Página 1 dos resultados de 587 itens digitais encontrados em 0.042 segundos

Sistemas manuscrito e informatizado de notificação voluntária de incidentes em saúde como base para a cultura de segurança do paciente; Voluntary handwritten and computer-based incident reporting to ground a patient safety culture

Capucho, Helaine Carneiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/07/2012 PT
Relevância na Pesquisa
65.88%
Nas organizações de saúde, as notificações voluntárias são essenciais para a construção da aprendizagem, que é um dos fundamentos da cultura da segurança do paciente. O objetivo deste estudo foi comparar um sistema manuscrito e um sistema informatizado de notificações voluntárias de incidentes e queixas técnicas relacionados à saúde, implantados em um hospital de ensino do interior de São Paulo, por meio da análise documental das notificações encaminhadas. Os sistemas foram comparados quanto à quantidade e qualidade das notificações, categoria dos profissionais notificadores, motivos e características dos incidentes relacionados aos medicamentos. O presente estudo demonstrou que as notificações encaminhadas por meio de sistemas manuscrito e informatizado podem ser utilizadas para identificação de incidentes, mas é possível que o segundo sistema seja mais vantajoso do que o primeiro, por ter apresentado aumento do número de notificações em 58,7%; aumento da taxa de notificação em 62,3%; maior qualidade dos relatos, especialmente quanto à classificação e descrição da gravidade do incidente, e descrição do paciente; eliminação da ilegibilidade e de rasuras; ampliação da participação dos diferentes profissionais de nível superior e de profissionais de nível médio e básico...

Uso de medicamentos e a segurança do paciente na interface entre hospital, atenção básica e domicílio; Medication use and patient safety at the interface of hospital, primary care and the home setting

Marques, Liéte de Fátima Gouvêia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/02/2013 PT
Relevância na Pesquisa
65.89%
A segurança do paciente e a qualidade da assistência à saúde, no uso de medicamentos, têm sido foco de preocupação e estudos em nível mundial. Os pacientes podem estar especialmente vulneráveis a danos imediatamente após alta hospitalar, e a ocorrência de eventos adversos relacionados a medicamentos pode resultar em atendimento em serviços de urgência ou em readmissão hospitalar. Este estudo teve como objetivo compreender a dinâmica e os desafios do cuidado fornecido ao paciente, pela equipe de saúde do hospital, visando à segurança no processo de uso de medicamentos após alta hospitalar. Foi realizada pesquisa exploratória por meio de entrevistas junto a médicos, enfermeiros, farmacêuticos e assistentes sociais do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. Atualmente, a principal estratégia adotada pelo hospital visando à segurança do paciente, com foco no processo de uso de medicamentos após alta hospitalar, é a orientação de alta ao paciente e/ou cuidador, realizada de forma estruturada, em casos selecionados, principalmente envolvendo pacientes pediátricos. A reconciliação medicamentosa está em fase de implantação na instituição e, em situações específicas, ocorre mobilização da equipe multidisciplinar para viabilização do acesso a medicamentos prescritos na alta hospitalar. Visita domiciliar é desenvolvida junto a pacientes críticos com problemas de locomoção...

Adaptação cultural e validação inicial do instrumento MISSCARE para o Brasil: contribuição para o mapeamento de riscos para a segurança do paciente hospitalizado; Cultural adaptation and initial validation of the MISSCARE instrument for its use in Brazil: a contribution for mapping inpatient safety risks

Siqueira, Lillian Dias Castilho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
65.87%
O fenômeno da omissão de cuidados de enfermagem é definido como qualquer aspecto do cuidado requerido pelo paciente que é omitido (em parte ou por completo) ou atrasado. Pode ocasionar consequências negativas para a assistência, tendo impacto na qualidade do cuidado e nos custos institucionais. Este estudo de delineamento metodológico teve como objetivos realizar a adaptação cultural do instrumento MISSCARE para uso no Brasil e testar parcialmente as suas propriedades psicométricas. O instrumento MISSCARE possui 41 itens distribuídos em duas partes. A parte A contém 24 itens referentes aos elementos dos cuidados de enfermagem omitidos com resposta variando de sempre omitido (1) a nunca omitido (5), e a parte B apresenta 17 itens relacionados às razões para a não prestação dos cuidados, com as possibilidades de resposta variando de razão significante (1) a não é uma razão para omissão do cuidado (4). A pesquisa, aprovada pelo comitê de ética, foi realizada em duas fases. A primeira consistiu no processo de adaptação cultural, que verificou a validade de face e de conteúdo, realizada por um comitê de cinco juízes conforme os passos preconizados pela literatura. A segunda visou analisar a consistência interna do instrumento com 60 profissionais da equipe de enfermagem de um hospital público de ensino universitário do interior do Estado de São Paulo. Os resultados demonstraram que a maioria dos participantes era do sexo feminino (75%)...

Participação do usuário com diabetes mellitus tipo 2 na produção de cuidado na rede de atenção básica; Participation of the patient with type 2 diabetes mellitus in the primary health care

Oliveira, Nunila Ferreira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
75.88%
A prevalência do Diabetes mellitus tipo 2 (DM2) está em ascensão por todo mundo; no Brasil é considerado um problema de saúde pública. O tratamento visa controle glicêmico e depende prioritariamente de mudanças de hábitos de vida - tratamento não medicamentoso (TNM), podendo associar terapêutica medicamentosa (TM), e requer acompanhamento contínuo de saúde. Esse acompanhamento deve ser realizado prioritariamente nos serviços de Atenção Básica, com suporte de outros pontos da rede de atenção à saúde quando necessário. O presente trabalho tem objetivo de analisar a participação das pessoas com DM2 no processo de cuidado frente acompanhamento em uma Unidade Básica de Saúde (UBS), localizada no município de Ribeirão Preto, SP. Pesquisa quantiqualitativa, norteada pelo referencial teórico do processo de trabalho em saúde, com coleta de dados realizada em duas etapas: a primeira com obtenção de dados a partir das fichas de cadastro do HIPERDIA da UBS Amendoeira em Flor e segunda, realizada junto a pessoas cadastradas no HIPERDIA e com consulta médica agendada, sendo convidadas 64 pessoas, e após a utilização de critérios de exclusão e o consentimento destas, permaneceram 25 pessoas junto com as quais foi realizada coleta de dados por meio de observação não participante de atendimento na UBS e entrevista semiestruturada no domicílio. Para a realização da pesquisa...

Processo de contagem cirúrgica: evidências para a segurança do paciente no perioperatório; Surgical count process: evidence for perioperative patient safety

Freitas, Patrícia Scotini
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/09/2014 PT
Relevância na Pesquisa
65.81%
O estudo teve como objetivos analisar as evidências disponíveis na literatura sobre o processo de contagem cirúrgica (compressas, instrumentos cirúrgicos e perfurocortantes) e analisar como ocorre o processo de contagem cirúrgica, segundo a opinião dos enfermeiros que atuam em unidades de centro cirúrgico de hospitais de uma cidade localizada no interior do Estado de São Paulo. Para alcançar os objetivos propostos, a pesquisa foi conduzida em duas fases: a elaboração de revisão integrativa e a condução de estudo descritivo. A busca dos estudos primários para inclusão na revisão integrativa foi realizada nas bases de dados PubMed, CINAHL e LILACS. A amostra da revisão integrativa foi composta de 28 estudos primários, agrupados em três categorias: fatores de risco para retenção de itens cirúrgicos, processo de contagem cirúrgica e uso de tecnologias para o aprimoramento do processo de contagem cirúrgica. A elaboração da revisão integrativa possibilitou a síntese de evidências sobre o processo de contagem cirúrgica, na qual foi possível detectar os fatores de risco para retenção de itens cirúrgicos, como o processo de contagem cirúrgica deve ser realizado, bem como por quem e quando; além do conhecimento das tecnologias adjuntas que podem aprimorar o processo de contagem manual. O estudo descritivo foi conduzido em 16 unidades de centro cirúrgico...

Participação do usuário no seu cuidado : realidade ou ficção?

Clinco, Sandra Denise de Oliveira
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.12%
A participação do paciente no cuidado é uma importante ferramenta para melhoria dos processos em uma organização hospitalar, pois aumenta a segurança do paciente. Este estudo teve como objetivo analisar se o paciente participa de seu cuidado. Esta análise foi feita por meio de entrevistas estruturadas com 243 pacientes internados em quatro hospitais com certificado de qualidade da Grande São Paulo e com a aplicação de questionário com perguntas abertas a três gestores destas organizações. Os resultados demonstram que os pacientes tem alta participação no cuidado, porém 17,3% dos pacientes referem que participaram do cuidado menos do que queriam e 43,6% não sabiam o nome do médico responsável pelo seu tratamento. Os gestores hospitalares reconhecem que a participação do paciente é importante, mas não há ações proativas efetivas nestas organizações hospitalares para identificar as necessidades dos pacientes.

Questões éticas referentes às preferências do paciente em cuidados paliativos

Abreu,Carolina Becker Bueno de; Fortes,Paulo Antonio de Carvalho
Fonte: Conselho Federal de Medicina Publicador: Conselho Federal de Medicina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2014 PT
Relevância na Pesquisa
65.89%
O respeito à autonomia do paciente é um princípio ético reconhecido em diversas áreas da assistência à saúde, incluindo os cuidados paliativos, porém nem sempre as preferências do paciente são respeitadas. Uma melhor compreensão das questões éticas relacionadas ao exercício da autonomia do paciente em cuidados paliativos é importante passo para embasar juízos éticos ponderados no cotidiano da assistência. Tendo isso em vista, este trabalho objetivou identificar e analisar questões éticas relacionadas às preferências do paciente e reconhecidas por profissionais no cotidiano de uma equipe de cuidados paliativos à luz do referencial bioético da casuística. Foram entrevistados onze profissionais de nível superior. As principais questões éticas identificadas foram: respeito à autonomia do paciente; veracidade e direito à informação; habilidades de comunicação; cerco do silêncio; participação no processo de deliberação; escolha do local de tratamento e morte.

O estudo da Política LGBT e seus marcos; Política LGBT e seus marcos

Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - UNA-SUS; Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.84%
O estudo da Política LGBT e seus marcos é a unidade 02 do módulo Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais. Nela é apresentada a Política de Saúde Integral LGBT, focando na sua efetiva implementação e aplicação como direito à saúde, de forma a reconhecer a relevância da participação da comunidade LGBT no SUS. A unidade é dividida em 6 temas: introdução aos estudos da política LGBT; a participação da comunidade LGBT no SUS; Nome Social; interface com outras políticas de saúde; intersetorialidade; compreendendo a política de saúde integral LGBT.

Introdução aos estudos da política LGBT

Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - UNA-SUS; Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.75%
Introdução aos estudos da Política LGBT é o primeiro livro da unidade 02 do curso Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais "O estudo da Política LGBT e seus marcos". Neste livro é apresentada a Política de Saúde Integral LGBT, com foco em sua efetiva implementação e aplicação como direito à saúde.

A participação da comunidade LGBT no SUS

Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - UNA-SUS; Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Publicado em // PT_BR
Relevância na Pesquisa
75.86%
A participação da comunidade LGBT no SUS é o segundo livro da unidade 02 do curso Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais "O estudo da Política LGBT e seus marcos". Neste livro é abordada a relevância da participação da comunidade LGBT no SUS.

A visão do paciente, do familiar e do empregador sobre o trabalho da pessoa com epilepsia de difícil controle.

Pinto, Lauren Machado
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
75.99%
Resumo: A epilepsia traz consequências sobre o cotidiano do sujeito, com interferência no trabalho por fatores ligados também ao ambiente, fatores pessoais e desempenho em atividades. O modelo biopsicossocial em saúde proposto pela Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde (CIF) corrobora com esta constatação, uma vez que, estudos têm demonstrado que outros fatores, além da condição de saúde, interferem no trabalho. Os objetivos deste trabalho foram: avaliar a situação de trabalho do paciente com epilepsia; identificar os fatores que facilitam ou prejudicam o trabalho dos pacientes com epilepsia na visão deles mesmos, familiares e empregadores; e classificar as informações apresentadas conforme a linguagem da CIF. Foram avaliados 120 pacientes com epilepsia que já tenham desenvolvido alguma modalidade de trabalho assalariado, divididos em um total de 4 grupos cada qual com 30 pacientes conforme modalidade de tratamento (medicamentoso x cirúrgico) e crises epilépticas (controladas x não controladas). Durante a entrevista aplicou-se um questionário socioeconômico, o inventário de Depressão de Beck e um questionário de metas no trabalho, com atribuição de escores de importância e dificuldade. Em um grupo controle com 30 pacientes sem epilepsia...

Atendimento Pré-hospitalar Móvel. Mapeando Riscos e Prevenindo Erros

Castro, Grayce Louyse Tinoco de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
65.91%
The attention with safety of the patients is important in the quality of the nursing and health care. In the pre-hospital care, such care is essential on site with the purpose of avoiding possible consequences to the individual, ensuring a fast and appropriate care, with improvement of the morbidity and reduction of the mortality. This medical attention is equally associated with the significant risks of adverse events and serious mistakes, which can be reduced with the awareness of the professionals, organization and quality management. It is a descriptive, transversal research, of quantitative approach, with the objective of identifying the risks for the safety of the patient during the mobile pre-hospital care under the view of the nurses, in a city of the Brazilian Northeast. The sample was formed by 23 nurses. The inclusion criteria: to have at least two years of experience and accept to participate on the research. The data collection was done in two steps, first photo collection, through the adapted method of photographic analysis, and the second with the application of questionnaire, divide in two parts: socio-professional data and digital photo punctuation instrument of the patient s safety. The majority of the nurses had an average working time in the mobile pre-hospital care of six years and six months...

Protocolo de avaliação do cuidado de enfermagem e da segurança do paciente em unidades de terapia intensiva; Evaluation protocol of nursing care and patient safety in Intensive Care Units

Alves, Kisna Yasmin Andrade
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.95%
The reports of adverse events date from 1990 up to the present day. Conceptually, these adverse events are unintentional injuries unrelated to the underlying disease, causing measurable lesions in patients, extending the period of hospitalization, or leading to death. These issues require discussions with regard to patient safety, improved quality of service, and preventing medical errors. In the Intensive Care Units, this concern is greater because these are sectors of intensive care to individuals with hemodynamic changes and imminent risk of death. Therefore, it is essential to conduct evaluation processes to investigate aspects of quality of nursing care and patient safety in these spaces. For that reason, we aimed to propose the Evaluation protocol of nursing care and patient safety in Intensive Care Units. For its achievement, we needed to: 1) analyze the evolution of the patient safety concept used in scientific productions, under Rodgers evolutionary concept; 2) identify the necessary items to build the evaluation protocol of nursing care and patient safety in the Intensive Care Unit, from the available evidence in literature; 3) construct an instrument for content validation of the evaluation protocol of nursing care and patient safety in the Intensive Care Unit; and 4) describe and evaluate the appropriateness of the content for an evaluation protocol of nursing care and patient safety in the Intensive Care Unit. This is a methodological study for the content validation of the abovementioned protocol. To meet the first three specific objectives...

À beira do leito : sentimentos de pacientes durante a passagem de plantão em Unidade de Terapia Intensiva

Pereira, Mabel Maria Marques
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; Assistência à Saúde
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
65.82%
This study aims to understand the feelings of patients admitted to the Intensive Care Unit (ICU) that experienced a change of shift at the bedside. The change of shift is one of the routines used by nursing in their work process and of great significance for the patient; therefore, deserves careful analysis in seeking to perfect themselves for the improvement of nursing care. It is a descriptive research, with a qualitative approach. The collection of information was performed using semi-structured interview, in August and September of 2011, after authorization from the Ethics Committee of the Federal University of Rio Grande do Norte, as opinion 290/2011. The analysis, based on interviews of patients, took the humanization as the thread of investigation backed by authors who deal on the subject and the theory of the gift of Marcel Mauss that sits on drug give-receive-return. The results indicate that the change of shift at the bedside but has not configured, the content of the speech of patients interviewed, as a moment that has generated fear and anxiety, could be deduced by the expression of silence, tears and other signs during interviews, how hard it is to live this experience. Nevertheless, despite this apparent tranquility, revealed uncertainty and apprehension face the speech of professional...

Cultura de segurança do paciente

Minuzzi, Ana Paula
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 189 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
65.95%
Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Gestão do Cuidado em Enfermagem, Florianópolis, 2014.; A segurança do paciente tem ocupado posição de destaque em nível mundial. Entretanto, investir em uma cultura de segurança nos serviços de saúde, mostra-se como um grande desafio. Nesta perspectiva, encoraja-se a aplicação de instrumentos que possam avaliar e apontar as necessidades de melhorias em cada cultura, nos distintos cenários de assistência à saúde. Trata-se de um estudo descritivo-exploratório com abordagem quantitativa, com o objetivo de avaliar as dimensões da cultura de segurança do paciente sob a perspectiva dos profissionais da equipe de saúde de uma Unidade de Terapia Intensiva e apresentar as recomendações de melhorias para a cultura de segurança do paciente, identificadas por estes profissionais. A coleta de dados ocorreu entre novembro de 2013 e janeiro de 2014 através da aplicação do questionário Pesquisa sobre Segurança do Paciente em Hospitais. A amostra foi constituída por 59 profissionais, sendo três auxiliares de enfermagem, 11 enfermeiros, dois fisioterapeutas, 17 médicos e 26 técnicos de enfermagem...

O estudo da Política LGBT e seus marcos

Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - UNA-SUS; Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Backup Moodle em HTML da unidade 02 do módulo Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.84%
O estudo da Política LGBT e seus marcos é a unidade 02 do módulo Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais. Nela é apresentada a Política de Saúde Integral LGBT, focando na sua efetiva implementação e aplicação como direito à saúde, de forma a reconhecer a relevância da participação da comunidade LGBT no SUS. A unidade é dividida em 6 temas: introdução aos estudos da política LGBT; a participação da comunidade LGBT no SUS; Nome Social; interface com outras políticas de saúde; intersetorialidade; compreendendo a política de saúde integral LGBT.; 1.0; Ministério da Saúde do Brasil

Introdução aos estudos da política LGBT

Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - UNA-SUS; Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Backup Moodle em HTML do livro 1 da unidade 2 do módulo Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
75.76%
Introdução aos estudos da Política LGBT é o primeiro livro da unidade 02 do curso Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais "O estudo da Política LGBT e seus marcos". Neste livro é apresentada a Política de Saúde Integral LGBT, com foco em sua efetiva implementação e aplicação como direito à saúde.; 1.0; Ministério da Saúde do Brasil

A participação da comunidade LGBT no SUS

Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - UNA-SUS; Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Backup Moodle em HTML do livro 2 da unidade 2 do módulo Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
85.86%
A participação da comunidade LGBT no SUS é o segundo livro da unidade 02 do curso Política Nacional de Saúde Integral Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais "O estudo da Política LGBT e seus marcos". Neste livro é abordada a relevância da participação da comunidade LGBT no SUS.; 1.0; Ministério da Saúde do Brasil

Da Moral paternalista ao modelo de respeito à autonomia do paciente: os desafios para o ensino da ética médica; From paternalistic morals to a model of respect for patient’s autonomy: the challenges of teaching medical ethics

Almeida, José Luiz Telles de
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
75.83%
Ao longo da história da ética médica, desde Hipócrates, os princípios absolutos de beneficência e de não-maleficência ordenaram as bases da prática médica e justificaram a postura paternalista do médico frente ao paciente. O objetivo do presente ensaio é o de discutir, sob o ponto de vista da justificativa ética, a moralidade do ato médico paternalista frente ao crescente movimento de autodeterminação do paciente que se apóia no princípio bioético prima facie de respeito à autonomia. Buscamos chamar a atenção para o fato deste movimento de autodeterminação encontrar, cada vez mais, espaço nas reivindicações das associações de doentes crônicos existentes em nosso país. Acreditamos que as instituições de serviços de saúde e de ensino médico deveriam buscar junto a estas associações parcerias para incrementar o debate contemporâneo sobre as transformações pelas quais a ética médica tradicional vem passando.; Throughout the history of medical ethics, since Hippocrates, the absolute principles of beneficence and non-maleficence have led the basis of medical practice and justified physicians’ paternalistic stance towards patients. The aim of this paper is to discuss, from the point of view of ethical justification...

CONSULTA DE ENFERMAGEM SUSTENTADA NA RELAÇÃO DE AJUDA: A PRÁTICA ASSISTENCIAL À PESSOA PORTADORA DO MAL DE CHAGAS

Fanes, Luisa; Maftum, Mariluci Alves
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 11/04/2005 POR
Relevância na Pesquisa
65.89%
Trata-se de um projeto assistencial desenvolvido com pacientes portadores do Mal de Chagas, usuários do Ambulatório de Atenção ao Paciente Chagásico, em hospital universitário de Curitiba, no período de maio de 2001 a agosto de 2002. Optou-se pelo referencial teórico, a Teoria das Relações Interpessoais de Joyce Travelbee. Os objetivos foram implementar a consulta de enfermagem sistematizada na relação de ajuda, caracterizar o paciente portador de Mal de Chagas, usuário do ambulatório, e elaborar tópicos orientadores para a entrevista de ajuda. Utilizaram-se os conceitos de: Ser humano, Enfermagem, Ambiente, Saúde e Doença e Relação de ajuda. O trabalho desenvolvido mostrou que a utilização da teoria possibilitou o desenvolvimento de assistência humanizada, considerando o paciente, ser humano único, com historicidade e cultura própria; favorece a participação do paciente no processo e ajuda-o a desenvolver suas potencialidades. O estudo apontou caminhos para o enfermeiro refletir sobre a assistência prestada. Concluiu-se que o conhecimento é desenhado a cada dia, através do aprendizado com o paciente, que se torna o principal sujeito do processo, pois indica e delineia caminhos e formas de ajudá-lo. Trabalhar...