Página 1 dos resultados de 1655 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Relações de poder em parcerias de teletandem

Vassallo, Maria Luisa
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 295 f : il.
POR
Relevância na Pesquisa
46.11%
Pós-graduação em Estudos Linguísticos - IBILCE; Il presente studio, di natura esplorativa, ha l‟obiettivo di studiare le relazioni di potere in un contesto di apprendimento particolare: il teletandem. Il teletandem è una forma di lavoro collaborativo in coppia, a scopo di apprendimento di due lingue straniere, tra due partner parlanti competenti di lingue diverse, che imparano uno la lingua dell‟altro e si incontrano regolarmente on-line, realizzando sessioni nelle due lingue per chat scritta, audio e video, in modo indipendente o integrato in un curricolo istituzionale. I suoi principi fondamentali sono reciprocit~e autonomia. La ricerca è fondata sull‟analisi qualitativa di quindici interviste semistrutturate riferite a sette coppie di teletandem e a una coppia di tandem in presenza. Studia tre aspetti delle relazioni di potere in questo contesto di apprendimento: (a) punti di transito del podere; (b) basi del potere; (c) dinamiche di potere. Considera il potere come proprietà dinamica di relazioni e non come proprietà stabile di persone; adotta una visione relazionale, escludendo le visioni essenzialiste. Entro questi limiti, define il potere nel modo più ampio possibile: facendo riferimento a concetti transdisciplinari...

Estrutura organizacional do serviço de enfermagem: reflexões sobre a influência do poder e da cultura organizacional

Jericó,Marli de Carvalho; Peres,Aida Maris; Kurcgant,Paulina
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.11%
Este estudo discute a cultura e o poder influenciando a estrutura organizacional do serviço de enfermagem em um hospital de ensino. A partir da necessidade de padronizar os procedimentos de enfermagem por parte da administração geral do hospital, foi desenhada a estrutura organizacional (organograma) do Serviço de Enfermagem. Por causa desta situação, veio à tona o interesse dos enfermeiros gestores em ampliar o espaço de poder, fortalecendo a Enfermagem no ambiente intra-institucional.

Processo grupal e a questão do poder em Martín-Baró

Martins,Sueli Terezinha Ferreira
Fonte: Associação Brasileira de Psicologia Social Publicador: Associação Brasileira de Psicologia Social
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2003 PT
Relevância na Pesquisa
46.14%
O presente artigo trata da concepção de processo grupal e poder social enfocada por Martín-Baró.¹ O autor retoma a concepção de grupo presente no trabalho de Sílvia Lane, quando considera os aspectos pessoais, as características grupais, a vivência subjetiva e realidade objetiva e o caráter histórico do grupo. Na perspectiva da psicologia social, segundo o autor, é muito mais relevante a análise do papel do poder na vida cotidiana, no dia-a-dia das pessoas, do que se centrar nos acontecimentos excepcionais e não rotineiros. Considerando que grande parte da prática profissional do psicólogo, principalmente numa perspectiva psicossocial, envolve o trabalho com grupos, a abordagem da questão do poder passa a ter papel fundamental. Neste sentido, o contato com a produção de Martín-Baró é essencial e pode contribuir incisivamente no nosso trabalho cotidiano.

Campo psicossocial e jurídico: relações de poder nas decisões de conflito familiares

Santos,Marcia Regina Ribeiro dos; Costa,Liana Fortunato
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.14%
Este artigo discute, a partir da experiência adquirida por profissionais psicossociais do Serviço de Atendimento a Famílias com Ação Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios, as relações de poder presentes nos campos familiar, psicossocial e jurídico, com base em autores da Terapia Familiar, da Psicologia Jurídica e da Sociologia que fundamentem as questões apresentadas. O caso de Lorena ilustra o poder que existe nessas relações e nas inter-relações dos diferentes campos sociais, quando os avós materno e paterno disputam sua guarda na Justiça. Embora haja interesse da equipe psicossocial em compartilhar conhecimento com os profissionais do Direito, observou-se que o poder que perpassa pelos campos aqui referidos, apenas em parte atendeu à resolução do pleito. Ao final, questiona-se quanto ao futuro da família, à eficácia do trabalho dos profissionais do setor psicossocial e à participação da Justiça na disputa.

A relação teoria e prática na psicologia da educação: implicações na formação do educador

Schlindwein,Luciane Maria
Fonte: Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE) Publicador: Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.09%
Este trabalho tem por objetivo discutir a relação teoria e prática no campo da Psicologia da Educação e suas implicações para a formação do educador, a partir da análise dos trabalhos apresentados nas reuniões anuais da ANPEd (especialmente no Grupo de Trabalho Psicologia da Educação (GT20). O estudo envolveu a leitura de trabalhos encomendados, comunicações e pôsteres, apresentados nas reuniões anuais da ANPEd, no período compreendido entre os anos de 1998 e 2009. Os estudos apresentados nesta última década são indicativos de que temos uma aplicação da psicologia na escola, que basicamente é alimentada pela Psicologia da Aprendizagem. Os estudos sobre subjetividade, identidade e constituição do sujeito indicam uma preocupação com o ser humano (constituição da subjetividade), mas ainda com o enfoque muito psicológico. Ao que parece, ainda não superamos a dificuldade de se pensar esta subjetividade em termos de contextos mais amplos. E, o que prevalece, nestes estudos, são abordagens teóricas da psicologia do desenvolvimento. Outro bloco de estudos, apoiados principalmente na incorporação de contribuições da psicologia social são indicadores de uma possibilidade de olhar/se pensar a escola. Entretanto...

Afirmar uma Psicologia fortalecedora da vida com Nietzsche e Deleuze

Yonezawa,Fernando Hiromi
Fonte: Universidade Federal Fluminense, Departamento de Psicologia Publicador: Universidade Federal Fluminense, Departamento de Psicologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.14%
Neste estudo teórico, desejamos compreender a noção trazida por Nietzsche, de Psicologia como "morfologia da vontade de poder" e, também, investigar o problema filosófico destacado por Deleuze de liberar a vida do par ressentimento/má-consciência. Trazemos os conceitos de vontade de poder e eterno retorno como sendo elementos de transformação do enfraquecimento que a vida sofre sob obra do ressentimento e da má-consciência. Assim, chegaremos à noção de que a Psicologia pode funcionar como estudo de uma sensibilidade das forças vitais, trabalhando em favor de fortalecer a vida, liberando-a do peso da culpa, e sem se restringir à interioridade dos sujeitos.

Os novos quixotes da psicologia e a prática social no âmbito do terceiro setor

Paiva, Ilana Lemos de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social; Psicologia Social; Processos Psicossociais; Relações de Poder e Sociedade Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social; Psicologia Social; Processos Psicossociais; Relações de Poder e Sociedade
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.09%
A pesar del cuadro crítico de la pobreza y desigualdad social en que vivimos en el país, las perspectivas actuales apuntan para el fin del Estado Interventor y para la reducción del gasto público destinado a las políticas sociales. Con el enjugamiento del estado, el Tercer sector está encargado de pacificar la cuestión social, reduciéndola al ámbito del deber moral. Convocado al compromiso social, el psicólogo también empieza a trabajar en la frontera de la exclusión, sin cuestionar la finalidad y las implicaciones políticas del nuevo escenario. El objetivo de este trabajo es investigar la práctica social del psicólogo, en el ámbito del tercer sector , buscando el análisis que hace del nuevo campo de trabajo, así como las estrategias utilizadas en el enfrentamiento de la pobreza. Para la investigación, fueron realizadas 20 (veinte) encuestas semiestructuradas con psicólogos que actúan en instituciones del tercer sector . Las encuestas fueron analizadas cualitativamente, a la luz de la perspectiva gramsciana de sociedad civil y emancipación humana, bien como de los preceptos de la Psicología Comunitaria y Intervención Psicosocial. Utilizamos como base de análisis, todavía, el Método Comparativo Constante. Los resultados fueron agrupados en tres ejes: quien son los nuevos quijotes de la Psicología...

El maltrato entre iguales por abuso de poder en el ámbito educativo (bullying): las aportaciones de la estrevista semiestructurada

Gutiérrez Rodríguez, Héctor
Fonte: Universidade Autônoma de Madrid Publicador: Universidade Autônoma de Madrid
Tipo: Tese de Doutorado
SPA
Relevância na Pesquisa
46.11%
Tesis doctoral inédita, Universidad Autónoma de Madrid, Facultad de Psicología, Departamento de Psicología Evolutica y de la Educación, 2001

Estrutura organizacional do serviço de enfermagem: reflexões sobre a influência do poder e da cultura organizacional; Organizational structure of nursing services: reflections on the influence of the organizational power and culture; Estructura organizacional del servicio de enfermería: reflexiones sobre la influencia del poder y de la cultura organizacional

JERICÓ, Marli de Carvalho; PERES, Aida Maris; KURCGANT, Paulina
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Relatório
POR
Relevância na Pesquisa
46.31%
Este estudo discute a cultura e o poder influenciando a estrutura organizacional do serviço de enfermagem em um hospital de ensino. A partir da necessidade de padronizar os procedimentos de enfermagem por parte da administração geral do hospital, foi desenhada a estrutura organizacional (organograma) do Serviço de Enfermagem. Por causa desta situação, veio à tona o interesse dos enfermeiros gestores em ampliar o espaço de poder, fortalecendo a Enfermagem no ambiente intra-institucional.; This study addresses the culture and power influencing the organizational structure of the nursing services at a teaching hospital. The Nursing Service organizational structure (organization chart) was outlined due to the need of the general management of the hospital to standardize the nursing procedures. Due to this situation, the nursing managers' interest has arisen to widen the power setting, strengthening nursing in an intra-institutional environment.; Este artículo analiza cómo la cultura y el poder influyen en la estructura organizacional del servicio de enfermería en un hospital-escuela. Basados en la necesidad de protocolizar los procedimientos de enfermería, por parte de la administración general del hospital, se diseñó la estructura organizacional (organigrama) del Servicio de Enfermería. De esta forma fue evidenciado el interés de los enfermeros-jefes por ampliar el poder...

El poder en los proyectos

Ocampo Galvis, Michsell
Fonte: Universidad EAFIT; Maestría en Administración - MBA; Escuela de Administración. Departamento de Organización y Gerencia Publicador: Universidad EAFIT; Maestría en Administración - MBA; Escuela de Administración. Departamento de Organización y Gerencia
Tipo: masterThesis; Tesis de Maestría; acceptedVersion
SPA
Relevância na Pesquisa
46.29%
Este trabajo presenta un esquema general del comportamiento de los perfiles de poder aplicado por personas que trabajan en proyectos. Argumenta con base en la observación, que el ser humano en sí mismo es tan mutable como la variabilidad de su ambición personal, que en determinado momento puede adoptar uno ó más perfiles con el fin de alcanzar lo que se ha propuesto y manipula ó se deja manipular solo bajo sus propios criterios con el fin de cambiar/mejorar sus circunstancias personales. Así mismo, no aplica una receta predeterminada para el manejo de relaciones de poder, sino que mediante la ilustración de casos reales e históricos, identifica algunas de las características que permiten evaluar y diferenciar cada estilo de influencia que ejerce sobre su entorno, el grupo de trabajo y sus coterráneos.; 38 p.; This paper presents an overview of the behavior of the profiles of power used by people working on projects. He argues, based on the observation that the human being itself is so changeable as the variability of personal ambition, which at one time may take one or more profiles in order to achieve what has been proposed and manipulated or left manipulated only under its own criteria in order to change / improve their personal circumstances. Likewise...

El desarrollo humano en la psicología jungiana. Teoría e implicancias clínicas

Sassenfeld Jorquera, André Michel
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
46.11%
Psicólogo; La psicología transpersonal, establecida formalmente durante 1969 en los Estados Unidos, es una disciplina que, por un lado, se ha propuesto la dificultosa tarea de estudiar los fenómenos transpersonales desde el punto de vista psicológico y, por otro lado, busca encontrar una equilibrada integración y “fusión de la sabiduría de las tradiciones espirituales del mundo con el saber de la psicología moderna” (Cortright, 1997, p. 8). Así, está interesada en fomentar un diálogo hasta hace pocos años inexistente o, al menos, intermitente y asistemático entre las teorías, las prácticas y los representantes más destacados del campo de la psicología contemporánea y la profunda comprensión de la naturaleza y el funcionamiento del ser humano que yace en las enseñanzas y las prácticas que constituyen el núcleo esencial de las diferentes tradiciones contemplativas milenarias. En este sentido, la psicología transpersonal intenta unir “las perspectivas psicológicas occidentales sobre el desarrollo humano y la psicopatología y el entendimiento contemplativo oriental de la consciencia y los estados óptimos de salud” (Rubin, 2003, pp. 36-37). Esto significa que sus propósitos no se limitan a promover un enriquecimiento conceptual de la psicología moderna en base a la sabiduría contenida en las grandes tradiciones espirituales...

El Demonio y la Sombra El problema del Mal desde la psicología analítica de Carl Gustav Jung

Barrionuevo Durán, Camilo
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
46.32%
Magíster en Psicología Clínica de Adultos; El problema que aquí nos convoca es tan antiguo como el nacimiento de la consciencia de sí en el hombre, pues conjuntamente con la capacidad de autopercatación deviene –como ya lo señala el Génesis– la consciencia del bien y del mal como posibilidades de representación simbólica. Incluso en la psique primitiva, sumergida mayormente en el magma difuso de la inconsciencia (Jung, 1931b), emerge la noción de lo maligno. Es por tanto necesario un grado de diferenciación de la consciencia bien básico para que ya aparezca en la psique la distinción religiosa entre las entidades luminosas y benéficas de las demoniacas y oscuras. No hay cultura sobre el planeta, ni época alguna en que un pueblo humano no se haya enfrentado a la noción del mal y lo demoniaco. Por más primitiva que sea la cultura, en la medida que ya exista algún grado de reflexión consciente, se instala indefectiblemente en el corazón del hombre la intuición sobre el lado oscuro de la naturaleza y la divinidad, emerge la pregunta por las entidades de la noche, del mundo de los muertos, de los dioses y demonios que encarnan una cualidad oscura y malévola (Hillman, 1979). ¿Cuántas generaciones y generaciones de hombres han sido ya atrapados por la quemante reflexión?: ¿Que es el mal?...

Estresse em profissionais de enfermagem: impacto do conflito no grupo e do poder do médico; Estrés en profesionales de enfermería: impacto del conflicto en el grupo y del poder del médico; Stress among nursing professionals: effects of the conflict on the group and on the physician's power

Costa, Daniele Tizo; Martins, Maria do Carmo Fernandes
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/10/2011 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
46.22%
Este estudo propôs-se a investigar o impacto das percepções de conflito intragrupal e de bases de poder do médico sobre o estresse de profissionais de enfermagem. Para tanto, foram aplicados em 124 técnicos e auxiliares de enfermagem de um hospital universitário as Escalas de Estresse no Trabalho, de Percepção de Bases de Poder do Supervisor e de Percepção de Conflitos Intragrupais e um formulário de dados sóciodemográficos. A maioria apresentou baixos níveis de estresse (58%), percebeu conflito intragrupal numa gradação média e o poder legítimo como o mais utilizado pelos médicos. Resultados de análises de regressão stepwise revelaram que conflito de tarefa e poder de coerção são preditores diretos de estresse, enquanto idade revelou-se preditor inverso. Destacam-se a importância do papel do médico responsável pela percepção de estresse na equipe de enfermagem e a necessidade de buscar soluções para os conflitos de tarefa e, consequentemente, reduzir o estresse nesses profissionais.; Se objetivó investigar el impacto de percepciones de conflicto intragrupal y de bases de poder del médico sobre estrés de profesionales de enfermería. Para ello, se aplicaron en 124 técnicos y auxiliares de enfermería de hospital universitario las Escalas de Estrés Laboral...

Affirming a life strengthener Psychology with Nietzsche and Deleuze; Afirmar uma Psicologia fortalecedora da vida com Nietzsche e Deleuze

Yonezawa, Fernando Hiromi; Universidade Federal do Triângulo Mineiro - Curso De Psicologia
Fonte: Eduff Publicador: Eduff
Tipo: ; ; ; Avaliado por pares; Pesquisa conceitual Formato: application/pdf
Publicado em 30/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.18%
In this theoretical study we want to understand the concept brought by Nietzsche of Psychology as “morphology of the will to power” and also investigate the philosophical problem highlighted by Deleuze of releasing life peer resentment/bad conscience. We bring the concepts of will to power and eternal recurrence as elements to transform the weakening suffered by life under the deed of resentment and bad conscience. Thus, we cum to the notion that psychology can perform as study of the vital force´s sensibility, working for strengthening life, freeing it from the burden of guilt and not been limited to the subject´s interiority.; Neste estudo teórico, desejamos compreender a noção trazida por Nietzsche, de Psicologia como “morfologia da vontade de poder” e, também, investigar o problema filosófico destacado por Deleuze de liberar a vida do par ressentimento/má-consciência. Trazemos os conceitos de vontade de poder e eterno retorno como sendo elementos de transformação do enfraquecimento que a vida sofre sob obra do ressentimento e da má-consciência. Assim, chegaremos à noção de que a Psicologia pode funcionar como estudo de uma sensibilidade das forças vitais, trabalhando em favor de fortalecer a vida, liberando-a do peso da culpa...

Las diversas caras del poder: poder para el desarrollo humano

Constanzo, Alba Ximena Zambrano; Departamento de Psicología, Universidad de La Frontera. Temuco, Chile.
Fonte: ECOS - Estudos Contemporâneos da Subjetividade; ECOS - Estudos Contemporâneos da Subjetividade Publicador: ECOS - Estudos Contemporâneos da Subjetividade; ECOS - Estudos Contemporâneos da Subjetividade
Tipo: ; Formato: application/pdf
Publicado em 21/12/2012 ES
Relevância na Pesquisa
46.2%
A partir de una revisión conceptual, se analiza el rol del poder en los procesos de desarrollo humano. Se argumenta que el poder adquiere distintas caras, y aunque se reconoce el poder dominación como una expresión recurrente, se propone la necesidad de favorecer procesos que favorezcan la capacidad y posibilidad de  acción de los individuos y los colectivos para poder alcanzar sus propósitos de vida desde la lógica del poder potencia. En aquellos  colectivos que se encuentran en condiciones de desventaja, se hace necesario el requilibrio del poder mediante procesos de empoderamiento o fortalecimiento. En el artículo se destaca el valor del empoderamiento comunitario y el rol que pueden ejercer agentes externos en su potenciación desde la acción comunitaria. 

Ciência e poder: perspectivas da Psicologia Social contemporânea; .

Faermann Eizirik, Marisa; Pós-graduação em Psicologia Social e Institucional - UFRGS.; Galli Fonseca, Tania Mara; Pós-graduação em Psicologia Social e Institucional - UFRGS
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/1999 POR
Relevância na Pesquisa
56.25%
Este trabalho analisa algumas relações entre ciência e poder, tendo como base as contribuições de Michel Foucault, e como foco a Psicologia Social, enquanto campo epistemológico de produção de conhecimentos e de efetivo exercicio de práticas sociais. A crise da Psicologia Social é discutida a partir da reflexão sobre o tempo social contemporâneo, marcado pela globalização e pela pluralidade. A análise aponta para a necessidade de profundas mudanças nos discursos e práticas cientificas e profissionais, propiciandomodificações nos regimes de verdade que constituem a Psicologia Social e nos modos de subjetivação que são produzidos nela, e a partir dela.; This paper analyses some relations between science and power, based upon the ideas of Michel Foucault, with the focus on Social Psychology as an epistemological field of production knowledge and effective exercise of socialpractices. The crisis of Social Psychology is discussed, starting from thereflection on the actual social time, marked by globalization and plurality.This analysis indicates urgency of deep changes in scientific and professional discourses and practices, providing modifications on truth regimes which constitute Social Psychology and on the modes of subjectivation produced within and derived from it.

Adaptation and Validation of the Supervisor’s Power Bases Scale; Adaptação e Validação da Escala de Bases de Poder do Supervisor (EBPS)

Martins, Maria do Carmo Fernandes; UFU - Uberlândia - MG; Guimarães, Vanessa da Fonseca
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2007 POR
Relevância na Pesquisa
46.29%
Social influence has been studied for five decades by psychology. It is exercised through bases of power defined as inputs used by an individual in order to influence another one. In organizational context bases of power utilized by supervisors produce impact in aspects diverse. Therefore this study aim was to esteem the Bases Supervisor Power Scale factorial validity. The 20 items were translated and adapted. Responses of 312 employers were submitted to factorial analysis (principal’s axis) with PROMAX rotation. Were retained 4 factors with values ≥1,0, witch explain 59% of total variance, with 16 items with charges ≥0,30, denominated based of power of: referent, coercion, reward and legitimate. The base of power known as referent was not identified in this sample. Cronbach’s Alphas values (0,72 a 0,85) and items total correlations (0,52 a 0,64) revels adequate reliability. Discussion compared results of this study with others studies related.; Influência social, estudada há cinco décadas pela psicologia, é exercida por meio de bases de poder, insumos utilizados por uma pessoa para influenciar outra. No contexto organizacional, bases utilizadas pelo supervisor produzem impacto em importantes variáveis da área. O objetivo deste estudo foi validar a Escala de Bases de Poder do Supervisor (EBPS). Os 20 itens foram traduzidos e adaptados. Respostas de 312 trabalhadores foram submetidas à análise fatorial (eixos principais) com rotação PROMAX. Retiveram-se 4 fatores com valores próprios ≥ 1...

Configurações de poder organizacional e estilos de caráter

Paz, Maria das Graças Torres da; UnB - Brasília - DF; Mendes, Ana Magnólia Bezerra; UnB - Brasília - DF; Gabriel, Iannis
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2001 POR
Relevância na Pesquisa
46.21%
Contemplando diferentes níveis de análise e diferentes metodologias, o estudo tem por objetivo investigar as relações entre as configurações de poder organizacional - autocracia, missionária, instrumento partidário, sistema fechado e meritocracia - e os estilos de caráter narcisista, obsessivo, coletivista, individualista heróico e cívico, considerando o caráter como uma manifestação do comportamento organizacional, quando estabelecidas relações simbólicas entre o indivíduo e a organização, e o poder como a capacidade de afetar os resultados organizacionais. Realizado em duas etapas, o primeiro estudo tem por finalidade analisar as configurações citadas; usa a Escala de Configuração do Poder Organizacional aplicada em duzentos empregados de uma empresa, 15% da sua população, que compuseram a amostra estratificada. O segundo estudo usa entrevistas coletivas e semi-estruturadas para identificar os estilos de caráter predominantes na empresa, tendo participado 16 funcionários divididos em dois grupos - chefes e subordinados. De acordo com os resultados, os indivíduos percebem sua organização como Sistema Fechado, com forte coalizão interna, tendo padrões de comportamentos associados ao estilo de caráter coletivista...

Percepção da influência no contexto do poder organizacional; Influence perception and power in organizations

Neiva, Elaine Rabelo; UnB - Brasília - DF; da Paz, Maria das Graça Torres; UnB - Brasília - DF
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2005 POR
Relevância na Pesquisa
46.21%
Este estudo considera a distinção entre poder organizacional e influência pessoal e apresenta como objetivos: 1) identificar as configurações de poder de duas organizações públicas; 2) verificar o quanto os indivíduos se percebem como usuários dos sistemas de influência organizacionais e o grau em que se percebem como influenciadores da unidade em que trabalham (autopercepção); 3) verificar o grau em que os indivíduos são percebidos como influenciadores da unidade em que trabalham (hetero-percepção); 4) estabelecer relações entre as variáveis anteriormente citadas e as variáveis demográficas. Foram aplicadas, a 202 funcionários de duas organizações, as escalas de Configuração de Poder Organizacional e de Autopercepção do uso dos sistemas de influência organizacionais e uma escala de Percepção de Influência no setor de trabalho. Os resultados retrataram que as organizações têm configurações semelhantes e que os sujeitos se consideraram exercendo mais influência do que realmente exercem de acordo com a percepção dos colegas.; There is a lack of clarity on the definitions of power and personal influence. Power and personal influence have been studied as separated phenomena in Social and Organizational Psychology...

Supervisor's power bases, intra-groups conflicts, and organizational and team commitment.; Bases de poder do supervisor, conflitos intragrupais e comprometimento organizacional e com a equipe

Guimarães, Vanessa da Fonseca; UnB; Martins, Maria do Carmo Fernandes; Universidade de Uberlândia
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
46.21%
The employee interaction among his the environment and colleagues produces effects on the level of organization commitment and team commitment expressed by him. Its study intended to test a capacity of prediction of intragroups conflicts and supervisor power bases on organizational commitment and team affective commitment. In order to investigate these relations, reliable scales were applied in 148 employees in organizations from Uberlândia and region. Results of regressions analysis indicated that the reward power base and the relationship conflict explained 30% of the variance of affective team commitment, and the expert power base and the relationship conflict explained 24% of the employee's affective organization commitment. Results were discussed and compared with another studies. Further researches were proposed.; A interação do trabalhador com seu meio e com seus colegas de trabalho produz reflexos no seu comprometimento com a organização e com sua equipe de trabalho. Para investigar tais relações, este estudo teve como objetivo testar a capacidade de predição das bases de poder do supervisor e dos tipos de conflitos intragrupais percebidos na equipe de trabalho sobre o comprometimento organizacional e o comprometimento afetivo com a equipe de trabalho. Para medir as variáveis...