Página 1 dos resultados de 18 itens digitais encontrados em 0.140 segundos

Uma abordagem inovadora para melhorar a qualidade do processo de planejamento de parques tecnológicos

Zouain, Desirée Moraes; Plonski, Guilherme Ary; Damião, Devanildo; Paschoal, José Octávio Armani
Fonte: Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores - ANPROTEC; Recife Publicador: Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores - ANPROTEC; Recife
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
85.8%
Contexto : Este trabalho foi desenvolvido no contexto de políticas públicas para apoiar Parques Tecn ológicos no estado de São Paulo, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciênci a e Tecnologia e sua coordenadoria de Ciência e Tecnologia. Esta estrutura administrativa organiza e disciplina os projetos de parques tecnológicos no estado de acor do com o decre to nº 50.504/2006 e e stabelece um conjunto de estudos e planos a serem desenvolvidos pelos pleiteantes para conseguir o credenciamento no Sistema Paulista de Parques Tecnológicos (SPTec), tornando - o s aptos a requisitar apoio financeiro e institucional. Entretanto, no Brasil há ausência de um conjunto de referências de relevância que permitam orientar os elaborado res dos documentos e também aos responsáveis pela avaliação dos mesmos . Neste contexto, o presente trabalho r etrata a metodologia para o desenvolvimento do plano de maior criticidade nesse processo, o Plano para Ciência, Tecnologia e Inovação. Objetivos: Apresentar uma metodologia de referência para a análise de planos de ciência, tecnologia e inovação (C,T&I) qu e possibilite padronizar o desenvolv imento e a avaliação dos mesmos . Específico: Fomentar a discussão dos principais indicadores de CT&I...

Financiamento à inovação no Brasil : participação das empresas nos recursos não reembolsáveis do FNDCT; Funding to innovation in Brazil : firms participation in non-refundable resources of FNDCT

Beatriz Helena Sbrissa Lucafó
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
75.77%
O objetivo do presente trabalho é analisar se a entrada das empresas no Sistema de Ciência e Tecnologia, a partir da reforma da Política no âmbito do Ministério de Ciência e Tecnologia (atual Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação - MCTI), resultou em mudanças na lógica de aplicação dos recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT). A análise se pauta nos recursos não reembolsáveis aplicados pelas Agências de Financiamento vinculadas ao MCTI - a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Foram verificados os projetos contratados que tiveram a participação de empresas: projetos cooperativos, isto é, projetos realizados por instituições de ciência e tecnologia (ICTs) em parceria com empresas e projetos de subvenção direta. Os resultados encontrados e analisados baseiam-se nas informações divulgadas pelo MCTI, para o período 1999 - 2012, e que foram estruturadas em uma nova base de dados. Os projetos cooperativos foram selecionados segundo a presença de "intervenientes", como são conhecidos os parceiros das ICTs na linguagem dos contratos. No caso da subvenção, também foram selecionados e analisados os projetos contratados. Para o desenvolvimento deste trabalho...

Política científica no Brasil

Oliveira, Adriano de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xii, 137 f.| tabs., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
115.83%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.; Hoje o domínio da Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) tornou-se fundamental para a acumulação do capital e para a soberania dos blocos econômicos e países na chamada sociedade do conhecimento. Por isso, a definição e implementação de políticas de CT&I é fator primordial para a manutenção e conquista de poder econômico/político das nações e para a competitividade do setor produtivo. Em razão dessa materialidade, esta pesquisa objetiva analisar, em perspectiva histórica, a política de fomento à pesquisa e de formação de pesquisadores promovida pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) - principal órgão de fomento à pesquisa do Brasil - e a interferência/repercussão desta política no processo de qualificação e de formação de pesquisadores. Como metodologia de pesquisa utilizei a análise documental de leis, decretos, relatórios, atas, revistas, jornais e os documentos de política científica da Comissão Econômica para América Latina e Caribe (CEPAL) - Transformación Productiva com Equidad, da United Nations Educational...

Análise da política nacional de ciência, tecnologia e inovação em saúde (1990 a 2004) : a influência de atores e agendas internacionais

Andrade, Priscila Almeida
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
175.94%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Serviço Social, Programa de Pós-Graduação em Política Social, 2007.; Esta pesquisa analisa a influência de idéias e interesses de instituições internacionais no processo de formulação da Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde (PNCTIS) do Brasil, no período de 1990 a 2004. O tema insere-se na interface das áreas de Saúde Coletiva, Relações Internacionais e Ciências Sociais, constituindo, assim, o que ficou conhecido como a área de Saúde Global. A investigação adota o método dialético histórico-estrutural e utiliza modelos teóricos de análise de políticas públicas que abordam os processos de formação de agenda governamental e de formulação de políticas públicas. Utilizaram-se dados primários e secundários e realizou-se observação participante. O desenho de pesquisa abordou inicialmente a formação da agenda internacional de saúde, identificando os desafios e as perspectivas para a área de ciência, tecnologia e inovação em saúde (CT&I/S), com destaque para a pesquisa em saúde. Posteriormente, realizou-se exercício semelhante para compreender o processo desenvolvido em âmbito nacional...

O papel do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) e dos fundos setoriais no crescimento da produção de conhecimento no Brasil; The role of the National Fund For Scientific and Technological Development /Cross-Sectoral Funding in the expansion of knowledge production in Brazil

Santos, Catarina de Almeida; Moraes, Karine Nunes de; Lemos, Jandernaide Resende; Machado, Ana Maria Netto
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
125.66%
Este artigo tem como objetivo apresentar as análises parciais do estudo sobre a expansão da produção do conhecimento no contexto da Política de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) brasileira, tendo como escopo a criação dos fundos setoriais e seu impacto na receita orçamentária do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT). Buscamos identificar em que medida os fundos setoriais têm contribuído para a implementação da política de CT&I, bem como problematizar as interfaces estabelecidas com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). _______________________________________________________________________________ ABSTRACT; The role of the National Fund For Scientific and Technological Development /Cros-Sectoral Funding in the expansion of knowledge production in Brazil Abstract: This article sets out to present a partial analysis of the study on the expansion of knowledge production in the context of policies for Science, Technology and Innovation in Brazil, focusing on the setting up of cross-sectoral funds and their impact on the budget of the National Fund for Scientific and Technological Development. The study seeks to identify the extent to which cross-sectoral funds have contributed to the implementation of Science...

Políticas de ciência, tecnologia e inovação no Brasil no período de 2001 a 2010 : uma análise de impacto orçamentário

Queiroz, Glauber Pimentel de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
155.89%
Dissertação (mestrado)-Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em Administração, 2011.; A formulação e a implementação de políticas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) consistentes e adequadas às necessidades nacionais representam um papel fundamental na garantia do desenvolvimento econômico e social sustentável e na superação dos problemas do país. O estado moderno, nesse contexto, busca promover, articular e controlar as atividades científicas e tecnológicas e o processo de inovação nacional por meio do planejamento, fomento, incentivo, bem como execução dessas atividades. No Brasil, em particular, destaca-se a utilização de diversos instrumentos apoiados em uma visão sistêmica de atuação estatal a respeito da inovação, como os fundos setoriais de ciência e tecnologia e o aperfeiçoamento da legislação relativa aos incentivos fiscais para a inovação. Os documentos formais que registram as políticas explícitas em CT&I – com destaque para as publicações do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) – revelam uma crescente ênfase nos instrumentos que procuram assumir um caráter mais sistêmico e menos ofertista-linear. Contudo, os impactos dessas novas estratégias sobre as receitas e despesas das instituições públicas não são integrais nem imediatos...

A inserção dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia na política nacional de CT&I

Ribeiro, Tarcísio Araujo Kuhn
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
115.83%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2013.; Este trabalho analisa a Política Pública que originou os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia e sua inserção na Política Pública nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. Ambas são objeto da pesquisa, que demonstra como os Institutos Federais estão participando e contribuindo com a política de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil. Para tanto, o trabalho contempla uma revisão bibliográfica dos principais conceitos relacionados, faz um histórico da agenda pública da ciência e tecnologia no Brasil e discute a visões dos formuladores e implementadores da Política Pública dos Institutos Federais. Como parte da pesquisa empírica são apresentados números dos Núcleos de Inovação Tecnológica vinculados aos Institutos e entrevistas com dirigentes dos Institutos e do Ministério da Educação, para demonstrar os resultados concretos da ação dos Institutos no fomento à produção científica e tecnológica. Ao final, a pesquisa traz reflexões sobre as perspectivas dos Institutos para atuação na Política Pública de Ciência...

Ciência, tecnologia e inovação e desenvolvimento social : a ação do CNPq

Silva, Eleni Roberta da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
145.77%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2013.; Nesta dissertação, foi analisada a interação entre a política de desenvolvimento social e a política de ciência, tecnologia e inovação, em especial na ação do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) no período de 1995 a 2012. Para compreender as formas de atuação desse Conselho e suas abordagens referentes à dimensão social, uma primeira parte deste trabalho abordou rapidamente etapas anteriores a esse período, desde a criação do CNPq. A opção de focalizar esta análise a partir de 1995 teve sua justificativa na crescente preocupação com a dimensão social e o estabelecimento do desenvolvimento social como uma das vertentes centrais da macropolítica no Brasil. Nessa perspectiva, evidenciou-se que o CNPq tem executado, desde sua criação, ações relacionadas ao social. Além da análise da dimensão social na atuação do CNPq em uma perspectiva histórica, para o período mais recente, foi realizado um levantamento dos editais lançados por esse Conselho mais diretamente voltados para o aspecto social. A análise desses editais centrou-se nas parcerias e nas temáticas por eles priorizadas. Os dados demonstraram que os editais que se enquadram na dimensão social têm maior frequência nas temáticas “popularização e difusão da CT&I e melhoria do ensino de ciência” e “tecnologia social / extensão tecnológica”. Por sua vez...

A produção colaborativa de conhecimento dos grupos de pesquisa brasileiros e os desdobramentos das relações entre seus pesquisadores

Santana, Guilherme Alves de; Silva, Fábio Mascarenhas e (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
165.81%
A política em Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) no Brasil é marcada pelo fomento ao desenvolvimento de pesquisas e formação de recursos humanos de alta qualificação. Este cenário possibilita que agrupamentos de pesquisadores possam ter pesquisas financiadas, e consequentemente, a promoção e evolução científica e tecnológica no país. Por tais motivos, analisar o comportamento dos Grupos de Pesquisa é uma ação que permite avaliar seus desempenhos e a produtividade do setor de CT&I. Neste sentido, este trabalhovisa caracterizar e analisar o perfil da produção colaborativa de conhecimento dos grupos de pesquisa brasileiros e os desdobramentos das relações entre seus pesquisadores.De forma específica, a pesquisavisa:apontar origens históricas das relações sociais entre pesquisadores na ciência; discutir como a Política Nacional em CT&I influenciou a criação e colaboração científica em grupos de pesquisa; verificar a colaboração científica e os desdobramentos das relações sociais dos grupos de pesquisa em oito Grandes Áreas do Conhecimento; identificar as características e perfil de relacionamento de grupos brasileiros. Os dados dos grupos foram coletados no Diretório de Grupos de Pesquisa (DGP) e nos currículos dos pesquisadores cadastrados na Plataforma Lattes (PL)...

O papel do Fundo nacional de Desenvolvimento Científico e Tcnológico (FNDCT) e dos fundos setoriais no crescimento produção de conhecimento no Brasil; The role of the National Fund For Scientific and Technological Development /Cros-Sectoral Funding in the expansion of knowledge production in Brazil

Santos, Catarina de Almeida; Moraes, Karine Nunes de; Lemos, Jandernaide Resende; Machado, Ana Maria Netto
Fonte: Cristóvão Giovani Burgarelli Publicador: Cristóvão Giovani Burgarelli
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
125.66%
v.36,n.1,p.25-44,jan./jun. 2011.; Este artigo tem como objetivo apresentar as análises parciais do estudo sobre a expansão da produção do conhecimento no contexto da Política de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) brasileira, tendo como escopo a criação dos fundos setoriais e seu impacto na receita orçamentária do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT). Buscamos identificar em que medida os fundos setoriais têm contribuído para a implementação da política de CT&I, bem como problematizar as interfaces estabelecidas com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ This article sets out to present a partial analysis of the study on the expansion of knowledge production in the context of policies for Science, Technology and Innovation in Brazil, focusing on the setting up of cross-sectoral funds and their impact on the budget of the National Fund for Scientific and Technological Development. The study seeks to identify the extent to which cross-sectoral funds have contributed to the implementation of Science...

A política de CT&I no Jornal da Ciência : a visão da comunidade científica; Jornal da Ciência's viewon Science and Technology Policies

Clayton Bianchini Levy
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/11/2010 PT
Relevância na Pesquisa
125.79%
Este trabalho examina a atuação do Jornal da Ciência (JC), veículo impresso da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), na cobertura de temas relacionados à política nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I). Trata-se de um Estudo de Caso que examina a trajetória editorial do JC desde a sua criação, em julho de 1985, até julho de 2010. A metodologia central é a de Análise de Conteúdo, de natureza qualitativa, combinada, em alguns momentos, com a quantitativa. Examina como o JC, conhecido como "o amarelinho", exerce três das principais funções do jornalismo nas democracias contemporâneas: agendar os temas prioritários na esfera pública de discussões; promover a informação contextualizada sobre estes mesmos temas; e atuar como fiscal (watchdog) dos formuladores e executores de políticas públicas, colaborando para elevar o grau de transparência (accountability) dos mesmos. A pesquisa foi dividida em três etapas: 1) análise da evolução gráfica e editorial do JC; 2) análise das capas, incluindo manchetes, textos das chamadas e charges; e 3) análise das matérias que tratam especificamente de política de CT&I. O corpus foi constituído por 48 edições, tendo como fio condutor as gestões dos 14 ministros de CT&I no período de 1985 a 2010. Para cada ministro foram extraídas três edições...

Tribunais de contas : parceiros ou obstantes no processo brasileiro de desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação?; Courts of audit : partners or despite of the brazilian process of scientific technology development and innovation?

Maristella Barros Ferreira de Freitas
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
125.89%
Desde a construção do Sistema Nacional de Ciência e Tecnologia entre as décadas de 1960 a 80, o Estado brasileiro tem buscado o seu fortalecimento a partir da Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação - PNCT&I. Integrando o Sistema Nacional de Inovação - SNI, o Poder Público busca cumprir o seu papel enfatizado na Constituição de 1988 (artigo 218), formulando leis e regulamentos, articulando os atores envolvidos ao financiar a pesquisa e o desenvolvimento científico e tecnológico, e mantendo a infraestrutura de ensino, pesquisa e prestação de serviços tecnológicos. Nesse cenário, um novo ator ficou em evidência nas manifestações externalizadas no meio acadêmico e organizacional: os Tribunais de Contas, cujas atuações tem provocado preocupações das mais diversas naturezas no ambiente de CT&I brasileiro. Essa perspectiva leva a concluir que essas Entidades Fiscalizadoras Superiores - EFS, como parte do Poder Público, também integram o SNI, na medida em que o controle externo por elas exercido afeta o ambiente da Ciência, Tecnologia e Inovação - CT&I no Brasil. Em decorrência, surgiu a necessidade de investigar o assunto, tendo como objetivo principal conhecer de que maneira ocorre a influência dessa atuação na área de CT&I...

Evolução da execução orçamentária do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação entre 2001 e 2010; Texto para Discussão (TD) 1751: Evolução da execução orçamentária do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação entre 2001 e 2010

Queiroz, Glauber Pimentel de; Cavalcante, Luiz Ricardo
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
175.94%
O objetivo deste trabalho é analisar a evolução da execução orçamentária do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) ao longo da década de 2000, com o propósito de verificar se alterações em sua composição refletiriam maior ênfase às políticas de inovação amparadas no modelo sistêmico de inovação. O procedimento de coleta e análise de informações utilizou critérios de classificação que demonstrassem as mudanças mais significativas no perfil de aplicação de recursos públicos para o setor a partir de quatro eixos de atuação empregados pelo MCTI desde o início da década de 2000 (Sistema Nacional de CT&I, Inovação Tecnológica nas Empresas, Áreas Estratégicas e Desenvolvimento Social). Os resultados indicam que houve uma inversão na participação relativa entre os eixos “Expansão e consolidação do Sistema Nacional de CT&I” (eixo I) e “Promoção da inovação tecnológica nas empresas” (eixo II) no conjunto das despesas discricionárias do MCTI, o que sugere a incorporação do discurso modernizador do órgão em sua programação orçamentária. No entanto, não se pode concluir de imediato que estes recursos, uma vez aplicados no eixo de atuação destinado à inovação em empresas...

Fundos setoriais: avaliação das estratégias de implementação e gestão; Texto para Discussão (TD) 1136: Fundos setoriais: avaliação das estratégias de implementação e gestão; Sector funds: evaluation of implementation strategies and management

Pereira, Newton Müller
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
155.88%
O presente artigo analisa três compromissos que nortearam a introdução da política de fundos setoriais no país, que propugnavam ampliar e dar estabilidade de recursos ao sistema de Ciência Tecnologia e Inovação (CT&I); eleger o setor produtivo como agente central de suas ações; e requerer das agências de fomento envolvidas, Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o compartilhamento na gestão da nova política. Não obstante a política de fundos setoriais ter se pautado na oportunidade de vincular recursos à Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I), vem se tornando importante instrumento de fomento, visto responsabilizar-se por cerca de 30% dos investimentos do Ministério de Ciência e Tecnologia (MCT) nessas atividades. Todavia, constatou-se que os recursos aportados somente recolocaram os investimentos do ministério em seus patamares históricos. Constatou-se, também, que a participação empresarial, principalmente das Pequenas e Médias Empresas (PMEs), tem sido pequena, o que se atribui à fraca capacidade de sensibilização dos mecanismos utilizados e ao fato de a requerida gestão compartilhada entre as agências não ter sido alcançada...

Livro branco: ciência, tecnologia e inovação

Brasil. Ministério da Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) Publicador: Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT)
Tipo: Documento de política
POT
Relevância na Pesquisa
145.79%
78 p.; Este documento traça rumos para os anos vindouros da Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) brasileiras, num quadro de transformações mundiais. Traz uma síntese do que os inúmeros interlocutores da Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação, realizada em setembro de 2001 acordaram entre si para formar e consolidar, em um ambiente estimulante e indutor da inovação, um Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação cuja base científica e tecnológica seja internacionalmente competitiva, ampla, diversificada e nacionalmente distribuída.

Ciência, Tecnologia e Inovação para o Desenvolvimento Nacional: plano de ação 2007-2010: documento resumo

Brasil. Ministério da Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) Publicador: Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT)
Tipo: Livro
POT
Relevância na Pesquisa
195.84%
73 p., il. color., Documento informativo; O principal objetivo do plano é definir um amplo leque de iniciativas, ações e programas que possibilitem tornar mais decisivo o papel da ciência, tecnologia e inovação (C,T&I) no desenvolvimento sustentável do País.

Avaliação de políticas de ciência, tecnologia e inovação: diálogo entre experiências internacionais e brasileiras : seminário internacional

Brasil. Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Centro de Gestão de Estudos Estratégicos
Fonte: Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) Publicador: Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE)
Tipo: Documento de congresso
POT
Relevância na Pesquisa
135.76%
251 p.; Este trabalho tem como objetivo o fortalecimento e ampliação de uma base de conhecimento ampla e socialmente relevante; o fortalecimento da interação entre os diversos atores do sistema nacional de inovação e a descentralização das atividades de produção e uso do conhecimento, desenvolvimento regional e local nas políticas de CT&I. Além de enfatizar a importância da avaliação de políticas, instrumentos e programas de CT&I, e da necessidade de construção de capacidades e de referenciais conceituais, analíticos e metodo-lógicos para tornar a avaliação uma atividade sistemática, cujos resultados sejam incorporados ao processo de formulação e implementação de políticas.

Caracterização e Indicadores dos Projetos de Pesquisa do Instituto Nacional de Tecnologia

Cicero, Janete; Instituto Nacional de Tecnologia (INT) – Rio de Janeiro, RJ, Brasil – Divisão Gestão da Produção; Souza, Cristina Gomes de; CEFET/RJ – Rio de Janeiro, RJ, Brasil – Departamento de Engenharia de Produção
Fonte: Universidade Federal Fluminense - LATEC Publicador: Universidade Federal Fluminense - LATEC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 03/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
135.75%
Resumo: Esse trabalho tem por objetivo apresentar os resultados do levantamento dos projetos de pesquisa desenvolvidos no Instituto Nacional de Tecnologia (INT) a fim de identificar: (i) como esses projetos se inserem na política nacional de ciência, tecnologia e inovação; (ii) a abrangência das relações de colaboração nacional e internacional; (iii) a classificação dos projetos, quantitativo de recursos humanos, parcerias, resultados e órgãos de financiamento; e (iv) as facilidades e óbices identificados pelos coordenadores. Para compor o universo de estudo, foram selecionados os projetos ativos no ano de 2010 enquadrados nas seguintes modalidades: Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), Tecnologia Industrial Básica (TIB) e Energia. No total, foram analisados 63 projetos cujos dados foram obtidos a partir do SIGTEC, que é um sistema de informação do INT, e através de entrevistas com os respectivos coordenadores. O estudo apontou um conjunto de informações e indicadores que, além de servirem para preservar a memória técnica da instituição, podem contribuir para tomadas de decisão que envolvam o estabelecimento de políticas científicas e tecnológicas locais bem como de políticas mais amplas, de abrangência nacional. Palavras chave: políticas públicas; políticas de CT&I; indicadores de CT&I; projetos de pesquisa.  Abstract: This work aims to present the results of a survey of research projects developed in the National Institute of Technology (INT) in order to identify: (i) how these projects are inserted in the national policy for science...