Página 1 dos resultados de 3 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

O consentimento informado em utentes que se encontram a realizar tratamento de Fisioterapia

Silva, Ana Gabriela Costelha Rocha Borges da
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
65.84%
Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Fisioterapia.; O objectivo deste estudo é avaliar se os utentes que se encontram a realizar tratamento de fisioterapia sabem o significado de Consentimento Informado, e relacionar com o sexo, idade, grau de escolaridade, zona de residência, hábitos de leitura, primeiro tratamento, entidade prestadora de serviços e com o conhecimento dos seus Direitos e Deveres. Foi elaborado um questionário aplicado a 60 utentes que se encontravam a realizar tratamento de fisioterapia em entidade pública ou privada. Verificou-se que 55% dos utentes não sabe o que significa Consentimento Informado e que este está directamente relacionado com o grau de escolaridade e hábitos de leitura, ou seja, estes utentes apresentam grau de escolaridade mais baixa e não apresentam hábitos de leitura. Conclui-se que a maioria dos utentes não estão informados e que os profissionais de saúde devem investir mais no sentido de os informar. The purpose of this study is to evaluate the knowledge of the meaning of Informed Consent by patients who are under physical therapy and relate it with several other parameters as gender...

A construção do cuidado pela equipe de saúde e o cuidador em um programa de atenção domiciliar ao acamado em Porto Alegre (RS, Brasil); Construction of care by the health team and the caretaker within a home-care program for bedridden patients in Porto Alegre (RS, Brazil), The

Freitas, Ivani Bueno de Almeida; Meneghel, Stela Nazareth; Selli, Lucilda
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
25.65%
Este artigo é um estudo de caso cujo objetivo principal foi compreender a construção do cuidado no Programa de Atendimento Domiciliar ao Acamado (PADA) de uma unidade básica de saúde (UBS) em Porto Alegre, RS. Os dados foram obtidos em 13 grupos de cuidadores na UBS e em observação participante registrada em diário de campo nos domicílios. Foi realizada análise das práticas discursivas, inspirada nos conceitos de discurso de Foucault e nos estudos sobre ética e cuidado de si. No transcurso dos grupos, os cuidadores ocuparam um espaço que chamamos metaforicamente de Oráculo de Delfos, lócus de acolhimento, escuta e de suporte. Escutar os diálogos travados entre equipe e cuidadores defrontou-nos com a contradição presente no discurso institucional que ao mesmo tempo que estimula o cuidado de si impõe normas, deveres e fazeres. O cuidado como direito de cidadania em contraposição ao cuidado como submissão e assujeitamento tensionou o grupo em vários momentos. A noção foucaultiana de cuidado compreende uma síntese entre o exercício de uma pessoa sobre ela mesma, tornando-a melhor como ser humano e, ao mesmo tempo, capacitando- a a se tornar melhor como cidadão.; The main objective of this case study was to understand the construction of care in the Homecare Program for Bedridden Patients (PADA) of a basic health unit (UBS) in Porto Alegre...

Avaliação do conhecimento, formação e capacitação do TSB e ASB no desenvolvimento das atividades no serviço público de saúde

Freire, Ana Carolina da Graça Fagundes
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 102 f. : gráfs. + 1 CD-ROM
POR
Relevância na Pesquisa
15.65%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Odontologia Preventiva e Social - FOA; O trabalho executado pelos profissionais auxiliares da odontologia constitui uma ferramenta diferenciada para se obter um aumento de produtividade, principalmente no que se refere ao serviço público de saúde. Para o cirurgião-dentista alcançar a produtividade máxima, os auxiliares precisam ter conhecimento de suas funções segundo as legislações vigentes. Esses conhecimentos abrangem a parte técnica e as posturas éticas desses profissionais, buscando uma humanização dos serviços na odontologia e a promoção dos direitos dos pacientes. Sendo assim, o consentimento informado e o sigilo profissional devem ser respeitados na prática odontológica, não apenas como uma doutrina legal, mas como um direito moral dos pacientes e que gera obrigações morais para os Cirurgiões- Dentistas e pessoal auxiliar. O objetivo foi avaliar o conhecimento dos Técnicos em Saúde Bucal (TSB) e Auxiliar de Saúde Bucal (ASB) quanto à realização de suas funções regulamentadas pela Lei Nº 11.889, de 24 de dezembro de 2008, assim como a formação destes e capacitação recebida antes de exercerem suas funções no sistema publico de saúde; avaliar também o conhecimento destes em relação aos conceitos bioéticos...