Página 1 dos resultados de 2950 itens digitais encontrados em 0.151 segundos

The Development of Science Education Research in Brazil and Contributions from the History and Philosophy of Science

VILLANI, Alberto; DIAS, Valéria Silva; VALADARES, Juarez Melgaco
Fonte: ROUTLEDGE JOURNALS, TAYLOR & FRANCIS LTD; London Publicador: ROUTLEDGE JOURNALS, TAYLOR & FRANCIS LTD; London
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
95.66%
Over the last 50 years a new research area, science education research, has arisen and undergone singular development worldwide. In the specific case of Brazil, research in science education first appeared systematically 40 years ago, as a consequence of an overall renovation in the field of science education. This evolution was also related to the political events taking place in the country. We will use the theoretical work of Rene Kaes on the development of groups and institutions as a basis for our discussion of the most important aspects that have helped the area of science education research develop into an institution and kept it operating as such. The growth of this area of research can be divided into three phases: The first was related to its beginning and early configurations; the second consisted of a process of consolidation of this institution; and the third consists of more recent developments, characterised by a multiplicity of research lines and corresponding challenges to be faced. In particular, we will analyse the special contributions to this study gleaned from the field known as the history and philosophy of science.

História e Filosofia da Ciência: da Teoria para a Sala de Aula; History and Philosophy of Science: from theory to classroom activities

Vannucchi, Andrea Infantosi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/01/1997 PT
Relevância na Pesquisa
95.65%
Este trabalho discute a introdução de tópicos de História e Filosofia da Ciência no ensino de Física para o segundo grau. Procurou-se dar embasamento teórico para atividades com tal temática, tanto no que diz respeito a questões metodológicas, com a análise de resultados de pesquisas em Didática das Ciências, como, também, quanto aos conteúdos histórico e filosófico. Tomando-se como tema o episódio de aperfeiçoamento da luneta no século XVII, foram elaboradas duas atividades de ensino que têm como finalidades a discussão das relações entre Ciência e Tecnologia e o papel dos referentes teóricos dos cientistas na observação e interpretação de dados. As atividades foram introduzidas em sala de aula e analisadas através de seu registro em vídeo.; The introduction of topics on history and philosophy of science in high school physics curriculum is discussed. Theoretical basis for the design of activities is presented concerning both methodological aspects, with the analysis of research on the teaching of science as, also, historical and philosophical content. Within the episode of the improvement of the telescope in the 17th century, two activities were developed, having the discussion of the relationship between science and technology and the influence of theoretical references of scientists on data observation and interpretation as themes. The activities were tried out in classroom and analysed through videotape records.

Uma análise da história e filosofia da ciência presente em livros didáticos de física para o ensino médio; An analysis of the history and philosophy of science presented in physics textbooks for secondary education

Pagliarini, Cassiano Rezende
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
85.61%
Pesquisas atuais na área de ensino de ciências têm enfatizado a importância de uma formação científica humanística que seja ampla e geral, mais significativa para estudantes em todos os seus níveis de ensino. Assim, considerando o âmbito das pesquisas sobre as potencialidades do uso da história da ciência no ensino e a importância de se ensinar sobre a natureza da ciência (NdC), torna-se relevante pesquisar a presença desses conteúdos nos livros didáticos, dada sua grande influência no ensino, já que assume um papel crucial na educação, e também o fato de o livro didático não ser totalmente desprovido de conteúdos desse tipo. Sendo assim, este trabalho analisa como a história da ciência é apresentada por alguns dos mais populares livros didáticos de física para o ensino médio no Brasil, bem como as concepções sobre a natureza da ciência envolvidas nestas narrativas históricas. Geralmente, a história da ciência encontrada nos livros didáticos é distorcida e simplificada, o que se chama de pseudo-história, reforçando alguns conhecidos mitos científicos e transmitindo falsas concepções acerca da natureza da ciência a estudantes e professores. Nesta análise, dois importantes norteadores educacionais brasileiros são considerados...

A teoria da ciência no modelo Black-Scholes de apreçamento de opções; The theory of science in the Black-Scholes option valuation model

Oga, Luis Fernando
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
85.64%
O presente trabalho pretende introduzir uma visão das Finanças sob o aspecto da Filosofia da Ciência. Para permitir um estudo mais detalhado, optou-se por utilizar um dos modelos mais utilizados em Finanças, o modelo Black-Scholes de apreçamento de opções, e situá-lo dentro do campo de aplicação da Filosofia da Ciência. Primeiramente buscou-se, antes de entrar numa análise do texto original que apresentou o modelo, contextualizá-lo no campo da Economia e das Finanças e reconstruir historicamente suas bases conceituais. Em seguida são apresentados alguns dos elementos principais que caracterizam os modelos filosóficos de mudança científica posteriores à posição definida pelo positivismo lógico. Especial atenção é dada às concepções Realista e Anti-Realista da Ciência. Ao final, é feita uma descrição de algumas peculiaridades empíricas do modelo Black-Scholes e é analisada a função do modelo dentro do campo da Economia e das Finanças.; This work is an introduction of a Philosophy of Science view of the Finance. We choose the Black-Scholes option valuation model, one of the most famous models of finance, and we submet it of an analysis in the Philosophy of Science point of view. At first, we present an historical reconstruction of Black-Scholes model conceptual basis...

Relatos dos professores de ciências sobre a natureza da ciência e sua relação com a história e a filosofia da ciência; Report of Teachers of Science on the nature of science and its relationship with the History and Philosophy of Science.

Santana, Edson Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
95.74%
A abordagem da natureza da ciência e sua relação com a história e a filosofia da ciência, têm sido reconhecida tanto no âmbito nacional, como é possível encontra-la nos PCNs ( Parâmetros Currriculares Nacionais ), e também no contexto internacional como apresenta o Projeto 2061 produzido pela AAAS ( Associação Americana para o Progresso da Ciência ). Além destas, o tema é constante em diversas pesquisas, demonstrando assim sua relevância. Esta pesquisa procurou compreender como os professores interpretariam esta temática. O resultado demonstrou problemas com esta compreensão, ou seja, os professores não teriam estas questões bem compreendidas e, portanto as mesmas poderiam ser abordadas de formas inadequadas ou simplesmente não seriam abordadas. Há também um outro fator, pois diferentemente de outras questões relacionadas ao Ensino de Ciência como Sexualidade e Meio Ambiente, cujas mesmas são relatadas pelos professores. A temática sobre a natureza da ciência e sua conexão com a história e a filosofia da ciência, além de mal compreendidas, não haveria ainda uma clara consciência sobre a importância do assunto. Assim caberia aos cursos de formação de professores tratar a questão em duas frentes...

Discutindo a natureza da ciência a partir de episódios da história da cosmologia; Discussing the nature of science from episodes of the history of cosmology

Henrique, Alexandre Bagdonas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/05/2011 PT
Relevância na Pesquisa
85.61%
Nesta pesquisa estudamos alguns episódios da história da cosmologia no século XX, buscando episódios interessantes que permitiram a discussão de certos aspectos da natureza da ciência de forma explícita na formação inicial de professores de ciências. Um dos objetivos desta pesquisa é fornecer subsídios para que se possa ensinar cosmologia com uma abordagem histórico-filosófica, o que é sugerido pelos PCN no tema estruturador "Universo, Terra e Vida". Esta proposta busca contribuir para a introdução de conteúdos de história e filosofia da ciência nos cursos de formação de professores e consequentemente na educação básica. O episódio histórico escolhido foi a controvérsia entre a teoria do Big Bang e a do Estado Estacionário, que ocorreu a partir da segunda metade do século XX. Tendo em vista a possibilidade de analisar as influências religiosas sobre essa controvérsia, argumentamos sobre a importância de se discutir a relação entre ciência e religião nas aulas de física, utilizando episódios da história da cosmologia como tema motivador. São apresentados três personagens históricos envolvidos nas controvérsias cosmológicas da década de 1950: o Papa Pio XII, Fred Hoyle e Georges Lemaître...

História e filosofia da ciência no ensino de ciências naturais: o consenso e as pespectivas a partir de documentos oficiais, pesquisas e visões dos formadores; History and philosophy of science in teaching of natural sciences: the consensus and the perspectives from official documents, research and teachers viewpoints

Kapitango-a-Samba, Kilwangy Kya
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
95.63%
A análise do distanciamento entre as orientações teóricas das instâncias decisórias (ID) sobre a inclusão da abordagem dos aspectos da História e Filosofia da Ciência no Ensino de Ciências Naturais (HFCECN) constitui o nosso objetivo de investigação, cujo problema foi identificar as ID e saber em que elas se distanciavam entre si em relação à HFCECN. Para tal, delimitamos o estudo de caso único qualitativo, tendo o Brasil como unidade caso sob o aspecto da HFCECN, cujas múltiplas unidades de análise foram as ID. Para coleta e análise de dados utilizamos a entrevista semiestruturada com especialistas, a análise de conteúdo e a análise documental. Da investigação resultou a identificação de quatro ID em relação à HFCECN, das quais três foram analisadas e identificamos que elas apresentam desconexão/discrepância metodológica e epistemológica de perspectivas diferentes, portanto, a convergência entre as ID está longe de ocorrer na realidade material do sistema educacional, o que pode inviabilizar a efetiva HFCECN. Os regulamentos oficiais apontam para a contextualização externa (sociocultural) e as pesquisas parecem assumir a HFC como conteúdo no ensino de ciências naturais, porém, dos 72 trabalhos de pesquisa analisados...

Autoridade da ciência e educação: abrindo caixas pretas com a problematização de discursos da mídia e temas da física; Authority of science and education Opening black boxes with problematization of discourses of media and themes of physics

Gama, Leandro Daros
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
85.66%
Chamamos caixa preta um conceito ou instrumento cujos detalhes de funcionamento e debates históricos (a seu respeito) são abandonados quando do seu uso. Um computador é um exemplo de objeto que é usado, em geral, sem que haja preocupação ou conhecimento com relação às nuances de seu funcionamento. O fato, já bem aceito, de que a fórmula química da água é H2O é outro exemplo de caixa preta, na medida em que alguém que afirma isso não precisa se preocupar em citar fontes ou remeter a discussões sobre a história da Química. Trabalhamos com a hipótese de que a ciência tornou-se, por si mesma, uma caixa preta. A forma como se evoca a autoridade do conhecimento científico nos meios de divulgação, em livros, diálogos e anúncios comerciais (onde frequentemente figuram fórmulas como "eficácia cientificamente comprovada") atesta um cenário atual onde a natureza da ciência e, em particular, a "comprovação" científica revelam algo que, estando carregado de poder, vem sendo veiculado, mesmo por cientistas, de maneira ingênua - sem passar por uma elaboração maior ou ignorando-se toda a complexa discussão, sobre esse assunto, presente na filosofia da ciência. Em nosso ensaio, discutiremos essa problemática...

First Edition of the Lullius Lectures: Kitcher???s Reconstruction in the Philosophy of Science

Frapolli Sanz, Mar??a Jos??; Vega Encabo, Jes??s
Fonte: Universidad del Pa??s Vasco Publicador: Universidad del Pa??s Vasco
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
95.67%
This monographic section contains the three papers delivered by Philip Kitcher as Raimundus Lullius Lectures during the VII Conference of the Spanish Society of Logic, Methodology, and Philosophy of Science, that took place in Santiago de Compostela (July 18th-20th, 2012). It also includes three of the contributions presented to the Symposium on Kitcher???s work in the same Conference.; La secci??n monogr??fica contiene las tres Conferencias que Philip Kitcher imparti?? en el marco de la Primera Edici??n de las Conferencias Raimundus Lullius patrocinadas por la Sociedad de L??gica, Metodolog??a y Filosof??a de la Ciencia de Espa??a, en el VII Congreso de la Sociedad, celebrado en Santiago de Compostela, del 18-20 de Julio de 2012. Incluye tambi??n tres de los trabajos que se presentaron en el Symposium dedicado a la obra del Prof. Kitcher en ese congreso.

History and Philosophy of Science: a Phylogenetic approach

Lennox,James G.
Fonte: Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2001 EN
Relevância na Pesquisa
95.74%
In the aftermath of Thomas Kuhn's The structure of scientific revolutions, there was a great deal of discussion about the relationship between the History of Science and the Philosophy of Science. A wider issue was at stake in these discussions: 'normativism' versus 'naturalism' in Epistemology. If the History of Science, at best, gives us reliable information about what actually occurred historically, how can it inform debates about such things as confirmation or explanation in Philosophy of Science? This essay makes a case for the centrality of historical investigation in the Philosophy of Science. I will defend what I term the 'Phylogenetic' approach to the Philosophy of Science. I will argue that since the foundations and dominant methods of a particular scientific field are shaped by its history, studying that History can give us considerable insight into conceptual and methodological problems in a particular Science. The case will be made both on general, philosophical grounds, and by compelling instantiation.

Philosophy of science viewed through the lense of "References Publication Years spectrosopy" (RPYS)

Wray, K. Brad; Bornmann, Lutz
Fonte: Universidade Cornell Publicador: Universidade Cornell
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 13/10/2014
Relevância na Pesquisa
85.76%
We examine the sub-field of philosophy of science using a new method developed in information science, Referenced Publication Years Spectroscopy (RPYS). RPYS allows us to identify peak years in citations in a field, which promises to help scholars identify the key contributions to a field, and revolutionary discoveries in a field. We discovered that philosophy of science, a sub-field in the humanities, differs significantly from other fields examined with this method. Books play a more important role in philosophy of science than in the sciences. Further, Einstein's famous 1905 papers created a citation peak in the philosophy of science literature. But rather than being a contribution to the philosophy of science, their importance lies in the fact that they are revolutionary contributions to physics with important implications for philosophy of science.

Conceptual Preconditions of Overcoming of Relativistic Intentions in Modern Philosophy of Science

Kulikov, Sergey
Fonte: Universidade Cornell Publicador: Universidade Cornell
Tipo: Artigo de Revista Científica
Relevância na Pesquisa
85.74%
The paper defends the thesis that it's possible to maintain some conceptual preconditions of overcoming of relativistic intentions in modern philosophy of science ("there are no any general foundations in philosophy of science"). We found two general foundations in philosophy of science as a minimum. From the first side it's realistic to reveal on the base of special understanding of time the value of time not only in natural thought (especially in theory of gravity) but also in humanitarian knowledge. That's why philosophy of science has independent position in epistemology and ontology corresponding to interpretation of time as a general category of scientific thinking. The nature of time has internally inconsistent (paradoxical) character. Time is phenomenon which existing and not existing at the same time. This phenomenon is identified with imaginary movement and also ideal (formal) process of formation of the nature. The general understanding of time is connected with its "mathematical" meaning as calculable formal regulation of language practice and also the universal organization rules of quantitative parameters of intelligence of natural (physical) processes. From the second side we can say that exist an actual branch of philosophy of science. It exists on the basis of disclosure of aprioristic limits of consciousness of its cultural and historical development. There is possible a special interpretation of time. In that context time is the connection of an action of the cultural phenomenon or its "energy" with some kind of "weight"...

Report on a Boston University Conference December 7-8, 2012 on 'How Can the History and Philosophy of Science Contribute to Contemporary U.S. Science Teaching?'

Garik, Peter; Benétreau-Dupin, Yann
Fonte: Universidade Cornell Publicador: Universidade Cornell
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 03/03/2015
Relevância na Pesquisa
85.74%
This is an editorial report on the outcomes of an international conference sponsored by a grant from the National Science Foundation (NSF) (REESE-1205273) to the School of Education at Boston University and the Center for Philosophy and History of Science at Boston University for a conference titled: How Can the History and Philosophy of Science Contribute to Contemporary U.S. Science Teaching? The presentations of the conference speakers and the reports of the working groups are reviewed. Multiple themes emerged for K-16 education from the perspective of the history and philosophy of science. Key ones were that: students need to understand that central to science is argumentation, criticism, and analysis; students should be educated to appreciate science as part of our culture; students should be educated to be science literate; what is meant by the nature of science as discussed in much of the science education literature must be broadened to accommodate a science literacy that includes preparation for socioscientific issues; teaching for science literacy requires the development of new assessment tools; and, it is difficult to change what science teachers do in their classrooms. The principal conclusions drawn by the editors are that: to prepare students to be citizens in a participatory democracy...

Measurement Theory in the Philosophy of Science

Ishikawa, Shiro
Fonte: Universidade Cornell Publicador: Universidade Cornell
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 16/09/2012
Relevância na Pesquisa
85.69%
The philosophy of science is a discipline concerning the metaphysical aspect of science. Recently, I proposed measurement theory, which is characterized as the metaphysical and linguistic interpretation of quantum mechanics. I assert that this theory is one of the most fundamental languages in science, and thus, it is located at the central position in science. This assertion will be examined throughout this preprint, which is written as the draft of my future book (concerning the philosophy of science). Hence, I hope to hear various opinions about this draft.; Comment: 177 pages

Phenomenology of Philosophy of Science: OPERA data

Amelino-Camelia, Giovanni
Fonte: Universidade Cornell Publicador: Universidade Cornell
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 15/06/2012
Relevância na Pesquisa
85.69%
I observe that, as the physics side of the OPERA-anomaly story is apparently unfolding, there can still be motivation for philosophy of science to analyze the six months of madness physicists spent chasing the dream of a new fundamental-physics revolution. I here mainly report data on studies of the OPERA anomaly that could be relevant for analyses from the perspective of phenomenology of philosophy of science. Most of what I report is an insider's perspective on the debate that evolved from the original announcement by the OPERA collaboration of evidence of superluminal neutrinos. I also sketch out, from a broader perspective, some of the objectives I view as achievable for the phenomenology of philosophy of science.; Comment: 13 pages, LaTex

One revision/discussion about the philosophy of science; Uma revisão/discussão sobre a filosofia da ciência

Furlan, Reinaldo
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2002 POR
Relevância na Pesquisa
95.63%
O objetivo deste artigo é introduzir e estimular a reflexão sobre a natureza do conhecimento científico. A intenção não é dogmática, no sentido de dizer o que é a metodologia científica, mas apresentar questões que estão na base da discussão de sua fundamentação e que rompem com a aparente certeza do senso comum sobre a natureza do conhecimento científico: a relação entre história da ciência interna e externa, a crítica à noção de indução, o papel da teoria na observação, o princípio de verificação. Privilegia-se nessa apresentação as duas principais teorias que polarizaram as discussões da filosofia da ciência nas últimas décadas, as teorias de Popper e de Kuhn sobre os fundamentos da metodologia científica.; The objective of this paper is to stimulate the reflection on the nature of scientific knowledge. The intention is not dogmatic, in the sense of saying what is scientific methodology, rather to present the following points that are the basis for the discussion of its foundation and break up with the apparent certainty of the common sense on the nature of scientific knowledge: (1) the relationship among internal and external science history, (2) the critic to the induction notion, (3) the role of theory in observation...

One revision/discussion about the philosophy of science; Uma revisão/discussão sobre a filosofia da ciência

Furlan, Reinaldo
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2002 POR
Relevância na Pesquisa
95.63%
The objective of this paper is to stimulate the reflection on the nature of scientific knowledge. The intention is not dogmatic, in the sense of saying what is scientific methodology, rather to present the following points that are the basis for the discussion of its foundation and break up with the apparent certainty of the common sense on the nature of scientific knowledge: (1) the relationship among internal and external science history, (2) the critic to the induction notion, (3) the role of theory in observation, (4) the principle of verification. In that presentation it is privileged the two main theories that polarized the discussions of philosophy of science in the last decades: the theories of Popper and Kuhn on the scientific methodology foundations.; O objetivo deste artigo é introduzir e estimular a reflexão sobre a natureza do conhecimento científico. A intenção não é dogmática, no sentido de dizer o que é a metodologia científica, mas apresentar questões que estão na base da discussão de sua fundamentação e que rompem com a aparente certeza do senso comum sobre a natureza do conhecimento científico: a relação entre história da ciência interna e externa, a crítica à noção de indução, o papel da teoria na observação...

History Themes and Philosophy of Science in Education; Temas de História e Filosofia da Ciência no Ensino

Zanetic, João; Instituto de Física - USP
Fonte: Imprensa Universitária - UFSC Publicador: Imprensa Universitária - UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 17/04/2013 POR
Relevância na Pesquisa
85.59%
Book  Review: History Themes andPhilosophy of Science in Education.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7941.2013v30n1p227Resenha do livro "Temas de História e Filosofia da Ciência no Ensino".

Investigating parameters to evaluate the literary production on History and Philosophy of Science directed to teaching and divulgation of Physics ideas of Science; Parâmetros para avaliar a produção literária em História e Filosofia da Ciência voltada para o ensino e divulgação das ideias da Física

Pena, Fábio Luís Alves; IFBA (Campus Simões Filho) e Programa de Pós-Graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências (UFBA/UEFS).; Teixeira, Elder Sales; UEFS (universidade Estadual de Feira de Santana) e Programa de Pós-Graduação em Ens
Fonte: Imprensa Universitária - UFSC Publicador: Imprensa Universitária - UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 17/10/2013 POR
Relevância na Pesquisa
95.63%
The present paper aims to investigate parameters to evaluate the literary production on History and Philosophy of Science (HPS) directed to teaching and divulgation of Physics ideas through positive and negative aspects showed by authors of schoolbook reviews, paradidactic, scientific publishing, articles/essays focusing on HPS. These reviews are published in national literature on research in Physics Teaching. Among the most emphasized aspects in those reviews are: primary sources analysis and historical context regarding. We conclude that the detached aspects in the reviews are good criteria/parameters to be used to evaluate the production on HPS (paradidactic, scientific publishing, articles/essays) directed, mainly, to the University.  ; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7941.2013v30n3p471O presente trabalho tem como objetivo investigar parâmetros para avaliar a produção literária em História e Filosofia da Ciência (HFC) voltada para o ensino e divulgação das ideias da Física, a partir dos aspectos positivos e negativos apontados por autores de resenhas de livros didáticos, paradidáticos, de divulgação científica e/ou de artigos/ensaios enfocando a HFC. Tais resenhas estão publicadas na literatura nacional de pesquisa em Ensino de Física. Dentre os pontos mais acentuados nas resenhas estão: análise de fontes primárias e consideração do contexto da época. Concluímos que os pontos destacados nas resenhas constituem bons critérios/parâmetros a serem utilizados para avaliar a produção em HFC (paradidáticos...

Views about scientists and scientific work in the novel Deception Point by Dan Brown: possibilities to insert History and Philosophy of Science elements; Visões de cientistas e atividade científica na obra Ponto de Impacto de Dan Brown: possibilidades de inserção de elementos de História e Filosofia das Ciências

Francisco Junior, Wilmo Ernesto; Universidade Federal de Alagoas, Campus Arapiraca; Andrade, Danilo Rosa; Mestrando em Educação, Universidade Federal de Rondônia; Mesquita, Nyuara Araújo da Silva; Instituto de Química, Universidade Federal de Goiás,
Fonte: Imprensa Universitária - UFSC Publicador: Imprensa Universitária - UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2015 POR
Relevância na Pesquisa
95.66%
Considering the influence of literature on people lives, this study investigates elements concerning views about scientists and scientific work presented in Deception Point, a novel by Dan Brown. Multiple aspects to represent the scientist figure, life and work, emerge from the novel and problematize characteristics that can be considered as a common sense view, or others perspectives based on more contemporaneous philosophical thoughts on science. Reading and analyzing this novel could be an interesting opportunity to insert elements of history and philosophy of science under different focus. This study discusses some elements, from excerpts of the novel, which may become possibilities for debates in Science classes at schools, and in teacher education.; http://dx.doi.org/10.5007/2175-7941.2015v32n1p76Tendo em vista a influência que a literatura pode exercer sobre a vida das pessoas, este trabalho investiga elementos acerca da visão de cientista e atividade científica presentes na obra Ponto de Impacto de Dan Brown. A obra faz emergir múltiplos aspectos para a figura do cientista, sua vida e atividade, permitindo a problematização de características que podem ser consideradas de “senso comum” e de outras perspectivas as quais se aproximam de pensamentos filosóficos mais contemporâneos sobre ciência. A leitura e análise da obra traria...