Página 1 dos resultados de 633 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Effects of different concentrations of passion fruit peel (Passiflora edulis) on the glicemic control in diabetic rat; Estudo dos efeitos de diferentes concentrações de casca de maracujá (Passiflora edulis) no controle da glicemia de ratos diabéticos

SALGADO, Jocelem Mastrodi; BOMBARDE, Talita Aparecida Dias; MANSI, Débora Niero; PIEDADE, Sonia Maria de Stefano; MELETTI, Laura Maria Molina
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
66.91%
Diabetes mellitus, an endocrine disorder, is the major cause of morbidity in developing countries, and it is considered the fourth leading cause of death worldwide. The conventional therapy for diabetes is insulin treatment. The peel of the Passion fruit is rich in fiber and prevents the absorption of carbohydrates, and thus can control and reduce the blood sugar rate. The objective of this study was to analyze the effect of the passion fruit peel flour on the glicemia of diabetic rats, as well as to study the probable action mechanisms. Wistar rats were used in the experiment and were offered the flours of the passion fruit peel in three concentrations: 5, 10, and 15%, and a casein diet as control. The most significant effect on the reduction of the glicemic rate was obtained with the 5% diet. The best values of hepatic glycogen were found in the 5 and 10% diets. The results of this study suggest that the 5% passion fruit flour diet was the one that provided the best reduction of blood glucose levels (59%) and the higher increase of the hepatic glycogen level (71%). The conversion of blood glucose into hepatic glycogen was considered the probable action mechanism involved.; Diabetes melittus, uma desordem endócrina, é a maior causa de morbidade em países em desenvolvimento e é considerada a quarta causa de mortes no mundo. A terapia convencional para diabetes é o tratamento com insulina. A casca do maracujá é um material rico em fibras...

Seleção de estirpes fracas do Passion Fruit Woodiness Virus e tentativas de premunização para o controle do endurecimento dos frutos do maracujazeiro.; Search for mild strains of Passion Fruit Woodiness Virus (PWV) and attempt to control the passion fruit woodiness by preimmunization.

Novaes, Quelmo Silva de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/08/2002 PT
Relevância na Pesquisa
67.06%
Este trabalho teve por objetivo selecionar estirpes fracas do Passion fruit woodiness virus (PWV) e avaliar o seu efeito protetor para o controle do endurecimento dos frutos do maracujazeiro. Foram selecionadas seis estirpes fracas do PWV. Três a partir de plantas de elite, encontradas em pomares severamente afetados pelo vírus (F-101, F-102 e F-103) e três a partir de bolhas formadas em folhas de maracujazeiro com mosaico (F-99, F-144 e F-145). O efeito protetor das estirpes fracas foi avaliado em maracujazeiros, em casa de vegetação e em campo. Em casa de vegetação foi observada uma proteção parcial das estirpes F-101, F-102 e F-144, contra a estirpe severa PWV-SP. Em campo, num primeiro experimento, as seis estirpes fracas selecionadas foram avaliadas e aproximadamente 4 meses após o desafio com a estirpe PWV-SP, todas as plantas apresentaram sintomas severos da doença. Diante da proteção parcial em casa de vegetação e da ausência total de proteção no experimento de campo, duas hipóteses foram apresentadas para explicar a intensificação de sintomas em maracujazeiros premunizados e desafiados com a estirpe severa do virus: a) a ocorrência de baixa concentração e/ou distribuição irregular das estirpes fracas nos tecidos das plantas premunizadas permite a infecção e estabelecimento da estirpe severa posteriormente inoculada e b) as estirpes fracas selecionadas são de uma espécie diferente de Potyvirus...

Potencial dos cogumelos Lentinula edodes (Shiitake) e Agaricus blazei (cogumelo-do-sol) no controle de doenças em plantas de pepino, maracujá e tomate, e a purificação parcial de compostos biologicamente ativos.; Potential of the mushrooms Lentinula edodes (shiitake) and Agaricus blazei (royal mushroom) in the control of diseases in cucumber, passion fruit and tomato plants, and the partial purification of biologically active compounds.

Piero, Robson Marcelo Di
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 08/09/2003 PT
Relevância na Pesquisa
67%
Os cogumelos Lentinula edodes (shiitake) e Agaricus blazei (cogumelo-do-sol) apresentam substâncias no corpo de frutificação (basidiocarpo) e no micélio com atividades antibióticas e imuno-regulatórias, havendo uma série de relatos sobre a atuação das mesmas no controle de doenças em animais. Em vegetais, não há informações sobre o efeito protetor do cogumelo-do-sol contra fitopatógenos. No caso de shiitake, embora pouco numerosos, os estudos mostraram o potencial do cogumelo para o controle de doenças de plantas, tais como a murcha bacteriana do tomateiro, a murcha de feijão-lima, além de doenças fúngicas em sorgo e da bacteriose do maracujazeiro. Os objetivos do presente trabalho foram o de avaliar o efeito de diferentes preparações obtidas a partir de L. edodes e de A. blazei em patossistemas agrícolas, visando o controle de moléstias de interesse econômico como a antracnose do pepineiro, a mancha bacteriana do tomateiro e o endurecimento dos frutos do maracujazeiro. Obtida a proteção, os estudos buscaram elucidar o modo de ação das preparações de interesse, bem como purificá-las parcialmente, na tentativa de se concentrar o princípio ativo. Em plantas de pepino, extratos aquosos de basidiocarpos...

Evapotranspiração e coeficiente de cultura em dois ciclos de produção do maracujazeiro amarelo. ; Evapotranspiration and crop coefficient in two cycles of production of yellow passion fruit.

Corrêa, Rodrigo Alessandro de Lima
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/05/2004 PT
Relevância na Pesquisa
66.91%
Este trabalho teve como objetivo determinar a evapotranspiração da cultura (ETc) e o coeficiente de cultivo (Kc) do maracujazeiro amarelo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg), durante 637 dias após o transplantio (DAT) das mudas. O experimento foi desenvolvido na área experimental da Fazenda Areão pertencente à ESALQ/USP, em Piracicaba, SP. A determinação da ETc foi realizada em 4 lisímetros de drenagem, instalados no centro de uma área de 0,4 ha cultivada com maracujazeiro amarelo, no espaçamento de 3,5 m x 4,0 m, desde 21/05/99 (17 DAT). A determinação do Kc foi realizada a partir da evapotranspiração de referência (ETo) estimada pelo método de Penmam-Monteith, considerando a evapotranspiração das plantas daninhas no somatório da evapotranspiração da cultura (ETcm). No período entre 32 e 91 DAT foram verificados baixos valores de ETc, devido a ocorrência de baixas temperaturas e radiação solar. A partir dos 91 DAT os valores foram crescentes atingindo o valor máximo de 23,37 L planta-1 d-1 no período compreendido entre 287 e 308 DAT, máximo florescimento e frutificação. Considerando a área total do espaçamento, com ervas daninhas ocupando as entrelinhas, este valor foi de aproximadamente 2,68 mm d-1. Verificou-se que em condições de irrigação na área total...

Fitoplasma do superbrotamento do maracujazeiro: identificação molecular, análise filogenética e prova de patogenicidade; Passion fruit proliferation phytoplasma: molecular identification, phylogenetic analysis and proof of pathogenicity

Ribeiro, Luiz Fernando Caldeira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.96%
Fitoplasmas são procariotos sem parede celular e habitantes de floema, agentes de doenças que causam danos consideráveis em diversas culturas. O maracujazeiro é uma espécie tropical cultivada em diversas regiões brasileiras. As doenças estão entre os fatores que podem causar danos à cultura e o superbrotamento do maracujazeiro tem se revelado como sendo uma das mais importantes. Esta doença, associada com fitoplasma, foi reportada somente no Brasil, onde foi registrada nos estados do Rio de Janeiro e de Pernambuco, no início da década de oitenta. Embora alguns estudos sobre o assunto tenham sido feitos anteriormente, o presente estudo foi conduzido para: demonstrar a presença constante do agente em associação com plantas doentes; revelar a ocorrência do fitoplasma em algumas áreas pertencentes a alguns estados; identificar, classificar e estudar filogeneticamente o fitoplasma; e demonstrar a patogenicidade do fitoplasma do superbrotamento do maracujazeiro. Em 2005-2006, plantas sintomáticas suspeitas de estarem infectadas por fitoplasma foram amostradas em algumas áreas do estado de São Paulo e vários outros estados brasileiros. A detecção e identificação por PCR duplo foi conduzida com os pares de oligonucleotídeos universais para fitoplasmas R16mF2/mR1-R16 F2n/R2 e pelo par específico R16(III) F2/R1...

Estudo de uma população segregante (F1) de maracujá-doce: enriquecimento do mapa de ligação e mapeamento de QTL para produção e qualidade de frutos; A study of a sweet passion fruit segregating population (F1): enrichment of the linkage map and QTL mapping for yield and fruit quality

Laperuta, Larissa Di Cássia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.95%
A cultura do maracujá-doce (Passiflora alata Curtis, 2n = 18) não apresenta expressão comercial como à do maracujá-amarelo. No entanto, por se tratar de uma frutífera relativamente nova nos mercados, com grande potencial de expansão devido ao seu valor agregado, há necessidade de se realizarem estudos genéticos e de melhoramento visando a sua expansão comercial, que deve vir acompanhada pela geração de conhecimento científico. Assim, o objetivo deste estudo foi enriquecer o mapa genético integrado da espécie com marcadores funcionais e mapear QTL relacionados à produção e qualidade de fruto. Para tal, foi utilizada uma população F1 composta por 180 indivíduos, provenientes do cruzamento simples entre dois acessos de maracujá-doce. Para a construção do mapa de ligação, utilizou-se um algoritmo que estima, por verossimilhança, simultaneamente, a fase de ligação e a frequência de recombinação, especialmente desenhado para espécies não endogâmicas. Em paralelo, 100 genótipos dessa mesma população foram avaliados fenotipicamente em dois locais, durante dois anos, para caracteres de interesse agronômico. As análises de QTL foram feitas pelo método de mapeamento por intervalo composto e marcadores com diferentes padrões de segregação. Os dados fenotípicos mostraram que existe variabilidade genética na população F1 para ser explorada com fins de melhoramento. Um novo mapa de ligação integrado foi gerado com 1786...

Fisiologia do amadurecimento de maracujá-amarelo e goiaba 'Pedro Sato' ligados ou não às plantas; Ripening physiology of yellow passion fruit and 'Pedro Sato' guava attached or not to the plant

Beltrame, Ana Elisa de Godoy
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2013 PT
Relevância na Pesquisa
67.11%
Os frutos são classificados em climatéricos e não climatéricos de acordo com o padrão da atividade respiratória e produção de etileno. No entanto, estudos apontam que alguns frutos não se enquadram nessa classificação e, a goiaba, tem sido considerada um deles. Uma vez que há divergências quanto à classificação de alguns frutos em climatéricos e não climatéricos, esse trabalho apresenta hipóteses de estudo para goiaba, pois dados sobre sua fisiologia pós-colheita ainda são contraditórios e para maracujá-amarelo, pois são poucos os dados sobre a sua fisiologia pós-colheita. Este trabalho teve como objetivo caracterizar a fisiologia do amadurecimento de maracujá-amarelo e goiaba 'Pedro Sato' ligados ou não às plantas, bem como, avaliar as respostas desses frutos à aplicação de reguladores do amadurecimento como o etileno e 1-metilciclopropeno (1-MCP). O trabalho foi conduzido em duas etapas. Na etapa 1, foi estimada a concentração endógena de CO2 e etileno de maracujás e goiabas ligados às plantas e em frutos colhidos em diferentes estádios de maturação. Foi fixado um tudo de silicone no epicarpo dos frutos ligados às plantas e coletadas amostras para CO2 e etileno desde o início do desenvolvimento até o completo amadurecimento dos mesmos e em frutos colhidos nos respectivos estádios de maturação para cada espécie frutífera...

Aproveitamento de subprodutos da industrialização do maracujá para elaboração de iogurte; Use of industrial byproducts of passion fruit for preparing yogurt

Toledo, Nataly Maria Viva de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
67.09%
As indústrias beneficiadoras de frutas são responsáveis por gerar grandes quantidades de resíduos, entre eles, os do maracujá. A polpa do maracujá é um dos principais produtos comercializados a partir da fruta, sendo as cascas e sementes os subprodutos resultantes de seu processamento. O objetivo deste trabalho foi desenvolver iogurte com adição de polpa e farinha de maracujá elaborada a partir dos subprodutos da industrialização da fruta. No total, foram avaliadas sete amostras de iogurte dentre as quais cinco apresentavam em sua composição a farinha de maracujá. Foram realizadas análises físico-químicas, microbiológicas, verificação de resíduos de agrotóxicos, teste de aceitação sensorial, verificação da intenção de compra, análise descritiva quantitativa (ADQ), estimativa da vida útil e elaboração dos rótulos dos produtos. Todos os iogurtes adicionados de farinha apresentaram elevados teores de fibra alimentar. Não foram detectados resíduos de agrotóxicos nas amostras do subproduto do maracujá. Observou-se que a incorporação da farinha de maracujá apresentou efeitos positivos na viscosidade e teor de minerais do iogurte, e negativos para aspectos como cor e pH. Verificou-se maior aceitação dos provadores para o iogurte sem adição de farinha. No entanto...

Volatile compounds from organic and conventional passion fruit (Passiflora edulis F. Flavicarpa) pulp

Macoris, Mariana Serrao; Janzantti, Natalia Soares; Garruti, Deborah dos Santos; Monteiro, Magali
Fonte: Soc Brasileira Ciência Tecnologia Alimentos Publicador: Soc Brasileira Ciência Tecnologia Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 430-435
ENG
Relevância na Pesquisa
67.01%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); The volatile compositions from organic and conventional passion fruit pulps produced in Brazil were investigated. The pulps were also physicochemically characterized. The volatile compounds from the headspace of the passion fruit pulp were stripped to a Porapak Q trap for 2 hours; they were eluted with 300 mu L of dichloromethane, separated by gas chromatography/flame ionisation detection and identified through gas chromatography/mass spectrometry. Both pulps conformed to the requirements of the Brazilian legislation, indicating they were suitable to be industrialized and consumed. A total of 77 compounds were detected in the headspace of the passion fruit pulps - 60 of which were identified, comprising 91% of the total chromatogram area. The major compounds were the following: ethyl butanoate, 52% and 57% of the total relative area of the chromatogram for the organic and conventional passion fruit pulps, respectively; ethyl hexanoate, 22% and 9%, respectively; and hexyl butanoate, 2% and 5%, respectively. The aroma of the organic passion fruit pulp is mainly related to the following volatile compounds: ethyl hexanoate...

The influence of ripening stage and cultivation system on the total antioxidant activity and total phenolic compounds of yellow passion fruit pulp

Macoris, Mariana S.; De Marchi, Renata; Janzantti, Natalia S.; Monteiro, Magali
Fonte: Wiley-Blackwell Publicador: Wiley-Blackwell
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1886-1891
ENG
Relevância na Pesquisa
67.04%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); BACKGROUND: This work aimed to investigate the influence of both ripening stage and cultivation system on the total phenolic compounds (TPC) and total antioxidant activity (TAA) of passion fruit pulp. TPC extraction was optimized using a 23 central composed design. The variables were fruit pulp volume, methanol volume and extraction solution volume. TPC was determined using the FolinCiocalteu reaction, and TAA using the ABTS radical reaction. RESULTS: The conditions to extract TPC were 2 mL passion fruit pulp and 9 mL extraction solution containing 40% methanol:water (v/v). TPC values increased in the passion fruit pulp during ripening for both cultivation systems, ranging from 281.8 to 361.9 mg gallic acid L-1 (P?0.05) for the organic pulp and from 291.0 to 338.6 mg gallic acid L-1 (P?0.05) for the conventional pulp. CONCLUSION: TPC values increased during ripening for both organic and conventional passion fruit. The same was true for TAA values for conventional passion fruit. For organic passion fruit, however, TAA values were highest at the initial ripening stages. These results suggest that antioxidant compounds exert strong influence on the initial ripening stages for organic passion fruit...

Influence of the cultivation system in the aroma of the volatile compounds and total antioxidant activity of passion fruit

Janzantti, Natalia S.; Macoris, Mariana S.; Garruti, Deborah S.; Monteiro, Magali
Fonte: Elsevier B.V. Publicador: Elsevier B.V.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 511-518
ENG
Relevância na Pesquisa
67.07%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); The aim of this study was to investigate the influence of the cultivation system on the volatile composition of the passion fruit and to determine the odoriferous contribution of the compounds for the aroma of the organic and conventional fruit, besides to assess the total antioxidant activity. The volatile compounds were isolated from dynamic headspace, separated by high-resolution gas chromatography and the odoriferous contribution to the passion fruit aroma was evaluated using the OSME technique. Total antioxidant activity was determined using the ABTS radical reaction. The organic and conventional passion fruit showed similar volatile profile, although some differences occurred. Ethyl 2-propenoate, 2-methyl-1 -propanol, diethyl carbonate and ethyl hexanoate were threefold higher in the organic fruit while butyl acetate, hexanal, cis-3-hexenyl acetate and trans-3-hexenyl butanoate were threefold higher in the conventional fruit. Hexanoate and acetate esters, and saturated alcohols described as fruity, sweet, citrus and passion-fruit aroma showed the highest odorific intensity in the organic fruit. Furthermore, trans and cis-3-hexenyl acetate and alpha-copaene...

Evaluation of the Antihypertensive Properties of Yellow Passion Fruit Pulp (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg.) in Spontaneously Hypertensive Rats

Konta, Eliziane Mieko; Almeida, Mara Ribeiro; Amaral, Catia Lira do; Castania Darin, Joana Darc; Rosso, Veridiana V. de; Mercadante, Adriana Zerlotti; Greggi Antunes, Lusania Maria; Pires Bianchi, Maria Lourdes
Fonte: Wiley-Blackwell Publicador: Wiley-Blackwell
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 28-32
ENG
Relevância na Pesquisa
67%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Processo FAPESP: 06/61237-4; Processo FAPESP: 05/595992-6; Various species of the genus Passiflora have been extensively used in traditional medicine as sedatives, anxiolytics, diuretics and analgesics. In the present study, after the identification and quantification of phytochemical compounds from yellow passion fruit pulp by liquid chromatography-photodiode array-mass spectrometry (HPLC-PDA-MS/MS), its antihypertensive effect was investigated on spontaneously hypertensive rats. Additionally, the renal function, evaluated by kidney/body weight, serum creatinine, proteinuria, urinary flow, reduced glutathione (GSH) levels and thiobarbituric acid-reactive substances (TBARS) and mutagenicity in bone marrow cells were assessed to evaluate the safety of passion fruit consumption. Yellow passion fruit pulp (5, 6 or 8g/kg b.w.) was administered by gavage once a day for 5 consecutive days. HLPC-PDA-MS/MS analysis revealed that yellow passion fruit pulp contains phenolic compounds, ascorbic acid, carotenoids and flavonoids. The highest dose of passion fruit pulp significantly reduced the systolic blood pressure...

Changes in the aroma of organic passion fruit (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg.) during ripeness

Janzantti, Natalia S.; Monteiro, Magali
Fonte: Elsevier B.V. Publicador: Elsevier B.V.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 612-620
ENG
Relevância na Pesquisa
67%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Processo FAPESP: 06/58967-0; The odoriferous importance of volatile compounds during maturation of organic passion fruit was studied. The volatile compounds were analyzed using GC-FID-OSME and GC-MS. The volatile profile changed throughout maturation. Relative peak area improved from the 1/3 to 2/3 yellow skin color state of ripeness and was still improved from the 2/3 to 3/3, but the profile remained. Ethyl butanoate showed the highest relative peak area and importance for the aroma of the organic passion fruit in the 1/3 yellow skin color. Ethyl butanoate and hexanoate, propyl acetate and alpha-terpineol showed odoriferous importance from the 2/3 yellow skin color, and together with diethyl carbonate and cis-3-hexen-1-ol were the most important compounds in the 3/3 yellow skin color state of ripeness. PCA allowed clearly differentiate all ripening states, indicating that hexanal and caramel, earthy and synthetic aroma were most closely associated with the unripe passion fruit. 2-methylpropyl acetate characterized the passion fruit at the 2/3 yellow skin color together with cis-beta-ocimene, benzaldehyde and aroma sweet and passion fruit...

Estudo do albedo de maracuja e de seu aproveitamento em barra de cereais; Study of passion fruit albedo and its industrial use in cereal bars

Fernando Cesar Akira Urbano Matsuura
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/02/2005 PT
Relevância na Pesquisa
67%
Existem consideráveis perdas de produtos agrícolas nas diversas etapas da cadeia produtiva, desde a produção no campo até o momento de consumo, passando pela elevada geração de resíduos no processamento agroindustrial de produtos animais e vegetais. Estima-se que o aproveitamento das matérias-primas vegetais não ultrapasse 80% a 85% e que os resíduos gerados possam chegar a até 30%. Além da preservação ambiental, o aproveitamento desses resíduos abrange questões econômicas e sociais. O Brasil é um grande produtor mundial de maracujá, principalmente o amarelo, e o albedo, resíduo do consumo "in natura" e do processamento, representa 12% a 32% da fruta. Os resíduos das frutas e hortaliças comumente podem conter fibras, vitaminas, minerais, substâncias fenólicas e flavonóides, entre outros, que podem ser benéficos à saúde humana, mas também podem possuir compostos tóxicos e antinutricionais que necessitam ser eliminados antes do uso. Pesquisas sobre os resíduos vegetais do processamento agroindustrial têm envolvido o tratamento dos resíduos; a extração de componentes específicos dos resíduos, como a pectina e o óleo das sementes do maracujá; e o aproveitamento integral dos resíduos em produtos alimentícios...

Bebida de maracuja natural "light" pronta para beber : formulação, produção e estudo de vida-de-prateleira.; Passion fruit juice beverage with different sweetener systems : formaulation, production and shelf life study.

Renata De Marchi
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.93%
O mercado de bebidas à base de frutas está em constante expansão. Os consumidores querem desfrutar de bebidas que vão além de apenas saciar a sede, e que ofereçam vantagens nutricionais e conveniência. Paralelamente à preferência dos consumidores por bebidas saudáveis, há uma crescente tendência ao consumo de bebidas de baixa caloria. Os consumidores estão cada vez melhor informados sobre a importância de uma dieta saudável, com menor ingestão de açúcar e gordura. Assim, o presente trabalho teve como objetivo formular, produzir, avaliar a aceitação em dois diferentes mercados consumidores ? Brasil e Estados Unidos, determinar o perfil sensorial e estudar a vida-de-prateleira de bebidas de maracujá naturais, prontas para beber, adoçadas com sacarose (referência), aspartame, sucralose, e mistura aspartame/acesulfame-K (4:1) (light), respectivamente, durante 180 dias de estocagem. A bebida de maracujá referência foi formulada utilizando-se metodologia de superfície de resposta e testes de aceitação. O conteúdo de polpa de maracujá e a concentração de sacarose, selecionados para serem usados em tal bebida foram, respectivamente, 2,5°Brix (resultantes da mistura: polpa de maracujá e água) e 10%. Para a formulação das bebidas light...

Passiflora edulis Sims: the correct taxonomic way to cite the yellow passion fruit (and of others colors)

Bernacci,Luís Carlos; Soares-Scott,Marta Dias; Junqueira,Nilton Tadeu Vilela; Passos,Ilene Ribeiro da Silva; Meletti,Laura Maria Molina
Fonte: Sociedade Brasileira de Fruticultura Publicador: Sociedade Brasileira de Fruticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 EN
Relevância na Pesquisa
67.07%
Passiflora edulis, the passion fruit native from Brazil, has several common names (such as sour passion fruit, yellow passion fruit, black passion fruit, and purple passion fruit), and presents a wide variability with the different rind colors of its fruits, which are very easy to notice. However, in 1932, Otto Degener suggested that the yellow passion fruit had its origin in Australia through breeding, calling it P. edulis forma flavicarpa, and that it could be distinguished by the color of the fruit, the deeper shade of purple of the corona, and the presence of glands on the sepals. These distinctions do not support themselves, for the glands are common to the species (although they may be absent), and the corona has a wide range of colors, regardless of the color of the fruit. A more critical ingredient is the fact that the external coloration of the fruit is a character of complex inheritance and is not dominant, thus displaying a number of intermediate colors, making it difficult to identify the extreme colors. For the correct scientific naming of agricultural plants, the International Code of Botanical Nomenclature must be used in conjunction with the International Code of Nomenclature for Cultivated Plants, with the selections with significant agronomic characteristics recognized and named cultivars. In accordance with the international convention promoted by the UPOV...

Volatile compounds from organic and conventional passion fruit (Passiflora edulis F. Flavicarpa) pulp

Macoris,Mariana Serrão; Janzantti,Natália Soares; Garruti,Deborah dos Santos; Monteiro,Magali
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 EN
Relevância na Pesquisa
67.01%
The volatile compositions from organic and conventional passion fruit pulps produced in Brazil were investigated. The pulps were also physicochemically characterized. The volatile compounds from the headspace of the passion fruit pulp were stripped to a Porapak Q trap for 2 hours; they were eluted with 300 µL of dichloromethane, separated by gas chromatography/flame ionisation detection and identified through gas chromatography/mass spectrometry. Both pulps conformed to the requirements of the Brazilian legislation, indicating they were suitable to be industrialized and consumed. A total of 77 compounds were detected in the headspace of the passion fruit pulps - 60 of which were identified, comprising 91% of the total chromatogram area. The major compounds were the following: ethyl butanoate, 52% and 57% of the total relative area of the chromatogram for the organic and conventional passion fruit pulps, respectively; ethyl hexanoate, 22% and 9%, respectively; and hexyl butanoate, 2% and 5%, respectively. The aroma of the organic passion fruit pulp is mainly related to the following volatile compounds: ethyl hexanoate, methyl hexanoate, β-myrcene and D-limonene. The conventional passion fruit pulp presented methyl butanoate, butyl acetate...

Polinizadores do maracujá-amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa Deneger, Passifloraceae) no Triângulo Mineiro: riqueza de espécies, freqüência de visitas e a conservação de áreas naturais; Pollinators of yellow passion fruit (Passiflora edulis f. flavicarpa Deneger, Passifloraceae) in the Triângulo Mineiro region, Central Brazil: species richness, frequency of visits and natural area conservation

Yamamoto, Marcela
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
67.1%
As evidências de declínio das populações dos polinizadores nativos em vários locais do mundo conduziram a iniciativas de conservação e ao incentivo de vários projetos, inclusive no Brasil, com o intuito de conhecer e propor atividades de manejo e conservação desses polinizadores. Neste contexto, o cultivo do maracujáamarelo parece constituir um modelo interessante a ser estudado uma vez que o plantio é dependente dos serviços de polinização para a produção de seus frutos, e os seus principais polinizadores envolvem abelhas nativas de grande porte, de hábitos solitários e que nidificam em madeira. Além disso, o cultivo é importante para o desenvolvimento sustentável da região do Triângulo Mineiro, uma das áreas de maior ação antrópica do bioma Cerrado. O objetivo geral da tese foi verificar a relação entre a conservação das áreas naturais de cerrado do entorno dos cultivos do maracujá-amarelo e o serviço de polinização deste cultivo na região. Para tanto, foi necessário estimar a riqueza de espécies de polinizadores, conhecer o comportamento e a freqüência de visitas nos pomares e finalmente, associar tais informações ao serviço de polinização deste cultivo na região, fazendo uma análise preliminar do efeito da cobertura das áreas naturais de entorno dos pomares na polinização e produtividade deste cultivo. O estudo foi conduzido durante o florescimento do cultivo nos anos de 2004 e 2008...

Caracterização biológica, serológica e molecular de uma estirpe do Passion Fruit Woodiness Virus (PWV) que infecta sistemicamente algumas cucurbitáceas. ; Biological, serological and molecular characterization of an isolate of passion fruit woodiness virus (pwv) that infect some cucurbit plants systemically.

Gioria, Ricardo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/09/2003 PT
Relevância na Pesquisa
67.14%
Este trabalho apresenta resultados da caracterização biológica, serológica e molecular de um potyvirus que causa mosqueado foliar em maracujazeiro e infecta, experimentalmente, plantas de abobrinha-de-moita (Cucurbita pepo cv. Caserta). Esse potyvirus foi inicialmente observado em extratos de folhas de maracujazeiro e em cortes ultra finos de tecidos infectados de abobrinha-de-moita, em microscopia eletrônica. Além de partículas alongadas, observaram-se inclusões lamelares do tipo catavento, características de espécies de vírus do gênero Potyvirus. Após purificação a partir de folhas de maracujazeiro com mosqueado, as partículas desse potyvirus foram dissociadas para a caracterização dos seus principais componentes. O RNA viral apresentou peso molecular de aproximadamente 10000 pb. O peso molecular da proteína da capa protéica foi de aproximadamente 32 kDa. Antissoro policlonal produzido em coelho reagiu com o antígeno homólogo, bem como com o Passion fruit woodiness virus (PWV), em teste de PTA-ELISA, mas não reagiu com dois potyvirus que infectam cucurbitáceas, Papaya ringspot virus - type W e Zucchini yellow mosaic virus. O antissoro contra o PWV reagiu com o potyvirus do mosqueado do maracujazeiro. Quando três isolados do potyvirus do mosqueado do maracujazeiro (M1...

Perfil de volateis em water phase de maracuja amarelo (Passiflora edulis f. flavicarpa Degener) e avaliação de seu potencial para a produção de essencia natural.; Volatiles profile in yellow passion fruit (Passiflora edulis f. flavicarpa Degener) water phase and evaluation of its potential for the production of natural essence.

Suziley Ciampone
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/02/2007 PT
Relevância na Pesquisa
67%
A aceitação dos consumidores por suco de maracujá deve-se ao seu aroma e sabor exóticos. No entanto, na etapa de concentração do suco, juntamente com a água, são também arrastados compostos voláteis responsáveis pelo aroma e sabor característicos da fruta, o que reduz a qualidade sensorial do produto final. A recuperação desses compostos ocorre quando os voláteis extraídos por arraste de vapor durante a etapa de concentração do suco, são condensados em uma solução aquosa denominada "water phase". Submetendo-se a water phase a um processo de destilação fracionada, ela pode ser concentrada, originando uma essência natural da fruta GRAS, que ao ser readicionada ao suco, aumenta sua qualidade sensorial. No entanto, a indústria de sucos tropicais no Brasil, embora produza a water phase, carece de conhecimento e tecnologia adequada para a produção de essências naturais GRAS a partir da water phase. A presente pesquisa teve por objetivo caracterizar o perfil de voláteis presentes na water phase de maracujá de empresa brasileira, e avaliar o potencial da mesma para a produção de essência natural GRAS de maracujá. Os compostos voláteis da water phase foram isolados por extração líquido-líquido (diclorometano) e identificados por cromatografia gasosa (CG) e espectrometria de massas (CG-EM). A qualidade e poder odorífero de cada volátil presente no isolado e sua possível contribuição a uma essência de maracujá foram avaliados...