Página 1 dos resultados de 751 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Avaliação da base genética de genótipos de soja resistentes ao nematóide de cisto (raça 3) por marcadores microssatélites

Sarti, Daniela Garcia Penha
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xvi, 85 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
37.08%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Agronomia (Genética e Melhoramento de Plantas) - FCAV; O presente trabalho objetivou a avaliação da divergência genética entre linhagens e cultivares de soja com resistência ao nematóide de cisto (NCS) através de marcadores moleculares do tipo microssatélite, a fim de identificar genótipos similares e grupos heterogêneos. Foram utilizadas 30 cultivares de soja e 10 genótipos em geração F8, todos resistentes ao NCS. As análises foram realizadas com 12 iniciadores, a saber: Satt185, Satt308, Satt187, Satt070, Satt009, Satt129, Satt154, Satt152, Satt175, Satt045, Satt162 e Satt163. As análises de dissimilaridade foram realizadas através do complemento dos coeficientes de Coincidência Simples e de Rogers e Tanimoto. Os agrupamentos foram realizados pelos Métodos de Otimização de Tocher, Vizinho mais Próximo, Vizinho mais Distante, Ward, Ligação Média Dentro de Grupo, UPGMA e WPGMA. Em adição, foram feitas as projeções no plano bi e tridimensional. Os resultados mostraram coeficientes de dissimilaridade de Coincidência Simples e de Rogers e Tanimoto com médias de 0,36 e 0,5, respectivamente. Foram observados genótipos mais semelhantes e grupos mais divergentes...

Progênies de Coffea arabica cv. IPR 100 com resistência ao nematóide Meloidogyne incognita raça 1

Kanayama,Fabio Seidi; Sera,Gustavo Hiroshi; Sera,Tumoru; Mata,João Siqueira da; Ruas,Paulo Maurício; Ito,Dhalton Shiguer
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.08%
Objetivou-se, neste trabalho, identificar progênies de Coffea arabica cv. IPR 100 com resistência ao nematóide Meloidogyne incognita raça 1. O experimento foi conduzido em casa de vegetação (Londrina, PR, Brasil) no delineamento em blocos ao acaso com 3 repetições e parcelas com 15 plantas. Foram avaliadas seis progênies da cultivar IPR 100 e a cultivar Mundo Novo IAC 376-4 foi utilizada como padrão suscetível. Foram inoculados 500 ovos por planta, totalizando 7500 ovos por parcela de 150 cm². Foi avaliado o número de galhas e massas de ovos presentes nas raízes. As seis progênies da cultivar IPR 100 foram mais resistentes ao M.incognita raça 1 do que o padrão suscetível.

Influência da densidade do solo infestado por nematoide no desenvolvimento inicial de cana-de-açúcar

Sousa,Carmem C. M. de; Pedrosa,Elvira M. R.; Rolim,Mario M.; Pereira Filho,João V.; Souza,Marcela A. L. M. de
Fonte: Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG Publicador: Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2014 PT
Relevância na Pesquisa
37.08%
Em áreas cultivadas com cana-de-açúcar no Nordeste do Brasil, a compactação do solo e a presença de altas densidades populacionais de nematoides, principalmente Meloidogyne spp. restringem severamente a produtividade agrícola. O presente estudo teve como objetivo avaliar o efeito de quatro níveis de densidade do solo infestado por nematoides da espécie M. incognita no desenvolvimento inicial da cana-de-açúcar, variedade RB 863129, em condições de casa de vegetação. As avaliações, realizadas 90 dias após a infestação do solo, se fundamentaram na altura da planta, diâmetro do colmo, número de folhas, biomassa fresca das raízes, biomassa fresca e biomassa seca da parte aérea, número de ovos do nematoide por grama de raiz. O aumento dos níveis de compactação do solo de 1,65 para 1,82 kg dm-3 proporcionou redução na multiplicação de M. incognita e aumento no comprimento do colmo da cana-de-açúcar mas não afetou as outras variáveis de desenvolvimento da planta.

Variabilidade espacial de atributos químicos do solo e relação com os danos pelo nematoide das lesões radiculares em soja.

FRANCHINI, J. C.; MORAES, M. T. de; DEBIASI, H.; DIAS, W. P.; RIBAS, L. N.; SILVA, J. F. V.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 33., 2011, Uberlândia. Solos nos biomas brasileiros: sustentabilidade e mudanças climáticas: anais. Uberlândia: SBCS: UFU: ICIAG, 2011. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 33., 2011, Uberlândia. Solos nos biomas brasileiros: sustentabilidade e mudanças climáticas: anais. Uberlândia: SBCS: UFU: ICIAG, 2011.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; 4 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.24%
O nematoide das lesões radiculares representa, atualmente, um importante desafio para a produção de soja e outras culturas de importância econômica na região Central do Brasil, devido a sua ocorrência generalizada e à ausência de cultivares resistentes e estratégias adequadas para o seu manejo. Com o objetivo de estabelecer práticas de manejo cultural para minimizar o problema, foi estabelecida na safra 2010/2011 em Vera-MT uma metodologia de estudo a campo visando o mapeamento da ocorrência dos sintomas do nematoide e sua relação com atributos químicos do solo. Os resultados indicam maior relação entre a redução de altura das plantas de soja e os valores de pH, alumínio (Al), cálcio (Ca) e magnésio (Mg) e os atributos derivados como a soma de bases (S) e a saturação por bases (V). A altura das plantas de soja apresentou melhor relação com esses atributos quando o valor limiar foi de 4,70, 0,08, 1,20, 0,49, 2,00 e 31,0 para pH, Al, Ca, Mg, S e V, respectivamente. A população de nematoides nas raízes da soja não foi relacionada com os atributos químicos ou com a altura das plantas. Os resultados sugerem que as reboleiras ocorrem nas áreas mais ácidas devido a maior suscetibilidade da cultura ao ataque dos nematoides das lesões radiculares. A correção criteriosa e homogênea da acidez do solo em áreas arenosas é uma estratégia importante para minimizar a formação de reboleiras.; 2011

Monitoramento da fertilidade do solo e da ocorrência do nematoide das lesoes radiculares em soja no Mato Grosso.

DEBIASI, H.; MORAES, M. T. de; FRANCHINI, J. C.; DIAS, W. P.; SILVA, J. F. V.; RIBAS, L. N.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 33., 2011, Uberlândia. Solos nos biomas brasileiros: sustentabilidade e mudanças climáticas: anais. Uberlândia: SBCS: UFU: ICIAG, 2011. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 33., 2011, Uberlândia. Solos nos biomas brasileiros: sustentabilidade e mudanças climáticas: anais. Uberlândia: SBCS: UFU: ICIAG, 2011.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; 4 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.24%
Recentemente, os nematoides das lesões radiculares (Pratylenchus brachyurus) têm causado danos econômicos elevados e crescentes na cultura da soja no Brasil, especialmente na região Centro-Oeste. Com o objetivo de determinar a relação de alguns atributos químicos de solo com a população e os danos ocasionados por P. brachyurus em soja na safra 2009/2010, amostras de solo foram coletadas dentro e fora das reboleiras de plantas de soja com redução de altura devido ao ataque do nematoide, nas camadas de 0,0-0,1 e 0,1-0,2 m, em oito lavouras localizadas em diferentes regiões do Mato Grosso. A intensidade dos sintomas não dependeu apenas da população de P. brachyurus, tendo em vista que a mesma foi maior nas reboleiras em apenas duas das oito lavouras amostradas. Na maioria das áreas amostradas, o pH em CaCl2, a saturação por bases e os teores de C orgânico, Ca e Mg na camada de 0,0-0,1 m foram menores nas reboleiras do que no restante da área. Esse comportamento se repetiu na camada de 0,1-0,2 m para a saturação por bases e para os teores de Ca e Mg. Em ambas as camadas, a maior parte das lavouras avaliadas apresentou maiores teores de Al nas reboleiras. Não houve correlação significativa entre a população de P. brachyurus e os atributos químicos avaliados. Assim...

Manejo do solo para controle cultural do nematoide das lesões radiculares na entressafra da soja.

DEBIASI, H.; MORAES, M. T.; FRANCHINI, J. C.; DIAS, W. P.; SILVA, J. F. V.; RIBAS, L. N.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 33., 2011, Uberlândia. Solos nos biomas brasileiros: sustentabilidade e mudanças climáticas: anais. Uberlândia: SBCS: UFU: ICIAG, 2011. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIA DO SOLO, 33., 2011, Uberlândia. Solos nos biomas brasileiros: sustentabilidade e mudanças climáticas: anais. Uberlândia: SBCS: UFU: ICIAG, 2011.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; 4 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.24%
O nematoide das lesões radiculares (Pratylenchus brachyurus) se constitui em um dos principais problemas fitossanitários da soja na Região Central do Brasil. Com o objetivo de avaliar a influência do manejo do solo na entressafra sobre a população e danos de P. brachyurus em soja, foi implantado um experimento de campo em uma área infestada com o nematoide, localizada no município de Vera/MT, sob o delineamento de blocos casualizados com parcelas subdivididas e quatro repetições. Os tratamentos principais foram: milheto ?ADR 7010?; milho ?BRS 1010?; milho ?BRS 1010? + Brachiaria ruziziensis; B. ruziziensis; B. ruziziensis; B. brizantha ?Marandu?; Crotalaria ochroleuca; C. spectabilis; C. juncea, alqueive mecânico (duas gradagens leves); alqueive químico (herbicidas); e pousio. Nas subparcelas, foram semeadas duas cultivares de soja (?TMG 131 RR? e ?BRS Valiosa RR?). A população de P. brachyurus em raízes de soja, determinada por meio de bioensaio, foi menor para os tratamentos alqueive mecânico, C. ochroleuca e C. spectabilis, diferindo de forma significativa do milho + B. ruzizensis e da B. brizantha cv. Marandu. Os demais tratamentos apresentaram um comportamento intermediário. A maior produtividade da soja foi obtida no alqueive mecânico...

Progênies superiores de soja resistentes ao tipo 3 do nematóide de cisto da soja.

OLIVEIRA, R. C. de; DI MAURO, A. O.; UNÊDA-TREVISOLI, S. H.; SANTOS, J. M. dos; OLIVEIRA, J. A. de; PERECIN, D.; ARANTES, N. E.
Fonte: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 40, n. 8, p. 745-751, ago. 2005. Publicador: Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, DF, v. 40, n. 8, p. 745-751, ago. 2005.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.35%
Os objetivos deste trabalho foram selecionar progênies superiores de soja e avaliá-las, em casa de vegetação, quanto à resistência ao nematóide tipo 3 de cisto da soja (Heterodera glycines). Foram avaliadas 222 progênies segregantes de soja, em ensaios conduzidos em campo, nos anos 1999/2000, 2000/2001 e 2001/2002, sob delineamento de blocos aumentados de Federer, e no ano 2002/2003 em blocos ao acaso, com duas repetições, tendo sido avaliados dez atributos agronômicos. No ano de 2003 foi conduzido em casa de vegetação um ensaio com 11 progênies superiores, para a avaliação de resistência ao nematóide de cisto, adotando-se delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições. Com relação aos atributos agronômicos, as progênies JAB 99-17-4-9-1 e JAB 99-40-12-1-2 destacaram-se das demais por possuir médias adequadas para a maioria dos atributos. Por sua vez, na avaliação de resistência em casa de vegetação, seis progênies revelaram-se resistentes ao nematóide de cisto da soja tipo 3.; 2005

Manejo cultural do nematoide das lesões radiculares durante a entressafra da soja no Mato Grosso.

MENDES, F. L.; ANTONIO, S. F.; DEBIASI, H.; FRANCHINI, J. C.; DIAS, W. P.; RAMOS JUNIOR, E. U.; SILVA, J. F. V.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SOJA, 6., 2012, Cuiabá. Soja: integração nacional e desenvolvimento sustentável: anais. Brasília, DF: Embrapa, 2012. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SOJA, 6., 2012, Cuiabá. Soja: integração nacional e desenvolvimento sustentável: anais. Brasília, DF: Embrapa, 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: 1 CD-ROM.; 4 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.24%
Com o objetivo de avaliar os efeitos do manejo do solo na entressafra sobre a população e danos de Pratylenchus brachyurus em soja, foi implantado um experimento em área naturalmente infestada, localizada em Vera/MT. Os tratamentos foram: alqueive mecânico (gradagem); Crotalaria ochroleuca; C. juncea; C. spectabilis; C. spectabilis + milheto ADR 300; pousio; milheto ADR 300; alqueive químico (herbicidas); Brachiaria ruziziensis; milho GNZ 2005 + B. ruziziensis; milho GNZ 2005; e B. brizantha Marandu. A população do nematoide nas raízes da soja, semeada na sequência, foi avaliada aos 45 e aos 90 dias após a semeadura (DAS). Na primeira época, o número de nematoides foi significativamente menor para os tratamentos alqueive mecânico, C. ochroleca, C. spectabilis, C. juncea e C. spectabilis + milheto ?ADR 300? e maior naqueles cultivados na entressafra com milho + B. ruziziensis, milho solteiro ou com B. brizantha Marandu. Na segunda avaliação, os tratamentos milho + B. ruziziensis e B. ruziziensis resultaram em populações maiores que os demais. A produtividade da soja correlacionou-se negativamente com o número de nematoides aos 45 DAS, o que não se repetiu para a população aos 90 DAS. Assim, práticas de manejo que reduzam a população inicial de P. brachyurus são importantes para diminuir os danos do nematoide à soja.; 2012

Seleção de genótipos de Capsicum spp. para resistência ao nematoide-das-galhas.

PINHEIRO, J. B.; RODRIGUES, C. S.; REIFSCHNEIDER, F. J. B.; PEREIRA, R. B.
Fonte: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE NEMATOLOGIA, 30., 2012, Uberlândia. Anais... Uberlândia: UFU: ICA: SBN, 2012. p. 267-268. Publicador: In: CONGRESSO BRASILEIRO DE NEMATOLOGIA, 30., 2012, Uberlândia. Anais... Uberlândia: UFU: ICA: SBN, 2012. p. 267-268.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.08%
O objetivo deste trabalho foi avaliar treze genótipos de Capsicum do programa de melhoramento da Embrapa para reação ao nematoide-das-galhas (Meloidogyne spp.).; 2012; Resumo 146.

Avaliação de progênies meia-irmãs de cenoura para tolerância ao nematoide-das-galhas.

RODRIGUES, C. da S.; PINHEIRO, J. B.; CARVALHO, A. D. F. de; VIEIRA, J. V.; PEREIRA, R. B.
Fonte: Horticultura Brasileira, Brasília, DF, v. 30, n. 2, p. S2055-S2061, jul. 2012. Publicador: Horticultura Brasileira, Brasília, DF, v. 30, n. 2, p. S2055-S2061, jul. 2012.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.08%
Objetivou-se avaliar progênics meias-irmãs de cenoura da população CNPH-605 do programa de melhoramento da Embrapa Hortaliças, em campo, para tolerância ao nematoide das galhas Meloidogyne raça 1 e M. javanica.; 2012; Suplemento. Trabalho apresentado no 52. Congresso Brasileiro de Olericultura, Salvador, 2012.

Reações de alguns cultivares de arroz de sequeiro ao nematóide das galhas, Meloidogyne javanica.

SHARMA, R. D.; PRABHU, A. S.
Fonte: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE NEMATOLOGIA, 5., 1981, Londrina. Trabalhos apresentados. Piracicaba: Sociedade Brasileira de Nematologia, 1982. Publicador: In: REUNIÃO BRASILEIRA DE NEMATOLOGIA, 5., 1981, Londrina. Trabalhos apresentados. Piracicaba: Sociedade Brasileira de Nematologia, 1982.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Formato: p. 171-182.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.08%
Com base nos resultados obtidos em levantamento na região dos Cerrados do Brasil, o nematóide causador das galhas, Meloidogyne javanica (Treub, 1885) Chitowood, 1949, foi relacionado com o crescimento irregular e grandes perdas na produção de arroz de sequeiro. Doze cultivares foram avaliados em casa-de-vegetação com variação de temperatura entre 20 a 28oC, visando a identificação de possíveis fontes de resistência a M. javanica. No ensaio, foram usados recipientes de PVC (7,5 cm de diâmetro e 20 cm de altura com fundos fechados com tela de nylon) cheios de um solo composto de 50% Latossolo Vermelho-Escuro e mais areia de rio autoclavada e adubada nos quais uma plântula de cinco dias de cada cultivar foi transplantada e inoculada com 30000 ovos/kg de solo. Dez recipientes por cultivar foram usados, sendo cinco sem inoculação. Os cultivares foram avaliados 56 dias após inoculação utilizando índices de galhos e ootecas por sistema radicular (Taylor e Sasser, 1978) e percentual redção no peso seco da parte aérea da planta e população final do solo e raiz. Os índices de galhas e ootecas variaram entre 4,8 a 5,0 e 4,6 a 5,0 respectivamente e percentual redução no peso seco da parte aéea das plantas variou de 2...

Dependência micorrízica do maracujazeiro-doce (Passiflora alata) e comportamento de mudas micorrizadas ao parasitismo do nematóide das galhas Meloidogyne incognita raça 1

Cristina Teixeira dos Anjos, Érika; Costa Maia, Leonor (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.49%
Objetivando estudar esta associação específica foram realizados três experimentos para estimar a dependência micorrízica (DM) do maracujazeiro doce (1) e avaliar o efeito do FMA no parasitismo do nematóide Meloidogyne incognita raça 1 inoculado durante o transplantio (2) e após o estabelecimento do FMA (3). Para (1) o delineamento foi inteiramente casualizado (DIC) em arranjo fatorial de 2 × 4 × 4, sendo 2 solos (desinfestado-SD ou não-SND) × 4 (inoculado ou não com 200 esporos de Scutellospora heterogama, Gigaspora albida ou FMA nativos) × 4 (8, 12, 16 e 20 mg P dm-3), 4 repetições. Os experimentos 2 e 3 foram em DIC fatorial 2 × 2 × 2 × 2, sendo 2 (SD; SND) × 2 (inoculado ou não com 200 esporos de S. heterogama) × 2 (inoculado ou não com 5000 ovos do nematóide) × 2 (períodos de inoculação do nematóide), 6 repetições. Determinou-se a biomassa seca (BS) e a DM após 65 dias (1). Após 220 dias, foram avaliadas variáveis de crescimento da planta, nematóide e FMA (2 e 3). Maiores incrementos na biomassa ocorreram com S. heterogama. O maracujazeiro-doce apresentou-se dependente da micorrização em todos os níveis de P, sendo a resposta diminuída com o aumento do P no solo (1). Mudas micorrizadas tiveram maior altura até 75 dias; efeito antagônico do nematóide foi observado na esporulação do FMA; massas de ovos/g de raiz foram reduzidas pela micorrização (2). Galhas...

Caracterização de tipo e raça de populações do nematóide de cisto da soja detectadas no município de Jataí/GO e proximidades por hospedeiros diferenciadores; Characterization of type and race of cyst nematode populations of the soybean detected in the council of Jataí/GO and close by differential hosts

Figueiredo, Adriana
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.35%
A soja é a mais importante oleaginosa em produção sob cultivo extensivo no Brasil ocupando a segunda posição mundial de produção. Paralelamente à expansão da sojicultura no Brasil, houve também um aumento dos problemas fitossanitários, entre eles o nematóide de cisto da soja (NCS), Heterodera glycines Ichinohe, 1952. A classificação dos fitoparasitos e em particular do NCS em raças, biotipos ou patotipos mediante a utilização de um sistema confiável, é fundamental para a busca de cultivares resistentes. Portanto, o conhecimento da diversidade genética do NCS de uma determinada região, é necessário para direcionar o programa de melhoramento para a obtenção de genótipos resistentes. O presente trabalho teve como objetivo a caracterização de raças e tipos do NCS do município de Jataí/GO por hospedeiros diferenciadores. O ensaio foi conduzido em casa de vegetação em delineamento experimental inteiramente casualizado seguindo o esquema fatorial 10x9 (10 hospedeiros diferenciadores x 9 populações do nematóide) e seis repetições. A semeadura dos hospedeiros diferenciadores e das cultivares usadas como padrão de suscetibilidade e de resistência ocorreu em caixas de gerbox mantidas em estufa BOD por 5 dias a 25ºC até a emissão da radícula. O transplante foi feito para tubetes plásticos preenchidos com uma mistura de solo+areia...

Interação entre diferentes níveis populacionais iniciais de Pratylenchus brachyurus e cultivares de soja no desenvolvimento da planta e na reprodução do nematóide; Interaction between differents initial population levels of Pratylenchus brachyurus and soybean cultivars in plant growth and nematode reproduction

Silva, Rafaela Bernardes
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.68%
Devido ao dano significativo que Pratylenchus brachyurus causa à cultura da soja, o presente trabalho teve como objetivo estudar o efeito de diferentes níveis populacionais iniciais desse nematóide em cultivares de soja, verificando o desenvolvimento da planta e a reprodução do nematóide, sob condições de casa de vegetação. O delineamento experimental foi o inteiramente ao acaso, em esquema fatorial 6x8, que consistiu de seis níveis populacionais iniciais do nematóide (0, 50, 75, 100, 250 e 500 ovos, juvenis e/ou adultos de P.brachyurus) e oito cultivares de soja, com sete repetições. As cultivares de soja utilizadas foram: BRS Valiosa RR; BRSMG 68 [Vencedora]; M 8360 RR; MG/BR 46 (Conquista); BRS Sambaíba; BRS Favorita RR; M-SOY 6101 e BRSMG 750SRR. O inóculo do nematóide foi obtido a partir de raízes de milho infectadas. A semeadura da soja ocorreu em vaso plástico, com capacidade de 1,5 L, preenchido com substrato constituído de areia e solo, na proporção de 2:1. Vinte dias após a semeadura, foi realizada a inoculação do nematóide, obedecendo aos diferentes níveis populacionais iniciais. Diariamente, as plantas e o substrato foram regados e, quinzenalmente, ao substrato adicionou-se solução nutritiva. A avaliação do ensaio ocorreu 70 dias após a inoculação...

Progênies de Coffea arabica cv. IPR 100 com resistência ao nematóide Meloidogyne incognita raça 1

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
PT
Relevância na Pesquisa
37.08%
Objetivou-se, neste trabalho, identificar progênies de Coffea arabica cv. IPR 100 com resistência ao nematóide Meloidogyne incognita raça 1. O experimento foi conduzido em casa de vegetação (Londrina, PR, Brasil) no delineamento em blocos ao acaso com 3 repetições e parcelas com 15 plantas. Foram avaliadas seis progênies da cultivar IPR 100 e a cultivar Mundo Novo IAC 376-4 foi utilizada como padrão suscetível. Foram inoculados 500 ovos por planta, totalizando 7500 ovos por parcela de 150 cm². Foi avaliado o número de galhas e massas de ovos presentes nas raízes. As seis progênies da cultivar IPR 100 foram mais resistentes ao M.incognita raça 1 do que o padrão suscetível.

Pratylenchus coffeae em cafeeiros: efeito de densidades populacionais do nematóide e testes com genótipos. ; Pratylenchus coffeae in coffee plants: effect of initial population densities and tests with genotypes.

Tomazini, Melissa Dall'Oglio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
37.49%
O nematóide das lesões Pratylenchus coffeae é um dos principais parasitos do cafeeiro e de outras culturas e sua variabilidade biológica, que dificulta a adoção de métodos de controle, contribui para aumentar a sua importância no Brasil. Pela importância da cafeicultura e a falta de estudos com esse nematóide no Brasil, foram realizados experimentos com dois de seus isolados (K5 e M2), com os objetivos de correlacionar densidades populacionais do nematóide aos danos causados e estabelecer possíveis fontes de resistência de cafeeiros ao isolado K5. Foram testadas diferentes densidades populacionais iniciais do isolado M2 em plantas (seis pares de folhas) e plântulas (dois pares de folhas) do cafeeiro arábico ‘Catuaí Vermelho’. As densidades populacionais utilizadas foram de 0, 333, 1.000, 3.000 e 9.000 nematóides por plântula ou planta. A avaliação ocorreu aproximadamente cinco (plântulas) e sete (plantas) meses após a inoculação. Os resultados mostraram que houve uma acentuada redução do crescimento das plântulas, bem como massa fresca das raízes e massa seca da parte aérea, já a partir das densidades mais baixas. A variação populacional (Pf/Pi) foi menor que um (1,0) para todas as densidades de inóculo...

Estudo da interação entre Coffea arabica e o nematoide da galha meloigogyne incognita : identificação da resistência e caracterização por histopatologia e genômica funcional; Étude de l'interaction entre Coffea arabica et le nematode a galles Meloidogyne incognita : identification de la résistance et caracterisation par histopathologie et genomique fonctionnelle

Freire, Érica Valéria Saliba Albuquerque
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.08%
Os nematoides da galha do gênero Meloidogyne provocam perdas importantes na produção de numerosas plantas de interesse agronômico, como o cafeeiro (Coffea arabica). Neste trabalho foi identificado o acesso UFV 408-28 de C. arabica resistente à M. incognita e foram caracterizadas as respostas de resistência da planta nos níveis histológico e molecular. A resistência do genótipo UFV 408-28 se exprime por uma reação do tipo hipersensível (RH), com morte celular no local da infecção. A infecção por M. incognita é bloqueada antes de haver a formação de sítios de alimentação. Na planta suscetível (IAC15), o desenvolvimento do nematoide prossegue até a produção de ovos nas galhas, sendo que o ciclo se completa em aproximadamente 45 dias. O estudo comparativo das respostas moleculares dos dois genótipos entre 4 e 6 dias após infecção mostraram uma especificidade da expressão dos genes associados à RH ou à suscetibilidade. No genótipo resistente, a expressão de genes ligados à via de resistência dependente do ácido salicílico, ou à via dos compostos fenilpropanoides, é particularmente modificada. A identificação dos genes implicados na expressão da resistência pode ser utilizada no desenvolvimento de marcadores de seleção para o melhoramento de variedades comerciais de cafeeiro. Em paralelo...

Intervalo de confianca "bootstrap" como ferramenta para classificar racas do nematoide de cisto da soja.

PEREIRA, J.E.; SILVA, J.F.V.; DIAS, W.P.; SOUZA, G. da S. e.
Fonte: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.35, n.2., p.271-275, fev. 2000. Publicador: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.35, n.2., p.271-275, fev. 2000.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.08%
Estimativas "bootstrap" da media aritmetica dos genotipos de soja 'Pickett', 'Peking', PI88788 e PI90763 e os intervalos de confianca obtidos pela teoria normal e atraves da distribuicao "bootstrap" deste estimador, como o percentil "bootstrap" e o BCa, correcao para o vies e aceleracao, do parametro de diferenciacao da cultivar padrao de suscetibilidade Lee sao utilizados para classificar racas do nematoide de cisto da soja. Os intervalos de confianca obtidos a partir da distribuicao "bootstrap" apresentaram menor amplitude e foram similares, dessa forma, o limite inferior do intervalo de confianca percentil "bootstrap" foi tomado como nivel de referencia nas distribuicoes "bootstrap" do estimador da media aritmetica dos genotipos diferenciadores, permitindo o estimar a probabilidade empirica de uma reacao positiva ou negativa, e, consequentemente, identificar a raca mais provavel sob determinado teste.; 2000

Caracterizacao molecular de populacoes do nematoide-de-cisto-da-soja com diferentes indices de parasitismo na cultivar Hartwig.

ABDELNOOR, R.V.; DIAS, W.P.; SILVA, J.F.V.; MARIN, S.R.R.; KIIHL, R.A. de S.
Fonte: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.36, n.2, p.331-337, fev. 2001. Publicador: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.36, n.2, p.331-337, fev. 2001.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.24%
Recentemente, foi descoberta uma raça do nematóide-de-cisto-da-soja (NCS; Heterodera glycines) que apresentou a capacidade de quebrar a resistência da cultivar Hartwig, até então considerada resistente a todas as raças conhecidas do nematóide. Essa população foi coletada no Município de Sorriso, Estado do Mato Grosso, e foi caracterizada como raça 4. Para verificar a diversidade genética entre esta e outras populações pertencentes às raças 4 e 9, foi feita uma caracterização molecular pela técnica de marcadores moleculares RAPD. Foram utilizadas nove populações do NCS, das quais quatro apresentavam a capacidade de parasitar 'Hartwig'. Foi verificado que as populações capazes de parasitar 'Hartwig' foram bastante diferentes das demais. Por meio de análise de agrupamento, com base nas distâncias genéticas encontradas, foram obtidos três grupos: o primeiro, constituído por indivíduos classificados como raça 4, mas que não parasitam 'Hartwig'; o segundo, constituído por quatro populações capazes de parasitar 'Hartwig', e o terceiro, por apenas uma população, classificado como raça 9, e que também não parasita 'Hartwig'. Este estudo confirmou que a população de NCS, encontrada em Sorriso, é geneticamente distinta das demais populações da raça 4 encontradas e constitui uma nova raça...

Intervalo de confianca "Bootstrap" como ferramenta para classificar racas do nematoide de cisto da soja.

PEREIRA, J.E.; SILVA, J.F.V.; DIAS, W.P.; SOUZA, G. da S. e
Fonte: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.35, n.2, p.271-275, fev.2000. Publicador: Pesquisa Agropecuaria Brasileira, Brasilia, v.35, n.2, p.271-275, fev.2000.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.08%
Estimativas "bootstrap" da media aritmetica dos genotipos de soja 'Pickett', 'Peking', PI88788 e PI90763 e os intervalos de confianca obtidos pela teoria normal e atraves da distribuicao "bootstrap" deste estimador, como o percentil "bootstrap" e o BCa, correcao para o vies e aceleracao, do parametro de diferenciacao da cultivar padrao de suscetibilidade Lee sao utilizados para classificar racas do nematoide de cisto da soja. Os intervalos de confianca foram obtidos a partir da distribuicao 'bootstrap" apresentaram menor amplitude e foram muito similares, dessa forma, o limite inferior do intervalo de confianca percentil "bootstrap" foi tomado como nivel de referencia nas distribuicoes "bootstrap" do estimador da media aritmetica dos genotipos diferenciadores, permitindo estimar a probabilidade empirica de uma reacao positiva ou negativa, e, consequentemente, identificar a raca mais provavel sob determinado teste.; 2000