Página 1 dos resultados de 914 itens digitais encontrados em 0.098 segundos

A comunicação pública de ciência nos programas de pós-graduação em saúde coletiva do Brasil: uma perspectiva a partir da concepção de coordenadores; The public communication of science in graduate programs in public health in Brazil: a perspective of coordinators

Teixeira, Carlos Antonio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
195.87%
RESUMO Introdução A divulgação científica integra o conceito de cultura científica e está relacionada ao contexto das modernas sociedades do conhecimento. Estas preconizam que as políticas públicas de ciência e tecnologia incluam a sociedade ampliada nos processos de decisões, daí a relevância do compartilhamento do conhecimento científico, gerado nos programas universitários de pós-graduação, com a população. Objetivos Descrever e caracterizar concepções que coordenadores de programas de pós-graduação em saúde coletiva do Brasil têm acerca da divulgação científica enquanto expressão de comunicação pública de ciência. Métodos - Trata-se de uma pesquisa exploratória, observacional, de caráter analítica e descritiva com abordagem majoritariamente qualitativa e com aferições quantitativas. A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo e obteve o consentimento livre e esclarecido por parte dos participantes. A interpretação dos dados coletados orientou-se pelos princípios da análise de conteúdo. As categorias foram transformadas em variáveis que possibilitaram o processamento dos dados pelo software Classification Hiérarchique Classificatoire et Cohésitive (CHIC ® ). Resultados A concepção de divulgação científica por parte de coordenadores de programas de pós-graduação em saúde coletiva do Brasil não é unânime. Alguns coordenadores a entendem como difusão do conhecimento...

Pursuing efficiency : international visibility of the scientific production of Brazilian graduate programs in child and adolescent health from 1998 through 2003; Em busca da eficiência : visibilidade internacional da produção científica dos programas brasileiros de pós-graduação em saúde infantil e do adolescente entre 1998 e 2003

Goldani, Marcelo Zubaran; Gurgel, Ricardo Q.; Blank, Danilo; Gerolin, Jerônimo; Mari, Jair de Jesus
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
165.83%
Objetivo: Avaliar a tendência do número de publicações oriundos dos programas de pós-graduação brasileiros em saúde da criança e do adolescente e a proporção de citações desses artigos no MEDLINE e no Journal Citation Reports (JCR), utilizando a primeira base de dados como medida de eficiência e a última como indicador de visibilidade. Métodos: Avaliamos 14 programas de pós-graduação quanto ao número de teses, dissertações e artigos citados no MEDLINE e JCR, através de dados secundários das duas últimas avaliações trienais realizadas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), de 1998 até 2000 e de 2001 até 2003. Resultados: O número de artigos publicados aumentou (de 1.520 para 1.917), bem como o número mediano de artigos citados tanto no MEDLINE (de 32,5 para 45) como no JCR (de 24,5 para 27). O número mediano de dissertações aumentou de 19,5 para 26,5; o número mediano de teses cresceu de 12 para 13,5. O número mediano de orientadores diminuiu (de 21,5 para 18,4). Conclusão: Os programas de pós-graduação em saúde infantil e do adolescente tornaram-se mais eficientes quanto à produção de conhecimento através da publicação de mais artigos com maior visibilidade internacional. Tal tendência foi acompanhada contraditoriamente pela redução no número de orientadores.; Objective: To assess the trend in the number of published articles by Brazilian graduate programs in child and adolescent health and the proportion of such publications cited in MEDLINE and Thomson Scientific’s Journal Citation Reports (JCR)...

Desafios da pós-graduação em saúde humana no Brasil

Guimarães,Reinaldo
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
145.82%
Discute-se o reconhecimento do crescente papel de demandas e atores extra-acadêmicos na dinâmica da formação de recursos humanos para o mercado e, em particular, para a pesquisa. Sua atuação em sinergia com o movimento de amadurecimento do sistema setorial de inovação em saúde e com as prioridades do Sistema Único de Saúde também é discutida. É analisada a adequação da metodologia do processo de avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior a essas tendências. De maneira geral, isso significa agregar novos indicadores de produtividade tecnológica e social aos critérios predominantemente acadêmicos já existentes. Discute a continuidade e o aprofundamento das iniciativas em curso no sentido de admitir novos formatos de programas e cursos de pós-graduação, cursos customizados a demandas do mercado extra-acadêmico, entre outros, sejam sociais ou tecnológico-empresariais, bem como o aprofundamento das iniciativas para o estímulo aos estágios pós-doutorais, escassos no Brasil.

Alunos de um programa de pós-graduação em cardiologia: são os resultados de quase 30 anos adequados?

Brock,Luana; Cunha,Edileuza; Tavares,José Roberto; Gonçalves Jr,Iran; Paola,Angelo A V de; Moisés,Valdir; Carvalho,Antonio Carlos
Fonte: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC Publicador: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
165.78%
FUNDAMENTO: A pós-graduação stricto sensu no Brasil foi implementada em 1965 para aumentar a qualidade de ensino nas Universidades e preparar pesquisadores completos e independentes. A participação brasileira nas publicações ISI tem aumentado desde então de forma significante, mas pouca informação está disponível sobre a qualidade dos pós-graduados. OBJETIVO: Revisar 29 anos de programa de pós-graduação em cardiologia na Universidade Federal de São Paulo e analisar as características dos alunos de mestrado e doutorado em relação à origem, publicações e carreira subsequente. MÉTODOS: Desenvolvemos um questionário para avaliar 168 alunos de pós-graduação que produziram 196 teses (116 de mestrado e 80 de doutorado), no período de 1975-2004 e entramos em contato com 95,9% deles. As informações sobre as publicações foram obtidas através dos bancos de dados científicos usuais. RESULTADOS: 30% dos alunos de pós-graduação eram das regiões Norte-Nordeste-Centro-Oeste e apenas 50% deles retornou à sua região de origem. A idade média quando da admissão na pós-graduação foi de 32,5 anos e 34,9 anos para mestrandos e doutorandos, respectivamente; a duração média dos programas de pós-graduação foi respectivamente de 39...

Programa de Pós-Graduação em Enfermagem na Saúde do Adulto da Escola de Enfermagem da USP

Pimenta,Cibele Andrucioli de Mattos; Cruz,Diná de Almeida Lopes Monteiro da; Padilha,Katia Grillo
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 PT
Relevância na Pesquisa
155.8%
O Programa de Pós-Graduação em Enfermagem na Saúde do Adulto da Escola de Enfermagem da USP (PROESA) nasceu da fusão das Áreas de Concentração "Fundamentos de Enfermagem" e "Enfermagem na Saúde do Adulto Institucionalizado", anteriormente pertencentes ao Programa de Pós-Graduação da referida Escola. Há carência de descrição de programas de pós-graduação em enfermagem no Brasil, o que dificulta a organização de novas propostas e o aperfeiçoamento dos existentes. O objetivo deste artigo é apresentar a missão, o foco, as linhas de pesquisa, os eixos norteadores e o conjunto de disciplinas do PROESA.

Tendência do campo de avaliação de intervenções públicas de alimentação e nutrição em programas de pós-graduação no Brasil: 1980-2004

Henrique,Flávia Conceição dos Santos; Lira,Pedro Israel Cabral; Santos,Sandra Maria Chaves dos; Andrade,Sonia Lucia Lucena Sousa de
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
165.78%
A avaliação de políticas públicas no Brasil vem, nas últimas décadas, emergindo como ferramenta estratégica para melhoria da performance da ação pública, capaz esta de contribuir efetivamente para o bem-estar social. Em que pese esse reconhecimento, essa prática não tem sido incorporada ao "ciclo de vida" de programas, sobretudo aqueles da área social. Dentre as ações que se ressentem de uma prática avaliativa significativa, estão aquelas da área de alimentação e nutrição. Diante destas questões, esse artigo teve como objetivo caracterizar o campo da avaliação de intervenções públicas de alimentação e nutrição em programas de pós-graduação no Brasil. Utilizou-se como objeto central de análise a produção bibliográfica, especificamente teses e dissertações, defendidas no período de 1980 a 2004. No que se refere aos achados desse estudo foi possível observar que a produção tem convergido para o processo de funcionamento das intervenções com predomínio da pesquisa documental e estudos de caso. Do ponto de vista analítico as categorias temáticas privilegiadas nos trabalhos vêm sendo modificadas migrando de padrão mais próximo à dimensão biológica para outro, situado numa dimensão sócio-política.

Lacunas, metas e condições para a expansão da pós-graduação em psicologia no país

Féres-Carneiro,Terezinha; Bastos,Antonio Virgílio; Feitosa,Maria Ângela Guimarães; Seidl-de-Moura,Maria Lucia; Yamamoto,Oswaldo H
Fonte: Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
145.83%
Este trabalho visa discutir lacunas, metas e condições para a expansão da Pós-Graduação em Psicologia no Brasil. Para tal, partiu-se de pressupostos de que é necessário levar em conta os objetivos a serem atingidos, consideradas as condições de exequibilidade previstas ou supostas. É inicialmente tratada a necessidade de expansão da Pós-Graduação na área da Psicologia. Concluindo afirmativamente, são traçadas as diversas metas e as condições necessárias para atingi-las: de caminhar para que todas as Unidades da Federação tenham Programas de Pós-Graduação na área e que, em cinco anos, já se observe mais cinco UF com novos programas; que todos que já têm mestrado passem a contar com doutorado; que nas UF que só têm programas em IES privadas sejam criados programas nas IES públicas; que em algumas UF de grande extensão territorial, sejam atendidas mais microrregiões. Para melhor equipar os Programas existentes com recursos humanos qualificados, propõe-se um crescimento anual de titulados na ordem de 10%. Analisando dados de levantamentos feitos, são discutidas dificuldades de proposição de metas com base em eventuais lacunas de subáreas, uma delas a falta de consenso sobre o que deve ser uma Área de Concentração ou Linha de Pesquisa. Tratou-se...

Auto-avaliação nos programas de pós-graduação na área da saúde coletiva: características e limitações

Hortale,Virginia Alonso; Moreira,Carlos Otávio Fiúza
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
155.81%
O artigo objetiva discutir as características e limitações da avaliação interna ou auto-avaliação dos programas de pós-graduação stricto sensu da área de Saúde Coletiva. Para tanto, realizou-se um estudo com base em relatórios de 25 programas que participaram da avaliação trienal (2001-2003) da CAPES. Para fins de análise, levou-se em consideração a explicitação de três aspectos: (a) instrumentos e/ou procedimentos utilizados; (b) processo de auto-avaliação e (c) produto desse processo. Os resultados mostraram que os procedimentos usados nos programas são variados e usados de forma assistemática. Quanto aos processos desencadeados para alcançar os produtos, na maioria dos programas não ficou explicitado como eles ocorrem, pois os produtos informados nem sempre têm relação direta com os processos desenvolvidos e com a melhoria da qualidade do programa. Discute-se a importância de fazer da auto-avaliação um instrumento de crítica e de tomada de decisões. Sugere-se a implementação de estruturas básicas de funcionamento, dentre elas: grupo de trabalho e equipe de coordenação do processo de avaliação interna; participação efetiva dos integrantes da instituição; compromisso dos dirigentes e do corpo de professores; informações confiáveis; utilização efetiva dos resultados obtidos.

A pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil: trajetória

Nunes,Everardo Duarte; Ferreto,Lirane Elize; Barros,Nelson Filice de
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2010 PT
Relevância na Pesquisa
145.81%
Neste trabalho, revisamos o tema da pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil. A revisão tem como objetivos específicos situar os principais aspectos da constituição do campo da pós-graduação e sua institucionalização, precedida de um estudo sobre as principais características da pós-graduação brasileira. As principais fontes são os documentos que estabelecem a legislação sobre a pós-graduação e dados sobre o seu desenvolvimento no país. Todos os trabalhos consultados mostram incremento do número de programas e cursos que se iniciaram na década de setenta, diversificação das denominações e áreas de concentração e a continuidade do desequilíbrio regional, pois 66% dos programas estão na Região Sudeste.

Retrato quase sem retoques dos egressos dos programas de pós-graduação em Saúde Coletiva, 1998-2007

Gomes,Mara Helena de Andréa; Goldenberg,Paulete
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2010 PT
Relevância na Pesquisa
175.85%
Apresentamos resultados do levantamento de informações que permitiram identificar onde estão e o que pensam sobre alguns atributos de sua formação pós-graduada, os egressos dos programas de pós-graduação em Saúde Coletiva, no período de 1998 a 2007. Realizado por meio de duas formas de coleta em fases distintas e concomitantes, este subprojeto foi desencadeado a partir da solicitação de informações junto aos programas, cujas respostas permitiram a construção de um censo dos alunos que defenderam tese ou trabalho equivalente, nas três modalidades consideradas: doutorado, mestrado acadêmico e mestrado profissional. Além do fornecimento de dados que nos permitiram construir e descrever um perfil acadêmico-profissional de egressos dos programas existentes na área de Saúde Coletiva, as informações provenientes dos programas possibilitaram contatos eletrônicos com a quase a totalidade dos ex-alunos localizados. Nesta segunda fase, enviamos-lhes um formulário para preenchimento online, contendo perguntas valorativas sobre o papel da pós-graduação no seu trajeto intelectual e profissional, com o objetivo de caracterizar sua formação pós-graduada. Encaminhamos algumas sugestões para levantamentos futuros, como a criação de ficha de inscrição padronizada...

Violência doméstica como tema de estudo em programas de pós-graduação no estado do Rio de Janeiro

Silva,Sueli Bulhões da; Oliveira,Antonio Carlos de
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social e Curso de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
185.75%
Este artigo discute os resultados de uma pesquisa que objetivou mapear a produção discente (dissertações e teses) no âmbito da violência doméstica, entre 1990 e 2006, em programas de pós-graduação em Serviço Social, Psicologia e Saúde Pública de instituições localizadas no estado do Rio de Janeiro. O estudo, centrado na análise de tendências, avanços e lacunas da referida produção, revelou a prevalência de pesquisas voltadas para o segmento infanto-juvenil, a mudança de foco da caracterização do fenômeno para a discussão de sua dinâmica, e o reduzido número de trabalhos sobre idosos.

Programa de Pós-Graduação em Enfermagem na Saúde do Adulto da Escola de Enfermagem da USP; Programa de post-grado en enfermería en la salud del adulto de la escuela de enfermería de la universidad de São Paulo; Post-graduation program in adult health nursing from the nursing school of university of Sao Paulo

Pimenta, Cibele Andrucioli de Mattos; Cruz, Diná de Almeida Lopes Monteiro da; Padilha, Katia Grillo
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2004 POR
Relevância na Pesquisa
155.85%
O Programa de Pós-Graduação em Enfermagem na Saúde do Adulto da Escola de Enfermagem da USP (PROESA) nasceu da fusão das Áreas de Concentração "Fundamentos de Enfermagem" e "Enfermagem na Saúde do Adulto Institucionalizado", anteriormente pertencentes ao Programa de Pós-Graduação da referida Escola. Há carência de descrição de programas de pós-graduação em enfermagem no Brasil, o que dificulta a organização de novas propostas e o aperfeiçoamento dos existentes. O objetivo deste artigo é apresentar a missão, o foco, as linhas de pesquisa, os eixos norteadores e o conjunto de disciplinas do PROESA.; El Programa de Post Grado en Enfermería en la Salud del Adulto de la Escuela de Enfermería de la Universidad de São Paulo (PROESA) nació de la unión de las áreas de concentración "Fundamentos de Enfermería" y "Enfermería en la Salud del Adulto Institucionalizado", anteriormente pertenecientes al Programa de Post Grado en Enfermería de la referida Escuela. En el Brasil hay carencia de descripción de los Programas de Post Grado en Enfermería hecho que dificulta la organización de nuevos Programas y perfeccionamiento de los existentes. Este artículo presenta la misión, el foco, las líneas de investigación...

Desafios da pós-graduação em saúde humana no Brasil; Desafíos del postgrado en salud humana en Brasil; Challenges of postgraduate human health programs in Brazil

Guimarães, Reinaldo
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/02/2011 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
145.86%
Se discute el reconocimiento del papel creciente de demandas y actores extra académicos en la dinámica de la formación de recursos humanos para el mercado y, en particular, para la investigación, así como la actuación en sinergia con el movimiento de madurez del sistema sectorial de innovación en salud y con las prioridades del Sistema Único de Salud de Brasil. Se analiza la adecuación de la metodología del proceso de evaluación de la Coordinación de Perfeccionamiento de Personal de Nivel Superior a tales tendencias, lo que significará, de manera general, agregar nuevos indicadores de productividad tecnológica y social a los criterios predominantemente académicos ya existentes. Discute la continuidad y la profundización de las iniciativas en curso en el sentido de admitir nuevos formatos de programas y cursos de postgrado, cursos adaptados a las demandas del mercado extra académico, entre otros, sean sociales o tecnológico-empresariales, así como la profundización de las iniciativas para estimular estudios postdoctorales, escasos en Brasil.; Recognition for the growing role of extra-academic demands and players in the dynamics of human resource training for the market and, in particular, for research is discussed. Their synergies with the movement towards maturation of the sectoral system of healthcare innovation and with the priorities of the Sistema Único de Saúde (Brazilian National Health System) are discussed. The methodological adequacy of the process for evaluating these trends used by the Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Coordination Office for Advancement of University-level Personnel) is analyzed. In a general manner...

Violência doméstica como tema de estudo em programas de pós-graduação no estado do Rio de Janeiro; Domestic Violence as a Theme of Study in Graduate Programs in Rio de Janeiro State

Silva, Sueli Bulhões da; PUCRJ - Rio de Janeiro - RJ; Oliveira, Antonio Carlos de; PUCRJ - Rio de Janeiro - RJ
Fonte: Editora da Universidade Federal de Santa Catarina (Edufsc) Publicador: Editora da Universidade Federal de Santa Catarina (Edufsc)
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
155.71%
http://dx.doi.org/10.1590/S1414-49802008000200004Este artigo discute os resultados de uma pesquisa que objetivou mapear a produção discente (dissertações e teses) no âmbito da violência doméstica, entre 1990 e 2006, em programas de pós-graduação em Serviço Social, Psicologia e Saúde Pública de instituições localizadas no estado do Rio de Janeiro. O estudo, centrado na análise de tendências, avanços e lacunas da referida produção, revelou a prevalência de pesquisas voltadas para o segmento infanto-juvenil, a mudança de foco da caracterização do fenômeno para a discussão de sua dinâmica, e o reduzido número de trabalhos sobre idosos.; This article discusses the results of a study that sought to map the production of master’s and doctoral students concerning domestic violence, from 1990 to 2006, in graduate programs of Social Work, Psychology and Public Health at institutions located in Rio de Janeiro State. The study focused on the analysis of trends, advances and gaps in this production and revealed a prevalence of studies of children and youth, a change of focus from characterization of the phenomenon to a discussion of its dynamic and a reduced number of studies about the elderly.

Auto-avaliação nos programas de pós-graduação na área da saúde coletiva: características e limitações

Hortale,Virginia Alonso; Moreira,Carlos Otávio Fiúza
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
155.81%
O artigo objetiva discutir as características e limitações da avaliação interna ou auto-avaliação dos programas de pós-graduação stricto sensu da área de Saúde Coletiva. Para tanto, realizou-se um estudo com base em relatórios de 25 programas que participaram da avaliação trienal (2001-2003) da CAPES. Para fins de análise, levou-se em consideração a explicitação de três aspectos: (a) instrumentos e/ou procedimentos utilizados; (b) processo de auto-avaliação e (c) produto desse processo. Os resultados mostraram que os procedimentos usados nos programas são variados e usados de forma assistemática. Quanto aos processos desencadeados para alcançar os produtos, na maioria dos programas não ficou explicitado como eles ocorrem, pois os produtos informados nem sempre têm relação direta com os processos desenvolvidos e com a melhoria da qualidade do programa. Discute-se a importância de fazer da auto-avaliação um instrumento de crítica e de tomada de decisões. Sugere-se a implementação de estruturas básicas de funcionamento, dentre elas: grupo de trabalho e equipe de coordenação do processo de avaliação interna; participação efetiva dos integrantes da instituição; compromisso dos dirigentes e do corpo de professores; informações confiáveis; utilização efetiva dos resultados obtidos.

Epidemiologia e Saúde Coletiva no Brasil: desafios para a formação em pesquisa

Aquino,Estela Maria
Fonte: Associação Brasileira de Pós -Graduação em Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Pós -Graduação em Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2008 PT
Relevância na Pesquisa
155.83%
A pesquisa epidemiológica tem crescido muito no Brasil, o que pode ser atribuído em parte à expansão da formação pós-graduada. Mudanças na avaliação dos programas, conjugando qualidade e eficiência, têm colocado desafios para a formação em pesquisa impulsionando o desenvolvimento de estratégias pedagógicas variadas. Neste artigo, pretendo debater a proposta de "consórcio de pesquisas" do Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia da Universidade Federal de Pelotas, destacando algumas implicações pedagógicas deste modelo e apresentando em contraste a estratégia adotada pelo Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia para formação em pesquisa epidemiológica. Procuro contextualizar o debate situando-o brevemente no quadro da epidemiologia brasileira, suas principais características de desenvolvimento e pontuando o potencial dos inquéritos domiciliares como ferramenta de diagnóstico de saúde para subsidiar políticas públicas. Após discutir as principais vantagens e limites dos modelos adotados em dois importantes pólos de ensino e pesquisa epidemiológica no país, concluo levantando algumas questões que se colocam como desafios para formação pós-graduada de pesquisadores na atualidade.

Desafios da pós-graduação em saúde humana no Brasil

Guimarães,Reinaldo
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
145.82%
Discute-se o reconhecimento do crescente papel de demandas e atores extra-acadêmicos na dinâmica da formação de recursos humanos para o mercado e, em particular, para a pesquisa. Sua atuação em sinergia com o movimento de amadurecimento do sistema setorial de inovação em saúde e com as prioridades do Sistema Único de Saúde também é discutida. É analisada a adequação da metodologia do processo de avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior a essas tendências. De maneira geral, isso significa agregar novos indicadores de produtividade tecnológica e social aos critérios predominantemente acadêmicos já existentes. Discute a continuidade e o aprofundamento das iniciativas em curso no sentido de admitir novos formatos de programas e cursos de pós-graduação, cursos customizados a demandas do mercado extra-acadêmico, entre outros, sejam sociais ou tecnológico-empresariais, bem como o aprofundamento das iniciativas para o estímulo aos estágios pós-doutorais, escassos no Brasil.

A pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil: trajetória

Nunes,Everardo Duarte; Ferreto,Lirane Elize; Barros,Nelson Filice de
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2010 PT
Relevância na Pesquisa
145.81%
Neste trabalho, revisamos o tema da pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil. A revisão tem como objetivos específicos situar os principais aspectos da constituição do campo da pós-graduação e sua institucionalização, precedida de um estudo sobre as principais características da pós-graduação brasileira. As principais fontes são os documentos que estabelecem a legislação sobre a pós-graduação e dados sobre o seu desenvolvimento no país. Todos os trabalhos consultados mostram incremento do número de programas e cursos que se iniciaram na década de setenta, diversificação das denominações e áreas de concentração e a continuidade do desequilíbrio regional, pois 66% dos programas estão na Região Sudeste.

Retrato quase sem retoques dos egressos dos programas de pós-graduação em Saúde Coletiva, 1998-2007

Gomes,Mara Helena de Andréa; Goldenberg,Paulete
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2010 PT
Relevância na Pesquisa
175.85%
Apresentamos resultados do levantamento de informações que permitiram identificar onde estão e o que pensam sobre alguns atributos de sua formação pós-graduada, os egressos dos programas de pós-graduação em Saúde Coletiva, no período de 1998 a 2007. Realizado por meio de duas formas de coleta em fases distintas e concomitantes, este subprojeto foi desencadeado a partir da solicitação de informações junto aos programas, cujas respostas permitiram a construção de um censo dos alunos que defenderam tese ou trabalho equivalente, nas três modalidades consideradas: doutorado, mestrado acadêmico e mestrado profissional. Além do fornecimento de dados que nos permitiram construir e descrever um perfil acadêmico-profissional de egressos dos programas existentes na área de Saúde Coletiva, as informações provenientes dos programas possibilitaram contatos eletrônicos com a quase a totalidade dos ex-alunos localizados. Nesta segunda fase, enviamos-lhes um formulário para preenchimento online, contendo perguntas valorativas sobre o papel da pós-graduação no seu trajeto intelectual e profissional, com o objetivo de caracterizar sua formação pós-graduada. Encaminhamos algumas sugestões para levantamentos futuros, como a criação de ficha de inscrição padronizada...

Tendência do campo de avaliação de intervenções públicas de alimentação e nutrição em programas de pós-graduação no Brasil: 1980-2004

Henrique,Flávia Conceição dos Santos; Lira,Pedro Israel Cabral; Santos,Sandra Maria Chaves dos; Andrade,Sonia Lucia Lucena Sousa de
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
165.78%
A avaliação de políticas públicas no Brasil vem, nas últimas décadas, emergindo como ferramenta estratégica para melhoria da performance da ação pública, capaz esta de contribuir efetivamente para o bem-estar social. Em que pese esse reconhecimento, essa prática não tem sido incorporada ao "ciclo de vida" de programas, sobretudo aqueles da área social. Dentre as ações que se ressentem de uma prática avaliativa significativa, estão aquelas da área de alimentação e nutrição. Diante destas questões, esse artigo teve como objetivo caracterizar o campo da avaliação de intervenções públicas de alimentação e nutrição em programas de pós-graduação no Brasil. Utilizou-se como objeto central de análise a produção bibliográfica, especificamente teses e dissertações, defendidas no período de 1980 a 2004. No que se refere aos achados desse estudo foi possível observar que a produção tem convergido para o processo de funcionamento das intervenções com predomínio da pesquisa documental e estudos de caso. Do ponto de vista analítico as categorias temáticas privilegiadas nos trabalhos vêm sendo modificadas migrando de padrão mais próximo à dimensão biológica para outro, situado numa dimensão sócio-política.