Página 1 dos resultados de 8 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

Qualidade do atendimento de creches: análise de uma escala de avaliação; Quality of day care centers: analysis of a scale of assessment

Silveira, Scheila Machado da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
18.62%
No momento em que a creche integrou o sistema educativo brasileiro, o Estado depara-se com o desafio de estabelecer parâmetros de qualidade e critérios de avaliação do atendimento oferecido às crianças de 0-6 anos. Desta maneira, uma avaliação instrumentalizada da qualidade de ambientes de creches poderia auxiliar nesta tarefa. Dada a inexistência de instrumentos brasileiros, esta pesquisa objetivou verificar a adequabilidade para o nosso contexto da versão traduzida da escala norte-americana Infant/Toddler Environment Rating Scale Revised Edition, utilizada internacionalmente para avaliar a qualidade do atendimento oferecido para crianças de 0-30 meses. Essa escala é composta por 39 itens agrupados em sete subescalas, que contemplam diversas dimensões do ambiente de creches: Espaço e mobiliário (5 itens); Rotinas de cuidado pessoal (6); Falar e compreender (3); Atividades (10); Interação (4); Estrutura do programa (4); Pais e equipe (7). Tais itens servem de guia para observações feitas nas várias áreas da creche, durante atividades rotineiras de uma turma de crianças e sua(s) educadora(s); com base nas condições observadas e nas descrições dos indicadores de qualidade da escala, o avaliador atribui pontuação de 1 (inadequado) a 7 (excelente) para cada item. Esta pesquisa englobou quatro etapas: (1)análise semântica; (2)treinamento e familiarização com a escala; (3)verificação da discriminabilidade; (4)verificação da concordância entre aplicadores treinados. Na Etapa 1...

Acervo lúdico do CPA: organização, classificação e manutenção

Norimatsu, Natália Keiko Silva
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
POR
Relevância na Pesquisa
16.97%
We know that play is directly linked to the development and growth of the child. Thinking in this context, were created recreational spaces, more known as playrooms or toy libraries. This research seeks to understand the playful objects used in more visits with children, realized CPA, FC UNESP - Bauru. Therefore, it was necessary to identify the objects necessary to the demands of users of CPA, they were psychology trainees, fellows extension projects, graduate students, teachers and the subjects treated population served. Composed over 1000 objects, the collection must be appropriate to the needs of the CPA. The research in question is characterized as a case study, is related to our shares a scholarship project Playing in the Center for Applied Psychology - CPA, held in the collection playful and Toy CPA, FC UNESP - Bauru, used, in this case, as a field for this research. Watching the playful collection, daily, some questions have arisen about this space became in this study. The data collection period was from September 2011 to September 2012. As an instrument for data collection was mounted a notebook control in order to check the movement of the objects of the collection, also applied a questionnaire to teachers and trainees working in the CPA. At the end of the study we can say that the symbolic games and rules are the objects that are related to care provided in the CPA because of its capabilities to assist in various aspects of the development of children...

Toys from hospital playrooms as a source of pathogens in nosocomial infections

Ramos, Sonia Regina Testa da Silva
Fonte: Sociedade de Pediatria de São Paulo Publicador: Sociedade de Pediatria de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /09/2014 EN
Relevância na Pesquisa
16.97%

A práxis ludo-pedagógica do professor da pré-escola; The teacher's ludo-pedagogical practice of preschool education

Eliana Maria Magnani
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 03/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
17.71%
Esta pesquisa resultou de uma longa caminhada, durante a qual se identificou que muitos educadores apresentavam dificuldades no entendimento e atendimento aos interesses e necessidades lúdicas infantis. Diante disso, e da (re) implantação de brinquedotecas ocorridas, desde 2004, pela Secretaria de Educação, nos Centros Municipais Infantis (CMEIs), de uma cidade do sudoeste do Paraná, resolveu-se compreender a práxis ludo-pedagógica de professoras da pré-escola. Inicialmente, visitaram-se todos os (treze) Centros e, em seguida, ministrou-se um curso para educadores dessas instituições. Durante sua realização, identificou-se que havia entre eles três concepções referentes ao brincar: dirigido, livre e mediado. Essas informações serviram como condução para este estudo. Posteriormente, analisaram-se em quatro CMEIs (denominados de cores): a concepção e a função das professoras no tocante ao brincar e brinquedoteca; como eram selecionados e adquiridos os brinquedos que compunham o acervo desse ambiente; e com o que e como as crianças brincavam em diferentes tempos e espaços dessas instituições. Realizaram-se as ações por meio de entrevistas semiestruturadas, questionários, observações e filmagem da prática lúdica das professoras. Na revisão teórica...

Kids' rooms as plus territory

Winther, Ida
Fonte: Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Educação Publicador: Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2006 ENG
Relevância na Pesquisa
16.97%
It has become a condition for modern people to be ‘on the move’ (Bauman 1998, Rushdie 1995, Diken 1998). We move physically, mentally and, especially, virtually. The new global space and the use of new technologies undermine the old conception of Home. These days Home has to be revitalized. It is important, because at home we try tactics ‘to home oneself´. An ability even more important than ever, because we move away from the hegemonic idea about one home to the tactics to feel at home, eventually in more mobile ways. I have examined how some children at the age 10-11 make themselves at home. How they domesticate, capture territories and places. What do our children do to get place, space and rooms, which belong to them? How do they do home? ‘To home oneself’ can be understood as a self-technology or a tactic (de Certeau, 1984), a tactic to make space around oneself on the places one stay. A way to commit oneself in between the well known and the un-known. It is a tactic one can use other places that at home, also in schools or in other kind of pedagogical relationships. - Tornou-se uma condição dos tempos modernos o “estar em movimento” (Bauman 1998, Rushdie 1995, Diken 1998). Nós movimentamo-nos fisicamente...

Assessment of early childhood educational environments; Avaliação de ambientes educacionais infantis

Oliveira, Mariana Almeida de; Furtado, Rosângela de Assis; Souza, Tatiana Noronha de; Campos-de-Carvalho, Mara Ignez
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2003 POR
Relevância na Pesquisa
16.97%
Dada a ausência de instrumentos brasileiros para avaliação de qualidade da educação infantil, desenvolvemos estudos com duas escalas norte-americanas (Early Childhood Environment Rating Scale-ECERS e Infant/Toddler Environment Rating Scale-ITERS), examinando sua precisão à realidade brasileira. Cada item (ECERS-37; ITERS-35) é pontuado de 1 a 7, conforme instruções específicas, observadas durante atividades do grupo. Foram avaliadas turmas de instituições filantrópicas, municipais, privadas e universitária, obtendo-se: (1) índice de acordo entre dois avaliadores independentes acima de 85%, indicando um nível satisfatório de precisão; (2) baixo nível de qualidade do atendimento nas redes filantrópica e municipal, nesta havendo melhor qualidade; (3) nível satisfatório de qualidade em pré-escolas privadas e alto nível na creche universitária. As escalas discriminaram os vários modelos de instituição, diferenciaram as turmas entre si e aspectos satisfatórios ou deficitários em cada turma, essencial para a proposição de mudanças, visando melhoria na qualidade do atendimento oferecido.; Due to the lack of Brazilian instruments that assess the quality of childhood settings, studies that examined the reliability of two American scales (Early Childhood Environment Rating Scale-ECERS and Infant/Toddler Environment Rating Scale-ITERS) were conducted in Brazilian institutions. Each item of each scale (ECERS-37; ITERS-35) is rated from 1 to 7 according to specific instructions observed during group activities. Groupings from custodial...

Avaliação de ambientes educacionais infantis; Assessment of early childhood educational environments

Oliveira, Mariana Almeida de; Furtado, Rosângela de Assis; Souza, Tatiana Noronha de; Campos-de-Carvalho, Mara Ignez
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2003 POR
Relevância na Pesquisa
16.97%
Dada a ausência de instrumentos brasileiros para avaliação de qualidade da educação infantil, desenvolvemos estudos com duas escalas norte-americanas (Early Childhood Environment Rating Scale-ECERS e Infant/Toddler Environment Rating Scale-ITERS), examinando sua precisão à realidade brasileira. Cada item (ECERS-37; ITERS-35) é pontuado de 1 a 7, conforme instruções específicas, observadas durante atividades do grupo. Foram avaliadas turmas de instituições filantrópicas, municipais, privadas e universitária, obtendo-se: (1) índice de acordo entre dois avaliadores independentes acima de 85%, indicando um nível satisfatório de precisão; (2) baixo nível de qualidade do atendimento nas redes filantrópica e municipal, nesta havendo melhor qualidade; (3) nível satisfatório de qualidade em pré-escolas privadas e alto nível na creche universitária. As escalas discriminaram os vários modelos de instituição, diferenciaram as turmas entre si e aspectos satisfatórios ou deficitários em cada turma, essencial para a proposição de mudanças, visando melhoria na qualidade do atendimento oferecido.; Due to the lack of Brazilian instruments that assess the quality of childhood settings, studies that examined the reliability of two American scales (Early Childhood Environment Rating Scale-ECERS and Infant/Toddler Environment Rating Scale-ITERS) were conducted in Brazilian institutions. Each item of each scale (ECERS-37; ITERS-35) is rated from 1 to 7 according to specific instructions observed during group activities. Groupings from custodial...

Atuação de Diferentes Profissionais em Brinquedotecas Hospitalares: Características e Funções

Silva, Lucas Tagliari da; Paula, Ercília Maria Angeli T. de
Fonte: LICERE - Revista do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer Publicador: LICERE - Revista do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 24/08/2015 POR
Relevância na Pesquisa
18.34%
O objetivo deste estudo é realizar uma revisão de literatura sobre os diferentes profissionais e suas características no trabalho com brinquedotecas com crianças e adolescentes hospitalizados. A metodologia desse trabalho foi a análise de produções acadêmicas que tratavam dos diferentes profissionais que atuavam em brinquedotecas hospitalares. Nos artigos analisados foi possível observar que existem diferentes profissionais atuando nas brinquedotecas hospitalares tais como: profissionais de Educação Física, Psicologia, Terapia-Ocupacional e Pedagogia. Como resultado, surgiu então à necessidade de refletir sobre as contribuições que cada área possui para estruturação das brinquedotecas, bem como a compreensão das atividades propostas e seus objetivos no trato com crianças e adolescentes em situação de internação nas brinquedotecas hospitalares.THE PERFOMANCE OF DIFFERENT PROFESSIONAL IN PLAYROOMS OF HOSPITALS: ITS CHARACTERISTICS AND FUNCTIONSThe aim of this study is to review literature on the various professionals and your characteristics engaged in work with children and adolescents hospitalized. The methodology of this study was the analysis of academic productions that addressed the different professionals working opposite the hospital playrooms. In the articles analyzed was observed that there are different various professionals working in hospital playrooms such as: Physical Education...