Página 1 dos resultados de 101 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Participação política e gestão urbana sob o Estatuto da Cidade

Goulart,Jefferson Oliveira; Terci,Eliana Tadeu; Otero,Estevam Vanale
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Paraná Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2015 PT
Relevância na Pesquisa
46.37%
A versão hegemônica da democracia tem inspiração na abordagem de Schumpeter, legado do pluralismo liberal que a reduz à formação de maiorias legítimas por meio da representação. Não obstante, a democratização de países que passaram pelo autoritarismo proporcionou experiências inovadoras da sociedade civil em novos formatos participativos. No Brasil, essa experimentação tem particular expressão em nível municipal. No plano institucional, o Estatuto da Cidade regulamentou o capítulo da Política Urbana da Constituição Federal de 1988 e preconiza formatos participativos de políticas públicas de gestão urbana “por meio da participação pública e as associações representativas”. A construção dessa agenda resulta de imposição institucional e reflete decisões governamentais e demandas da sociedade civil. O texto analisa a participação, seu alcance para compartilhar decisões e em que medida esses formatos participativos dependem dos governos na implantação de novos paradigmas de gestão urbana. A abordagem combina análise teórica e empírica de processos de elaboração de Planos Diretores orientados normativamente pelo Estatuto da Cidade. A base empírica é formada por três cidades médias do interior paulista: Piracicaba...

Reestruturação urbana neoliberal e as empresas de ônibus na cidade do Rio de Janeiro

Matela,Igor Pouchain
Fonte: EDUC - Editora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Publicador: EDUC - Editora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.21%
Em 2010, a prefeitura do Rio de Janeiro realizou a concessão privada de todo o sistema de transporte por ônibus na cidade. Historicamente, os empresários do setor se constituíram numa das principais forças na coalizão de interesses na política urbana. Neste artigo, trabalhamos com a hipótese de que a reorganização do transporte está inserida num contexto de aprofundamento do processo de neoliberalização na escala urbana no Brasil que estaria desestruturando/reestruturando a coerência espacial anterior, implicando em mudanças nas coalizões políticas e em suas relações com o Estado. A modernização das formas de acumulação urbana tende a estabelecer uma regulação nos serviços públicos mais próxima da lógica de um mercado autorregulado.

Participa????o cidad?? e reconfigura????es nas pol??ticas urbanas nos anos 90

Brasil, Fl??via de Paula Duque
Fonte: Fundação João Pinheiro Publicador: Fundação João Pinheiro
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.47%
O artigo aborda as inst??ncias de participa????o nas pol??ticas urbanas que se multiplicam no cen??rio contempor??neo, a partir do tr??nsito de projetos societ??rios endere??ados ?? democratiza????o do planejamento e da gest??o das cidades. Sustenta-se que, a despeito da heterogeneidade das experi??ncias, dos seus limites, dificuldades e contradi????es (inerentes ao processo de reconstru????o das rela????es entre Estado e sociedade no Brasil), os canais de participa????o t??m configurado trilhas alternativas e novas linhagens de pol??ticas locais. No primeiro momento discutem-se os conceitos de p??blico e participa????o cidad??, mapeando possibilidades de influ??ncia dos atores societ??rios na forma????o da agenda e produ????o das pol??ticas urbanas. No momento seguinte, as inst??ncias de participa????o s??o objeto de exame, privilegiando-se os Conselhos Municipais de Pol??tica Urbana, suas caracter??sticas, pap??is, potenciais e alcances. Finalmente, det??m-se ilustrativamente no Conselho Municipal de Pol??tica Urbana e na Confer??ncia Municipal de Pol??tica Urbana de Belo Horizonte.

Desenvolvimento local e gest?o participativa: concep??o e pr?ticas do PDL na ocupa??o urbana do Riacho Doce, Bel?m-PA

SOUZA, Charles Benedito Gemaque
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.09%
Este trabalho analisa a concep??o do Plano de Desenvolvimento Local na ocupa??o urbana do Riacho Doce a partir da percep??o da equipe t?cnica e das viv?ncias dos moradores atingidos. Deste modo, revela a concep??o e as pr?ticas materializadas, em especial o projeto de gest?o participativa, revelando, deste modo, como as propostas inovadoras ostentadas no documento final foram implementadas na ?rea de interven??o, durante o per?odo de 2001 a 2004. Trata-se, enfim, de uma tentativa concreta de retomar a dial?tica espacial, contudo sem os dogmatismos e as opress?es que caracterizaram outras interpreta??es marxistas. Neste sentido, a atualidade da teoria do espa?o social em rela??o ? realidade do contexto urbano amaz?nico e, designadamente, com as contradi??es s?cio-espaciais presentes no cotidiano de Bel?m refor?a o exerc?cio de reconhecimento da validade do pensamento dial?tico para apreens?o da complexidade das cidades assim como para propor novas possibilidades.; ABSTRACT: In this work we analyze the realisation of a Project of Place Development in the occupation urban of the Riacho Doce through the space lived by opposition the space conceive, that is, to reveal the conception e the experience making, specially, the participation manegement...

A nova pol?tica de habita??o de interesse social no Par? (2007-2010): avan?os e limites

HOLANDA, Anna Carolina Gomes
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.5%
A presente disserta??o realiza um reflex?o acerca dos avan?os e limites da nova Pol?tica de Habita??o de Interesse Social no Par?, no per?odo de 2007 a 2010, identificando os principais obst?culos que se apresentam para sua implementa??o neste Estado, considerando especificamente a atua??o dos diversos n?veis do Poder P?blico. Entende-se que a institui??o do Sistema Nacional da Habita??o de Interesse Social pode ser considerada um avan?o para a pol?tica nacional, resultado da trajet?ria e do ac?mulo dos movimentos ligados ? discuss?o da Reforma Urbana no pa?s, apresentando um novo arranjo institucional, baseado no fortalecimento da pactua??o federativa e maior participa??o e controle social, em que se verifica ainda maior aporte de recursos federais e amplia??o da atua??o do Governo Estadual. Nesse sentido, o trabalho analisa mais particularmente as estrat?gias de descentraliza??o adotadas pela recente pol?tica, bem como os resultados alcan?ados principalmente pelas administra??es municipais paraenses, no tocante ao acesso aos recursos federais e execu??o de a??es neste setor. A pesquisa bibliogr?fica aborda a quest?o habitacional e urbana, Estado e pol?ticas sociais, descentraliza??o de pol?ticas sociais, pol?tica habitacional no Brasil e no Par? e urbaniza??o na Amaz?nia...

Planejamento, participa??o popular e gest?o de pol?ticas urbanas: a experi?ncia do projeto de macrodrenagem da Bacia do Una (Bel?m-PA)

PORTELA, Roselene de Souza
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.35%
O presente trabalho objetiva analisar o papel que a participa??o popular desempenha no processo de planejamento e gest?o da pol?tica urbana em Bel?m, tendo como refer?ncia o Projeto de Macrodrenagem da Bacia do Una. Busca-se, tamb?m, reconhecer o processo de incorpora??o da participa??o popular no Projeto de Macrodrenagem, assim como sua din?mica, composi??o, articula??o e a??es que direcionam e s?o direcionadas pelo Estado; analisar a import?ncia e as repercuss?es dessa participa??o popular no Projeto, buscando entender as estrat?gias adotadas pelos setores populares e sua poss?vel contribui??o ou n?o para o desenvolvimento do mesmo; al?m de constatar a perman?ncia ou n?o das organiza??es populares na fase de conclus?o das obras f?sicas, identificando os avan?os e as dificuldades em rela??o ? sua inser??o no processo de planejamento e gest?o de pol?tica urbana, via Projeto Una. Esse Projeto foi concebido na d?cada de 1980 com a finalidade de sanear as ?reas de baixadas da cidade, que sempre foram tidas como um problema a ser solucionado pelo poder p?blico A quest?o do saneamento b?sico tornou-se um dos mais graves e s?rios problemas, pois os governos que se elegeram, pouco ou quase nada fizeram para resolver essa situa??o, sendo efetivadas apenas algumas medidas corretivas e paliativas...

A representa??o pol?tica dos movimentos urbanos no conselho das cidades do Par?

ANDRADE, Daniela Lopes de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.48%
Este trabalho aborda a representa??o pol?tica exercida pela sociedade civil no conselho de pol?ticas p?blicas, visto que nesses espa?os ocorre a participa??o atrav?s da representa??o pol?tica de organiza??es da sociedade civil. Nesse sentido este trabalho realiza um estudo acerca do exerc?cio da representa??o pol?tica dos quatro movimentos urbanos de express?o nacional: Confedera??o Nacional de Associa??es de Moradores - CONAM; Central de Movimentos Populares - CMP, Movimento Nacional de Luta por Moradia - MNLM e Uni?o Nacional por Moradia Popular - UNMP no Conselho das Cidades do Par? na gest?o de 2008 ? 2010. Tendo como objetivo refletir como ocorre o processo de representa??o destes movimentos, o processo de autoriza??o, os v?nculos com a base dos seus movimentos no processo de consulta e presta??o das a??es pol?ticas no Conselho, como ocorre a formula??o das propostas pol?ticas e o a compreens?o dos representantes acerca do papel dos conselheiros. Foi realizada pesquisa de campo utilizando como instrumental a t?cnica da entrevista, sendo entrevistados nove conselheiros dos quatro movimentos. A pesquisa constatou que o processo de autoriza??o destes movimentos deriva da legitimidade da hist?ria de luta na defesa da bandeira da reforma urbana e que a escolha dos representantes ocorre internamente atrav?s da indica??o; h? um esfor?o em manter um v?nculo com a base do movimento...

O discurso e a pr?tica da participa??o social no Projeto ?Sanear Ananindeua?

SILVA, Simone Santos da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.21%
Este trabalho aborda o tema da participa??o social em projetos urban?sticos, pois entende-se que ? atrav?s da participa??o da sociedade civil na elabora??o das pol?ticas urbanas que se alcan?ar? a efetiva gest?o democr?tica das cidades. Diante disso, este trabalho realiza um estudo sobre a participa??o social dos moradores das ?reas Jaderl?ndia e Maguaria?? no Projeto ?Sanear Ananindeua?, objetivando identificar em que medida a participa??o social est? sendo contemplada no referido projeto e se a Caixa Econ?mica Federal (CAIXA) como operadora desse projeto fomenta de fato uma participa??o que esteja em conson?ncia com o modelo de gest?o democr?tica das cidades, sendo que o recorte temporal da pesquisa foi do ano de 2006 ao ano de 2010. A participa??o social ? o tema central desse estudo devido o projeto em foco estar recebendo recursos do Programa de Acelera??o do Crescimento (PAC) e porque atualmente a participa??o social em projetos urban?sticos ? uma exig?ncia do Minist?rio das Cidades (MCIDADES). Para atingir os objetivos propostos priorizou-se a pesquisa qualitativa, bem como as modalidades de pesquisa: bibliogr?fica, documental e de campo. Como resultado identificou-se que a gest?o municipal de Ananindeua est? distante de ser caracterizada como uma gest?o democr?tica...

Projeto de regulariza??o fundi?ria no bairro da Terra Firme: reflex?es sobre os limites da interven??o para a efetiva??o do direito ? cidade

LIMA, Elizabeth Simone Ramos de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.35%
O processo de ocupa??o desigual da cidade de Bel?m possui uma rela??o direta com o aumento da ocupa??o informal nesse munic?pio. As interven??es urban?sticas de cunho elitista resultaram em poucas interven??es do Estado no sentido de garantir o direito ? moradia digna as fra??es de classe popular, assim as ?reas de ocupa??o se tornaram entre as d?cadas de 1980 e 1990 praticamente a ?nica forma de provis?o da habita??o para os pobres. O Estado, por n?o apresentar alternativas para o problema da moradia, cede ?s press?es populares de forma limitada com a??es pontuais para amenizar os poss?veis conflitos. A regulariza??o fundi?ria urbana, apesar do discurso oficial, que apresenta a pol?tica como garantia ao direito ? cidade, n?o foge ? regra de outras pol?ticas estatais formal, pontual, fragmentada e descont?nua. Que ao contr?rio de representar formas de legitimar a equidade urbana acabam por exacerbar ?s express?es da quest?o social produto da desigualdade social que no Brasil se mostra cada vez mais danosa no campo ou na cidade.; ABSTRACT: The process of unequal occupation of the city of Bethlehem has a direct relation with the increase in informal employment in the county. The elitist nature of urban interventions resulted in fewer state interventions to ensure the right to decent housing for working class fractions...

Trabalho social e pol?tica habitacional: entre concep??es e discursos

SANTOS, Rita de C?ssia Barbosa dos
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.46%
A pesquisa em tela analisa a concep??o de Trabalho Social proposta pelo Minist?rio das Cidades e implementada pela Companhia de Habita??o do Estado do Par?. O trabalho social apresenta historicamente elementos que se reeditam e assumem novos contornos. A partir da cria??o do Minist?rio das Cidades, em 2003, inicia-se no Brasil um per?odo novo, no que diz respeito ?s pol?ticas de Desenvolvimento Urbano. No entanto, ? apenas em 2007 com o lan?amento do Programa de Acelera??o do Crescimento, que se ampliam os investimentos na pol?tica urbana. O trabalho social ? parte constituinte obrigat?rio nas interven??es de provis?o habitacional e nas interven??es de assentamentos prec?rios. No estado do Par?, o ?rg?o respons?vel pela implementa??o da pol?tica urbana ? a Companhia de Habita??o do Estado do Par?. A constru??o desta pesquisa ? orientada pela teoria social cr?tica, que permite compreender as m?ltiplas determina??es dos fen?menos que norteiam a tem?tica em quest?o. A pesquisa foi realizada com base no levantamento bibliogr?fico, documental e de campo, incluindo entrevistas com Assistentes Sociais que atuam nos projetos de Trabalho Social da Companhia de Habita??o do Estado do Par?. Constata-se que o discurso estatal da concep??o do trabalho social ? entrela?ado por determinadas categoriais previamente definidas. Assim...

A Amaz?nia ribeirinha e as pol?ticas de desenvolvimento do turismo no munic?pio de Camet?-PA

CORDOVIL, Jos? Carlos da Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.13%
O presente estudo, vinculado ? linha de pesquisa ?Gest?o Urbana e Regional?, aborda a crescente import?ncia do turismo, como estrat?gia de gest?o para o desenvolvimento e as a??es deliberadas no ?mbito do poder p?blico, que resultam no incremento da atividade. Tendo como foco de an?lise as pol?ticas p?blicas de desenvolvimento das atividades tur?sticas pensadas e implementadas no Munic?pio de Camet?, considerado como express?o s?cio-espacial ribeirinha da Amaz?nia, o trabalho se remete a uma an?lise geogr?fica do turismo, procurando identificar as pol?ticas que v?m sendo planejadas por meio de um conjunto de medidas de fomento ? atividade, nas v?rias esferas de poder, dando ?nfase, especialmente, ?s realizadas no ?mbito do Estado e do Munic?pio. Feita a organiza??o e sistematiza??o dos dados, das informa??es coletadas nas pesquisas bibliogr?fica e documental e nas entrevistas desenvolvidas junto aos turistas, ?s entidades ligadas ao turismo e ?s institui??es respons?veis pela elabora??o e execu??o das a??es, buscou-se captar as pol?ticas que direta ou indiretamente contribu?ram para o incremento do turismo em Camet?, tendo em vista, as modalidades incentivadas, as interven??es espaciais e a rela??o das pol?ticas pensadas com as particularidades s?cio-geogr?ficas locais. Os resultados revelaram que as pol?ticas de turismo ainda s?o incipientes em suas a??es pr?ticas...

Interven??o urbana integrada: concep??o, a??es e contradi??es: o caso do Projeto de interven??o urbana do Residencial Carlos Marighella

BRAGA, Olga Pinheiro de Oliva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.13%
O Residencial Carlos Marighella foi uma ?ocupa??o informal?, classificado em 2002, pelo Minist?rio das Cidades, como subnormal. Hoje ? um residencial que abriga mais de 2000 fam?lias, e est? localizado no tecido urbano do munic?pio de Ananindeua, na Regi?o Metropolitana de Bel?m (Par?). Sua ?rea ? entrecortada por dois igarap?s que passam por um processo acelerado de degrada??o, devido aos dejetos que s?o lan?ados em seu leito, sem qualquer tratamento. O Igarap? das Toras ? o mais afetado devido ? ocupa??o por cerca de 40 de fam?lias ao longo de suas margens. A constru??o desse territ?rio ? resultado de um movimento social de acesso ? moradia, o qual logrou alcan?ar o reconhecimento p?blico dos direitos ao territ?rio. Contudo, a popula??o mant?m rela??es contradit?rias com o meio ambiente e, em especial, com os cursos de ?gua ? a exemplo do Igarap? das Toras, o qual est? amea?ado em sua perenidade. Em 2006, o Munic?pio de Ananindeua, por meio de sua Secretaria de Habita??o, elaborou e apresentou proposta junto ao Minist?rio das Cidades, para a urbaniza??o de assentamentos prec?rios, com o apoio dos moradores da ?rea. E, em 2007, o projeto foi aprovado, contemplando a ?rea do Carlos Marighella, com recursos financeiros destinados ? interven??o urbana. A pesquisa teve como objetivo examinar como o projeto de interven??o urbana integrada interagiu com a popula??o local...

Viol?ncia homicida e a pol?tica de seguran?a p?blica no Brasil: um estudo de Marab?

GOMES, Laura Michele Serr?o Lima
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.31%
Esta disserta??o de mestrado tem como objetivo refletir sobre o crescimento da Viol?ncia Homicida em Marab? e a Pol?tica de Seguran?a P?blica, a partir de sujeitos que atuam em institui??es de seguran?a p?blica, assim como, representantes da sociedade civil que atuam na defesa de direitos em Marab?, sudeste do Estado do Par?. Utilizando-se do m?todo da teoria cr?tica realizou-se um panorama geral do quadro de viol?ncia homicida partindo do geral (Brasil) para o particular (Marab?), assim como, um panorama hist?rico da pol?tica de seguran?a implantada no Brasil do per?odo ditatorial (viol?ncia e barb?rie) at? a p?s- democracia, enfatizando os planos, projetos e a??es que se efetivaram a partir da d?cada de 90. Al?m disso, a pesquisa de campo, que enfatiza a fala de sujeitos que atuam na ?rea de seguran?a p?blica e/ou em institui??es de defesa de direitos no munic?pio, possibilitou compreens?es acerca da viol?ncia homicida e da pol?tica de seguran?a em Marab?. O percurso metodol?gico utilizado realizou-se por pesquisa qualitativa, norteada por pesquisas bibliogr?ficas, documentais e pesquisa de campo. Para apreender a realidade vivenciada por Marab? realizou-se sete (7) entrevistas, com os sujeitos que atuam na ?rea de seguran?a e com os sujeitos representantes da sociedade civil que atuam direta ou indiretamente na defesa de direitos da pessoa humana no munic?pio. A partir desse estudo infere-se que o processo democr?tico rompeu com pr?ticas utilizadas no regime ditatorial pelos agentes do Estado...

O verde na selva de pedra: an?lise jur?dica da prote??o da vegeta??o na ?rea urbana do munic?pio de Bel?m

FISCHER, Luly Rodrigues da Cunha
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.13%
O processo de urbaniza??o com a concentra??o da maior parte da popula??o mundial em cidades imp?e novos desafios ? organiza??o de assentamentos humanos e ? prote??o ao meio ambiente, afetando adversamente a qualidade de vida das pessoas e a sustentabilidade ambiental, que inclui tamb?m o meio ambiente urbano. Dentre as muitas vari?veis que interferem na sustentabilidade das cidades est? a presen?a da vegeta??o urbana, mas que n?o possui tutela espec?fica no ordenamento jur?dico brasileiro. Nesse contexto, este trabalho objetiva definir o conte?do jur?dico da express?o ?vegeta??o urbana? a partir da identifica??o e sistematiza??o dos dispositivos legais existentes no ordenamento jur?dico brasileiro que tutelem a flora no meio urbano no Munic?pio de Bel?m (PA). Utiliza o m?todo dedutivo e a pesquisa documental. Problematiza os conceitos de cidade, urbano, sustentabilidade e qualidade de vida. Discorre sobre as compet?ncias constitucionais sobre direito ambiental e urban?stico a partir de 1988. Sistematiza as principais categorias jur?dicas e n?o jur?dicas utilizadas para definir e estudar a vegeta??o urbana, bem como apresenta um resumo de suas principais fun??es, evidenciando suas diferen?as com o meio n?o-urbano e seu dinamismo, devendo a prote??o da vegeta??o urbana ser entendida como um processo. Conclui que n?o h? no ordenamento jur?dico brasileiro defini??o que abarque todas as particularidades da vegeta??o urbana...

O perfil da cultura pol??tica da cidade do Rio Grande em 2008

PINTO, Paulo S??rgio Mansija
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Ci??ncias Huamnas; Programa de P??s-Gradua????o em Ci??ncias Sociais; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Ci??ncias Huamnas; Programa de P??s-Gradua????o em Ci??ncias Sociais; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.49%
The Culture politics according to Almond and Verba (1963) is to the orientations specifically politics, the attitudes with respect to the system politician, its diverse parts and the paper of the citizen in the public life. To the measure that if explicit the standards of distribution of orientation for the action politics, the Culture Politics helps to bind individual trends to the characteristics of a system. In this scope it was objectified to investigate the culture politics of the riograndino citizen, breaking of the hypothesis of the culture politics of the riograndino citizen to show personalist and pragmatic, marked for phenomena as the discredit and the diffidence in relation to the politics and the politicians, beyond a strong feeling of inefficacy politics. Such phenomena would disclose to a culture fragmented and skeptical politics. It will be used as the quantitative research arrives in a set methodological, constituted of a sample of conglomerates (tax sector) of 400 voters of the urban area. Randomly it was defined, in a universe of (xn??) sectors of the city, (xn??) of sectors to search. Stipulating 10 questionnaires to the minimum sector, 15 to intermediary and 20 to the maximum. Survey composes in 24 questions for instrument form...

O professor de Educa????o F??sica na dire????o da escola p??blica estadual; El profesor de Educaci??n F??sica en la direcci??n de la escuela publica estatal.

QUINTANA, Julia Coelho
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Educa????o F??sica; Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o F??sica; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Educa????o F??sica; Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o F??sica; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.49%
El trajabo tiene como objetivo geral identificar como los maestros de Educaci??n F??sica se constitu??ran gestores2 de las escuelas da red estadual del ense??o de la ciudad del Pelotas-RS (gesti??n 2007-2009). Para que esos objetivos sejan alcanzados si fuera necesario comprender las relaciones que cercan las aciones del profesores de Educaci??n F??sica en el ejerc??cio de la gesti??n de la escuela y cu??l es lo factor que hacen com que participen de la administraci??n de las instituciones del ense??o. Por eso, recurrimos a realization de una investigaci??n cualitativa, en que hemos entrevistado nueve profesores-gestores de Educaci??n F??sica (cuatro directores y cinco vive-directores), que estaban na gesti??n de ocho escuelas de la ??rea urbana de Pelotas-RS, durante la execution del estudio. Junto con las entrevistas, fueran agregados infornaciones de la 5?? Coordenadoria Regional del Educaci??n y realizadas anotaciones en el diario del campo. Se realizaron entrevistas en la bandera oficial, anteriomente marcadas, y han utilizado un gu??a de preguntas semi-structured de naturaleza auto-biogr??ficas que crearon la posibilidad de comprender las razones que hab??an conducido personal y profesional que han optado por la actuaci??n en direcci??n escolar y su postura en esta funci??n y darse cuenta c??mo estos comprenden la gesti??n de la escula publica del estado. Como forma de analisis de la informaci??n han recurrido categorization de information y analisis del conteudo. Puso fin a analisis del discurso de los gestores y otros elementos utilizados en la coleta de las informaciones...

Por uma pol?tica de educa??o ambiental para as Cidades Amaz?nicas: uma reflex?o para o Servi?o Social

GUIMAR?ES, Jacqueline Tatiane da Silva
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.41%
Este estudo tem por objetivo analisar a compreens?o da dimens?o ambiental no espa?o urbano da Amaz?nia pelos assistentes sociais, inseridos nas principais interven??es urban?sticas do munic?pio de Bel?m, nas quais dentre elas h? o Projeto Portal da Amaz?nia, Macrodrenagem da Estrada Nova e o Projeto de Urbaniza??o da Vila da Barca. Para tanto, focamos nossas an?lises sobre o trabalho social dos projetos habitacionais e de urbaniza??o, citados, que tem a educa??o ambiental como uma de suas a??es de car?ter socioeducativo, indicando qual seria a centralidade da discuss?o ambiental em tais iniciativas fomentadas pelo poder p?blico, assim como a import?ncia e compreens?o do assistente social sobre esta demanda na regi?o amaz?nica. Ao nos debru?armos sobre este debate, realizamos uma pesquisa de car?ter explorat?rio a partir de pesquisa bibliogr?fica e documental, observa??o de campo e entrevista semiestruturada com os assistentes sociais de institui??es respons?veis pela promo??o da pol?tica urbana no munic?pio de Bel?m-PA, no momento: Secretaria Municipal de Habita??o (SEHAB), institui??o respons?vel pela pol?tica urbana do munic?pio; Construtora UNI Engenharia, atualmente empresa respons?vel pela execu??o do trabalho t?cnico f?sico dos projetos de urbaniza??o do munic?pio e a Construtora EFECCE...

Agricultura urbana y huertas familiares: propuesta de desarrollo y tejido social en el asentamiento poblacional Esfuerzos de Paz I de la Comuna 8 de Medell??n

Ram??rez S??nchez, Blanca Yuby
Fonte: Universidad EAFIT; Maestr??a en Gerencia de Empresas Sociales para la Innovaci??n Social y el Desarrollo Local; Escuela de Administraci??n. Organizaci??n y Gerencia Publicador: Universidad EAFIT; Maestr??a en Gerencia de Empresas Sociales para la Innovaci??n Social y el Desarrollo Local; Escuela de Administraci??n. Organizaci??n y Gerencia
Tipo: masterThesis; Tesis de Maestr??a; acceptedVersion
Relevância na Pesquisa
46.28%
Esta investigaci??n refleja los principales aprendizajes de una experiencia de agricultura urbana aplicada en el asentamiento de poblaci??n desplazada Esfuerzos de Paz I de la comuna 8 de Medell??n, en el marco del Programa de Cooperaci??n Internacional Antioquia Medell??n ??? Bizkaia Bilbao (AM-BBI), y generado en el desarrollo del proyecto ???De la Exclusi??n al Reconocimiento???, liderado por la Secretar??a de las Mujeres de la Alcald??a de Medell??n, entre los a??os 2008 y 2013 -- En esta ocasi??n se quiso mejorar la realidad social, econ??mica y cultural de esta poblaci??n afrocolombiana en situaci??n de pobreza extrema, a partir de un dialogo intercultural entre estos y la ciudad que hist??rica y sistem??ticamente los ha marginado, con el prop??sito de generar equidad y reconocimiento social -- En este proyecto el enfoque de etnodesarrollo constituy?? el eje transversal que orient?? el proceso para alcanzar los objetivos -- Con esta categor??a pol??tica se busca promover la participaci??n de la poblaci??n desde sus particularidades ??tnicas -- El proyecto de agricultura urbana caus?? un impacto en la din??mica organizacional de la comunidad de las participantes y transformaron sus esquemas referenciales cognitivos, y afectivos que las estructuran -- Y esto fue posible porque el tema...

Quebrada La Yesca y su entorno, una problem??tica en la ciudad de Quibd??: Una mirada a las condiciones de la alcald??a municipal de Quibd?? a trav??s de su gesti??n como planificadora del territorio, que incidieron en la problem??tica habitacional del contexto de la Quebrada La Yesca

Saldarriaga Ceballos, Juan Carlos
Fonte: Universidad EAFIT; Maestr??a en Gobierno y Pol??ticas P??blicas; Escuela de Humanidades Publicador: Universidad EAFIT; Maestr??a en Gobierno y Pol??ticas P??blicas; Escuela de Humanidades
Tipo: masterThesis; Tesis de Maestr??a; acceptedVersion
SPA
Relevância na Pesquisa
56.3%
El presente trabajo pretende realizar un an??lisis a la problem??tica habitacional que presenta el entorno de la Quebrada La Yesca, en la ciudad de Quibd?? -- Abord??ndola a partir de las condiciones institucionales, entendiendo la instituci??n como las administraciones p??blicas y sus dependencias encargadas del planeamiento y desarrollo del territorio, que a partir de 1991, cuando la problem??tica de la Yesca comenz?? a agudizarse, eran las encargadas de planificar, regular y controlar el proceso de ordenamiento y planeaci??n urbana para el desarrollo f??sico de Quibd?? -- Igualmente se presentar?? la perspectiva de la comunidad all?? acentuada, frente a la posici??n de las diferentes administraciones locales que afrontaron dicha situaci??n y frente la problem??tica en s?? -- Finalmente, el trabajo presentar?? algunas conclusiones en relaci??n a los factores pol??ticos o institucionales y su incidencia en la configuraci??n de la problem??tica que presenta la Quebrada la Yesca y su entorno -- Permitiendo esto, proponer algunas recomendaciones acerca de la incidencia institucional en la b??squeda de soluci??n del contexto urbano informal

Educa??o e emancipa??o: leituras da experi?ncia do alfa-cidad? na Transamaz?nica

MONT'ALVERNE, Clara Roseane da Silva Azevedo
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.28%
A presente Disserta??o de Mestrado tem como tema o analfabetismo que, ainda hoje, atinge parcela expressiva da popula??o brasileira, em especial, os segmentos sociais mais empobrecidos, sobretudo os que vivem no campo. Busca-se, aqui, problematizar se a interven??o da UFPA, efetivada por meio do Projeto Alfabetiza??o Cidad? na Transamaz?nica (PACT), projeto esse vinculado ao Programa Nacional de Educa??o na Reforma Agr?ria (PRONERA), enquanto instrumento de uma pol?tica p?blica voltada ? educa??o no campo, vem contribu?do, de que modo e em que medida, quer para a emancipa??o pol?tica, quer para a supera??o do analfabetismo nos espa?os campesinos da regi?o oeste do Estado do Par?. Para verificar as quest?es problema acima esbo?adas, optou-se, do ponto de vista metodol?gico, por realizar uma pesquisa bibliogr?fica e documental acerca de um projeto PACT que, atendendo ?s diretrizes do PRONERA, reuniu docentes e pesquisadores de diferentes ?reas do saber vinculados, em sua maioria, ? Universidade Federal do Par?. As an?lises evidenciam que, mesmo enfrentando obst?culos para o alcance de seus prop?sitos, pode-se afirmar que o PACT vem alcan?ando boa parte dos objetivos estabelecidos. Mas ? necess?rio atentar para as condi??es que estorvam a a??o educativa do projeto...