Página 1 dos resultados de 149 itens digitais encontrados em 0.120 segundos

Imprensa e propaganda na São Paulo dos anos 20: quotidiano das mulheres empobrecidas; Press and advertising in São Paulo in 20 years: the daily lives of poor women

Salvetti, Xenia Miranda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/05/2011 PT
Relevância na Pesquisa
45.6%
O presente estudo do gênero e da cidade analisa os imaginários feminino e citadino divulgados pela publicidade e imprensa na São Paulo dos anos vinte, e como era o cotidiano vivido pelas mulheres pobres, como se articulavam, interagiam na cidade, se apercebiam da comunicação divulgada, reelaboravam e retornavam ao espaço público. A pesquisa investiga a publicidade presente em vários meios, como cartõespostais, bondes, bancos de praças, muros, periódicos, entre outros, junto ao desenvolvimento da imprensa iniciado no final do século XIX. Ambas, publicidade e imprensa passaram a ter um papel significativo na construção e divulgação do imaginário feminino. O estudo contempla a presença feminina dos setores empobrecidos e seus movimentos pelo perímetro central e cercanias, localizados entre o antigo centro e a cidade nova, evidenciando o espaço-matriz escolhido pela elite paulista como modelo da cidade moderna e sujeitos desejados. A investigação, ao abordar a comunicação realizada na cidade, e o perfil, o cotidiano das mulheres pobres, articulados ao processo de urbanização, teve sua metodologia desenvolvida em três fases: Fase I - A pesquisa sistemática nos registros dos atendimentos a mulheres em postos de saúde pública...

O estandarte silencioso: a United States Information Agency na mídia impressa do Brasil - Correio da Manhã e Tribuna da Imprensa, 1953-1964; The silent standard: United States Information Agency in the Brazilian Press, 1953-1964

Cattai, Júlio Barnez Pignata
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/07/2011 PT
Relevância na Pesquisa
35.82%
Em 1.º de junho de 1953, a administração do presidente norte-americano Dwight D. Eisenhower fundou a United States Information Agency (USIA), reunindo sob a coordenação da nova agência os programas de informação dos Estados Unidos da América (EUA) no exterior. O intuito era o de aproximar as audiências internacionais dos valores do sistema democrático e de livre empresa encenado pelo país, granjeando governos às posições norte-americanas na Guerra Fria. A atuação da agência se deu no âmbito das disputas entre os governos dos Estados Unidos e da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) em programas de propaganda cultural naquilo que a historiografia tem chamado de Guerra Fria Cultural (Cultural Cold War). Esta pesquisa teve por objetivo investigar a atuação da USIA no Brasil, entre os anos de 1953, data de fundação da agência, e 1964, quando as questões de que se ocupava foram reorientadas em função, no plano internacional, da Guerra no Vietnam e, no Brasil, do golpe civil-militar. Para tanto, analisamos o material da agência matérias, artigos, notícias, notas e fotografias veiculado nos jornais cariocas Correio da Manhã e Tribuna da Imprensa, duas das mais importantes publicações da mídia impressa brasileira do período. Verificamos que a agência passou...

Cultura luso-brasileira em perspectiva: Portugal, Brasil e o projeto cultural da revista Atlântico (1941-1945); Luso-Brazilian culture in perspective: Portugal, Brazil and the cultural project of the Atlântico magazine (1941-1945)

Silva, Alex Gomes da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
45.8%
A revista Atlântico foi parte integrante de um projeto maior açambarcado por Portugal e Brasil no começo da década de 1940. Para sermos mais precisos, 1941 é o ano da assinatura do acordo cultural luso-brasileiro que resultou, dentre outros elementos, na idealização de um projeto cujo cerne assenta-se na criação de uma revista de cultura e arte. Desse processo, surge Atlântico, revista que deve seu nome ao intento de encontrar uma palavra suficientemente elástica, ondulante, para sintetizar o vago e o concreto das nossas aspirações, o sonho e a realidade do nosso ideal, segundo as palavras de um dos seus diretores, António Ferro. Fundada em 1942, a revista Atlântico tem como propugnadores o diretor do Secretariado da Propaganda Nacional (SPN) de Portugal, António Ferro, e o diretor do Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP), Lourival Fontes. A presente pesquisa, que abrange o período de 1941 (ano da assinatura do Acordo Cultural luso-brasileiro) a 1945 (que marca tanto o fim da vigência do DIP quanto o término da primeira fase de Atlântico), pretende discutir a idéia defendida por seus articulistas de que a natureza da revista Atlântico, isto é, por ser um periódico de cultura, de literatura e de arte, abstêm-se de tratar dos problemas sociais...

A república e seus símbolos : a imprensa ilustrada e o ideário republicano. Rio de Janeiro, 1868-1903; Republic and its symbols: illustrated press and republican ideas. Rio de Janeiro, 1868-1903; La république et ses symboles: la presse illustrée et l’idéaire républicain. Rio de Janeiro, 1868-1903

Lopes, Aristeu Elisandro Machado
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.8%
Esta Tese de Doutorado em História tem por objetivo primordial analisar como o ideário republicano foi tratado nas páginas de humor de periódicos ilustrados que circularam no Rio de Janeiro no século XIX. A imprensa ilustrada teve um amplo desenvolvimento no Brasil Império circulando ao lado de jornais diários e literários. Os mais diversos assuntos da vida da Corte foram noticiados por esses jornais, entre eles, as atividades políticas foram um dos temas mais comentados. A propaganda republicana inaugurada em 1870 no Rio de Janeiro não passou despercebida e, como parte da política do tempo, logo passou a figurar nas ilustrações e nos textos dos artigos dos jornais. A análise da simbologia republicana difundida, sobretudo, a partir da Revolução Francesa e da República instituída em 1792, e adaptada nos periódicos brasileiros é o objetivo que perpassa todos os capítulos da tese. A alegoria feminina da República foi o elemento mais empregado pelos caricaturistas ao tratar das questões republicanas ao lado do barrete frígio, emblema característico dos ideais republicanos. No primeiro momento, o trabalho foi direcionado aos periódicos que acompanharam as atividades republicanas ao longo de sua campanha até a Proclamação da República em 1889. No instante seguinte...

Entre o mito e apropaganda politica : Janio Quadros e sua imagem publica (1959-1961); Between mith and political propaganda : Janio Quadros and his public image

Jefferson Jose Queler
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
45.92%
Pretendo, neste texto, analisar a construção da imagem pública de Jânio Quadros entre 1959 e 1961. Durante este período, ele disputou as eleições presidenciais brasileiras e governou o país até sua renúncia à Presidência. De acordo com a historiografia ? numa posição similar quando comparada a posições comumente veiculadas pela memória coletiva -, o personalismo dele poderia ser apontado como o principal fator para explicar sua força política, e a propaganda política ajudaria a construir seu prestígio de forma enganosa. Tal ponto de vista pressupõe que o eleitorado brasileiro era passivo e ingênuo, sendo facilmente manipulado por demagogos, o que é uma interpretação clássica para a política na América Latina como um todo, sob a capa do conceito de populismo. Tentando evitar essa perspectiva, sugiro como o espetáculo envolvendo a política naquelas circunstâncias também era formado por partes relevantes da população, isto é, membros de diferentes grupos sociais faziam propaganda por eles próprios, escrevendo e debatendo poesias, textos e músicas com temáticas políticas. Estes aspectos da campanha presidencial são estudados através de cartas então recebidas por Jânio Quadros de várias partes do Brasil e de diferentes grupos sociais...

Imagem e política : estudo sobre o Cine Jornal Brasileiro (1940-1942); Image and politics : a study of Cine Jornal Brasileiro (1940-1942)

Daniela Domingues Leão Rego
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
75.84%
O objetivo desta dissertação é fazer uma análise das características imagéticas e sonoras que marcaram o Cine Jornal Brasileiro, realizado pelo Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP) do Estado Novo, entre 1939 e 1942. Desta forma, pretende-se focar, dentro da multiplicidade de temas que o objeto fílmico contém, um assunto que pareceu predominante nos filmes no momento em questão: a militarização do corpo1. Este tema deverá agregar outros assuntos presentes e interligálos. Na verdade, a proposta de uma temática única torna a idéia de uma unidade nacional, propagada pelo Estado Novo, mais coerente. Por isso, o tema do corpo sugere a idéia de nação posta pelo estadonovista e também agrega ideologias que estavam em voga naquele contexto histórico. Para esta última, deve-se atribuir a influência estética, mesmo que indireta, de filmes, não necessariamente do mesmo tipo, produzidos por outras nações de cunho autoritário. Estas nações esperavam, de certa forma, sua regeneração ou sua "correção", através da ordem e da disciplina. Para tanto, os princípios disciplinares que compunham a instituição militar eram os mais eficientes. Ou seja, a força, a disciplina, a higiene e a audácia, que estavam embutidas no pensamento militar...

O ideário educativo republicano: da propaganda eleitoral republicana aos debates parlamentares (1878-1910)

Gonçalves, Maria Neves Leal
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
45.82%
Este trabalho visa contribuir para o estudo do ideário educativo republicano veiculado na propaganda eleitoral e nos debates parlamentares nos decênios anteriores à queda da Monarquia. De modo a operacionalizar a temática em análise, estruturámos o texto em três partes. Na Parte I, procedemos ao enquadramento político das candidaturas republicanas nas eleições legislativas do período em estudo. Na Parte II, centrámo-nos nas especificidades da acção republicana e da sua propaganda eleitoral no campo educativo. E, na Parte III, abordámos os debates parlamentares dos deputados antidinásticos em torno da questão educativa. A multiplicidade de questões a abordar obrigou-nos a recorrer a um conjunto alargado de fontes, iconográficas, manuscritas e essencialmente impressas. Contudo, os dois núcleos fundamentais que constituíram a base para o desenvolvimento desta investigação foram a imprensa republicana e o Diário da Câmara dos Senhores Deputados. Assim, foi nosso objectivo configurar um painel revelador dos temas educativos que mobilizaram quer os propagandistas republicanos nas campanhas para os sufrágios quer os deputados antimonárquicos no hemiciclo durante o período que medeia entre 1878 e 1910. # # # Abstract - The republican educational ideals from the republican electoral campaign to the parliamentary debates (1878-1910) are the goal of this thesis. We aim to contribute for the study of the propagated republican educative idealism (and ideas) in the electoral propaganda and the parliamentary debates in the previous years of the fall of the Portuguese Monarchy (1910). Constructing a panel of the main themes throughout a content analysis was our first effort. Therefore...

Propaganda política do estado novo análise de conteúdo dos discursos presidenciais de tomada de posse (1926-1974)

Silva, Andreia Sofia Porfírio da
Fonte: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas Publicador: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 12/11/2013 POR
Relevância na Pesquisa
35.87%
Tese de Mestrado em Comunicação Social, Especialização em Comunicação Estratégica; A propaganda política é um conjunto de procedimentos cujo objectivo visa a adesão a um sistema ideológico de cariz político (Gonçalves, 1961). A propaganda tem como objectivo provocar emoções e desejos, de forma que o público identifique o propagandista como o único a conseguir concedê-los. No plano dos meios, a propaganda política tem-se manifestado ao longo da história através de várias formas, tais como a imprensa escrita, a palavra falada, a imagem ou a acção, existindo assim, uma vasta diversidade de meios através dos quais a intenção propagandística se pode manifestar (Domenach, 1975; Quintero, 2011). Apresente dissertação centra-se num dos recursos fundamentais da propaganda política, o discurso, e, concretamente, no estudo presente, os discursos presidenciais de tomada de posse do Estado Novo. Pretende-se na dissertação presente estudar-se o aparelho propagandístico do Estado e a relação dos Presidentes da República com o mesmo e com os valores defendidos. Para tal utilizou-se técnica de investigação análise de conteúdo essencialmente na sua variante qualitativa. Espera-se com este estudo contribuir para a sistematização dos valores discursivos defendidos durante o período do designado Estado Novo em Portugal.; Political propaganda is a set of procedures the aim of which is the adherence to a primarily political ideological system (Gonçalves...

O PAIGC e as repercussões da luta nacionalista na imprensa ocidental

Santos, Isabel Gorjão
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
35.86%
Mestrado em História Moderna e Contemporânea: Relações Internacionais; Durante o Estado Novo, e sobretudo nos anos da guerra colonial que se prolongou de 1961 a 1974, os movimentos nacionalistas nas colónias portuguesas em África tentaram estabelecer laços diplomáticos, conquistar apoio internacional e convencer o mundo da justiça da sua luta. Fizeram-no de várias formas, incluindo contactos com representantes de diversos países e com jornalistas e jornais que poderiam ajudar a criar uma opinião pública favorável à causa nacionalista. O tema deste trabalho, que se integra no domínio científico das Relações Internacionais, é a relação o Partido Africano para a Independência da Guiné-Bissau e Cabo Verde (PAIGC) e a imprensa internacional, e a forma como este partido recorreu a estratégias de propaganda para promover a sua luta de libertação. Os artigos publicados em três jornais – The New York Times, Times e Le Monde – foram as principais fontes deste trabalho. Para além disso, pesquisou-se o tratamento dado à luta contra o colonialismo na Guiné-Bissau por parte de revistas especializadas em África, como a Afrique-Asie e a Jeune Afrique, e pelos próprios meios criados pelo PAIGC para difundir informação...

War and propaganda in the XXth Century

Rollo, Maria Fernanda; Pires, Ana Paula; Novais, Noémia Malva
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Livro
Publicado em 26/11/2013 ENG
Relevância na Pesquisa
65.78%
Propaganda represented the sacrifice of soldiers in war and praised the power of the country. It has been around these images that all over the world entire populations were mobilized on the expectation of victory. Through the static image of printed posters or the newspaper news projected in cinemas all over the globe, governments sought to promote a patriotic spirit, encouraging the effort of individual sacrifice by sending a clear set of messages that directly appealed to the voluntary enlistment in the armies, messages that explained the important of rationing essential goods, of the intensification of food production or the purchase of war bonds, exacerbating feelings, arousing emotions and projecting an image divided between the notion of superiority and the idea of fear of the opponent. From press, in the First World War, to radio in World War II, to television and cinema from the 1950s onwards, propaganda proved to be a weapon as deadly as those managed by soldiers in the battlefield. That’s why it is essential to analyse and discuss the topic of War and Propaganda in the Twentieth Century. This conference is organized by the IHC and the CEIS20 and is part of the Centennial Program of the Great War, organized by the IHC...

The Opinions of Mankind: Racial Issues, Press, and Propaganda in the Cold War

Levering, Ralph B.
Fonte: Oxford University Press Publicador: Oxford University Press
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
EN
Relevância na Pesquisa
45.57%

Propaganda and Conflict: Evidence from the Rwandan Genocide

Yanagizawa-Drott, David Hans
Fonte: Oxford University Press (OUP) Publicador: Oxford University Press (OUP)
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN_US
Relevância na Pesquisa
45.64%
This paper investigates the role of mass media in times of conflict and state-sponsored mass violence against civilians. We use a unique village-level dataset from the Rwandan Genocide to estimate the impact of a popular radio station that encouraged violence against the Tutsi minority population. The results show that the broadcasts had a significant impact on participation in killings by both militia groups and ordinary civilians. An estimated 51,000 perpetrators, or approximately 10 percent of the overall violence, can be attributed to the station. The broadcasts increased militia violence not only directly by influencing behavior in villages with radio reception, but also indirectly by increasing participation in neighboring villages. In fact, spillovers are estimated to have caused more militia violence than the direct effects. Thus, the paper provides evidence that mass media can affect participation in violence directly due to exposure, and indirectly due to social interactions.

A revista e a propaganda: o projeto político-cultural do Estado Novo nas páginas da Ilustração Brasileira

Silva, Geanne Paula de Oliveira
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
45.85%
Tomando a revista Ilustração Brasileira, especialmente as 104 primeiras edições de sua terceira fase de publicações — maio de 1935 a janeiro de 1944 ―, como fonte e, ao mesmo tempo, como objeto privilegiado de pesquisa, este estudo tem como principal objetivo examinar a propaganda política do Estado Novo brasileiro veiculada nas páginas do referido periódico. Ao privilegiar esse conteúdo propagandístico, a revista Ilustração Brasileira se apresenta como fonte de pesquisa, como o vestígio que tornará possível a construção de um conhecimento histórico acerca do período denominado Estado Novo na história do Brasil. À medida que se toma a própria revista como peça de investigação, ela torna-se também objeto de pesquisa. Nessa perspectiva, examino o conteúdo de propaganda política ― textos e imagens ―, buscando mostrar como apareceu formatado, nas páginas da Ilustração Brasileira, o projeto político-cultural estado-novista. Ao mesmo tempo, tomo a própria revista como objeto de estudo ― sua trajetória, projeto(s) gráfico(s), materialidade ―, na tentativa de evidenciar o lugar ocupado por essa publicação na história da imprensa ilustrada brasileira e no interior do projeto político-cultural do Estado Novo. ___________________________________________________________________________ ABSTRACT; Taking the magazine Ilustracao Brasileira...

The media and democracy in Russia

Deppe, Kendra M.
Fonte: Monterey, California. Naval Postgraduate School Publicador: Monterey, California. Naval Postgraduate School
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xii, 93 p.
Relevância na Pesquisa
45.56%
This thesis considers the evolution of the Russian media and assesses the decrease in media freedom and its effect on Russian democracy. The Russian media has lost most of its freedom and ability to report critically over the last five years. Although there are Russian laws that are supposed to protect the freedom of the media, those have not been enforced. In addition, over the last five years a number of reforms have occurred that have removed some of those freedoms. These include laws that restrict coverage of elections, terror events and the Chechen region. The lack of freedom has resulted in the inability for the media to serve their purpose in civil society. This has contributed to civil society's lack of ability to ensure that Russia's government remains democratic. If present trends continue the future does not look good for Russian democracy or the freedom of Russia's media.

O Estado Novo e as críticas a Machado de Assis na primeira metade dos anos 1940; The Estado Novo and the criticism to Machado de Assis in the first half of the 1940's

Salla, Thiago Mio
Fonte: Fundação Casa de Rui Barbosa Publicador: Fundação Casa de Rui Barbosa
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
55.72%
Este artigo tem como objetivo analisar o tratamento conferido pelo Estado Novo brasileiro (1937-1945) a Machado de Assis, depois das celebrações oficiais do centenário do autor de Dom Casmurro em 1939. Se, no ano da efeméride, o governo se empenhou em alçar o romancista à condição de maior escritor brasileiro, no início dos anos 1940, no âmbito do Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP), o tom passa a ser outro: num contexto de prevalência de certo caráter social e documental da obra de arte, o próprio Getúlio Vargas, o ideólogo Cassiano Ricardo e os principais periódicos estadonovistas fazem menção ao suposto absenteísmo e à falta de "cor local" do fundador da Academia Brasileira de Letras.

Imagem e propaganda em Portugal durante a Segunda Guerra Mundial

Cardoso, Débora Marina Canhoto
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
35.94%
Mestrado em História Moderna e Contemporânea especialidade em Cidades e Património; Pretende-se nesta dissertação estudar a fotografia de caráter propagandístico relativa à Segunda Guerra Mundial, publicada em Portugal durante esse período. Tomando como atores centrais a Alemanha, enquanto potência do Eixo, e a Inglaterra, enquanto potência Aliada, verificámos que ambas utilizaram amplamente a fotografia como meio de persuasão e de propaganda de guerra. Partimos da observação e análise das fotografias de guerra publicadas em revistas de propaganda, editadas e distribuídas em Portugal a partir de 1940, sendo fontes centrais desta dissertação as revistas A Esfera (pró-Eixo) e o Mundo Gráfico (pró-Aliados). O que se pretende apresentar e defender é a grande dimensão que a propaganda de guerra teve em Portugal, através da ação dos beligerantes que formaram grupos de influência. Apesar de Portugal se ter afirmado como um país neutro, o fenómeno da propaganda em Portugal, sobretudo a que distribuída através de imprensa, fez com que se tornasse num Estado «colaborante» com os diversos beligerantes. Para melhor compreender este fenómeno, será utilizada uma metodologia onde as questões colocadas serão analisadas de forma comparada...

Semiótica de la propaganda : aplicación empírica de un modelo de análisis formal a portadas de prensa de la Guerra Civil Española

Pineda, Antonio; Macarro Tomillo, Antonio; Barragán Romero, Ana Isabel
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2012 SPA
Relevância na Pesquisa
55.92%
Aquest article es basa en l'aplicació d'un model dissenyat per a l'anàlisi semiòtica de la propaganda. El model s'aplica a una mostra de 182 portades de premsa procedents del diari ABC (en la seva edició madrilenya, políticament prorrepublicana) durant la Guerra Civil Espanyola. El model utilitzat estudia fonamentalment el procés de representació semàntica de les instàncies de poder propagandistes. En la present investigació, l'aplicació de conceptes i estructures formals del model es complementa amb la quantificació dels resultats empírics. Les portades analitzades s'entenen com a missatges propagandístics unitaris compostos per una imatge i un text; el grau en què ambdós codis convergeixen en un únic concepte propagandístic és un dels diversos aspectes de la Semiòtica de la Propaganda estudiats en aquest treball. Per mesurar aquesta convergència, els missatges són analitzats utilitzant el concepte teòric de el “propagandema” o unitat mínima de significat propagandístic. Els resultats evidencien que les portades d'ABC coadjuven a l'esforç de propaganda bèl·lica de la República, i funcionen bàsicament com un discurs a curt termini destinat a mantenir l'esperit de combat del bàndol republicà. No obstant això...

Propagandas de remédio na imprensa ilustrada e a imagem da enfermeira brasileira (1920-1925); Propagandas de remedios en la prensa ilustrada y la imagen de la enfermera brasileña (1920-1925); Medication advertisements in the illustrated press and the image of Brazilian nurses (1920-1925)

Porto, Fernando; Santos, Tânia Cristina Franco
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/09/2010 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
45.82%
Estudo histórico-social sobre efeito simbólico das propagandas de remédios protagonizadas por mulheres com representações objetais utilizadas por enfermeiras, veiculadas na Revista Fon-Fon, que descreve as propagandas de remédios veiculadas neste meio de comunicação; analisa as representações objetais da imagem da enfermeira presente nessas propagandas e discute o efeito simbólico dessas representações para o consumo do remédio pela sociedade brasileira. As fontes documentais foram escritas, iconográficas e literatura referentes à História do Brasil, da Imprensa, da Propaganda e da Enfermagem. As propagandas de remédios analisadas, mediante uma matriz de análise baseada em conceitos da semiótica, derivam da Revista Fon-Fon. O estudo evidenciou que as propagandas analisadas investiram em representações objetais utilizadas pelas enfermeiras, de modo a obterem credibilidade em relação ao medicamento anunciado.; Estudio histórico-social sobre el efecto simbólico de las propagandas de remedios protagonizadas por mujeres con representaciones objetivas utilizadas por enfermeras, publicadas en la Revista Fon-Fon, que describe las propagandas de remedios exhibidas en tal publicación, analiza las representaciones objetivas de la imagen de la enfermera presente en tales propagandas y discute el efecto simbólico de tales representaciones para el consumo del medicamento por parte de la sociedad brasileña. Las fuentes documentales fueron escritas...

TRABALHANDO COM CINEJORNAIS: RELATO DE UMA EXPERIÊNCIA

Souza, José Inacio de Melo
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 13/01/2005 POR
Relevância na Pesquisa
35.84%
O “Cine Jornal Brasileiro”, cinejornal oficial do Estado Novo, foi uma das formas de propaganda do regime ditatorial instituído em 1937. A sua produção foi feita, primeiro, pelo Departamento Nacional de Propaganda – DNP e, depois, pelo Departamento de Imprensa e Propaganda – DIP. Cinejornais são materiais fílmicos com larga circulação no país e de produção constante desde a segunda década do século XX até 1980, quando o gênero se esgotou. Os historiadores pouco têm explorado este tipo de documento visual, cuja leitura é tão complexa quanto a dos filmes de ficção. Tomando-se o “Cine Jornal Brasileiro” como estudo de caso, foram selecionados quatro tópicos para análise: a divisão do poder entre o ditador Getúlio Vargas e as Forças Armadas; a representação das classes sociais; os inimigos internos do regime (comunismo e nazi-fascismo) e externo (a luta contra o nazi-fascismo durante a II Guerra Mundial) e, por fim, a idealização de um tipo de nação empreendida pelas imagens. Working with newsreels: reporting an experience Abstract The “Cine Jornal Brasileiro” (Brazilian Newsreels), official newsreel of the Estado Novo (New State), was one among several forms of propaganda produced by the dictatorial regime proclaimed in 1937. Their production was made initially by the Departamento Nacional de Propaganda (National Department of Propaganda) soon replaced by the Departamento de Imprensa e Propaganda (Dapartment of Press and Propaganda). Newsreels are filmic materials with a large circulation in the country...

The British press and Greek politics, 1943-1949.

Koutsopanagou, Panagioula
Fonte: London School of Economics and Political Science Thesis Publicador: London School of Economics and Political Science Thesis
Tipo: Thesis; NonPeerReviewed Formato: application/pdf
Publicado em //1997 EN
Relevância na Pesquisa
45.62%
This thesis is a study of British attitudes towards Greece, during the period 1943-1949 through the eyes and voices of the British daily and weekly press. This study seeks to examine these attitudes within a period which started, in Europe and in Greece, with the best of hopes and expectations for world peace, democracy and social justice and ended finding Greece exhausted by a four-year civil war and the world separated into two opposed ideological and political blocks. It, therefore, observes the fluctuation of attitudes and opinions as they correspond to the changing world situation. It is also a study of Labour and Liberal opinion in Britain. The decisive four years (1944-1947) for the fate of the Greek crisis found Britain deeply involved in Greece. The conduct of British policy towards that country, since July 1945, as pursued by a Labour government, represented a real challenge for Labour and Liberal opinion concerning its ideological principles and morals. The nature of the Greek crisis and the strategic location of the country made it an important episode during the height of the Cold War, further complicating the country's already acute internal differences. Thus, this thesis is also a study of the press reactions to the hardening Cold War attitudes. The aim has been to discover whether the Greek developments themselves were faced on their merits or whether they were related to the Cold War climate; whether the attitudes towards Greece were kept with the general political and philosophical outlooks. Misconceptions...