Página 1 dos resultados de 292 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

El Patrimonio Cultural Inmaterial y la Sociomuseología: un estudio sobre inventarios

Sancho Querol, Mª Lorena
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Tese de Doutorado
SPA
Relevância na Pesquisa
86.62%
A tese que defendo inscreve-se no âmbito da Sociomuseología e tem como eixo central de referência o conceito de Património Cultural Imaterial definido pela UNESCO em 2003: um conceito onde as dimensões material e imaterial do nosso Património coexistem e são trabalhadas de forma indissociável. Tomando como ponto de partida o panorama museológico português, realizo um estudo em torno da função do inventário, tendo como objectivo demonstrar a forma como lhe é atribuído um lugar central na construção social da nossa herança cultural e da nossa memória colectiva. De acordo com esta perspectiva, abordo a história e o processo de evolução do conceito de inventário desde o século XIV até à atualidade; descrevo a experiência de um projecto internacional de desenvolvimento cultural centrado no inventário participativo e na intervenção das comunidades locais; analiso os procedimentos de elaboração do inventário, a figura do inventariante e o circuito de inventariação em onze museus portugueses. Finalmente, procedo a uma reflexão de carácter essencialmente teórico acerca do papel e da dimensão da participação local enquanto eixo de construção do inventário museológico e cenário de democratização da memória.; Esta tesis se desarrolla en el ámbito de la Sociomuseología tomando como eje central de referencia el concepto de Patrimonio Cultural Inmaterial definido por la UNESCO en 2003: un concepto moderno en el que lo material y lo inmaterial se manifiestan y abordan de forma indisociable. Partiendo del panorama museológico portugués...

Reflexões sobre a eficácia do registro do fandango caiçara como forma de expressão do patrimônio cultural do Brasil; Reflections on the Effectiveness of the Registration of the Fandango Caiçara as Form of Expression of the Cultural Heritage of Brazil

Coelho, Daniele Maia Teixeira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
86.43%
A presente Dissertação de Mestrado pretende avaliar a eficácia da proteção do patrimônio cultural imaterial no Brasil por meio do registro previsto no Decreto nº 3.551/2000, que regulamentou em parte o artigo 216 da Constituição Federal de 1988, e foi concedido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Para tanto, baseia-se em um estudo de caso envolvendo o gênero musical-coreográfico-poético e festivo denominado Fandango Caiçara, que é transmitido oralmente de geração a geração, no seio da comunidade tradicional caiçara localizada nos municípios de Iguape e Cananéia, no litoral sul do Estado de São Paulo, e nos municípios de Morretes, Paranaguá e Guaraqueçaba, no litoral norte do Estado do Paraná e cujo registro como Patrimônio Cultural do Brasil junto ao IPHAN ocorreu em 29 de novembro de 2012 no Livro das Formas de Expressão. Nossa análise também procura levar em consideração os aspectos socioambientais envolvidos, bem como os desafios que, em nossa opinião, devem ser enfrentados pela comunidade tradicional caiçara diante da obtenção do referido registro.; This Masters Dissertation intends to evaluate the effectiveness of the cultural heritage of immaterial natures protection in Brazil by means of the registration provided by Decree n. 3.551/2000...

O patrimônio cultural imaterial e a propriedade intelectual - harmonia ou conflito de interesses

Sanches, Sydney Limeira
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.58%
O principal objetivo deste trabalho é apresentar um balanço das discussões acadêmicas e das iniciativas legislativas, que tentam aprimorar a proteção das manifestações artísticas culturais, integrantes do patrimônio cultural imaterial. Nesse debate, a propriedade intelectual, organizada juridicamente para assegurar direitos imateriais das obras artísticas e das invenções do gênio humano, tem tido papel fundamental para contribuir, como fonte, na construção de uma regra sui generis que venha assegurar a preservação do patrimônio cultural imaterial. A dissertação tem por finalidade encontrar os elos e indicar que o patrimônio cultural imaterial é um bem fundamental para garantia da identidade cultural brasileira, e ao ser reconhecida e protegida contribui para assegurar a soberania nacional no mundo globalizado.

Patrimônio cultural imaterial e empreendedorismo: o caso do estaleiro

Nogueira, Paulo de Tárcio Castro
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.44%
Esta pesquisa analisa a importância do CVT Estaleiro-Escola para a preservação da cultura da construção artesanal de barcos de madeira e para o desenvolvimento das comunidades ligadas a esse tipo de empreendimento, nas cidades de São Luís e São José de Ribamar, no Estado do Maranhão. Com base no referencial teórico, este estudo de caso apresenta vários sentidos que o termo cultura assumiu ao longo da sua evolução, destaca o papel da cultura para o homem, como elemento facilitador de sua adaptação ao meio, investiga diversas definições de cultura e ressalta o crescimento da tomada de consciência pela sociedade, em tempos de globalização, principalmente com relação ao zelo pelo patrimônio cultural imaterial. O ensino do empreendedorismo e seu papel para o desenvolvimento da atividade econômica são objetos de investigação, haja vista que o CVT Estaleiro-Escola tem como propósito preservar técnicas tradicionais ao mesmo tempo que prepara jovens para o mercado de trabalho procurando desenvolver comportamentos empreendedores. As evidências coletadas na pesquisa demonstram a importância do CVT Estaleiro-Escola para as comunidades interessadas na construção de embarcações podendo-se citar alunos...

Patrimônio cultural imaterial: o tradicionalismo sul-rio-grandense e a multiterritorialização da identidade gaúcha

Gomes, Ana Carolina Rios
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 133 f. : il., fots.
POR
Relevância na Pesquisa
96.5%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Geografia - IGCE; É notório que nas últimas décadas as ciências humanas, em geral, e a Geografia, em particular, têm retomado o interesse por estudos referentes às manifestações culturais, especialmente regionais e locais, devido às inúmeras demonstrações de seu fortalecimento frente à tendência de homogeneização cultural orientada pela globalização. A fim de contribuir para a reflexão sobre esses processos, bem como sobre as expressões reconhecidas como patrimônio por seus atores sociais, faz-se necessária a aproximação entre os diferentes segmentos das ciências, contemplando, assim, as dimensões históricas, espaciais e simbólicas das práticas culturais, numa perspectiva interdisciplinar. Desta forma, o presente trabalho apresenta questões referentes às políticas de salvaguarda do patrimônio cultural imaterial desenvolvidas no Brasil para, então, estabelecer um estudo pormenorizado sobre os processos de construção, consolidação e difusão da identidade cultural gaúcha, por meio da análise da formação territorial e social do Rio Grande do Sul e...

O REGISTRO COMO INSTRUMENTO DE TUTELA DO PATRIMÔNIO CULTURAL IMATERIAL: UMA DISCUSSÃO ACERCA DE SUA EFETIVIDADE

MARTINS, Ana Paula Borges
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 58 fls.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.38%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Jurídicas. Direito.; O presente trabalho de conclusão de curso pretende analisar o instrumento jurídico denominado registro, instituído pelo art. 216, § 1°, da Magna Carta e regulamentado pelo Decreto n° 3551/00, principalmente no que tange a sua eficácia e consequências jurídicas, por meio de uma abordagem crítica e interdisciplinar. Ademais, buscam-se, com essa pesquisa, ferramentas e caminhos complementares ao instituto do registro com o objetivo de efetivação da tutela do patrimônio cultural imaterial no Brasil, uma vez que levanto a proposição que o instrumento tem somente um caráter declarativo-informador.

Os Museus e o Património Cultural Imaterial. Algumas Considerações

Carvalho, Ana
Fonte: Universidade do Porto Publicador: Universidade do Porto
Tipo: Parte de Livro
POR
Relevância na Pesquisa
76.48%
Tomando como referência fundamental o trabalho desenvolvido pela UNESCO em matéria de protecção do Património Cultural Imaterial (PCI), muito particularmente a Convenção para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial (2003), considerou-se oportuno reflectir sobre as implicações que este enfoque traz para os museus. São indiscutíveis as repercussões que este instrumento trouxe para o reconhecimento da importância do PCI à escala internacional, motivando um crescendo de iniciativas em torno da sua salvaguarda. O International Council of Museums (ICOM) reconhece um papel central aos museus nesta matéria. Este artigo reflecte sobre as possibilidades de actuação dos museus no sentido de dar resposta aos desafios da Convenção 2003, sendo certo que a partir das actividades dos museus é possível encontrar formas de estudar e de dar visibilidade a este património.

Recensão de «Michelle Stefano, Peter Davis, e Gerard Corsane, eds. - Safeguarding Intangible Cultural Heritage: Touching the Intangible»

Carvalho, Ana
Fonte: MIDAS - Museus e Estudos Interdisciplinares Publicador: MIDAS - Museus e Estudos Interdisciplinares
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
76.43%
É devido ao interesse que a nova categoria Património Cultural Imaterial (PCI) tem suscitado à escala internacional por via da Convenção da UNESCO para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial (2003) que nos últimos anos têm surgido vários estudos que problematizam este enfoque. Com a edição de Michelle Stefano, Peter Davis e Gerard Corsane (The International Centre for Cultural & Heritage Studies, Newcastle University) este volume pretende trazer novas perspetivas e uma análise crítica relativamente ao discurso de salvaguarda do PCI.

A importância das associações na preservação do património cultural imaterial: um estudo exploratório efectuado no concelho de Chaves

Rodrigues, Tânia Filipa da Silva
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
96.62%
Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Especialização em Animação Sociocultural; O presente trabalho pretende estudar a importância do associativismo na preservação do Património Cultural Imaterial. É nas comunidades que as associações são um elemento fundamental no incremento da participação, onde se promove o convívio, a troca de ideias, ou seja onde se promove uma democracia participativa. As associações assumem-se como uma peça importante na participação para o desenvolvimento dos cidadãos e das comunidades onde estão inseridas. Esta definição de participação leva-nos ao conceito de Animação Sociocultural defendido por vários autores. Este trabalho constituído em estudo exploratório privilegiou o pluralismo metodológico através das metodologias quantitativa e qualitativa, entrevista e do questionário. Das actividades desenvolvidas pelas associações são a cultura e a defesa do Património Cultural Imaterial que promovem os saberes de um povo, as tradições, as lendas, os contos, os jogos tradicionais, entre outras. Por fim, conclui-se que há uma triangulação entre a Animação Sociocultural, Associativismo e o Património Cultural Imaterial, em que para se preservar o Património Cultural tem que se passar pelo associativismo e este para sobreviver tem que ter a participação dos seus associados.; The present work aims to study the importance of associations in the reservation of Intangible Cultural Heritage. It is in communities that associations are a key element in increasing participation...

Património cultural imaterial: proposta de uma metodologia de inventariação

Cabral, Clara Maria Ferreira Bertrand
Fonte: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas Publicador: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 26/04/2010 POR
Relevância na Pesquisa
96.68%
Dissertação de Mestrado em Ciências Antropológicas; O tema desta dissertação de mestrado em Ciências Antropológicas aborda o problema da inventariação do património imaterial tal como configurado na Convenção da UNESCO para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial e explora um conjunto de questões centrais na antropologia que permitem pensar a aplicação da Convenção no estudo e inventário das manifestações em contexto português. Os objectivos da pesquisa sustentam-se em dois eixos de análise que se inter-relacionam e se apoiam em recursos conceptuais e analíticos sugeridos pela revisão da literatura. Num primeiro eixo, procura-se conhecer o “contexto de aplicação”, focando a atenção nos aspectos do património cultural imaterial e do inventário configurados nos textos decorrentes da Convenção e nos normativos portugueses regulamentares. Esta análise convoca um conjunto de contributos teóricos da antropologia. Num segundo eixo, procura-se compreender os processos implicados na definição de metodologias de inventariação, especificando procedimentos e recomendações que contribuem para a resolução do problema do inventário do património cultural imaterial e desenhando os instrumentos de recolha de dados etnográficos e de inventariação. A metodologia e instrumentos de inventariação propostos foram aplicados em contexto de trabalho de campo a uma manifestação do património cultural imaterial local...

Agitar antes de usar: a Antropologia e o património cultural imaterial

Leal, João
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
96.56%
Entre a definição antropológica de cultura e a definição da UNESCO de Património Cultural Imaterial existem inúmeras similitudes. Ao mesmo tempo que explora essas similitudes, o presente artigo passa também em revista os debates antropológicos que desde os anos 1990 têm rodeado o conceito de cultura e os seus reflexos nas discussões atuais sobre Património Cultural Imaterial. A partir de um balanço destes debates, sugere-se que a intervenção nos processos sociais e institucionais associados ao Património Cultural Imaterial deve ser feita levando em conta duas preocupações centrais: o efetivo envolvimento nos processos de patrimonialização dos diferentes atores sociais que são os detentores dos bens; a atenção crítica a derivas identitárias que reificam a cultura e contrariam a sua natureza móvel.

A universidade e o patrimônio cultural: uma análise das ações de extensão do Centro Acadêmico do Agreste da Universidade Federal de Pernambuco com vistas à preservação da Feira de Caruaru, patrimônio cultural imaterial do Brasil

Mendonça Júnior, Anselmo
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
86.66%
A preocupação com a preservação do patrimônio cultural está cada vez mais presente no seio da sociedade contemporânea. Ao considerarmos a universidade uma instituição social, acreditamos que ela tem responsabilidade para com a preservação do patrimônio cultural brasileiro. Por entendermos também que a extensão universitária é a função que mais aproxima a universidade dos demais setores da sociedade, acreditamos que a universidade deva encarar o desafio de aliar as práticas extensionistas com a preservação do patrimônio cultural brasileiro. Práticas essas baseadas no diálogo, na problematização. Diante destas premissas e fundamentado nos pensamentos de Paulo Freire (1983) e Boaventura de Souza Santos (2005, 2007, 2010), partimos da suposição de que o diálogo e a problematização ainda não são características encontradas na totalidade e, porque não dizer, na maioria das ações extensionistas. Dessa forma, este trabalho tem a seguinte pergunta central: Desenvolve o Centro Acadêmico do Agreste da Universidade Federal de Pernambuco diálogos com a comunidade, através de ações extensionistas, acerca da preservação da Feira de Caruaru enquanto patrimônio cultural imaterial do Brasil? Para tentar responder tal pergunta...

Falcoaria Real: processo de inclusão ao património cultural e imaterial da UNESCO

Leite, Patrícia Isabel Batista
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.43%
A presente dissertação é apresentada em forma de um projeto, propondo-se elaborar o processo de candidatura da Falcoaria Real de Salvaterra de Magos à equipa de suporte da proposta UNESCO que credenciou a Falcoaria como Património Cultural e Imaterial da Humanidade. Este projeto pretende construir o programa de inclusão e refletir sobre a pertinência de apresentar uma candidatura e como no caso português esse procedimento poderá implicar a inclusão da Falcoaria no inventário nacional; ABSTRACT:The present dissertation is presented as a project, in order to detail the application process of the Royal Falconry of Salvaterra de Magos to UNESCO’s support team, who qualified the Falconry as Intangible Cultural Heritage of Humanity. This project intends to create an inclusion program and to reflect on the pertinence of submitting an application and how, in the case of Portugal, this process could involve the inclusion of the Falconry in the national inventory.

Reafirmar a Identidade cultural local: o património cultural imaterial local como recurso

Carvalho, Ana Filipa Estêvão de
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
86.46%
Dissertação conducente à obtenção do grau de Mestre em Educação Social e Intervenção Comunitária, sob orientação do Professor Doutor Luís Manuel Costa Moreno; Os aspetos culturais referentes ao património cultural imaterial (PCI) do nosso país representam uma parte do que consideramos ser a nossa herança cultural e cuja origem associamos aos nossos antepassados. Este espólio daquilo que reconhecemos enquanto nosso por descendência incorpora-se, de forma espontânea e fluída, na imagem que vamos construindo da nossa cultura, na nossa identidade cultural. Neste processo, importa igualmente ter em conta a existência de culturas locais específicas, às quais está associado um património que, por sua vez, dá origem a identidades culturais com referências culturais locais. Não descurando o significado que o património cultural material (PCM) tem nos diversos contextos, locais ou globais, e numa perspetiva de cultura e tradição enquanto noções em constante transformação, entendemos existir uma necessidade de investigar os contributos dos PCI’s locais na identidade cultural local do indivíduo1. A investigação considera crianças a frequentar o 4.º ano do ensino básico pertencentes a localidades de 4 regiões de Portugal (Norte...

Pôr o Alentejo no mundo : expectativas de uma candidatura do cante alentejano a património imaterial da humanidade

Mareco, Susana Raquel Farinha
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
76.62%
Dissertação submetida como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Gestão e Estudos da Cultura: Património e Projetos Culturais; O reconhecimento do património cultural imaterial (PCI) foi conseguido nos últimos anos com participação ativa das ciências sociais, alcançando um estatuto igual ao do património histórico e natural. A sua definição foi sendo apurada até ficar estabelecida na Convenção para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial da UNESCO, assinada em 2003. A 28 de março de 2013 foi entregue à UNESCO a candidatura do cante alentejano à Lista Representativa do Património Cultural Imaterial da Humanidade (LRPCIH). Após a avaliação da candidatura, o resultado será divulgado em novembro do corrente ano. Esta candidatura reflete a vontade de várias entidades em obter o reconhecimento internacional sobre o valor patrimonial do cante e também de assumir publicamente o compromisso em promover e salvaguardar esta prática. Esta dissertação pretende ser uma antevisão do que uma classificação da UNESCO pode trazer a nível do património, das identidades envolvidas, da sociabilidade em torno do cante, da exploração turística e das oportunidades comerciais nas indústrias musicais. O contexto atual em que o cante é praticado e as expectativas para o seu futuro serão analisadas...

Património Cultural Imaterial: MEMORIAMEDIA e-Museu - métodos, técnicas e práticas / Intagible Cultural Heritage: MEMORIAMEDIA e-Museum - methods, techniques and practices

Sousa, Filomena
Fonte: Memória Imaterial CRL Publicador: Memória Imaterial CRL
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 12/11/2015 POR
Relevância na Pesquisa
86.66%
O projeto MEMORIAMEDIA tem como objetivos o estudo, a inventariação e divulgação de manifestações do património cultural imaterial: expressões orais; práticas performativas; celebrações; o saber-fazer de artes e ofícios e as práticas e conhecimentos relacionados com a natureza e o universo. O MEMORIAMEDIA iniciou em 2006, em pleno debate nacional e internacional das questões do património cultural imaterial. Este livro cruza essas discussões teóricas, metodológicas e técnicas com a caracterização do MEMORIAMEDIA. Os resultados do projeto, organizados num inventário nacional, estão publicados no site www.memoriamedia.net, onde se encontram disponíveis para consulta e partilha. Filomena Sousa é investigadora de pós-doutoramento em antropologia (FCSH/UNL) e doutorada em sociologia (ISCTE-IUL). Membro integrado no Instituto de Estudos de Literatura e Tradição - patrimónios, artes e culturas (IELT) da FCSH/UNL e consultora da Memória Imaterial CRL – organização não-governamental autora e gestora do projeto MEMORIAMEDIA. Desenvolve investigação no âmbito das políticas e instrumentos de identificação, documentação e salvaguarda do património cultural imaterial e realizou vários documentários sobre expressões culturais.; MEMORIAMEDIA aims to study...

O registro como forma de proteção do patrimônio cultural imaterial; The registry as a sort of protection of the intangible cultural heritage

Telles, Mário Ferreira de Pragmácio
Fonte: Centro de Preservação Cultural. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão - USP. Publicador: Centro de Preservação Cultural. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão - USP.
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Avaliado pelos pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2007 POR
Relevância na Pesquisa
106.46%
This paper analyses the institute of the registry and also tries to diagnose the efficacy of this instrument of protection of the intangible cultural heritage.; Analisa- se, neste artigo, o instituto do registro, visando diagnosticar a eficácia desse instrumento de proteção do patrimônio cultural imaterial.

The carimbó: traditional culture of Pará, immaterial heritage of Brasil; O carimbó: cultura tradicional paraense, patrimônio imaterial do Brasil

Huertas, Bruna Muriel
Fonte: Centro de Preservação Cultural. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão - USP. Publicador: Centro de Preservação Cultural. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão - USP.
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Avaliado pelos pares Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
76.45%
Gathering elements of indigenous, Iberian and African cultures, the carimbó – a manifestation of the traditional culture that belongs to the state of Pará – through music, lyrics, instruments and dance, expresses features of the traditional way of life of this region’s riverside and rural population, as well as the relationship between this population and the surrounding environment. The purpose of this research was to understand some of the historical, ethnical, geographical and aesthetical features of the carimbó from Zona do Salgado, as well as its relationship with the way of life of traditional communities in Pará. Interdisciplinary bibliography and empirical research were used as this article’s methodology. It was noted that, despite the social transformations of the traditional way of life at these locations, the carimbó is still an artistical and cultural expression of social practices and knowledge produced by the rural and riverside population in this part of the Amazon region. Those who produce the Carimbó fight for public actions that legitimize this diversity and contribute to its appreciation, production and circulation. The recognition of the Carimbó as an Intangible Cultural Heritage of Brazil is part of this process.; Reunindo em si elementos das culturas indígenas...

Historicidade e aspectos centrais da política federal do patrimônio cultural imaterial: uma interpretação; Historicity and core aspects of the federal policy for intangible cultural heritage: an interpretation

Amaral, Leandro Ribeiro do
Fonte: Centro de Preservação Cultural. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão - USP. Publicador: Centro de Preservação Cultural. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão - USP.
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Avaliado pelos pares Formato: application/pdf
Publicado em 16/06/2015 POR
Relevância na Pesquisa
76.64%
A prática de valoração e preservação de bens representativos do patrimônio histórico e artístico nacional é oficialmente antiga no Brasil. Entretanto, só recentemente, a partir do entendimento que o patrimônio cultural também é composto de bens culturais de natureza imaterial, as diversas práticas e manifestações culturais passaram a integrar o Patrimônio Cultural do Brasil. Neste artigo, sob a luz da noção de historicidade, buscamos sublinhar os principais marcos da política federal referentes ao patrimônio imaterial, o seu momento de construção e os atores envolvidos nesse processo. Não se ofuscando pela neblina que o discurso de uma antiga ancestralidade da política do patrimônio imaterial acarreta, sobretudo ao irmaná-la às ideias e ações de Mário de Andrade, objetivamos identificar os aspectos centrais da recente política, aspectos que a tornam sem precedente na trajetória das ações de preservação do patrimônio cultural no Brasil.; The practice of valuation and preservation of representative assets of historical and artistic heritage is officially long running in Brazil. However, several practices and cultural events became part of the cultural heritage of Brazil only recently, when the understanding that cultural heritage also consists of intangible cultural assets began. In this article...

POLÍTICAS PÚBLICAS, CULTURAS POPULARES E PATRIMÔNIO CULTURAL IMATERIAL: MEIOS E ALTERNATIVAS

LEAL, Alessandra Fonseca; LEAL, Erika Adriana
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 10/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
86.4%
Este trabalho é resultado da pesquisa Cultura Popular e Patrimônio Cultural, o olhar de dentro para fora: uma análise sobre a gestão da cultura popular pelos ‘fazedores’ de cultura3, e tem como objetivo refletir sobre as políticas públicas no Brasil, tendo em vista a organização do Estado e a estrutura que ele oferece às culturas populares e ao patrimônio cultural imaterial. Veremos o desenrolar da legislação e os desdobramentos políticos entre cultura popular e patrimônio cultural, que são mais do que parecidos, repetidos. O que podemos perceber, olhando para toda a trajetória de implementações de discursos, leis, decretos, portarias é que o principal motivador das várias gestões seria a preocupação com a construção da identidade nacional, e de que ela poderia representar entre os esforços no desenvolvimento econômico e, sobretudo, social do país.