Página 1 dos resultados de 67 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

"Verba significant, res significantur": a receção dos Emblemata de Alciato na produção literária do Barroco em Portugal

Araújo, Filipa
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
26.35%
Na senda do sucesso editorial do Emblematum liber (1531), composto pelo jurista milanês Andrea Alciato (1492-1550), a emblemática afirmou-se como tipologia literária, como forma de pensamento e como expressão artística, uma vez que a obra conheceu centenas de edições em diversos países europeus e originou um impressionante fenómeno de receção dinâmica por toda a Europa Moderna. Pretende-se, pois, com este estudo, avaliar os contornos da receção desse autor na literatura portuguesa do Barroco, aplicando os pressupostos metodológicos definidos pelos estudos comparatistas, de modo a enquadrar esse fenómeno na moldura mais abrangente do diálogo intertextual com modelos estrangeiros, sobretudo italianos. Num primeiro nível de abordagem, realiza-se um levantamento de dados relativos à circulação da obra de Alciato em território lusitano, salientando a existência de traduções manuscritas datadas dos séculos XVI e XVII, bem como a publicação parcelar dos emblemas alciatenses na Silva poetica de 1660. Destaca-se ainda o berço conimbricense dos primeiros comentários latinos à antologia de 1531, pois constituem prova do seu conhecimento no meio académico da Lusa Atenas. Procura-se, depois, demonstrar a receção dos Emblemata do jurista milanês em diferentes áreas da produção literária portuguesa...

Locus e ecos da ética libertária:- a novela ideal e a propaganda anarquista espanhola; Locus and the libertarian ethics: the 'novela ideal' and the Spanish ideological anarchist propaganda

Martin, Ivan Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.53%
Durante a Guerra Civil Espanhola (1936-1939), operou-se um intenso debate ideológico entre as forças políticas que se confrontavam nos campos de batalha. Canções e cartazes de guerra foram eficientes instrumentos de divulgação das idéias de anarquistas, comunistas e nacionalistas. Tal debate, porém, já se havia anunciado nas duas primeiras décadas do século XX, quando esses grupos políticos veicularam suas ideologias através de textos ficcionais dirigidos às massas. Naquele contexto, o pensamento defendido pelos anarquistas circulou em mais de seiscentas novelas da série Novela Ideal, que visavam sobretudo à conscientização de seus leitores. O núcleo deste trabalho é a análise da ética libertária dessa produção ficcional que se constituiu como outro pólo de interlocução coerente com as demais formas de expressão usadas pelos anarquistas. Apesar da repressão a essa utopia, ela continua mobilizando, em outros lugares e tempos históricos, representações artísticas que atestam a permanência dos ideais ácratas como se observa, por exemplo, no texto O curto verão da anarquia e no filme Terra e Liberdade.; During the Spanish Civil War (1936-1939) an intense ideological debate was staged among the political forces that confronted each another on the battlefields. War songs and posters served as efficient tools for the disclosure of the ideas of anarchists...

Propaganda ideológica em mídia impressa: uma busca pela verdade acerca da possível influência do mangá japonês sobre a juventude brasileira; Propaganda in Pr int Media: a search for the truth about the possible influence of japanese manga on Brazilian youth

Cavalheiro, Renato de Faria
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.83%
As revistas de históriias em quadrinhos mangá oriundas do Japão, publicadas e popularizadas no Brasil , são um meio de comunicação de massa que expressam um sistema de valores e um modo de vida que são considerados como típicos e ideais dentro do arcabouço sócio-cul tural japonês, e tem atraído um número cada vez maior de leitores e admiradores, unindo em torno de si indivíduos com as mais diversas origens culturais que o Brasil oferece. Como todo meio de comunicação de massa, as revistas mangá também são ferramentas de propaganda ideológica capazes de influenciar seus leitores em âmbitos que vão desde os processos de formação de suas identidades, passam pela configuração de seus sistemas de valores, afetam seus entendimentos acerca da realidade, chegando até a influenciar o estabelecimento dos modos de vida que esses indivíduos apresentam e ambicionam. Tendo isso em mente, este estudo se dedicou a responder , primeiramente, se a leitura dessas revistas efetivamente exerce influência sobre seus leitores, verificando em seguida o resultado dessa influência. Para tal, realizou-se um levantamento empírico quantitativo que utilizou elementos das teorias da Espiral Dinâmica e da Emergência Cíclica para comparar leitores e não-leitores dessas revistas em relação aos estágios de consciência e aos sistemas de valores e modos de vida ideal que esses grupos apresentam. Os resultados demonstram que realmente esses grupos diferem e que embora essas diferenças se apresentem de um modo divergente em relação ao que se esperava...

A Aliança para o Progresso no Brasil : de propaganda anticomunista a instrumento de intervenção política (1961-1964)

Silva, Vicente Gil da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.63%
O objetivo central desta dissertação é definir o que o projeto da Aliança para o Progresso representou para o governo norte-americano, por que razões ele foi proposto e que papel que os Estados Unidos esperavam que o programa viesse a desempenhar ao ser implementado no Brasil, entre os anos de 1961 e 1964. Pretende-se estudar a Aliança para o Progresso levando-se em consideração a política externa norte-americana como um todo. A partir disso, é possível concluir que a Aliança para o Progresso desempenhou uma clara função ideológica enquanto um instrumento de luta contra o comunismo na América Latina. Para cumprir este objetivo, o presente estudo está dividido em quatro capítulos. No primeiro deles, serão consideradas as ações de propaganda de combate ao comunismo em geral. No segundo capítulo, a implementação de ações de propaganda ligadas especificamente à Aliança para o Progresso. Logo após, será analisado o processo de aparelhamento e de apoio à expansão das forças policiais brasileiras e sua relação com a Aliança para o Progresso. No último capítulo, serão examinadas as abordagens do governo norte-americano em relação ao Brasil a partir da Aliança para o Progresso.; The goal of this dissertation is to define what the Alliance for Progress project represented to the North American government...

Imprensa Integralista (1932-1937) : propaganda ideológica e imprensa partidária de um movimento fascista no Brasil dos anos 30

Leal, Carine de Souza
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.98%
O trabalho trata da estrutura de imprensa criada pela Ação Integralista Brasileira (AIB) no Brasil, nos anos 30. Essa estrutura incluía revistas e mais de uma centena de jornais distribuídos por todo o país e visava à propaganda da doutrina integralista. Apresenta sumariamente o Integralismo e sua ideologia. Faz um levantamento sobre as noções de propaganda ideológica e de jornalismo político-partidário. Analisa e interpreta textos e documentos da época, nos quais os integralistas refletem sobre o papel da imprensa tanto para o partido para a sociedade. Por fim, analisa parte do conteúdo veiculado pelo principal jornal de âmbito nacional e por três jornais locais produzidos em Porto Alegre/RS, identificando os principais temas abordados e a evolução destes. Na conclusão, busca sintetizar a noção de propaganda ideológica e de jornalismo partidário, com as funções atribuídas para a imprensa pelos integralistas nos seus artigos e documentos e na prática das páginas de jornal.

O samba de Getúlio : a malandragem de Wilson Baptista e o projeto nacionalista do Estado Novo

Silva, Camila Alexandre da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.35%
Este trabalho analisa algumas músicas do compositor Wilson Baptista no contexto da Revolução de 1930 até o fim do Estado Novo. Nesse período existiu uma intensa propaganda ideológica do Estado tomada por assuntos relacionados à identidade nacional e afirmações de características brasileiras de cunho nacionalista. O governo de Getúlio Vargas realizou uma virada na história política, econômica e social do país, tendo como uma das inúmeras estratégias, a remodelação do gênero samba. Nesse contexto, Wilson Baptista produziu tanto composições que exaltavam a malandragem como estilo de vida, bem como músicas que valorizavam o trabalhador urbano , portanto estavam alinhadas com a ideologia do Estado. Para compreendermos essa relação entre Estado e sambista, foram utilizados conceitos que elucidam questões relativas à formação de identidades nacionais e ao próprio conceito de Nação.; This paper examines some of the music composer Wilson Baptista in the context of the Revolution of 1930 until the end of the Estado Novo . During this period there was an intense ideological state propaganda outlet for matters related to national identity and statements of Brazilian nationalist character features . The government of Getulio Vargas made a turn in political...

O cartaz como arma de propaganda : a literacia visual histórica de alunos de 9º ano de escolaridade

Cunha, Angelina Maria Lopes da
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 21/12/2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.53%
Dissertação de mestrado em Educação (área de especialização em Supervisão Pedagógica em Ensino da História e Ciências Sociais); O presente estudo que se insere no domínio da Educação Histórica, é de natureza qualitativa e descritiva, e pretende analisar o tipo de leitura e interpretação de cartazes de propaganda política feita por alunos na sala de aula. Pretendemos encontrar respostas à seguinte pergunta de investigação: - Que estratégias cognitivas os alunos mobilizam para o reconhecimento do cartaz como instrumento de propaganda ideológica? Esta investigação foi realizada no contexto escolar de uma turma de 9º ano composta por 19 alunos de uma escola de meio rural do Norte de Portugal, com um rendimento escolar médio/baixo em História. Os alunos já tinham estudado os regimes existentes na União Soviética, na Alemanha, Itália e Espanha. A selecção dos cartazes foi realizada tendo em conta dois critérios. Em primeiro lugar, escolhemos cartazes que adoptassem estéticas gráficas diferentes que desafiassem os alunos. Em segundo lugar, procurámos cartazes que correspondessem a alguns dos princípios ideológicos que suportaram a ideologia nazi: nacionalismo, racismo, totalitarismo e antisemitismo. O instrumento de recolha de dados foi um questionário que apresentava uma série de perguntas para cada cartaz de modo a orientar a desconstrução da imagem: planos...

Triunfos e contradições da vontade: para uma leitura de Lopes Ribeiro e Leitão de Barros no contexto do cinema de propaganda

Sá, Sérgio Miguel Lobo da Conceição Bordalo e, 1976-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.53%
Tese de doutoramento, Estudos Artísticos (Estudos do Cinema e Audiovisual), Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2013; O objectivo desta dissertação é tentar, através de uma análise fílmica pormenorizada, verificar em que grau é que a mise-en-scène em regimes totalitários pode ser um modo de expressão autoral ou apenas um meio de propaganda ideológica. Partindo de Leni Riefenstahl e Sergei M. Eisenstein (mas também atendendo à importância do cinema histórico mussoliniano), tentámos estabelecer uma hipótese de tipologia que pudesse aplicar-se aos dois cineastas mais representativos do caso português, onde o regime, por causa da sua matriz católica, amiúde negava a designação de “totalitário”, não tendo tido, pelo menos de uma forma óbvia, uma intervenção tão directa sobre a produção cinematográfica como os soviético e nacional-socialista. A escolha de António Lopes Ribeiro e José Leitão de Barros para ilustrar o caso português justifica-se pela maneira como eram vistos pelo Estado Novo de Salazar: Lopes Ribeiro foi considerado o cineasta oficial, depois de ter feito A Revolução de Maio (1937) que, como ele próprio referiu, se destinava a “servir a política de Salazar”; Leitão de Barros estabeleceu...

O Selo Postal como veículo de Cultura, Propaganda e Ideologia no período do Estado Novo

Silva, José António Soares da
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
26.53%
Dissertação de Mestrado em Ciências da Cultura; Na sequência da Revolução Nacional de 28 de Maio de 1926 e no estabelecimento da Ditadura necessária para instaurar uma Ordem Nova pautada por valores que necessitavam de muitos suportes de inculcação ideológica, com primazia para os visuais, dada a grande taxa de analfabetismo então existente, surge uma imagética do regime que propagandeia simultaneamente ideologia e cultura. De todas as modalidades que então veiculavam a simbólica representação pictórica de princípios tendentes a formar um homem novo, essencialmente com base na história pátria e na tradição, destaca-se a do selo postal. É pequeno, sintético, artístico, coleccionável e circulante, espalhando a sua mensagem por todos os cantos do mundo. Os selos são, pois, verdadeiros documentos onde se encontram, cristalizadas, não só mensagens, mas também tendências artísticas de uma época, pelo que constituíram um meio privilegiado de cultura, propaganda e ideologia no período do Estado Novo, chegando mesmo a repercutir as políticas praticadas nos mais variados sectores da governação da Nação.; After the National Revolution of 28th May 1926 and in the subsequent establishment of the necessary dictatorship to found a New Order ruled by values which needed many ways of ideological instillation...

Em torno da revista Junges Europa. A propaganda, a cultura e a ideologia ao serviço das relações luso-alemãs (1933-1945)

Ninhos, Claudia Sofia
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36.53%
Dissertação de Mestrado em História, àrea de especialização em História Contemporânea; O objectivo deste trabalho é contribuir para um melhor conhecimento da história das Relações luso-alemãs durante a II Guerra Mundial, utilizando como estudo de caso a revista de propaganda A Jovem Europa. Analisaremos a relações estabelecidas entre as elites culturais e políticas dos dois países, procurando compreender a forma como a propaganda instrumentalizou a cultura para promover uma aproximação ideológica dos dois regimes, destacando sempre o papel desempenhado pelas instituições culturais alemãs na divulgação da cultura alemã e, sobretudo, da ideologia nazi.

Às armas : o republicanismo na literatura portuguesa entre o 31 de Janeiro e o 5 de Outubro

Gomes, António Manuel Martins
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2007 POR
Relevância na Pesquisa
26.35%
Dissertação apresentada para a obtenção do grau de Doutor em Estudos Anglo-Portugueses; Os textos literários propostos para análise neste trabalho pertencem a um período de redacção e publicação compreendido entre 1891 e 1910; quanto ao grau da sua abordagem, tanto se regista a referência mais insignificante a personagens ou episódios relacionados com a presença do republicanismo em Portugal, como se disseca ao pormenor o seu conteúdo ideológico, colocado em confronto com os valores do regime vigente. Não existindo, à excepção do artigo já referido de Seabra Pereira, um tratamento exaustivo do tema desta dissertação, tornou-se necessário, como o demonstra a sua extensa bibliografia, recorrer a textos provenientes de outras áreas disciplinares, tais como a ciência política, a retórica, a filosofia, a sociologia, a comunicação social, e sobretudo a História. Indiquemos alguns contributos capitais para o desenvolvimento da nossa investigação: A Propaganda Republicana (1870-1910), obra onde Amadeu Carvalho Homem comenta a transição da geração doutrinária para a activa; O Cinco de Outubro, onde Jacinto Baptista dá relevo ao processo conducente à implantação da República Portuguesa, recorrendo ao exemplo de alguns textos históricos e literários produzidos nas duas décadas anteriores; Da “Regeneração” à República...

Slogans políticos em campanhas eleitorais no Rio Grande do Norte: a mídia na disputa ideológica.

Capistrano, Janaina Tomaz
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.65%
To the observe the periods of electoral campaigns, we can realize sharply the abundance of political propaganda that announces the candidates, their campaign record, their proposed and everything that can carry them to the victory in the urns. The propaganda is today an essential tool in the votes dispute, in consequence of this, there is, in Brazil, the increasing participation of the Politics Parties in seminars of electoral marketing. They are varied strategies of the media used in the divulging of the candidacies, among them the slogan. Instigated by the explicit relation media/political, this work intends to investigate the ideologies (values) announced by the slogans of political propaganda that circulated in electoral periods. Thus, we base on the theory of the Circle of Bakhtin, who considers the statement as unit of the verbal communication, and that conceives the language as phenomenon dialogical, and, too, in the conceptions of alien words, social voices and dialogical relations formulated by the referred theory. We use, for better to comprehend, the slogan as strategy mediatic, of the classical study done by Olivier Reboul concerning the slogan; and...

A gente se vê por aqui: sobre a televisão brasileira, a Rede Globo e a interpelação ideológica na sociedade do espetáculo; A gente se vê por aqui: on Brazilian television, on Rede Globo, and ideological interpellation in the society of the spectacle

Silva, Juliana Cristina da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.55%
O presente trabalho tem como objetivo, a partir do referencial teórico e metodológico da Análise do discurso e da Psicanálise, correlacionar o papel social da televisão ao funcionamento subjetivo. Para isso enfoca um dos discursos que é mais predominante na televisão: a publicidade de autopromoção. Quando a televisão brasileira surgiu ela promovia um imaginário nacional/nacionalista, evidenciado no presente texto através da análise discursiva do Hino da Televisão, executado na inauguração da TV Tupi em 1950. Análise que partiu de um paralelo entre a função ideológica do nacionalismo e a função do estádio do espelho e, consequentemente da dimensão imaginária do Eu para a constituição dos sujeitos. Atualmente, o imaginário globalizado/globalizante promovido pela televisão nacional está marcado pela trajetória do poder hegemônico da emissora que é a metáfora desse ideário: a Rede Globo. A partir de uma revisão bibliográfica fez-se o histórico do percurso que levou a Rede Globo a ser uma das principais beneficiárias do projeto de integração nacional promovido pela Ditadura Militar; bem como o desenvolvimento das pesquisas de opinião/audiência pela emissora, que impulsionaram a pesquisa de mercado e a publicidade nacionais. O trabalho propõe uma análise discursiva da publicidade de autopromoção da Rede Globo a partir dos seguintes slogans institucionais da emissora: Globo e você...

Ideologia e propaganda real no Egipto ptolomaico (305-30 a.c.)

Sales, José das Candeias
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2002 POR
Relevância na Pesquisa
26.86%
Tese de Doutoramento em em História na especialidade de História Antiga apresentada à Universidade Aberta; Sabendo de antemão que a ideia real era estruturante na realidade político-cultural da Macedónia e do Egipto e que a inserção dos Lágidas foi marcada por uma permanente tensão entre as interpretationes Graeca e Aegyptiaca, a problemática principal de estudo e análise nesta obra são as modalidades propagandísticas e ideológicas a que a realeza lágida recorreu para harmonizar essas tradições de forma satisfatória, isto é, segundo os seus desejos de dominação e governação. A propaganda real lágida, como estratégia de persuasão e técnica de transmissão dos ideais de realeza, reflecte, obviamente, a ideologia monárquica que a inspirou e foi organizada de forma intencional para condicionar os comportamentos dos súbditos e para conquistar a hegemonia institucional no Egipto ptolomaico. A propaganda e a ideologia real dos Lágidas ocupam, assim, o território que se situa entre a condição verdadeira e histórica da monarquia lágida em território egípcio e os modelos de comportamento que as culturas macedónica-helénica e a egípcia para ela traçaram. Isto equivale a dizer que a visão que transmitiram da sociedade e do seu funcionamento não é um reflexo fiel dos seus mecanismos históricos. Como sistema de representação tendente a satisfazer e preservar os interesses da realeza...

Ler em tempo livre durante o Estado Novo: A função do suplemento infantil Pim-Pam-Pum na formação da criança

Mendes, Lídia Maria Lopes Ferreira
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
26.35%
RESUMO: Esta dissertação tem como objectivo compreender a influência da ideologia do Estado Novo nos conteúdos inseridos no suplemento infantil Pim-Pam-Pum. Visa ainda relacionar, num determinado momento temporal o suplemento infantil de um dos jornais mais lidos da época O Século, com a ideologia do Estado Novo. Procura identificar os valores incutidos nos números a analisar no Pim-Pam-Pum num período de dois anos. O período histórico em análise do suplemento infantil Pim-Pam-Pum compreende os exemplares entre 1953 a 1955. Como principais conclusões do estudo retira-se que o suplemento infantil procurava educar o seu público de forma lúdica. Por outro lado, transmitia e incutia em colaboração com a família os principais valores salazaristas. A imprensa escrita passa a ser uma arma de propaganda ideológica do Estado Novo numa tentativa de conter informação desfavorável ao regime perante as pressões internas e externas. Com a institucionalização da censura após a segunda Guerra Mundial, a vigilância e o exame das publicações dos organismos competentes em colaboração com a própria auto-censura dos jornalistas, simplificou-se. No entanto a imprensa procurou cumprir com a sua missão de divulgação cultural e lúdica através de jornais diários...

Discursos de intervenção: o cinema de propaganda ideológica para o CPC e o ipês às vésperas do golpe de 1964; Discursos de intervenção: o cinema de propaganda ideológica para o CPC e o ipês às vésperas do golpe de 1964

Cardenuto Filho, Reinaldo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
56.95%
Esta dissertação tem o objetivo de investigar o cinema de propaganda política produzido por duas associações de caráter ideológico, entre os anos 1961 e 1964: o Instituto de Pesquisas e Estudos Sociais (Ipês), dirigido principalmente por ricos empresários liberais e anticomunistas; e o Centro Popular de Cultura (CPC da UNE), constituído por jovens artistas influenciados pelas idéias marxistas. Para tanto, busquei articular informações provenientes da análise intrínseca de seus filmes com as do contexto histórico em que foram feitos e exibidos e, em especial, as extraídas da documentação a que tive acesso, com o intuito, então, de compreender os modelos cinematográficos aos quais essas obras se alinharam. Ao estudar como ipesianos e cepecistas foram adversários em meio às instabilidades de um Brasil próximo ao Golpe de 1964, foi possível constatar como os dois grupos financiaram a atividade cinematográfica com a expectativa de intervir nos rumos socioeconômicos e culturais do país a partir de projetos conflitantes que, por um lado, pretendiam fortalecer o poder da elite com um capitalismo de base liberal e, por outro, romper com as estruturas de poder capitalistas. Nesse sentido, mesmo com essas divergências...

A persuasão verde e amarela : uma análise da propaganda ideológica do movimentos modernistas de 20

Teixeira, Camila Aparecida
Fonte: Universidade de Passo Fundo Publicador: Universidade de Passo Fundo
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
46.68%
O tema central desta monografia está relacionado à compreensão da propagação ideológica do modernismo no Brasil, através de seus respectivos movimentos artísticos. No decorrer do trabalho, procura-se conceituar e apresentar uma evolução da construção do imaginário modernista na mentalidade da população brasileira, salientando constantemente a Semana da Arte Moderna em 1922, evento este considerado como catalizador para a propagação destes conceitos. Brevemente colocam-se os procedimentos metodológicos utilizados da coleta de dados e formalização das ideias propostas. Nas análises, observam-se meios de comunicação e expressões do período estudado, percebendo-se que o meio impresso revista e cartaz na propaganda, foi um dos principais meio de disseminação das ideias modernistas no Brasil. Ao final do trabalho são apresentados os resultados das análises no fechamento e a essência da pesquisa de todo o trabalho nas considerações finais.

La mirada fascista sobre la guerra civil española: noticiarios y documentales italianos entre historia y propaganda (1936-1943)

Aronica, Daniela
Fonte: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2015 SPA
Relevância na Pesquisa
26.69%
La insurrección armada de Franco triunfó en parte gracias a la ayuda material e ideológica de la Italia fascista y de la Alemania nazi. Cuanto ocurrió en España siguió teniendo repercusiones en el tablero geopolítico europeo en los años inmediatamente posteriores a la guerra civil. De ahí el interés en profundizar en las relaciones entre estos países durante pero también después de la contienda. En esta tesis lo hacemos desde la vertiente italiana. Lo que sitúa nuestro discurso entre el 18 julio de 1936, cuando Franco se sublevó contra el gobierno legítimo, y el 25 de julio de 1943, cuando Mussolini fue depuesto. Un minucioso y exhaustivo trabajo de localización y catalogación de los materiales audiovisuales, y la reconstrucción de su historia productiva, en estrecha interconexión con el contexto político-militar de la época, han sido condición previa para indagar con criterio riguroso la contribución del cine de no ficción realizado desde la Italia de Mussolini a una historia cultural de la guerra civil, por un lado; y al debate propiamente historiográfico, por otro. Para ello hubo que investigar el funcionamiento de la maquinaria de la propaganda cinematográfica fascista sobre el terreno: los problemas de organización...

Guerra semiótica, jornalismo e propaganda; Semiotic war, journalism and propaganda

Atem, Guilherme Nery; UFF
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 02/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.65%
http://dx.doi.org/10.5007/1984-6924.2008v5n1p161Este artigo pretende investigar a atual hibridação entre Jornalismo e Propaganda. Para isso, retomaremos a discussão entre estes dois campos de atuação prática, na área da Comunicação Social, a partir de questões que surgem em um contexto histórico de guerra. Neste caso, a análise recairá sobre a invasão norte- americana ao Iraque, em 2003, bem como sobre a cobertura jornalística pela mídia mundial. Se, por um lado, em épocas de paz é difícil percebermos a interdependência entre o Jornalismo e a Propaganda ideológica, por outro lado, em tempos de guerra essa relação se torna evidente. Nossa hipótese é a de que, na contemporaneidade comunicacional, a guerra efetiva (material, termodinâmica) é duplicada pela “guerra semiótica” (imaterial, informacional).; This article intents to investigate the recent hibrydation between Journalism and Propaganda. We will go back to the discussion between the two Social Communication working fields. We will go back to the questions that arise on war historic context. In this case, the analysis will recover upon the US invasion in Iraq in 2003 and its coverage by the international media. If, in one hand, in peace time, it is difficult to see and to realize the interdependence between Journalism and Ideological Propaganda...

Personalidad, valores sociales y su relación con la orientación ideológica y el interés por la actualidad política: factores que median entre la propaganda y la opinión pública

Simkin,Hugo; Azzollini,Susana
Fonte: Subjetividad y procesos cognitivos Publicador: Subjetividad y procesos cognitivos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 ES
Relevância na Pesquisa
26.55%
Si bien existen numerosos antecedentes que han observado que la orientación ideológica se encuentra asociada a la personalidad y los valores sociales, son escasos los estudios que exploran este vínculo en el contexto local. Por este motivo, el presente trabajo se propone evaluar la relación entre el Modelo de los Cinco Factores de la Personalidad, la orientación ideológica, el interés por la actualidad política y la Teoría de los Valores Sociales de Schwartz en una muestra compuesta por 238 estudiantes universitarios de la Ciudad Autónoma de Buenos Aires. De acuerdo con los resultados, los cinco factores de la personalidad se encuentran asociados a los valores propuestos por Schwartz, a la orientación ideológica y al interés por la actualidad política, de manera similar a lo informado en los antecedentes en el contexto internacional. Se concluye la necesidad de incrementar los estudios en el área que puedan contribuir a explorar el modo en el que estas variables afectan el comportamiento político en el contexto argentino.