leucócitos em câmara de Neubauer, utilizando-se o líquido de Thoma como diluidor e a contagem diferencial de leucócitos,efetuada em esfregaços sangüíneos, corados pelo Método de Rosenfeld. Observou-se a influência da gestação sobre o leucograma, pois o quadro leucocitário foi caracterizado por uma diminuição gradual do número de leucócitos com o avançar da gestação, atingindo seus menores valores no final da gestação e no puerpério. Essa diminuição ocorreu devido ao comportamento observado para o número absoluto de linfócitos, que também diminuiu com a evolução da gestação. Dessa forma, o quadro leucocitário tornou-se, predominantemente, neutrofílico na fase final da gestação e no puerpério.

Influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma de caprinos (Capra hircus) da raça Saanen, criados no Estado de São Paulo

Viana,Rinaldo Batista; Birgel Junior,Eduardo Harry; Ayres,Maria Consuelo Caribé; Benesi,Fernando José; Mirandola,Regina Mieko Sakata; Birgel,Eduardo Harry
Fonte: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.33%
Para avaliar a influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma de caprinos (Capra hircus) foram coletadas 150 amostras de sangue de cabras sadias da raça Saanen, criadas no Estado de São Paulo, distribuídas em cinco grupos com 30 animais cada: G1 - cabras não prenhes; G2 - fase inicial da gestação (30 -| 60 dias de prenhez); G3 - fase média da gestação (60 -| 120 dias de prenhez); G4 - fase final da gestação (> 120 dias de prenhez); e G5 - recém-paridas(cabras com até 30 dias pós-parto). Nas amostras de sangue coletadas em frascos contendo EDTA, foram realizadas as seguintes análises: contagem do número de hemácias, determinação do volume globular, dosagem de hemoglobina, e cálculo dos índices hematimétricos (Volume Corpuscular Médio - VCM, Hemoglobina Corpuscular Médio - HCM, Concentração de Hemoglobina Corpuscular - CHCM). Constatou-se a influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma, pois na fase final da gestação, houve diminuição do número de hemácias, valores estes que retornaram no puerpério aos patamares observados nas cabras não prenhes, fases inicial e média da gestação. A avaliação do volume globular e da taxa de hemoglobina não revelou variações significativas que pudessem ser atribuídas à gestação ou ao puerpério. Na análise dos índices hematimétricos...

O cuidado de enfermagem no puerpério cirúrgico

Lima, Daniele Moreira de
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
37.5%
Resumo: O puerpério é um período de transição, de adaptações, transformações físicas, biológicas e emocionais. Em virtude disso, a puérpera necessita de cuidados que contemplem essas dimensões. O puerpério cirúrgico, aquele decorrido após a cesariana, por se tratar de uma cirurgia, pode expor a mulher a maiores chances de alguns riscos, como hemorragia, infecção, dificuldades no aleitamento materno e na construção do vínculo entre mãe e bebê, além de aumentar o tempo de recuperação no pós-parto. Dessa forma, a enfermagem precisa lançar mão de instrumentos, como os modelos de cuidado, que possibilitem cuidar de mulheres no puerpério cirúrgico, capaz de visualizá-las e considerá-las em todas as suas dimensões, garantindo-lhes um cuidado integral e humanizado. Neste sentido, desenvolveu-se esta pesquisa, que teve como objetivo descrever o cuidado de enfermagem prestado à puérperas submetidas à cesárea, a partir do Modelo de Cuidado de Carraro. Esta foi uma pesquisa descritiva de abordagem qualitativa, que utilizou como referencial teórico e metodológico o Modelo de Cuidado de Carraro (MCC, 1994). Foi realizada em uma maternidade, localizada no interior do estado do Paraná, e fizeram parte do estudo nove mulheres que se encontravam no puerpério imediato após a cesariana. Com base no referencial teórico utilizado...

A NECESSIDADE DE VISITA DOMICILIÁRIA DE ENFERMAGEM NO PUERPÉRIO PRECOCE

Pereira, Mónica Isabel Farinha Lopes
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/07/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.5%
O nascimento de um filho é uma etapa importante do ciclo vital da mulher caracterizada por sucessivas transformações psicossociais, estados de desequilíbrio biofísico, consolidação da relação mãe/filho, pais/filho e de reorganização do relacionamento familiar e conjugal. Com internamentos cada vez mais curtos nas unidades hospitalares de puerpério, a mulher, por vezes, não consegue assimilar todo o leque de informação que lhe é transmitida em tão curto espaço de tempo, tanto no que se refere aos seus cuidados como aos do seu filho recém-nascido. Na chegada ao domicílio, após a alta hospitalar a mulher experiencia uma situação nova que é o puerpério precoce e ser mãe de alguém que depende de si para viver. A pergunta orientadora do estudo foi: Qual a necessidade de cuidados de enfermagem no domicílio das puérperas no puerpério precoce? São objectivos desde estudo: Conhecer a necessidade de cuidados de enfermagem no domicílio das puérperas no puerpério precoce; Compreender a importância atribuída pela puérpera aos cuidados de enfermagem no domicílio. Adoptou-se uma metodologia qualitativa numa perspectiva fenomenográfica. Participaram quarenta e três puérperas que se disponibilizaram a relatar a sua experiência no domicílio no puerpério precoce...

Visita domiciliária no puerpério

Serranito, Maria Ângela Baleizão
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
A Visita Domiciliária é encarada como uma estratégia de intervenção às famílias no seu ambiente de conforto. O puerpério é uma fase da vida da mulher onde ocorrem inúmeras alterações no seu contexto social, relacional, emocional e físico. A Visita Domiciliária no Puerpério pode assim ser vista como de extrema importância, pois é no regresso a casa que as responsabilidades e competências têm que ser desempenhadas pelas figuras parentais. Contextualizado no Serviço de Obstetrícia/Ginecologia do Hospital do Espírito Santo de Évora-Entidade Pública Empresarial, apresenta-se o Relatório de um Projeto desenhado na perspetiva da oferta da visita domiciliária no puerpério. Surge, face à realidade de curtos internamentos hospitalares pós-parto e por ocorrer uma procura da instituição em dias posteriores à alta. Em termos metodológicos, considerando-se como grupos-alvo as enfermeiras e as puérperas, definiram-se objetivos e cumpriram-se as consequentes atividades dirigidas aos prestadores e beneficiárias dos cuidados. Junto das enfermeiras, partindo da atividade de sensibilização para o assunto, seguiu-se a conceção de documentos, tais como uma Norma de Atuação, uma Check List e um documento para comunicação Inter-Institucional entre os Cuidados de Saúde Diferenciados e os Cuidados de Saúde Primários. Junto das beneficiárias...

Composición corporal materna en el puerperio inmediato y su relación con el índice de proporcionalidad del neonato en una maternidad pública de Valencia, estado Carabobo, 2007

Marino Y., Angela F.
Fonte: Universidade de Carabobo Publicador: Universidade de Carabobo
Tipo: Dissertação de Mestrado
ES_ES
Relevância na Pesquisa
37.47%
TUTOR:MSc. María C, Páez V.; Problema: Son escasas las investigaciones realizadas para valorar el estado nutricional en el período posterior a la gestación. Objetivo: Analizar la relación entre la composición corporal materna en el puerperio y la proporcionalidad del neonato, en una maternidad pública de Valencia, Estado Carabobo. Año 2007. Metodología: El estudio fue descriptivo, correlacional, transversal, de campo y exploratorio. Se evaluaron 168 binomios madre-hijo. Las variables estudiadas fueron índice de masa corporal (IMC) pregestacional, ganancia de peso gestacional, IMC y porcentaje de área grasa (Siri) en el puerperio inmediato, peso y talla del neonato para la edad gestacional e Índice Ponderal (IP). Se establecieron correlaciones entre las variables maternas y las del recién nacido. Resultados: 21,4% de las madres iniciaron su embarazo con déficit nutricional y 11,3% con exceso. 58,1% de las madres tuvieron una ganancia ponderal durante el embarazo por debajo de las recomendaciones y 30% presentó malnutrición en el puerperio, predominando el exceso (23,2%). 30,4% de las madres tenían reservas de grasa inadecuadas, predominando el exceso (18,5%). Según IP 22,6% de los neonatos presentó alteración, siendo los porcentajes similares para déficit o exceso. El IP se correlacionó significativamente con el IMC en el puerperio (r=0...

Influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma de caprinos (Capra hircus) da raça Saanen, criados no Estado de São Paulo; Influence of pregnancy and puerperium in the erythrogam of Saanen goats (Capra hircus), raised in the State of São Paulo - Brazil;

Viana, Rinaldo Batista; Birgel Junior, Eduardo Harry; Ayres, Maria Consuelo Caribé; Benesi, Fernando José; Mirandola, Regina Mieko Sakata; Birgel, Eduardo Harry
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2003 POR
Relevância na Pesquisa
37.33%
Para avaliar a influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma de caprinos (Capra hircus) foram coletadas 150 amostras de sangue de cabras sadias da raça Saanen, criadas no Estado de São Paulo, distribuídas em cinco grupos com 30 animais cada: G1 - cabras não prenhes; G2 - fase inicial da gestação (30 -| 60 dias de prenhez); G3 - fase média da gestação (60 -| 120 dias de prenhez); G4 - fase final da gestação (>; 120 dias de prenhez); e G5 - recém-paridas(cabras com até 30 dias pós-parto). Nas amostras de sangue coletadas em frascos contendo EDTA, foram realizadas as seguintes análises: contagem do número de hemácias, determinação do volume globular, dosagem de hemoglobina, e cálculo dos índices hematimétricos (Volume Corpuscular Médio - VCM, Hemoglobina Corpuscular Médio - HCM, Concentração de Hemoglobina Corpuscular - CHCM). Constatou-se a influência da gestação e do puerpério sobre o eritrograma, pois na fase final da gestação, houve diminuição do número de hemácias, valores estes que retornaram no puerpério aos patamares observados nas cabras não prenhes, fases inicial e média da gestação. A avaliação do volume globular e da taxa de hemoglobina não revelou variações significativas que pudessem ser atribuídas à gestação ou ao puerpério. Na análise dos índices hematimétricos...

Gravidez, parto e puerpério: crenças e práticas de parteiras em San Luis Potosi, México; Embarazo, parto y puerperio: creencias y prácticas de parteras en San Luis Potosí, México; Pregnancy, delivery and puerperium: beliefs and practices of midwives in San Luis Potosi, Mexico

Pelcastre, Blanca; Villegas, Norma; De León, Verónica; Díaz, Agustín; Ortega, Doris; Santillana, Manuel; de los Ángeles Mejía, Juana
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2005 SPA
Relevância na Pesquisa
37.43%
OBJETIVO: Documentar las creencias y las prácticas de las parteras tradicionales respecto al embarazo parto y puerperio. MÉTODOS: Aprovechando un curso de capacitación de 160 parteras tradicionales locales de las regiones Media y Huasteca del Estado de San Luis Potosí, México, dos de las enfermeras-instructoras entrevistaron a 25 de los capacitandos, apoyadas por un miembro de las comunidades náhuatl y tenek. La identidad de los participantes se mantiene anónima y se obtuvo permiso para publicar los resultados mediante consentimiento informado. RESULTADOS: Las prácticas de las parteras (os) tradicionales son comunes en los grupos sociales que carecen de servicios de salud. Sus funciones no están limitadas al parto e incluyen nutrición, cuidados prenatales, del puerperio y la lactancia, así como apoyo afectivo emocional de las madres parturientas y sus familiares. En este estudio se registraron varios mitos y terapias tradicionales. CONCLUSIÓN: Los recursos de la terapia tradicional y de la atención primaria de la salud de las parteras Náhuatl y Tenek son útiles y benéficos para los cuidados perinatales.; OBJECTIVE: To document the beliefs and practices of traditional midwifes in regard to pregnancy, delivery and puerperium. METHOD: Taking advantage of a training course for 160 local traditional midwives from the Media and Huasteca regions of San Luis Potosí State...

PREGNANT-POSTPARTUM LIVING DEEPLY THE CONSULTATION OF RETURNAND THE ORIENTATION RECEIVED ON THE POSTPARTUM; PUERPERA QUE VIVE PROFUNDAMENT LA CONSULTA DE RETORNO Y LAS ORIENTACIONES RECEBIDAS; PUÉRPERA VIVENCIANDO A CONSULTA DE RETORNO E AS ORIENTAÇÕES RECEBIDAS SOBRE O PUERPÉRIO

Centa, Maria de Lourdes; Oberhofer, Patrícia de Resende; Chammas, Jorge
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 16/05/2006 POR
Relevância na Pesquisa
37.39%
This study it has as objective to know as pregmant-postpartum lives deeply the return consultation and the orientation received on postpartum in a unit of health service. This study is of the kind exploratory description taken in a Unit of Health of the city of São José dos Pinhais-PR. They had participated of this study 12 postpartum with age between 18 and 41 years. The data had been gotten through half-structuralized interviews. All the Aspects of Resolution n° 196/96. Lines of Direction and Regulatives Norms of the Research Involving Human beings had been observed. The gotten results evidence those pregnant-postpartum: they look the return consultation delayed; they follow the orientation given for the family; they perceive that its cultural knowledge is disrespected; they point the cares with the points of the suture of the episiotomia and breast-feeding as focus of the received orientation and they do not feel its necessities taken care of. The central category “imperfections in the communication fragility the orientation. It is necessary that the professionals review its action in order to give a multidimensional care, contemplating in the assistencial, the bio-psychological aspects, cultural and intellectual planning to contribute of efficient mode for a healthful pregnant-postpartum and to diminish the index of postpartum mortality.; Este estudio tiene como objetivo conocer como las puérperas vivenciam la consulta de retorno y las orientações recibidos durante el puerpério en una unidad de salud. Es un estudio cualitativo...

Comportamiento patológico del puerperio

Sanabria Fromherz,Zulma Elizabeth; Fernández Arenas,Carmen
Fonte: Revista Cubana de Obstetricia y Ginecología Publicador: Revista Cubana de Obstetricia y Ginecología
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2011 ES
Relevância na Pesquisa
37.39%
INTRODUCCIÓN: La muerte materna es uno de los indicadores primordiales que miden el nivel socioeconómico y estado de salud poblacional y resulta muy compleja su evaluación. Durante el puerperio pueden ocurrir complicaciones que evolucionen hacia la muerte, originando consecuencias negativas a la familia, la población y sistema de salud. OBJETIVOS: Caracterizar el puerperio patológico durante un trienio en el hospital ginecobstétrico provincial. Determinar la incidencia y causas de las complicaciones en el puerperio señalando la frecuencia de las mismas. Identificar la vía del parto y edad de la puérpera complicada, teniendo en cuenta la estadía post parto y reingreso. MÉTODOS: Se realizó un estudio observacional descriptivo prospectivo de las puérperas que tuvieron alguna complicación durante el período de enero 2007 a diciembre 2009, en el Hospital Ginecobstétrico "Dr. Julio Rafael Alfonso Medina" de Matanzas, que tuvieron su parto o cesárea en el hospital. Se recolectaron los datos a través de un modelo confeccionado al efecto, previo consentimiento escrito de las pacientes, se describieron variables operacionalizadas. RESULTADOS: La incidencia de las complicaciones puerperales fue del 3,05 %, las principales complicaciones halladas fueron la mastitis aguda (19...