Página 1 dos resultados de 21 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

A Química de Dipolos Conjugados na Síntese de Pirróis e Pirazóis.

Soares, Maria Isabel Lopes
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
38.11%
O plano de trabalho que deu origem a esta dissertação tinha como objectivo o estudo da reactividade de aniões metil 1-azafulvénio e aniões metil 1,2-diazafulvénio, sistemas dipolares de oito electrões p que podem ser eficientemente gerados através da eliminação quelotrópica de dióxido de enxofre de 2,2-dioxo-1H,3H-pirrolo[1,2-c]tiazóis e 2,2-dioxo-1H,3H-pirazolo[1,5-c]tiazóis, respectivamente. A eliminação de dióxido de enxofre de 2,2-dioxo-1H,3H-pirrolo[1,2-c]tiazóis substituídos em C-3 com grupos do tipo CHR1R2, em tubo selado, conduz à obtenção de N-vinilpirróis via migração sigmatrópica [1,8]H no anião metil 1-azafulvénio. Em condições de pirólise de vácuo (FVP) estes N-vinilpirróis são convertidos em 5-oxopirrolizinas. A termólise em tubo selado de sulfonas substituídas em C-3 com o grupo fenilo conduz à obtenção de C-estirilpirróis, via electrociclização-1,7 do dipolo. Sob condições de FVP estes pirróis são convertidos em 1-aza-benzo[f]azulenos. O 2,2-dioxo-1H,3H-pirrolo[1,2-c]tiazole não substituído em C-3 e a sulfona substituída em C-3 com o grupo tert-butilo têm comportamento químico semelhante. A eliminação de dióxido de enxofre conduz à obtenção de C-vinilpirróis via electrociclização-1...

Antioxidant and antimicrobial properties of 2-(4,5-dihydro-1H-pyrazol-1-yl)-pyrimidine and 1-carboxamidino-1H-pyrazole derivatives

GRESSLER, Vanessa; MOURA, Sidnei; FLORES, Alex F. C.; FLORES, Darlene C.; COLEPICOLO, Pio; PINTO, Ernani
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
16.83%
Five previously synthesized 4-trifluoromethyl-2-(5-aryl-3-styryl-1H-pyrazol-1yl)-pyrimidines and six 5-aryl-3-styryl-1-carboxamidino-1H-pyrazole derivatives were screened for their antioxidant proprieties. The antioxidant activities were evaluated by using the DPPH and the HRP/luminol/H2O2 chemiluminescence assay systems and for their antimicrobial activity (MIC). The results were good for those series in some concentration in comparison with the standards.; Cinco derivados de 4-trifluorometil-2-(5-aril-3-stiril-1H-pirazol-1il)-pirimidinas e seis 5-aril-3-estiril-1-carboxamidino-1H-pirazois previamente sintetizados foram avaliados de acordo com suas propriedades antioxidantes e antimicrobianas. Estas atividades foram avaliadas por ensaios de DPPH e HRP/luminol/H2O2 quimioluminescência e suas atividades antimicrobianas (CIM). Os resultados foram bons para alguns compostos da série em certas concentrações em comparação direta com padrões.; Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)

Avaliação antioxidante de 3,5-dimetil isoxazol, pirazóis e tiazóis utilizando o método ORAC (capacidade de absorção de radicais oxigênio); Evaluation of antioxidant 3,5-dimethyl isoxazol pyrazoles and thiazoles using the ORAC method (absorption capacity oxygen radical)

Silva, Filipe André Nascimento
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/11/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.88%
Os radicais livres são espécies químicas que reagem rapidamente com diversos compostos e alvos celulares, por possuírem tempo de meia vida muito curto e serem espécies altamente instáveis. A formação destes compostos constitui uma ação contínua e fisiológica, cumprindo funções biológicas essenciais as quais ocorrem pela perda ou adição de um único elétron a um composto não radicalar. Estas reações podem ocorrer em processos bioquímicos do sistema imune ou químicos, causando prejuízo às células através da destruição de componentes, como proteínas, lipídios, açúcares e nucleotídeos. Sabe-se que existem compostos que são efetivos contra tais espécies, prevenindo os danos provocados pelo estresse oxidativo. O objetivo deste trabalho foi estudar compostos heterocíclicos que possuam nitrogênio em sua estrutura (azóis), que figuram na literatura como moléculas exemplares de compostos de aplicação farmacológica de amplo espectro. Dentre estes compostos foram analisados os derivados de pirazóis (26 compostos), tiazóis (7 compostos) e 1 isoxazol (3,5-dimetilisoxazol). Estes 34 compostos foram avaliados pela metodologia ORAC (Capacidade de Absorção de Radicais Oxigênio) a fim de determinar e/ou de avaliar seu potencial antioxidante. A escolha do método ORAC se deu pelo fato das moléculas estudadas apresentarem características hidrofílicas e lipofílicas...

Síntese de novos 3, 5-diaril-1-carboxamidino-4, 5-diidro-1h-pirazóis

Bacim, Carolini Ferrari; Piovesan, Luciana Almeida; Malavolta, Juliana Limana
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%

Investigação das potencialidades de complexos pirazólicos de Pd (II) no desenvolvimento de novas metalo-drogas

Barra, Carolina Valério
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 96 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Química - IQ; A quimioterapia é uma das principais formas de combate ao câncer. Sendo assim, muitas pesquisas vêm sendo feitas com o objetivo de desenvolver compostos que solucionem, ou minimizem, os problemas decorrentes deste tipo de tratamento, como os efeitos colaterais e a resistência que as células desenvolvem aos medicamentos. Os pirazóis e seus complexos são conhecidos por possuírem atividade antitumoral, antiinflamatória, antibacteriana e antipirética. Tendo em vista estas propriedades, ligantes pirazólicos foram utilizados na síntese de complexos de paládio(II) com a finalidade de obter compostos com atividade antitumoral. A escolha deste metal foi baseada na similaridade entre sua química de coordenação e a da platina(II), cujos complexos, como a cisplatina e a carboplatina, são amplamente utilizados como agentes antitumorais. Neste contexto, o presente trabalho descreve a síntese, caracterização e avaliação da atividade antitumoral de duas séries de compostos paládio(II) de fórmula geral [PdX2(HdmIPz)2] {HdmIPz = 3,5-dimetil-4-iodopirazol; X = Cl (1)...

Investigação da atividade biólogica de complexos de Cobre (II) contendo ligantes nitrogenados

Silva, Patricia Bento da
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 97 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Química - IQ; O objetivo principal deste trabalho consistiu na síntese, caracterização e investigação da atividade biológica de complexos de cobre(II) contendo ligantes pirazólicos {pirazol (HPz), 3,5- dimetilpirazol (HdmPz), 4-iodopirazol (HIPz) e 1-tiocarbamoil-3,5-dimetilpirazol (HtdmPz)} e moléculas biologicamente ativas {pirazinamida (PZA), rifampicina (RMP) e isoniazida (INH)}. Foram preparadas três séries de compostos, a primeira contendo os ligantes pirazólicos e o pseudo-haleto tiocianato: [Cu(NCS)2(HPz)2] (1), Cu(NCS)2(HdmPz)4].5H2O (2), [Cu(NCS)2(HIPz)2] (3); a segunda contendo o ligante 1-tiocarbamoil-3,5-dimetilpirazol: [Cu2(NCS)2(tdmPz)2] (4), [Cu2Cl2(HtdmPz)2] (5), [Cu2Br2(HtdmPz)2] (6); e a terceira série, contendo como ligantes compostos atualmente usados no tratamento da tuberculose: [CuCl2(PZA)2] (7), [Cu(RMP)] (8), [CuCl2(INH)2]n.H2O (9) e [Cu(SO4)(INH)]n (10). Os compostos foram caracterizados por análise elementar, espectroscopia vibracional na região no IV, espectroscopia de absorção eletrônica no UV/Visível e ressonância paramagnética eletrônica. O composto [Cu(NCS)2(HPz)2] (1) teve sua estrutura determinada através da análise cristalográfica via difratometria de raio-X de monocristal. Os complexos de cobre(II) foram submetidos a ensaios de inibição do crescimento do Mycobacterium tuberculosis...

Complexos triazólicos de Pd(II): síntese, caracterização e atividade biológica

Bego, Amadeu Moura
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 95 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Química - IQ; O 1,2,4-triazol é um composto heterocíclico aromático contendo três átomos de nitrogênio dispostos nas posições 1, 2 e 4 de um anel de cinco membros. O interesse nos complexos contendo este ligante iniciou-se em meados de 1965, quando as propriedades magnéticas de vários sistemas triazólicos foram estudadas. Comparado aos pirazóis e imidazóis, o 1,2,4-triazol apresenta um átomo de nitrogênio a mais, o que lhe confere uma maior diversidade de modos de coordenação. Este trabalho contemplou inicialmente a síntese, a caracterização espectroscópica e o estudo do comportamento térmico de complexos de Pd(II) contendo o ligante 1,2,4-triazol. Ênfase foi dada à investigação da influência de diversas rotas sintéticas no tipo de complexo formado. As metodologias gerais de síntese dos complexos envolveram preferencialmente a reação de substituição da acetonitrila na esfera de coordenação do precursor [PdCl2(MeCN)2] pelos ligantes 1,2,4-triazol (Htrz) e trifenilfosfina (PPh3) e a utilização do complexo [H2PdCl4] como precursor alternativo. Quando foi utilizada a razão molar 1 [PdCl2(MeCN)2] : 2Htrz : 2 PPh3 houve apenas a formação do complexo mononuclear [PdCl2(PPh3)2]...

Síntese e caracterização de espécies supramoleculares de níquel(II) contendo pirazóis e pseudo-haletos com possíveis aplicações magnéticas

Takahashi, Pedro Mitsuo
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 100 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
37.88%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Química - IQ; A primeira etapa deste trabalho consistiu na síntese e caracterização espectroscópica e térmica dos complexos inéditos de níquel (II) contendo pirazóis e grupos aniônicos: [Ni(H2O)2(HPz)4](NO3)2 (1) {HPz = pirazol}, [Ni(H2O)2(HdmPz)4](NO3)2 (2) {HdmPz = 3,5- dimetilpirazol}, [NiCl2(HIPz)4].C3H6O (3) {HIPz = 4-iodopirazol}, [Ni(H2O)2(HIPz)4](NO3)2 (4), [Ni(NCS)2(HIPz)4] (5), [Ni(N3)2(HIPz)4] (6), [Ni(NCS)2(HdmIPz)4] (7) {HdmIPz = 3,5- dimetil-4-iodopirazol} e [Ni(μ-1,1-N3)(μ-1,3-N3)(HdmIPz)2]n (8) pelo método de síntese via úmida. A partir de reações no estado sólido e usando como precursores os compostos [NiCl2(HdmPz)4]n.n2H2O (9) e [Ni(NCS)2(HdmPz)4]n.n2H2O (10), foram também obtidos neste trabalho o dímero [Ni2(μ-Cl)2Cl2(HdmPz)4] (11) e o polímero de coordenação [Ni(μ-1,3-NCS)2(HdmPz)2]n (12), respectivamente. Também foi realizado um estudo sobre o comportamento vapocrômico do composto amarelo [Ni2(μ-Cl)2Cl2(HdmPz)4] (11), que na presença de vapor de água, amônia e piridina transforma-se, respectivamente, nos compostos azul claro [NiCl2(H2O)2(HdmPz)2] (11ag), lilás [Ni(NH3)4(HdmPz)2]Cl2.4H2O (11am) e azul [Ni(py)4(HdmPz)2]Cl2.H2O (11py). Estas espécies foram caracterizadas pelas técnicas de análise elementar...

Avaliação dos efeitos citotóxicos, genotóxicos e mutagênicos do fipronil, após fotodegradação, utilizando Allium cepa como organismo teste

Souza, Livia Loureiro de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 44 f.
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Compounds released into the environment can induce genetic alterations in living organisms. A group of chemicals that shows proven toxicity is the pesticides, and the insecticides are the most harmful. The insecticides of the family phenylpyrazole have wide application both in agriculture and in homes. Fipronil, an insecticide of this chemical group, is widely used in various cultures and in homes, mainly for fighting fleas and ticks on dogs and cats. The use of fipronil may represent a risk to man and the environmental health, since this pesticide can potentially induce cell death, regardless of cell type. Fipronil, when in contact with the environment, can undergo various degradation processes, including photodegradation. The toxic effect of one of its metabolites derived from photodegradation, sulfone-fipronil, is approximately 20 fold as great as fipronil itself. The A. cepa test system was used to evaluate cytotoxic, genotoxicity and mutagenic effects of fipronil before and after phptodegradation. Seeds of Allium cepa were subjected to solutions of fipronil, pre-exposed or not exposed to degradation by sunlight. The germination tests were conducted both under the effect of light and in the dark. We evaluated the cumulative potential of this insecticide using 48 and 72-hours recovery tests. The results showed that when fipronil was previously exposed to the sun...

Estudo da reatividade de alfa-enaminecetonas com nucleofilos capazes de formar compostos heterociclicos

Giuseppina Negri
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/05/1989 PT
Relevância na Pesquisa
18.26%
As reações da 4-(metil-amino)-3-penteno-2-ona com as alfa-diazocetonas correspondentes (RCOCN2R), forneceram as alfa-acil-enamino-cetonas (RR)CHCO(CH3CO)C=C(CH3)NHCH3, com bons rendimentos, através do ataque eletrofílico do ceteno formado ao carbono a da enaminona. Estas alfa-acil-enamino-cetonas foram reagidas com hidrazinas, para obtermos pirazóis substituídos, com o objetivo de determinarmos qual das carbonilas seria preferencialmente atacada por um nucleófilo. A quantidade de nucleófilo adicionada foi variada na proporção de 1 da alfa-acil-enamino-cetona e 2 do nuceófilo para 1 da alfa-acil-enamino-cetona e 4 do nucleó- filo. Nas reações das alfa-acil-enamino-cetonas com hidrato de hidrazina obtivemos em maior proporção os pirazóis nos quais a carbonila ligada ao grupo (RR)CH reage preferencialmen-te. Nas reações das alfa-acil-enamino-cetonas com fenilhidrazina, na proporção de 1:4, obtivemos os pirazóis nos quais a carbonila ligada ao grupo CH3 reage preferencialmente e obtivemos também os pirazóis descarbonilados 5-(1-fenil-etil)-3- metil-1-feni1-pirazol 23 e 5-(1-metil-etil)-3-metil-1-fenil-pirazol 25 resultantes do ataque na carbonila ligada ao grupo RRCH,porque provavelmente a amina liberada na reação ataca o grupo COCH3. Fazendo a mesma reação para 14 (R=CH3 e R=Ph) e 15 (R=R=CH3) na proporção de 1:2 obtivemos sómente os compostos 23 e 25. Quando R=R=Ph...

Novos derivados xantônicos e quinolínicos

Tavares, Luciana de Carvalho
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 224 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas, Programa de Pós-Graduação em Química, Florianópolis, 2011; Neste trabalho foi sintetizada uma série de sistemas heterocíclicos da classe das xantonas e quinolinas empregando, principalmente, metodologia heterogênea (K-10, montmorrilonita). Foram obtidos os derivados xantônicos: 2-enamino xantonas e 2-imino xantonas. Os heterociclos quinolínicos da classe das 6-quinolinil chalconas e seus derivados N-óxido e sais N-metil foram eficientemente sintetizados. Esses compostos foram submetidos a reações de epoxidação e adição de Michael usando diferentes metodologias em meio heterogêneo e homogêneo (K-10, hidrotalcita). As epoxi chalconas foram obtidas com rendimentos excelentes e submetidas a estudos de aminólise frente ao dinucleófilo cloridrato de fenil hidrazina resultando em sistemas heterocíclicos polifuncionalizados da classe dos pirazóis. O emprego de metodologia heterogênea, suporte sólido montmorillonita, proporcionou condições brandas de reação, facilidade de isolamento e rendimentos significativos. Os compostos sintetizados foram submetidos a diferentes atividades biológicas in vitro e in vivo, tais como atividade inibidora da acetilcolinesterase...

Síntese de derivados da lausona, carvacrol, 1-hidroxipirazol e suas atividades biológicas

Oliveira, Aldo Sena de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 275 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas, Programa de Pós-graduação em Química, Florianópolis, 2014; A Química medicinal no Brasil tem sido investigada na tentativa de encontrar novos compostos com propriedades terapêuticas uteis. Neste trabalho foram utilizadas metodologias sintéticas diversificadas, com vistas à obtenção de compostos inéditos ou buscando otimizar a síntese daqueles já descritos pela literatura. Foram sintetizadas diferentes classes de compostos, tais como derivados naftoquinônicos, pirazóis e sulfonamidas para os quais foram investigadas diferentes atividades biológicas, como: atividade antioxidante, inibição da enzima acetilcolinesterase, atividade antinociceptiva, leishmanicida, antimicrobiana, anti-hiperglicêmica. Foram obtidos, por reação de Mannich 12 adutos derivados da lausona, dentre os quais, 11 são inéditos. Foi otimizada a síntese de 9 dímeros, derivados da lausona, 2 inéditos, utilizando diferentes sistemas (refluxo, radiação ultrassônica e microondas), diferentes catalisadores e solventes. Dentre as diferentes metodologias propostas, a obtenção do hidróxi pirazol por reação de acoplamento de Suzuki foi eficiente e mostrou-se adequada para acesso a estes compostos. Foram obtidos...

Estudos de halogenação de 5-estiril-3-(2-hidroxifenil)-1H-pirazóis

Ferreira, Joana Patrícia Araújo
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
38.7%
Nas últimas décadas tem-se assistido a um crescente interesse da comunidade científica na procura de compostos biologicamente activos, que resulta da possível utilização desses compostos no tratamento de várias doenças. Os pirazóis constituem uma classe importante de compostos que têm sido alvo de pesquisa na procura de novas moléculas com potencial utilização na indústria farmacêutica. Este trabalho reporta estudos de síntese, caracterização estrutural e de reactividade em reacções de halogenação desta classe de compostos. Numa primeira parte efectuou-se uma breve revisão bibliográfica sobre a ocorrência natural, aplicações biológicas, nomenclatura e métodos clássicos de síntese de pirazóis. Numa segunda parte do trabalho procedeu-se a uma pesquisa intensiva sobre métodos de halogenação de pirazóis. Os 4-halopirazóis constituem intermediários de extremo interesse na síntese de compostos biologicamente activos, e têm sido utilizados em reacções de acoplamento como Suzuki, Heck, Sonogashira, entre outras. Testaram-se diversos métodos de halogenação, em variadas condições reaccionais, com o intuito de obter derivados iodados e bromados dos 5-estiril-3-(2-hidroxifenil)-1H-pirazóis sintetizados. A iodação com iodo em meio alcalino permitiu obter os derivados iodados (E)-5-estiril-3-(2-hidroxifenil)-4-iodo-1H-pirazóis...

Síntese e transformação de 3-estirilcromonas e 3-(2-hidroxifenil)pirazóis com potencial actividade analgésica

Silva, Vera Lúcia Marques da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
38.64%
Nas últimas décadas, tem-se assistido a um crescente interesse da comunidade científica na procura de compostos biologicamente activos. Sem dúvida que esse interesse resulta da possível utilização desses compostos no tratamento de várias doenças. As estirilcromonas, os pirazóis e os indazóis constituem classes importantes de compostos que têm sido alvo de pesquisa na procura de novas moléculas com potencial utilização na indústria farmacêutica. Esta dissertação reporta estudos de síntese, caracterização estrutural e avaliação biológica destas três classes de compostos. Na primeira parte apresenta-se uma breve revisão bibliográfica sobre a ocorrência, actividade biológica e nomenclatura de 3-estirilcromonas e de pirazóis. Os métodos clássicos de síntese destes compostos são também revistos sumariamente. No primeiro capítulo descreve-se a síntese de (Z)- e (E)-3-estirilcromonas por reacção de Wittig de 3-formilcromonas e iletos benzílicos, em condições de aquecimento clássicas, e através da condensação de cromonas com ácidos fenilacéticos e fenilmalónicos, em condições de aquecimento clássicas e sob irradiação com microondas. Este segundo método é diastereosselectivo, tendo-se obtido apenas o isómero (E). Verificou-se que a principal vantagem da utilização de radiação microondas está relacionada com a diminuição drástica do tempo da reacção...

Ruthenium(II)-trithiacyclononane complexes as potential antitumourals; Complexos de Ru(II)-tritiaciclononano com potencial anticancerígeno

Marques, Joana Teixeira Albuquerque Gomes
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
16.83%
Os únicos complexos metálicos presentemente utilizados em quimioterapia compreendem exclusivamente compostos de platina, com as desvantagens de apresentarem um leque de acção restrito e de provocarem sérios efeitos secundários. Na constante procura por novos fármacos antineoplásicos metálicos, os complexos de ruténio têm sido apresentados como uma alternativa adequada e existem já dois complexos de Ru(III) em ensaios clínicos. Estes são descritos como pró-fármacos, postulando-se que o seu mecanismo de acção envolva redução in vivo para originar complexos de Ru(II) activos. Assim, o actual desenvolvimento de fármacos antitumorais baseados em ruténio passará por criar novos complexos de Ru(II). O trabalho aqui descrito enquadra-se neste objectivo, tendo sido sintetizados complexos de ruténio(II)-tritiaciclononano com ligandos biologicamente activos, e avaliada a sua actividade antitumoral in vitro. Os ligandos utilizados compreendem um hidroxifenilpirazole, aminoácidos e derivados, flavonóides e quinonas. No primeiro capítulo do trabalho são apresentados os actuais desafios no desenvolvimento de complexos metálicos para quimioterapia e é ilustrada a importância dos complexos de Ru(II) aqui descritos no panorama actual de investigação. No capítulo dois...

Síntese e transformações de compostos do tipo pirazol e 1,2,3-triazol

Ferreira, Joana Patrícia Araújo
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
28.64%
Compostos do tipo pirazol e 1,2,3-triazol encontram-se presentes em inúmeras moléculas biologicamente ativas. Muitos fármacos atualmente comercializados ou em fase de estudos clínicos contêm na sua estrutura base núcleos de pirazol ou 1,2,3-triazol. Por isso, estes compostos têm sido alvo de intensa pesquisa na procura de novas moléculas com potenciais aplicações medicinais e agroquímicas. Nesta dissertação são descritas novas vias de síntese de novos compostos do tipo pirazol e 1,2,3-triazol. No primeiro capítulo apresenta-se uma breve revisão bibliográfica sobre a atividade biológica, ocorrência natural e métodos de síntese de pirazóis e seus derivados. O segundo capítulo foca-se na síntese de (E)-2-estiril-3-halo-4H-cromen-4-onas e sua transformação em 3(5)-aril-5(3)-[2-(2-hidroxifenil)-2-oxoetil-1H-pirazóis. Em primeiro lugar faz-se uma revisão bibliográfica sobre as (E)-2-estiril-4H-cromen-4-onas e a sua semelhança estrutural com as flavonas, a sua importância e ocorrência natural e métodos de síntese. São ainda abordadas as metodologias mais utilizadas para a síntese de derivados halogenados de (E)-2-estiril-4H-cromen-4-onas. Seguidamente são apresentados e discutidos os resultados da síntese de (E)-3-bromo-2-estiril-4H-cromen-4-onas através da reação de 5-aril-3-hidroxi-1-(2-hidroxifenil)penta-2...

Microwave-assisted synthesis of novel 5-trichloromethyl-4,5-dihydro-1H-1-pyrazole methyl esters under solvent free conditions

Beck, Paulo; Machado, Pablo; Brondani, Sergio; Moura, Sidnei; Zanatta, Nilo; Martins, Marcos; Bonacorso, Hélio; Flores, Alex
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
27.52%
A preparação, com bons rendimentos (70–98%), de doze novos ésteres etílicos de 5-triclorometil-4,5-diidro-1H-1-pirazóis, usando-se ambientalmente boas técnicas induzidas por microondas, é descrita. Estes compostos foram sintetizados a partir da reação de ciclocondensação de 1,1,1-tricloro-4-alcoxi-3-alquen-2-onas [CCl3C(O)C(R2)=C(R1)OR, onde R, R2 = H, alquila; R1 = H, alquila e arila] com metil carboxilato hidrazina. As vantagens obtidas pelo uso de irradiações de microondas na ausência de solventes, em relação ao método convencional foram demonstradas.; Twelve novel 5-trichloromethyl-4,5-dihydro-1H-1-pyrazole ethyl esters have been synthesized in good yields (70–98%) by using environmentally benign microwave induced techniques. The compounds were synthesized from the cyclocondensation of 1,1,1-trichloro-4-alkoxy-3-alken-2-ones [CCl3C(O)C(R2)=C(R1)OR, where R, R2 = H, alkyl; R1 = H, alkyl andaryl] with hydrazine methyl carboxylate. The advantages obtained by the using of microwave irradiation under solvent-free conditions, rather than a conventional method, were demonstrated.

Planejamento, síntese e avaliação farmacológica de novos protótipos de fármacos vasorelaxantes; Design, synthesis and pharmacological profile of new lead compounds of vasorelaxant drugs

Pazini, Francine
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Química (IQ); Instituto de Química - IQ (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Química (IQ); Instituto de Química - IQ (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Cardiovascular diseases are the leading cause of death worldwide, so the search for cardiotonic drugs more effective, safer and with lower side effects compared to currently available therapy, is of fundamental importance. Thus, we used in our design the phosphodiesterase 3 inhibitors, milrinone (13) and cilostazol (4), which show positive inotropic activity, relaxation effect and vasodilators. The new heterocyclic compounds (20a-20o) were originally designed by applying molecular hybridization strategy from these lead-compounds. The synthetic route to obtain the compounds 20a-20o resulted in overall yields ranging from 16.2 and 73.4%. During the synthesis, we used the Duff reaction conditions to formylation of N-phenylpyrazoles (1-phenyl-1H-pyrazole) (9a-o), which was an alternative synthetic methodology to classic Vilsmeier-Haack conditions. All the synthesized compounds were characterized by infrared and NMR spectroscopy combining the 1H, 13C, HSQC and HMBC correlation spectra. The compounds 20c, 20d, 20e, 20f and 20g, were evaluated for their relaxation profile of vascular smooth muscle. From this preliminary test, the 20d compound was selected to be further evaluated in pharmacological models, as provided better relaxation among this series of compounds in order to investigate the action mechanism. In these assays...

Investiga????o in vitro da atividade antif??ngica de novos compostos derivados de Pirazois; Research in vitro antifungal activity of new compounds derived from pyrazoles

OLIVEIRA, Simone Gomes Dias de
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Odontologia; Programa de P??s-Gradua????o em Odontologia; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Odontologia; Programa de P??s-Gradua????o em Odontologia; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
16.83%
Various treatments have been suggested for the treatment of denture stomatitis but problems such as toxicity and antibiotic resistance can be observed. This study evaluated the in vitro antifungal activity, anti-enzymatic and cytotoxic new compounds pirazol??nicos. Were used strains of Candida albicans (33), C. parapsilosis (2), C famata (2), C glabrata (2) and C lipolytica (2). The antifungal activity was evaluated by minimum inhibitory concentration (MIC) and Minimum Fungicide (MFC). The anti-enzyme activity was determined in agar medium proteinase and phospholipase. To test for cytotoxicity were used fibroblasts (3T3/NIH) and evaluated by colorimetric assays. The data were submitted to ANOVA and Tukey. The results were: MIC and MFC> 15.6 Sgml for C. albicans; MIC and MFC> 62.5 Sgml for C. parapsilosis, MIC and MFC = 62.5 Sgml for C. famata, MIC and MFC = 125 Sgml for C. glabrata and MIC = 15.6 Sgml for C. lipolytica. The average values of phospholipase and proteinase (Pz) of C. albicans before and after exposure were: 0.6 (?? 0.024) and 0.2 (?? 0.022) and 0.9 (?? 0.074) and 0.3 (?? 0.04). These results were not statistically significant for proteinase (p = 0.69) but significant for phospholipase (p = 0.01), and the concentration of 15.6 Sgml the most effective. There were no statistical differences between the groups and the control on the cytotoxicity (p = 0.32). It was found that the derivatives are promising pirazol??nicos antifungal agents...

Estudo da reatividade de a-acil-enaminocetonas com nucleofilos capazes de formar compostos heterociclicos parte II (volume I)

Giuseppina Negri
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/1994 PT
Relevância na Pesquisa
18.51%
As reações da 4-(metil-amino)-3-penteno-2-ona com as a-diazocetonas correspondentes (RCOCN2R), forneceram as a-acil-enaminocetonas (RR)CHCO(CH3CO)C=C(CH3)NHCH3 (134, R=R=Ph; 135 R=CH3 e R=Ph e 136 R=R=CH3), com bons rendimentos. Os cálculos feitos para estas cetoenaminonas, usando o método semi-empírico AM1, mostram que a carbonila ligada ao grupo CH3 fica no plano da molécula, e portanto conjugada com a dupla ligação, enquanto que a carbonila ligada ao grupo mais volumoso fica perpendicular ao plano da molécula. As reações das cetoenaminonas 134, 135 e 136 com as hidrazinas foram realizadas em cinco solventes diferentes e acompanhadas através da Cromatografia Gasosa acoplada à Espectrometria de Massa (CG/EM). Nestas reações obteve-se tanto os pirazóis 146 provenientes do ataque nucleoillico na carbonila ligada ao grupo CH3, quanto os pirazóis 149, provenientes do ataque nucleoifilico na carbonila ligada ao grupo COCHRR. Além destes pirazóis, também obteve-se os pirazóis desacetilados 148, formados com a perda do grupo CH3CO e os pirazóis 150, formados com a perda do grupo COCHRR. Os pirazóis 148' e 149', regioisômeros dos pirazóis 148 e 149, também foram obtidos, porém em baixíssimos rendimentos. Pode-se constatar também a formação das acetamidas 151...