Página 1 dos resultados de 9 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Desenvolvimento e sustentabilidade: um estudo de alianças estratégicas intersetoriais no empreendedorismo social; Development and sustainability: a study about intersectoral strategic alliances aplied to social entrepreneurship

Mendonça, Luciana Rocha de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/11/2007 PT
Relevância na Pesquisa
55.86%
Este estudo analisou duas experiências de alianças estratégicas intersetoriais realizadas entre empresas e comunidades na Amazônia no início do século XXI, com o intuito de identificar contribuições para as práticas de desenvolvimento sustentável a serem propostas por organizações privadas e públicas. Concluiu-se que, à despeito das necessidades de adaptação encontradas nos casos estudados, o aprendizado obtido com as práticas de alianças que vêm sendo realizadas na Amazônia, podem contribuir para o desenvolvimento socioambiental desta região. Percebeu-se um potencial imenso de alcançar resultados econômicos, sociais e ambientais se as alianças intersetoriais forem estimuladas e se elas passarem a fazer parte de fóruns de discussão mais amplos, superando preconceitos quanto ao papel de cada ator social e partindo de regras do jogo mais claras. Para chegar a esta conclusão foi montado um quadro teórico composto pela análise da dinâmica dos laços sociais em comunidades com pessoas provenientes de diversas regiões, e de algumas das formas possíveis de organização e participação comunitária. Também foi verificado se tais aspectos facilitavam ou dificultavam a criação e o respeito a regras formais e informais de convivência e o uso sustentável de recursos naturais. Além do papel do ambiente institucional e dos custos de transação em uma visão crítica do desenvolvimento sustentável. A motivação para este estudo se tornou evidente a partir do agravamento das conseqüências dos problemas ambientais e da urgência de se apontar alternativas que envolvessem os diversos atores sociais para lidar com os complexos desafios inerentes a uma região que triplicou sua população desde a década de 1970...

Literatura e informação estética: a oralidade pelas vias da poesia e da canção e seus usos na educação; Littérature et information esthétique: l'oralité par les voies de la poésie et de la chanson et leurs usages dans l'éducation.

Grossi, Maria Auxiliadora Cunha
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46%
Esta tese é resultado de uma pesquisa educativa e sociocultural que teve por objetivo descrever, analisar, fundamentar e propor procedimentos teóricos e práticos aplicados ao trabalho com a poesia e a canção, priorizados e ambientados no contexto da oralidade. A partir de trabalhos práticos desenvolvidos em sala de aula brasileira e francesa, e em espaços informais de educação e cultura, como bibliotecas e demais centros culturais, esta pesquisa pretendeu refletir sobre estas práticas, tomando como base teorias da literatura e da arte. Tais teorias subsidiaram reflexões fundamentadas nas relações existentes entre literatura, música, escola e indústria cultural, entre o discurso estético e o discurso pedagógico, buscando aproximar e redimensionar concepções teóricas e experiências de leitura. Esta investigação procedeu com uma análise comparativa entre as realidades educativas e culturais brasileiras e francesas e, inicialmente, apresenta reflexões sobre os processos de produção, mediação e recepção de cultura, buscando fundamentar e explicitar as formas pelas quais a recepção, o prazer estético e a mediação desencadeiam um conjunto de estímulos que se voltam não somente ao objeto artístico em si...

Práticas informais no ensino coletivo de sopros: um experimento no Guri; Informal learning practices in woodwind group lessons: an experiment at Guri program

Leme, Luis Santiago Malaga
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
116.22%
Este trabalho apresenta algumas contribuições para uma atualização metodológica e pedagógica do ensino de instrumentos de sopro em aulas coletivas inspirado pelas práticas informais de aprendizagem identificadas por Green (2008), Braga (2005) e Priest (1989) entre outros. As práticas informais são um conjunto de atividades identificadas pela literatura como típicas da música popular ou tradicional que possuem interesse para a educação musical formal. Suas características principais podem ser resumidas como: concessão de espaço e tempo para os alunos improvisarem e experimentarem; livre escolha do repertório e; maior uso de modelos visuais e sonoros dados pelo professor e por gravações trazidas à sala de aula. As práticas informais estão de acordo com a pedagogia de Paulo Freire na medida em que colocam a autonomia como meio de aprendizagem e não apenas como finalidade. A formalização das práticas musicais na direção da escrita e leitura de partituras é um processo antigo correlacionado ao desenvolvimento do racionalismo na história do pensamento ocidental em sua busca pela precisão, segundo Koellreutter (Brito, 2007). O caminho que as práticas musicais tomaram teve seu ápice no século XIX, sendo que o sistema de ensino dos conservatórios constituído nesta época perdura até os dias de hoje na educação musical...

Aprendizagem musical no canto popular em contexto informal e formal : perspectiva dos cantores no Distrito Federal; Musical learning in popular singing in formal and informal contexts : perspectives of the singers in the Federal District

Lima, Maria de Barros
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
45.97%
Dissertação (mestrado)–Universidade de Brasília, Instituto de Artes, 2010.; A recente inclusão de cursos de música popular nos circuitos acadêmicos acontece em um cenário no qual as práticas de aprendizagem vivenciadas pelos músicos populares em contextos informais ainda são pouco consideradas. No Distrito Federal, o Centro de Educação Profissional Escola de Música de Brasília (CEP-EMB) é a única escola técnica que oferece o Curso de Canto Popular. O CEP-EMB é procurado por cantores populares que atuam na região, e que trazem conhecimentos e habilidades adquiridos fora das instituições de ensino. Apesar disso, muitos desses cantores, ao iniciarem sua experiência no ensino formal, relatam dificuldades para terminar o curso. Este trabalho tem como objetivo investigar as perspectivas de cantores populares sobre a aprendizagem musical fora e dentro da Escola. Trata-se de estudo qualitativo de entrevistas, conduzido por questões que se referem às perspectivas dos cantores populares sobre os processos de aprendizagem vivenciados antes do ingresso no CEP-EMB; às razões que os levam à Escola; e o que pensam sobre a aprendizagem no CEP-EMB e sobre as possíveis articulações entre os dois processos de aprendizagem. Foi revisada ampla literatura sobre o canto popular...

Cultura(s) organizacional(ais) da universidade : a tomada de decisões para o provimento da carreira docente na Universidade Pública de Angola

Manuel, Tuca
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em 18/07/2013 POR
Relevância na Pesquisa
25.79%
Tese de doutoramento em Ciências da Educação (área de especialização em Organização e Administração Escolar); A cultura organizacional percecionada como pressupostos básicos inventados e desenvolvidos visando a adaptação externa e a integração interna das organizações, representa a matriz caraterizadora e diferenciadora das organizações. Deste modo, a proposta de investigar o tema: Cultura(s) Organizacional(ais) da Universidade - A Tomada de Decisões para o Provimento da Carreira Docente na Universidade Pública de Angola, aportado no modelo cultural de análise, reflete a necessidade de compreender a (re)criação e a manifestação da cultura organizacional da universidade, a partir das dinâmicas de conceção e da implementação do Estatuto da Carreira Docente (ECD). A complexidade organizacional e cultural da universidade, que resulta não só das suas funções substanciais (ensino, investigação e extensão), como essencialmente da sua estrutura e do seu funcionamento, sugeriu orientar-se pelas metodologias de investigação qualitativas, visando percecionar as racionalidades e os significados que os atores concedem às suas práticas e procedimentos. Assim, foi adotado o método de estudo de caso...

Ambiente de aprendizado ubíquo youubi: design e avaliação

Monteiro, Bruno de Sousa; Gomes, Alex Sandro (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Tese de Doutorado
BR
Relevância na Pesquisa
76.08%
A perspectiva de cenários dinâmicos e a cobrança por modernidade impulsionam a adoção, e supervalorização, de ferramentas baseadas nas tecnologias da informação e comunicação (TIC) nas práticas educacionais. Entretanto, sua adoção nas práticas de ensinoaprendizagem ainda se limita aos muros das instituições, sem perceber o contexto dos estudantes e ignorando suas motivações. Além disso, muitas iniciativas com essa preocupação ainda se restringem a pesquisas acadêmicas sem uma efetiva disponibilização e popularização das soluções propostas, na forma de artefatos de software, para estudantes e professores. Diante desses problemas, o presente trabalho se baseia nos princípios da aprendizagem ubíqua (u-learning), e se propõe a explorar situações de aprendizado em ambientes formais e informais; de forma lúdica; que utilize recursos tecnológicos de baixo custo; e que se reconheça o cotidiano, os interesses, as motivações e as interações sociais dos estudantes e professores. Para isso, estabeleceu-se como objetivo conceber, desenvolver e avaliar um ambiente de u-learning e distribuído sob uma licença open source, chamado aqui de Youubi; e analisar os impactos no engajamento dos estudantes...

A contribuição dos relacionamentos interorganizacionais no processo de aprendizagem em gestão empresarial: Um estudo em micro e pequenas empresas do Polo Design Center

AZEVEDO, Robson Ribeiro de
Fonte: Universidade Municipal de São Caetano do Sul Publicador: Universidade Municipal de São Caetano do Sul
Tipo: Tese ou dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.89%
Dissertação de Mestrado apresentada como exigência parcial para a obtenção do título de Mestre em Administração no Programa de Mestrado em Administração da Universidade Municipal de São Caetano do Sul.; A contribuição dos relacionamentos interorganizacionais no processo de aprendizagem em gestão empresarial: Um estudo em micro e pequenas empresas do Polo Design Center. O presente estudo propôs-se a estudar os relacionamentos interorganizacionais de empresas que atuam em Rede e foi realizado junto às empresas participantes do Polo Design Center, Rede Organizacional do segmento de arquitetura e decoração. O objetivo do trabalho foi verificar a contribuição dos relacionamentos interorganizacionais no processo de aprendizagem em Gestão Empresarial das micro e pequenas empresas que atuam em Rede. A pesquisa desenvolvida foi de natureza descritiva e dividida em 2 (duas) etapas. Na primeira teve como fontes de evidência entrevistas semiestruturadas com a direção e empresas participantes do Polo. Na segunda etapa foram encaminhados questionários por meio digital aos 68 gestores das empresas associadas ao Polo. O questionário foi respondido por 32 empresas. Assim, concluiu-se que as trocas de informações entre as empresas e demais membros da Rede...

A construção de rotinas defensivas: um estudo das deficiências de aprendizagem de uma escola de idiomas; The institutionalization of defensive routines: a study of learning deficiencies at a language school

Lima, Marcílio; UFSC - Florianópolis - SC; Silva, Narbal; UFSC - Florianópolis - SC
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2001 POR
Relevância na Pesquisa
35.79%
O presente trabalho aborda o tema "deficiências de aprendizagem nas organizações". O estudo foi realizado em uma escola de idiomas considerada líder de mercado em seu segmento nas localidades onde atua. A abordagem escolhida para a pesquisa de campo foi a qualitativa. Trata-se de um estudo de caso. O instrumento utilizado de coleta de conteúdos foi a entrevista frouxamente estruturada aliada à observação não estruturada dos autores do artigo, a partir de encontros informais na organização pesquisada. Os participantes da pesquisa, em número de cinco, ocupam cargos de direção e coordenação. Os modelos de Shaw e Perkins (1993) e Senge (1990), pertinentes às deficiências de aprendizagem organizacional, foram utilizados como referência para a elaboração do instrumento de coleta, como também para a acomodação dos conteúdos em categorias temáticas. As principais barreiras ao aprendizado organizacional reveladas pelo estudo foram as seguintes: ausência de espaço para livre expressão, restrição à experimentação de novas abordagens, comunicação organizacional deficiente, distância entre o discurso e as práticas e insensibilidade à percepção de mudanças sutis e graduais do ambiente externo. O estudo concluiu que...

Economia criativa e gestão da criatividade: o processo criativo nas comunidades de prática

Klaus, Vivian Sabrine; Pinheiro, Cristiano Max Pereira; Bessi, Vânia Gisele
Fonte: Temática Publicador: Temática
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2015 POR
Relevância na Pesquisa
35.78%
O artigo tem como tema o processo criativo no espaço das comunidades de práticas. A questão problema de pesquisa é: como ocorre a dinâmica do processo criativo nas comunidades de prática. Têm-se duas hipóteses que norteiam a discussão sobre a aplicação dos processos criativos em comunidades de prática: a) as comunidades de prática são espaços de aprendizado e neste contexto estimulam a criatividade e a inovação; b) estas comunidades podem preencher lacunas existentes nas estruturas organizacionais e, embora representadas muitas vezes por grupos informais, contribuem para o alcance dos objetivos das empresas. Para validar as questões, a metodologia é balizada em uma pesquisa bibliográfica que inicialmente caracteriza a economia criativa, reflete sobre a gestão da criatividade nas organizações, para em seguida discorrer a dinâmica do processo criativo. Por fim, aborda o processo criativo no ambiente das comunidades de prática (CoPs).Palavras-chave: Economia Criativa. Gestão da Criatividade. Processo Criativo. Comunidade de Prática.