Página 1 dos resultados de 7411 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

O efeito de um programa de actividades aquáticas na postura corporal de mulheres sedentárias

Gonçalves, Paula Rute Matias
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação Publicador: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.04%
OBJECTIVO: Foi objectivo deste trabalho estudar o efeito de um programa de Hidroginástica na postura corporal. Foram estudados 128 indivíduos adultos, do sexo feminino, com a faixa etária entre os 25 e os 87 anos de idade, estando divididos em grupo de controlo (GC, N=43) e grupo experimental (GE, N=85) que frequentava duas aulas por semana. O programa de treino teve a duração de 12 semanas consecutivas. Antes e após o programa foi avaliada a postura estática, a postura dinâmica e a postura funcional. MÉTODOS: No caso da postura estática foram realizados os seguintes testes: Apoio Unipodal, teste de Romberg, o teste do Alcance Funcional e Avaliação Fotogramétrica. Para a análise da postura dinâmica foi realizado o teste Time Up & Go. Para a postura funcional, foi realizado um teste funcional, nomeadamente a Escala de Berg. RESULTADOS: O programa de intervenção não induziu alterações significativas na postura estática quando avaliada pelo teste Romberg (variante de pés paralelos) e por Fotogrametria. Já com base no teste de Romberg (variante semi-tandem e tandem), Apoio Unipodal e Alcance Funcional a postura estática demonstrou melhorias no pós-teste. Verificou-se uma interacção significativa entre o tempo e o grupo...

Posture and body image in individuals with major depressive disorder: a controlled study; Postura e imagem corporal em indivíduos com depressão: um estudo controle

CANALES, Janette Zamudio; CORDÁS, Táki Athanássios; FIQUER, Juliana Teixeira; CAVALCANTE, André Furtado; MORENO, Ricardo Alberto
Fonte: Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP Publicador: Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
36.91%
OBJECTIVE: In this study, we aimed to quantify posture and body image in patients with major depressive disorder during episodes and after drug treatment, comparing the results with those obtained for healthy volunteers. METHOD: Over a 10-week period, we evaluated 34 individuals with depression and 37 healthy volunteers. Posture was assessed based on digital photos of the subjects; CorelDRAW software guidelines and body landmarks were employed. Body image was evaluated using the Body Shape Questionnaire. RESULTS: During depressive episodes (in comparison with the post-treatment period), patients showed increased head flexion (p < 0.001), increased thoracic kyphosis (p < 0.001), a trend toward left pelvic retroversion (p = 0.012) and abduction of the left scapula (p = 0.046). During remission, patient posture was similar to that of the controls. At week 1 (during the episode), there were significant differences between the patients and the controls in terms of head flexion (p < 0.001) and thoracic kyphosis (p < 0.001); at weeks 8-10 (after treatment), such differences were seen only for shoulder position. The mean score on the Body Shape Questionnaire was 90.03 during the depressive episode, compared with 75.82 during remission (p = 0.012) and 62.57 for the controls. CONCLUSION: During episodes of depression...

Influência do músculo Flexor Digitorum Brevis (FDB) na postura ortostática; The influence of Flexor Digitorum Brevis (FDB) muscle at orthostatic posture

Okai, Liria Akie
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/09/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.98%
A postura ortostática consiste na manutenção da projeção do centro de gravidade dentro da base de suporte dos pés. Esta simplicidade aparente esconde a enorme complexidade desta postura básica, uma vez que é através dela que outras atividades motoras são passíveis de serem realizadas. Para assegurar uma boa regulação da postura, o sistema de controle neural depende dos componentes de organização sensorial, biomecânico e de coordenação motora. Portanto, além da interpretação das informações sensoriais é extremamente importante analisar o controle das contrações musculares, ou mesmo, das sinergias. Os músculos do pé são co-ativos com os músculos da perna durante várias atividades motoras, como a postura ou a marcha. E, apesar da postura ser um tema bastante discutido e amplo, surpreendentemente pouca atenção tem sido devotada ao papel dos músculos do pé, principalmente na postura ortostática. Este estudo avaliou o papel do músculo Flexor Digitorum Brevis na postura ortostática. Esta avaliação foi realizada através: i) da análise dos efeitos de uma contração sustentada deste músculo sobre a postura ereta quieta; ii) da quantificação destes efeitos através de uma relação com o Sóleus e finalmente...

Fisioterapia em transtorno depressivo maior: avaliação da postura e imagem corporal; Physical therapy in major depressive disorder : assessment of posture and body image

Canales, Janette Zamudio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.98%
Introdução: O Transtorno Depressivo Maior (TDM) caracteriza-se por humor polarizado para depressão, diminuição de energia e atividade geral, assim como uma visão distorcida de si, do mundo e do futuro. Os pacientes podem apresentar postura corporal recurvada sem movimentos espontâneos e olhar abatido. Fatores intrínsecos e extrínsecos influenciam a postura corporal do indivíduo, tais como condições físicas do ambiente, estado sócio-cultural e emocional, atividade física e/ou obesidade. A imagem corporal, a qual é a imagem internalizada do próprio corpo, está intimamente ligada à postura. Objetivos: Avaliar a postura e a imagem corporal em pacientes com TDM no episódio depressivo (semana 1) e na remissão total ou parcial (semana 8 a 10), e comparar ao grupo controle. Métodos: Trata-se de um estudo casocontrole observacional com 34 pacientes, com idades entre 37,62 (±8,20), sendo 26(76,5%) do sexo feminino e 8 (23,5%) do sexo masculino, portadores de TDM de acordo com os critérios do DSM IV-TR. O grupo controle é composto de 37 sujeitos sadios do ponto de vista físico e mental, com idade entre 34,78(± 6,21), sendo 29 (78,4%) do sexo feminino e8 (21,6%) do sexo masculino.A avaliação postural foi realizada através da técnica de fotogrametria utilizando um simetrógrafo...

Postura corporal e função respiratória em indivíduos com deformidade dentofacial; Body posture and breathing pattern in individuals with dentofacial deformity

Branco, Rogerio Eduardo Santos Tiossi Castello
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
37%
Os desequilibrios na postura corporal podem ser resultantes de diversos fatores, sendo que as alterações no sistema estomatognático, principalmente as deformidades dentofaciais (DDF), alteram de forma significativa a postura de cabeça dos indivíduos acometidos por esse tipo de deformidade. As pesquisas têm demonstrado alterações da postura corporal em crianças com respiração oral, porém não foram encontrados trabalhos que relacionassem as condições posturais e respiratórias em adultos com DDF. Os objetivos deste trabalho foram identificar as principais alterações posturais em indivíduos adultos jovens com DDF; verificar se o modo respiratório influencia a postura de cabeça desses indivíduos e se a cirurgia ortognática modifica o modo respiratório e a postura de cabeça. Foram avaliados dois grupos, sendo o grupo DDF constituído por 15 adultos jovens com má oclusão esquelética em preparo ortodôntico para cirurgia ortognática de ambos os gêneros, e o grupo controle (GC), formado por 10 adultos jovens com harmonia dentofacial, equilibrados segundo o gênero e a idade com o grupo de estudo. Na análise da postura de cabeça foi utilizada a Biofotogrametria, que permitiu a obtenção de medidas angulares...

Dor cervical crônica  e postura em trabalhadores de escritório usuários de computador; Chronic neck pain and posture in computer office workers

Bragatto, Marcela Mendes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.94%
Introdução: A prevalência de disfunção musculoesquelética entre trabalhadores usuários de computador (TUC) pode variar entre 10 a 62% e os lugares mais acometidos são os membros superiores, pescoço, cabeça e a coluna vertebral. As queixas musculoesqueléticas nesses trabalhadores apresentam etiologia multifatorial e dentre as principais causas é possível citar aspectos posturais e fatores psicossociais. O Maastricht Upper Extremity Questionnaire (MUEQ-Br) é uma das poucas ferramentas existentes na literatura para avaliar aspectos ergonômicos e psicossociais relacionados ao trabalho com uso do computador. A dor cervical é a queixa musculoesquelética mais comum em trabalhadores de escritório usuários de computador. A coexistência entre dor cervical e disfunção temporomandibular (DTM) é comumente citada na literatura. A adoção da postura em anteriorização da cabeça para uso do computador pode estar associada ao aparecimento de sintomas orofaciais e cervicais. A posição sentada é a mais adotada nos ambientes de trabalho especialmente quando este envolve o uso de computador, entretanto, a manutenção dessa posição por tempo prolongado pode acarretar a adoção de posturas inadequadas e intensificar a sobrecarga nas estruturas do sistema musculoesquelético. Desta forma...

Influência de diferentes calçados sobre os percentuais da força peso aplicados na base de sustentação e a postura corporal em pé

Brino, Cintia da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.91%
Muitos estudos sobre a postura corporal têm sido feitos em diferentes faixas etárias, buscando verificar a influência de diferentes fatores sobre o posicionamento dos segmentos corporais na manutenção da postura em pé (Zatsiorsky e Duarte, 1999; Fialho e cols., 2001; Lima e cols., 2001; Mochizuki e cols., 2001; Wiczorek e cols., 2001). Nessas investigações os indivíduos são avaliados principalmente com pés descalços. Entretanto, sobre o uso do calçado, acessório indispensável ao ser humano na execução da maioria das atividades de vida diária, há poucas investigações. Diante disso, o objetivo deste estudo foi verificar se há influências de seis modelos de calçado com diferentes altura de salto (-0,9cm, 0,7cm, 5,0cm, 5,6cm, 7,5cm e 9,0cm) sobre os percentuais da força peso aplicados na base de sustentação e a postura corporal em pé de mulheres voluntárias que não apresentavam lesões músculo–esqueléticas. A amostra foi composta por 11 indivíduos, com idade, altura e massa médios, respectivamente, de 23 (± 2,24) anos, 159,67 (± 3,14) cm e 52,42 (±4,37) Kg. Para analisar a influência dos seis modelos de calçado sobre os percentuais da força peso aplicados na base de sustentação, quantificou-se a componente vertical (Fz) da força de reação do solo (FRS) através de duas plataformas de força (AMTI); para a análise da postura em pé realizou-se um estudo cinemático (Sistema Peak Motus 32)...

Boa postura : uma preocupação com a estética, a moral ou a saúde?; Good body posture : an esthetic, moral or health concern?; Buena postura : una preocupación con la estética, la moral o la salud?

Vieira, Adriane; Souza, Jorge Luiz de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.91%
A intenção neste estudo foi compreender, a partir de um olhar da Antropologia do corpo e da saúde, as motivações daqueles que procuram uma educação postural. Método: A análise das informações foi realizada a partir de 50 entrevistas semiestruturadas realizadas com participantes do programa de extensão “Escola Postural” da ESEF/UFRGS. Resultados: A análise das informações permitiu identificar o argumento principal para justificar o interesse em participar de um programa de educação postural: a vontade de ter boa postura. Conclusão: A importância dada à boa postura demonstrou uma interseção permanente entre saúde, estética e moral.; This study was to comprehend, from a Body and Health Anthropological point of view, the motivations from those who search a postural education program. Method: Fifty semi-structured interviews were analyzed. Results: One main argument was identify to justify their interest in joining a postural education program: the desire to have a good posture. Conclusion: The emphasis given to a good body posture shows a permanent intersection between health, esthetic and moral.; Nuestra intención en este estudio fue comprender, a partir de una mirada hacia la Antropología del cuerpo y de la salud...

Desenvolvimento de um circuito de avaliação da postura dinâmica das atividades de vida diária de escolares

Noll, Matias
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37%
Tradicionalmente, a utilização de questionários como instrumento avaliativo da postura corporal nas Atividades de Vida Diária (AVD’s) tem sido amplamente divulgada, seja em estudos descritivos, transversais e longitudinais, ou experimentais, como os programas educativos e as Escolas Posturais. Não obstante, o questionário é baseado em auto-relato, sendo dependente da percepção e do nível cognitivo do avaliado, o que pode resultar em um viés nos resultados, principalmente se os avaliados forem crianças e adolescentes. Deste modo, são necessárias metodologias válidas e reprodutíveis capazes de avaliar a postura corporal dinâmica a partir de observações e filmagens, minimizando o viés resultante do auto-relato. Procurando identificar os instrumentos de avaliação da postura dinâmica já publicados na literatura foi realizada uma busca sistemática de artigos em bases de dados (Scopus, ScienceDirect, PubMed, Scielo) publicados a partir da década de 1980 e no Banco de Teses e Dissertações da Capes. Os instrumentos propostos deveriam preencher os seguintes critérios: (a) avaliar a postura corporal durante a realização de AVD’s; (b) utilizar critérios pré-definidos de avaliação; e (c) avaliar a postura a partir de observação ou a partir de filmagem. Foram identificados oito artigos originais que apresentam instrumentos de avaliação da postura dinâmica...

Analise da postura pela fotogrametria em escolares

Azevedo, Liliana Aparecida de Paula
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 103 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
36.91%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Engenharia Mecânica - FEG; O presente estudo teve por objetivo contribuir para a melhora dos métodos de aquisição e processamento dos dados em fotogrametria para análise da postura, desenvolvendo para isso uma adaptação de baixo custo nos marcadores de superfície para estimar as curvaturas da coluna vertebral no plano sagital, buscar evidências e correlações da postura da coluna vertebral com a postura corporal e com os tipos de pés em escolares. A metodologia utilizou marcadores de superfície e hastes de prolongamento nos processos espinhosos das vértebras torácicas e lombares para determinar as relações e os valores angulares, utilizando o programa CorelDRAW X5®. A classificação dos tipos de pés foi realizada através das impressões plantares em papel utilizando o método descrito por Cavanagh e Rodgers (1987). As médias angulares da coluna vertebral e da postura foram comparadas e correlacionadas entre si bem como com os tipos de pés e com os dados antropométricos através dos testes de t Student, ANOVA, Kuskal-Wallis e Coeficiente de Correlação de Pearson. Para todo o estudo o nível de significância estatístico adotado foi 5%. Participaram do estudo 49 escolares com idade média de 8 anos e 5 meses...

Análise da prevalência de disfunção têmporomandibular e alteração de postura de cabeça em estudantes de odontologia da Universidade de Brasília

Faulin, Evandro Francisco
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
36.94%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2010.; Tendo em vista os estudos contraditórios em estabelecer uma correlação entre disfunção têmporomandibular (DTM) e postura de cabeça, o objetivo desse estudo foi avaliar a prevalência de DTM e alteração de postura de cabeça nos planos frontal e sagital em estudantes de odontologia da Universidade de Brasília. Métodos: Trata-se de um estudo transversal não randomizado; para estabelecer o diagnóstico de DTM foi utilizado o Research Diagnostic Criteria for Temporomandibular Disorders RDC/TMD (eixo I), para avaliação da postura anterior de cabeça no plano sagital foi utilizado o ângulo craniovertebral e para medir a inclinação lateral de cabeça no plano frontal utilizou-se a linha bipupilar. Para o cálculo das medidas de postura de cabeça foi utilizado o software SAPO. Foram avaliados 126 indivíduos divididos em Grupo de Estudo (46 alunos) e Grupo Controle (80 alunos) classificados de acordo com a presença ou não de diagnóstico de DTM. Resultados: a prevalência de diagnóstico de DTM ocorreu com mais freqüência no grupo III (processos degenerativos), seguida do grupo II (deslocamentos de disco) e por último o grupo I (alterações musculares)...

Que relação entre a aptidão física e a postura corporal? Estudo em crianças de 10 e 11 anos do concelho de Penafiel; Que relação entre a aptidão física e a postura corporal? Estudo em crianças de 10 e 11 anos; What relation between physical fitness and body posture? Study on children of 10 and 11 years old

Carneiro, Duarte Nuno Silva Oliveira
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 07/03/2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.91%
Dissertação de Mestrado em Estudos da Criança - Área de Especialização em Educação Física e Lazer.; Principalmente nas grandes cidades, as crianças passam grande parte do tempo em espaços de reduzidas dimensões e as suas actividades de lazer pautam-se, por uma vincada passividade como ver televisão, accionar jogos electrónicos e manipular pequenos brinquedos que minimizam a actividade física reduzindo-a a movimentos dos braços e pouco mais, muitas vezes em posições viciosas que comprometem as estruturas corporais. Deste conjunto de situações resulta, normalmente, o surgimento de alterações posturais, com principal incidência ao nível da coluna. Parece-nos, portanto, pertinente estudar e perceber se os indivíduos com melhor aptidão física apresentam menor incidência de alterações da postura, como desvios e desequilíbrios posturais. Para a realização do estudo foi utilizada uma amostra de 162 crianças de 10 e 11 anos, representantes de uma população de 344 alunos de uma Escola do Ensino Básica em Penafiel, que frequentam o 5º e 6º ano, das quais 86 são do género feminino e 76 do masculino. A recolha de dados teve dois momentos distintos, no primeiro procedeu-se à recolha dos dados relativos à aptidão física com a bateria de testes Fitnessgram e no segundo momento realizou-se a recolha dos dados referentes à postura dos sujeitos. Para avaliação da aptidão física foram utilizados os testes Índice de Massa Corporal (IMC)...

Influência das variações da postura sentada na função respiratória: revisão de literatura

Contesini,Adriana Maria; Garcia Jr,Agenor; Caromano,Fátima Aparecida
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Paraná Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.96%
INTRODUÇÃO: Os efeitos da postura sobre a função respiratória têm motivado pesquisas com o objetivo de rastrear alterações nos mecanismos de adaptação à mudança da postura corporal. A importância desse conhecimento está em compreender como essas alterações podem interferir na função respiratória de indivíduos saudáveis e em condições especiais, como obesos e gestantes. OBJETIVO: Realizar uma revisão bibliográfica para descrever o conhecimento produzido sobre as alterações da função respiratória em diferentes posturas corporais, em especial na postura sentada. MÉTODOS: Foram definidos os conceitos-chave da pesquisa: postura, postura sentada, testes respiratórios e função respiratória ou pulmonar; em seguida determinou-se o período de pesquisa que envolveu os anos de 2000 a 2010 (inclusive) e as bases de dados pesquisadas: SciELO, PEDro, Cochrane e Pubmed. RESULTADO: Encontrou-se que as primeiras pesquisas sobre função respiratória enfocavam alterações encontradas em mudanças significativas da postura corporal, geralmente em indivíduos saudáveis. O aprimoramento científico permitiu a incorporação tecnológica aos métodos de avaliação da função respiratória. Nos estudos sobre postura sentada...

A postura corporal e as funções estomatognáticas em crianças respiradoras orais: uma revisão de literatura

Machado,Patricia Girarde; Mezzomo,Carolina Lisbôa; Badaró,Ana Fátima Viero
Fonte: CEFAC Saúde e Educação Publicador: CEFAC Saúde e Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.94%
A postura corporal das crianças é objeto de crescente estudo na fisioterapia, assim como as crianças respiradoras orais o são na fonoaudiologia. Este estudo tem por objetivo verificar, na literatura científica, as funções estomatognáticas, a postura corporal e suas relações, em crianças respiradoras orais. Trata-se de uma revisão da literatura sobre a postura corporal, e o sistema estomatognático e suas relações em respiradores orais obstrutivos e funcionais. Buscou-se nas bases de dados eletrônicos MEDLINE, SCIELO e LILACS, e Googlecientífico, artigos que relacionassem esses temas nos últimos 10 anos. Os artigos selecionados foram organizados de acordo com os autores, o título, a origem, a faixa etária e o ano de publicação. Após a seleção dos textos, foram identificados apenas quatro trabalhos que relacionam postura, sistema estomatognático e respiração oral; dois que relacionam sistema estomatognático e postura; e a maioria, treze que estudam sistema estomatognático e respiração oral; dentre outros. Notou-se que há uma escassez de informações sobre a relação da postura corporal com o sistema estomatognático em respiradores orais. A escassez é ainda maior quando se compara o grupo de respiradores orais obstrutivos e respiradores orais funcionais relacionando a postura corporal com o sistema estomatognático.

Desenvolvimento de um exercitador lombar automático microcontrolado na prevenção da lombalgia relacionada à postura sentada

Kleinowski, Airton Luis
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.94%
A dor lombar ou lombalgia tem sido considerada uma das alterações músculoesqueléticas mais comuns nas sociedades industrializadas, a qual limita o trabalho, principalmente em indivíduos com menos de 45 anos de idade. Acredita-se que 80 % da população mundial teve ou terá um episódio de lombalgia em algum período da vida. A maior parte dessas dores são causadas por problemas musculares, em geral por retrações de músculos devido à má postura, esforço físico, movimentos repetitivos feitos de maneira inadequada e predisposição genética. A postura sentada, inerente a diversas profissões, como pilotos de avião, motoristas, atendentes de call center e ainda atividades escolares e domésticas, tem sido apontada também como fator causal para a lombalgia mecânica. Esta postura determina um menor gasto energético, quando comparada à postura em pé, mas se mantida por longos períodos, sobrecarrega estruturas passivas da coluna lombar (ligamentos, cápsula articular, fáscias e disco intervertebral), que são ricas em nociceptores, provocando dor. Exercícos passivos ou ativos neste segmento estimulam mecanoceptores que inibem os nociceptores, prevenindo e controlando a lombalgia mecânica. Objetivo - Este estudo objetivou desenvolver um protótipo que realize movimentos passivos ritmados da coluna lombar na postura sentada de forma automática...

Análise da postura da coluna vertebral no sirshasana, uma postura invertida de yoga com apoio sobre a cabeça

Giraldi, Nayane Martins
Fonte: Universidade Federal de Goiás; brasil; UFG; Faculdade de Educação Física (RG); Educação Física (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; brasil; UFG; Faculdade de Educação Física (RG); Educação Física (RG)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
37.03%
O objetivo deste estudo foi analisar a postura vertebral durante a execução do sirshasana, um ásana invertido de Yoga. Participaram voluntariamente deste estudo, 11 pessoas (63,0±11,4 kg; 166,4±8,0 cm; 29,4±8,8 anos) que eram capazes de realizar a referida postura. Marcadores adesivos, retrorrefletivos, planos, retangulares (8 x 12mm) foram colocados na pele para identificar os processos espinhosos das vértebras e outros pontos anatômicos de interesse no dorso. Cada voluntário realizou a marcha na esteira ergométrica a 5,0 km/h, a postura ortostática e o sirshasana. O nível de habilidade de execução do sirshasana foi avaliado por meio de análise qualitativa das filmagens e cada voluntário foi classificado como praticante em nível avançado ou intermediário. Durante as atividades, os marcadores dorsais foram registrados por 3 filmadoras mini-DV Panasonic NV-GS320. Por meio do software Dynamic Posture, os marcadores foram rastreados e suas posições foram reconstruídas tridimensionalmente com o método Direct Linear Transformation (DLT). A postura da coluna vertebral em um instante registrado durante a execução do sirshasana foi comparada com um instante na postura ortostática e com a postura média registrada durante a marcha. Sobre a projeção dos pontos da coluna no plano frontal e no plano sagital do tronco...

Modelagem e simulação do controle da postura ereta humana quasi-estática com reflexos neuromusculares; Computer modelling and simulation of human posture in standing with neuromuscular reflexes

Naves, Eduardo Lázaro Martins
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.94%
Este trabalho apresenta um modelo matemático computacional do sistema neuro-músculo-esquelético humano especialmente desenvolvido para o estudo da estabilidade da postura ereta quasi-estática. Em adição ao sistema muscular extrafusal abordado nos modelos musculares usualmente empregados para estudar o movimento e a postura humana, o modelo inclui dois outros componentes fisiologicamente importantes do sistema de controle postural: o sistema muscular intrafusal e as respostas reflexas intrínsecas provenientes de três estruturas neuromusculares (fusos musculares, órgãos tendinosos de Golgi e interneurônios inibitórios). O modelo global consiste num pêndulo simples invertido sustentado por um par de atuadores músculo-reflexo (Winters, 1995) acionados por um controlador proporcional-integral-derivativo (PID). Simulações do modelo foram processadas com e sem a contribuição dos reflexos modelados. Os resultados se apresentaram compatíveis com aqueles apresentados em outros trabalhos baseados em observações experimentais. Deste modo, três propriedades fundamentais do sistema de realimentação sensorial foram matematicamente comprovadas: (i) sua característica antecipatória, (ii) sua capacidade de manter de forma autônoma o corpo na postura ereta quasi-estática e (iii) a incapacidade do corpo em se sustentar naquela postura na ausência dos reflexos modelados. Isto permite concluir que tais reflexos desempenham um papel fundamental no controle da postura ereta quasi-estática humana. Este modelo pode ser usado para formular hipóteses a respeito da causa de déficits de feedback somatosensorial no controle postural durante a postura ereta. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT; This work presents a computer mathematical model of the human neuromusculoskeletal system specially designed to study the postural balance in standing. In addition to the extrafusal muscle tissue properties commonly used in traditional muscle models applied to study human movement and posture...

Avalia??o de curvas de postura de uma linha f?mea de frango de corte; Evaluation of Posture Rating curves of a female line of broilers

Cruz, Valdecy Aparecida Rocha da
Fonte: UFVJM Publicador: UFVJM
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.05%
Estimativas precisas e acuradas de par?metros gen?ticos e fenot?picos s?o de grande import?ncia para se alcan?ar progresso gen?tico em uma popula??o e se selecionar, de forma mais eficiente, os indiv?duos das linhagens espec?ficas nos programas de melhoramento gen?tico. Com isso, objetivou-se com este trabalho estimar os par?metros da curva de postura, utilizando os modelos de polin?mios segmentados e Wood (1967); e estimar par?metros gen?ticos e fenot?picos dos par?metros do modelo de polin?mios segmentados, assim como a tend?ncia gen?tica dos mesmos. Foram utilizados dados da produ??o de ovo semanal das 25 at? 64 semanas de idade provenientes de 2.398 aves de uma linha f?mea de frangos de corte. As curvas de postura foram ajustadas utilizando os modelos de polin?mios segmentados e Wood (1967). O modelo de polin?mios segmentados ? constitu?do pelos par?metros ?xp?- idade das aves ao pico de postura, ?P?- n?vel de produ??o no pico, ?s? - taxa de decr?scimo semanal na produ??o de ovos ap?s o pico, e ?t? - tempo entre o in?cio e o pico de postura. O modelo de Wood ? constitu?do pelos par?metros ?a? - taxa de produ??o inicial, ?b? taxa de acr?scimo at? o pico de produ??o, e ?c? taxa de decr?scimo ap?s o pico de produ??o. As estimativas das m?dias dos par?metros das curvas foram realizadas utilizando o PROC MEANS do SAS. A estima??o dos componentes de covari?ncias...

Adaptación del método GOSS para la medición de la postura tri-planar en sedente

Petrocci,Katherine Elizabeth; Gómez T,José Miguel
Fonte: Revista de la Facultad de Medicina Publicador: Revista de la Facultad de Medicina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 ES
Relevância na Pesquisa
36.94%
Antecedentes. La postura en sedente es un elemento esencial en la valoración global fisioterapéutica, el análisis en el campo de la ergonomía y la prescripción de silla de ruedas. De los métodos existentes, ninguno ofrece la combinación de ser comprensivo con el uso de técnicas de medición fáciles de implementar y económicas. Objetivo. Adaptar un método de medición tri-planar de la postura en bípedo a sedente. Materiales y métodos. Unidades de análisis incluyen el método de medición tri-planar de la postura en bípedo GOSS y documentos de referencia primaria y secundaria. Resultados. El método de medición GOSS-Petrocci identifica los parámetros (el sistema de referencia, los segmentos corporales, los puntos de referencia corporal) y los mecanismos (los instrumentos de medición y el protocolo de medición) de la postura en sedente. Conclusión. El método GOSS-Petrocci se utiliza para medir la postura en sedente en tres planos de manera comprensivo, utilizando fotometría lo cual permite entender la postura de acuerdo a la posición de mayor estabilidad/postura ideal y permite una implementación fácil en el ámbito clínico.

La oclusión dentaria en interacción con la postura corporal

Montero Parrilla,José Miguel; Morais Chipombela,Leonora da Conceição; Semykina,Oleksandra
Fonte: Revista Cubana de Estomatología Publicador: Revista Cubana de Estomatología
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 ES
Relevância na Pesquisa
36.94%
Introducción: en décadas recientes se ha sugerido que las alteraciones en el Sistema Estomatognático como las maloclusiones, pueden influenciar completamente la postura del cuerpo. Objetivo: identificar diversas variables oclusales según su interacción con la postura corporal. Métodos: se realizó un estudio observacional descriptivo transversal en el período comprendido entre febrero de 2011 y marzo 2012, en el cual se seleccionó una muestra de 122 estudiantes de 3er. año en la Facultad de Estomatología, de un universo de 235, sin dientes ausentes por otra causa que no sea el tratamiento ortodóncico. Se examinó la oclusión dentaria y posteriormente se realizó el examen postural. Resultados: los pacientes con la postura Tipo C, o sea con el plano escapular posterior y la cabeza en una posición más anterior, presentaron menores valores medios de resalte, espacio libre y mayor sobrepase, 2,86; 3,33; 3,40 mm respectivamente. El 40 % de los pacientes tuvo una postura Tipo B. Las interferencias oclusales en lateralidad se apreciaron en mayor medida en 66 pacientes con desequilibrio derecho de hombros y de pelvis. Conclusiones: los estudiantes con postura Tipo C, mostraron los menores valores medios de resalte, espacio libre y los que tenían la postura tipo E...