Página 1 dos resultados de 1038 itens digitais encontrados em 0.104 segundos

A construção das práticas de consultoria em psicologia organizacional e do trabalho

Grassi, Vanise
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
135.92%
Este estudo teve como objetivo descrever a trajetória de empresas pioneiras na prestação de serviços em psicologia organizacional e do trabalho no Rio Grande do Sul, investigando as relações entre as práticas de consultoria e as configurações políticas, históricas e socioeconômicas do contexto de trabalho das últimas décadas. A pesquisa foi desenvolvida dentro da abordagem qualitativa, fundamentada pelas orientações do estudo de caso. A primeira etapa da pesquisa consistiu na realização de um levantamento sobre os registros de pessoa jurídica do Conselho Regional de Psicologia do Rio Grande do Sul (CRPRS), investigando dados referentes às atividades desenvolvidas pelas empresas e ao tempo de atuação no mercado Foram escolhidas para estudo de caso duas empresas, pioneiras na prestação de serviços em psicologia organizacional e do trabalho, criadas na década de 1970 e que ainda se dedicam ao mesmo campo de atividades. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com os proprietários das duas empresas e com os demais funcionários que trabalham com atividades vinculadas à psicologia. Procedeu-se ainda o exame de documentos das empresas, como material publicitário impresso, manuais de treinamento e sites na internet. Constatou-se que a prestação de serviços em psicologia clínica é o ramo de atividades escolhido pela maioria dos proprietários das empresas em psicologia com registro no CRPRS. Entre as empresas pioneiras...

Experiências e vivências de psicólogas organizacionais e do trabalho em seleção de pessoal

Schossler, Ticiana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.8%
Na atual fase do capitalismo, o quadro de desemprego ensejou maior oferta de mão-de-obra, e os investimentos em tecnologia contribuíram para que essa mão-de-obra se tornasse cada vez mais descartável, com repercussões na atividade de selecionar pessoas para os postos de trabalho. Considerando a relação entre os processos de seleção de pessoal e de exclusão do mercado de trabalho, e a recorrência desta atividade no campo da psicologia organizacional e do trabalho, este estudo se propôs a identificar as experiências e vivências de psicólogas que realizam esta atividade no seu cotidiano de trabalho. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com dez psicólogas, submetidas à análise de conteúdo, buscando uma compreensão à luz do referencial teórico norteador da pesquisa. Os resultados apontam para uma diversidade de modalidades de seleção de pessoal, com experiências e vivências também diferenciadas. Vivências positivas foram associadas ao ideário humanista de ajuda ao próximo. Embora a responsabilização do candidato pela sua exclusão no mercado seja um fato, também foram relatadas vivências de sofrimento que tendem a diminuir com os anos de experiência na atividade. Constatou-se, também, que, não obstante haja introdução de novos métodos e técnicas de seleção de pessoal...

Psicologia organizacional e do trabalho no Brasil : desenvolvimento científico contemporâneo; Work and organizational psychology on Brazil: contemporary scientific development

Tonetto, Aline Maria; Amazarray, Mayte Raya; Koller, Silvia Helena; Gomes, William Barbosa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
135.88%
Trata-se de levantamento de artigos publicados em Psicologia Organizacional e do Trabalho (POT), de 2001 a 2005, nas revistas brasileiras: Estudos de Psicologia, Psicologia e Sociedade, Psicologia em Estudo, Psicologia: Reflexão e Crítica, Psicologia: Teoria e Pesquisa, Psicologia USP, e Psicologia: Organizações e Trabalho. A análise considerou número de artigos, temas, metodologia, referências, formação profissional e área de atuação dos autores. De 1105 textos publicados, 178 (16%) foram em POT. Os artigos foram classificados em nove categorias temáticas. Do total de artigos analisados, 30% eram teóricos e 70% empíricos. A maioria dos autores é de psicólogos e está vinculada às universidades. Dentre os principais resultados, destacam-se a diversidade temática e metodológica da produção científica em POT, bem como a preocupação em contemplar as mudanças sociais, econômicas, políticas e tecnológicas. A produção de conhecimento está voltada tanto para subsidiar intervenções como para impulsionar o desenvolvimento teórico da área.; This paper is a survey about Work and Organizational Psychology (WOP) of articles published from 2001 to 2005 in the following Brazilian journals: Estudos de Psicologia...

Psicologia organizacional e do trabalho: macro e nanodesafios atuais na pesquisa e na prática profissional.

Caetano, A.
Fonte: Sociedade Brasileira de Psicologia Organizacional e do Trabalho Publicador: Sociedade Brasileira de Psicologia Organizacional e do Trabalho
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
155.82%
No quadro da dinâmica social e organizacional cuja aceleração tem vindo a intensificar-se nas últimas décadas, apresento uma reflexão sobre alguns dos principais desafios que na minha perspetiva se colocam atualmente à psicologia organizacional e do trabalho assumindo que esta visa essencialmente contribuir para melhorar a qualidade de vida no trabalho e o desempenho dos indivíduos nas organizações. Os principais desafios que pretendo salientar requerem alterações relevantes na pesquisa no sentido de se incorporar a dimensão temporal nos estudos empíricos, seja ao nível macro ou ao nível dos pequenos eventos diários. Outros desafios dizem respeito à necessidade de se incrementar o número de estudos multinível, de aumentar a aplicabilidade do conhecimento e de se desacelerar na atividade de pesquisa tendo em vista produzir-se melhor teoria que possa contribuir para melhorar o bem-estar e o desempenho dos indivíduos no trabalho.

Psicologia organizacional e do trabalho no Brasil: desenvolvimento científico contemporâneo

Tonetto,Aline Maria; Amazarray,Mayte Raya; Koller,Sílvia Helena; Gomes,William Barbosa
Fonte: Associação Brasileira de Psicologia Social Publicador: Associação Brasileira de Psicologia Social
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
125.81%
Trata-se de levantamento de artigos publicados em Psicologia Organizacional e do Trabalho (POT), de 2001 a 2005, nas revistas brasileiras: Estudos de Psicologia, Psicologia e Sociedade, Psicologia em Estudo, Psicologia: Reflexão e Crítica, Psicologia: Teoria e Pesquisa, Psicologia USP, e Psicologia: Organizações e Trabalho. A análise considerou número de artigos, temas, metodologia, referências, formação profissional e área de atuação dos autores. De 1105 textos publicados, 178 (16%) foram em POT. Os artigos foram classificados em nove categorias temáticas. Do total de artigos analisados, 30% eram teóricos e 70% empíricos. A maioria dos autores é de psicólogos e está vinculada às universidades. Dentre os principais resultados, destacam-se a diversidade temática e metodológica da produção científica em POT, bem como a preocupação em contemplar as mudanças sociais, econômicas, políticas e tecnológicas. A produção de conhecimento está voltada tanto para subsidiar intervenções como para impulsionar o desenvolvimento teórico da área.

A imagem da psicologia organizacional e do trabalho entre estudantes de psicologia: o impacto de uma experiência acadêmica

Bastos,Antonio Virgílio Bittencourt; Morais,José Henrique Miranda de; Santos,Mariana Viana; Faria,Ivan
Fonte: Conselho Federal de Psicologia Publicador: Conselho Federal de Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2005 PT
Relevância na Pesquisa
135.84%
Embora a Psicologia organizacional e do trabalho seja a segunda área de escolha de exercício profissional, os cursos de Psicologia, na sua maioria, ainda não a contemplam em toda a sua complexidade e dinâmica de transformação. Com isso, fortalecem-se esquemas cognitivos que representam esse campo de atuação profissional de forma limitada. O objetivo deste estudo foi o de caracterizar a imagem da Psicologia organizacional entre os estudantes de Psicologia e avaliar o impacto de uma experiência acadêmica sobre a mesma. A amostra consistiu de 150 alunos da única disciplina obrigatória do currículo relacionada à área, que responderam a um questionário aberto na primeira e na última semana do curso, no qual se pedia que escrevessem, espontaneamente, os conceitos e idéias que a área lhes evocava. Os resultados revelam alterações significativas na imagem, no início e no final do curso. Além de uma visão ampliada, os conteúdos evocados se tornaram mais positivos ao final do curso. Esses resultados apontam mudanças nos esquemas cognitivos dos estudantes, congruentes com as características e a filosofia que estruturavam a disciplina.

Psicologia organizacional e do trabalho - retrato da produção científica na última década

Campos,Keli Cristina de Lara; Duarte,Camila; Cezar,Érica de Oliveira; Pereira,Geruza Oliveira de Aquino
Fonte: Conselho Federal de Psicologia Publicador: Conselho Federal de Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 PT
Relevância na Pesquisa
135.86%
As práticas de Psicologia organizacional e do trabalho (POT) ocupam um importante espaço no contexto da profissão e justificam a necessidade de esforços investigativos para o conhecimento de seu estado atual. Assim sendo, investigou-se a produção científica nessa área, publicada em periódicos nacionais de 1998 a março de 2009, disponível nas bases de dados Scielo, Pepsic e Lilacs. As palavras-chave utilizadas na pesquisa inicial foram: Psicologia organizacional, Psicologia do trabalho e Psicologia no trabalho, tendo sido selecionados 619 artigos. Após leitura dos resumos, foram identificados 116 artigos que correspondiam à proposta e que foram analisados quanto ao periódico publicado, ao ano de publicação, ao número de autores, à temática e aos tipos de delineamento, estudo, análise e pesquisa. Entre os resultados obtidos, pode-se observar um aumento significativo no número de publicações anuais, sendo que a temática com o maior número de publicações foi trabalho e saúde. É possível afirmar também que a análise delineia o desenvolvimento de uma área e suas especificidades de estudos, ajudando a evidenciar a expansão e a qualidade da produção científica bem como novos campos para investigação.

Avaliação da formação específica do psicólogo organizacional e do trabalho a partir daquilo que está proposto nos planos de ensino de disciplinas relacionadas ao seu campo de atuação profissional

Franken, Junior Vicente
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 1 v.| grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
135.89%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Florianópolis, 2009.; Quais aprendizagens professores de disciplinas relacionadas à Psicologia Organizacional e do Trabalho estão propondo para compor a formação dos futuros profissionais para atuarem nesse campo de atuação? O que pode revelar as expressões que constituem os objetivos de ensino? A definição clara e precisa de objetivos de ensino é importante e influencia na probabilidade de o ensino ser eficaz. Avaliar a formação do psicólogo organizacional e do trabalho a partir dos objetivos propostos nos planos de ensino de disciplinas específicas desse campo de atuação explicita o tipo de profissional que a sociedade terá nos próximos anos, decorrente da formação que este teve nas universidades. Essa avaliação possibilita identificar se aquilo que está sendo proposto como aprendizagem nos objetivos de ensino faz referência a comportamentos significativos para compor o seu repertório profissional. Para isso, foram examinados planos de ensino de disciplinas relacionadas à formação do psicólogo organizacional e do trabalho em 3 universidades do Estado de Santa Catarina...

Território e (in)justiça ambiental: uma agenda científica para a psicologia organizacional e do trabalho; Territory and environmental (in)justice: a scientific agenda for organizational and work psychology

Leão, Luís Henrique da Costa
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
135.86%
Este artigo aborda a relação entre a psicologia organizacional e do trabalho (POT) com as categorias território e justiça ambiental, a fim de discutir elementos para conformar uma agenda de produção de conhecimentos frente às demandas socioambientais do atual modelo produtivo. O objetivo do artigo foi analisar os conceitos de justiça ambiental e território, bem como a produção de conhecimentos em POT, identificando desafios para a investigação e a ação de pesquisadores e profissionais desse campo. Foi realizada uma análise do conceito de território – conforme Milton Santos – e da construção histórica do conceito de justiça ambiental, bem como uma análise dos anais dos Congressos Brasileiros de Psicologia Organizacional e do Trabalho. Os resultados demonstram que a POT não incorporou categorias como território e justiça ambiental e que suas ênfases incidem sobre as esferas intraorganizacionais. Por fim, são discutidas as possibilidades de uma agenda de pesquisa que repense o papel das organizações e dos trabalhadores para fora dos muros institucionais, entendendo-os a partir de uma visão crítica, em um ambiente e em um território ampliado, que superem uma concepção de responsabilidade socioambiental-corporativa.; This paper discusses the relation between organizational and work psychology and territory and environmental justice...

Psicologia e Gestão de Pessoas em Organizações de Trabalho: investigando a perspectiva estratégica de atuação

Schmidt, Beatriz; Universidade Federal de Santa Catarina; Krawulski, Edite; Universidade Federal de Santa Catarina; Marcondes, Renatto Cesar; Universidade Federal de Santa Catarina
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Revisão de Literatura Formato: application/pdf
Publicado em 04/10/2013 POR
Relevância na Pesquisa
115.88%
http://dx.doi.org/10.5007/2178-4582.2013v47n2p344Este trabalho tem o objetivo de discutir as práticas do psicólogo organizacional, buscando explorar se e em que medida a produção científica nacional aborda a atuação desse profissional sob uma perspectiva estratégica, aproximando a psicologia e as práticas de gestão de pessoas em organizações de trabalho. Para tanto, realizou-se levantamento de publicações em bases de dados, utilizando descritores preestabelecidos. Os dados foram analisados quantitativa e qualitativamente, buscando articular resultados obtidos nos estudos avaliados com publicações clássicas sobre trajetória de desenvolvimento e características atuais da Psicologia Organizacional e do Trabalho. Identificou-se escassez de produções sobre atuação estratégica em gestão de pessoas, bem como interesse recente sobre a temática. Discute-se que ao deixar de utilizar unicamente procedimentos operacionais, o profissional passa a agente de transformações organizacionais. Não obstante, abordam-se fatores que contribuem para que a atuação estratégica ainda represente um grande desafio ao psicólogo organizacional e do trabalho.

Organizational climate and work stress; O clima organizacional e stress numa empresa de comércio varejista

Coelho, Cristina Lúcia Maia; UFF - Niterói - RJ
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2004 POR
Relevância na Pesquisa
115.84%
This paper analyses how organizational climate is concerned with stress levels among workers of a familiar commercial institution. Workers’ perceptions about values like empowerment, leadership, recognition, equity and justice etc., are discussed here. As the corporation tried to create a new “modern” representation fot itself, following the new patterns of total quality culture, opening spaces for ethics, justice, excellence and social responsibility, deep changes took place. The results showed high levels in perception of positive organizational climate values, but also in stress levels. The impact of social and cultural factors in results was considered, leading to some reflections on the meaning of work in different cultural environments.; O objetivo do presente estudo é analisar como o clima organizacional, nas suas diferentes dimensões baseadas nos novos padrões culturais, pode se relacionar com o nível de stress desenvolvido entre trabalhadores de uma empresa de comércio varejista. Para a compreensão do clima organizacional consideramos a percepção do trabalhador sobre valores como o grau de autonomia vivido, as práticas de liderança, o grau de reconhecimento pelo trabalho realizado, o sentimento de eqüidade e justiça...

Psicologia Organizacional e do trabalho na Espanha: desafios e contribuições.

Tupinambá, Antonio Caubi Ribeiro; UFC - Fortaleza - CE
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2004 POR
Relevância na Pesquisa
125.74%

Construction and Validation of an Organizational Climate Scale; Construção e Validação de uma Escala de Medida de Clima Organizacional

Martins, Maria do Carmo Fernandes; UFU - Uberlândia - MG; de Oliveira, Beatriz; UFU - Uberlândia - MG; da Silva, Carliene Freitas; UFU - Uberlândia - MG; Pereira, Keila Cristina; UFU - Uberlândia - MG; de Souza, Marília Rabelo; UFU - Uberlândia - MG
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2004 POR
Relevância na Pesquisa
115.82%
The objective of this study was constructing an instrument of measurement and to identify the components of organizational climate. A set of 127 items was constructed in order to cover all aspects of construct that was identified at the literature and in accordance psychometric standards. A total of 1244 workers of public companies and private had answered to the questionnaire. The data was submitted to component analysis with Varimax rotation. The results revealed five factors or components composed by 63 items with loads bigger or equal 0,40. The eigenvalues were bigger or equal 1,5 and reliability among 0,78 and 0,92. The five components explicated 34,8% of the total variance. The components called “support of leader and organization”, “reward”, “physical comfort”, “control/pressure of work” and “cohesion among peers”. The results partly confirmed structure pointed on previous studies. The implications of conclusions were discussed by confrontation of the findings of the literature of the area.; O objetivo deste estudo foi construir um instrumento de medida para identificar as dimensões componentes do clima organizacional. Foram construídos 127 itens que cobriram aspectos do construto identificados na literatura...

O exercício do papel profissional na Psicologia Organizacional e do Trabalho.; The development of professional role in Organizational and Work Psychology.

Borges, Livia de Oliveira; UFRN - Natal - RN; de Oliveira, Andréa Carla Ferreira; CEFET - Natal - RN; de Moraes, La Thude Wolvua Almeida; CEFET - Natal - RN
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2005 POR
Relevância na Pesquisa
165.87%
O artigo tem o objetivo de descrever a pesquisa realizada para identificar as funções exercidas pelo psicólogo organizacional e do trabalho e os enfoques aplicados (individualista, sistêmico ou político) no campo profissional. Parte-se de uma revisão sociohistórica do papel de tais profissionais. A pesquisa desenvolve-se a partir da análise de conteúdo de uma amostra de relatórios de estágios do Curso de Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, referentes ao período de 1981 a 1999 e, em seguida, da análise de oito entrevistas com profissionais de diferentes setores econômicos. A análise de conteúdo dos relatórios revela a predominância do enfoque sistêmico nos estágios e um aumento de freqüência da adoção do enfoque individualista no início da década de 1990, com uma nova queda no final da mesma década, quando começa a ocorrer estágio com transição para um enfoque político. As entrevistas revelam, por sua vez, que a transição para um enfoque político é mais forte entre os profissionais. Os resultados da pesquisa permitem também perceber que, na década de 1980, eram mais comuns estágios em empresas de economia mista e que, atualmente, são mais raros os empregos desses profissionais em indústrias.; The article has the objective to describe a research that was carried out to identify the functions of work and organizational psychology and the applied approaches (individualist...

Supervisor's power bases, intra-groups conflicts, and organizational and team commitment.; Bases de poder do supervisor, conflitos intragrupais e comprometimento organizacional e com a equipe

Guimarães, Vanessa da Fonseca; UnB; Martins, Maria do Carmo Fernandes; Universidade de Uberlândia
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
125.83%
The employee interaction among his the environment and colleagues produces effects on the level of organization commitment and team commitment expressed by him. Its study intended to test a capacity of prediction of intragroups conflicts and supervisor power bases on organizational commitment and team affective commitment. In order to investigate these relations, reliable scales were applied in 148 employees in organizations from Uberlândia and region. Results of regressions analysis indicated that the reward power base and the relationship conflict explained 30% of the variance of affective team commitment, and the expert power base and the relationship conflict explained 24% of the employee's affective organization commitment. Results were discussed and compared with another studies. Further researches were proposed.; A interação do trabalhador com seu meio e com seus colegas de trabalho produz reflexos no seu comprometimento com a organização e com sua equipe de trabalho. Para investigar tais relações, este estudo teve como objetivo testar a capacidade de predição das bases de poder do supervisor e dos tipos de conflitos intragrupais percebidos na equipe de trabalho sobre o comprometimento organizacional e o comprometimento afetivo com a equipe de trabalho. Para medir as variáveis...

Consulting practices building in organizational and work psychology; A construção das práticas de consultoria em psicologia organizacional e do trabalho

Grassi, Vanise; UFCSPA - Porto Alegre - RS; Jacques, Maria da Graça Corrêa; Schossler, Ticiana
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2007 POR
Relevância na Pesquisa
175.9%
This study aimed at describing the path of pioneering enterprises in the offering of organizational and work psychology services in Rio Grande do Sul, investigating the relationship between the consulting practices and the political, historical and social-economical configurations of the working environment in the last decades. The research was developed in the qualitative approach based on a case study. Two pioneering companies in organizational and work psychology were chosen for the study. The findings collected by means of semi-structured interviews and documents of enterprises exam. It was verified that the recruitment and selection practices prevailed among the services available in the decade of 1970, thoroughly favored by the political and social economical context of the “Brazilian miracle” period. Lately, the last transformations in the productive context promoted the development of the consulting practices, that assume, for the participants of the study, quite diversified conceptions. The adaptation to the market, through the diversification of activities and the reproduction of the compressing processes and out source services, is an important strategy for the survival of the organizations.; Este estudo teve como objetivo descrever a trajetória de empresas pioneiras na prestação de serviços em psicologia organizacional e do trabalho no Rio Grande do Sul...

A Psicologia Organizacional e do Trabalho no Brasil: uma Análise a partir das Redes Sociais de Pesquisadores da Pós-Graduação

Neiva, Elaine Rabelo; Universidade de Brasília; Corradi, Ariane Agnes
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2010 POR
Relevância na Pesquisa
125.89%
Este artigo descreve a configuração da Psicologia Organizacional e do Trabalho brasileira a partir da análise das redes sociais informais de seus pesquisadores. O estudo foi realizado com base no autorrelato dospesquisadores da pós-graduação em Psicologia no Brasil. Foram investigados alguns tipos de conteúdo intercambiado entre os pesquisadores e fatores que influenciam os relacionamentos entre eles. Os dados foram analisados por meio dos softwares UCINET, NetDraw e SPSS. A classificação dos atores como pertencentes à área de Psicologia Organizacional e do Trabalho foi feita por meio da análise de conteúdo deseus Currículos Lattes. Os resultados mostraram que a rede de Psicologia Organizacional e do Trabalho apresenta conectividade voltada para subgrupos e maior ênfase na construção de relacionamentos compesquisadores estrangeiros do que com pesquisadores de áreas afins. Há pouca relação entre as atividades de networking e a produtividade individual dos atores, quando se considera a ocupação de papéis centraispor bolsistas de produtividade. A conclusão aborda as dinâmicas de evolução da área e o papel de variáveis individuais e institucionais para a interpretação dos resultados.Palavras-chave: redes sociais...

The organizational socialization to civil servants on UFRN in conformity to occupational groups and to the work time; A socialização organizacional dos servidores da UFRN, segundo grupo ocupacional e tempo de serviço

de Oliveira, Samid Danielle Costa; Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Lino, Marília Alanna Bezerra; Universidade Federal do Rio Grande do Norte; Borges, Livia de Oliveira; Universidade Federal do Rio Grande do Norte; de Carvalho, Virgínia Doni
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
115.82%
This empirical research was developed to analyze civil servants’ perception on the university about the organizational socialization process in conformity to occupational groups (professors, and technical bureaucratic functionaries), and to global and institutional work time. The research was developed with a sample of 524 civil servitors, to whom the Organizational Socialization Inventory and a socio-demographic form were applied. The results indicate a tendency to well succeed organizational socialization; however there are groups with relevant difficulties. Among them, the access of information, and the perception of less competence and pro-activity by the older technical bureaucratic functionaries can be detached. The results claim institutional actions of support to servants.; A presente pesquisa empírica foi realizada com o objetivo de analisar a percepção dos servidores de uma universidade acerca do processo de socialização organizacional, segundo os grupos ocupacionais (docentes e funcionários técnico-administrativos) e o tempo de serviço global e na instituição. Foi desenvolvida com uma amostra de 524 servidores, aos quais foram aplicados o Inventário de Socialização Organizacional e uma ficha sociodemográfica. Os resultados indicaram a tendência a uma socialização organizacional bem sucedida...

The organizational climate and the employees satisfactions in an integrated medical center; O clima organizacional e a satisfação dos funcionários de um Centro Médico Integrado

Hernandez, José Augusto Evangelho; UFRGS - Porto Alegre - RS; Melo, Flávia Monteiro; ULBRA
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2003 POR
Relevância na Pesquisa
115.83%
This paper was based on a research that investigated the relation between the organizational climate and the employees satisfaction’s in an Integrated Medical Center. The sample was constituted of 41 employees and the employed instruments were the S20/23 satisfaction questionnaire of Meliá e Peiró (1989) and the organizational climate questionnaire of Kolb, Rubin and McIntyre (1978). The results were analyzed through the SPSS (Statistical Package for Social Science) and were submitted to the Pearson correlation coefficient. We found a significant positive correlation ( r = 0,714; p = 0,000 ) between the searched variables. Moreover, detailed analyses had identified important correlations between the diverse factors that compose the organizational climate and the labor satisfaction. The results were argued under the optics of several and current revised theories (behavioural, cognitive and humanistic) and they tend to follow the international literature results. In the conclusions we evidence that this research was a support tool to the management of the investigated organization because it made possible a communication channel between the direction and the company employees.; Este artigo foi elaborado a partir de uma pesquisa que investigou a relação entre clima organizacional e satisfação laboral dos funcionários de um Centro Médico Integrado. A amostra foi constituída por 41 sujeitos e os instrumentos utilizados foram o questionário de satisfação S20/23 de Meliá e Peiró (1989) e o questionário de clima organizacional de Kolb...

Aconselhamento profissional a desempregados: relato de uma experiência de formação acadêmica para o psicólogo organizacional e do trabalho; Professional counseling for the unemployed: report of an experience of academic training for psychological organization and work

de Almeida, Ánderson Bevilaqua; Gondim, Sônia Maria Guedes; UFBA - Salvador - BA; Pena, Anderson Córdova; UNIPAC - Barbacena - MG; Filgueiras, Júlio
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2001 POR
Relevância na Pesquisa
135.82%
O propósito desse artigo é o de apresentar e discutir um programa de estágio curricular em Psicologia do Trabalho desenvolvido no período de julho de 1999 a dezembro de 2000, do qual participaram 18 estudantes do curso de Psicologia de uma universidade pública federal. Trata-se de uma modalidade de aconselhamento profissional dirigida a desempregados, com os seguintes objetivos:dar apoio psicológico ao desempregado, oferecer informações para que ele avalie o mercado de trabalho e venha a desenvolver habilidades mais compatíveis com os perfis profissionais atuais e, por último, orientar o redimensionamento de sua trajetória profissional, para que ele assuma um papel mais proativo no seu projeto de carreira. O aconselhamento profissional foi dividido em quatro módulos, sendo desenvolvido em grupos de qautro a seis participantes, com duração média de dois meses. A experiência foi avaliada, principalmente, na perspectiva de três estudantes de Psicologia que participaram do projeto; atuais psicólogos e co-autores deste artigo. Algumas vantagens do projeto foram discutidas, notadamente no que tange à melhoria na condição de empregabilidade pessoal, visualizada a partir do aconselhamento de alguns egressos do programa de aconselhamento profissional.; The purpose of this study is to present and discuss a trainnee program in work psychology developed from July 1999 to December 2000. Eighteen students from the psychology course of federal universities of Brazil participated in this study. The students trainnig consisted on offering professional counselling to the unemployed. The objective of the program was to offer psychological support to the unemployed...