Página 1 dos resultados de 560 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Avaliação psicológica em processos seletivos: contribuições da abordagem sistêmica

Parpinelli, Renata Fabiana; Lunardelli, Maria Cristina Frollini
Fonte: PPG em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: PPG em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 463-471
POR
Relevância na Pesquisa
46.15%
A avaliação psicológica tem se caracterizado como uma das principais fases do processo de seleção de pessoal nas organizações. Entretanto, sua realização não se restringe apenas à aplicação de instrumentos e à avaliação dos resultados. Duas outras importantes etapas que dela fazem parte são o planejamento inicial e a devolutiva dos resultados, além de uma base teórica que norteie todo o processo. Dessa forma, este artigo visa lançar, sobre essas diferentes etapas da prática da avaliação psicológica em processos seletivos, um olhar teoricamente embasado na abordagem sistêmica, buscando levantar contribuições a sua aplicação.; The psychological evaluation has been one of the main phases in the selecting process of employees in the organizations. However, it does not depend only on the application of instruments and evaluation of their results. Two other important stages are part of it: the initial planning and the results feedback, besides the theory basis that guides all the process. So, this article tries to get a look at these psychological evaluation several stages according to the systemic theory, and brings contributions to its application.

A co-construção da hipótese sistémica em terapia familiar

Relvas, Paula
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //1996 POR
Relevância na Pesquisa
46.28%
No presente artigo, a autora debruça-se sobre um dos instrumentos conceptuais fundamentais na terapia familiar sistémica, a saber, a hipótese sistémica. Apresenta numa primeira parte a conceptualização original de hipótese sistémica formulada pela Escola de Milão, a forma como é concebida no modelo estrutural de Minuchin e como está implícita no modelo estratégico através da noção de reenquadramento. Refere-se, ainda, ao papel e função da hipótese na condução do processo terapêutico. Na segunda parte, partindo da renovação epistemológica construtivista da terapia familiar (terapia familiar de segunda ordem), redefine- -se a hipótese como co-construção desenvolvida a partir da relação terapeuta-cliente, perspectiva em que é claramente entendida como metodologia e motor de mudança. A concluir discute-se o modo como a reconceptualização da hipótese sistémica é operacionalizada no modelo terapêutico seguido no NUSIAF, quer na própria sessão, quer ao longo de todo o processo terapêutico.; ABSTRACT: This article is about an important issue in Family Therapy: the systemic hypothesis. In the first part, we describe the original conceptualisation made by the Milan School, as well as the place that structural and strategic approaches give to this therapeutic instrument. We also emphasised the functional value of the hypothesis in the therapeutic process. In the second part...

Revisitando questões sobre lei, transgressão e família em suas interações com a psicologia, a psicanálise, o direito e a interdisciplinaridade possível

Bucher-Maluschke,Júlia Sursis Nobre Ferro
Fonte: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília Publicador: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.34%
Neste ensaio são apresentados os principais desenvolvimentos ocorridos após a publicação do artigo "Leis, transgressões, famílias e instituições: elementos para uma reflexão sistêmica", de minha autoria, publicado em 1983, no que concerne às leis e as novas configurações familiares. São apresentados resultados da percepção de segmentos da população acerca do significado da lei à luz dos resultados da pesquisa realizada há 14 anos. Discorremos sobre as transformações das interações da Psicologia e da Psicanálise com o Direito, assim como as contribuições da Teoria Sistêmica. Ilustramos a mediação de conflitos, uma nova área multidisciplinar, como a mais recente contribuição prática integrando Psicologia, Direito e outras áreas do conhecimento.

As contribuições do papel do pai e do irmão do indivíduo com necessidades especiais na visão sistêmica da família

Nunes,Célia Cristina; Silva,Nancy Capretz Batista da; Aiello,Ana Lúcia Rossito
Fonte: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília Publicador: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
O presente artigo revê a literatura sobre as principais contribuições do pai e do irmão do indivíduo com necessidades especiais tendo como base a visão sistêmica da família. O objetivo é aprofundar o tema famílias de indivíduos deficientes, focalizando aqueles elementos que têm sido deixados em segundo plano nos estudos da área, pai e irmão, mostrando sua importância no desenvolvimento desses indivíduos. Assim, são discutidos aspectos da relação pai-indivíduo com necessidades especiais e irmão-indivíduo com necessidades especiais existentes na literatura, elucidando os desafios práticos e metodológicos de estudos investigando tais relações. Espera-se contribuir, nesta análise, para o aumento de interesse na referida área.

A perspectiva sistêmica para a Clínica da Família

Costa,Liana Fortunato
Fonte: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília Publicador: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
O presente texto tem por objetivo traçar uma breve trajetória teórica, conceitual, empírica e tecnológica do estudo da família na perspectiva sistêmica e apontar a consequente proposta de intervenções para a clínica da família. Apresentamos as diferentes Escolas de Terapia Familiar, desde aquelas fortemente influenciadas pela Cibernética até aquelas que assimilaram as contribuições do Construtivismo e do Construcionismo Social. A seguir, tecemos comentários sobre a pesquisa com família e os interesses dos pesquisadores da área em nosso país. Finalmente, apontamos nossa opinião sobre o direcionamento futuro da Terapia Familiar no Brasil.

O reencontro com a identidade de gênero: contribuições da visão sistêmica novo-paradigmática e do psicodrama infantil

Costa,Maria Ivone Marchi; Vanin,Maria Regina Corrêa Lopes
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2005 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
Este estudo objetiva relatar os pontos principais do processo psicoterapêutico de um menino de dois anos e oito meses que apresentava transtorno de identidade de gênero, ou seja, sentia-se pertencente ao gênero feminino e desempenhava papéis a ele inerentes. O processo de base sistêmica novo-paradigmática e psicodramático foi permeado pelas modalidades individual, grupal e familiar, e se apoiou em técnicas psicodramáticas, recursos lúdicos e desenhos. A terapia desenvolveu-se por 24 meses e três encontros de follow up, e apresentou os seguintes resultados: ressignificação por parte da família quanto à relação e vínculo com a criança, o que possibilitou novas organizações interacionais e a construção de novos significados em torno da dinâmica familiar, permitindo que o menino também ressignificasse a sua importância e o seu lugar nessa família. Assim, diferenciou-se emocionalmente de sua irmã, aceitou sua identidade masculina, com conseqüente desempenho de papéis sociais a ela vinculados, manifestando mais segurança e autoria de vida.

Avaliação psicológica em processos seletivos: contribuições da abordagem sistêmica

Parpinelli,Renata Fabiana; Lunardelli,Maria Cristina Frollini
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
A avaliação psicológica tem se caracterizado como uma das principais fases do processo de seleção de pessoal nas organizações. Entretanto, sua realização não se restringe apenas à aplicação de instrumentos e à avaliação dos resultados. Duas outras importantes etapas que dela fazem parte são o planejamento inicial e a devolutiva dos resultados, além de uma base teórica que norteie todo o processo. Dessa forma, este artigo visa lançar, sobre essas diferentes etapas da prática da avaliação psicológica em processos seletivos, um olhar teoricamente embasado na abordagem sistêmica, buscando levantar contribuições a sua aplicação.

(Des) Enlaces da psicologia escolar na rede pública de ensino

Giongo,Carmem; Oliveira-Menegotto,Lisiane Machado de
Fonte: Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo Publicador: Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.19%
A Psicologia Escolar preocupa-se com todos os elementos que influenciam o desenvolvimento do educando, considerando os aspectos cognitivos, motores, sociais, emocionais e escolares, entre outros. A partir disso, o psicólogo escolar tem sido convocado a aprofundar seus conhecimentos em termos teóricos e práticos, visando atender a essa demanda de atuação sistêmica e interdisciplinar. Deste modo, este estudo objetiva analisar as expectativas e opiniões de professores acerca da inserção e papel da Psicologia na escola, possibilitando entender quais são as demandas para o trabalho do psicólogo escolar e como elas podem ser atendidas. Participaram deste estudo 44 professores, de quatro escolas municipais situadas na região metropolitana de Porto Alegre/RS. Os resultados revelaram equívocos na concepção do papel do psicólogo escolar, sobretudo, sobre as possibilidades de intervenções da Psicologia no contexto escolar. Eles também possibilitaram uma discussão sobre as implicações desses equívocos, especialmente, na inserção da Psicologia na escola.

Psicologia positiva e resiliência: o foco no indivíduo e na família

Yunes,Maria Angela Mattar
Fonte: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá Publicador: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2003 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
O presente artigo apresenta a psicologia positiva como movimento de investigação de aspectos potencialmente saudáveis dos seres humanos, em oposição à psicologia tradicional e sua ênfase nos aspectos psicopatológicos. Dentre os fenômenos indicativos de vida saudável destaca-se a resiliência, por referir-se a processos que explicam a superação de adversidades, cujo discurso hegemônico foca o indivíduo. As pesquisas quantitativas colaboram para naturalizar a resiliência como capacidade humana, e os estudos em famílias trazem contribuições de pesquisas qualitativas realizadas na visão sistêmica, ecológica e de desenvolvimento. Consideradas as dificuldades metodológicas e as controvérsias ideológicas do conceito, sugere-se uma cautelosa investigação de sentido antes da aplicação do termo.

A compreensão sistêmica do bullying

Schultz,Naiane Carvalho Wendt; Duque,Denise Franco; Silva,Carolina Fermino da; Souza,Carolina Duarte de; Assini,Luciana Cristina; Carneiro,Maria da Glória de M.
Fonte: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá Publicador: Departamento de Psicologia - Universidade Estadual de Maringá
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
O bullying tem sido foco de pesquisas e intervenções de pesquisadores, educadores e profissionais da saúde do mundo todo, por ser um fenômeno relacional comumente observado em grupos, sobretudo em escolas, caracterizado pela presença de comportamentos agressivos, cruéis, intencionais e repetitivos adotados por uma ou mais pessoas contra outras, sem motivação evidente. Com vista ao enriquecimento das discussões acerca do conceito de bullying, fez-se uma descrição relacional sistêmica desse fenômeno. Para tanto, procedeu-se ao estabelecimento de uma correlação do bullying com os pressupostos de complexidade, instabilidade e intersubjetividade que embasam a compreensão desse fenômeno e com a Teoria Bioecológica do Desenvolvimento Humano. Os achados dessa compreensão sugerem que o fenômeno e as intervenções não podem reduzir-se apenas às características individuais dos sujeitos implicados, tampouco a uma interação entre autor e alvo que ignore a diversidade de pessoas e sistemas envolvidos e a teia complexa de relações compreendidas para de sua manutenção.

Gestalt-Terapia e Terapia Sistêmica: o corpo em psicoterapia

Gurgel,Marília Toscano de Araujo
Fonte: Universidade Federal Fluminense, Departamento de Psicologia Publicador: Universidade Federal Fluminense, Departamento de Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
Este trabalho demonstra a contribuição da abordagem corporal da Gestalt-Terapia para a Terapia Familiar Sistêmica. O método utilizado foi a gravação de uma oficina de corpo estruturada em saberes das duas abordagens. A oficina proporcionou, a cada participante, maior qualidade de atenção, presença, contato e criatividade, uma forma mais integrada de construir sua identidade. O entrecruzamento das duas abordagens trouxe às pessoas maior consciência de quem são e como são no "mundo", ajudando-as no processo de assunção da história que contam. A experiência mostrou aos terapeutas as possibilidades que o trabalho corporal oferece como método de apreensão da realidade co-construída.

Entendeu ou quer que eu desenhe?: transições familiares através da visão sistêmica

Pinheiro,Igor Reszka; Crepaldi,Maria Aparecida; Cruz,Roberto Moraes
Fonte: Universidade Federal Fluminense, Departamento de Psicologia Publicador: Universidade Federal Fluminense, Departamento de Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.21%
Este ensaio teórico tem como objetivo apresentar a teoria sistêmica como um meio de filtrar o caos em que ocorrem as transições familiares, através do recurso de imagens que sintetizam o emaranhado das suas interações. Examinou-se, para tal, os alicerces da teoria sistêmica, destrinchou-se as transformações básicas quando da interação entre células individuais e contextos coletivos e, por fim, explanou-se as transições familiares mais comuns. Entende-se que os prejuízos do possível reducionismo acarretado pelas representações gráficas são plenamente compensados pelo ganho em clareza e objetividade que as ilustrações oferecem para cada processo, facilitando a sua compreensão, manipulação e associação.

Produção de subjetividade na reflexão da prática docente através de grupo operativo sob a ótica sistêmica complexa

Jotz, Claudia Beatriz
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.46%
O tema da presente tese é a produção de subjetividade em grupo, posta em discussão a partir da ótica sistêmica complexa e da estratégia de grupo operativo. Defendemos que através do pensar coletivo propiciado pela reflexão em grupo sobre o seu fazer, o docente produz saúde. Para chegar a este entendimento trabalhamos com a produção de subjetividade a partir da noção de sujeito complexo de Morin, que entrelaça o físico, o biológico, o social, o espiritual e a intersubjetividade. O trabalho é apresentado na forma de seções, sendo que a primeira é um ensaio temático, seguido de duas seções empíricas. No ensaio temático, propomos o desenvolvimento da noção de sujeito e subjetividade, a partir da modernidade, procurando destacar os movimentos históricos e sociais que influenciaram as mudanças destes conceitos, bem como apresentamos uma revisão sistemática, na qual é assinalado o estado da questão na academia, e o utilizamos como contraponto de nossa proposta de entendimento, a partir do paradigma sistêmico complexo. O objetivo da primeira seção empírica é compreender, sob a ótica sistêmica complexa, como a reflexão em grupo da prática docente pode se constituir em uma estratégia para a produção de subjetividade. O estudo foi realizado por meio da intervenção no campo observado...

Red de relaciones significativas e intervención sistémica dirigida a jóvenes entrampados en ciclos adictivos

Flores Albán, Layeiré
Fonte: Facultad de Psicología Publicador: Facultad de Psicología
Tipo: masterThesis; Trabajo de Grado Maestría Formato: application/msword
SPA
Relevância na Pesquisa
46.26%
El siguiente documento da cuenta de una investigación realizada con la intencionalidad de ampliar la comprensión de los casos de jóvenes que recaen en ciclos adictivos, después de haber realizado procesos terapéuticos y la contribución de la terapia sistémica en el abordaje de estos casos. Se hace una revisión de algunos planteamientos teóricos e investigaciones sobre la dinámicas de las adicciones, lo que vivencia una persona que presenta esta problemática y la participación de su red de relaciones significativas. Es una investigación de tipo cualitativo, enmarcada dentro de los parámetros de la investigación-intervención y la metodología elegida es el estudio de casos. Se presenta el análisis de 3 casos a luz de la metodología propuesta y los resultados de la investigación.

Transformación, a través de la conversación terapéutica, de los sistemas de significación sobre la sexualidad, en parejas que acuden por problemas conyugales a los consultorios de psicología de la Pontificia Universidad Javeriana

Guillén Pineda, Sandra Patricia
Fonte: Facultad de Psicología Publicador: Facultad de Psicología
Tipo: masterThesis; Trabajo de Grado Maestría Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
46.08%
La presente investigación tiene como objetivo comprender las pautas de interacción en la comunicación de pareja en torno a la sexualidad, que construyen relaciones conflictivas o problemáticas con el fin de transformarlas a través de la intervención sistémica. Se realizó una investigación de tipo cualitativo, utilizando la modalidad de investigación intervención con estudio de casos. Se realizó el análisis a través de matrices desarrolladas a partir de transcripciones de sesiones.

Dilemas de los psicólogos/terapeutas sistémicos en formación y la contribución de una intervención sistémica de apoyo en la construcción de su identidad

Viloria Pinilla, Erika Marcela
Fonte: Pontifícia Universidade Javeriana Publicador: Pontifícia Universidade Javeriana
Tipo: masterThesis; Trabajo de Grado Maestría Formato: application/pdf
Relevância na Pesquisa
36.42%
En esta investigación - intervención se presenta una comprensión de los procesos que viven los psicólogos/terapeutas en formación sistémica, una estudiante de psicología y dos estudiantes de posgrado, con respecto a su identidad profesional, a partir del inicio de la práctica psicoterapéutica, y la contribución de los espacios conversacionales en la construcción de ésta, en miras aumentar sus posibilidades de acción en el quehacer terapéutico. A partir del estudio de caso desde la aproximación holística se hace una descripción de sus dilemas, los cuales estaban relacionados con la conceptualización del "buen" psicólogo/terapeuta, la desvalorización del estilo profesional, las concepciones de la teoría como una verdad y la evaluación de la competencia profesional centrada una visión limitada y negativa de sí mismos. Los espacios conversacionales partieron de los saberes, propósitos, sueños y compromisos de los participantes, los cuales se relacionaron con los postulados del enfoque sistémico. Es así como los participantes redefinen algunas concepciones de la práctica psicoterapéutica y crean una visión de sí mismos más posibilitadora, lo cual favoreció su posicionamiento frente a los procesos de atención psicoterapéutica...

Intervención sistémica dirigida al cambio interaccional a partir de la transformación de relatos de identidad de niños

Gallo Bohórquez, Linda Brigitte; Ospina Alvarado, María Camila
Fonte: Pontifícia Universidade Javeriana Publicador: Pontifícia Universidade Javeriana
Tipo: masterThesis; Trabajo de Grado Maestría Formato: application/pdf
Relevância na Pesquisa
36.42%
La presente investigación consistió en una intervención sistémica en un centro de protección de menores, que incluyó la participación de cuatro niños/as y jóvenes, sus familias y ocho profesionales. La investigación buscaba comprender los relatos dominantes sobre la identidad de niños/as y jóvenes en situación de vulnerabilidad que circulaban entre estos, los profesionales y las familias, y participar de la co-construcción de relatos alternativos de identidad y de la transformación a nivel interaccional entre dichos grupos. El presente estudio responde a un vacío teórico desde la clínica sistémica en el contexto de las instituciones de protección y al interés particular de las investigadoras. La investigación partió de las bases teóricas del enfoque sistémico de la psicología clínica. Como diseño metodológico se utilizó el estudio de caso múltiple de tipo cualitativo y la información se analizó a partir del análisis categorial de narrativas. Los resultados permitieron concluir que frente a la comprensión de los relatos de identidad, es relevante tener en cuenta las voces presentes en los múltiples contextos de interacción, las cuales en el caso de profesionales y familias se basaron principalmente en las carencias y en las de niños/as y jóvenes tanto en las carencias como en los recursos. A partir de la intervención sistémica...

Historias co-creadas en la intervención sistémica que promueven la reparación emocional en los niños y niñas víctimas del conflicto armado

Fontecha Pabón, Sandra Milena; Moreno Pedraza, Marlin Audrey
Fonte: Facultad de Psicología Publicador: Facultad de Psicología
Tipo: masterThesis; Trabajo de Grado Maestría Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
46.29%
Esta investigación tuvo como objetivo identificar y comprender los elementos a nivel individual, familiar y social que contribuyen al proceso de reparación emocional en los niños y las niñas víctimas del conflicto armado, a partir de la intervención sistémica. Durante el proceso de investigación-intervención sistémica, se utilizó el estudio de caso con tres unidades de análisis, donde se describieron los elementos que aportan a la reparación emocional desde cinco categorías. Se encontró que los aspectos que más aportan a la reparación son la co-creación de relatos emergentes, el juego en la interacción familiar y con pares, la escolaridad y el componente espiritual. Encaminar próximas investigaciones a determinar las pérdidas materiales e inmateriales desde la mirada de los niños y las niñas, explorar el sistema de creencias que existe en la crianza, indagar por los relatos dominantes y las creencias en torno a la relación de pareja en el contexto del conflicto armado.

Estrategias de enfrentamiento de los terapeutas de orientación sistémica para el trabajo con adolescentes ante las dificultades en psicoterapia: un análisis desde el relato de los terapeutas que trabajan en atención primaria de salud mental

Rojas Vargas, Juan Pablo
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
46.35%
Magíster en Psicología Clínica de Adultos; La presente investigación tuvo como objetivo realizar un análisis de las estrategias de los terapeutas de orientación sistémica que trabajan con adolescentes ante las dificultades en psicoterapia en el contexto de la atención primaria de salud. Para ello, basado en una epistemología comprensivo- hermenéutica y un enfoque teórico metodológico basado en la teoría fundamentada, se realizó un análisis interpretativo de contenido o análisis estructural a entrevistas realizadas a cinco terapeutas sistémicos que trabajan en atención primaria respecto de cuáles son las dificultades que tienen en el trabajo psicoterapéutico con adolescentes y cuáles son las estrategias que ellos despliegan frente a éstas dificultades. Los resultados de ésta investigación permitieron examinar la práctica terapéutica contemporánea en el contexto de la atención primaria de salud. Palabras Claves: dificultades en psicoterapia sistémica, estrategias terapéuticas, atención primaria en salud con adolescentes

(Des)Enlaces de la psicología escolar en la red pública de enseñanza; (Of) Unions of the school psychology in the public education; (Des) Liens de la psychologie scolaire dans le réseau publique d'enseignement; (Des) Enlaces da psicologia escolar na rede pública de ensino

Giongo, Carmem; Oliveira-Menegotto, Lisiane Machado de
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.42%
La Psicología Escolar se preocupa con todos los elementos que influencian el desarrollo del educando, considerando los aspectos cognitivos, motores, sociales, emocionales, escolares, entre otros. A partir de eso, el psicólogo escolar ha sido convocado a profundizar sus conocimientos en términos teóricos y prácticos, con el objetivo de atender a esta demanda de actuación sistémica e interdisciplinaria. De este modo, este estudio objetiva analizar las expectativas y opiniones de profesores sobre la inserción y el rol de la Psicología en la escuela, posibilitando entender cuáles son las demandas para el trabajo del psicólogo escolar y cómo se puede atender a estas demandas. Participaron de este estudio 44 maestros de cuatro escuelas municipales ubicadas en la región metropolitana de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. Los resultados revelaron equivocaciones en la concepción del rol del psicólogo escolar, sobre todo respecto a las posibilidades de intervenciones de la Psicología en el contexto escolar. Ellos también posibilitaron una discusión sobre las implicaciones de esas equivocaciones, especialmente en la inserción de la Psicología en la escuela.; A Psicologia Escolar preocupa-se com todos os elementos que influenciam o desenvolvimento do educando...