Página 1 dos resultados de 415 itens digitais encontrados em 0.087 segundos

Da fotografia como arte à arte como fotografia: a experiência do Museu de Arte Contemporânea da USP na década de 1970

COSTA, Helouise
Fonte: Museu Paulista, Universidade de São Paulo Publicador: Museu Paulista, Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
56.18%
Este ensaio visa sistematizar os primeiros resultados de uma pesquisa, ainda em curso, sobre o processo de legitimação da fotografia pelo sistema de arte no Brasil, cujo foco principal é o museu. Os museus de arte da cidade de São Paulo foram escolhidos para dar início a essa investigação. Primeiramente, será abordada, em linhas gerais, a presença da fotografia no Museu de Arte Moderna de São Paulo e na Bienal de São Paulo, dada a vinculação de origem do Museu de Arte Contemporânea com essas duas instituições paulistanas. Na seqüência será analisada a formação do acervo fotográfico do Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo durante a década de 1970. Por fim, esse percurso permitirá observar que a atuação de Walter Zanini, o primeiro diretor do Museu, e as particularidades da posição do MAC-USP no sistema de arte no Brasil naquele período resultaram no entendimento da fotografia prioritariamente no âmbito da arte contemporânea de caráter experimental e não como obra de arte autônoma, segundo os princípios da chamada fotografia artística.; This article presents the first findings of a research still under development about the process of legitimation of photography as a kind of art by the artistic scene in Brazil. The art museums of the city of São Paulo were chosen for starting that research. Initially...

O tratamento documental de coleções fotográficas em museus de arte; The documental treatment of photographic collections in art museums

Taboada, Cynthia Elias
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
A pesquisa apresenta um levantamento de dados sobre o tratamento documental de coleções fotográficas em museus de arte, após a incorporação da fotografia em seus acervos. Foram selecionados, como estudos de caso, os seguintes museus de arte de São Paulo: Museu de Arte Moderna de São Paulo, Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand, Museu Lasar Segall e o Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo. A pesquisa é contextualizada através da compilação de dados sobre os caminhos institucionais para preservação da fotografia e sobre o processo de assimilação da fotografia pelos museus de arte, evidenciado a partir da segunda metade do século XX. No caso dos museus de arte, pode-se observar que cada instituição percorreu uma trajetória para incorporar e documentar fotografias. Utilizam atualmente sistemas informatizados e bancos de dados como métodos de documentação e enfrentam a problemática de classificar e documentar as fotografias da coleção detalhadamente, devido à diversidade da arte contemporânea que faz uso da linguagem fotográfica, bem como da fotografia produzida na contemporaneidade. A variedade de processos e técnicas relacionados à fotografia e o hibridismo entre tipologias artísticas fazem da documentação de fotografias nos museus de arte um trabalho em constante aperfeiçoamento.; The research presents a survey of data about the documentary treatment of the photographic collections in art museums...

A fotografia documental no museu de arte: dissonâncias e consonâncias; Documentary photography in the art museum: dissonances and consonances

Campaneli, Juliana Okuda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.08%
Essa dissertação tem como objetivo principal identificar os mecanismos envolvidos na inserção da fotografia documental em museus de arte, durante a década de 1970, na cidade de São Paulo. São apresentados três estudos de caso sobre exposições fotográficas, de caráter temático, realizadas nesse período: A família Brasileira, realizada no Museu de Arte de São Paulo, em 1971; Xingu/Terra, parte integrante da 13ª Bienal Internacional de São Paulo, em 1975; e Bom retiro e luz: um roteiro, na Pinacoteca do Estado de São Paulo, em 1976. A análise dos formatos das mostras e dos processos envolvidos em sua realização revelam dissonâncias e consonâncias entre os objetivos e interesses de seus proponentes e/ou realizadores. As exposições também são investigadas do ponto de vista das relações políticas da época, pois há a intenção de identificar as funções sociais adquiridas pela fotografia em seu processo de institucionalização.; This dissertation aims to identify the main mechanisms involved in the inclusion of documentary photography in art museums during the 1970s, in São Paulo. It presents three case studies about thematic and essay format photo exhibitions, accomplished at this period: A família brasileira...

Fotografia e práticas artísticas : os discursos dos artistas nos anos 1960 e 1970

Almeida, Juliana Gisi Martins de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.25%
Este trabalho apresenta uma investigação sobre a fotografia produzida por artistas nos anos 1960 e 1970, a partir de uma análise discursiva dos textos que os próprios artistas escreveram na época. Proponho que a especificidade da concepção de fotografia dos anos 1960 e 1970 é resultado de um processo complexo: habitando uma exterioridade selvagem da disciplina das artes visuais naquele momento, a fotografia é escolhida por artistas como uma estratégia importante em uma disputa discursiva pelas definições de arte que resulta na sua formação como objeto para a disciplina das artes visuais. Esta investigação se desdobra em três capítulos: As Fontes de Pesquisa; A Fotografia-Qualquer; Fotografia e Práticas Artísticas – os Discursos dos Artistas nos Anos 1960 e 1970. No primeiro capítulo desenvolvo uma discussão sobre o texto de artista e sua relevância para a compreensão da arte produzida nas décadas de 1960 e 1970, pela análise comparativa de quatro livros que reúnem textos de artistas da época, com o intuito de explicitar o modo como estes escritos são incluídos no campo teórico das artes visuais, pela sua republicação, que se coloca como uma reapresentação (com um consequente deslocamento de seus contextos originais...

A legitimação da fotografia no museu de arte : o Museum of Modern Art de Nova York e os anos Newhall no Departamento de fotografia; The legitimation of photography in the art museum : the Museum of Modern Art of Modern Art of New York and the Newhall years at the Photography Department

Diana de Abreu Dobranszky
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.23%
O Departamento de Fotografia do Museum of Modern Art de Nova York foi fundado em 1940 e seu primeiro curador foi Beaumont Newhall. Através de exposições e aquisições ele e sua esposa Nancy - que o substituiu nos anos em que ele serviu nas forças armadas durante a Segunda Guerra Mundial - estruturaram esse que foi o primeiro Departamento de Fotografia independente em um museu de arte. A importância do fato está no apoio institucional que o meio fotográfico recebeu e que possibilitou o reconhecimento da fotografia como arte. Ao mesmo tempo, pouco antes de ser indicado curador, Beaumont organizou a exposição Photography 1839-1937, cujo catálogo transformou-se no conhecido livro The History of Photography. O processo que levou ao Departamento assim como o trabalho desenvolvido pelos Newhall no MoMA entre 1940 e 1946 é tema de nossa pesquisa.; The Photography Department of the Museum of Modern Art (New York) was created in 1940, and its first curator was Beaumont Newhall. With exhibitions and acquisitions he and his wife Nancy, who replaced him while he served the Navy during the World War I, structured this that was the first independent Photography Department in an art museum. The importance of this fact lies in the institutional support that established photography as an art form. At the same time...

Cutural Mulch : an investigation into collectors who create collections of mass produced objects and of the potential significance of those objects in relation to consumer culture

Wills, David
Fonte: Universidade Nacional da Austrália Publicador: Universidade Nacional da Austrália
Tipo: Thesis (PhD); Doctor of Philosophy (PhD)
EN_AU
Relevância na Pesquisa
45.72%
Collecting is an activity that stems from humankinds roots as hunters and gathers, when necessity rather than want, was key. This dissertation considers the strategies and motivations behind collecting in the 21st Century and what the significance is of collected objects. It considers the many guises, aims and reasons for collections being made, from the attainment of wealth and status, to the filling of personal voids, or the simple pleasures of belonging to a like-minded group of people. The dissertation charts contemporary influences in collecting behaviour, from an increased interest in celebrity, the push by corporations to market mass-produced collectibles, alternative consumer trends, and what effect the internet has had on the availability of a vast array of objects globally and locally. Back grounded by a diminishing of the earth’s resources and the production of objects at a peak, it considers the notion of futility.; Supervisor - Dr Martyn Jolly; Yes

Captain Sweet’s colonial imagination: the ideals of modernity in South Australian views photography 1866 - 1886.

Magee, Karen
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2015
Relevância na Pesquisa
46.05%
Captain Samuel Sweet worked as an outdoor photographer in South Australia (including the Northern Territory) between 1866 and 1886. In Australian public libraries, museums and archives his photographs are consulted as objective visual documents. Their more recent appearance in public art galleries ascribes to them the status of art, obscuring the fact that Sweet was a commercial photographer whose subjects and style were directed by the colonial market. This thesis documents the extent and nature of Sweet’s oeuvre, and examines his photographs within the original context of their creation, including Sweet’s photography business, photographic practices, the photography market, the man himself and the colonial context in which (and for which) his photographs were created. It analyses his photographs as both images and as material objects, utilising scientific testing. It argues that, as a commercial photographer, an Englishman and a colonist participating in the creation of a new world, Sweet did not photograph colonial South Australia, but rather the ideal that was being sought in its creation. It identifies Sweet’s as the largest visual record of the South Australian colonial process and boom-time, and pinpoints the pitfalls awaiting researchers and viewers who mistake his photographs as simple objective documents or aesthetic objects. It argues that if we are to make better use of Sweet’s photographs today – as art objects or research sources – we must first understand them within the full context of their creation. It concludes that Sweet’s photographs mapped an ideal of modernity...

Uma análise semiótica da fotografia analógica de cotidiano na arte contemporânea

Oliveira, Luma Santos de
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.15%
A temática do cotidiano é uma entre as diversas abordagens escolhidas pelos artistas fotógrafos contemporâneos na produção de suas obras; tal categoria apresenta, na maioria das vezes, uma estética vernácula que decorre de fotografias produzidas com ferramentas utilizadas por leigos para registrar eventos que consideram importantes em suas vidas, recurso que valoriza e facilita a compreensão do tema. Este trabalho faz uma reflexão sobre a fotografia analógica de cotidiano na arte contemporânea, considerando os trabalhos de três artistas norte-americanos que podem exemplificar diferentes momentos dessa categoria no meio artístico. São eles Stephen Shore, Nan Goldin e Zoe Leonard. O referencial teórico explora a fotografia na arte contemporânea em geral e a fotografia de cotidiano de forma mais particular, com base em autores como Rouillé (2009) e Dubois (2001); também são abordados conceitos específicos da semiótica de Peirce, apresentados em textos do próprio Peirce e em textos de estudiosos da sua obra, principalmente por Santaella. O percurso de aplicação da semiótica nas fotografias selecionadas explora os significados oriundos das imagens, que permitem considerações sobre o lugar dessa fotografia na arte contemporânea...

Arte fotografica e liberdade de expressão : um dialogo entre Brasil e Cuba (1960-1990); Photographic art and freedom of expression : a dialogue between Brazil and Cuba (1960-1990)

Monica Villares Ferrer
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
45.97%
“Arte fotográfica e liberdade de expressão: um diálogo entre o Brasil e Cuba “ aborda o desenvolvimento da fotografia latino-americana na segunda metade do século XX, a partir de um estudo comparativo e da análise de obras de fotógrafos cubanos e brasileiros, atuantes durante o período 1960-1990. O texto se divide em três grandes partes, correspondentes, cada uma delas, a um decênio, tomando como ponto de partida os gêneros de destaque em cada etapa e as relações destas produções com o contexto histórico e sócio-político em que se desenvolvem. No primeiro capítulo, a partir do conceito de 'fotojornalismo' são analisadas as obras dos artistas cubanos Alberto Díaz Gutiérrez (Korda) e Raúl Corrales, conjuntamente com as dos criadores brasileiros Antônio Luiz Benck Vargas e Evandro Teixeira. No segundo capítulo, tomando como base o conceito de 'fotografia antropológica’ são submetidas à análise as obras dos artistas brasileiros Walter Firmo, Assis Hoffmann e Claudia Andujar, assim como a produção da fotógrafa cubana María Eugenia Haya (Marucha). Por fim, o terceiro e último capítulo da dissertação parte do desenvolvimento de poéticas de autor por parte dos artistas da câmera na década de 80, e a partir de diversos critérios se aproxima de forma crítica à obra dos fotógrafos cubanos Rogélio López Marín (Gory)...

Noções de moderno no Foto-Cine Clube Bandeirante : fotografia em São Paulo : (1948-1951); Notions of modern at Foto-Cine Clube Bandeirantes : photography in São Paulo : (1948-1951)

Vanessa Sobrino Lenzini
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
45.97%
O presente estudo apresenta uma coletânea de artigos sobre fotografia, publicados entre 1948-1951 no Boletim do Foto-Cine Clube Bandeirante (FCCB), fundado em 1939, em São Paulo. Esses artigos trazem um debate sobre a fotografia enquanto representação artística, inspirada nos parâmetros do pictorialismo, que divulgavam um modo de atualização da fotografia enquanto arte. Acompanhando a coletânea, este estudo pretendeu matizar as idéias dos artigos, levantando as noções que embasaram a produção fotográfica do FCCB a se projetar como 'moderna' no circuito artístico e cultural da cidade de São Paulo. Procurou-se identificar as disputas e as intenções que uma produção possui ao se divulgar como parte 40 moderno. Em sua maioria, os artigos que compõe a coletânea são traduzidos de revistas oriundas de associações fotográficas internacionais, tomando-se referência para a discussão desta prática no Clube; This study intends to present collected articles about photography published between 1948-1951 on the Foto-Cine Clube Bandeirante (FCCB) Bulletin, founded in 1939 in São Paulo. This articles bring up a debate about photography as al1 ,artistic representation inspired on pictorialistic parameters, which spread a way to ...

Diálogos contemporâneos entre arte e fotografia : um percurso pelas obras de Vik Muniz; Contemporary dialogs between art and photography : a pathway through the Vik Muniz's works

Sabrina Sanfelice
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.16%
O objetivo central desta pesquisa está voltado para o estudo da fotografia no campo da arte contemporânea, partindo da vida e das obras do artista Vik Muniz, também conhecido como "Vik". O estudo propõe um diálogo entre as artes plásticas e a fotografia contemporânea, baseado numa reflexão teórica e conceituação de suas diversas modalidades, encontrado em seus trabalhos. Para atingir o objetivo proposto, a pesquisa será dividida entre a vida do autor e as influências artísticas que o levaram a encontrar na fotografia não apenas um suporte para suas obras, mas um meio de coexistir entre a arte e o efêmero através dos tempos. Para isso, faremos também um percurso cronológico de aspectos encontrados em seus trabalhos que justifiquem o uso da fotografia contemporânea conectado com outros segmentos das artes visuais. Num segundo momento, cinco de suas principais obras são escolhidas para mostrar alguns importantes papéis da fotografia contemporânea vistos em seus trabalhos - como, por exemplo, sua capacidade de criar ilusões a partir de técnicas utilizadas em seu processo criativo, confundindo os olhos do observador dependendo da posição pela qual é vista ou a possibilidade de levar a arte até seu público, já que muitas delas...

A fotografia urbana contemporânea : uma herança das imagens da cidade (1960-1990); Urban contemporary photography : a heritage of the city representation tradition (1960-1990)

Patricia Rodolpho
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.01%
Esta tese trata sobre a imagem da cidade na fotografia urbana contemporânea, considerando-a como uma herança das tradições de representação da cidade que se desenvolveram após o advento do dispositivo fotográfico, na primeira metade do século XIX. Neste sentido, objetiva-se estabelecer a relação entre os campos de conhecimento da Arte e da Fotografia a fim de compreender os desdobramentos da construção de uma representação fotográfica da cidade, sobretudo entre as décadas de 1960 a 1990. Com esse propósito, discute-se a noção de fotografia contemporânea, uma categoria que, apesar de ainda indefinida, está presente nas abordagens realizadas pelos pesquisadores que constituem o referencial teórico analisado. Em especial, investiga-se o interesse, por parte de artistas e fotógrafos alemães e norte-americanos, de uma aproximação visual com elementos geralmente qualificados como banais triviais ou ordinários do cotidiano urbano.; This Thesis disserts on city images in urban contemporary photography as a heritage of the city representation tradition, developed after the advent of the photographic device in the first half of the 19th century. Our objective is to establish the relationship between the knowledge of Art and Photography to understand the evolving of the photographic representation of the city...

Ahora todos somos artistas

McIver Lopes, Dominic
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2013 SPA
Relevância na Pesquisa
36.18%
Ahora todos somos artistas. La fotografía lo acredita. El razonamiento no es este: todos tomamos fotografías, la fotografía es un arte, luego todos hacemos arte. Obviamente, el hecho de que la fotografía es un arte no significa que toda fotografía sea una obra de arte: todos tomamos fotografías y la fotografía es un arte, pero puede que las fotografías que tomamos tú y yo no sean obras de arte. Es necesario un razonamiento más sutil para justificar la conclusión de que la fotografía nos hace artistas a todos. Los elementos de esa justificación son una teoría de la fotografía, algunas ideas acerca de cuándo el uso de la tecnología fotográfica es artístico y algunas observaciones sobre los desarrollos recientes de esta tecnología. En última instancia, el objetivo es llegar a una mejor comprensión del arte fotográfico y de algunas de las formas que puede adoptar.; We are all artists now. Photography gets the credit. The reasoning does not go like this: we all take photographs, photography is an art, so we all make art. Obviously, the fact that photography is an art does not mean that every photograph is a work of art: we all take photographs and photography is an art but maybe the photographs that you and I take are not works of art. More subtle reasoning is needed to make a case for the conclusion that photography makes us all artists. The elements of the case are a theory of photography...

Fotoperiodisme: entre el documentalisme social i les arts visuals. El cas del World Press Photo.

Vela Martínez, Judit
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Treball de recerca; info:eu-repo/semantics/bachelorThesis; Text Formato: application/pdf
Publicado em //2015 SPA
Relevância na Pesquisa
46.02%
Quines diferències hi ha entre una pintura costumista de Murillo i una fotografia del World Press Photo a la secció "Daily Life"? Aquest TFG va més enllà del debat sobre la consideració de la fotografia com a art, proposant que fins i tot el fotoperiodisme pot ser entès com a mitjà artístic. Per això, realitzarem un anàlisi denotatiu d'imatges, comparant obres pictòriques de l'Edat Moderna i Contemporània amb fotografies del World Press Photo dels últims cinc anys.; ¿Qué diferencias hay entre una pintura costumbrista de Murillo y una fotografía del World Press Photo en la sección "Daily Life"? Este TFG va más allá del debate sobre la consideración de la fotografía como arte, proponiendo que incluso el fotoperiodismo puede ser entendido como medio artístico. Para ello compararemos obras pictóricas de la Edad Moderna y Contemporánea con fotografías del WPP de los últimos cinco años.; What are the differences between a genre painting of Murillo and a photography of World Press Photo in "Daily Life" section? This TFG goes beyond the discussion about the consideration of photography as art, proposing that photojournalism can be also understood as an artistic medium. For that, we will do a denotative image analysis...

Da fotografia como arte à arte como fotografia: a experiência do Museu de Arte Contemporânea da USP na década de 1970

Costa, Helouise
Fonte: Universidade de São Paulo. Museu Paulista Publicador: Universidade de São Paulo. Museu Paulista
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2008 POR
Relevância na Pesquisa
56.18%
This article presents the first findings of a research still under development about the process of legitimation of photography as a kind of art by the artistic scene in Brazil. The art museums of the city of São Paulo were chosen for starting that research. Initially, we will be investigating the presence of photography at the Contemporary Art Museum of São Paulo and at the Biennial of São Paulo, as the origin of the Contemporary Art Museum is tided to those two institutions. Following, the arrangement of the photographic technical reserve of the Contemporary Art Museum in the 1970s will be analyzed. This study will be focusing on the work of Walter Zanini, as the first director of the museum, and on the particularities of MAC-USP position in the art system in Brazil which resulted in the understanding of photography as belonging to the sphere of contemporary art in an experimental way and not as an autonomous work of art, according to the principals of the so called artistic photography.; Este ensaio visa sistematizar os primeiros resultados de uma pesquisa, ainda em curso, sobre o processo de legitimação da fotografia pelo sistema de arte no Brasil, cujo foco principal é o museu. Os museus de arte da cidade de São Paulo foram escolhidos para dar início a essa investigação. Primeiramente...

O papel da ficção na construção da imagem; The role of fiction in image building

Llano, Nicolás
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 06/08/2012 POR
Relevância na Pesquisa
45.79%
Este artigo visa descobrir as tramas ficcionais da obra fotográfica de Jeff Wall, pois, mesmo sendo constituída por imagens (a grande maioria) construídas e controladas até o extremo – desde a composição até o formato de apresentação –, estas podem ser desarticuladas para que, assim, possamos refletir sobre a imagem fotográfica como uma construção de diferentes realidades e ficções por meio da obra do artista. Afastando-se da discussão sobre a fotografia como Arte, o artigo busca, em primeiro lugar, entender o contexto da prática fotográfica de Wall para, dessa maneira, refletir sobre as realidades ficcionais que se escondem em sua fotografia.; The present article brings an analysis of the fictional nexus in the photographic work of Jeff Wall. We understand that even if the artist’s work is most of the time based on images that are constructed and controlled to the extreme – from its composition to the final presentation mode -, they can be deconstructed. This way we can ponder about the photographic image itself as a way of building different realities and fiction through the work of an artist. Refusing the debate on photography as Art, we search for the context of Wall’s photographic practice so that we can study the fictional realities that are hidden in his photographs.

Facsimile reproductions of art with the use of a digital camera system

Gingerelli, Jamisen
Fonte: Rochester Instituto de Tecnologia Publicador: Rochester Instituto de Tecnologia
Tipo: Tese de Doutorado
EN_US
Relevância na Pesquisa
45.96%
Reproductions of original works of art have played a major role in the existence and growth of the graphic arts over the centuries. The one concept that has not changed over time is the difficulty in reproducing art that is true to the original. Using a high-end scanning system is one known method that is able to achieve high quality reproductions. However, it has several limitations. The purpose of this research was to verify that a digital camera system combined with color separation software can be used as an alternative technique to create facsimile reproductions of art. Five pieces of original artwork representing a variety of media were reproduced with the high-end system and were photographed using the Dicomed digital camera system. The two sets of reproductions were compared to the original. The comparison was in how well they matched the original. Utilizing three standard testing procedures, there was no significant difference between the two reproduction methods. With the introduction of digital photography into the publishing environment; prepress professionals would require the skills of the photographer. Also, photographers are fur ther exposed to the traditional separation skill of the scanner operator; obscuring the distinction between photographer and prepress professional. A goal of the printing industry is to eliminate unnecessary steps in the process; ie...

Art and authenticity

Miyoshi, Akihiko
Fonte: Rochester Instituto de Tecnologia Publicador: Rochester Instituto de Tecnologia
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 30572 bytes; 616597 bytes; 164324 bytes; 1 bytes; 2061 bytes; 698 bytes; 5008 bytes; 49 bytes; 30572 bytes; 616597 bytes; application/pdf; application/pdf; text/plain; text/plain; text/plain; application/octet-stream; application/octet-stream; application
Relevância na Pesquisa
46.14%
My MFA thesis show, After the Last Picture Show, depicted my inquiry into what pictures and images are today. In this thesis, starting from the formalist tradition of fine art photography, I deconstruct photography into elements based on the classical dichotomy of form and content and discuss how the photographic image has dislodged itself from its material base. Subsequently, I question the objective of art in an age in which images are information, and in which information is instantly exchanged. I use authenticity as the guiding light in my art and attempt to confront the doubts that linger in our simulation-based society. Further, I start an inquiry into the relationship between the computer and art. I attempt to provide an observation of the computer in terms of itself as opposed to the more frequent approach of analyzing it as a medium to simulate existing tools. I argue that the essence of the computer is abstract, and I describe the conflict between this abstract nature of the computer and the physicality that art demands. Finally, I conclude by describing what I think of authenticity with regards to art.

Ovide Brunet, the Atelier Photographique de Livernois & Cie., and Sites et végétaux du Canada: The Art and Science of Early Canadian Botanical Photography

Cull, Brendan
Fonte: Quens University Publicador: Quens University
Tipo: Tese de Doutorado
EN; EN
Relevância na Pesquisa
36.1%
Published in 1866, Sites et végétaux du Canada was an early photographic experiment in botanical illustration. It was the result of a collaboration between Abbé Ovide Brunet (1826-1876), a botany professor at the Université Laval, and the photography studio of Livernois & Cie., noted Québec City photographers and artists. Previous research has considered the album as the aesthetic accomplishment of Jules-Isaïe Benoît dit Livernois (1830-1865), excluding Brunet from the art historical narrative. In this thesis, I present an analysis of the various contexts through which the images were imbued with meaning, considering the botanical alongside the aesthetic, to understand how this album fit into the visual culture of early Canadian science. I examine Sites et végétaux du Canada as a physical object and the product of an international network of art and science. Viewed internationally at the 1867 Exposition Universelle in Paris, it showcased thirty-five albumen print photographs as part of the Canadian displays. In its representation of Canadian landscapes and native plant specimens, the album effectively employed photography to present Canada as a centre of cutting-edge scientific investigation.; Thesis (Master, Art History) -- Queen's University...

Aby Warburg’s pictures of America: Indians, images and ruins; As fotografias de Aby Warburg na América: índios, imagens e ruinas

Mattos, Claudia; Unicamp; Imorde, Joseph; Instituto de História e Teoria da Arquitetura da Universidade Federal de Tecnologia (ETH) em Zurique
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 13/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46%
The present article analyses the uses that Aby Warburg makes of photography during his trip to the American Southwest. We will start by pointing out the importance of photography for the construction of the field of Art History as an academic discipline, to show, in the sequence that photograph also played a central role for Warburg throughout his whole carrier, and especially in his process of immersion in Hopi culture during his stay in America. Throughout the text, we will analyze how Warburg, in his encounter with the reality of American natives, makes use of photography, as element of mediation and as means of establishing a distance to his object of research. Finally, we will raise some political questions implied in this encounter, essentially produced through his camera. In agreement with David Freedberg’s critique on the author we will question Warburg’s capacity to truly understand Hopi culture, suggesting that maybe in distant America he was only capable to produce an encounter with himself.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7917.2014v19n1p147O presente artigo analisa a importância e os usos que Aby Warburg faz do meio fotográfico durante sua viagem para o sudoeste americano. Partindo de uma análise da importância da fotografia para a construção do próprio campo da História da Arte...