Página 1 dos resultados de 12386 itens digitais encontrados em 0.043 segundos

Pesquisa acadêmica em contabilidade gerencial no Brasil: análise e reflexões sobre teorias, metodologias e paradigmas; Management accounting research in Brazil: analyses and reflections on theory, methodology and paradigms

NASCIMENTO, Artur Roberto do; JUNQUEIRA, Emanuel; MARTINS, Gilberto de Andrade
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
85.85%
O trabalho teve por objetivo identificar e analisar as características epistemológicas da produção acadêmica da pesquisa em contabilidade gerencial no Brasil. Realizou-se uma pesquisa empírico-analítica com técnicas de análise bibliométrica e de conteúdo dos trabalhos do Congresso da Associação Nacional do Programas de Pós-Graduação em Ciências Contábeis [ANPCONT] de 2007 e 2008, Congressos de Contabilidade e Controladoria da Universidade de São Paulo [USP] e Encontros Nacionais da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração [ANPAD] dos anos de 2005 a 2008, perfazendo um total de 287 trabalhos. Os resultados indicam: (a) baixa utilização de referências que abordem as teorias da contabilidade gerencial, baixa incidência de referências a artigos publicados em periódicos internacionais e alta idade média dos trabalhos citados, 10 anos; (b) as estratégias de pesquisa se concentram em pesquisas de campo (38%), levantamentos descritivos (16%), ou trabalhos documentais (9%), sem geração de teorias substantivas ou trabalhos de natureza explicativa; (c) em relação às teorias, observa-se que 83% dos trabalhos se baseiam somente em conceitos contábeis ou legislação, enquanto 17% utilizam teorias da economia...

Análise proposicional quantitativa aplicada à pesquisa em administração; Quantitative propositional analysis as applied to business administration research; Análisis proposicional cuantitativo aplicado a la investigación en administración

MADEIRA, Adriana Beatriz; LOPES, Marcos; GIAMPAOLI, Viviana; SILVEIRA, José A. G. da
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
95.88%
A análise de entrevistas com questões abertas é frequente no cotidiano do pesquisador em Administração. Uma de suas dificuldades é a conversão dos dados da fala em categorias ou valores quantitativos para posterior tratamento estatístico. As propostas nesse sentido em geral estão baseadas em contagens de ocorrências lexicais que, por estarem fundamentadas em significações dicionarizadas (previamente estabelecidas), deixam de lado as associações semânticas feitas pelo próprio entrevistado no contexto da entrevista. O objetivo deste artigo é apresentar um instrumento de análise composto de um conjunto de procedimentos para a geração de unidades linguísticas passíveis de descrição, comparação, modelagem e inferência estatísticas: a Análise Proposicional Quantitativa (APQ). Sua principal diferença em relação a outros métodos consiste na escolha da proposição, e não do léxico, como unidade de análise. A aplicação do método é apresentada em um estudo sobre internacionalização de empresas do varejo.; The analysis of interviews with open-ended questions is a common practice amongst researchers in the field of Management. The difficulty therein is to convert the linguistic data into categories or quantitative values for subsequent statistical treatment. Proposals made to this end generally entail counting lexical occurrences which...

Administração pública nas revistas especializadas: Brasil, 1995-2002

Pacheco,Regina Silvia
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
85.93%
O artigo analisa a recente produção brasileira na área de pesquisa em administração pública, utilizando como base os artigos publicados entre 1995 e 2002 nas revistas especializadas RAP e RSP, além dos trabalhos apresentados durante os Enanpad. Retoma balanços anteriores realizados sobre a área, que tendiam a apontar como principal fragilidade o caráter propositivo da produção em administração pública. Considera tal caráter inerente à área, dada a natureza do objeto de estudo, essencialmente aplicado. Aponta outros fatores que merecem debate e reflexão para fazer avançar a pesquisa na área, dentre eles: a tendência de pesquisadores a se auto-referirem, a diluição temática e a adoção acrítica de teorias desenvolvidas em outras disciplinas. Discute, ainda, a pertinência da área, dadas as necessidades de conhecimento sobre governos e governança, bem como a formação de reformadores públicos.

A pesquisa que faz diferença

Ford,Eric W.; Duncan,W. Jack; Bedeian,Arthur G.; Ginter,Peter M.; Rousculp,Matthew D.; Adams,Alice M.
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
85.9%
Os pesquisadores da administração lamentam o fato de que seu trabalho tenha tão pouco impacto na prática gerencial. Os gerentes, por sua vez, procuram conhecimento que possa ajudá-los a melhorar a performance organizacional, mas raramente consultam os trabalhos universitários - frequentemente tidos como incompreensíveis e irrelevantes para os desafios cotidianos. Para que a pesquisa em administração possa fazer diferença para os gerentes são necessárias parcerias mutuamente benéficas que envolvam os gerentes e os pesquisadores e que sejam apoiadas por suas respectivas organizações. Ilustramos a importância da pesquisa da administração relevante para a prática valendo-se de quatro importantes contribuições, juntos, estes casos não somente demonstram como esse tipo de parceria pode produzir conhecimento relevante para a prática, mas também promovem insights para aumentar a probabilidade de ocorrência de encontros produtivos.

Perspectiva histórica em administração: novos objetos, novos problemas, novas abordagens

Costa,Alessandra de Sá Mello da; Barros,Denise Franca; Martins,Paulo Emílio Matos
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
85.86%
A pesquisa busca contribuir para uma melhor compreensão do pensamento administrativo por meio da análise da utilização da perspectiva histórica em administração. Embora a aproximação entre administração e história não seja recente, ainda não avançou substancialmente de forma a viabilizar seu potencial ontológico, epistemológico e metodológico. De forma a aprofundar essa discussão, classificamos três abordagens do pensar administrativo relacionando-as com a discussão paradigmática da história, quais sejam: a história dos negócios (business history); a história da gestão (management history); e a história organizacional (organizational history). Tal enquadramento permitiu identificar que a perspectiva histórica da nova história inserida numa posição reorientacionista possibilita: a) refletir sobre a práxis social do pesquisador; b) considerar novos objetos, problemas e abordagens de pesquisa; e c) perceber que novas perguntas podem deslocar o foco de análise do exógeno para o local, o que contribui para o desenvolvimento de análises mais críticas sobre ideologias administrativas.

Rigor, relevância e desafios da academia em administração: tensões entre pesquisa e formação profissional

Mascarenhas,André Ofenhejm; Zambaldi,Felipe; Moraes,Edmilson Alves de
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
95.86%
Recuperamos a trajetória do ensino e da pesquisa em administração no Brasil para discutir desafios atuais quanto à construção da relevância da produção científica. A análise da trajetória da RAE revela tensões entre pesquisa e tradição da formação profissional, ou, ainda, entre rigor e relevância: de uma revista que refletiria o pensamento da FGV-EAESP, voltada à classe emergente dos administradores, carentes de conhecimento especializado e relevante, a uma ferramenta essencial ao debate e à divulgação científica, agora já no círculo acadêmico especializado. Essa inflexão caracterizou-se pela implantação progressiva de critérios e procedimentos acadêmicos e pela ênfase crescente no rigor teórico-metodológico. Porém, a questão da relevância e do impacto do conhecimento produzido sugere reflexões importantes à comunidade científica. Entre as questões que levantamos, estão: de que problemas tratamos? Como o fazemos? Quais as contribuições de nossos textos? Para quem escrevemos? Que diálogos promovemos junto a outras esferas da sociedade?

Análise proposicional quantitativa aplicada à pesquisa em administração

Madeira,Adriana Beatriz; Lopes,Marcos; Giampaoli,Viviana; Silveira,José A. G. da
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola de Administração de Empresas de S.Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
95.88%
A análise de entrevistas com questões abertas é frequente no cotidiano do pesquisador em Administração. Uma de suas dificuldades é a conversão dos dados da fala em categorias ou valores quantitativos para posterior tratamento estatístico. As propostas nesse sentido em geral estão baseadas em contagens de ocorrências lexicais que, por estarem fundamentadas em significações dicionarizadas (previamente estabelecidas), deixam de lado as associações semânticas feitas pelo próprio entrevistado no contexto da entrevista. O objetivo deste artigo é apresentar um instrumento de análise composto de um conjunto de procedimentos para a geração de unidades linguísticas passíveis de descrição, comparação, modelagem e inferência estatísticas: a Análise Proposicional Quantitativa (APQ). Sua principal diferença em relação a outros métodos consiste na escolha da proposição, e não do léxico, como unidade de análise. A aplicação do método é apresentada em um estudo sobre internacionalização de empresas do varejo.

Administração pública no Brasil: reflexões sobre o campo de saber a partir da Divisão Acadêmica da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (2009-2013)

Fadul,Élvia; Coelho,Fernando de Souza; Costa,Frederico Lustosa da; Gomes,Ricardo Corrêa
Fonte: Fundação Getulio Vargas Publicador: Fundação Getulio Vargas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
75.94%
Este artigo nasceu de uma reflexão de membros do Comitê Científico da Divisão Acadêmica de Administração Pública da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (ANPAD) - a partir de seu trabalho no período de 2009 a 2012 - sobre o desenvolvimento desse campo de saber no Brasil. O texto descreve e analisa os fatores que influenciam a produção acadêmica em administração pública no país, destacando a sua significação como área no âmbito da ANPAD; o sistema de ensino, tanto em nível de graduação e de pós-graduação, como nas escolas de governo; e, finalmente, a organização dos grupos de pesquisa e de publicação científica (eventos e periódicos) que sustentam a investigação. Como resultado, o trabalho: (i) apresenta a trajetória da área de administração pública na ANPAD desde 1985 e sua agenda de pesquisa nos últimos anos; (ii) atualiza o panorama do ensino superior de administração pública no país, sobretudo dos programas de pós-graduação; e (iii) mapeia os congressos e revistas da área. Desse modo, o trabalho constitui per se um balanço sobre os avanços, as lacunas e os desafios do campo de saber da administração pública em nível nacional.

Produção científica em administração de empresas: provocações, insinuações e contribuições para um debate local

Bertero,Carlos Osmar; Caldas,Miguel Pinto; Wood Jr.,Thomaz
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/1999 PT
Relevância na Pesquisa
85.95%
Este trabalho aborda a questão da qualidade da pesquisa científica em administração no Brasil. Trata, especificamente, dos critérios utilizados na avaliação de trabalhos apresentados em congressos ou publicados em periódicos. Discutimos inicialmente o crescimento quantitativo da pesquisa em administração e as limitações desta mesma produção em termos de qualidade. Descrevemos em seguida uma pesquisa empírica, realizada a partir de publicações científicas, notáveis e avaliadores do campo no Brasil. Tal pesquisa teve como objeto a utilização de critérios de avaliação e revelou um quadro de grande diversidade quanto aos critérios aplicados e aos significados a eles atribuídos. Como resposta a esta situação, propomos um modelo de critérios, a ser utilizado na avaliação de trabalhos científicos em administração no Brasil. Tal modelo é genérico e adaptável a diferentes contextos e finalidades. Postulamos que o fortalecimento do campo da administração no Brasil requer critérios de avaliação mais claros e bem definidos, e que é chegado o momento, após o recente crescimento quantitativo, de uma reflexão em prol da qualidade da produção científica.

A rede de programas de pós-graduação em administração no Brasil: análise de relações acadêmicas e atributos de programas

Guimarães,Tomás de Aquino; Gomes,Adalmir de Oliveira; Odelius,Catarina Cecilia; Zancan,Claudio; Corradi,Ariane Agnes
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
85.89%
Este artigo investiga, apoiado na abordagem de redes sociais, a influência de relações acadêmicas e de atributos de programas de pós-graduação em administração na estrutura da rede desses programas. Os dados foram coletados entre fevereiro e julho de 2007. Um questionário eletrônico foi enviado aos coordenadores de 58 programas em funcionamento nesse período. Destes, 32 (55%) responderam à pesquisa, e informaram as relações do próprio programa com os demais 57 programas, em sete atividades: pesquisas conjuntas, produção intelectual compartilhada, realização de eventos científicos, disciplinas compartilhadas, intercâmbio de professores, intercâmbio de estudantes, e participação em comissões examinadoras de dissertações e teses. Os atributos dos programas foram identificados nas páginas eletrônicas da CAPES e de cada programa. Os resultados mostram que: (1) a rede pesquisada é pouco densa, com relações esparsas e, na maioria das vezes, fracas entre programas; (2) a localização geográfica e as linhas de pesquisa dos programas são importantes na definição da estrutura da rede; as linhas de pesquisa mais compartilhadas são: Organizações & Comportamento Organizacional, e Estratégia; e, (3) o programa da UFRGS é o mais central da rede e os programas da FGV/SP...

Pesquisa acadêmica em contabilidade gerencial no Brasil: análise e reflexões sobre teorias, metodologias e paradigmas

Nascimento,Artur Roberto do; Junqueira,Emanuel; Martins,Gilberto de Andrade
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
85.85%
O trabalho teve por objetivo identificar e analisar as características epistemológicas da produção acadêmica da pesquisa em contabilidade gerencial no Brasil. Realizou-se uma pesquisa empírico-analítica com técnicas de análise bibliométrica e de conteúdo dos trabalhos do Congresso da Associação Nacional do Programas de Pós-Graduação em Ciências Contábeis [ANPCONT] de 2007 e 2008, Congressos de Contabilidade e Controladoria da Universidade de São Paulo [USP] e Encontros Nacionais da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração [ANPAD] dos anos de 2005 a 2008, perfazendo um total de 287 trabalhos. Os resultados indicam: (a) baixa utilização de referências que abordem as teorias da contabilidade gerencial, baixa incidência de referências a artigos publicados em periódicos internacionais e alta idade média dos trabalhos citados, 10 anos; (b) as estratégias de pesquisa se concentram em pesquisas de campo (38%), levantamentos descritivos (16%), ou trabalhos documentais (9%), sem geração de teorias substantivas ou trabalhos de natureza explicativa; (c) em relação às teorias, observa-se que 83% dos trabalhos se baseiam somente em conceitos contábeis ou legislação, enquanto 17% utilizam teorias da economia...

Implicações da aprendizagem experiencial e da reflexão pública para o ensino de pesquisa qualitativa e a formação de mestres em administração

Villardi,Beatriz Quiroz; Vergara,Sylvia Constant
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
75.94%
Na pós-graduação stricto sensu em Administração se formam professores e pesquisadores. Esperamos que os mestrandos desenvolvam sua capacidade de aprendizagem para realizar pesquisas. A procrastinação acadêmica e o choque de aprendizagem dos mestrandos, no entanto, dificultam esse processo. O estudo exploratório aqui apresentado se propôs a examinar a prática de ensino-aprendizagem durante e após o processo de aprender a pesquisar, buscando resposta para a seguinte questão: como mestrandos aprendem, por meio de prática experiencial, a realizar pesquisa qualitativa em administração? Apoiado em referencial teórico que trata de processos de ensino-aprendizagem, reflexão e pesquisa qualitativa, o estudo realizou percurso metodológico inspirado na fenomenologia e na abordagem socioconstrutivista, privilegiando a experiência vivida de professores e alunos. Chegamos à conclusão de que a vivência de pesquisa de campo e a prática de reflexão pública no e sobre o campo: (a) ampliou a consciência dos participantes sobre a sua importância no processo de ensino-aprendizagem; e (b) revelou duas implicações, quais sejam: pode auxiliar docentes de cursos de mestrado em administração na reflexão de suas próprias práticas...

McMoral, iPolítica, cidadania Wireless: reflexões para o ensino e a pesquisa em RSE no Brasil

Kreitlon,Maria Priscilla
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
85.79%
Este ensaio é proposto como reflexão eminentemente teórica e possui três objetivos principais. Primeiramente, discutir a produção de discursos sobre responsabilidade social empresarial (RSE), sob uma perspectiva crítica, entendendo tais discursos como campo de embate político, onde, em nome de uma causa aparentemente convergente, atores e poderes antagônicos se enfrentam e lutam por projetos bastante diferentes, quando não opostos. Em seguida, analisar o estado atual do ensino e da pesquisa sobre RSE no Brasil, tanto em termos das principais abordagens adotadas, como das referências e métodos que aí predominam, de modo a verificar quão questionadoras ou reprodutoras do statu quo são essas práticas. Por fim, no intuito de ilustrar o tipo de enfoque sistêmico, que se revela geralmente ausente desse campo de estudos, são abordadas três características estruturais e estruturantes das sociedades capitalistas avançadas: a tendência à hiper-racionalização, que tudo rotiniza e desumaniza; a proliferação de microcomunidades relativamente fechadas de comunicação e ação; e a exacerbação do individualismo e do desenraizamento social. Argumenta-se que estes fenômenos contemporâneos, assim como outros tantos, da mesma natureza...

Sustentabilidade ambiental: uma meta-análise da produção brasileira em periódicos de administração

Souza,Maria Tereza Saraiva de; Ribeiro,Henrique César Melo
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
85.87%
O objetivo deste estudo é investigar o perfil das pesquisas e a evolução do tema sustentabilidade ambiental nos artigos publicados em periódicos nacionais Qualis de Administração de A1 a B2, no período de 1992 a 2011. Trata-se de um estudo de análise bibliométrica para examinar a produção científica sobre o tema e nortear rumos e estratégias de futuras pesquisas. Os resultados mostraram que há alguns indícios que favorecem a qualidade e a consolidação da pesquisa em sustentabilidade ambiental no Brasil: a tendência de crescimento do número de artigos, mesmo que ainda concentrada em poucas revistas; a pluralidade de subtemas que surgiu principalmente nos últimos anos; o crescimento de estudos feitos por grupos de pesquisadores ao invés de iniciativas individuais; e o crescimento de estudos quantitativos que, a partir de 2007, foi maior que as pesquisas qualitativas, e a pluralidade de abordagens metodológicas. No entanto, ainda, são poucos os autores nacionais com histórico de pesquisa relevante e, nas referências, há citações internacionais e de autores nacionais que se destacam entre os mais citados e os que mais publicam.

A metodologia historiográfica na pesquisa em administração: uma discussão acerca de princípios e de sua aplicabilidade no Brasil contemporâneo

Pieranti,Octavio Penna
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
85.88%
A adaptação da historiografia como metodologia para pesquisa em Administração, ainda pouco comum, ampara-se em princípios específicos ligados não só à sua própria natureza, como a essa área de conhecimento. Nem sempre é simples a aplicação desses princípios em pesquisas contemporâneas, devido a características únicas da realidade brasileira. Este artigo tem por objetivo discutir os princípios naturais à metodologia historiográfica, tal como compreendida na contemporaneidade, e a possibilidade de aplicação desses princípios no campo da Administração no Brasil. Os pilares debatidos são, entre outros, a ênfase na interpretação das estruturas, a aceitação de perspectivas múltiplas, a singularidade dos eventos e a ligação entre História e passado. Entram em discussão, também, as fontes para pesquisas de cunho histórico e sua disponibilidade no Brasil. O debate travado é exemplificado por duas pesquisas realizadas na última década no âmbito da Administração. Evidenciam-se problemas para a aplicação dessa metodologia no contexto brasileiro, tais como a fragilidade das estruturas políticas nacionais e as falhas de documentação de textos oficiais.

Nem só de debates epistemológicos vive o pesquisador em administração: alguns apontamentos sobre disputas entre paradigmas e campo científico

Barbosa,Milka Alves Correia; Santos,Jouberte Maria Leandro dos; Matos,Fátima Regina Ney; Almeida,Ana Márcia Batista
Fonte: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas Publicador: Fundação Getulio Vargas, Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
85.85%
A discussão sobre abordagens paradigmáticas no campo da Administração pode ser profícua quando provoca os pesquisadores a refletir sobre premissas, práticas e valores compartilhados por uma comunidade científica. Entretanto, ao extremo, torna-se uma disputa que impede a busca de outras abordagens para lidar com a complexidade dos fenômenos sociais. Nesse sentido, importa compreender que, na produção do conhecimento científico, os pesquisadores não se deparam somente com escolhas acerca de epistemologia, de lógica ou de teoria linguística, mas, também, com problemas de política. Este ensaio objetiva contribuir com reflexões sobre o pesquisador e os desafios epistemológicos e políticos com os quais se depara no fazer pesquisa, argumentando que não se trata somente de uma escolha entre positivismos e interpretativismos, mas igualmente envolve disputas de poder dentro de um campo científico). Para tanto, foram selecionados intencionalmente textos com conceitos-chave, como paradigmas e campo científico. Em resposta ao objetivo geral deste ensaio, consideramos que o fazer ciência constitui uma atividade humana que possui vínculo indissociável com espaço e tempo e imbrica-se com jogos de poder. Entendemos, ainda...

Ética na pesquisa em Administração

Leite, Ana Patrícia Rodrigues
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Administração; Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Administração; Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
116.04%
Ethics on scientific research is approached and often discussed in several areas of knowledge connected to health. In the Administration area there are very few studies which approach the topic of ethics on research. The present paper tried to fill in this gap in the production of knowledge about the topic, investigating how the ethical principles found in the literature and in the codes of conduct are noticed and taken into account in Administration research activities developed by acting researchers in Administration Post Graduation Programs. Theoretically speaking, the study was based mainly on the approaches by Creswell (2007) and Bell and Bryman (2007), which discuss the research ethical principles. Methodologically speaking it was all about an exploratory kind of study, with qualitative research approach. Upon data collection, personal interviews were made aiming at its depth and focus groups were formed. The first stage had interviews with four experienced researchers who took part on a teaching and researching event and on the second stage we used the focus group technique. The focus groups were done in four college institutions along with the post graduation programs in Administration in the states of Rio Grande do Norte, Paraíba and Pernambuco...

Avaliação do impacto da produção científica de programas selecionados de pós-graduação em Administração por meio do índice H

Wood Jr.,Thomaz; Costa,Caio César de Medeiros
Fonte: Departamento de Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo Publicador: Departamento de Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2015 PT
Relevância na Pesquisa
85.8%
RESUMONeste trabalho, trata-se da mensuração do impacto da produção científica em Administração. Foram avaliados os Núcleos de Do centes Permanentes de seis programas brasileiros de pós-graduação, além de quatro programas estrangeiros, para efeito de referência. Os indicadores de impacto foram coletados a partir da base de dados do Google Scholar, com o apoio de um softwareespecífico. O indica dor utilizado na análise foi o índice H, criado por Jorge H. Hirsch. Constatou-se considerável diversidade entre os programas e entre os pesquisadores de cada programa brasileiro. Apenas pequena parcela dos pesquisadores dos programas analisados apresenta índices H próximos daqueles considerados adequados na literatura sobre o tema. Advoga-se que o índice H, combinado a outros indicadores de impacto, poderia ser utilizado para avaliar e definir ações para aperfeiçoamento dos programas locais de pós-graduação em Admi nistração, visando aumentar seu impacto na ciência.

Identidade e cultura organizacional : o processo de identificação dos alunos de programas de pós-graduação stricto sensu em administração em instituições públicas e privadas

Vogt, Sergio
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: 235f. : il., tabs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
75.94%
Orientadora : Profª. Drª. Mariane Lemos Lourenço; Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Administração. Defesa: Curitiba, 20/01/2015; Inclui referências; Área de concentração: Estratégia e organizações; Resumo: Uma vez que a cultura exprime, afeta e também estabelece uma identidade, surge a relação entre identidade e cultura. Sendo ambas, aspectos constituintes dos indivíduos e também das organizações, torna-se necessário defini-las e diferenciá-las entre si. A identidade tem a ver com a ideia de singularidade e unicidade e, a cultura é considerada como uma metáfora utilizada para conceituar uma organização. Os valores, as crenças e os pressupostos, os ritos, os rituais e as cerimônias, as estórias e os mitos, os tabus e os heróis, assim como as normas e os processos de comunicação são os principais elementos utilizados para se estudar cultura no contexto organizacional. Já a identificação, que pode ser tanto com um objeto, com uma pessoa, ou então com algumas características destes objetos ou pessoas, é um processo pelo qual o(s) indivíduo(s) se transforma(m) de acordo com um determinado modelo. O principal objetivo deste trabalho é analisar como ocorre o processo de identificação dos alunos de programas de pós-graduação stricto sensu em Administração...

Considerações sobre pesquisa qualitativa em administração; Consideraciones sobre investigación cualitativa en administración; Reflections on qualitative research in business

Ikeda, Ana Akemi
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2009 ENG
Relevância na Pesquisa
75.95%
A pesquisa qualitativa, apesar de bastante utilizada na prática executiva, é relativamente pouco discutida em textos acadêmicos em sua acepção geral, ainda que haja exceções como os estudos de Godoy (1995 a,b,c) e Silva et al. (2006), entre outros. Frequentemente, os artigos e livros sobre o assunto focam a descrição dos métodos e técnicas específicos utilizados nas investigações, tais como entrevistas em profundidade, discussão em grupo, estudo de casos, etnografia, teoria fundamentada e outros. O objetivo deste ensaio é fazer algumas considerações sobre as características, os usos e as aplicações da pesquisa qualitativa na área de Administração em seu contexto geral, reunindo e organizando temas relacionados. Para isso, são analisados e cotejados diversos pontos de vista dos autores. Inicialmente, são feitas considerações sobre o propósito da pesquisa e as diferenças entre indução e dedução; explicação dos termos metodologia, método, técnica e procedimentos; e comparação entre orientação positivista e interpretativista. Em seguida, centra-se na discussão do paradigma qualitativo. Para isso, são apresentadas as origens da pesquisa qualitativa; o campo, a validade e a confiabilidade; e a triangulação. Algumas críticas habituais são abordadas ao final. Conclui-se que a pesquisa qualitativa é um termo abrangente que cobre muitos conceitos...