Página 1 dos resultados de 722 itens digitais encontrados em 0.106 segundos

Formação do técnico de enfermagem no desenvolvimento de competências para implementar a sistematização da assistência de enfermagem

Cruz, Andréa de Mello Pereira da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
145.82%
A Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE), utilizada no estudo com o mesmo significado de Processo de Enfermagem, é uma metodologia que orienta as ações de cuidado por meio de etapas sistematizadas e inter-relacionadas. No contexto atual, muitas pesquisas são realizadas, considerando a perspectiva do enfermeiro, que é o profissional responsável por sua implantação, planejamento, organização, execução e avaliação. Contudo, na realidade brasileira, a SAE é implementada com a participação de toda equipe de enfermagem. Assim, os profissionais envolvidos com a SAE necessitam desenvolver competências para sua implementação. Este estudo teve como objetivo conhecer na perspectiva de técnicos de enfermagem, as competências desenvolvidas na sua formação para implementar a SAE. Trata-se de uma pesquisa qualitativa do tipo exploratória e descritiva. A coleta dos dados foi desenvolvida por meio da realização do grupo focal com técnicos de enfermagem do Hospital de Clinicas de Porto Alegre (HC). A análise das informações foi realizada através da análise de conteúdo proposta por Bardin. Na análise das informações, emergiram duas categorias temáticas, “A participação do técnico de enfermagem na SAE” e “As competências na formação do técnico de enfermagem” e cada uma delas com duas sub-categorias...

Competências na formação de técnicos de enfermagem para implementar a sistematização da assistência de enfermagem; Competencies in the education of nursing technicians to implement the nursing care systematization; Competencias en la formación de técnicos de enfermería para implementar la sistematización de la atención de enfermería

Cruz, Andréa de Mello Pereira da; Almeida, Miriam de Abreu
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
125.73%
Trata-se de pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, com o objetivo geral de conhecer, considerando a perspectiva do técnico de enfermagem que atua em hospital universitário, as competências desenvolvidas durante sua formação para implementar a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE). A coleta e análise das informações ocorreram por meio de grupo focal, com técnicos de enfermagem e da análise de conteúdo. Emergiram duas categorias temáticas: A participação do técnico de enfermagem na SAE e As competências na formação do técnico de enfermagem. Cada qual recebeu duas subcategorias: Concepção da SAE e (Des) Valorização da SAE, e Competência técnico-científica e Competência na relação interpessoal, respectivamente. Constatou- se que a SAE necessita ser compartilhada, discutida e divulgada entre os profissionais de enfermagem, para que eles se reconheçam protagonistas de sua metodologia e tomem ciência de que suas práticas determinam os resultados.; Se trata de una investigación cualitativa, exploratoria y descriptiva, con el objetivo general de conocer, considerando la perspectiva de técnicos de enfermería que actúan en un hospital universitario, las competencias desarrolladas en su formación para implementar la Sistematización de la Atención de Enfermería (SAE). La recolección y análisis de los datos se efectuó a través de grupo focal con técnicos de enfermería y análisis de contenido. Surgieron dos categorías temáticas...

Educação em Saúde: uma experiência transformadora

Oliveira,Hadelândia Milon de; Gonçalves,Maria Jacirema Ferreira
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 PT
Relevância na Pesquisa
125.79%
Este artigo descreve a experiência positiva e transformadora da prática da educação em saúde, destacando os resultados produzidos tanto nos educadores quanto nas pessoas que participaram do processo educativo. O trabalho ocorreu no ano de 2003 no município de Manacapuru-Amazonas, constando de atividades educativas dirigidas a adolescentes de uma escola pública do município. O desenvolvimento das atividades educativas foi baseado na metodologia para assistência de enfermagem em saúde coletiva, empregando as suas fases, e provou que de fato, a educação em saúde é essencial para a reflexão e mudança de comportamento na vida dos indivíduos. Portanto, a educação em saúde precisa ser sistematicamente planejada e assumida como um papel importante do profissional de enfermagem.

A assistência preventiva do enfermeiro ao trabalhador de enfermagem

Campos,Ana Lúcia de Almeida; Gutierrez,Patrícia dos Santos Generoso
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
135.82%
A temática do presente estudo surgiu da experiência que temos em nossa prática profissional, onde pudemos observar o absenteísmo dos profissionais de enfermagem decorrentes de doenças relacionadas ao trabalho, o que nos despertou o interesse em nos aprofundar no papel do enfermeiro nas ações preventivas relacionadas à saúde do trabalhador de enfermagem em sua trajetória profissional comparando-as com as Normas Regulamentadoras. As ações preventivas em saúde do trabalhador é uma busca constante, que necessita de mais investimento com o objetivo de melhorar as condições de trabalho, proporcionando um ambiente saudável.

Promovendo a cidadania por meio do cuidado de enfermagem

Backes,Dirce Stein; Backes,Marli Stein; Erdmann,Alacoque Lorenzini
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
135.75%
Estudo é fruto de um projeto de pesquisa intitulado: Redes de cuidado e empreendedorismo social: a autonomia e o compromisso social do enfermeiro. Trata-se de um estudo qualitativo que objetivou compreender o significado do cuidado de enfermagem como prática social empreendedora. Utilizou-se como referencial metodológico a Grounded Theory e como técnica de coleta de dados a entrevista, realizada com 35 participantes. A codificação e análise dos dados conduziram ao tema central: Vislumbrando o cuidado de enfermagem como prática social empreendedora. Esse fenômeno é complementado pela categoria, caracterizada como condição causal: A inserção social por meio da construção de uma identidade política que expresse o seu envolvimento responsável. Os resultados evidenciaram que é necessário conhecer e aprender profundamente o princípio da dialógica. Para que a participação popular se consolide como ideal de cidadania é necessário uma postura profissional crítica, fundamentada na combinação de cuidado com liberdade, participação e autonomia.

Competências na formação de Técnicos de Enfermagem para implementar a Sistematização da Assistência de Enfermagem

Cruz,Andréa de Mello Pereira da; Almeida,Miriam de Abreu
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
135.77%
Trata-se de pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, com o objetivo geral de conhecer, considerando a perspectiva do técnico de enfermagem que atua em hospital universitário, as competências desenvolvidas durante sua formação para implementar a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE). A coleta e análise das informações ocorreram por meio de grupo focal, com técnicos de enfermagem e da análise de conteúdo. Emergiram duas categorias temáticas: A participação do técnico de enfermagem na SAE e As competências na formação do técnico de enfermagem. Cada qual recebeu duas sub-categorias: Concepção da SAE e (Des) Valorização da SAE, e Competência técnico-científica e Competência na relação interpessoal, respectivamente. Constatou-se que a SAE necessita ser compartilhada, discutida e divulgada entre os profissionais de enfermagem, para que eles se reconheçam protagonistas de sua metodologia e tomem ciência de que suas práticas determinam os resultados.

Atitudes dos profissionais de enfermagem relacionadas ao Processo de Enfermagem

Guedes,Erika de Souza; Turrini,Ruth Natália Teresa; Sousa,Regina Márcia Cardoso de; Baltar,Valéria Troncoso; Cruz,Diná de Almeida Lopes Monteiro da
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2012 PT
Relevância na Pesquisa
135.72%
Os objetivos do estudo foram descrever a disposição sobre o Processo de Enfermagem (PE) e a percepção de poder clínico dos profissionais de enfermagem; analisar associações entre atitudes relacionadas ao PE e variáveis selecionadas. Participaram 1.605 auxiliares de enfermagem e enfermeiros (86,9% mulheres, idade média 44,12 anos; DP=9,55). O escore médio no instrumento Posições sobre o Processo de Enfermagem (PPE) foi 112,37 (DP=22,28) e no Power as Knowing Participation in Change Tool - versão brasileira (PKPCT) foi 281,12 (DP= 38,72). Os escores nos instrumentos foram mais altos para enfermeiros quando comparados aos auxiliares. Houve correlação positiva moderada entre escores do PPE e PKPCT. Para os auxiliares houve associação entre os escores no PPE, sexo e pós-graduação; e entre percepção de poder e sexo. Para os enfermeiros houve associação entre PKPCT e cargo de chefia. Mais estudos devem ser desenvolvidos com vistas a identificar variáveis potencialmente associadas ao uso do Processo de Enfermagem na prática clínica.

O trabalho de enfermagem em saúde mental: contradições e potencialidades atuais

Oliveira,Alice G. Bottaro de; Alessi,Neiry Primo
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2003 PT
Relevância na Pesquisa
135.68%
Este estudo teve por objetivo identificar contradições e desafios que se apresentam atualmente no trabalho de enfermagem em saúde mental, no contexto da Reforma Psiquiátrica, tendo por referência a construção histórico-social desse processo de trabalho. A Reforma Psiquiátrica pressupõe um novo desenho de objeto e instrumentos de trabalho, que são ainda pouco visíveis na prática dos enfermeiros, e a possibilidade de se alcançar a condição de sujeito-cidadão para o portador de sofrimento mental - modo de ser e finalidade do trabalho - que está diretamente relacionada à consciência de sujeito-cidadão do trabalhador de enfermagem.

O papel do enfermeiro de família na perspetiva de utentes de uma USF do ACES Baixo Mondego

Silva, Margarida Alexandra N. C. G. M. Moreira da; Jorge, Susana Cristina Teixeira; Reis, Ana Paula Tardego; Gomes, Cristina Isabel Nunes; Bonifácio, Maria da Conceiçao de Brito; Catarino, Maria Goreti Ferreira dos Santos
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Outros
Publicado em 15/05/2015 POR
Relevância na Pesquisa
125.79%
Introdução: O enfermeiro de família assume a responsabilidade pela prestação de cuidados de enfermagem globais a famílias nas diferentes fases da vida e em todos os contextos da comunidade (Decreto-Lei nº 118/2014). A perceção dos utentes quanto ao papel do enfermeiro de família, nas unidades funcionais de saúde é importante para a avaliação da qualidade dos cuidados de enfermagem e determinante na conduta a implementar para a obtenção da relação de proximidade das famílias, assegurando-se a acessibilidade e continuidade dos cuidados. Objetivos: Apresentar os resultados de um estudo que pretendeu conhecer a perceção dos utentes de uma USF em relação ao papel do enfermeiro de família. Metodologia: A metodologia consistiu num estudo descritivo de abordagem qualitativa, numa amostra por acessibilidade, num total de 41 participantes, utentes duma USF do ACES Baixo Mondego. A colheita de dados foi efetuada por questionário, através de duas questão de resposta aberta, e quatro questões fechadas para caracterização sociodemográfica. Os dados foram submetidos a análise de conteúdo orientada por prossupostos de Bardin (2013). Resultados: Os inquiridos apresentaram uma média de idades de 51 anos; 63% era do sexo feminino e 37% do sexo masculino. Em relação às habilitações literárias: 20% possuía o 4º ano...

Nurses' perception of power regarding their clinical role; La percepción de poder de las enfermeras frente a su papel clínico; Percepção de poder de enfermeiras frente ao seu papel clínico

CRUZ, Diná de Almeida Lopes Monteiro da; PIMENTA, Cibele Andrucioli de Mattos; PEDROSA, Maria Fernanda Vita; LIMA, Antônio Fernandes da Costa; GAIDZINSKI, Raquel Rapone
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
135.75%
This article reports on a study on nurses' perception of power regarding their clinical role before and after implementation of a nursing diagnosis classification. Sixty clinical nurses (average age = 37.2 ± 7.0 years) from a Brazilian teaching hospital answered the Power as Knowing Participation in Change Tool (PKPCT) before and after the implementation of a diagnosis classification. PKPCT has four domains and provides total and partial scores. Reliability coefficients ranged from 0.88 to 0.98. Total scores were not statistically different between assessments (p=0.21), although scores in the "Involvement in Creating Change" domain were higher in the second assessment (p=0.04). Further studies providing sound evidence regarding the impact of nursing classification systems on nurses' power perception are needed to guide decisions on teaching and clinical practice.; Este artículo relata un estudio sobre la percepción de poder clínico de las enfermeras, antes y después de la implementación de una clasificación de diagnósticos de enfermería. Sesenta enfermeras (edad promedio = 37,2±7 años), de un hospital brasileño de enseñanza, respondieron el instrumento Power as Knowing Participation in Change Tool, antes y después de la implementación de una clasificación de diagnósticos. Ese instrumento tiene 4 dominios y provee puntajes parciales y totales. Los coeficientes de confiabilidad del instrumento fueron de 0...

Atitudes dos profissionais de enfermagem relacionadas ao Processo de Enfermagem; Attitudes of nursing staff related to the nursing process; Las actitudes del personal de enfermeira en relación com el Proceso de Enfermería

Guedes, Erika de Souza; Turrini, Ruth Natália Teresa; Sousa, Regina Márcia Cardoso de; Baltar, Valéria Troncoso; Cruz, Diná de Almeida Lopes Monteiro da
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
145.72%
Os objetivos do estudo foram descrever a disposição sobre o Processo de Enfermagem (PE) e a percepção de poder clínico dos profissionais de enfermagem; analisar associações entre atitudes relacionadas ao PE e variáveis selecionadas. Participaram 1.605 auxiliares de enfermagem e enfermeiros (86,9% mulheres, idade média 44,12 anos; DP=9,55). O escore médio no instrumento Posições sobre o Processo de Enfermagem (PPE) foi 112,37 (DP=22,28) e no Power as Knowing Participation in Change Tool - versão brasileira (PKPCT) foi 281,12 (DP= 38,72). Os escores nos instrumentos foram mais altos para enfermeiros quando comparados aos auxiliares. Houve correlação positiva moderada entre escores do PPE e PKPCT. Para os auxiliares houve associação entre os escores no PPE, sexo e pós-graduação; e entre percepção de poder e sexo. Para os enfermeiros houve associação entre PKPCT e cargo de chefia. Mais estudos devem ser desenvolvidos com vistas a identificar variáveis potencialmente associadas ao uso do Processo de Enfermagem na prática clínica.

Enfermeiras na atenção basica de saude e a amamentação; Nurses from the basic health service and breastfeeding

Patricia Helena Breno Queiroz
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/07/2008 PT
Relevância na Pesquisa
125.77%
Apesar da existência de programas de incentivo ao aleitamento materno e os estudos que comprovam a sua superioridade, ainda ocorre a manutenção de taxas de desmame precoce elevadas, levando a crer que as propostas oficiais de incentivo e apoio à amamentação talvez não estejam compatíveis com a realidade. Estudiosos afirmam que a capacitação de profissionais em aleitamento materno pode promover mudança sensível no aumento dos índices de amamentação. Assim o objetivo deste trabalho foi estudar a participação das enfermeiras da rede básica de atenção à saúde do município de Americana-SP, em atividades de promoção ao aleitamento materno, através de um estudo de caráter exploratório-descritivo de natureza quanti-qualitativa. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas semi-estruturadas, gravadas, com todas as enfermeiras das unidades atenção básica de saúde. Onde, 90,5% são do sexo feminino, todas concursadas e 61,9% residentes na cidade. Somente 19% têm filhos, dessas 100% amamentaram. A faixa etária predominante é de 22 a 30 anos de idade correspondendo à maioria absoluta (88,8%). A análise de dados foi realizada por meio de análise de conteúdo temático dos textos resultantes da transcrição das entrevistas. Após leituras exaustivas do texto...

Aplicação do Processo de Enfermagem a usuário de crack fundamentado no modelo de Betty Neuman

Wandekoken,Kallen Dettmann; Siqueira,Marluce Miguel de
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
145.69%
Objetivou-se propor uma estratégia de atenção para usuário de crack, por meio da aplicação do Processo de Enfermagem. Trata-se de estudo de caso, descritivo e exploratório com abordagem qualitativa, fundamentado em Neuman e em NANDANIC-NOC. O cenário foi o Centro de Atenção Psicossocial - Álcool e Drogas de Vitória-ES. Aplicou-se o questionário do padrão de consumo de crack, Escala de Gravidade de Dependência, Mini Internacional Neuropsychiatric Interview e Parental Bonding Instrument. Constatou-se a complexidade das situações relativas aos estressores intra, inter e extrapessoais. Foram discutidos três diagnósticos: 'conhecimento deficiente sobre o controle do uso de substâncias', 'enfrentamento ineficaz' e 'isolamento social', e sugeridas intervenções por meio de articulação entre a NIC, a NOC e a prevenção secundária de Neuman. Assim, é função primordial do enfermeiro: mobilizar os recursos do sistema - internos e externos - para estabilização e conservação da energia, de forma a fortalecer as linhas de resistência, além de considerar todas as variáveis do sistema e não só o uso do crack.

Competências na formação de Técnicos de Enfermagem para implementar a Sistematização da Assistência de Enfermagem; Competencias em la formación de Técnicos de Enfermería para implementar la Sistematización de la Atención de Enfermería; Competencies in the education of Nursing Technicians to implement the Nursing Care Systematization

Cruz, Andréa de Mello Pereira da; Almeida, Miriam de Abreu
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2010 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
135.77%
This is a qualitative, exploratory and descriptive study whose general objective was to learn, considering the perspective of the nursing technician who works in school hospitals, the competencies developed during their educational process to implement the Nursing Care Systematization (NCS). Data collection and analysis were carried out through a focal group, with content analysis and nursing technicians. Two thematic categories emerged: The participation of the nursing technician in the NCS and The competencies in the education of the nursing technician. Each one received two subcategories: Conception of the NCS and (De)valuation of the NCS, Technical-scientific competency and Competency in the interpersonal relationship, respectively. It was observed that the NCS must be shared, discussed and made public among nursing professionals, so that they may acknowledge themselves as the leading actors of their methodology and be aware that their practices determine the results.; Trata-se de pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, com o objetivo geral de conhecer, considerando a perspectiva do técnico de enfermagem que atua em hospital universitário, as competências desenvolvidas durante sua formação para implementar a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE). A coleta e análise das informações ocorreram por meio de grupo focal...

Atitudes dos profissionais de enfermagem relacionadas ao Processo de Enfermagem; Las actitudes del personal de enfermeira en relación com el Proceso de Enfermería; Attitudes of nursing staff related to the nursing process

Guedes, Erika de Souza; Turrini, Ruth Natália Teresa; Sousa, Regina Márcia Cardoso de; Baltar, Valéria Troncoso; Cruz, Diná de Almeida Lopes Monteiro da
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/10/2012 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
135.72%
Os objetivos do estudo foram descrever a disposição sobre o Processo de Enfermagem (PE) e a percepção de poder clínico dos profissionais de enfermagem; analisar associações entre atitudes relacionadas ao PE e variáveis selecionadas. Participaram 1.605 auxiliares de enfermagem e enfermeiros (86,9% mulheres, idade média 44,12 anos; DP=9,55). O escore médio no instrumento Posições sobre o Processo de Enfermagem (PPE) foi 112,37 (DP=22,28) e no Power as Knowing Participation in Change Tool - versão brasileira (PKPCT) foi 281,12 (DP= 38,72). Os escores nos instrumentos foram mais altos para enfermeiros quando comparados aos auxiliares. Houve correlação positiva moderada entre escores do PPE e PKPCT. Para os auxiliares houve associação entre os escores no PPE, sexo e pós-graduação; e entre percepção de poder e sexo. Para os enfermeiros houve associação entre PKPCT e cargo de chefia. Mais estudos devem ser desenvolvidos com vistas a identificar variáveis potencialmente associadas ao uso do Processo de Enfermagem na prática clínica.; Los objetivos del estudio fueron describir la disposición sobre el Proceso de Enfermería (PE) y la potencia clínica percibida del personal de enfermeira, y analizar las asociaciones entre las actitudes hacia el PE y variables seleccionadas. Participaron del studio 1605 auxiliares de enfermería y enfermeros (86...

Sistema de cuidado de enfermagem na perspectiva luhmanniana; Sistema de cuidado de enfermería en la perspectiva luhmanniana; The nursing care system from a Luhmannian perspective

Backes, Dirce Stein; Backes, Marli Stein; Dalcin, Camila Biazus; Erdmann, Alacoque Lorenzini
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/10/2012 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
125.71%
OBJETIVO: conhecer a comunicação socialmente relevante do sistema de enfermagem sob a perspectiva luhmanniana. MÉTODO: o processo de investigação foi baseado na teoria fundamentada nos dados. Os dados foram coletados entre fevereiro e setembro de 2011, por meio de entrevistas realizadas com enfermeiros e estudantes de enfermagem de uma universidade do Sul do Brasil. RESULTADOS: o fenômeno central - reconhecendo o cuidado de enfermagem como um fenômeno abrangente, interativo e associativo resultou do entrelaçamento de três categorias: apreendendo o contexto de cuidado como um todo, organizando o ambiente para os outros profissionais e visibilizando o cuidado interativo e associativo. CONCLUSÃO: apostar em uma comunicação socialmente relevante para a enfermagem implica o desenvolvimento de um código de diferenciação funcional, que potencialize a promoção da saúde e o viver saudável de indivíduos, famílias e comunidades.; OBJETIVO: conocer la comunicación socialmente relevante del sistema de enfermería en la perspectiva luhmanniana. MÉTODO: el proceso de averiguación fue basado en la teoría fundamentada en los datos. Los datos fueron colectados entre febrero y septiembre de 2011, por medio de entrevistas realizadas con enfermeros y estudiantes de enfermería de una Universidad del Sur de Brasil. RESULTADOS: El fenómeno central - reconociendo el cuidado de enfermería como un fenómeno abarcador...

El trabajo de enfermería en salud mental: contradicciones y potencialidades actuales; Mental health nursing work: contradictions and current potentialities; O trabalho de enfermagem em saúde mental: contradições e potencialidades atuais

Oliveira, Alice G. Bottaro de; Alessi, Neiry Primo
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2003 POR
Relevância na Pesquisa
135.69%
Este estudo teve por objetivo identificar contradições e desafios que se apresentam atualmente no trabalho de enfermagem em saúde mental, no contexto da Reforma Psiquiátrica, tendo por referência a construção histórico-social desse processo de trabalho. A Reforma Psiquiátrica pressupõe um novo desenho de objeto e instrumentos de trabalho, que são ainda pouco visíveis na prática dos enfermeiros, e a possibilidade de se alcançar a condição de sujeito-cidadão para o portador de sofrimento mental - modo de ser e finalidade do trabalho - que está diretamente relacionada à consciência de sujeito-cidadão do trabalhador de enfermagem.; Este trabajo tuvo como objetivo identificar las contradicciones y posibilidades que se presentan actualmente en el trabajo de enfermería en salud mental, en el proceso de la Reforma Psiquiátrica, basado en la construcción histórico-social de este proceso de trabajo. Se destaca que la Reforma Psiquiátrica presenta un nuevo diseño de objeto y de instrumento de trabajo que casi no se observa en el quehacer del enfermero. Sostenemos que la posibilidad de alcanzar la condición de sujeto-ciudadano del ser humano en sufrimiento psíquico, se relaciona directamente con la concientización del enfermero...

Tentativa de suicídio na adolescência: considerações sobre a dificuldade de realização diagnóstica e a abordagem do profissional de enfermagem; Intento de suicidio en la adolescencia: consideraciones acerca de la dificultad de realización diagnóstica y la aproximación del profesional de enfermería; Adolescent suicide attempt: diagnosis difficulties and how nursing professionals handle this issue

Avanci, Rita de Cássia; Pedrão, Luiz Jorge; Costa Júnior, Moacyr Lobo da
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2005 POR
Relevância na Pesquisa
155.79%
Este trabalho tece considerações sobre Tentativas de Suicídio entre adolescentes relacionado-as com os preconceitos existentes e a atual abordagem dos profissionais de enfermagem frente à questão. Foi embasado na literatura pertinente, principalmente em um estudo epidemiológico da tentativa de suicídio na adolescência, realizado numa Unidade de Emergência, e na experiência prática profissional nesta mesma Unidade, onde se convive com esses adolescentes e seus familiares. Foram abordados temas que tratam da dificuldade da realização do diagnóstico de tentativa de suicídio relacionados ao preconceito da sociedade e do papel do profissional de enfermagem frente a esse paciente.; Este estudio reflexiona sobre los intentos de suicidio entre adolescentes, relacionándolos con prejuicios existentes y cómo los profesionales de enfermería se enfrentan esta situación actualmente. La investigación tuvo como base bibliografía relevante del tema, principalmente en un estudio epidemiológico de intento de suicidio en la adolescencia, realizado en una Unidad de Emergencia así como en la experiencia de la práctica profesional de Enfermería en esta misma Unidad, a través de la convivencia con estos adolescentes y sus familiares. Los temas que aborda este artículo fueron la dificultad de efectuar el diagnóstico de intento de suicidio relacionado con los prejuicios sociales...

A IDENTIDADE DO CUIDADO DE ENFERMAGEM NA PRIMEIRA DÉCADA DO SÉCULO XXI

Ribeiro, Dâmarys Kohlbeck de Melo Neu; Maziero, Eliane Cristina Sanches; Silveira, Juliana Taques Pessoa da; Betiolli, Susanne Elero; Mercês, Nen Nalú Alves das
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 26/09/2013 POR
Relevância na Pesquisa
135.8%
Este estudo objetivou buscar evidências científicas acerca da identidade do cuidado de enfermagem na prática profissional na primeira década do século XXI. Trata-se de revisão integrativa na qual foram analisados os resumos de 335 ar tigos científicos. Prevaleceram ar tigos de pesquisa qualitativa (n=151;45,07%), realizadas no âmbito hospitalar (n=176;52,5%), na dimensão do cuidado (n=198;59,2%) e na temática saúde do adulto (n=107;31,94%). Os atributos do cuidado identificados foram agrupados em três categorias: Importância do conhecimento para a efetivação do cuidado; Sistematização do cuidado; eCuidado humanizado, pautado nas relações e interações. Na primeira década do século XXI a identidade do cuidado de enfermagem esteve pautada no conhecimento do profissional enfermeiro, na sistematização da assistência de enfermagem e na humanização do cuidado de enfermagem.

A IDENTIDADE DO CUIDADO DE ENFERMAGEM NA PRIMEIRA DÉCADA DO SÉCULO XXI

Ribeiro, Dâmarys Kohlbeck de Melo Neu; UFPR; Maziero, Eliane Cristina; UFPR; Silveira, Juliana Taques Pessoa da; UFPR; Betiolli, Susanne Elero; UFPR; Mercês, Nen Nalú Alves das; UFPR
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ;
Publicado em 01/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
135.8%
Este estudo objetivou buscar a identidade do cuidado de enfermagem na prática profissional na primeira década do século XXI. Trata-se de uma revisão integrativa, com objetivo de, na qual foram analisados os resumos de 335 artigos científicos. Prevaleceram artigos de pesquisa qualitativa (n=151;45,07%), no âmbito hospitalar (n=176;52,5%), na dimensão do cuidado (n=198;59,2%) e na temática saúde do adulto (n=107;31,94%). Os atributos do cuidado identificados foram agrupados em três categorias: importância do conhecimento para a efetivação do cuidado; sistematização do cuidado; e cuidado humanizado, pautado nas relações e interações. Na primeira década do século XXI, a identidade do cuidado de enfermagem esteve pautada no conhecimento do profissional enfermeiro, na sistematização da assistência de enfermagem e na humanização do cuidado de enfermagem.