Página 1 dos resultados de 5 itens digitais encontrados em 0.030 segundos

Estimativas de parâmetros genéticos e métodos de seleção para o melhoramento genético de Pinus oocarpa Schiede

Sampaio,Paulo de Tarso Barbosa; Resende,Marcos Deon Vilela de; Araújo,Antonio José de
Fonte: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira Publicador: Embrapa Informação Tecnológica; Pesquisa Agropecuária Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2002 PT
Relevância na Pesquisa
66.13%
Este trabalho teve por objetivo estudar a variabilidade genética entre e dentro de procedências e progênies e determinar o ganho genético em volume de madeira, em Pinus oocarpa Schiede. O experimento foi instalado em Angatuba, SP, em delineamento de blocos de famílias compactas, com nove repetições e parcelas lineares de seis plantas. A produtividade volumétrica média obtida de sete procedências foi de 0,296 m³ de madeira por árvore aos nove anos de idade. Para estabelecer um pomar de sementes por mudas, a seleção (no bloco) de 189 árvores (27 por procedência) com os maiores diâmetros na altura do peito (DAP) permite aumentos na produtividade volumétrica de 0,327 m³, 0,338 m³ e 0,341 m³ por árvore, na seleção individual, combinada e índice multiefeito, respectivamente. Em pomar de sementes clonais, a seleção (no experimento) de 28 árvores (4 por procedência) com maiores DAPs permite aumentos na produtividade volumétrica de 0,345 m³, 0,355 m³ e 0,356 m³,por árvore, na seleção individual, combinada e índice multiefeito, respectivamente.

Variabilidade genética entre e dentro de procedências de pinheiros tropicais.

CORNACCHIA, G.; CRUZ, C.D.; BORGES, R. de C.G.; PIRES, I.E.; LOBO, P.R.
Fonte: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.33, n.6, p.919-928, jun.1998. Publicador: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.33, n.6, p.919-928, jun.1998.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.29%
Este trabalho teve como objetivo estimar parametros geneticos e avaliar as caracteristicas de crescimento e forma do tronco de procedencias de tres especies de pinheiros tropicais Pinus tecunumanii (Schw.) Eguiluz & Perry, Pinus caribaea var. hondurensis Barret & Golfari e Pinus oocarpa Schiede, na regiao do Cerrado, por meio das seguintes caracteristicas: volume solido sem casca, forma do tronco, bifurcacao e foxtail ou rabo-de-raposa. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com cinco repeticoes, com informacao dentro da parcela. Os resultados das analises de variancia indicaram a existencia de diferencas significativas (P<0,01 e P<0,005) e nao-significativas entre as procedencias quanto aos caracteres avaliados. As estimativas de herdabilidade calculadas com os dados da media de procedencia no bloco foram sempre maiores que as estimativas calculadas com os valores dos individuos dentro da procedencia, no bloco e no experimento. O P. tecunumanii apresentou melhor desempenho silvicultural que o P. caribaea var. hondurensis e o P. oocarpa.; 1998

Estimativas de parâmetros genéticos e métodos de seleção para o melhoramento genético de Pinus oocarpa Schiede.

SAMPAIO, P. de T. B.; RESENDE, M. de V. de; ARAÚJO, A. J. de
Fonte: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v.37, n.5, p.625-637, maio. 2002. Publicador: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v.37, n.5, p.625-637, maio. 2002.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.13%
Este trabalho teve por objetivo estudar a variabilidade genética entre e dentro de procedências e progênies e determinar o ganho genético em volume de madeira, em Pinus oocarpa Schiede. O experimento foi instalado em Angatuba, SP, em delineamento de blocos de famílias compactas, com nove repetições e parcelas lineares de seis plantas. A produtividade volumétrica média obtida de sete procedências foi de 0,296 m3 de madeira por árvore aos nove anos de idade. Para estabelecer um pomar de sementes por mudas, a seleção (no bloco) de 189 árvores (27 por procedência) com os maiores diâmetros na altura do peito (DAP) permite aumentos na produtividade volumétrica de 0,327 m3, 0,338 m3 e 0,341 m3 por árvore, na seleção individual, combinada e índice multiefeito, respectivamente. Em pomar de sementes clonais, a seleção (no experimento) de 28 árvores (4 por procedência) com maiores DAPs permite aumentos na produtividade volumétrica de 0,345 m3, 0,355 m3 e 0,356 m3, por árvore, na seleção individual, combinada e índice multiefeito, respectivamente.; 2002

Estimativas de parâmetros genéticos e métodos de seleção para o melhoramento genético de Pinus oocarpa Schiede.

SAMPAIO, P. de T. B.; RESENDE, M. D. V. de; ARAÚJO, A. J. de.
Fonte: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 37, n. 5, p. 635-636, maio 2002. Publicador: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 37, n. 5, p. 635-636, maio 2002.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.13%
Este trabalho teve por objetivo estudar a variabilidade genética entre e dentro de procedências e progênies e determinar o ganho genético em volume de madeira, em Pinus oocarpa Schiede. O experimento foi instalado em Angatuba, SP, em delineamento de blocos de famílias compactas, com nove repetições e parcelas lineares de seis plantas. A produtividade volumétrica média obtida de sete procedências foi de 0,296 m3 de madeira por árvore aos nove anos de idade. Para estabelecer um pomar de sementes por mudas, a seleção (no bloco) de 189 árvores (27 por procedência) com os maiores diâmetros na altura do peito (DAP) permite aumentos na produtividade volumétrica de 0,327 m3, 0,338 m3 e 0,341 m3 por árvore, na seleção individual, combinada e índice multiefeito, respectivamente. Em pomar de sementes clonais, a seleção (no experimento) de 28 árvores (4 por procedência) com maiores DAPs permite aumentos na produtividade volumétrica de 0,345 m3, 0,355 m3 e 0,356 m3, por árvore, na seleção individual, combinada e índice multiefeito, respectivamente.; 2002

Caracteristicas cromossomicas, da madeira e das aciculas como uma contribuição para a definição taxonomica do Pinus de Tecun Uman

Davide, Lisete Chamma, 1953-
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.23%
A estrutura dos cromossomos madeira e acículas foram utilizadas com o objetivo de identificar fenótipos diferentes em povoamento de origem incerta de P. oocarpa, bem como fornecer subsídios para o esclarescimento da posição taxonômica do Pinus de Tecun Umán. Esse táxon é considerado um espécie, P. tecunumanii, muito relacionado com P. oocarpa, por EGUILUS & PERRY e uma subespécie de P. patula ssp. tecunumanii, por STYLES. As árvores fonotipicamente diferentes, encontradas no povoamento analisado de P. oocarpa, apresentaram padrão cariotípico e características de madeira e acículas muito próximas ao P oocarpa, sendo portanto, considerados como pertencentes ao mesmo táxon. Por apresentarem desempenho superior, recomenda-se que se estude a viabilidade destas variantes de P. oocarpa serem utilizadas para o desenvolvimento de uma raça local. A procedência Yucul de P. oocarpa, considerada atualmente com o Pinus de Tecun Umán, mostrou-se mais relacionada com o P. patula e deve ser considerada como P. patula subespécie tecunumanii, como sugeriu STYLES.