Página 1 dos resultados de 18 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Quantificação de risco de crédito: uma aplicação do modelo CreditRisk+ para financiamento de atividades rurais e agroindustriais.; Measures of credit risk: an aplication of the creditrisk+ model to financing of farm and agribusiness activities.

Stuchi, Luciano Gabas
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/02/2004 PT
Relevância na Pesquisa
26.32%
A atividade bancária envolve em suas operações diversas formas de riscos. Dentre esses riscos está o risco de crédito, ou risco de inadimplência, presente em transações em que a instituição se torna credora. Sua mensuração exige que se tenha conhecimento da probabilidade de inadimplência associada a cada classificação. Neste trabalho são apresentadas as principais metodologias de quantificação do risco de crédito como Credit Metrics, KMV, Credit Portfolio View e CreditRisk+. Esta última metodologia, juntamente com o conceito de RAROC (Risk Adjusted Return on Capital), é aplicada a um portfólio de financiamentos rurais e agroindustriais à pessoa jurídica, evidenciando o capital econômico alocado (CEA) e o spread necessário para cobrir as perdas esperadas e inesperadas. Esse portfólio totaliza R$ 1,42 bilhões referentes ao mês de março de 2003. São construídos dois cenários com diferentes índices de inadimplência associados a cada classificação. O primeiro aproxima os percentuais de provisionamento definidos pelo Banco Central do Brasil (BACEN) para índices de inadimplência e o segundo utiliza os percentuais obtidos por uma matriz de migração de clientes vinculados às atividades rurais e agroindustriais para o período de 2000 a 2002. Observa-se como resultado que ocorre uma maior alocação de capital econômico para setores rurais e agroindustriais que possuem risco concentrado como o setor de fumo...

Análise do mercado de capitais brasileiro : enfoque para emissões de renda fixa de curto prazo : commercial papers

Costantini, Sergio Augusto
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Relevância na Pesquisa
26.32%
Trata do mercado de capitais no Brasil abordando as características das emissões locais de "Commercial Papers", tendo como objetivos a descrição do processo atual de originação, estruturação e distribuição destes valores mobiliários, como também, a identificação dos motivos pelos quais este mercado não se desenvolve no Brasil.

Nota promissoria : (estudos da lei, da doutrina e da jurisprudencia cambial brazileira)

Torres, Antonio Magarinos, 1892-1942
Fonte: Brasília : Senado Federal, Conselho Editorial Publicador: Brasília : Senado Federal, Conselho Editorial
Tipo: Livro
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.32%
Fac-sím. de: 4. edição (accrescida e actualizada). São Paulo : Saraiva, 1935.

Pré-datado é documento legal

Vidigal, Edson Carvalho
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 35624 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Entrevista concedida ao Jornal do Brasil pelo Ministro do Superior Tribunal de Justiça Edson Vidigal.; Entrevista do Ministro Edson Vidigal ao Jornal do Brasil. O Ministro fala sobre o cheque pré-datado e explica o processo, de sua responsabilidade, que reconheceu o cheque pré-datado como documento legítimo.

Títulos de Crédito

Souza, Carlos Gustavo de
Fonte: Freitas Bastos Publicador: Freitas Bastos
Tipo: Livro Formato: 58813 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. 347.735(81) S731t; Analisa o instituto de Direito Cambiário à luz da legislação vigente, tendo em vista a inserção dos tratados internacionais ratificados pelo Brasil, a fim de uniformizar as legislações aplicáveis aos títulos de crédito, em ressonância com os dispositivos internos. Fala também sobre Letras de Câmbio, Notas Promissórias, Cheque e Duplicata. Aborda ainda o Conhecimento de Depósito e Warrant, bem como o Conhecimento de Transporte, suas conseqüências, o protesto cambiário, suas conseqüências precipuamente no que tange ao direito de regresso e o procedimento executivo.

Títulos de Crédito : lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002

Rizzardo, Arnaldo
Fonte: Forense Publicador: Forense
Tipo: Livro Formato: 36861 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.32%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. Localização: 347.735(81) R627t Código de barras: STJ00064733; A obra tem por objetivo tratar da teoria geral dos títulos de crédito tendo como norte a ênfase no exame particularizado de suas várias espécies a saber: da letra de câmbio, da nota promissória, da duplicata, do cheque, dos títulos representativos de mercadorias, dos que apresentam garantias reais, como os rurais, os industriais, os comerciais, os de exportação, a cédula de crédito bancário, a hipotecária habitacional e, mais, das letras hipotecárias, das ações e debêntures das sociedades anônimas, dentre outros. O autor examina a legislação e dar uma visão ampla da doutrina e da jurisprudência nos tempos atuais sobre os diversos temas que envolvem os títulos de crédito.

Prefácio [Nota Promissória: estudos da lei, da doutrina e da jurisprudência cambial brazileira]

Monteiro Filho, Raphael de Barros
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Outros Formato: 50960 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
67.32%
Prefácio da obra Nota Promissória: estudos da lei, da doutrina e da jurisprudência cambial brasileira. Comenta que o direito cambial está sempre em evolução e que a nota promissória, instrumento de crédito simples e ágil, despontou desde logo como de uso mais corrente que a letra de câmbio.

Introdução à teoria geral dos títulos de crédito

Franciulli Netto, Domingos
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 87188 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
47%
Define os títulos de crédito que, pela própria natureza, são a letra de câmbio e a nota promissória e aqueles demais assemelhados. Enfatiza os dois princípios cardeais da teoria dos títulos de crédito: princípio de proteção ao portador de boa fé e o de garantia de circulação. Complementa sua exposição, analisando os princípios técnico-jurídicos: princípio da literalidade e carturalidade, da abstração, da autonomia e da solidariedade.

Protesto cambiário no direito comparado

Franciulli Netto, Domingos
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.32%
ACESSO RESTRITO: em respeito à Lei de Direitos Autorais, trata-se de documento de uso interno do STJ.; Discorre sobre o Direito Cambiário e declara que este pode ser dividido em dois sistemas: sistema continental e sistema anglo-americano. Descreve sobre letra de câmbio e nota promissória.

Títulos de crédito na prática : com comentários nos modelos processuais, legislação referenciada e jurisprudência atualizadas

Schiavolim Filho, Hélio
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. STJ00069294 347.735(81) S329t

Títulos de crédito e implicações jurídicas do aval, da cessão de crédito, do endosso e fiança

Seabra, Antonio Luiz Bandeira
Fonte: Vale do Mogi Publicador: Vale do Mogi
Tipo: Livro
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. STJ00090987 347.735(81) S438t (2011)

Lei Cambial comentada : letra de câmbio e nota promissória

Bimbato, José Mário
Fonte: Manole Publicador: Manole
Tipo: Livro
PT_BR
Relevância na Pesquisa
47%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à Lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. STJ00093615 347.746(81)(094) Coment. B611l (2012)

Execução e protesto de títulos de crédito

Parizatto, João Roberto
Fonte: Leme Publicador: Leme
Tipo: Livro
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. STJ00094283 347.735(81)(094) P234e (2012)

Teoria e prática do protesto [2.ed.]

Teixeira, Odelmir Bilhalva ...[et al.]
Fonte: Russell Publicador: Russell
Tipo: Livro
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra.; Localização na estante: 347.735(81) T314p 2.ed

Nota promissoria: (estudos da lei, da doutrina e da jurisprudencia cambial brazileira)

Torres, Antonio Magarinos
Fonte: Senado Federal, Conselho Editorial : Superior Tribunal de Justiça Publicador: Senado Federal, Conselho Editorial : Superior Tribunal de Justiça
Tipo: Livro Formato: xv + 618 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
47%
Fac-sím. de: 4. edição (accrescida e actualizada). São Paulo : Saraiva, 1935.

Prescripção das notas promissorias

Abranches, Frederico Cardoso de Araujo
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Direito Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Direito
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/1899 POR
Relevância na Pesquisa
26.32%

Carta enviada por Urbano de Melo para o conselheiro João Alfredo Correia de Oliveira

Melo, Urbano de
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Correspondencia Formato: 1 p.
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.82%
¹Cópia datilografada; Como diretor-tesoureiro da "Companhia Mutua de Credito Predial". Trata do desconto de uma nota promissória junto ao Banco do Brasil. Fala dos Negócios prejudicados "pela ação da política que se estendeu sobre esta capital e proibiu aos bancos efetuarem transações conosco, sob pena de serem perseguidos". Diz que são amigos e partidários do Marechal Hermes, e conclui declarando possuir poderes para fazer qualquer transação.

TÍTULOS DE CRÉDITO NO NOVO CÓDIGO CIVIL

Costa, Wille Duarte
Fonte: REVISTA DA FACULDADE DE DIREITO DA UFMG Publicador: REVISTA DA FACULDADE DE DIREITO DA UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2014 POR
Relevância na Pesquisa
26.48%
O artigo refere-se a comentários de artigos do Novo Código Civil Brasileiro que pretendem unificar o ordenamento Civil e Comercial. Infelizmente, acabou por tornar-se uma pobre imitação do Italiano Códice Civile introduzindo alguns artigos e normas absurdas. Por exemplo, o caso da irresponsabilidade endossante encontrada no artigo 914 do Novo Código. Bem, o oposto, que é a responsabilidade do endossante pelo endosso dado sempre foi aa regra adotada por todos os países, em todos os lugares e em todos os sistemas jurídicos desde que o endosso foi criado. Além disso, o Novo Código Civil contrariou todas as regras existentes, embora pretendesse fazer o oposto.Felizmente, como explicou o editor do capítulo de Instrumentos de Negociáveis, os artigos e normas do Código Civil referem-se ao instrumento negociável atípico, enquanto o instrumento típico ou nominado (nota de câmbio, nota promissória, cheque, aceitação de troca e outros) continua a ser regulado pela lei especial própria. Portanto, as normas encontradas no Novo Código Civil são inúteis em todos os sentidos.